FULL

TEXT



mídia

8137316 matching pages

Results 1-100

https://pt.wikipedia.org/wiki/M%C3%ADdia_alternativa
  Mídia alternativa – Wikipédia, a enciclopédia livre Mídia alternativa Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Comunicação Tipos Social Massa Interpessoal Intrapessoal Verbal Não verbal Visual Audiovisual Segmentada Redes Ciberespacial Não violenta Meios Cartaz Cinema Correio Fanzine Internet Jornal Livro Outdoor Outbus Panfleto Podcast Banda desenhada Rádio Revista Televisão ... Mídia alternativa – Wikipédia, a enciclopédia livre Mídia alternativa Origem: Wikipédia ... informação Grande mídia Imperialismo cultural Inclusão digital Mídia alternativa Mídia independente ... Pesquisa Mental de Palo Alto Teoria funcionalista UNESCO Categoria v • e A mídia alternativa ou também mídia contra-hegemônica (mas não mídia independente ) é o conjunto dos veículos de comunicação ... . A imprensa alternativa faz parte da mídia alternativa, sendo sua vertente de mídia impressa . Os CACHE

Mídia alternativa – Wikipédia, a enciclopédia livre Mídia alternativa Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Comunicação Tipos Social Massa Interpessoal Intrapessoal Verbal Não verbal Visual Audiovisual Segmentada Redes Ciberespacial Não violenta Meios Cartaz Cinema Correio Fanzine Internet Jornal Livro Outdoor Outbus Panfleto Podcast Banda desenhada Rádio Revista Televisão Vídeo Profissões Assessoria Design gráfico Editoração Jornalismo Produção audiovisual Produção cultural Produção editorial Publicidade Radialismo Relações públicas Roteiro Disciplinas Análise do discurso Análise de conteúdo Cibercultura Dialética Economia da informação Estudos culturais Hermenêutica Linguística Marketing Memética Retórica Semiótica Teoria da comunicação Teoria das mediações Teoria da propaganda Conceitos Agendamento Audiência Censura Ciberespaço Cultura Cultura de massa Espiral do silêncio Evento midiático Imagem Imprensa Indústria cultural Informação Interatividade Linguagem Meios de comunicação social Propaganda Signo Símbolo Texto Veículos Elementos Canal Código Contexto Emissor Feedback Meio Mensagem Processo Receptor Repertório Ruído Temas e Questões Limitação de Internet Banda Larga Convergência tecnológica Democratização da comunicação Fluxo de informação Grande mídia Imperialismo cultural Inclusão digital Mídia alternativa Mídia independente Sociedade da informação Pós-modernidade Tecnologia Animação Ethernet Hipermídia Máquina de escrever Microfone Novas tecnologias de informação Podcasting Radiodifusão Radiotelefonia Satélite Telecomunicações Teledifusão Telefonia Telegrafia Videocassete Escolas Estruturalismo Escola de Frankfurt Instituto de Pesquisa Mental de Palo Alto Teoria funcionalista UNESCO Categoria v • e A mídia alternativa ou também mídia contra-hegemônica (mas não mídia independente ) é o conjunto dos veículos de comunicação que se contrapõem a uma hegemonia , ou posição política dominante – e, em alguns casos, repressora . A imprensa alternativa faz parte da mídia alternativa, sendo sua vertente de mídia impressa . Os diversos núcleos de produção de mídia alternativa são uma força relevante na nova forma de comunicação que vem se constituindo. Partindo da insatisfação com as mídias corporativas, que segundo alguns seriam comprometidas com os 'interesses do capital ', esses movimentos visam oferecer uma outra maneira de pensar a função transgressiva da comunicação , sendo tudo isso feito com um aparato técnico mínimo e custos irrisórios. Seus principais veículos de comunicação são a Internet , as rádios comunitárias , jornais de baixa circulação e fanzines . A mídia alternativa é um suporte para o jornalismo alternativo , mas não deve ser tomada como sinônimo deste, já que pode circular diversos conteúdos não-jornalísticos, como propaganda , opiniões , dados científicos e formas de expressão cultural como arte , poesia e música . A mídia alternativa, de forma geral, costuma enfrentar problemas como perseguição política (principalmente no contexto de regimes autoritários), falta de fontes de financiamento (com poucos anunciantes interessados em investir em mídia de baixa circulação ou alcance restrito, ou ainda receosos de se associar a causas ideológicas) e ataques à sua credibilidade, sob o argumento de que veículos alternativos não são confiáveis. Também sofrem com a falta de profissionais dispostos a atuar na área (em geral, de baixa remuneração e zero lucratividade), o amadorismo e a falta de capacidade técnica, tanto por não dispor de equipamentos atualizados quanto por pouca infraestrutura local de comunicação . Índice 1 Posições políticas 2 Brasil 3 Mídia das fontes 4 Publicidade 5 Mídia tática 5.1 Mídias sob demanda 6 Referências 7 Ver também Posições políticas [ editar | editar código-fonte ] Em contextos de regimes políticos autoritários, a mídia alternativa procura fornecer informações no sentido de promover a democracia e o livre pensamento, associando-se à pluralidade de opiniões e à horizontalidade de opiniões e informações. Com várias denominações diferentes, como mídia tática , mídia independente ou mídia sob demanda , essas mídias muitas vezes têm ligações com movimentos sociais. Diversos exemplos de mídia Apesar de já ter havido várias manifestações, o movimento das 'mídias alternativas' em âmbito global tomou um novo vulto com o surgimento do Centro de Mídia Independente (em inglês, Indymedia ). Embora o rótulo de 'alternativo' seja costumeiramente atribuído a posições ideológicas de esquerda , pode haver mídia alternativa de qualquer ideologia, inclusive de direita . Em contextos como uma possível sociedade socialista, uma parte da imprensa dissidente provavelmente defenderá valores de direita, como livre mercado e privatização . Um exemplo de mídia alternativa direitista eram os samizdati que circulavam na União Soviética nos anos 1960 e 1970 . Brasil [ editar | editar código-fonte ] No Brasil, exemplos de mídia alternativa podem ser traçados desde a época colonial , quando a imprensa era proibida pela Coroa Portuguesa mas mesmo assim eram produzidas folhas (manuscritas ou impressas artesanalmente) para circulação de ideias ' conjuradas ' (ou, como seriam chamadas mais tarde, ' subversivas '). No Império , a imprensa alternativa floresceu, principalmente no Primeiro Reinado , com a publicação de um número incalculável de pasquins , panfletos e folhas avulsas que defendiam interesses dispersos e imediatos. Praticava-se mais a propaganda ideológica ou política do que o jornalismo . Tinham existência efêmera: logo depois de concretizadas suas causas ou atingidos seus objetivos, esses pasquins paravam de circular. Essas folhas eram mais frequentes em períodos de crise, como a pressão para a abdicação de D. Pedro I (1831), a maioridade de D. Pedro II (1840) e a proclamação da República (1889). A ditadura de Getúlio Vargas também viu nascer uma nova leva de jornais da imprensa alternativa, como O Homem do Povo , de Oswald de Andrade e Pagu . Boa parte da mídia alternativa nessa época era ligada ao Partido Comunista Brasileiro , ou feita por simpatizantes socialistas. O regime militar de 1964 provavelmente viu o período mais fértil da mídia alternativa no Brasil, já que a censura sistemática à imprensa (inclusive à mídia corporativa, que apoiou o golpe) inspirava e criava demanda por informação crítica ou contrária aos interesses oficiais. Jornais como Opinião , Movimento , O Sol , Jornal da República , a revista Cadernos do Terceiro Mundo e muitos outros tentaram levar informações, análises e comentários dissidentes para o público, mas a maior parte teve vida curta. Por essa época, também começaram a se disseminar as rádios piratas e as comunitárias (tipos diferentes de rádio), facilitados pela disseminação da tecnologia de transmissores . Mídia das fontes [ editar | editar código-fonte ] Outro tipo de mídia às vezes chamada de 'alternativa' são os veículos geridos pelas próprias fontes, como a institucional, ligadas a organizações públicas ou privadas, e a legislativa, [ 1 ] ligadas aos parlamentos. Alguns dos objetivos destas são justamente a busca de alternativas ao corte editorial da mídia tradicional e o estabelecimento de uma ligação direta entre a fonte e o seu público. Publicidade [ editar | editar código-fonte ] A mídia alternativa é também caracterizada no âmbito publicitário como um espaço para veiculação de anúncios de publicidade e propaganda em locais inusitados e ou fora do habitual. Esses anúncios podem, também, interagir com o público. São exemplos de mídia alternativa: Impressos em Papel Higiênico Motomídia Busdoor Bikedoor Motodoor Aquadoor Mídia em metrô Anúncios feitos com tatuagens Anúncios em novas tecnologias E quaisquer outros que venham a estar fora do quadro comum de meios e veículos de comunicação Mídia tática [ editar | editar código-fonte ] Ver artigo principal: Mídia tática 'Embora as mídias táticas incluam mídias alternativas, não estamos restritos a esta categoria. De fato, nós introduzimos o termo tático para romper e ir além das rígidas dicotomias que têm restringido o pensamento nesta área por tanto tempo.' (GARCIA & LOVINK, 2003) Com sua sede em Amsterdã , na Holanda , onde ocorre a conferência Next Five Minutes (Próximos Cinco Minutos), as mídias táticas não se constituem como uma organização de produções alternativas, mas sim como um conceito que abarca uma série de manifestações independentes, de qualquer categoria (intelectuais, jornalísticas, estéticas etc) até mesmo offline , como teatro de rua . Vários sítios são considerados mídia tática, inclusive o CMI. A manifestação prática do Mídia Tática são os laboratórios de mídia, os Tactical Media Labs , que pretendem fomentar a formação de mídias independentes. Mídias sob demanda [ editar | editar código-fonte ] São aquelas que procuram atender a uma demanda de informações que alguns consideram ignoradas pelas corporações midiáticas, as chamadas mídias sob demanda. Elas se caracterizam por atender necessidades específicas dos mais variados tipos: desde disponibilização de sítios e links relacionados a determinado assunto (como o Rizoma , o sindominio e o samizdat ), a incubadoras de projetos (como o projeto Meta:fora, o MetallosMediaLab e o Co:Lab, desdobramento do Meta:fora). Esses movimentos ativam a socialização do conhecimento através da disponibilização de textos e idéias de forma reorganizada, a partir de um foco de leitura possível, e, principalmente, fazendo a informação circular e produzir novas idéias. Uma grande parte das manifestações de mídias sob demanda no Brasil se faz através de rádios comunitárias, que procuram discutir os problemas de grupos excluídos, como as favelas e os menores abandonados. A midia alternativa vai muito alem de um busdoor, web, publicidade em paraquedas, sinal de fumaça ou cartaz! Ela tem que se adaptar ao conceito do produto, a idéia que o anúncio quer passar, o que define a midia tem que ser a estrategia. existem ainda muitas mídias a serem explorada. MIDIA EXTERIOR: è a denominação generica dos meios de comunicação que expõem propagadas ao ar livre. A mídia exterior tem apresentado significativo crescimento no meio publicitario nacional. ALGUMAS FORMAS DE MIDIA EXTERIOR : Outdoor, busdoor, taxidoor, painel digital, Motomídia, Ekomídia, empena. painel rodoviario, protetor de arvore, barreira de pedestre, lixeira, etc. Nesses meios, a mensagem é dirigida aos usuários de rodovias e a população urbana. O consumidor em movimento esta indefeso a essa mídia, isto é, todo mundo vê, não se paga por isso. Referências ↑ [1] GARCIA, D. & LOVINK, G. ABC da mídia tática. Texto visitado em www.multitudes.net Ver também [ editar | editar código-fonte ] Jornalismo alternativo Mídia independente Mídia tática Novas tecnologias de informação e comunicação Obtida de ' https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Mídia_alternativa&oldid=48652718 ' Categorias : Mídia alternativa Jornalismo Menu de navegação Ferramentas pessoais Não autenticado Discussão Contribuições Criar uma conta Entrar Domínios Artigo Discussão Variantes Vistas Ler Editar Editar código-fonte Ver histórico Mais Busca Navegação Página principal Conteúdo destacado Eventos atuais Esplanada Página aleatória Portais Informar um erro Loja da Wikipédia Colaboração Boas-vindas Ajuda Página de testes Portal comunitário Mudanças recentes Manutenção Criar página Páginas novas Contato Donativos Imprimir/exportar Criar um livro Descarregar como PDF Versão para impressão Ferramentas Páginas afluentes Alterações relacionadas Carregar ficheiro Páginas especiais Hiperligação permanente Informações da página Elemento Wikidata Citar esta página Noutros idiomas العربية مصرى বাংলা Català English Español Eesti فارسی Suomi Français Italiano 한국어 മലയാളം नेपाली Norsk Русский Svenska Türkçe 中文 Editar hiperligações Esta página foi editada pela última vez à(s) 00h53min de 26 de abril de 2017. Este texto é disponibilizado nos termos da licença Creative Commons - Atribuição - Compartilha Igual 3.0 Não Adaptada (CC BY-SA 3.0) . pode estar sujeito a condições adicionais. Para mais detalhes, consulte as condições de uso . Política de privacidade Sobre a Wikipédia Avisos gerais Programadores Declaração sobre cookies Versão móvel



http://brazil.mom-rsf.org/br/
  Quem controla a mídia no Brasil? Quem controla a mídia no Brasil? Quem são? Afiliações políticas Outros negócios Mídias Participação religiosa Transparência? São Paulo, centro do poder midiático twitter facebook email Quem controla a mídia no Brasil? A mídia independente e plural é condição indispensável para um sistema político democrático. Afinal, se os conteúdos que circulam pelos meios de comunicação ... Quem controla a mídia no Brasil? Quem controla a mídia no Brasil? Quem são? Afiliações políticas ... twitter facebook email Quem controla a mídia no Brasil? A mídia independente e plural é condição ... controlam. Busca também produzir indicadores do risco ao pluralismo e à independência da mídia ... resultado indica alerta vermelho . Nosso sistema de mídia mostra alta concentração de audiência e de ... , políticas e religiosas. Foram analisados 50 veículos em quatro segmentos (TV, rádio, mídia CACHE

Quem controla a mídia no Brasil? Quem controla a mídia no Brasil? Quem são? Afiliações políticas Outros negócios Mídias Participação religiosa Transparência? São Paulo, centro do poder midiático twitter facebook email Quem controla a mídia no Brasil? A mídia independente e plural é condição indispensável para um sistema político democrático. Afinal, se os conteúdos que circulam pelos meios de comunicação influenciam a formação da opinião pública, o que esperar se não há diversidade de informações e de pontos de vista? A partir dessa premissa, o MOM-Brasil tem o objetivo de mapear os veículos de maior audiência – que têm maior potencial de influenciar a opinião pública – e os grupos que os controlam. Busca também produzir indicadores do risco ao pluralismo e à independência da mídia. Entre eles estão a concentração da audiência, a concentração da propriedade e a existência ou não de controles externos. Outro indicador é a transparência: o risco ao pluralismo se torna ainda maior quando não fica claro para a audiência – e mesmo para os jornalistas - quem tem controle sobre cada veículo, que outros negócios possuem e que interesses podem guiar a produção das notícias. No Brasil, o resultado indica alerta vermelho . Nosso sistema de mídia mostra alta concentração de audiência e de propriedade, alta concentração geográfica, falta de transparência, além de interferências econômicas, políticas e religiosas. Foram analisados 50 veículos em quatro segmentos (TV, rádio, mídia impressa e online), que pertencem a 26 grupos de comunicação. Os resultados estão neste site, na forma de um banco de dados com informações sobre os veículos, as empresas, seus proprietários e dos indicadores e temas em destaque. Bancos de dados Mídia Proprietários Destaques Concentração A hegemonia da concentração sem limites Os indicadores de riscos à pluralidade na mídia no Brasil apontam para um cenário preocupante: a elevadíssima concentração. mais Mídia e Religião Participação religiosa na mídia A mídia brasileira não só possui muitas relações religiosas, como essas relações se resumem basicamente ao cristianismo em suas vertentes católica e evangélica mais Regulação Lacunas legais O Brasil tem um marco legal antigo, permissivo e ineficaz na promoção da pluralidade e diversidade de vozes. mais Indicadores de Riscos à Pluralidade da Mídia Concentração de Audiência Risco alto Concentração (financeira) de Mercado Sem dados Proteção legal: concentração de propriedade (horizontal) RISCO ALTO Concentração de propriedade cruzada RISCO ALTO Proteção legal: propriedade cruzada RISCO MÉDIO Transparência na propriedade da mídia RISCO MÉDIO PARA ALTO Proteção legal: transparência no controle da mídia RISCO ALTO Controle Político Sobre Veículos e Redes de Distribuição RISCO MÉDIO PARA ALTO Controle Político do Financiamento da mídia RISCO ALTO Controle Político de Agências de Notícias RISCO ALTO Leia mais no projeto global (em inglês) Media Ownership Monitor Brasil pt en SearchSearch ≡ O Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social é uma organização que trabalha pela efetivação do direito humano à comunicação no Brasil. Para o Intervozes, o direito à comunicação é indissociável do pleno exercício da cidadania e da democracia: uma sociedade só pode ser chamada de democrática quando as diversas vozes, opiniões, culturas e raças que a compõem têm espaço para se manifestar. Mídia Rádio TV Mídia Impressa Online Proprietários Pessoas Grupos de mídia Contexto História Sociedade Sistema Político Economia Consumo de Mídia Marco Legal Destaques Indicadores Concentração Interesses empresariais Transparência Afiliações políticas Mídia e Religião Publicidade estatal Lacunas legais Concentração geográfica Sobre Perguntas Frequentes Metodologia Equipe Biblioteca Projeto global (inglês) Contato Intervozes - Coletivo Brasil de Comunicação Social Rua Rego Freitas, 454 - Cj. 92 - 9º andar São Paulo - CEP 012200-010 Brasil +55 11 3877-0824 Para sugerir correções ou acréscimos de informações neste site, escreva para: mom@intervozes.org.br Para organizar um debate sobre a Propriedade da Mídia no Brasil escreva para: mom@intervozes.org.br © 2018 Contato Mapa do Site Aviso legal Search EN BR Projeto por Financiado por Mídia Rádio TV Mídia Impressa Online Proprietários Pessoas Grupos de mídia Contexto História Sociedade Sistema Político Economia Consumo de Mídia Marco Legal Destaques Indicadores Concentração Interesses empresariais Transparência Afiliações políticas Mídia e Religião Publicidade estatal Lacunas legais Concentração geográfica Sobre Perguntas Frequentes Metodologia Equipe Biblioteca Projeto global (inglês) Contact EN BR close Search



http://brasilmobilizado.blogspot.com/
  BRASIL MOBILIZADO skip to main | skip to sidebar 2 de abril de 2016 O GOLPE JÁ ACONTECEU! Por Júlio Pegna Estive nas manifestações dos dias 18 e 31 de Março. Ao lado de movimentos sociais organizados, sindicatos, associações, jovens, velhos, pobres e ricos. Vi de tudo na rua. Foram manifestações populares porque havia povo. Bem diferente das marchas contra a Democracia. Mas há uma coisa em comum nos ... na mídia comparando Marina a Lula, ambos com origens bem humildes e histórias de vida comoventes ... lados de uma mesma moeda simulando conflito. ao fim e ao cabo, um apoiará o outro e ambos tem a Mídia ... ruas de Caracas - Chávez insistia sempre que eram milhares os mortos - esta mídia que faz o maior ... , enfrentando todas as ações de desestabilização emanadas pela Casa Branca, ecoadas pela mídia internacional. Assim, é muito explicativo observar que a mídia brasileira, especialmente aquela que apoiou o CACHE

BRASIL MOBILIZADO skip to main | skip to sidebar 2 de abril de 2016 O GOLPE JÁ ACONTECEU! Por Júlio Pegna Estive nas manifestações dos dias 18 e 31 de Março. Ao lado de movimentos sociais organizados, sindicatos, associações, jovens, velhos, pobres e ricos. Vi de tudo na rua. Foram manifestações populares porque havia povo. Bem diferente das marchas contra a Democracia. Mas há uma coisa em comum nos dois movimentos, os de direita e de esquerda: são românticos e deixam a sensação de que o poder emana do povo. Balela! O golpe aconteceu há 2 anos num posto de gasolina com a prisão de Alberto Youssef. Daí o nome Lava Jato. Foi nesse dia que começou a se arquitetar o plano de destituição de um governo popular eleito na urna, com participação de todas as tendências políticas. Limpo. Não tenho dúvidas que exista uma articulação com financiamento internacional que pretende se apoderar de uma riqueza imensa, algo em torno de 8 trilhões de dólares, em forma de um liquido preto viscoso. Petróleo. Não existe um país no mundo em que sua justiça destrua empresas em nome do que quer que seja. Aqui, na contramão, a Lava Jato operou para desvalorizar a Petrobras e as empreiteiras. Raciocine comigo: a maior empreiteira do Brasil é a Norberto Odebrecht, mas foi a última ser incluída na investigação. Deveria ter sido a primeira. Estratégia? Óbvio! O desmonte começou com as menores cujas obras se espalham pelo Brasil inteiro. Meticulosamente planejado. Em consequência, caiu a atividade econômica e o índice de emprego. Cai a arrecadação e o dólar dispara. Os preços internacionais aumentam e surge a inflação dos importados. As contas públicas se desequilibram e a crise não para de crescer. Quem entende um pouco de economia sabe que a queda do PIB não foi obra dos atos do governo, mas de um boicote sistemático à arrecadação e ao emprego. A lógica é simples, mas muito, muito bem arquitetada. Sempre enxerguei Sergio Moro como um ser incapaz de colocar em prática um plano desses. Nem os meninos do Ministério Público Federal de Curitiba. São da área do direito, não entendem de mercado, de cotações, de imaginário popular, de manobrar massas. Quem, então? A CIA, a Globo, a FIESP, os bancos, ou todos em conjunto. Não importa quem, mas há marqueteiros sagazes por trás do golpe. Uma inteligência nociva, obscura, oculta, nos porões. Manipulam dinheiro e seus interesses estão acima da democracia, da liberdade, da individualidade. Eles se lixam para você! Onde quero chegar? Está claro que atingimos um ponto onde há uma profunda divisão da sociedade. Não é relevante, neste momento, culpar este ou aquele, saber quem é o arquiteto ou de onde vem o dinheiro. Estamos diante de uma crise que, em algum momento, vai alcançar o ponto crucial: Ou Dilma cai ou fica! Levar milhões de pessoas às ruas pedindo pra sair ou ficar não decide o futuro político do país, não nos tira nem aprofunda a crise. Não resolve. É cair ou ficar! Quem decide é o Congresso Nacional. Para um lado ou para o outro. Não há meio termo, não há saída intermediária. Haverá insatisfação dos perdedores. Seja um ou outro. O que virá depois? Nas ruas, na manifestação das esquerdas, o grito #NaoVaiTerGolpe vem seguido de outro: #VaiTerLuta. Nas passeatas da direita, há um ódio incontrolável, um desejo de extirpar a esquerda e a demonstração de que haverá violência se não alcançarem o objetivo. É isso que preocupa. A Luta. O sangue. As vítimas que saíram às ruas de forma romântica acreditando que sua voz pode ser ouvida. A sensação que tenho é que não haverá controle sobre as consequências, depois que Dilma cair ou ficar. Estamos às vésperas de escrever páginas violentas de nossa história, com sangue e destruição. Se Dilma ficar – é isso que espero e vou defendê-la até o fim –, os mentores intelectuais do golpe vão jogar na rua sua massa de classe média descontente. Vai seguir destruindo a economia, o emprego, o sistema legal, a produção e os preços. Se Dilma cair – e não vou aceitar –, uma provável onda de greves colocará o país num caminho de queda da economia, de desabastecimento, de invasões e de convulsão. As lideranças vão colocar sua massa nas ruas, desta vez não para dizer que não vai ter golpe, mas para revertê-lo. Em qualquer dos dois cenários haverá gente fora de controle. Sabemos que basta um tiro, uma pedrada, uma vitrine quebrada para começar uma revolta. Correria, gritos, bombas e ... sangue! E as Polícias Militares com seus exércitos de assassinos à solta, com seus alvos pré-definidos, com bombas de fumaça para encobrir as chacinas. Acha que é exagero? Adoraria estar delirando, mas vi pessoas, de ambos os lados, que não estarão dispostas a voltar para casa em caso Dilma cair ou ficar, conformadas em esperar as próximas eleições. Qualquer que seja o lado perdedor, a Democracia, já na corda bamba, pendendo, estará correndo o risco de cair. Já está, aliás. Basta um ligeiro empurrão e... E depois, quando tudo passar, pois vai passar de um jeito ou de outro, será a hora de buscarmos os culpados. E tentar recolocar nos trilhos nossa vida. Nossa liberdade já está sendo manipulada. Nossa, de toda a sociedade, de todos os grupos. O perigo é iminente, as relações já estão deterioradas, as ofensas tornaram-se comuns. A violência física já ocupa o espaço da verbal. A cordialidade do brasileiro não existe mais desde o golpe iniciado no posto de gasolina. Boa sorte a todos. Estarei do lado da Democracia, esteja ela onde estiver, ao lado de companheiros que pensam como eu, com Dilma e Lula, ou sem eles! Postado por JÚLIO PEGNA às 16:59 5 comentários 22 de fevereiro de 2015 JUDICIÁRIO: O PODER ILIMITADO Juiz não é eleito, só larga o cargo por idade, não é controlado por nenhum outro poder da República, e, com honrosas exceções, adora um holofote! Juízes são pessoas humanas que, antes de se tornarem Juízes, foram cidadãos comuns. Têm preferências: torcem para um time de futebol, uma Escola de Samba, preferem um modelo econômico e têm simpatia por um partido político! Antes de se tornar Juiz, o cidadão já fez suas escolhas e, como qualquer ser humano normal, as levará para o resto da vida. Um político, seja do Executivo ou Legislativo, periodicamente será avaliado pela população. É mais exposto e, por esta razão, pode ser reeleito ou não. Um Juiz, nunca. Ainda que alguns se considerem deuses, são falíveis. Não raro são obrigados a rever decisões, a reestudar casos mais complexos, a reexaminar provas. No direito moderno, cuja defesa é sagrada, acusação e defesa detém os argumentos - e provas - para basear as decisões judiciais: apesar dos erros cometidos, espera-se que sejam capazes de julgar observando as regra básica da democracia. A IMPARCIALIDADE Arbitrar uma disputa onde não se tem qualquer interesse no resultado é o modelo ideal de justiça. Mas, por serem humanos e já terem suas preferências pré-definidas, até onde o poder da Justiça pode ir? Em processos que envolvem entes públicos, de repercussão nacional, qual a capacidade de isenção de um Juiz? Imagine um embate jurídico do tipo FLA X FLU . E se o Juiz for FLA? E se for FLU? Onde estará a isenção ética se não, exclusivamente, na cabeça do magistrado? O PODER ECONÔMICO Ninguém pode assegurar que Juízes não se corrompem, pois são humanos e falíveis. Mas quando um decisão provoca danos a muitas pessoas, danos materiais ou morais, quem irá garantir que a lei foi cumprida de forma isenta? O direito, em democracias, prevê instâncias superiores para reavaliar decisões. E no caso da última instância, onde não cabem mais recursos, quem irá afirmar que a decisão não teve peso econômico, político ou pessoal? A resposta é: NINGUÉM. SOMOS REFÉNS A sociedade deve evoluir para não se manter atrelada a erros judiciais, sobretudo aqueles cometidos com intenções imorais. Um ditado diz que 'a justiça se resume ao que o Juiz comeu no café da manhã'. Estudo israelense publicado na HypeScience comprova que 65% dos prisioneiros receberam sentenças mais amenas quando julgados nas primeiras horas da manhã ou logo depois do almoço! Quanto mais se aproximava a próxima refeição, as penas eram mais duras ... Então sou refém do estômago de um Juiz? A resposta é: APARENTEMENTE, SIM. JUSTIÇA POLÍTICA Inúmeras vezes, no Brasil, partidos políticos representam contra adversários sentindo-se ofendidos. A cada julgamento, surge o FLA X FLU e qualquer decisão que seja tomada desagradará alguém. Qual a garantia de que a decisão foi isenta? Não há. Na política, como em outros setores da sociedade, a vontade individual pode prevalecer. Seja por incapacidade do julgador, por falta de ética, por corrupção, por preferência pessoal. E ainda mantemos Juízes no cargo até alcançarem a idade de aposentadoria compulsória. não fomos capazes de desenvolver um órgão de controle ao Judiciário que seja capaz de, pelo menos, minimizar as decisões corrompidas. Postado por JÚLIO PEGNA às 13:12 Seja o primeiro a comentar! 30 de agosto de 2014 Ricardo Kotsho está com Dilma, este blog também Ricardo Kotsho: Marina não é “Lula de saias”, mas Jânio e Collor Por Ricardo Kotsho Advertência necessária: quero deixar bem claro, antes de começar a escrever este texto, no qual venho pensando desde que Marina Silva explodiu como candidata favorita a presidente da República, após a tragédia aérea que matou Eduardo Campos, para que ninguém entenda errado o título: não se trata de uma comparação entre pessoas e suas trajetórias de vida, mas entre fenômenos políticos. Nos últimos dias, apareceram muitos comentários na mídia comparando Marina a Lula, ambos com origens bem humildes e histórias de vida comoventes, que acabaram construindo seus próprios caminhos, os dois fundadores do PT e vitoriosos em suas caminhadas. Por diferentes caminhos, eles agora se encontram frente a frente em mais uma disputa pela Presidência da República do Brasil, e há quem chame Marina de 'Lula de saias', a mulher que desafia Dilma Rousseff, candidata de Lula. A única vantagem de ficar velho, trabalhando no mesmo ofício, é ser testemunha de tantas histórias acontecidas ao longo deste enredo político dos últimos 50 anos. Conheci e convivi com os quatro personagens citados no título deste artigo e tenho condições de escrever sobre as coincidências e as diferenças entre eles. Chamar Marina de 'Lula de saias' é um grande equívoco. O professor mato-grossense Jânio Quadros, o playboy alagoano Fernando Collor, o metalúrgico pernambucano Lula, criado no ABC paulista, e a ambientalista acreana Marina da Silva chegaram onde chegaram por caminhos muito diferentes. Embora os quatro sejam um retrato da diversidade social brasileira, com algumas semelhanças no surgimento do fenômeno político, há enormes abismos entre as motivações e os apoiadores das suas candidaturas. Jânio, Collor e Marina têm um ponto em comum: lançaram-se candidatos com discursos contra a 'velha política', à margem dos grandes partidos, prometendo nas campanhas criar um 'novo Brasil' e uma 'nova política', baseados unicamente em suas vontades e carismas, como se isso fosse possível. Pelos exemplos do passado, sabemos que isso não dá muito certo. Os três lançaram candidaturas mais simbólicas do que reais: Jânio era o 'homem da vassoura' e Collor o 'caçador de marajás', ambos tendo como bandeira o combate à corrupção, a bordo do velho mantra udenista, moralista e hipócrita. Na mesma linha, Marina também aparece como a candidata 'contra tudo isto que está aí', a bordo das manifestações de protesto de junho de 2013, candidata provisoriamente abrigada no PSB, partido do falecido Eduardo Campos que, até meados do ano passado, estava na base aliada do governo petista. Ao contrário destes três fenômenos eleitorais anteriores, bancados todos pela grana gorda do empresariado paulista, sempre em busca de um candidato viável que atenda aos seus interesses, Lula só foi eleito presidente da República em 2002, depois de três campanhas presidenciais fracassadas, e da longa construção de um amplo apoio na sociedade civil, que começou pelos sindicatos, passou pelos meios acadêmicos e culturais, e conquistou a juventude, combatendo justamente estes grandes barões paulistas aboletados na Fiesp e na Febraban, que financiaram Jânio, Collor e, agora, Marina, para evitar que seus inimigos de classe chegassem ao poder central. Não tenhamos ilusões neste momento: é exatamente isto que está em jogo, não as personalidades de Marina e Dilma, os seus defeitos e virtudes pessoais, que são subjetivos. O mais importante é saber quem está de que lado, quais os interesses de classe que estão em disputa, quem apoia quem e por qual motivo. Eu nunca escondi de que lado estou: diante deste quadro, apoio Dilma Rousseff, com certeza. Postado por Avelina às 20:31 Seja o primeiro a comentar! Marcadores: Dilma , eleições 2014 , Marina 25 de agosto de 2014 Sobre a farsa chamada Marina Silva Boa análise de Cristina Castro em sua página do Face De uma certa forma, são alterações profundas sem qualquer consulta ou participação popular. Explico melhor, um projeto já pronto ( desconhecido pela quase totalidade da sociedade ) tem que ser implantado a qualquer preço, se puder contar com apoio popular, ótimo. se não der, azar... Candidaturas avulsas, lembram? Pois bem, o que é a candidatura Ma rina, senão uma candidatura avulsa? O PSB empresta a legenda mas não se compromete e nem exige compromisso da candidata... Mudar de qualquer jeito mesmo sem saber o que vai acontecer... Uma eventual vitória de Marina é isso. não terá base no congresso pq não tem partido ( o tal ' sem partido, taí ) e deve alegar que governará com o 'povo' ( democracia direta ). Obviamente o fiador de um governo como esse, sem Legislativo ( crise de representatividade ) será o Judiciário com o tal de Novo Direito e o tal de protagonismo do Judiciário. Marina e Aécio são dois lados de uma mesma moeda simulando conflito. ao fim e ao cabo, um apoiará o outro e ambos tem a Mídia. Assim como JB ( que provavelmente voltará a cena ) tinha a função de condenar lideranças políticas para arrebentar a base aliada no Congresso. Marina tem como função, apenas catalizar votos para legitimar o projeto e depois sairá de cena ou figurará como uma rainha da Inglaterra... Depois de apear os trabalhistas do Poder, é só lançar mão do tal de Ficha-Limpa e temos aí mais 20 anos do sionismo midiático. Qdo a gente dá uma olhada no mundo, percebe que estão correndo contra o tempo e que o Brasil não poderá passar de outubro de 2014. Todas as forças unidas contra o trabalhismo e, é óbvio, no dia seguinte às eleições, não terá sido ninguém. O ponto que eu considero o mais importante de todos que é deixar muito claro para todo mundo quem foram os facilitadores/fiadores do projeto Soros. as Universidades públicas ( mestres e alunos ) foram os grandes entusiastas e abriram as portas do país para essa entrega. acho muito importante deixar isso claro pq, depois, é aquele papo de comissão da verdade... tudo sobra para os militares e quem armou a arapuca mesmo desaparece e continua fazendo mais do mesmo até hoje. Basta que se entregue um milico de pijama com 103 anos e o pessoal entende resolvida a questão da ditadura. Collor, foi eleito por ninguém e derrubado por 'caras pintada'. ou seja, eleito e derrubado por ninguém. As ' ruas' apresentaram alunos e professores, fortemente financiados, com rostos cobertos tentando passar-se por ' povo' para garantir o anonimato eximindo-se de qq responsabilidade acerca do que viria depois. O que quer que aconteça, será atribuído a ninguém. Só essa intenção já deveria deixar claro o que esse projeto significa para o país e a consciência plena dos que estão envolvidos nele. Postado por Avelina às 09:27 2 comentários Marcadores: Aécio Neves eleições 2014 , Marina Silva 24 de agosto de 2014 O que levou Gilmar Mendes a dar Habeas Corpus a esse monstro? Paulo Nogueira no DCM O dinheiro compra até o amor verdadeiro. Entre tantas frases soberbas, esta é minha preferida de Nelson Rodrigues, o maior frasista brasileiro. Ela me veio automaticamente à mente quando refleti sobre uma questão que vem fascinando muitos brasileiros: como uma mulher bonita e brilhante como Larissa Sacco foi capaz de largar tudo para ficar com o médico Roger Abdelmassih. As pessoas ficam intrigadas porque pensam no Abdelmassih de hoje, envolto em denúncias de estupros em série que lhe dão a merecida reputação de monstro. Mas o Abdelmassih que Larissa conheceu, em 2008, era um superstar, uma espécie de Mick Jagger da fertilização. Ele era personagem ubíqua nas emissoras de televisão e nas páginas de jornais e revistas. Tinha uma clientela de celebridades, e era aquele tipo de homem a quem não basta ser rico: os outros têm que saber. Levava uma vida de ostentação, segundo os que o conheciam. Podia passar um final de semana em Paris, e era conhecido seu apreço por Mercedes pretas, paixão que afinal contribuiria para que ele fosse localizado no Paraguai. Larissa era, então, uma mulher de 31 anos que desejava engravidar do namorado da época. E que tinha, segundo as amigas, uma paixão por coisas caras, coisas potencialmente incompatíveis mesmo para seu bom salário de procuradora. Abdemalssih era, em sua versão glamorosa de 2008, a resposta para todos os anseios materiais – e mesmo maternais — de Larissa. Não bastasse isso, a mulher dele estava morrendo de câncer. O campo estava aberto, portanto. Mesmo no Paraguai, com o marido em fuga, Larissa viveu num luxo muito acima de sua realidade de filha da classe média. Abdelmassih foi, até recentemente, o meio pelo qual a ambiciosa Larissa pôde realizar seus sonhos de alpinista social. Pelas características de ambos, entendo, contra a corrente, que não há mistério nenhum no casamento deles. Sobre o que a levou a ele já falei. E o que o conduziu a ela é fruto da vaidade lúbrica –tarada mesmo — dele. Uma mulher jovem, bonita, que ele podia ter e exibir ao mundo sem a necessidade criminosa de dopar em seu consultório, bem, tal mulher era um troféu extraordinário para Abdelmassih. Tudo se encaixa na história, a meu ver. Exceto uma coisa: o habeas corpus dado a Abdelmassih por Gilmar Mendes quando já se sabia que ele estuprara dezenas de mulheres de uma forma particularmente abjeta. Me dei ao trabalho de ler a sentença completa de GM, lavrada em dezembro de 2009. O ponto que mais me chamou a atenção foi o seguinte. Gilmar Mendes afirmou que, como Abdelmassih sempre se apresentara quando chamado pela Justiça no período em que estava em liberdade, não havia razão para temer que ele se aproveitasse do habeas corpus para fugir. Quer dizer: para o juiz, Abdelmassih tinha princípios morais que o fariam aceitar sua pena estoicamente. No mundo encantado de Gilmar, Abdelmassih renunciaria a seus luxos, aos prazeres carnais proporcionados pela jovem mulher, à liberdade – a tudo, enfim, para obedecer à Justiça. As vítimas de Abdelmassih manifestaram, nestes dias, compreensivelmente, ódio também de Gilmar Mendes. O que deve confortá-las é que ele não sairá de todo impune neste caso: sua reputação estará para sempre manchada por uma das decisões mais absurdas da história da Justiça brasileira. Postado por Avelina às 23:20 Seja o primeiro a comentar! Marcadores: Roger Abdelmassih Gilmar Mendes 21 de agosto de 2014 (encaminhado por Laerte Braga) A MORTE E O ESPETÁCULO DO OPORTUNISMO. Camille Helena Claudel Um trágico acontecimento marcou mais uma vez o mês do agosto, um dito, adágio popular frisa agosto, o mês do desgosto... Na última semana a morte prematura e inesperada nos privou de 7 vidas, 7 profissionais competentes em suas funções. as vítimas estavam envolvidas na campanha à presidência do PSB: Pedro Almeida Valadares Neto, o assessor de imprensa, Carlos Augusto Ramos Leal Filho (Percol), Alexandre Severo Gomes e Silva (fotógrafo), Marcelo de Oliveira Lyra (staff da campanha), os pilotos Marcos Martins e Geraldo da Cunha e a vítima mais conhecida. o ex-governador de Pernambuco candidato à presidência pelo PSB, Eduardo Campos. Eduardo era um homem carismático, neto de Miguel Arraes, ex-governador caçado e perseguido pela ditadura, que apoiou as Ligas Camponesas propostas por Francisco Julião e se exilou na Argélia parte de sua vida. Por conta disso, Arraes ficou anos sem ver o neto a quem ensinou muito quando voltou, tornando-o um jovem político querido pelo ex-presidente Lula que o conheceu desde de pequeno, já que era amigo do seu avô. Lula acompanhou e ajudou na escalada política do jovem candidato a governador posteriormente. Na verdade, o apoio do PT nos seus dois mandatos como governador lhe valeu fama e bons dividendos para o estado. Como um prematuro candidato rompeu com aliados fieis de longa data e negou o que havia recebido pelo PT: apoio e ajuda financeira para desenvolver enormemente Pernambuco, que chegou a ser o estado nordestino que mais se desenvolveu nos últimos anos. Tornou-se o governador mais popular cerca de 80% de aprovação. Na sua corrida pelo poder o candidato tentou agregar forças muito divergentes e muito conservadoras e alguns sem projeto pelo caminho. Morreu deixando essas forças tentando dialogar. Infelizmente, muitos acontecimentos “lamentáveis “se sucederam a morte de Eduardo, espetáculos envolvendo seu funeral e uma farta campanha nas imagens que se seguiu. A escola política oportunista e imediatista brilha intensamente. A chocante morte de Campos no mesmo dia em que há nove anos se foi Miguel Arraes, nos deixa pensar sobre tudo, a efemeridade da vida e incertezas não só na política. Mas foi politicamente que o quadro mudou e tomou formas muito estranhas, com um manancial de dúvidas para os seus oponentes. Eduardo e Marina não emplacaram a promessa que pareciam ser e apesar da novidade, as aparições dos dois sempre esteve em descompasso, seja com o “organismo” que Marina criou e penetrou no partido PSB. A candidata da abortada Rede não parece confortável com as alianças que o PSB fez em Minas e principalmente em São Paulo, onde Marina não apoia o PSDB por serias divergências pessoais. Não tem no PSB amplo apoio, de lideranças históricas como Luiza Erundina. Além de tudo isso com a morte de Campos e a escolha de Marina Silva para seu lugar ficaram mais evidentes as enormes divergências de algo que se diz uma terceira via, o novo na política, mas apoiando fortemente em Santa Catarina o candidato ao senado Bornhausen, um vice muito ligado ao agronegócio escolhido, falaremos mais adiante sobre o apoio que existia ao PSDB paulista, no título de novo não se adequa em nada se for feita uma análise mais amiúde. Sobre o acidente muitas dúvidas se instalaram sobre a manutenção do avião, modelo da Cessna, fabricante do jato Citation 560 XL que foi emprestado por empresários. Agora se discutem falhas no modelo envolvendo o trem de pouso , o cansaço do piloto com uma rotina extenuante. Aqui http://g1.globo.com/sp/ santos-regiao/noticia/2014/08/ imagens-ineditas-mostram-pela- 1-vez-queda-do-aviao-que- matou-campos.html Eduardo morreu a caminho de um encontro com bancos internacionais junto com Marina, essa decide ir do Rio a São Paulo diretamente, apesar de convidada por Eduardo Campos, iria para um evento na cidade de Santos chamado Santos Export. Marina havia aceitado mas, surpreendentemente no último minuto muda de ideia e decide ficar pra um debate segundo sua assessoria, certamente para organizar o evento com banqueiros internacionais que tem enorme simpatia por ela. Marina Silva vale lembrar tem uma relação tumultuada com partidos dos quais fez parte como PT e PV e tentou fundar a Rede Sustentabilidade, partido não partido, que continua sendo um mistério até na sua criação, pois não teve as assinaturas necessárias para registrá-lo embora se apoiasse nos vinte milhões de votos que teve Marina nas eleições anteriores para presidente mas servindo apenas embolar o jogo no meio da eleição em 2010, sua saída dos partidos também não foi muito pacifica. Ela saiu do PT envolvida em denúncias com seu marido, que até ontem ocupava um cargo do partido que Marina ataca, como entre outras coisas “CHAVISTA”. A Os problemas dão conta de um cargo pedido pelo PT. Mas as ligações com ONGs que repassavam madeira pra Cikis madeireira é o que dá a dimensão dos problemas de Marina. Junto com seus financiadores Natura e Itaú envolvidos em denúncias de debito tributário e no caso da natura exploração de trabalho indígena. Aqui http://oglobo.globo.com/ brasil/a-dupla-militancia-do- marido-de-marina-11173209# ixzz3ArWf80Ma aqui http://oglobo.globo.com/ brasil/a-dupla-militancia-do- marido-de-marina- 11173209#ixzz3ArWf80Ma aqui http://oglobo.globo.com/ brasil/a-dupla-militancia-do- marido-de-marina-11173209# ixzz3ArWf80Ma ainda aqui http://www. pragmatismopolitico.com.br/ 2013/02/marina-silva-e-os- bilionarios-que-embalam-seu- sonho.html Outro fato a citar foi que depois da morte de Eduardo, em um funeral campanha que criou atrito entre um aliado de ocasião que na verdade foi sempre um opositor ferrenho a Eduardo Campos : Jarbas Vasconcelos , a briga seria pela presença do ex-presidente Lula amigo da família e a presidente Dilma que ocasionou uma efusiva manifestação de carinho por parte de Duda , Eduarda a primeira filha do ex-governador morto e a confissão que votaria na indicada por Lula o próximo evento foi ao aniversário da viúva e a falácia do discurso usando o candidato falecido A viúva Renata Campos na data seria o aniversário de Renata em uma casa de festas conhecida em Recife a que o governador desejava comparecer antes da tragédia. Numa primeira fala já se mostra disposta a transformar seu luto em comício no dia do seu aniversário, em suas palavras: “Como participei a vida toda de campanhas, não será diferente nesta. #Pelo contrário, tenho a sensação de que tenho que participar por dois a tragédia. Tem sido muito cotada como vice da outra e consorte do ex governador e mostra que é hábil em articulações também. O PSB a cogita para coordenar a campanha estadual... o que se fara por enquanto é dúvida “A gente (ela e Eduardo) queríamos consolidar essa vitória. Acho que só depende de nós. Estou aqui com Duda, João, Pedro, José e Miguel para dizer: Paulo (Câmara), Raul (Henry) e Fernando (Bezerra), contem com a gente”, prontificou-se. O nome de Marina Silva, que deve assumir a cabeça de chapa do PSB para a corrida presidencial, não foi citado nenhuma vez, bem como nada se falou sobre a disputa nacional. No início do evento, porém, o prefeito do Recife Geraldo Júlio (PSB), anunciou que a reunião seria restrita ao cenário local. Nos discursos, enfaticamente se fala sempre em “se fazer a vontade de Eduardo”. Renata também puxou o coro para manutenção da memória do marido durante a campanha. “Pode parecer que o nosso maior guerreiro não está na luta, mas os seus sonhos estarão sempre vivos em nós”. O encontro desta segunda estava na agenda do presidenciável Eduardo Campos há uns dez dias. Ele viria a Pernambuco para o aniversário da esposa, que seria comemorado durante a noite. “Ele pediu para marcar essa reunião. Depois da tragédia ele Sileno me perguntou ‘e agora’ e eu disse, mantem tudo como estava”, comentou Renata ainda durante o discurso. Os presentes cantaram parabéns para ela por duas vezes. Na parte de trás, um bolo de três andares estava preparado, mas não chegou a ser cortado. Durante o evento, a militância do PSB, que lotou a casa de recepções Blue Angel, no Derby, pediu que a ex-primeira-dama de Pernambuco assumisse o posto de vice, mas ela não tocou no assunto. Renata completou nesta segunda (18) 47 anos: Veja na íntegra o discurso de Renata Campos durante o encontro com a militância do PSB “ Acho que devem estar pensando. Renata aqui hoje. Eu estava, como estive em tantos momentos ao lado de Dudu, quando ele pediu para marcar essa reunião. Depois da tragédia ele Sileno me perguntou ‘e agora’ e eu disse, mantem tudo como estava. Como participei a vida toda de campanhas, não será diferente desta. Pelo contrário, tenho a sensação de que tenho que participar por dois. E aí vim porque sei da vontade dele e da importância que tem esse trio. A gente comentava sempre, depois de todos esses anos, de todo o trabalho sabendo que muita coisa ainda precisa ser feita, outras consolidadas. A gente pensava precisamos consolidar essa vitória. Acho que só depende de nós. Estou aqui com Duda, João, Pedro, José e Miguel para dizer Paulo, Raul e Fernando, contem com a gente. Pode parecer que o nosso maior guerreiro não está na luta, mas os seus sonhos estarão sempre vivos em nós. Fica tranquilo Dudu, teremos a sua coragem para mudar o brasil. Não desistiremos do brasil, é aqui que cuidaremos dos nossos filhos. Existe uma mistificação da figura de Renata e de Marina, ambas se autopromovem e pela sua militância como figuras sinaladas pela sorte pelo destino uma farsa já vista em diversos momentos em uns pais de crédulos como o nosso. Para uma campanha madura só resta discutir conceitos , então diante de certas afirmações : aqui http://www. diariodocentrodomundo.com.br/ mariana-e-a-providencia- divina/ A PALAVRA DE ORDEM É DESMISTIFICAR TANTO A SUPOSTA JACQUELINE KENNEDY QUANTO A D. SEBASTIÃO DE SAIAS, UMA ESTÁ MAIS PRA LADY MACBETH E A OUTRA PRA TESTA DE FERRO DO CAPITAL INTERNACIONAL E FORÇAS CONSERVADORAS. AMBAS RESPONDEM A ANSEIOS E PROJETOS PESSOAIS DE PROTAGONISMO Marina por onde passou deixou isso bem claroque é ungida e inclusive não beneficiou com seu protagonismo em nada os partidos onde se filiou. A surpresa é Renata Campos, atuante na política ... talvez mas também tenha influenciado na escolha azarada de Eduardo Campos ser candidato em vez de esperar uma indicação que certamente viria de seu aliado e amigo de longa data com o qual o governador rompeu politicamente para seguir carreira solo. Renata se revela muito interessada em política, influenciando em questões simples no palácio como nomear para guarda cerimonial, até a provável influência decisão de se candidatar antes do tempo proposto por seu maior aliado tomada por Eduardo . Depois de tudo está claro que Renata não saíra como vice na chapa encabeçada pelas 2 apesar de se dizerem amigas. Renata porem não desistirá de articular as coisas. Os nomes mais cotados pra a vice ficou mesmo com Beto Albuquerque perfil bem pouco “alternativo “como pensa a REDE, e chegou a se cogitar o pernambucano Danilo Campos dois quadros do PSB mais ligados a essência do partido digamos . Agora os grupos que apoiavam Eduardo Campos sem SP se fecham de vez e acabou o dito Edualdo, que combinava Eduardo com seu carisma que aliado Alckmin assustava o candidato do PSDB. Com a escolha de Marina migram todos para a campanha de Aécio novamente. quanto ao vice escolhido o gaúcho Albuquerque líder do PSB na câmara muito próximo ao agronegócio é bem duro com Marina no tocante a sua posição indefinida e seu projeto da Rede , fala claramente que ela DEVE se alinhar dentro do PSB e abandonar a Rede cumprindo através de documento com suas obrigações e fidelidade ao partido que escolheu A REDE que se cuide , as parcas ideias que por ventura alguns defendiam sucumbiu de vez ao pragmatismo do agronegócio e ao desejo incontido e avassalador que Marina tem de ser presidente qualquer custo , a postura do PSB também já demonstra a confiança na pessoa de Marina silva pela escolha do vice em que nível está. A escolha Albuquerque ... fica claro que o PSB quer manter Marina nas linhas ... ou seja nas linhas do contrato que assinará ... Aqui http://politica.estadao.com. br/noticias/eleicoes,para- deputado-marina-tera-que- abracar-psb-e-deixar-rede, 1544696 P.S.: As imposturas de Marina são importantes pois desmontam suas mistificações das 'teias de Deus' 'providências divinas 'e similares. Ela tenta se vender como um dom Sebastião de saias... 'destino manifesto ' do país in persona ... a tosca e medíocre verdade é o q tem por trás de Marina: são as forças conservadoras de sempre e o Mercado alijados do poder, em sua plenitude, atualmente, na América do Sul. Com uma fala q descarta a realidade da esquerda e a direita oferece o suposto novo da ' terceira via...'.... nas mesmas coligações de sempre... festejando um funeral 'copiosamente'. Esses, os de antes, têm em Marina uma esperança de volta: não vão querer desistir de explorar o Brasil. Postado por Laerte Braga às 14:55 Seja o primeiro a comentar! 1 de março de 2014 A unidade cívico-militar na Venezuela A unidade cívico-militar na Venezuela Por Beto Almeida 'A revolução bolivariana é pacífica, pero armada' - Hugo Chávez Há 25 anos, num 27 de fevereiro de 1989, o então presidente da Venezuela, Carlos Andrés Perez, lançou um pacote neoliberal explosivo aumentando drasticamente o preço da gasolina e dos alimentos. O povo de Caracas se rebela, sai às ruas, saqueia supermercados, lojas de roupas, açougues. Perez d ordens para o exército reprimir com vigor. Centenas de cidadãos são mortos. O número exato ainda está por ser calculado, pois muitos foram enterrados em valas comuns ou atirados nos lixões da cidade. Quando tive a oportunidade entrevistar o presidente Chávez, no Palácio de Miraflores, ele contou que está em serviço e soube quando a ordem de reprimir foi dada e as tropas lançaram-se pelos bairros pobres, esmagando sem dó nem piedade a rebelião, conhecida com o nome de Caracazzo. Chávez dizia que o Caracazzo foi o estopim, a alavanca , o encorajamento fundamental para que o movimento militar bolivariano, cuja construção liderava dentro dos quartéis de toda a nação, se decidira a agir. Aquela repressão havia provocado nas fileiras progressistas e nacionalistas militares muito mais do que uma indignação. 47 segundos versus 10 anos Quase três anos depois, em 4 de fevereiro de 1992, Chávez comandava uma insurreição militar que pretendia colocar um fim no governo neoliberal e corrupto de Andrés Peres e , com o apoio popular, convocar uma Assembleia Nacional Constituinte. Do ponto de vista militar, a insurreição não foi vitoriosa. Dialeticamente, foi vitoriosa do ponto de vista político. Hugo Chávez comandou a rendição para poupar vidas, entregou -se, e foi preso. Na prisão, transforma-se no homem mais popular da Venezuela. O povo venezuelano identificou naqueles poucos segundos em que Chávez usou a cadeia de rádio e TV - exigência para a rendição - que aquele homem, meio negro e meio índio, era um dos seus, que falava sua língua, representava seus anseios largamente reprimidos. Tanto assim que longas filas, diariamente, se formaram para visitar a Chávez na prisão. Gente proletária, sofrida, humilde, que tinha tido a objetividade histórica de compreender que ali estava preso o seu líder, enquanto os intelectuais pedantes discutiam, interminavelmente, se Chávez era um populista, um golpista, um autoritário ou um militaresco fascista. Certa vez, em debate com um dirigente do Partido Comunista Espanhol, em Madrid, escutei-o dizer que só depois do golpe de 2002, ele tivera certeza de que Chávez era de esquerda. Contra argumentando, assinalei que enquanto ele tinha levado 10 anos para entender a função história de Chávez, o povo venezuelano levara apenas 47 segundos para compreendê-lo , tempo exato daquela declaração do líder da insurreição bolivariana por cadeia para render-se, “por ahora”. O Caracazzo pariu a Insurreição de 4 de Fevereiro de 1992. Mas, é chocante observar, ainda hoje, a infinita hipocrisia dos meios de comunicação internacionais e dos governos que os controlam ou manipulam, diante da crise atual da Venezuela. Quando o governo venezuelano de 1989 mandou reprimir e matou a rodo populares nas ruas de Caracas - Chávez insistia sempre que eram milhares os mortos - esta mídia que faz o maior estardalhaço sobre uma inexistente guerra civil na Venezuela hoje, na época, não fez nenhum escândalo diante da matança aos olhos de todos, nas ruas caraquenhas. Tampouco os governos , como o dos Estados Unidos, que lançam cínicos comunicados de “preocupação com os direitos humanos na Venezuela”, na época , foram os patrocinadores do pacote neoliberal de Carlos Andrés Perez, fizeram o mais criminoso silêncio. O silêncio da cumplicidade com aquela matança. Maldito seja... O Caracazzo foi uma rebelião popular que levou a uma lição fundamental para os militares revolucionários que se organizavam em torno de Chávez, entre eles o Embaixador da Venezuela no Brasil, Almirante Diego Molero. E a lição era a aplicação de uma das frases de Bolívar mais repetidas pelo próprio Chávez, linha de princípio do movimento que, depois de anos de preparação política doutrinária, preparava-se para agir: “Maldito seja o soldado que aponta seu fuzil contra seu próprio povo!” Porém, a linha doutrinária, programática, ia muito mais além. Recuperava e atualizava o Simon Bolívar integracionista, reformador social, criando outra concepção para o papel dos militares: a integração latino-americana, a unidade cívico-militar e a sustentação pela via democrática, porém de armas nas mãos, do processo de mudanças em busca de justiça social. Afinal, a Venezuela, um país tão rico, possuía 85 por cento de pobres e miseráveis, uma maioria de analfabetos, favelas desumanas por todos os lados, enquanto sua burguesia era conhecida por ser uma das maiores consumidoras de caviar e champanhe do mundo, perdendo apenas para burguesia francesa. Hoje, 25 anos depois do Caracazzo, já podemos contabilizar os frutos na Revolução Bolivariana, mesmo assediada, atacada, sabotada, golpeada por mais de 15 anos. O país de Bolívar não tem mais analfabetos, diz a Unesco. Diz a FAO que houve redução drástica da desnutrição e da fome no país. Os trabalhadores já possuem uma lei trabalhista moderna e foram universalizados os direitos previdenciários. Lá se paga um dos maiores salários mínimos da América Latina, comparativamente falando. E, pela primeira vez na história do país, o petróleo, que enriqueceu por décadas uma camarilha insensível e corrupta, agora tem a sua receita aplicada na construção de moradias, de universidades bolivarianas, na sustentação do ensino público gratuito, na instalação de milhares de postos de saúde, com presença de mais 23 mil médicos cubanos, o que reduziu tremendamente a mortalidade infantil. Claro que a Venezuela tem muitos outros desafios a superar, a começar pela economia rentista do petróleo, como disse hoje, em Brasília, o Chanceler Bolivariano, Elias Jaua, bem como enfrentar a criminalidade, que, aliás, não é problema exclusivo venezuelano. Ele informou sobre os focos de violência orquestrados por pequenos grupos de agentes provocadores , com apoio do exterior. Enquanto a Venezuela possui 325 municípios, as ações violentas registraram-se em apenas 18 localidades de todo o país. Reveladora é a informação de que os atos violentos ocorrem centralmente nos bairros mais ricos. Mais reveladora ainda, da condição de classe desses jovens de famílias ricas que agem violentamente , é que optaram por queimar um caminhão do sistema Mercal, um sistema estatal de distribuição de alimentos a baixo custo. Queimaram, mas não saquearam os alimentos. Ou seja, o motivo não era a fome, mas apenas queimar, destruir. Militares progressistas As manifestações pacíficas são permitidas e a oposição, caso queira, pode recorrer ao instrumento da revogabilidade de mandatos, contido na Constituição Bolivariana, uma das mais avançadas do mundo, para tentar retirar Maduro pela vida legal. Mas, se o objetivo é exigir, sem base nem fundamento, a renúncia do Presidente Nicolás Maduro, e por meio de incêndios, instalação de linhas de nylon cortantes nas ruas dos bairros mais chiques, o que já provocou a degola de motociclistas, evidentemente, estes grupos vão se defrontar com aquilo que talvez seja uma das mais importantes obras de Chávez: a unidade cívico-militar. Os militares bolivarianos possuem outra consciência, enriquecida e temperada na experiência da Revolução dos Cravos, de Portugal, no governo antiimperailista de Velasco Alvarado, no Peru, no exemplo do governo socialista do capitão Thomas Sankara, o Che Guevara africano, de Burkina Fasso, experiências em que os militares atuaram sempre ao lado do povo, sustentando um processo revolucionário, transformador, como ferramenta estratégica. Este é o eixo que dá suporte e mantém de pé a Revolução Bolivariana até hoje, enfrentando todas as ações de desestabilização emanadas pela Casa Branca, ecoadas pela mídia internacional. Assim, é muito explicativo observar que a mídia brasileira, especialmente aquela que apoiou o golpe militar de 64 no Brasil, e, também, o golpe derrotado contra Chávez, em 2002, esteja agora tentando fazer crer que exista uma convulsão social na Venezuela. E que ontem, data dos 25 anos do Caracazzo que pariu a Revolução Bolivariana, nada tenha dito daquela rebelião, quando, apoiou não apenas o pacote de amargas medidas neoliberais, mas, também, a sangrenta matança que hoje está sendo apurada por uma espécie de comissão da verdade de lá. * Beto Almeida é membro do diretório da Telesur Fonte: Blog do Miro Postado por Avelina às 20:13 Seja o primeiro a comentar! Marcadores: Revolução Bolivariana. , Venezuela 5 de janeiro de 2014 A campanha da moda Janio de Freitas A campanha da moda Todo o falatório em torno de PIB de 1% ou de 2% nada significa diante da queda do desemprego a apenas 4,6% Quem não discute gosto anda na moda, que é um modo de não ter gosto (próprio, ao menos). Até por solidariedade aos raros que não se entregam à moda eleitoreira de dizer que 2013 foi um horror brasileiro e 2014 será ainda pior, proponho uns poucos dados para variar. Com franqueza, mais do que a solidariedade, que tem motivo recente, é uma velha convicção o que vê importância em tais dados. Um exemplo ligeiro: todo o falatório em torno de PIB de 1% ou de 2% nada significa diante da queda do desemprego a apenas 4,6%. Menor que o da admirada Alemanha. Em referência ao mesmo novembro (últimos dados disponíveis a respeito), vimos as manchetes consagradoras 'EUA têm o menor desemprego em 5 anos: cai de 7,3% para 7%'. O índice brasileiro, o menor já registrado aqui, excelência no mundo, não mereceu manchetes, ficou só em uns títulos e textos mixurucas. Mas o índice não pode ser positivo: 'O índice caiu porque mais pessoas deixaram de procurar emprego'. Se mais desempregados conseguiam emprego, como provava o índice antes rondando entre 5,6% e 5,2%, restariam, forçosamente, menos ou mais desempregados procurando emprego? PIB horrível, falta de ajuste fiscal, baixa taxa de investimentos, poucas privatizações, coitado do país. E, no entanto, além do emprego, aumento da média salarial, a ponto de criar este retrato do empresariado de São Paulo: a média salarial no Rio ultrapassou a dos paulistas. A propósito: com as alterações do Bolsa Família pelo Brasil sem Miséria, retiraram-se 22 milhões de pessoas da faixa dita de pobreza extrema. Com o Minha Casa, Minha Vida, já passam de 1 milhão as moradias entregues, e mais umas 400 mil avançam para a conclusão neste ano. A cinco pessoas por família, são 7 milhões de beneficiados com um teto decente, água e saneamento. Sobre dados assim e 2014, escreve o economista-chefe da consultoria MB Associados, Sérgio Vale: 'Infelizmente, veremos mais promessas de ampliação do Bolsa Família e do salário mínimo, que, no frigir dos ovos, é o que tende a reeleger a presidente'. Da qual, aliás, acha que em 2014 'deverá se apequenar ainda mais'. Da mesma linhagem de economistas --a que domina nos meios de comunicação--, Alexandre Schwartsman dá à política que produziu aqueles resultados o qualificativo de 'aposta fracassada', porque só deu em 'piora fiscal, descaso com a inflação e intervenção indiscriminada, predominando a ideologia onde deveria governar o pragmatismo'. 'Infelizmente' e 'aposta fracassada' para quem? Para os 22 milhões que saíram da pobreza extrema, os 7 milhões que receberam ou receberão um teto em futuro próximo, os milhões que obtiveram emprego, os milhões ainda mais numerosos que tiveram melhoria salarial? E, claro, ideologia existe só no que se volta para os problemas e possíveis soluções sociais. Quem se põe de costas para o que não interesse à elite financeira e ao poder econômico, não o faz por ideologia, não. Por esporte, talvez. Foi a esse esporte, quando praticado orquestradamente nos meios de comunicação, que Dilma Rousseff se referiu como uma 'guerra psicológica', e gerou equívocos críticos. Não se trata de 'expressão antidemocrática', nem própria dos tempos da ditadura. É a denominação, técnica ou científica, como queiram, de métodos de hostilidade não militares, diferentes das campanhas por não serem declarados em sua motivação e seus fins, e buscando enfraquecer o adversário por variados tipos de desgaste. Não é o caso da pregação tão óbvia no seu propósito de prejudicar eleitoralmente Dilma Rousseff. E prática tão evidente que, já no início de artigo na Folha , o empresário Pedro Luiz Passos definiu-a como 'o negativismo que permeia as análises sobre a economia brasileira, em contraste com a percepção de bem-estar especialmente da base da pirâmide de renda'. Ou seja, há um negativismo, intenção de concentrar-se no negativo, real ou manipulado, e a desconsideração do que deu à 'base da pirâmide' social alguma percepção de bem-estar. O elemento essencial na existência de uma nação é o povo. Não é o território, não é o Estado, ambos inexistentes em várias formas de nação ao longo da história e ainda no presente (os curdos, diversos povos nômades, povos indígenas). O PIB e os ajustes feitos ou reivindicados nunca fizeram nada pelos brasileiros que são chamados de povo. A cliente do PIB, dos gastos governamentais baixos e dos juros bem altos são os que compõem a mínima minoria dos que só precisam, para manter o país, do povo. Postado por Avelina às 10:14 2 comentários Marcadores: Bolsa Família , mídia , Minha Casa Minha Vida , Taxa de desemprego 12 de dezembro de 2013 Insólitas prisões Por Maria Sylvia Carvalho Franco * Texto publicado na seção de Tendências / Debates, da Folha , em 08/12/2013 “Quatro da madrugada: instante entre a noite e o amanhecer, quando as decisões lá no topo já se firmaram, quando o que deverá acontecer já aconteceu. Alguém bate à porta, urgente. Quem é? Não se sabe.” Com essa matriz política, Jan Kott abre sua reflexão sobre o golpe de Estado urdido em “Ricardo 3º”, peça em que a violência dilacera as tramas do cotidiano: súbito, a força física e a intimidação moral irrompem nos afazeres, no lazer, no sono. “Quem dentre nós, pelo menos uma vez na vida, não foi assim despertado?” O ensaio de Kott sobre “Ricardo 3º” faz dessa figura uma grande metáfora da “húbris” política, desvelando a essência do ato despótico e sua perene ameaça. Assistimos, aqui e agora, à reiteração dessas práticas. As detenções dos réus da ação penal 470 ocorreram após um processo transparente, mas o foram com bizarria do prisma ético. Sua imposição intempestiva, em longo feriado, valeu-se do emblemático Dia da República e da suspensão, no calendário, de três dias úteis. Pergunta-se o porque da pressa: Joaquim Barbosa valeu-se do recesso para decidir sozinho, ignorando seus pares? A efetivação repentina dessas prisões, após um lento processo, insere o monopólio estatal da força física no cotidiano das pessoas. Noite que enseja emboscadas, ou feriado que paralisa a vida pública e privada, ambas as situações cancelam as garantias constitucionais. Não visamos, aqui, a procedência das prisões, mas seu arbitrário “modus faciendi”. O uso do feriado não é inédito nas práticas políticas autoritárias: entre nós, basta citar os ardilosos planos econômicos, como o de Collor. Há mesmo uma história dessas tocaias: nas imagens acentuadas por Kott, o golpe de Ricardo 3º condensa-se na semana de Todos os Santos e Finados, tropos polissêmicos onde o dia dos mortos e o morticínio do tirano conjugam-se: os assassinatos, processos e decapitações não por acaso efetivam-se quando a vida social está suspensa, em luto. Inglaterra elisabetana ou República brasileira, a conivência com tais condutas resulta na mesma inversão de valores e práticas já presentes na democracia grega e sintetizadas por Platão como raízes do poder tirânico. Por fim, completando os atentados à cidadania, juntas médicas ratificaram o desrespeito a um preso doente. No laudo sobre a saúde de José Genoino, afirma-se que ele pode suportar o cárcere: bastam remédios, dieta, exercícios regulares e (pasme-se!) evitar “fatores psicológicos estressantes”. Os doutores ironizam ou ignoram o que significa uma prisão, enunciando um oximoro: cadeia sem trauma. As juntas que se pronunciaram sobre Genoino –e talvez as que examinam Jefferson– esqueceram-se de que avaliam prisioneiros cujas vidas não se assemelham à dos pacientes abstratos cujos diagnósticos pautam-se pelos parâmetros rotinizados oferecidos pela tecnologia médica. Lendo seus pareceres, tem-se o sentimento de que a submissão aos poderosos avalizou tais contrassensos. Tanto mais grave torna-se essa conduta quando distinguimos a atual crise nos meios médicos brasileiros e lembramos o quanto a bioética vem sendo debatida mundialmente. Após a renúncia de Genoino, as circunstâncias de sua captura podem parecer episódicas, mas, nelas, o imprudente uso do poder evidencia o vezo, perene no Estado brasileiro, de afrontar o cidadão. A crítica ao “modus operandi” das prisões não implicam tolerância ao crime. pelo contrário, ela pressupõe que sentenças legais não autorizam sua execução ilegítima. Vale recordar que as denúncias contra a democracia martelam a tese de que nela é ínsita a impunidade. Já dizia Platão ao invectivar o regime ateniense das liberdades que, na polis “licenciosa”, condenados à morte ou ao exílio não “deixam a praça, circulam em público, como se fossem indiferentes a todos, invisíveis, como fantasmas de heróis”. Pelo visto, alguns magistrados são platônicos e gostariam de banir a democracia para sempre. * MARIA SYLVIA CARVALHO FRANCO é professora titular aposentada de filosofia da USP e da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) Postado por Avelina às 10:28 Seja o primeiro a comentar! Marcadores: AP 470 , JB , José Genoino , STF , Zé Dirceu 10 de dezembro de 2013 A aposta na democracia contra o caos São Paulo elegeu neste domingo 1.125 representantes para governar a cidade com Haddad, o maior conselho popular da história brasileira. por: Saul Leblon A cidade de São Paulo elegeu neste domingo o maior conselho popular da história brasileira. Com pouco espaço na imprensa e uma divulgação despolitizada de parte da própria prefeitura, ele representa, paradoxalmente, talvez a resposta mais arrojada ao anseio de participação ecoado nas ruas de junho. São Paulo reúne 32 sub-prefeituras. A partir de 25 de janeiro - quando os conselheiros eleitos tomam posse - elas terão um organismo local de fiscalização, consulta e proposição reclamado há décadas como antídoto ao caos logístico e social na maior metrópole brasileira e uma das maiores do mudo. Com um representante para cada 10 mil habitantes, a cidade disporá então de 1.125 vozes a falar por ela com conhecimento de causa e legitimidade. É a aposta na democracia contra o caos. Se vingar, fará história e não apenas em São Paulo. Embora a área de ação de cada conselheiro esteja circunscrita ao perímetro do bairro, nada impede que a Prefeitura institua fóruns regionais ou mesmo municipais, compostos por representações proporcionais destes conselhos, para debater e planejar grandes ações de interesse de toda a cidadania. Na verdade, dada a natureza sistêmica dos grandes problemas urbanos de uma metrópole como São Paulo, essa progressão democrática é quase inevitável. O recente reajuste do IPTU, que inflamou o espírito separatista de uma parcela da cidade cujo horizonte comunitário começa e termina na garagem do prédio, por certo teria outro respaldo político fosse ele previamente discutido e sancionado por um fórum de representações proporcionais ao mosaico paulistano. O debate sobre o novo Plano Diretor de São Paulo, fomentado pela gestão Haddad, certamente teria uma densidade e um discernimento diferenciados, se estruturado a partir dos conselhos municipais. O grande risco é subestimar essa oportunidade democrática abastardando-a como um simulacro do que deveria ser. O que deveria ser passa pelas grandes questões que desafiam a democracia e o planejamento da sociedade em nosso tempo. Marx disse que o ‘o capital nasce escorrendo sangue e lama por todos os poros da cabeça aos pés’. A imagem se aplica literalmente à descrição do processo contínuo de valorização e exclusão em uma cidade com o tamanho e o calibre dos interesses entranhados nos 1.500 km2 de São Paulo. A ideia de que esse açougue possa ser administrado pelo livre curso dos interesses graúdos que o dominam é o que de mais próximo se pode conceber em termos de barbárie urbana. É disso, do direito ao livre curso dos mercados sobre a cidade, que falam as entrelinhas das críticas despejada contra a gestão Haddad por parte da emissão conservadora. Critica-se o prefeito pelos seus acertos. A intrínseca barbárie apregoada na fuzilaria contra o IPTU progressivo, e contra o Plano Diretor que coíbe o vale-tudo imobiliário, deriva da mesma cepa que na esfera nacional ecoa o bombardeio contra o ‘intervencionismo da Dilma’. Os elevados custos humanos e materiais da internalização da crise mundial no sistema econômica brasileiro nunca são projetados quando se trata de fuzilar ‘a gastança’ das medidas federais tomadas para evitá-los. Providências equivalentes, em termos de vida urbana, deveriam ter sido adotadas em metrópoles fortemente conectadas aos humores globais, como é o caso de São Paulo. O Minha Casa, Minha Vida, no entanto, lançado como medida contracíclica no plano federal, teve na São Paulo dirigida pelo comodato Kassab/serrista, um dos seus piores desempenhos. O mesmo se pode dizer no que diz respeito à adesão ao Brasil Sem Miséria. É forçoso arguir se até mesmo prefeitos progressistas iriam além do fatalismo ortodoxo, desprovidos de um contrapeso democrático que os conectasse diretamente ao metabolismo nervoso da cidade. São Paulo não precisa de uma crise mundial para revelar as camadas majoritárias de sua gente expostas a um cotidiano de abandono e privação. Num espaço por excelência de exercício da cidadania, a igualdade perante a lei aqui significa muito pouco à imensa maioria dos paulistanos desprovidos do poder econômico que lhes dê acesso aos gabinetes onde a cidade é decidida. A cidadania que se exerce assim, esporadicamente, no comparecimento às urnas descarnado de outras instâncias de participação, revela-se um poder meramente formal diante do bloco granítico no qual se fundem a política e o dinheiro. O gradiente dos direitos civis na metrópole é diretamente proporcional à quilometragem que separa bairros elegantes dos arruamentos suburbanos. Ninguém escapa do inferno pelas mãos do diabo. O que se disputa no Brasil hoje – enevoado pela vaporosa endogamia de togas e mídia-- é se o passo seguinte da história aqui será determinado pelos impulsos cegos dos mercados ou pelo planejamento democrático dos cidadãos. A importância do conselho eleito neste domingo em São Paulo deve ser avaliada dentro dessa disjuntiva Com algum otimismo, até mais além dela. A história ensina que a passagem de uma época para outra requer não apenas condições objetivas, mas rupturas de engajamento social que reúnam a energia da força e do consentimento para desbravar novos caminhos. O novo caminho no caso de São Paulo significa tornar a democracia na gestão da cidade indissociável dos que dela sempre foram excluídos. A gestão Haddad tem um pedaço disso nas mãos a partir de agora. Cabe não desperdiçar a colheita embutida na semente. A ver. Postado por Avelina às 12:36 Seja o primeiro a comentar! Marcadores: conselhos populares , Fernando Haddad , Prefeitura de São Paulo , sub-prfeituras. Próxima PEDAGIÔMETRO TUCANÃO Diario LaPasionária Follow by Email Pesquisar o Blog Colaboradores Avelina JÚLIO PEGNA Laerte Braga Artigos recentes Carregando... Comentários recentes Carregando... Seguidores Inscreva-se e receba as atualizações por e-mail: ou Assine o Feed! Recomendados SANDÁLIAS DO PIRATA A FARSA DA JUSTIÇA NO BRASIL - *** *A FARSA DA JUSTIÇA NO BRASIL* Estamos diante do maior desmonte da Justiça brasileira! Os fatos, documentos e depoimentos dos envolvidos em corrupção... Há um mês MARIA DA PENHA NELES A pior, a mais sórdida chamada para a manifestação de hoje - *A pior, a mais sórdida chamada para a manifestação de hoje* O que estamos fazendo com nossas crianças?? . Há um ano #TeiaLivre - { } - Marcadores JII Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas Inscrições Programaçã kJulian Assange E Salvador Embaixada dos EUA telegramas Wikileakes Meios de comunicação e seu papel social ' Bolsa Esmola' 'Mensalão' /Onésimo/Policarpo Jr. /Protesto em São Paulo/Consulado Britanico /secretaria Estadual de Educação de São Paulo # CPI da Privataria.Protógenes Queiroz #2blogprog Abertura do encontro Participação de Lula #2blogprog Paulo Bernardo Banda Larga #2blogprog Paulo Bernardo Lula #2bogprog #Acampados Sol Madrid #Spanishrevolution #canceleaassinatura #CaosemSP #CPI da Privataria. Marco Maia #Cracolândia Higienizada #Cracolândiahigienizada #Cuba #democraciareal Protestos em SãoPaulo solidariedade ao movimento na Espanha #ForaMarconi. CPI do Cacoeira. #ForçaLula #gentediferenciada Churrasco protesto em Higienópolis Metrô #gentediferenciada higienópolis churrascão Metrô #gentediferenciada Potesto em Higienópolis Metrô #Haddad #Lulacurado #MaisMedicos #MasMedicos #ocuppyWallStrett #Pinheirinho #Pinheirinho.PT #Pinheirnho #Privataria Tucana #PT32Anos #PT32Anos.carta de Lula #SerraCensor #SerraEmbomation #spanish revolution mdanças políticas Espanha crise #spanishrevolution #spanishrevolution Puerta del Sol Espanha democracia real #Vejabandida #VejacoMedo 1° de Maio 10% do PIB 10% doPIB p/educação PT 100% dos Royaties p/educação. 18 encontrodoPT 2 Blogprog 24º Premio Internacional 40 anos da foto 5 pactos pelo Brasil. MPL 59% aprovação positiva 85 anos de Fidel Castro A Privataria Tucana ABI Libia ABL aborto abuso Abuso de autoridade Academias da Saúde Ação Integralista Ação Penal 470 Ação Penal 470. nota do PT acordo com Irã/crise internacional acordo de não agressão da mídia. acordo/energia nuclear Aecio Aécio Aécio Neves Aécio Neves eleições 2014 Aécio/Serra/Dossiês/Policia Federal/quebra de sigilo agora é Dilma/Mídia hegêmonica/ agora é Dilma/Mídia hegêmonica/TFP Ajuda humanitária Brasil Africa Alagoas desvio de verbas de merenda escolar Policia Federal Alckim Alckimim Alckimin Alckmin Aldo Rebelo Código Florestal Cooperativas ALESP Alesp. Bruno Covas Alexandre Padilha Aliada Aloizio Mercadante Aloizio Mercadante Revista Veja Diret´rio do PT de São Paulo alta hospitalar. alteração do atestado de óbito alunos da rede estadual de SP. Alvaro Dias Amaury Ribeiro Jr. Amaury Ribeiro Jr. Lançamento do livro Privataria Tucana Amaury Ribeiro JR.?Aecio?Serra/Dpssíê/quebra de sigilo fiscal Amaury Ribeiro Junior/Carta/documentos entregues a imprensa/Serra/Jereissati/Preciado/Daniel Dantas. Amaury RibeiroJr. américa do sul America Latina América Latina America Latina e Caribe America Latina Mídia (PIG) Ana de Holanda MINC ECAD Dilma Rousseff Ana de Hollanda MINC anápolis Anatel telefonia fixa tarifas de telefones fixos anbid Andaluzia Andrea Matarazzo Andressa Mendonça Anisio Teixeira aniversário de 458 anos de São Paulo Aniversário de São Paulo aniversário do Gople de 64 ANJ/Franklin Martins/ Anonymous Antonio Fernandes de Souza Anvisa saude comunidades terapeuticas dependentes químicos AP 470 Apaes/Serra/debate Band. apagão Apagão do Metrô/Caos em São Paulo/PSDB/DEM/ apagão em SP APEOESP Apolônio de Carvalho Aposentado apostilas Apresentação aprovação austeridade aprovação record de Dilma Rousseff arapongagem arapongas da Veja Arco do Futuro aressão a jornalistas Argentina Argentina. armação do mensalão armação do mensalão. Armínio Fraga Arminio Fraga BOVESPA Arnaldo Jabor Asembléia Geral da ONU assembléia Ataque a Flotilla da Liberdade/ reação da imprensa israelense ataques a blogueiros independentes/tentativas de calar a blogsfera Atenas atividade física ato cívico em defesa da democracia/blogueiros progressistas ato de solidariedade Ato público contra o golpe midiàtico/ convocação Ato Público/Sindicato dos Jornalistas/Blogueiros Progressistas/CEM.Barão de Itararé Augusto Nunes aulas de reforço Av.Paulista. Avenida Brasil Aviso de alta Ayres Brito bairro Ballet Nacional de Cuba turnê no Brasil Baltazar Garzón banda larga comunicações ministério Paulo Bernardo Banda Larga Teles Ministr Paulo Bernardo Internet Barack Obama Base BASE ILEGAL YANQUI EN GUANTÁNAMO Batazár Garzón BB BBB12 BBVA. desahucio de Manuela BC Belo Monte atores globais vídeo contra a usina Belo Monte resposta ao vídeo dos artistas da Globo Gota D'Águaa Belo Monte vídeo Belo Monte/ Beneficiários Benefício Benefícios Berzoini/dossiê/ Bete Mendes ditadura militar Val Palmares Bfômetro AécioNeves Rogério Correa Land Rover Radio Arco Iris. Bin Laden Obama Pentágono Word Trade Center Bin Laden photoshosp biografia Bispo Bergonzini?folhetos apócrifos/CNBB/campanha suja contra Dilma Bispo de Guarulhos Luis Gonzaga Bergonzini CNBB Blog da Dilma blogosfera blogprog/documento final blogsfera blogsfera/ Blogueiroprogressistas/Lula blogueiros progressistas. blogueiros progressistas/futuro da blogsfera/ blogueiros progressistas/Lula/Folha de São Paulo Blogueiros progressitas/entrevista c/Lula/controle social da mídia. blogues blogues. Blogues/ reação à manipulação e calunias. bloqueio econômico à Cuba Bob Fernandes Tv.Gazeta Revista Veja Boicote a Globo/Dunga/twitter. boletim médico 11/3/2012 boletim médico de Dilma Rousseff. bolinha de papel Bolivia Bolsa Familia Bolsa Família Bolsa familia/ diminuição da pobreza bolsa familia/verdades sobre o benefício bolsas de estudo no exterior Ciência sem Fronteira Bolsonaro representação no Conselho Nacional de Defesa da Pessoa Humana Boninho Brasil Brasil 247 Brasil Carinhoso Brasil Israel Laerte Braga Roberto Carlos Brasil percepção no exterior Brasil/Ira/Globo/Lula/ sátira. Brasília Brigas Internacionais Brilhante Ustra Julgamento Tortura Nunca Mais Brizola Neto Brizola Neto/Serra/Indio da Costa/Dilma/PT/Saulo Ramos Bruno Covas bueiros no RJ Light Privatizaçoes CEMIG Cabo Anselmo Cabra Cega Cachoeira CachoeiraDaniel Dantas CADAL caderneta de popupança. Caderneta de Poupança Caixa 2 Caixa 2 de campanha de Serra Caixa 2 doPSDB caixa2 Calle 13 Premio Grammy 2011 Câmara dos deputados convocação de Palocci golpe da oposição câmaras de segurança Camila VallejoChile protestos de estudantes campanha Campanha de Serra/Progressistas do PSDB/Ato na USP contra Serra afavor de Dilma campanha eleitoral 2012 campanha eleitoral antecipada campanha eleitoral em SP Campanha eleitoral Serra/Midia/blogues/ blogprog. campanha eleitoral- Serra-dossiês Campanha eleitoral/montagem de fotos/ataques a perfis de petistas Campanha Global campanha midiática/PSDB/ campanha nas redes sociais Campanha para a prefeitura de São Paulo campanha presidencial campanha presidencial de 2014 campanha suja/FHC/Serra e curriola campanha/Dilma/Serra/Belo Horizonte campanha/quebra de sigilo/mafia de São Paulo/Serra/Fhc campanha/Serra/baixaria/blogueiros progressistas/receita federal/dossiês campeão mundial de clubes. câncer caos em SP/ Metro/ caos no Metrô?Goldman/Soninha Francine. Caos no Metrô/Tribunal de Contas do Estado/Fed.Nacional dos Metroviários. capitão Nascimento CAPS saúde mental Escola Tasso da Silveira Caravana digital em São Paulo/redes sociais/internet Carlinhos Cachoeira Carlnhos Cachoeira Carlos Alberto Sardemberg Carlos Cachoiera Carlos Mosconi Carnaval 2012 carnaval 2012 São Paulo carnaval de São Paulo 2012 Carta a Fernando Henrique Cardoso/Serra/Dilma/ Carta aberta carta aberta a Fernando Henrique Cardoso Carta aberta de professor obeso/SEE/ carta capital Carta Capital/dossiês/quebra de sigilos/Verônica Serra Carta da filha de Genoino carta de um ex-eleitor do Serra/ vídeo terrorista carta testamento CartaCapital Casa Civil Gleisi Hoffmann Caso Paribas Casseta/O Estado de São Paulo/Globo/Lula/ofenasas ao presidente da Republica Catalunya cavalaria contra manifestantes CBN Lucia Hipólito Palocci Casa Civil CCJ CCJ. CE Celac Celso Amorim Celso Bandeira de Mello Celso de Castro Barbosa. Celso de Mello Celso Russomano Celso Russomano Regiane censura Censura a blogs independentes. censura a blogues Centenário do Corinthinas/ Lula/Povo brasileiro Center Norte Gilberto Kassab São Paulo Centrais Sindicais Cesare Battisti/Lula/Nelson Jobin/Gilmar Mendes/Peluso Cesare Batttisti/Lula?AGU/STF chacina charge Charge Papa Bento XVI charge/ Chavez Chavez/Uribe/Farc Chevron Chevron vazamento de petróleo Campos Rio de Janeiro Imprensa Chico Buarque Internet ato pró Dilma no teatro Casa Grande Chico Mineiro Tonico e Tinoco lingua vulgar Chile chiste Cia ciberataque cidadania cidadania luz para todos área rural Cidadania PM Pinheirinho São José dos Campos conflitos reintegração de posse Claudia Sampaio claudio Claus Roxin Clube de Aeronáutica Clube Militar Clube Naval CNE Constituição ECA Educação crenças ensino religioso escolas laicidade mec professores religiões CNI.Ibope/Dila/Serra CNN cobertura colaborativa/blogueirosprogressistas/eleição Código Florestal Emenda 164 PMDB PT CodigoFlorestal Emenda 164 Collor Colombia colonialismo Comandante da Rota Massacre do Carandiru Modesto Maia Geraldo Alckimin Combat 18 (C-18) Combate a fome Emprapa Segurança Alimentar Curso p/tecnicos Africa combate a fome Lula Gana Premio Combate ao crack SUS Dilma Rousseff Comemoração do Primeiro de Maio em Cuba Comíco da vitória/Sambódromo São Paulo Comissão da Verdade comissão da verdade PNDH3 SNDH Comissão Nacional da verdade Camara dos deputados comparação entre PSDB e PT no governo. comportamento da imprensa compra de votos comunicação comunicação social Comunicação/democratização das comunicações/ concurso literário Conferência Rio+20 confisco da revista Carta Capital confisco de impostos. Congresso Congresso Nacional Cultura frases dos trabalhadores Conselho de Direitos Humanos de Juiz de Fora Conselhos de Medicina conselhos populares Const. Delta constituição Constituinte construção civil Construtora Delta consumismo TIMarcuse Homem Unidimensional contas fantasma no Twitter contas fantasmas da blogueira cubana. contraconferência Controladoria Geral do Município Controlar controle socialda mídia Convenão Nacional do PT/homologaç~da candidatura de Dilma Convenção Nacional do PT. 13 junho 2010 Conversa Afiada convite palestra Memorial da Resistência convocação Copa do mundo 2010. Corinthians Coronel Ustra Justiça Merlindo depoimentos tortura corporativismo corredores de ônibus. Correios Banco do Brasil do Nordeste da Amazonia Caixa Econômica Federal Previ Plano Nacional de Banda Larga corrupção de juiz Corrupção no Metro de São Paulo Cosntrutora Delta cotas nas universidades Coxinha Coxinhas CPI CPI Cachoeira CPI Cachoeira CPI da #Privataria Tucana CPI DA PETROBRÁS CPI da Privataria CPI das Privatizações CPI do Cacheira. CPI do Cachoeira CPI do Cachoeira. CPI do Cachoeria CPIMI doCachoeira cpmi CPMI do Cachoiera cpmi cachoeira CPMI do Cachoeira CPMI do Cachoeira. CPMI doCachoeira CPMI.Carlinos Cachoeira crack crack Senad crack/ CUFA/ Saúde Pública cracolândia creches Credit Default Swap risco Brasil risco USA crescimento Crime de Imprensa crime eleitoral crise crise econômica Crise espanhola crise européia. FMI crise naEspanha Cristina Krischener Cristina. câncer. CUBA Cuba aniversário de 85 anos de Fidel Castro Cuba bolsasde studo alunos carentes dos USA. Cuba Brasil Convençao nacional solidariedade Cuba capitalismo Cuba comemoraçõesdos 50 anos da derrota norteamericana na Baia dosPorcos. Cuba Contribuições de lobistas norteamericanos anti Cuba Cuba Damas de Branco Agencia EFE Cuba Dia internacional do estudante Cuba EUA Terrorismo declaração do Ministério de Realações exteriores de Cuba Cuba Raul Castro mudanças Cuba USA ONU bloqueio economico Cuba/ farsa dos contra de Miami/ damas de blanco cultura cultura brasileira cultura com Haddad Cultura proj de lei 1176/11 Cumbre das Américas Cúpula das Américas Cupula Ibérico Americana cura do câncer curta metragem CUT CUT Nacional cyberativismo/redes sociais/revolução Dartiu Xavier da Silveira Datafolha DataFolha Haddad Davi X Golias David Cameron David dos Santos Araújo de esquerda Debate dos candidatos de São Paulo na Globo/ debate Reord/Dilma/Serra Debate/ Globo/Serra/Marina/Plinio/Dilma debatecancelado da Globo defesa delegado da PF Deuselino Valadares Delúbio Soares Dem democracia Democracia já democratização da mídia democratizão das comunicações Demostenes Demóstenes Demostenes Torres Demóstenes Torres denúncia denúncias denúncoa FEBEM tporturas dep. Odair Costa Dep. Roque Barbieri deputado Jean Wyllis deputados e senadores indicados. Desalojo 27m # acampadabcn. violencia policial desenho animado Desmentido a Veja/Via Net Express/Fabio Bacarat/ #vejafede Desmentidos com provas a Veja/Erenice Guerra/Via Net Express despenalizar desrespeito a jornalistas. Desvio de verbas do SUS em São Paulo dia internacional da mulher Diego Escosteguy diferenças entre os seres humanos. Izabel Carrier Dila Dillma 90 anos da Folha de São Paulo. Dilma Dilma Ana Maria Braga Programa Mais voce Dilma Dnit Dilma e a mídia Dilma e a mídia/eleição de Dilma Rousseff presidente da Republica Dilma Lula modelo economico mudança de valores sociais Dilma pesquisa de popularidade CNT/Sensus Dilma PR Lincoln Portela Valdemar da Costa Neto Dilma Rouseff Lula Dilma Rousseff Dilma Rousseff 'crises em ministérios' mídia. Dilma Rousseff blog Amigos do Brasil Plataforma P-56 Petrobrás Dilma Rousseff Brasil sem Miséria imprensa latina Dilma Rousseff Celso Amorim Min da Defesa Dilma Rousseff cem dias de governo avaliação positiva Dilma Rousseff Complexo Indusrial e Portuário do Pecém Dilma Rousseff Lula Rede Cegonha Dilma Rousseff PRONATEC Bolsa Familia SENAI SENAC Dilma Rousseff/diplomação/Michel Temer Dilma/ Mães da PraçadeMaio/Argentina/ Brasil/ItaliaCesare Battisti/ Dilma/ Lula/PT/Caetano/Mídia esgoto/golpismo/UDN/ Dilma/balões de água/Curitiba/Carreata Dilma/carta/calunias/igrejas/aborto/MST/Bispos?Via Campesina Dilma/Edison Castêncio/morador deres de rua. Dilma/Lula/reação ao resultado das eleições de 2010 Dilma/Maitê/Chico Anisio/eleições. Dilma/mídia/Dilma eleita presidente do Brasil Dilma/Serra Dilma/Serra/humor Dilma/Serra/pesquisas/sigilo fiscal/mídia/abilio diniz/PT direita brasileira direito de resposta direito de resposta do PT na revista Veja direito de resposta do PT no site do PSDB. Direitos do Cidadão direitos do consumidor Direitos Humano direitos humanos Diretório do PT de SãoPaulo discurso em Paris. disturbios El País. Ditadura Militar Ditadura militar. ditadura militar/Dilma Ditadura miltar DO do estado de SP. Veja. documentário Documentário Pela primeira vez Documentário Quarto Poder. meios de comunicação Documentário sobre líderes latino americanos/cinema Documento oficial documentos d ditadura sigilo eterno Collor Forças Armadas Documentos ultrassecretos Política Senado comércio exterior câmara dos deputados documentos embaixadas inventário itamaraty política externa sigilo doenças coronárias Doi-Codi dossiê/quebra de sigilo fiscal/campanha eleitoral Dossiê/Serra/Aécio/Amaury/Veronica Serra/Dantas Dossiê/Serra/OGlobo/Veja dossies Dossiês/Serra/Tasso/Aécio/Roseana Sarney Dr.Juan Delgado Dr.Thomaz Rafael Gollop drogas Dublê da Globo Duda Mendonã eçeições 2012 economia economia crise econômica Dilma Rousseff Economia IED Investimentos estrangeiros Ed. Abril EDBR/BNDES/Quícoli Editora Abril Editora Abril. Revista Veja editorial do site do PSDB 13 setembro de 2004 Eduardo Azaredo Eduardo Azeredo Eduardo Jorge Eduardo Suplicy educação educação América Latina educação escolas de tempo integral Educação Infantil MEC Educação Infantil/Racismo/Preconceito social e racial/ Maiara Petruso/ Câmara dos vereadores Educação Prof.Amanda Gurgel Rio Gde. do Norte. educação progressãocontinuada eleições municipais 2012 Educação Universidade Cuba Educação vídeo institucional educação/ encontro de supervisores de ensino de São Paulo Educação/Diane Ravitch ex-secretaria de ducação dos EUA. Educação/Ideb/São Paulo El Pais El País El Pais reforma política indignados mobilização El Tiempo El Universo elei~]oes 2012 eleiç~oes/denúncia de armação do PSDB eleição presidencial/votos do exterior eleição/campanha eleitoral/Dilma/Serra/Monica Serra/ aborto/mídia golpista eleição/campanha tucana/agressões/mentiras/manipulação/ eleição/campanha/Serra/Religião/Politica/O Principe Eleição/compra de votos/Serra/Caminhão com alimentos. eleição/Dilma/Serra/ motivos falsos para não votar em Dilma eleição/pesquisa CNTSensus/Dilma/Serra eleição/pesquisa/Datafolha/Dilma/Serra eleição/pesquisas/Serra/Dilma eleiçõe 2012 eleiçõe/midia /golpistas/manifesto eleiçõe/pequisas de intenção de votos eleiçõe/pesquisas/São Paulo/Mercadante ELEIÇÕE/VEJA/MENTIRAS/DIFAMAÇÕES CONTRA DILMA eleições eleições /pesquisasde boca de urna eleições /redes sociais/Twitter/marina/Serra/Dilma/blogueirosprogressistas ELEIÇÕES 2010 eleições 2010 Serra/Alvaro Dias/ Trapalhões. Eleições 2010- campanha midiática eleições 2010- encontro no sindicato dos metalurgicos de São Bernardo Eleições 2010- pesquisas Eleições 2010.Serra.Preconceito.Covardia.Xenofobia eleições 2010/ campanha eleições 2010/ campanha na internet Eleições 2010/ entrevista c/Dilma na Isto É eleições 2010/ entrevista Serra/educação eleições 2010/ o governo Serraem SP. segundo um paulistano eleições 2010/ pesquisa Vox Populi/Dilma /Serra eleições 2010/ pesquisas de intenção de votos. eleições 2010/ Serra /PSDB/Economia eleições 2010/ Serra mente eleições 2010/ataque a blogues do PT Eleições 2010/campanha nas redes sociasi/blogues Eleições 2010/campanha nas redes sociasi/bloues eleições 2010/campanha/redes sociais eleições 2010/debate PSDB/PT Eleições 2010/Dilma/Serra/Ultraje a Rigor. Eleições 2010/Dossiê/Serra/ Presidente do PT aciona Serra eleições 2010/entrevista de Dilma à rádio CBN eleições 2010/machismo/quercia/serra/dilma eleições 2010/mídia/manipulação eleições 2010/pesquisas eleições 2010/pesquisas. eleições 2010/pesquisas/Dilma ultrapassa Serra. eleições 2010/Primeiro de Maio eleições 2010/programa político do DEM/Serra eleições 2010/Serra eleições 2010/Serra / Dilma/ eleições 2010/Serra/Aécio. eleições 2010/Serra/Alvaro dias/Indio da costa eleições 2010/Serra/biruta de aeroporto eleições 2012 eleições 2012. Jose Serra eleições 2012. São Paulo eleições 2014 eleições 210/ pesquisas/Dilma/Serra eleições 212 eleições municipais eleições municipais 2012 eleições municipais de ão Paulo eleições municipais de São Paulo Eleições municipais de SP eleições municipais em SP eleições municipais em SP. Lula Marta Suplicy Fernando Haddad Gabriel Chalita Eleições na Espanha PP PSOE JoséLuis Zapatero Eleições na Venezuela eleições. eleições/ comicio no Pará/Lula/Dilama/políticos Xuxa eleições/ Convenção DEM/PSDB//PDT/CarlosLupe/Osmar Dias. eleições/ humor eleições/análise/velha mídia/institutos de pesquisa/onda vermelha/internet Eleições/campamha e copa do mundo eleições/campanha difamatória de Dilma/bandidos cibernéticos/tribunanacional eleições/campanha midiática/orkut/Comunidade Apoiamos Lula eleições/desmacarando Serra e o PIG/ eleições/Dilma/reforma da previdência/desmentidos eleições/interent eleições/José de Abreu/Twitter/Serra fascista eleições/Lula/ Dilma/Serra/guerra de boatos/ eleições/Marina Silva/PV/PSDB/ traição doPV a Marina eleições/mentiras/ataques baixos do PSDB Eleições/Midia eleições/mídia/golpe midiático/blogueiros progressistas. eleições/pesquisas/Dilma/Serra/Datafolha/IBOPE Eleições/pesquisas/voz populi/SergioGuerra falastrão eleições/religião/igrejas/campanha do medo eleições/São Paulo/Mercadante/Alckimin Eleições/Serra/campanha mentirosa/falta de caráter/Flávio Bierrenbach/Dossiês eleições/serra/tomografia/fita crepe/vergonha alheia. eleições/Veja/mentiras e factóides/blogueirosprogressistas desmentem Eleiçõs/militância virtual/blogueiros progressistas/novas mídias. eleitos presidente e raltaor Eleonora Menicuccci elieções 2012 Elis Regina Elmano de Freitas emails falsos embargo ao Irã emendas parlamentares emendinha emigração Emir emocracia. emprego empresa de segurança Dacala encontro com educadores encontro de blogueiros Espirito Santo Encontro de blogueiros progressistas Encontro de PROUNISTAS com Haddad e Lula Encontro Nacional de blogueiros progressistas ENEM ENEM 2012 ENEM boatos sobre cancelamento ENEM Fernando Haddad Enem imprensa ENEM Resultados Eleições municipais Enem/Haddad/Paulo Renato Souza enquete ensaio sobre a cegueira. ensino superior entrevista entrevista de Serra na Tv Brasil/ entrevista min.Padilha/dossi~e/quebra de sigio fiscal/Dula/Dilma/Serra entrevista Stella Calloni Equador EQUADOR/TENTATIVA DE GOLPE/RAFAELCORREA Erenice Guerra Erenice Guerra/sigilos fiscal/ #Serracaluniador Erenice Guerra/sigilos/Veronica Serra/ Erenice/Quicoli/Campanha/Serra/Dilma/Mídia mentirosa e manipuladora ernani josé de paula Ernest Hermingwai Cuba Erundina escândalo Escola de Samba Acadêmicos do Tucuruvi/homenagem aos nordestinos/ reação da elite paulista. escola estadual Reverendo Augusto Dourado Escola livre de jornalismo/ Escola Tasso da Silveira Welllington Menezes deOliveira Bulying cultura da Paz Escolas de educação infantil escolas de tempo integral escutas España España y etiquetada Acampadasol Espanha Espanha democracia real redes sociais internet revoltas no Oriente Médio Oriente Médio revoltas árabes Espanha #acampdassol eleições PSOE PP Espanha #democraciarealya o poder de mobilização da Web Espanha Baltazar Garzón Franquismo Bebês roubados na ditadura Espanha Brasil Imigrantes Trabalho Espanha eleições #democraciareal #Acampadasol Espanha protestos Madrid Puerta del Sol #spanishrevoltion Espanha Stop Despejos redes sociais Espionagem da Veja Jose Dirceu Espionagem da Veja Jose Dirceu Observatório da Imprensa espionagem norteamericana Espionagem norteamericana Irã programa nulcear iraniano esquema Estadão Estadão Globo estados unidos Estreito de Ormuz Estudante de Medicina/Cuba estudantes estupro ética EUA EUA LIBA PETROLEO OTAN europa evento. memorial da resistência Evo Morales exército Exilados cubanos em Madrid/ expropriação de bens em supermercado expropriação de super mercado F´rumR.D.E eSocioambiental Transamazonica XIngu Facebook Facebook Anounymous hackers Facebook WikiLeaks Espionagem USA redes sociais Facebookson falha Fany Edelmann fascismo Espanha resistência FARCs Farcs/Chavez/Venezuela/Colombia Farmacia Popular Ministério da Saúde farsa do mensalão Farsa do mensalão. fat Favela da Rocinha FDE/materias pa escolas paulistas/Paulo Reanto?Serra?preços superfaturados FEBEM nas escolas Feliz Natal/ Ano novo próspero e de paz FemenBr feminismo fenatracop Fernanado Haddad Fernando Haddad Fernando Haddad MEC Ki anti hmofobia. Fernando Haddad. Fernando Lugo Fernando Morais FernandoLugo Ferrovia Norte-Sul festa de aniversário festa de aniversário do PT. festa de encerramento FHC FHC Miriam Dutra DNA Globo FHC Plano Real DEM PSDB FHC PSDB FHC. FHC/Foz do Iguaçu/Encontro c/empresários americanos/privatizações Fidel Castro FIESP Homenagem a Lula Lingua de Trapo vídeo Xote Bandeiroso filho de FHC Miriam Dutra Globo Folha de São Paulo filme debate com Toni Venturini finaciamentos de campanha. FMI FNDE Redes públiccas de ensino Bicicletas escolares Folha de São Paulo Folha de São Paulo/ almoço com Lula/ Preconceito Folha de Sp/ Dilma Rousseff Lula Folha de SP/Ditadura Militar/Pau de Arara Folha de SP/O Estado de São Paulo/Apoia a Serra/Lula/Dilma Folha Estadão EBC Luis Nassif Roberto Freire Raul Jugman Helena Chagas TV Brasil José Serra folha mente/Marco Aurelio Garcia/Eleições 2010/Programa de gov. de Dilma fonseca formação de professores Foro de São Paulo Forum debate digital contra a Guerra foto de Chávez. foto de Francisco Franco foto falsa de Hugo Chávez foto falsa. fotos Fotos de Lula e Maluf Fotos do PT França França Maio de 68 Utopia Libertária franquismo fraude fruade nas provas funcionalismo público FUNDEB futebol e política Fux Fuxan os Ventos. Gabriel Chalita/Canção Nova/Educar em oração/Secretaria de Ed. de São Paulo/MED/Haddad Gaddafi Gaddafi Libia OTAN USA Galicia Gaviões da Fiel Genoino George W Bush Geovani Pereira Geraldo Alckimin Gilberto de Carvalho Gilberto Kassab Gilberto Kassab Desapropriação Itaim Bibi Construtora JHSF Gilberto Kassab Rodrigo Garcia DEM PSD Vereador Antonio Donato Gilmar Mendes Gilmar Mendes/Policia Federal/grampos/Lacerda GLBT Gleise Hoffmann Revista Veja Globo Globo cancela debate em SP Goebbels Goiás golpe golpe branco Golpe de Estado no Paraguai golpe militar de 64 Golpe no Paraguai Golpes de Estado Golpistas. Google espionagem manipulação governantes do mundo Governo Dilma Governo Dilma Rousseff Midia troca de ministros governo do Brasil governo federal governo Lula govero de São Paulo gpverno do PSDB Grampos ilegais Grecia Grécia greve Greve da PM na Bahia greve dos professores greve dos professores de março de 2010 Greve dos professores de São Paulo greve dos professores paulistas greve trens de São Paulo grupo abril GUANTÁNAMO Guantánamo Forum pela paz mundial Guantanamo. El Pais Wikileaks Bin Laden Guantánamo. USA. Guarda Civil Metropolitana Guerra Civil Espanhola Guerra da Libia rebeldes Kadafi Guerra do Iraque esabafo de soldado norteamericano Guerra Libia fotos guerra na internet Guerra na web Guerra no Rio/Ronai Braga/Trafico/Milícias Guerra Vietnã Guido Mantega Gustavo Ribeiro Hadda Haddad Haddd Haiti hastag #VejaPodreNoAr hastatag #LulaSejaLuvado Henrique Pizzolato Hgo Chavez Higienização da cracolândia História Hogo Chávez homobia homofobia beijo gay Padaria Bella Paulista homosexualismo Honduras Hospital Sírio Libanês Hotel Naoum Hubert Alquéres Hugo Chavez Hugo Chávez Hugo Chavez Dilma Rousseff Brasil Venezuela Hugo Chavez Fidel Castro Cuba Venezuela Hugo Chávez Internacional Presidência da República Venezuela câncer tratamento de saúde Hugo Chávez Internacional Venezuela crimes oposição Hugo Chavez Venezuela Cuba vdeio Humor Humor/eleições Humor/eleições/candidatura de Serra Humor/Serra/entrevista aCNT/Marcia Peltier Humor/tragédia Hussein Aref Saab ideologia do super aquecimento IDH Brasil PNUDTereza Campelo ídia/direito à informação/Lula igreja.TFP Igrejas homofobia GLBT Imagens de Lula no programa de Serra/TSE/ imigração imperialismo imprensa imprensa étnica Imprensa Golpista imprensa hegemônica imprensa manipuladora e golpista imprensa partidária Imprensa regulação da mídia democratização imprensa. Imprensa(PIG) Crise economica/Marolinha/ Imprensa/Manipulação/STF/Dossiê/Portal IG. Imprensa/Popularidade de Lula/Omissão de notícia incêndio em favelas Incidente em Campo Grande/Militantes do PSDB/PT/ Inclusão MDS ONU indenização indicadores sobre direitos humanos indignados Indio da Costa Aécio Neves CNH Lei Seca Bafômetro inflação política economia USA Brasil Noticiário econômico infográfico do Tuiter inspeção veicular Instituto da Cidadania Instituto Milleniun Instituto Protagonistés Internaciona/Israel atques a navios humanitários/Faixa de Gaza Internacional internet internet rebeliões redes sociais Interntet intolerância invasão policial investigação IPTU Irã Irã. Iran Israel Israel Palestina USA União Europeia Assembléia Geral da ONU Israel USA Palestina Assembléia Geral da ONU Italia Itamar IURD IURD SERASA SPC Jaime Lerner STJ habeas corpus negado Jamil Murad Janaina Cristina Janio Quadros Jango renúncia Janio Quadros UDN Brizola JB jlgamento da AP 470 João Batista Drumond João Fautino PSDB Metrô de São Paulo EMTU João Paulo Cunha Joaquim Barbosa joaquim barboza Jogo Empório Libia EUA Cuba Jorge Pagura Alckimim Secretaria de Esportes de SP Conjunto Hospitalar Sorocaba jornal braisleiro pareciro de empresa de inteligência jornal El Pais Jornal El País. Jornal O Estado de Minas. Jornal O Estado de São Paulo Jornalismo Jornalismo Folha de São Paulo PT Toninho do PT jornalismo Investigativo Jornalistas JornalNacional José Alencar PT Politica Política morte repercussão José de Abreu José Dirceu José Dirceu PT Dilma Lula CNB Jose dos Campos.São Paulo CDDPH José Eduardo Cardoso Jose Eduardo Cardozo José Eduardo Cardozo Min.da Justiça Policia Federal Operação Voucher José Eduardo Dutra/Militância petista/eleição/Dilma Rousseff José Eduardo Dutra/PSDB/Dilma Rousseff/batalhas morais e religiosas/aborto José Eduardo Dutra/TSE/Serra José Eiras Garcia José Genoino José Roberto Santoro Jose Serra José Serra Jose Serra Veja FSP Wagner Rossi José Serra. JPT Juan Wilfredo Soto Garcia dr. Rubén Aneiro Medina Cuba Villa Clara judicialização da política Julgamento julgamento da Ap 470 julgamento da AP470 julgamento do AP470 julgamento do mensalão julgamento do mensalão. Julgamento Mensalão Roberto Gurgel STF Julian Assange/WikiLeaks/Blogueiros progressistas Júlio Lancelotti juros bancários justiça justiça eleitoral Justiça Federal Kadafi Kadafii vídeo Kassab Kassab Imprensa Folha de São Paulo Kassab Prefeitura de São Paulo gastos com publicidade Kassab/prefeitura de SP/saláros/prefeito/vreadores Kennedy Alencar kit anti homofobia. Kit antihomofobia ABGLT Kobayashi/PSDB/Grafica Pana Lançamento livro laura capriglione Lech Walesa Polonia Espanha Protestos em Puerta del SolSolidarnosc Lei da Ficha Limpa lei federal 11.738 STF professores piso nacional Lei Maria da Penha lei seca Aécio Neves PIG Lula Lei sobre papel jornal Leilão de Libra Leilão do Campo de Libra liberdade de informação/ideolgia/Assange/Baltazar Garçon Liberdade para los cinco cubanos Radio Cubana Líbia Libia Conselho de Segurança da ONU Partid dos Trabalhadores Libia Kadafi OTAN Mídia mundial Imperialistas Libia Kamis Gassafi Tripoli limites e possibilidades da militância virtualmilitãncia Lingua portuguesa Livro 'Por uma vida melhor' MEC Lista de Furnas Lista de Furnas. Literatura literatura de cordel livros livros didáticos livros escolas São Paulo Londres Lucia Hippólito Dila Rousseff pesquisas sobre aaceitação do governo Dilma Rousseff áudio CBN Lucia Murat. Luciano Huck Praia fechada em Angra dos Reis Lugo Luis Carlos Bordoni Luis Lanzeta/desmentido sobre dossiê/ Luis Nassif. Luiz Anonio Pagot Lula Lula #2blogprg Lula Dilma Imprensa Lula Dilma Martra Suplicy Fernando Haddad eleiçõe paulistanas Lula Dilma Rousseff eleições 2014 e 2012 Lula Diretório Nacional do PT Lula eleito o mais influente lider do mundo. Lula fala a internautas. Lula imprensa selvageria de Reinaldo Azevedo Lula Jobim Celso Amorim Min da Defesa Lula Ministério do turismo PF Operação Voucher Lula venceu o câncer Lula/ Lula/ José Serra/ José de Abreu/Dilma Lula/Alencar/Ricardo Stucker Lula/blogueirosprogressistas/entrevista exclusiva Lula/Dilma/Mídia/Aluizio Mercadante/ Lula/história em quadrinhos//lançamento Lula/Imprensa/Roberto Carlos/Candinha Lula/Oscar. M.Esportes .mídia MAC MacDonalds Madrid Calle Lavapiés vídeo Mafaia máfia do ISS máfia dos fiscais Mafia dos transplantes Maifestação de estudantes em SP/repressão policial/vídeo Mailson da Nobrega Malafai Malafaia Maluf Maluf. mancada daGlobo Manidestação/Democracia/CPI engavetadas do PSDB de SP manifestação Manifestação contra a mídia golpista Manifestação contra ataque israelense a frota hum.?Gaza Manifestação contra mídia golpista/blogueirosprogressistas/C.E.M.Barão de Itararé manifestação de médicos Manifestação em defesa da liberdade de expressão-Centro de Estudos da Mídia Barão de Itararé manifestação em Goiania Manifestação pela liberdade de expressão/Velha Mídia/Mídia independente/Blogueiros progresistas Manifestaçõe s USA Ocupas manifestações manifestações Brasil Manifestações do 15 de outubro pelo mndo. Portugal manifestações dos cosinhas manifestações em Atenas manifestações em Madrid. #marchaminera manifestações estudantes manifestações medidas Manifestações no Brasil manifestações p/redução da tarifa. manifestações populares manifesto / abaixo assinado/eleições Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova Manifesto pela educação manipulação manipulação da fé manipulação da informação. manipulação da mídia. manipulação da mídia.. manipulaçãod informação manipulações da imprensa Folha manipulações espionagem Zé Dirceu Mano Brown Marcha contra a corrupção. Av.Paulista Marcha para Jesus Protestos de envangélicos violênca dos organizadores da marcha Marchas contra a corrupção 7 de setmbro Marcio Thomaz Bastos Marco Maia Marconi Perillo Marcos Valério Marighela Marina Marina Silva Marina Silva Heloisa Helena PSOL PV Marisa Leticia marlene bergamo Marta Suplicy Marta Suplicy CEUs São Paulo educação cidade educadora Marta Suplicy Fernando Haddad eleições municipais 2012 Masi Médicos MAVs MDS Combate à fome ONU Bolsa Familia Brasil sem miséria MEC MEC ENEM Folha de São Paulo MEC escolas de tempo integral Fernando Haddad MEC Fernando Haddad MEC Fernando Haddad aumento de dias letivos. MEC livro didático ensino de lingua portuguesa falado povo. MEC livro didático Organizações Globo Lula Sardemberg Merval Pereira MEC PAC 2 PROIFÂNCIA Constução de creches.. medicina cubana medicos cubanos Médicos cubanos meios de comunicação Melhor em casa SOS Emergência Memorial da America Latina Cuba XIX Convenção de solidariedade a Cuba Memorial da Resistência Memorial da resistência A guerrilha do Araguai Memorial da Resistência em SP XIX Convención Nacional de Solidariedade a Cuba Memorial da resistência Rubens Paiva Mostra de fotos Memorial da Resistência Sábados Resistentes Memorial da Resistência Teatro Heleny Guariba Memorial da Resistência/ Atentado no Rio Centro Primeiro de Maio Memorrial da Resistência /40 anos sem Merlino -evento Memrial da Resistência palestra Anita Leocádia Prestes menina queimada com napalm Mensagem de fim de ano da Liderança do PT na Câmara mensalão Mensalão Carta Capital Marcos Coimbra Vox Populi Mensalão do DEM Durval Barbosa DF Mafia dos Terrenos Paulo Octavio Agnelo Queiroz Mensalão do PSDB Mensalão mineiro mensalão. Mensalão/Golpe/Lula mentiras na net/aeroporto em São Paulo Mentirs/Apoio a Serra/Marina?PV Mercosul Merval Pereira Merval Pereira Murdock Imprensa Poder Política Merval Pereira/sabatina de Serra na Uol/ A República de Platão. mesalão metro Metrô Metrô de São Paulo/Fruades/Licitações/Serra Metrô de SP México Cantinflas Centenário de seu nascimento vídeo Miami Herald Mída midia mídia Mídia Murdock regulação da mídia Mídia (PIG) midia /política Midia blogsfera Glisi Hoffman mídia corporativa Midia democratização Lei de Medios Teialivre Midia Dilma Rousseff Lula Mídia esgoto/Diego Escosteguy na matéria da Veja mídia golpista Midia golpista protestos de rua Dilma Rousseff mídia golpista. Midia golpista/Merval/Jabor/CaetanoVeloso Mídia hegêmonica mídia hipócrita Mídia internacional- El País. Midia internacional/Le Monde/Lula Midia Isto É Oslo A Qaeda Mídia manipulação mensagem subliminar Midia oposição denuncismo UDN Midia. Mídia. Mídia/ blogsfera/ democratização da comunicação. Mídia/ manipulação/ Telebrás Midia/ serra Midia/anistia/ditadura militar Midia/blogprog/Tv do trabalhador. Midia/blogsfera. Mídia/CBN/O Globo/ suposto dossiê de Veronica Serra. Midia/ditadura militar/arquivos oficiais do Estado mídia/eleições 2010 Midia/Folha/Golobo/Veja/Golpismo/João Cabralde Melo Neto/blogueiros progressistas Mídia/Globo/Record/Igrejas pentecostais/Dunga/Seleção brasileira de futebol Mídia/Jornal Nacional/Globo/ Mídia/manipulação/crescimento econômico. Midia/política Midia/sinopeses do dia 16 junho 2010 mídias sociais midida Miguel Hernandez Espanha Fascismo Vandalismo da direita mÍídia esgoto/Amaury R. Jr militância Militância na internet. militância petista. militantes do PSDB min Carmen Lucia Min dos Esportes Min.Erenice Guerra/ Nota a imprensa Min.Paulo Bernardo/Regulação da Mídia/Min. das Comunicações/Conselhos de Comunicação Social Minha Casa Minha Vida Ministério da Educação Ministério da Saúde Ministério da Saúde Farmácia Popular medicamentos gratuitos ministério do trabalho Ministério dos Esportes Ministério dos Transportes PR Ministério dos Transportes. Ministério Público Ministra Maria do Rosario Ministro Celso Amorim Maria do Rosario Ministro da Saúde Alexandre Padilha. Ministro de Minas e Energia. MINISTRO DO INTERIOR SE DEMITE Ministro Padilha/ Dilma/Lula/alianças políticas Ministro Ricardo Lewandowxki mino carta Mn.Fazenda MST INCRA Manifestaç~~oes em Brasilisa mobilidade social no governo PT. Mobilidade urbana mobilidade urbana. Mobilização Mobilizadas Móidia. eleições 2010 Monica Serra/Torquemada Monumento aos mortos e cassados pelo Golpe de 64 morador de rua moradores de rua moradores de rua. Moradores de rua/São Paulo/Crack. morte de Edson Luis de Lima Souto Mov.sindical CUT Movimento anti-aborto Movimento Gota D'água movimentos sociais MP MP dos Correios MP./Serra ?denúncia/crimes/difamação/calúnia MPF racismo preconceito nordestinos Mayara Petruso MPL MST acampamento infantil campanha MST. Muammar Kadafi Mulheres Mulheres e política. mundo mundo insólito múscia caipira. Museu da Imigração de SP Museu da Republica Música Naji Nahas Nelson Jobi Nelson Jobim Nelson Jobim Min Defesa entrevista Nelson Jobin Dilma Rousseff Ministério da Defesa Nelson Pelegrino Netinho de Paula eleições municipais em São Paulo Nicolau Maquiavel Nobel de economia/Emprego/desemprego Noblat/Merval/Carta Capital/Veja/ O Globo/Veronica Serra Norma culta / lingua vulgar/ vídeo NOSSA LINHA EDITORIAL Nota à Imprensa sobre a Comunidade Pinheirinho nota de repúdio nota oficial s/julgamento da AP 470 notícias notícias internacionais Notícias internacional wikileaks Notícias sociedade wikileaks Nova Marginal Tietê novela novela SBT Amor e Revolução O 15 M analise siginificado e perspectivas do sapnishrevolution . O Estado de São Paulo O Globo O Globo. golpe militar de 64 OAB Obama Brasil Dilma relações diplomáicas. Obama Dilma visita oficial de Obama ao Brasil Obama divida pública USA Obras do PAC obras do PAC governo Federal obras públicas obreira da igreja universal ocupação de emissora de TV Ocupy Wall Street Olimpíadas2012 Oliver Stone/ Serra/Dilma/Schwarzenegger/Israel?USA ONU operação condor operação Monte Carlo operação Robin Wood Operaçõ Voucher Ophir Cavalcante Opinião/ oportunismo partidário orçamento de 2012 sugestões do cidadão Organização do Tratado do Atlântico Norte orkut Orlando Silva Orlando Silvaprocessos de licitação Copa do Mundo 2014 os cinco cubanos presos nos EUA Osama Bin Laden Barack Obama Bush Saddam Husein Guerra do Iraque Word Trade Center Osama Bin Laden Torres Gêmeas Reflexões de Fidel Castro Oscar Nyemeir/apoio a Dilma Oscar Nyemeyr Fidel Castro camapnha midiatica cntra Cuba caso dos cinco antiterroristas presos USA OTAN Otavio Cabral otávio frias filho PAC PAC/ Pacto Nacional para a Alfabetização na idade certa Padre Marcelo Rossi página na internet Pagor Pagu Palestina Palestina .Onu Israel palestra #Privataria Tucana Palestras de Lula g´ratis na Nicarágua Palestras s/diadura militar. Palicci enriquecimento ilícito Câmara dos deputados Senado Federal Palocci Zé Dirceu Dilma Rousseff Erenice GuerraPIG Casa Civil Palocci Ana de Hollanda Dilma Rousseff Imprensa Palocci Paulo Bernardo Pane no Metrô panfletos apócrifos panfletos difamatórios a Dilma Rousseff/CNBB Panfletos difamatórios da Igreja católica a Dilma/Apreensaõ em gráfica de São Paulo Papa Bento XVI Papa Francisco Papa/campanha eleitoral/aborto Parada Gay AV Paulista Protesto vídeo Parada Gay Festa e protestos Paraguai Paraguai revista Nova Escola parlamentares Parlamento Participação do Brasil partidarização partidirização daimprensa Partido dos Trabalhadores. Partido dos Trabalhadores/Militância?Memórias Patidos políticos Patrus Ananias Paulo Paulo Fonteles Filho Paulo Henrique Amorim Paulo Pavesi Paulo Preto Paulo Preto/Serra/Caixa 2/Dersa/Revista IstoÉ Paulo Preto/Serra/Dersa/Liderança do PT/Alesp Paulo RenatoSouza/ entrevista/ educação PauloPreto PC do B PC doB PCC PCdoB PDT peão Pedro Bial perfil chavezcandanganga pesquisa jornalistas sindicato dos jornalistas RS pesquisa CNI IBOPE Pesquisa CNT/SENSUS/Dilma/Serra/Marina pesquisa DataFolha Pesquisa Ibope pesquisa/CNT/Sensus. pesquisas Pesquisas de intenção de votos/Vox Populi/Data Folha?Dilma/Serra Pesquisas eleitorais/Datafolha/Vox Populi pesquisas internas PT/ Dilma/Serra Pesquisas/DataFolha. Pesquisas/Datafolha/Ibope/CNI/Folhamente Petição de apoio petição pública Petrobras Petrobrás Petróleo Chevron vazamento PréSal Policia Federal PF PF Operação Voucher PF pornografia infantil PF. PGR PHA blog sujo PIB. PIG PIG/Veja?Diego Escosteguy/Dilma/MME/esclarecimentos piñera Pinheirinho Pinheirinho. São José dos Campos Pinheirinho.S PISO SALARIAL DO MAGISTÉRIO Pisosalarial nacional Pizzolato plagio Plano Brasil Maior Neoliberalismo Miriam Leitão Plano Brasil sem miséria governo DilmaRousseff. Plano de Habitação Plano Estratégico de Fronteiras Dilma Rousseff Plano Nacional de Diereitos humanos plebiscito Plenária com sindicalistas PM PMDB PME PNBL/Centro de Estudos da Mídia Barão de Itararé/ Gibi/Inclusão digital PNE PNE Educação PNE MEC Fernando Haddad PNE UNE Angelo Vanhoni PNE/Fernando Haddad/MEC/ PNUD Poesia homenagem a Lorca Poesia/Gramsci/apresentação da prof. Carla Policarpo Jr Policarpo JR. Policarpo Junior policarpo júnior policia polícia federal Polícia Federal/dossi~es/Receita Federal/Desmentido / Folha de São Paulo Policia violenta Movimento contra aumento de nibus em SP políica política Política e futebol Política internacional/ Lula/Irã/acordo. Política monetária/Banco Central Política- internacional Política/ comportamento da mídia Política/ Cuba Política/Internacional/Irã Política/projeto Ficha Limpa políticos ligados a Cachoeira popularidade de Dilma Rousseff Portal Terra. Portugal posse do Ministro PP PRB Pré -sal. pré estréia documentário Pré sal Pré-Sal Pré-sal petróleo Petrobras PAC 2 Preconceito com homosexuais preconceito/xenofobia/ódio/intolerância contra nordestinos Pref. de São Paulo Prefeittura de São Paulo Prefeitura de São Paulo Prefeitura de SP. contratos de empresas de onibus prêmio corvo do ao. PremioFour Fredons presidência/hipocrisia prevenção de enchentes. Previdência Social Primeiro de Maio em Cuba. Privataria Tucana Privataria Tucana- humor Privatização Professor de sociologia professores professores de escolas públicas. Prog.Alfabetização na Idade Certa programa de governo Programa de Governo de José Serra programa de governo de Serra Programa do Ratinho entrevista Lula. SBT Programa Mais Médicos. Programa Mulheres Mil MEC Fernando Haddad Programa Roda Viva proibição de distribuir sopa Proj. da Lei Azeredo/blogueiros progressistas/blogagem coletiva Projeto Aumento do Salário Mínimo Projeto de Lei que criminaliza a homofobia Projeto de transposição do Ri São Francisco. Projeto Revelando os Brasis Ptrobrás Pronatec Fernando Haddad MEC pronunciamento pronunciamento à Nação Pronunciamento de Dilma Rousseff sobre redução de tarifa de energia. pronunciamento de Lula e reação da oposição propensão ao crime Propina Metro Alston São Paulo Brasilia propinas Propinoduto propostas para educação Proteção à crianças eadolescentes protesto em São Paulo/mobilização Protesto na Espanha/ Mobilização nas redes sociais Protestos naEspanha/Dia Internacional da Internete Casa de América em Madrid. protestos violência Protógenes Queiroz Protstos ProUni Prtógenes Queiroz PSB PSDB PSDB paulista propaganda de Tv Aluisio NUnes PSDB/TFP/campanha eleitoral/blogueiros sujos/blogueiro limpo PSOE PT PT /ãções contra Serra/ tentativa de golpe eleitoral PT 10 anos de governo PT 4 Congresso Brasilia PT base aliada oposição CPI crise PT FHC PSDB oposição PT. 30 anos PT. Djalma Bom PT. governo petista PT.Intertiviade com a militância PT/José Eduardo Dutra/Serra/Indio da Costa PT/Opção de vida. PV Frances/ apoio a candidatura Dilma Rousseff Quadrilha de fraudadores de concursos públicos quebra de sigilo de Perillo questão racial quimioterapia Racionais MC's racionamento de energia racismo racismo vice consul dos USA India Racismo/preconceitos/homofobia/ataques a jovens na avPaulista Radigrafia radio CBN rádio CBN Rafael Correa Rafihna Bastos CQC Violência contra mulheres. rap reajuste de servidores. receitas de coxinha reciclagem garrafas pet construções alternativas Recife recusa a convite p/debate. Rede Globo Rede Globo Rodrigo Vianna Celso Amorim Jornalismo redes sociais redes sociais falsa notícia sobre assasinato redes sociais marchas contra a corrupção mídia redes sociais. redes socias Assange espionagem reforço escolar Reforma reforma política reforma política comissão do senado p/reforma política mobilização popular Reforma política financiamento público de campanha reforma política Partido dos Trabalhadores Mobilização Regulação da mídia Congresso Nacional Regulação da mídia Congresso Nacional BarõesdaMidia Alvaro Dias Jarbas Vanconcelos Reinaldo Azevedo Reinaldo Gianechini reitegração de posse Reivista Isto É relações perigosas entre imprensa e judiciário. relatórioda CPI do Cachoeira. religião/política. Repasol reportagem do JN. Reporter agredida em MS repressão policial repressão policial em Barcelona Isquierda Unida República espanhola. resistência cultural resistência pacífica de PAH resposta a Veja da Casa Cicil Ressentimento/preconceito/ódio/Serra/festa da vitória/CQC.tumulto em Brasilia restaurante Calabouço retrospectiva Reunião Reunião doMercosul reuniões Revista de História da Biblioteca Nacional Revista Epoca Revista Época Revista Época. Revista Free São Paulo Revista Nova escola/Abril/Fundação Victor Civita/invasãode privacidade de professores/redes sociais. Revista Veja Revista Veja de 1994 Revista Veja quer enterrar a CPI Revista Veja. Revistas Veja revolta revolta popular Revolução Bolivariana. Revolução cubana Cuba esistência Ricardo Lewandowski Ricardo Sergio Oliveira/Paulo Preto/Clovis Carvalho/FHC: todos os homens de José Serra Ricardo Stucker Rio de Janeiro Rnaking /liberdade imprensa/Serra censor Roberto Carlos ditadura militar jovem guarda fino da bossa Elis Regina roberto civita Roberto Freire Roberto Gurgel roberto jefferson Robôs Rocinha UPPRiode Janeiro Rodoanel Rodrigo Viana Celso Amorim Luis Nassif RedeGlobo Rodrigo Vianna Rede Globo Princípios editooriais das Organizaçoes Globo Roger Abdelmassih Gilmar Mendes Ronaldinho Gaúcho Roque Barbieri Rose Neubauer Rosemary rota Rota - Royaties do Pré Sal Rubinei Qrícoli/Erenice Guerra/JN/SBT/ Rural Russomano Sãao Paulo SAC salario minimo salario mínimo oposição ao governo Dilma Força Sindical samba enredo samba enredo da Gaviões da Fiel Sanchez Gordillo Santa Casa de Poços de Caldas são josé dos campos São José dos Campos -São Paulo São Paulo São Paulo migrações imigrações preconceito luta de classes identidade cultural São Paulo Mobilidade Urbana Trecho Norte do Rodoanel São Paulo/educação/professores. SãoPaulo SãoPaulo. saques a supermercados Sara Winter Sardemberg SARESP Sarney Saúde Mulher Rede Cegonha saúde transtorno bipolar UNB SBT Novela Amor e Revolução Ditadura Militar no Brasil schneider sebastián Secretaria de Direitos Humanos Secretaria de Educação de São Paulo Secretaria de Educação/aulas de recuperção/pgamento a alunos para frequentar aulas. SELIC COPOM Mídia seminário Senado Senado Federal Sentença sentença antecipada de condenação Sepulveda Pertence Sergio Guerra arranca cartaz do gab de Protógenes. Sergio Reis Ferreria SERPRO Ataques cibernéticos Hackers Presidência segurança sites a da República Serra Serra censura/confisco de fitas/campanha eleitoral/tentativa de golpe/velha mídia/blogueiros progressistas. Serra FHC PSDB tucanos jovens V.Madalena Serra pesquisa de opinião disputa pela prefeitura de São Paulo Serra.Alckimin Serra/ Livro Porões da Privataria Serra/ Lula/ por que no te callas? Serra/Dilma/TSE/Golpe da cassação do registro de Dilma/Mobilização Serra/dossiês/Dantas/Amaury/ Livro Porões da Privataria Serra/FHC/Campanha eleitoral Serra/Gilmar Mendes/Folha de SãoPaulo/STF Serra/Mentiras/Diap/salário mínimo Serra/Mentiras/Paulo Preto/Polícia Federal Serra/Sus/Alckimin/remédios/ Serra/Vendoin/Máfia das ambulâncias/propinas/PSDB/Planam/ Serra/Veronica Serra/ Receita Federal/Lucia Milan Siemens silêncio da Mídia Sindicato dos Banc´rairos Sinopses dos principais jornais. SIP sistema político sistema político poder econômico corrupção caixa 2 reforma política financiamento público de campanhas Poder da mídia SISU/MEC/ Site falso/campanha suja/PSDB mentiroso e canalha socialies Folha de São Paulo reunião Lingua de Trapo coquetel beneficente socialites Sócrates Soldados da Guerra Fria Soledad Barrett Soninha Francine cham Haddada de FDP SRF STF STF Mensalão Lewandowski José Dirceu Jose Genoino STF Piso salarial nacional p/magistério ADIN STF. STF/ONU/Gilmar Mendes/ONG Justiça Global/Folha STJ/ALCA/SSIVAM/STF/FHC/Gilmar Mendes/ANAMATRA sub-prfeituras. Sul 21 Superavi Suprema Corte Suprema Corte do Paraguai SUS SUS CPMF Adib Jatene SUS Ministro Padilha crack alcool drogas UBS SUS Programa Melhor em Casa SUS Votaçãono Senado saúde Taxa de desemprego Teatro Décio de Almeida Prado Telecinco Espanha Televisão teorias da conspiração. terras indigenas Miriam Belchior terrorismo midiático terrorismo na web TFP TFP/Lingua de Trapo/ seria cômico se não fosse trágico. Theotonio dos Santos TJF do Distrito Federal Quicoli retratação PT Tonico e Tinoco tortura torura trabalhador tracing Vox Populi?Band Tracking IG/eleições/pesquiss diárias/Dilma/Serra Tracking Vox/Band/IG/TSE/Dilma/Serra TrackingVox Populi- Band- IG tráfego de orgãos Tragédia no Rio de Janeiro/Enchentes/ trânsito transportes transportes públicos Tribunal supremo. TSJ tucano tucanos tucanos ficha suja tv folha TV Globo TV Record Tv.Brasil documentário ditadura militar participação dos USA TV.Canção Nova/Eleições/Direireito de resposta /PT TV.Espanhola/Informe Semanal/Brasil/Lula/Dilma twitter Twitter blog com pedofilia SaferNet denúncia UJS Umasur UNASUR UNB. UNE<PT União Européia universidades Universidades Federais USA USA homem rouba assistência médica USA Occuppy WallStrett USA Pentágono Documentos da Guerra do Vietnam USA. Twitter Usina de Belo Monte Usina de Belo Monte PAC 2. uso da máquina pública. USP USP Maconha Invasão da reitoria mídia utilidade pública pessoa desaparecida Sulamita Valencia valeriuduto Vazamento de dados da Receia Federal/Veronica Serra vazamento de documentos Veja Veja Abril Veja ação criminosa José Dirceu Veja espionagem no Hotel Naoun ZéDiiceu Veja hackers espionagem Brasilia Zé Dirceu Hotel Veja incitação ao crime Veja manipulação mentiras PIG Veja Mentiras Veja Zé Dirceu mentiras. Veja Zé Dirceu Hotel Naoun espionagem Veja. Veja. Twitter Veja/Abril/anunciantes Veja/Diego Escosteguy/Manipulãção/Erenice Guerra/ANAC/Correios/MTA Veja/Inst.Milleniun/midiagolpista Veja/midiaesgoto/ Vejafede/desmentido/Anac. Venda da nossa Caixa venda de casa do governador Marconi Perillo venda de emendasparlamentares Venezuela Venezuela Hugo Chavez verbas de publicidade Vereador DEM/ agressão a reporter. vereador Jose Rainha do PT vice Victor Civita vídeo Vídeo Bezerra da Silva/ Serra? Ackimin vídeo Che Guevara vídeo Cristina Krischener vídeo de estudantes da UNB vídeo Dilma Ditadura Militar Agripino Maia vídeo Gigante despertou Video homenagem ao aniversário de Che Guevara vídeo humor vídeo José de Abreu Tico Tico no Fubá vídeo Lula ao sair do Hospital vídeo Todos os homens do quase presidente Vídeo. Aniversário da Revolução cubana vídeo/aniversário de São Paulo. vídeo/Intervozes/Direito à comunicação vídeo/preconceito/ video/serra/MarciaPeltier/programa gravado pa CNT Vídeo/Serra/Professores/servidores públicos. vídeos explicativos. Violação de direitos violência contra a mulher violência contra médicos cubanos. violência crianças infratoras escolas públicas VisaNet Vox Populi/Dilma/pesquisa /percepção do futuro governo Dilma Weekileaks WekeLeakes/José Serra/reunião de Foz de Iguaçu/ Wikileaks WikiLeaks/Celso Amorim/Zelaya/Golpe em Honduras WikiLeaks/Julian Assange/Kristinn Hrasfnssono WikiLeaks/Julian Assange/Rupert Murdoch WikiLeasks/ Wikleakes Yoani Sanchez Yoani Sánchez YPF Zé Dirceu Zé Dirceu Serra Gilberto Kassab Geraldo Alkimin Dilma Rousseff Arquivo do blog Arquivo do blog Abril (1) Fevereiro (1) Agosto (4) Março (1) Janeiro (1) Dezembro (5) Novembro (13) Outubro (6) Setembro (2) Agosto (5) Julho (11) Junho (20) Maio (7) Abril (5) Março (10) Fevereiro (9) Janeiro (11) Dezembro (12) Novembro (25) Outubro (46) Setembro (24) Agosto (34) Julho (34) Junho (39) Maio (48) Abril (51) Março (28) Fevereiro (32) Janeiro (45) Dezembro (60) Novembro (49) Outubro (61) Setembro (47) Agosto (97) Julho (68) Junho (75) Maio (70) Abril (36) Março (43) Fevereiro (29) Janeiro (26) Dezembro (44) Novembro (32) Outubro (118) Setembro (105) Agosto (43) Julho (36) Junho (66) Maio (59) Abril (66) Março (45) Fevereiro (2) Janeiro (6) Novembro (5) Setembro (5) Agosto (1) Julho (7) Junho (4) Maio (10) Abril (12) Março (3) Fevereiro (3) Janeiro (4) Dezembro (7) Novembro (9) Visitantes Recentes Custom UsuárioCompulsivo Widget BlogBlogs



http://www.gazetadopovo.com.br/blogs/educacao-e-midia/
  Educação & Mídia - Instituto GRPCOM - Blogs Gazeta do Povo Enkontra.com Populares Obsessões Últimas Blogs Buscar Buscar Populares Obsessões Últimas #Reinaldo Bessa #Artigos do Dia #Jornalismo de Impacto #Índice de Liberdade Econômica #Copa do Brasil #Obituário Localização /* --- NOME DO BLOG --- */?> Educação e Mídia /* --- SIGA O BLOG --- */?> Seções Conheça Educação Educomunicação Leitura ... Educação & Mídia - Instituto GRPCOM - Blogs Gazeta do Povo Enkontra.com Populares Obsessões ... --- */?> Educação e Mídia /* --- SIGA O BLOG --- */?> Seções Conheça Educação Educomunicação Leitura Mídia Posts Práticas pedagógicas Tags + Blogs /* --- SIGA O BLOG (MOBILE) --- */?> /* --- BUSCA --- */?> Buscar Qual a melhor escola para os meus filhos? por Educação e Mídia A segurança do início do ano letivo por Educação e Mídia Você cuida da sua privacidade online? por Educação e Mídia O CACHE

Educação & Mídia - Instituto GRPCOM - Blogs Gazeta do Povo Enkontra.com Populares Obsessões Últimas Blogs Buscar Buscar Populares Obsessões Últimas #Reinaldo Bessa #Artigos do Dia #Jornalismo de Impacto #Índice de Liberdade Econômica #Copa do Brasil #Obituário Localização /* --- NOME DO BLOG --- */?> Educação e Mídia /* --- SIGA O BLOG --- */?> Seções Conheça Educação Educomunicação Leitura Mídia Posts Práticas pedagógicas Tags + Blogs /* --- SIGA O BLOG (MOBILE) --- */?> /* --- BUSCA --- */?> Buscar Qual a melhor escola para os meus filhos? por Educação e Mídia A segurança do início do ano letivo por Educação e Mídia Você cuida da sua privacidade online? por Educação e Mídia O Conselho de Educação como estratégia para a gestão democrática por Educação e Mídia O Melhor da vida é simples e de graça por Educação e Mídia Educação e Trabalhos Manuais: O artesanato como ferramenta de aprendizagem por Educação e Mídia Os desafios educacionais e o novo modelo do Ensino Médio por Educação e Mídia O primeiro passo da trilha profissional por Educação e Mídia As férias escolares: descanso e aprendizado por Educação e Mídia Tecnologia e escola: o futuro de nossos alunos por Educação e Mídia Porque são necessárias senhas fortes por Educação e Mídia Educação com passeio no museu: a experiência de aprofundar o conhecimento como uma oportunidade lúdica e instrutiva por Educação e Mídia Acolhimento do migrante é oportunidade de crescimento para o país por Educação e Mídia Gênero e Sexualidade: o debate que precisa chegar à educação por Educação e Mídia Aprendizagem informal como tendência no ensino formal por Educação e Mídia Uma trilha de inovação na educação por Educação e Mídia Carregar Mais Carregando... mais lidas da semana Uso das novas tecnologias em sala de aula Educação e Mídia O que significa trabalhar com projetos na Educação Infantil? Educação e Mídia Família e escola: Quais são os papéis? Educação e Mídia Alfabetização no método Montessori Educação e Mídia mais comentadas da semana A horrível morte da 'nova direita' por Caixa Zero 247 Moro, Bretas e o Judiciário se expõem ao ridículo por R$ 4,3 mil por Caixa Zero 158 Marcia Tiburi tem todo o direito de não debater com Kataguiri (e de não legitimar algo que despreza) por Caixa Zero 93 A maior vitória contra o socialismo desde a queda do Muro de Berlim por Alexandre Borges 79 Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais Expediente Termos de Uso Dúvidas Frequentes Fale Conosco Mapa do Site Assinaturas Trabalhe Conosco Anuncie Agência de Notícias GRPCOM - Grupo Paranaense de Comunicação Gazeta do Povo Jornais Gazeta do Povo Tribuna Sempre Fam&aicute.lia RPC HDView 98 FM Mundo Livre FM Instituto GRPCOM



https://games.mercadolivre.com.br/video-games/sao-paulo/teclado-midi-5
  Teclado Midi 5 - Video Games em São Paulo no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em Video Games Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games Video Games teclado midi 5 100 resultados São Paulo Organizar anúncios Mais relevantes Mais relevantes Menor preço Maior preço Console ... Auto R$ 119 12x R$ 11 35 Gta V 5 Xbox 360 Mídia Física Lacrado! Grand Theft Auto V 11 205 vendidos - São Paulo R$ 184 12x R$ 17 52 Gta 5 Xbox One Pt Br Gta V Mídia Física Pt Br Novo 28 255 vendidos - São Paulo R$ 170 12x R$ 16 15 Gta Grand Theft Auto V Xbox One Mídia Física Nacional 12 152 vendidos - São Paulo R$ 159 12x R$ 13 25 sem juros Grand Theft Auto V Gta 5 Mídia Física Ps4 12xs/juros 73 vendidos - São Paulo R$ 170 12x R$ 16 15 Jogo Gta 5 Grand Theft Auto V Ps4 Mídia Cd + Mapa Pôster 19 CACHE

Teclado Midi 5 - Video Games em São Paulo no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em Video Games Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games Video Games teclado midi 5 100 resultados São Paulo Organizar anúncios Mais relevantes Mais relevantes Menor preço Maior preço Console Jogos PS3 (34) Jogos PS4 (29) Jogos Xbox One (17) Jogos Xbox 360 (15) Jogos para PC (4) Jogos Nintendo Switch (1) Série GTA - Grand Theft Auto (69) Resident Evil (7) The Elder Scrolls (2) Gran Turismo (2) Metal Gear Solid (2) Devil May Cry (1) Far Cry (1) Street Fighter (1) Tony Hawk (1) Ver todos Escolher Série Devil May Cry (1) Far Cry (1) GTA - Grand Theft Auto (69) Gran Turismo (2) Halo (1) Lego Harry Potter (1) Lego Marvel (1) Metal Gear Solid (2) Project Cars (1) Resident Evil (7) Street Fighter (1) Tekken (1) The Elder Scrolls (2) Tony Hawk (1) Outras Séries (9) Título GTA 5 (68) Resident Evil 5 (2) The Elder Scrolls 5: Skyrim (2) Gran Turismo 5 (2) Resident Evil 6 (1) Solid 5: The Phantom Pain (1) Solid 5: Ground Zeroes (1) GTA San Andreas (1) Halo 5: Guardians (1) Ver todos Escolher Título GTA 5 (68) GTA San Andreas (1) Gran Turismo 5 (2) Halo 5: Guardians (1) Lego Harry Potter 1 (1) Resident Evil 5 (2) Resident Evil 6 (1) Solid 5: Ground Zeroes (1) Solid 5: The Phantom Pain (1) The Elder Scrolls 5: Skyrim (2) Outros Títulos (8) Pagamento Sem juros (46) Condição Novo (94) Usado (6) Cidades Capital Zona Sul (16) Capital Centro (12) Capital Zona Leste (11) Itaí (7) São José dos Campos (7) São Bernardo do Campo (6) Catanduva (3) Mogi das Cruzes (3) Poá (3) Ver todos Escolher Cidades a Araçatuba (1) b Barretos (1) Boituva (2) c Campinas (2) Capital Centro (12) Capital Zona Leste (11) Capital Zona Norte (2) Capital Zona Oeste (1) Capital Zona Sul (16) Catanduva (3) Cotia (2) f Ferraz de Vasconcelos (1) Franca (1) i Itapecerica da Serra (1) Itapira (1) Itaí (7) j Jacareí (1) Jaú (1) m Mogi das Cruzes (3) n Nova Granada (1) p Paulínia (1) Piracicaba (1) Poá (3) r Ribeirão Preto (2) s Salto (1) Santo André (1) São Bernardo do Campo (6) São Carlos (1) São José dos Campos (7) São Miguel Arcanjo (1) t Taboão da Serra (1) Não encontramos cidades que coincidam com a sua busca. Preço Até R$45 (32) Mais de R$100 (47) R$45 a R$100 (21) Envio Frete grátis (39) Mercado Envios (86) Mais especificações Melhores vendedores (53) R$ 169 12x R$ 16 05 Jogo Gta 5 Grand Theft Auto V Ps4 Midia Fisica Lacrado 303 374 vendidos - São Paulo R$ 161 12x R$ 13 42 sem juros Grand Theft Auto V Gta 5 Em Portugues Midia Fisica Ps4 132 201 vendidos - São Paulo Ver mais Grand Theft Auto R$ 119 12x R$ 11 35 Gta V 5 Xbox 360 Mídia Física Lacrado! Grand Theft Auto V 11 205 vendidos - São Paulo R$ 184 12x R$ 17 52 Gta 5 Xbox One Pt Br Gta V Mídia Física Pt Br Novo 28 255 vendidos - São Paulo R$ 170 12x R$ 16 15 Gta Grand Theft Auto V Xbox One Mídia Física Nacional 12 152 vendidos - São Paulo R$ 159 12x R$ 13 25 sem juros Grand Theft Auto V Gta 5 Mídia Física Ps4 12xs/juros 73 vendidos - São Paulo R$ 170 12x R$ 16 15 Jogo Gta 5 Grand Theft Auto V Ps4 Mídia Cd + Mapa Pôster 19 124 vendidos - São Paulo R$ 165 12x R$ 13 75 sem juros Gta Grand Theft Auto V Xbox One Mídia Física Nacional 9 84 vendidos - São Paulo R$ 165 12x R$ 15 67 Grand Theft Auto V Ps4 Incluso Mapa Mídia Física 8 83 vendidos - São Paulo R$ 39 6x R$ 6 50 sem juros Gta 5 Mídia Digital Português Ps3 Psn Envio Agora 118 vendidos - São Paulo R$ 160 12x R$ 15 20 Gta Grand Theft Auto V Ps4 Mídia Física Envio Imediato 10 69 vendidos - São Paulo R$ 18 Grand Theft Auto V Gta 5- Pc-dvd (9 Dvds)-(midia Fisica) 6 52 vendidos - São Paulo R$ 119 12x R$ 11 35 Gta V 5 Ps3 Mídia Física Lacrado! Grand Theft Auto V Pt-br 3 37 vendidos - São Paulo R$ 80 12x R$ 6 67 sem juros Grand Theft Auto 5 Gta 5 Ps4 Midia Digital 58 vendidos - São Paulo R$ 158 12x R$ 15 01 Gta V Ps4 Mídia Física 23 vendidos - São Paulo R$ 169 12x R$ 16 04 Street Fighter 5 Arcade Edition - Ps4 Mídia Física 3 62 vendidos - São Paulo R$ 34 6x R$ 5 75 sem juros Gta 5 Grand Theft Auto V Ps3 Psn Midia Digital 140 vendidos - São Paulo R$ 170 12x R$ 16 15 Gta V Grand Theft Auto Ps4 Mídia Cd Frete Grátis 3 35 vendidos - São Paulo R$ 149 12x R$ 14 20 Jogo Gta 5 Ps4 Grand Theft Auto V Mídia Física Lacrado 15 vendidos - São Paulo R$ 177 12x R$ 16 81 Gta 5 Ps4 Grand Theft Autoto V Mídia Física 2 33 vendidos - São Paulo R$ 155 12x R$ 14 72 Gta V 5 Ps4 Mídia Física Lacrado! Grand Theft Auto V Pt-br 2 87 vendidos - São Paulo R$ 159 12x R$ 13 25 sem juros Grand Theft Auto V Gta 5 Xbox One Em Português Mídia Física 17 vendidos - São Paulo R$ 16 Gran Turismo 5 - Legendado Em Pt Br - Mídia Física - Ps3 Usado - São Paulo R$ 10 2x R$ 5 sem juros Gta 5 Mídia Digital Envio Imediato 33 vendidos - São Paulo R$ 154 12x R$ 14 63 Grand Theft Auto V Gta 5 Mídia Física Ps4 Em Português 16 vendidos - São Paulo R$ 112 12x R$ 10 69 Jogo Gta 5 Xbox 360 Grand Theft Auto V Mídia Física Lacrado 13 vendidos - São Paulo R$ 49 6x R$ 8 17 sem juros Lego Harry Potter Anos 5 A 7 Ps3 Midia Fisica Novo Lacrado 35 vendidos - São Paulo R$ 75 12x R$ 7 12 Gta V - Mídia Física - Grand Theft Auto V - Pt Br - Ps3 Usado - São Paulo R$ 169 12x R$ 14 08 sem juros Gta V 5 Xbox 360 Português Mídia Fisica Original Lacrado 4 73 vendidos - São Paulo R$ 138 12x R$ 11 50 sem juros Jogo Gta V Ps3 Mídia Física Português Frete Grátis 18 vendidos - São Paulo R$ 98 12x R$ 8 17 sem juros Resident Evil 5 Ps4 Mídia Física Lacrado 6 73 vendidos - São Paulo R$ 163 12x R$ 15 48 Gta V Ps4 Incluso Mapa Mídia Física Lacrado 2 18 vendidos - São Paulo R$ 28 5x R$ 5 60 sem juros Mod Menu 1.27 Gta 5 Destravado Ltu .2. 3.0 (mídia Física) 15 vendidos - São Paulo R$ 171 12x R$ 14 25 sem juros Gta V Ps4 Mídia Física Incluso Mapa Promoção 3 19 vendidos - São Paulo R$ 80 12x R$ 6 67 sem juros Resident Evil 5 Remastered +dlc Mídia Física Novo Xbox One 1 21 vendidos - São Paulo R$ 15 Far Cry 5 Xbox One Mídia Digital Offline 14 vendidos - São Paulo R$ 120 12x R$ 9 99 sem juros Grand Theft Auto V Gta 5 Em Português Midia Fisica Ps3 Novo 5 78 vendidos - São Paulo R$ 30 6x R$ 5 sem juros Gta 5 Grand Theft Auto V Ps3 - Mídia Digital Psn Original 24 vendidos - São Paulo R$ 120 12x R$ 9 99 sem juros Grand Theft Auto V Gta 5 Em Português Mídia Física Ps3 22 9 vendidos - São Paulo R$ 87 12x R$ 8 26 Gran Turismo 5 Xl Edition Ps3 - Mídia Física Lacrado 5 vendidos - São Paulo R$ 43 6x R$ 7 15 sem juros Metal Gear Solid V 5 Midia Fisica Xbox 360 Em Português Novo 3 40 vendidos - São Paulo R$ 159 12x R$ 13 25 sem juros Gta 5 Game Grand Theft Auto V Ps3 Mídia Blu-ray Original Pt 71 vendidos - São Paulo R$ 156 12x R$ 14 84 Gta V Grand Theft Auto V Ps4 Playstation 4 Midia Fisica Novo 7 vendidos - São Paulo R$ 50 6x R$ 8 33 sem juros Grand Theft Auto V Pc: Atualizado ( Mídia Fisica Dvd ) 2018 11 vendidos - São Paulo R$ 18 Grand Theft Auto V Gta 5- Pc-dvd- (midia Fisica) Off Line 1 10 vendidos - São Paulo R$ 39 Gta 5 V Grand Theft Auto Ps3 Psn Mídia Digital Envio Agora!! 17 vendidos - São Paulo R$ 20 3x R$ 6 66 sem juros Bully Original Ps3 Psn Mídia Digital Envio Imediato 17 vendidos - São Paulo R$ 28 5x R$ 5 58 sem juros Tekken 5 Dark Resurrection Ps3 Mídia Digital 15 vendidos - São Paulo 1 2 3 Mais informações Sobre o Mercado Livre Investor relations Mapa do site Tendências Outros sites Desenvolvedores Mercado Pago Mercado Envios Mercado Shops Mercado Livre Publicidade Vale-Presente Mercado Livre Contato Comprar Vender Solução de problemas Segurança Redes sociais Twitter Facebook Instagram YouTube Minha conta Entre Vender Copyright © 1999-2018 Ebazar.com.br LTDA. Trabalhe conosco Termos e condições Políticas de privacidade Contato CNPJ n.º 03.007.331/0001-41 / Av. das Nações Unidas, nº 3.003, Bonfim, Osasco/SP - CEP 06233-903 - empresa do grupo Mercado Livre. Baixe grátis o App do Mercado Livr



https://public.slidesharecdn.com/desenvolveti/ebook-onipresente
  E-Book Onipresente - Comunicação: De Onde Viemos e para Onde Vamos Slideshare uses cookies to improve functionality and performance, and to provide you with relevant advertising. If you continue browsing the site, you agree to the use of cookies on this website. See our User Agreement and Privacy Policy . Slideshare uses cookies to improve functionality and performance, and to provide you with relevant ... atuação abrangevárias áreas e disciplinas. FoiDiretor de Mídia da F/NazcaSaatchi & Saatchi, Diretor ... ................................................................................................ 61 quem define o plano de mídia?............................................................ 656 ... da mídia, desde que oinvestimento fosse destinado para o meio internet. Curio­so, para não dizer ... e recomendações noque chamamos de mídia social, como blogs, comunidadese mensageiros instantâneos11 ... podem comprar mídia de massa. Esta imposição não existe na internet, e mes­ mo que um dia passe CACHE

E-Book Onipresente - Comunicação: De Onde Viemos e para Onde Vamos Slideshare uses cookies to improve functionality and performance, and to provide you with relevant advertising. If you continue browsing the site, you agree to the use of cookies on this website. See our User Agreement and Privacy Policy . Slideshare uses cookies to improve functionality and performance, and to provide you with relevant advertising. If you continue browsing the site, you agree to the use of cookies on this website. See our Privacy Policy and User Agreement for details. SlideShare Explore Search You Upload Login Signup Submit Search Home Explore Presentation Courses PowerPoint Courses by LinkedIn Learning Successfully reported this slideshow. We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime. E-Book Onipresente - Comunicação: De Onde Viemos e para Onde Vamos Upcoming SlideShare Loading in … 5 × 1 1 of 125 Like this document? Why not share! Share Email Onipresente Ericmessa 1.0 by Roberto Sena 1104 views Livro bakhtin-estetica-criacao-verbal by ANA CLAUDIA DIAS ... 1269 views PRIMER ESTUDIO SOCIOLÓGICO DE BLOGS... by Roberto Sena 786 views Curso Redes Sociais by Instituto Desenvo... 634 views Curso: Aumentando o Faturamento com... by Instituto Desenvo... 892 views TEOLOGIA NAZISTA by Claudio José Ayro... 65 views Share SlideShare Facebook Twitter LinkedIn Email Email sent successfully! Embed Size (px) Start on Show related SlideShares at end WordPress Shortcode Link E-Book Onipresente - Comunicação: De Onde Viemos e para Onde Vamos 1,208 views Share Like Download ... Instituto Desenvolve T.I Follow Published on Aug 31, 2012 Onipresente - Comunicação: De Onde Viemos e para Onde Vamos Autor: Ricardo Cavallini ... Published in: Business 0 Comments 0 Likes Statistics Notes Full Name Comment goes here. 12 hours ago Delete Reply Spam Block Are you sure you want to Yes No Your message goes here Post Be the first to comment Be the first to like this No Downloads Views Total views 1,208 On SlideShare 0 From Embeds 0 Number of Embeds 3 Actions Shares 0 Downloads 39 Comments 0 Likes 0 Embeds 0 No embeds No notes for slide E-Book Onipresente - Comunicação: De Onde Viemos e para Onde Vamos 1. ONI PRE Ricardo CavalliniSENTEcomunicação: de onde viemos e para onde vamos 2. Em “A Estrada do Futu­ro” Bill Gates afirma como éimportante saber exatamen­te a hora em que você tomouuma decisão errada e que,dia após dia, em sua carrei­ra, ele pensou “será que foiagora que errei?”. Já em “A Noite America­na”, numa cena hoje célebre,François Truffaut usa um dire­tor para ilustrar que o processode decisão depende de um cer­to “gut feeling” (seja no mun­do dos negócios, seja na arte). Onipresente, o terceiroli­ ro de Ricardo Cavallini, vfala das mudanças que estãoocorrendo com o consumidor,nas agências, na comunicação.Não apresenta fórmulas mági­cas, mas colabora com conhe­cimento, tão importante nes­ses tempos empíricos. Se você ainda não enten­deu essa tênue relação entre o“gut felling” e o conhecimen­to, vale lembrar a frase antoló­gica de Lee Trevino, um dosgolfistas de maior sucesso nomundo. Após uma tacada lon­ga e precisa, uma voz femininagritou da arquibancada: “Quesorte!”. E Trevino respondeuem voz baixa, mas perto dosmicrofones: “É minha senho­ra...quanto mais eu treino,mais sorte eu tenho.” 3. Ricardo Cavallini Com mais de vinte anos deexperiência em comunicaçãointerativa, sua atuação abrangevárias áreas e disciplinas. FoiDiretor de Mídia da F/NazcaSaatchi & Saatchi, Diretor deOperações da Euro RSCG 4De Sócio-diretor de Tecnologiada agência digital Organic Inc. Autor do livro “O MarketingDepois de Amanhã”, que falasobre o impacto de novastecnologias sobre o comporta­mento do consumidor e domarketing nos próximos anos. Cavallini é consultor corpo­rativo, professor do curso deextensão de marketing direto daABEMD e acumula passagenspor agências, veículos e produ­toras como JWT, DM9DDB,Globo.com e Vetor Zero. 4. ONI PRE Ricardo CavalliniSENTEcomunicação: de onde viemos e para onde vamos 1ª edição São Paulo Editora Fina Flor 2009 5. Autor: Ricardo Cavallini Editora: Cristiane Lisbôa Projeto gráfico: Ricardo Cavallini, Mentor Muniz Neto e Eduardo Sanches Pereira Foto da capa: Freitas Foto do autor: Beto RiginikDados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) (Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil) Cavallini, Ricardo Onipresente: comunicação: de onde viemos e para onde vamos Ricardo Cavallini – 1ª edição ­ São Paulo : – Editora Fina Flor, 2009. ISBN 978-85-908688-2-8 1. Comunicação 2. Marketing 3. Propaganda Índices para catálogo sistemático: 1. Marketing : Administração English version by InScribe Translations www.inscribe.com.br 6. Para fazer o download deste livro, acesse: www.onipresentelivro.com.brEsta obra está licenciada sob Creative Commons -Atribuição - Uso não-comercial - Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil. Você pode: copiar, distribuir, exibir e executar a obra. Sob as seguintes condições: Atribuição. Você deve dar crédito, indicando o nome do autor e endereço do site onde o livro está disponível para download. Uso não-comercial. Você não pode utilizar esta obra com finalidades comerciais. Vedada a criação de obras derivadas. Você não pode alterar, transformar ou criar outra obra com base nesta.Para cada novo uso ou distribuição, você deve deixar claro para outros os termos da licença desta obra. Qualquer uma destas condições podem ser renun­-cia­ as, desde que você obtenha permissão do autor. d Para mais informações, visite:www.creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/2.5/br/ 7. índiceintrodução..................................................................................91. por que usar o brasil como base de análise?.................. 112. ondas....................................................................................15 . curva-s....................................................................................................... 16 criação destrutiva:a inovação gerando ondas .................................. 17 mais rápido............................................................................................... 18 disruptura................................................................................................. 19 resistir é inútil.......................................................................................... 22 inovação.................................................................................................... 243. ondas da comunicação......................................................27 . atl e btl...................................................................................................... 31 . a quinta onda........................................................................................... 324. o primeiro fator: fragmentação.......................................33 . jornal......................................................................................................... 36 . revista........................................................................................................ 38 rádio........................................................................................................... 40 televisão.................................................................................................... 42 cinema....................................................................................................... 45 360 graus................................................................................................... 455. o segundo fator: internet..................................................49 . um milhão de veículos de comunicação............................................ 53 consumidores ou pessoas?.................................................................... 56 comunicação integrada.......................................................................... 58 transmedia................................................................................................ 61 quem define o plano de mídia?............................................................ 656. o terceiro fator: o consumidor.........................................68 alcance....................................................................................................... 78 frequência................................................................................................. 80 o último clique........................................................................................ 81 . 8. engajamento............................................................................................. 827. o quarto fator: digital.........................................................85 marketing contextual............................................................................. 908. onipresente..........................................................................94 comunicação onipresente....................................................................1039. conclusão. deste livro, não deste assunto.....................10410. notas.................................................................................107 .11. por que uma versão beta?............................................. 116 . valeu a pena?.......................................................................................... 119 o que foi alterado................................................................................. 120 os beta testers....................................................................................... 121 9. Não é novidade que as coisas mudaram e que, parapublicitários e marketeiros, o cenário está bem diferentede décadas atrás. Basta olhar para as agências de publicidade e ver comoelas mudaram seus discursos. Uma nova onda de sloganse expressões vendedorascomo advertising 360,integrated marketing,through the line, medianeutral, full service hou­ introduçãose, multidisciplinar com­pany, entre outros. Onde esta terminologia se interliga e faz sentido?São apenas palavras da moda ou refletem uma necessidadereal de acompanhar as mudanças? O que é Comunicação Integrada? Por que se tornoutão importante para o mercado de comunicação? Qual adiferença entre Comunicação Integrada e Transmedia?O que é engajamento? Termos que não possuem um significado oficial e quetomaram forma de acordo com o entendimento do merca­do e sua aplicação prática. Evidente que, em alguns casos, o discurso foi usadocom uma enorme distância da realidade. Empresas que,do dia para a noite, se tornaram multidisciplinares, mes­mo sem nenhuma alteração em seus quadros. Na prática,a mudança se resumia a um e-mail para os funcionáriosou um anúncio para os clientes. Não seria e não será ape­nas enviando e-mail que alguém vai mudar a cultura e acapacidade de uma empresa. Atitudes assim demonstramque essas empresas estavam fazendo comunicação do jeitoantigo. Dizer que mudaram sem nenhuma ação prática.Em outras palavras, ter apenas discurso, talvez funcionas­se com os consumidores de antigamente. Agora estamostodos mais céticos. E mais espertos. 10. Este abuso não foi exclusividade das mais antigas oumais tradicionais. Alguns anos atrás, várias agências digi­tais se autodenominavam como Full Service InteractiveHouse. Faziam tudo, mas só se fosse interativo. E sabendoque a tradução para interativo naquela época era internet,o termo se tornava contraditório. Existiam as agências quesó faziam ações na web e se proclamavam como MediaNeutral. Eram neutros no escolha da mídia, desde que oinvestimento fosse destinado para o meio internet. Curio­so, para não dizer outra coisa. Mas ridicularizar todas as agências que utilizam estasexpressões está errado. O que é apenas discurso para algu­mas delas, é consequência para outras. O que poderia seruma demonstração de futilidade, ou entendido como umamoda passageira, também pode demonstrar o oposto: umafacilidade de adaptação. A proposta deste livro não é julgar consumidores,agências ou anunciantes. Também não pretende trazerverdades absolutas, fórmulas mágicas ou respostas defi­nitivas, mas tentar, de maneira fácil e lógica, explicar porque o mercado de comunicação mudou e qual caminhoestá percorrendo. Portanto, é necessário colocar a comunicação em umaperspectiva histórica, mostrando o que passou a ser rele­vante e o que deixou de ser. Apontar o contexto que asmudanças se encaixam, conhecendo os principais fatoresdeterminantes que transformaram a comunicação poderáajudar cada leitor a tirar sua própria conclusão, entenden­do o que ainda está por vir, mesmo se tratando de umcenário em constante e rápida evolução. 11. 1. por que usar o brasil como base de análise? 12. onipresente A Voz do Brasil é um programa de rádio que talvez al­ guns brasileiros mais jovens nem conheçam. Com notícias sobre os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, sua veiculação se tornou obrigatória para todas as rádios na década de 1930. É apresentado há mais de 70 anos às 19 horas. Horário escolhido por ser a faixa nobre na época, mas que hoje continua importante por ser exatamente quando as pes­ soas estão presas no trânsito e, justamente por isso, são obrigadas a escutar rádio. Para as rádios, significa perder um horário valioso de sua programação. Por este motivo, várias delas em São Paulo e no Rio Grande do Sul conseguiram liminares na justiça para mudar o horário de transmissão do programa. Mas a pirataria é o tivo o resto do Brasil, quando fica brasileiro, pois preso no engarrafamento das sete, continua sendo obrigado aaumenta seu poder engolir uma hora de enfadonha de escolha do que programação. Ironicamente, ao olharmos e quando assistir a curva de audiência padrão comparando São Paulo e Rio de Janeiro, veremos que justamente neste período, no Rio há uma queda vertiginosa. Será possível que os con­ sumidores, presos em seus carros, não escutam mais o que empurramos para eles? Claro que não, empurrar nunca foi eficiente, a diferen­ ça é que agora é menos eficiente ainda, e sabemos disso. Falando sobre comerciais empurrados, muito se discute sobre gravadores de vídeo digital no país. O fato do apa­ relho ajudar a pular os comerciais sempre assustou o mer­ cado publicitário, mas alguns defendem que o aparelho nunca teria penetração em um país pobre como o Brasil. 12 13. 1. por que usar o brasil como base de análise? O que essas pessoas não se atentaram é que o povo já pula os comerciais e a própria programação quando esta não é conveniente. Uma pesquisa da agência F/Nazca Saatchi & Saatchi, realizada pelo Datafolha1, mostrou que a maioria das pessoas – mesmo na Classe C – assume em pesquisa com abordagem pessoal que compra CDs e DVDs piratas em camelôs. A pirataria é o TiVo2 brasileiro, ela aumenta seu poder de escolha do que – e quando – assistir. 40 sp (%) rj (%) 30 20 10 0 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 H5 20 21 22 23 04 14 15 16 17 18 1906 s 0507 s 06 07 08 09 10 11 12 13 às às às às às às às às às às às às às às às às às às à à H H H H H H H H H H H H H H H H H H H H212223001516171819200508091011121314 Audiência da rádio (AM e FM) por faixa horária, de 2ª a 6ª feira3 13 14. onipresente A tecnologia é apenas suporte para potencializar a mu­dança. O brasileiro é o povo que mais se desagrada como fato de não poder controlar, qualificar e interagir com oconteúdo da televisão4. É um povo interativo por natureza. Colocar o brasileiro como o povo mais interativo domundo vai ao encontro de várias outras pesquisas sobrecomportamento e consumo de meios e tecnologias. É obrasileiro que tem o maior tempo médio de navegação re­sidencial mensal na internet5. Em relação às comunidadese redes sociais, é no Brasil que: existe a maior penetraçãona categoria redes sociais6. mais tempo consumindo blogse comunidades7. maior rede de amigos nas comunidades8e. o maior número de contatos em comunicadores instan­tâneos9. Os brasileiros são também os mais ativos lendoblogs, compartilhando fotos, subindo vídeos e gerencian­do o próprio perfil em comunidades online10. É o país com maior índice do que a agência de mídiaUniversal McCann chamou de “superinfluenciadores”: in­ternautas que espalham suas opiniões e recomendações noque chamamos de mídia social, como blogs, comunidadese mensageiros instantâneos11. Segundo a pesquisa da F/Nazca, 81% dos brasileiros en­tre 16 e 24 anos acessam a internet. Acontece que o Ibopeconsidera que apenas 67% dos brasileiros podem ser consi­derados consumidores12. Não é possível cruzar uma pesqui­sa com a outra, mas podemos chegar à conclusão de que amaioria absoluta (para não dizer 100%, pois seria tecnica­mente equivocado) dos jovens consumidores estão online. Um país de tantas riquezas e pobrezas, um país de di­ferenças. A frase é clichê no Brasil, mas vale como defesada escolha. Um país onde a penetração da televisão é tãoalta e o meio tão poderoso. Juntar isso com um povo tãointerativo torna o país o lugar mais rico e interessante paraestudarmos as mudanças.14 15. 2. ondas 16. onipresente Antes de tentar explicar o caminho das mudanças, valeentender um pouco melhor sobre mudanças em si. E tal­vez a melhor forma de explicar seja fazendo uma analogiacom ondas. Entender que a mudança acontece em ondas – ou sal­tos, ou ciclos – não é novo. Já foi explorado por pensa­dores, economistas, cientistas e matemáticos para explicartoda sorte de transformação, inclusive as causadas por ino­vações e empreendedorismo. O futurologista Alvin Toffler usou o conceito de ondaspara representar a mudança estrutural e cultural mobiliza­da pela inovação. Em seu livro1, Toffler descreveu os está­gios da sociedade advindos da revolução agrária, industriale da sociedade baseada no conhecimento. curva-s A palavra onda é aderente não somente pela noçãode movimento, mas também pela representação visual doconceito. O amadurecimento e a aceitação da inovaçãoresponsável pela mudança não apresentam uma aceleraçãoconstante, formando “ondas” em um gráfico evolutivo.O lento amadurecimento é seguido de rápida aceleraçãopara depois perder velocidade novamente. Atingir umpatamar de maturidade significa chegar no seu supostolimite, esperando assim a próxima onda. O formato lem­bra a função matemática sigmoide, que leva este nome porter a forma de sigma, a letra “S” do alfabeto grego. Nãopor coincidência, a função e suas variações são usadas emmodelos de crescimento populacional, crescimento de tu­mores e aplicável também na economia, marketing viral eredes sociais.16 17. 2. ondasPerformance do produto terceira tecnologia segunda tecnologia primeira tecnologia Tempo ou esforço de engenharia Estratégia S-Curve2 criação destrutiva: a inovação gerando ondas Apesar de não existir um corte seco nesta transição, uma nova onda significa a queda da anterior. Schumpeter, conhecido como o mais brilhante economista do século 20, foi um dos primeiros teóricos a estudar a inovação, o empreendedorismo e suas consequências. Analisando teorias de ciclos de negócio, Schumpe­ ter formulou uma ligação entre eles. Em uma de suas teorias – Business Cycles, de 1939 –, concluiu que a ino­ vação e as mudanças tecnológicas rompem o equilíbrio entre mercados e obrigam a evolução do desenvolvi­ mento econômico. 17 18. onipresente Explicar a motivação de se criar algo não era resolvi­do pela economia clássica. O economista apontou que ainovação trazida por estes empreendedores sustentava ocrescimento da economia capitalista, mesmo destruindo ovalor estabelecido pelas empresas atuais. Criação Destrutiva3 foi o termo empregado pelo eco­nomista. Segundo ele, para evitar as quedas teríamos quematar a inovação, pois a inovação gera os ciclos, mudandoo cenário vigente. Em outras palavras, uma economia saudável não sig­nifica que ela esteja em um equilíbrio constante. Conceitoque rendeu a Schumpeter o título de um dos economistasmais radicais do século. mais rápido “Muitas mudanças em um curto período de tempo”.Foi como Toffler descreveu sua visão sobre o futuro. Afrase também demonstra bem o sentimento que muitaspessoas têm do mundo. De acordo com o Departamento de Comércio Norte-Americano, a internet demorou apenas quatro anos paraalcançar 50 milhões de usuários nos EUA. Menos tempoque a televisão (13 anos) ou o rádio (38 anos). Tem certa lógica, o rádio foi um dos fatores que aju­dou na disseminação da televisão. E ambos ajudaram ainternet a se estabelecer. Um ciclo pode gerar um am­biente propício e tornar o próximo mais curto. A Re­volução Industrial nos trouxe tecnologias e ferramentaspara ajudar na difusão do conhecimento e estabelecermeios de comunicação. A cada ano que passa, populaçãoaumenta e temos mais indivíduos aptos para consumirtecnologia ou gerar inovação.18 19. 2. ondas Criticamos empresas e governos que não investem em pesquisa e desenvolvimento, mas, historicamente, se pre­ ocupar com inovação é algo novo. Mesmo assim, já come­ çamos a sentir o impacto desta tendência. Surf’s up Schumpeter’s Waves Acelerate water power steam electricity petrochemicals digital networksPace of innovation textiles rail chemicals electronics software iron steel internal-combustion engine aviation new media firstwave second wave third wave fourth wave fifth wave 1785 1845 1900 1950 1990 1999 2020 60 years 55 years 50 years 40 years 30 years Schumpeter’s waves accelerate4 O gráfico apresenta uma possível projeção do que se­ riam as próximas ondas, segundo o conceito de Joseph A. Schumpeter. O economista escreveu sobre a história do capitalismo, mas ajudou a entender o futuro. Os ciclos es­ tão ficando cada vez mais curtos. disruptura Mas o uso da palavra inovação é muito amplo. Nem toda inovação causa a destruição do modelo vigente. Para distinguir essas variações de impacto, muitas nomencla­ turas acabam sendo utilizadas. Sustentável, incremental, evolutiva e revolucionária são exemplos de termos criados para descrever desde pequenas melhorias até aquelas que trazem uma mudança substancial. 19 20. onipresente Clayton M. Christensen, economista e professor da Harvard Business School, estudou mercados tão distintos quanto escavadeiras e impressoras e criou sua própria tese. Em seu livro5, Christensen explicou sua tese sobre a ino­ vação disruptiva, nos ajudando a compreender melhor a inovação e seu impacto nas empresas. disrupting technologyPerformance most demanding use high quality use medium quality use low quality use Time Disruptive versus Sustaining Technologies. A teoria é melhor apresentada através do gráfico. Para usar o exemplo mais banal de todos, imagine que as retas coloridas representam as necessidades de uso de câmeras fotográficas. O crescimento suave e constante (uma reta) representa a necessidade do mercado por melhorias, seja ele amador (low quality use) ou profissional (high quality use). 20 21. 2. ondas Olhando para o passado, lembraremos das melhoriasque aconteceram nas câmeras analógicas. Um novo tipo defoco, uma lente melhor, um novo processo de zoom, etc.Essas melhorias fomentavam, acompanhavam e supriam anecessidade do uso vigente. Até que surgem, como tecnologia disruptiva, as câme­ras digitais. No começo, eram voltadas para um nicho es­pecífico de consumidores. Pesadas, grandes, caras, lentase com péssima qualidade de imagem. Também faltavamopções para impressão. As impressoras caseiras não eramboas o suficiente e faltavam serviços especializados. Era omesmo que ter um carro elétrico, mas apenas um posto nacidade para carregá-lo. A rápida evolução, representada no gráfico pela curva,permitiu que ao longo dos anos o modelo digital evoluísserapidamente tornando-se a melhor alternativa, até mesmopara as demandas de performance mais exigentes. Salto ouonda, tanto faz, surgiu um novo período para o mercadode imagens fotográficas. Do ponto de vista empresarial, tecnologias disruptivassão pouco lucrativas em seu início. Demandam investi­mento em pesquisa, desenvolvimento e não têm economiade escala. Graças à constante busca por resultados ime­diatos, raramente as empresas líderes investem em umatecnologia disruptiva. Acionistas querem crescimento rá­pido, alto e sem riscos. Algo como bom, bonito e barato.Mas novas tecnologias demandam riscos e investimentode longo prazo. Mudanças de ruptura têm como consequência umagrande mudança no cenário atual. Esta é a principal sacadada teoria de Christensen, mostrar porque as empresas lí­deres geralmente perdem seu posto quando uma inovaçãodisruptiva acontece. 21 22. onipresente resistir é inútil A tecnologia acabou com a proteção de uma série demercados e indústrias. Proteções que são muito parecidascom uma reserva de mercado. Modelos de negócio frágeisque são garantidos de forma artificial, geralmente pelomontante de capital investido. Tome a indústria de entretenimento como exem­plo. Localizar talentos e treiná-los, bem como investirem produção, divulgação e distribuição, demandava ummontante de dinheiro que inviabilizava a entrada de no­vos concorrentes. A tecnologia deixou tudo mais barato. O conhecimen­to agora é compartilhado pela internet. Artistas, progra­madores e empreendedores podem aprender na web o queantes era provido por profissionais contratados a peso deouro. O conhecimento não era escasso, mas era restrito. A produção está mais barata. Computadores e outrosequipamentos caseiros como câmeras, filmadoras e grava­dores de DVD têm capacidade para produzir jogos, músi­cas, filmes e livros de altíssima qualidade. Divulgação e distribuição se tornaram viáveis e atémesmo novas formas de pagamento, como o eBay e PayPal,surgiram para diminuir ainda mais estas barreiras. Mais do que consumidores comuns ganhando força, atecnologia aumentou a competição mesmo entre os gigan­tes. Por exemplo, a infraestrutura implementada por umacompanhia de TV a cabo era voltada apenas para seu focode negócios, ou seja, a televisão por assinatura. Com a di­gitalização, boa parte desta infraestrutura também podeser utilizada para prover outros serviços, como telefoniafixa, internet banda larga e vídeo sob demanda. A digitalização permitiu à Amazon vender uma quan­tidade infinita de livros que nunca caberiam na prateleira22 23. 2. ondasde uma loja física. Com um custo ínfimo para mantê-los,livros que vendem apenas um exemplar por ano não po­dem ser menosprezados, pois nesta fragmentação de con­sumo, a soma de suas vendas pode alcançar ou até bater osgrandes sucessos6. Vendendo jogos casu­ais para iPhone, a Applepassou a concorrer com a se está mais fácilNintendo, Sony e Micro­ distribuir e produzirsoft, em um modelo denegócios completamente jogos, vendê-los poderádiferente. Enquanto a in­ ter a mesma faltadústria de jogos vive degrandes sucessos, a Apple de lógica que pagarpode se contentar com dezenas de reais pormilhões de jogos que ven­ um pacote de músicasdam uma unidade cada. Os jogos são digitais, grudado no plásticomas seu modelo de negó­cio ainda é predominantemente analógico. O modelo daApple, apesar de proprietário, repete o que já vimos emalgumas indústrias e que se repetirá em outras. A Ninten­do depende do Mario e da Zelda, assim como a Microsoftdepende do Office e do Windows. Os três grandes playersdo mercado de jogos ganham com a distribuição de jogoscasuais na mesma proporção que as agências tradicionaisganhavam dinheiro com a web. Dizer que eles têm capa­cidade para se adaptar rápido pode até ser fácil de se de­fender na teoria, mas sabemos que na prática as coisas nãosão bem assim. Se está mais fácil distribuir e produzir jogos, vendê-loscomo é feito hoje poderá ter, em pouco tempo, a mesmafalta de lógica que pagar dezenas de reais por um pacote demúsicas grudado em uma bolacha de plástico. 23 24. onipresente Isso não quer dizer que estúdios e produtoras de jo­ gos de grande porte não terão seu papel e importância. A Amazon ganha dinheiro com livros de baixa tiragem, mas isso não matou o Harry Potter nem as grandes editoras. No Brasil, somente as agências podem comprar mídia de massa. Esta imposição não existe na internet, e mes­ mo que um dia passe a existir, funcionaria somente com a compra de peças em grandes veículos. Todo o investimen­ to que é feito no Google (que não paga comissão às agên­ cias), em conteúdo e em outras ações (que não envolvem compra de mídia), mostra que esta proteção não é garantia de nada. As agências que estão lutando com unhas e den­ tes para manter este modelo estão apenas repetindo o erro da indústria fonográfica. inovação Muitas empresas que se julgam inovadoras não estão nem mesmo preparadas para tanto. Faça um teste, pergunte a si mesmo. Se surgir uma proposta para um serviço ou produto inovador, mas que dependa da ajuda de outros departamentos para colocar muitas empresas em prática, qual a chance de que se julgam ela ser levada adiante? Se os “outros” departa­ inovadoras, não mentos estão interessados estão nem mesmo apenas em bater suas pró­preparadas para tanto priasdiscurso, ou um sonho nas metas, inovar será ape­ distante. Assim como diversas das palavras e expressões apresentadas aqui, inovação vi­ rou palavra da moda. É utilizada com tanta frequência que chega a causar asco em alguns que cansaram de escutá-la. 24 25. 2. ondas Mas não importa se é utilizada como sinônimo de cria­tividade, genialidade ou de ruptura. Inovar vem de novi­dade. E, se tratando de algo novo, buscar histórico paracomprovar a eficácia torna-se uma tarefa ingrata. Podemos nos cercar de boas práticas, conhecimento,análises de tendências e tudo mais. Mesmo assim, se bus­camos inovar, trata-se de experimentação e risco. É difícil para a maioria das empresas, sejam agênciasou anunciantes. A cultura do business plan7 e dependênciade pesquisas foi criada e amadurecida para entender o ris­co, mas acabou virando apenasuma forma de evitá-lo a todocusto. a contradição é que A contradição é que estamosjustamente buscando o risco na estamos justamenteexperimentação. Soa estranho buscando o riscopelo fato de a palavra “risco” teruma conotação negativa. Parece na experimentaçãoque estamos falando do riscopelo risco. Análogo aos esportesradicais, cuja adrenalina é consequência direta do perigo. Não é o caso. Aceitar o risco significa sair do am­biente de resultado garantido para buscar um retornoacima da média. Pode ser feito sem planejamento ou lógica. Como umjogo de azar, onde a fonte de conhecimento ou parâmetrode escolha tem indicativos cuja razão é discutível. Trata-se do apostador de cavalos de corrida que faz sua escolhapor descobrir que seu sobrinho tem o mesmo nome dojóquei. Ou pode ser feito do jeito certo. E abusando das metá­foras, como acontece no mercado de capitais. A ideia é queiniciativas novas ou arriscadas – e que não tenham retornogarantido – sejam entendidas como investimento. 25 26. onipresente Usando esta lógica, investir em veiculação seria con­servador. Com bons parceiros o retorno seria garantido,mas mediano. Por outro lado, iniciativas mais arriscadas, como in­vestir em conteúdo, serviços ou entretenimento em geral,podem trazer um retorno que nenhuma campanha papai-mamãe poderia conseguir. Ilustrando com um clássico exemplo de sucesso, de­pois que dezenas de milhões de pessoas assistiram à sériede curtas The Hire8, ninguém costuma lembrar o riscoque foi para a BMW aprovar a ação. Atingiu uma audiênciadigna do Super Bowl, com as pessoas assistindo aos filmesde 10 a 15 minutos por vontade própria e ainda recomen­dando para os amigos. Mudou a história da comunicação,mas poderia ter sido um fracasso retumbante. Mesmo que o conteúdo seja suportado por veiculaçãode mídia, boa parte do sucesso depende do boca-a-boca.E como a “boca” é parte integrante do ser humano, o re­sultado disso será sempre imprevisível. Os profissionais mais experientes podem fazer boasprevisões e planejar os pontos necessários para o sucesso,assim como o faz um investidor financeiro. Mas nenhumdeles tem como garantir ou ter certeza do resultado final.Do lado do anunciante, cabe escolher parceiros com his­tórico de sucesso, acompanhar o mercado e procurar en­tender mais sobre o assunto. E por último, mas não menosimportante, descobrir se o seu perfil é conservador, mode­rado ou arrojado. O que não funciona é almejar um retorno que só épossível de se obter com ações, mas exigir a segurança queteria investindo na poupança.26 27. 3. ondas da comunicação 28. onipresente Falar sobre a evolução em ondas foi importante poralguns motivos. Primeiro para conceituar que estamospassando por diversas modificações, mas que elas fazemparte de uma grande transição. Estamos chegando no picode uma nova onda e quem ainda vive no modelo antigoestá sofrendo as consequências. Segundo para deixar claro que não seria uma teoriarevolucionária defender que o mercado de comunicaçãoentrou em uma nova era. Defender uma grande transiçãonão é novo e pode ser apenas uma constatação baseada emobservação. E por último, mas não menos importante, para mos­trar que não se trata de uma mudança isolada de outrossegmentos. O avanço trazido pelos computadores e pelainternet teve um grande impacto no mercado de comuni­cação, assim como em outros mercados. O mesmo ocor­reu com a industrialização, algumas décadas antes. Nossaindústria não é o centro do mundo, assim como não eramos barões do café ou não são os poderosos da indústriafonográfica. A propaganda existe no Brasil há mais de 200 anos.Considerando certo atraso – natural, visto a diferença emrelação aos países mais industrializados –, seria possívelidentificar cinco ondas, muito próximas das apontadas nográfico de Schumpeter. A primeira onda acontece com a chegada da imprensa,em 1808. Os primeiros anúncios eram destinados princi­palmente à venda de medicamentos e escravos. Este cená­rio se mantém até a onda seguinte, que teve início com aabolição do tráfico, a partir de 1850. O dinheiro, antes usado para o comércio de escravos,atrelado ao mercado consumidor, formado por trabalha­dores imigrantes, cria um ambiente favorável. Nascem asprimeiras marcas e a publicidade cresce.28 29. 3. ondas da comunicação É somente na terceira onda, na primeira metade doséculo 20, que começa a se formar o mercado como co­nhecemos hoje. Com as primeiras agências de publicidade,o cuidado estético nos anúncios e cartazes aumenta e aslongas descrições são substituídas por textos publicitários,mais curtos e objetivos. Em 1932, a publicidade na rádio passa a ser permiti­da, impulsionando seu desenvolvimento. O período en­tre as décadas de 1930 e 1950 fica conhecido como a Erade Ouro da Rádio. Com o mercado publicitário consolidado na onda an­terior, é na quarta onda que vemos a proliferação dos veí­culos de comunicação. Apesar de até hoje todos os meios se destacarem dealguma maneira, a partir da década de 1960, um deles co­meçou a se distanciar dos outros. Com a entrada do videotape, a televisão aumentou emelhorou a produção de conteúdo nacional, começandoassim sua jornada para se tornar o meio líder no país. Oconteúdo, a atração do vídeo, a alta taxa de analfabetismoe a baixa renda da população ajudaram no sucesso da tele­visão. Atingindo cerca de 30% da população na década de1970, chegou à metade dos brasileiros na década seguintee, 10 anos depois, quase todos os bípedes do território na­cional estariam ligados ao aparelho. Apesar dos pontos positivos deste sucesso, o resultadoprático é terrível. A TV acabou sendo o único referencialde entretenimento, educação e, infelizmente, cultura paraa grande maioria dos cidadãos. 29 30. 1. A Província de São Paulo (fundado em 1875, quando a palavra não tinha acento. após a instituição da Repú- blica, passou a se chamar O Estado de S. Paulo)2. Rádio Nacional do RJ (1936, estatizada em 1940)3. Televisão Tupi (1950-1980, a primeira emissora de televisão do Brasil)4. Revista Manchete (1952-2000) 31. onipresente atl e btl Com a força dos meios de massa, o mercado de comu­ nicação passou a ser dividido em duas partes: acima e abai­ xo da linha. Uma nomenclatura que talvez seja a melhor maneira de descrever a quarta onda. A origem dos termos vem no modelo de receita ado­ tado décadas atrás pelo mercado publicitário, onde parte da receita das agências vem do comissionamento gerado pela compra de mídia. Desta forma, o volume de mídia negociado influencia na receita e no lucro da agência. Por esta característica, a publicidade herdou o termo contábil Acima da Linha (ATL, do inglês Above the Line), des­ parece a questão crevendo os meios de massa como rádio, revista, jornal e te­do aquecimento global. levisão, que trabalham com este não adianta mostrar modelo de comissão. Abaixo da Linha (BTL, do fotos de geleiras inglês Below the Line) passou a desaparecendo, ser usado para descrever todo o sempre terá alguém resto, como marketingrelações eventos, promoções, direto, que desacredita públicas e até mesmo formas de nos fatos publicidade que não envolvam compra de mídia. A expressão ATL também foi adotada pela indústria ci­ nematográfica, usada para descrever os custos mais rele­ vantes, resolvidos antes da produção do filme começar. Separados do resto por uma linha, primeiro são negocia­ dos produtores, atores principais, roteiristas, diretores e direitos autorais. Empregar o termo desta forma também 31 32. 3. ondas da comunicaçãotem semelhanças ao modelo publicitário, já que os gastoscom publicidade são considerados mais importantes e de­finidos antes dos outros. Por este motivo, não é incomumachar referências que digam que o termo ATL veio da in­dústria do cinema. Pela influência da publicidade nos meios de massa, pelapequena fatia na verba de comunicação e, até mesmo pelosignificado da palavra “abaixo”, BTL acabou se tornandoum termo pejorativo e suas disciplinas consideradas me­nos importantes. a quinta onda As condições foram sendo criadas ao longo do tem­po. A velocidade da mudança se intensificou nos últimosanos e, mesmo com todas as provas, ainda existem pessoasque resistem à ideia ou ignoram suas causas e consequên­cias. Parece a questão do aquecimento global. Não adiantamostrar as fotos das geleiras desaparecendo, sempre teráalguém que desacredita nos fatos. Chegamos à quinta onda, na qual nos encontramos.Se olharmos para o mercado de comunicação, seria maisfácil – e talvez até mais correto – falar sobre a transiçãodo analógico para o digital, tendo a internet como tecno­logia de ruptura. Mas para entender a quinta onda, é necessário mostrara fragmentação dos meios de comunicação, que explodiuainda na onda anterior. Falar sobre a internet, seu cresci­mento e influência no comportamento do consumidor. Epor último, mas não menos importante, apresentar as pos­síveis consequências do avanço dos meios digitais e outrastecnologias. Todos, fatores determinantes para a transição acon­tecer. Nos próximos capítulos, falaremos sobre elescom detalhes. 32 33. 4. o primeiro fator: fragmentação 34. onipresente O consumo de mídia mudou e, com ele, o comporta­ mento das pessoas. O inverso também se mostrou verda­ deiro. O comportamento das pessoas mudou e, com isso, a forma como elas consomem a mídia. No mercado de co­ municação, o que era problema exclusivo do profissional de mídia passou a merecer atenção de todos. Planejadores, criativos e todas as outras equipes. E fora da agência tam­ bém: anunciantes, veículos e produtoras. Todos precisan­ do entender e se adaptar. A digitalização, a criação de novos meios e outras con­ sequências da evolução tecnológica mudaram bastante o cenário da comunicação. Mas, obviamente, não seria possível justificar as mudanças de maneira tão simples, apontando apenas um causa­ dor e ignorando questões po­a fragmentação é de líticas, sociais, econômicas ou culturais. meios, conteúdo, No Brasil, a globalização e audiência, tempo e a economia aparentemente es­ tável – para quem, há mais de atenção. mas dez anos, chegou a viver com também é de poder inflação de 2.490% ao ano, po­ demos dizer que vivemos em uma economia aparentemente estável – talvez tenha mudado mais o consumidor do que novos meios e novas tecnologias. Apesar de não ser o único causador, entender a frag­ mentação em um contexto mais amplo ajudará a responder uma série de questões e trazer uma visão clara para anali­ sar as mudanças. Temos as mesmas 24 horas por dia e muito mais op­ ções para dividir nossa atenção. Opções para escolher o que, como, quando e onde consumir. Cenário bastante diferente de poucas décadas atrás, este poder de escolha é 34 35. 4. o primeiro fator: fragmentaçãoconsequência de uma série de fatores, entre eles, a multi­plicação de novos meios e tecnologias. A fragmentação é de meios, conteúdo, audiência, tem­po e atenção. Mas também é de poder, o que faz da quintaonda a mais interessante de todas. Jornal, rádio, revista e televisão se multiplicaram, mas­sificaram e ganharam importância para hoje receberem otítulo de veículos tradicionais. Em um cálculo não muitopreciso, diria que o número de veículos tradicionais cres­ceu 5 ou 10 vezes em poucas décadas, cuja fase mais im­portante aconteceu nos anos 90. Esta breve noção, mesmo que imprecisa, seria sufi­ciente para descrever a fragmentação dos meios de comu­nicação. Mas pelo propósito acadêmico do livro e, paraevitar um buraco histórico, é preciso ter informações maisprecisas. Mostrar alguns números tem uma segunda utilidade:provar para universitários e formandos que a fragmenta­ção também ocorreu nos meios analógicos. Jovens que não compreendem o que é ter apenas 4 ou5 canais de TV aberta à disposição. Profissionais que nãovivenciaram, em suas adolescências, um período com pou­cas opções de escolha. Para eles, os dados presentes nas próximas páginasservem com um rápido resumo deste crescimento. 35 36. onipresentejornal Com crescimento estável, a década de 1990 aumentou em 57% o número de publicações diárias de jornais brasi­ leiros. Não parece muito mas o crescimento resultou, hoje, em 3.076 jornais, sendo 532 deles diários1. 36 37. 1. Folha da Noite (fundado em 1921, passou a se cha- mar Folha de S. Paulo em 1960, resultado da união com a Folha da Manhã e a Folha da Tarde)2. Correio Braziliense (1960)3. Extra (1998)4. Super Notícia (2002)5. Destak (2005)6. Metro (2007) 38. onipresenterevista Assim como aconteceu com os outros meios, a história se repete. De 1991 para 2007, os 900 títulos de revista vira­ ram 3.833. Destes, 1.767 representam edições regulares2 . 38 39. 1. Capricho (1952)2. Veja (1968)3. Raça Brasil (1996)4. Fluir (1983) 40. onipresenterádio Partimos de poucas centenas de estações – estima-se menos de quinhentas na década de 1950 – para quase qua­ tro mil emissoras em 2008. Um crescimento de 40% só nos últimos dez anos. Mas o levantamento de 2.284 rádios FM e 1.704 AM ignora a estimativa de 2.408 rádios comu­ nitárias e mais de 15 mil rádios piratas3. 40 41. 1. Rádio Bandeirantes (1937)2. CBN (1991)3. Heliópolis (1992, conside- rada a maior rádio comu- nitária do Brasil, situada na favela urbanizada de mesmo nome)4. Kiss FM (2001) 42. onipresentetelevisão As últimas décadas trouxeram novidades para o am­ biente de TV aberta. Antes restrita a seis emissoras, a TV aberta começou seu crescimento com a entrada dos canais segmentados nas frequências VHF ou UHF. Entre eles, MTV (1990), Rede Vida (1995) e Rede TV (1999). Obviamente, o responsável pelo maior crescimento do número de canais foi a TV por assinatura. Em 1991, a entrada dos cinco canais da TVA e dos quatro canais da Globosat foi significativa, mas o número saltou para 59 em 1999 e depois para 97, em 20084. Em 2007, começam as primeiras iniciativas do que pode se tornar uma nova explosão de conteúdo na TV. A entrada das teles, com destaque para a Brasil Telecom e seu serviço de IPTV com vídeo sob demanda. A Telefônica iniciou seus serviços comprando a operadora de TV por assinatura TVA, assim como fez a Telemar comprando a Way Brasil. Com o poder das teles para investir em conte­ údo e tecnologia, este jogo só está começando. Foi também em 2007 que estreou a TV digital no Bra­ sil. Mas depois de uma estreia pomposa, perdeu força dan­ do ares de esquecimento e desdém. Por sua capacidade de resolução, o avanço da TV di­ gital foi muito comparado à entrada da TV em cores. Não é possível competir com tamanha diferença de percepção que as cores trouxeram, por isso, sempre que a compara­ ção foi feita, era para desqualificar a iniciativa. Mas a transformação não é apenas no visual. O corre­ to seria comparar as possibilidades que a TV digital pode nos trazer, com a mudança ocorrida na década de 1960, graças a entrada do videotape. Programas puderam ser gravados, editados e transmitidos em qualquer horário. 42 43. 4. o primeiro fator: fragmentaçãoAumentou a qualidade, variedade e quantidade de conte­údos nacionais ofertados. Com interatividade, canal de dados, multiprogramaçãoe transmissão móvel, talvez a TV digital fizesse o mesmopelo meio hoje, dando um novo fôlego para a TV aberta.Mas só saberemos se o suporte for maior por parte de to­dos os envolvidos. 43 44. 1. TV Record (1953)2. Rede Globo (1965)3. TV Bandeirantes (1967)4. MTV (1990)5. Net (1993)6. Telefônica TV Digital (2007) 45. onipresentecinema Apesar do número apontar salas de cinema que exibem publicidade, é possível usá-lo para mostrar que o cresci­ mento do meio não ficou para trás. As 379 salas contabili­ zadas em 1992 se multiplicaram para bater 1.916 salas em 20085. Em apenas uma década e meia, cinco vezes mais salas exibindo comerciais.360 graus Antes da fragmentação começar, um plano de mídia com poucos veículos seria o suficiente para atingir todo mundo. Com um tiro de canhão, acertava-se o navio com todos dentro. No começo da década de 1990, os programas de maior audiência da televisão brasileira, como a novela das oito e o Jornal Nacional, tinham uma audiência média acima dos 60 pontos. Em apenas dez anos, este número já havia caído para uma média de 40 ou 50 pontos e, atualmente, a audiência média destes programas está em torno de 35 pontos. Um ponto de audiência representa 1% do universo pes­ quisado. Dizer que determinado programa teve um ponto de audiência na grande S. Paulo, por exemplo, é o mesmo que dizer que 1% dos domicílios com televisão nesta re­ gião estavam sintonizados naquele programa. A maior audiência aconteceu em 1985, na novela Roque Santeiro, que supostamente teve 100 pontos de audiência, um número que se não impossível, parece improvável. Hoje os recordes batem apenas metade deste valor. Com o aumento do número de veículos, passa a ser cada vez mais importante medir a audiência e entender com qual frequência cada um deles é consumido. 45 46. 4. o primeiro fator: fragmentação Aumenta-se consideravelmente o investimento empesquisas para descobrir quem tem a maior afinidade como perfil desejado. O objetivo é mostrar a mensagem para determinadoperfil, algumas vezes para que ela seja compreendida. Porexemplo, mostrar um comercial de 30 segundos, em médiacinco vezes, para mulheres de 20 a 35 anos e que perten­çam às classes A/B. Sistemas de amostra­gem como o DIB 46 doIbope alimentam bases de uma política de preçosdados que ajudam a res­ ou distribuição componder onde anunciar. problemas podem Mas o aumento dafragmentação torna pouco atrapalhar resultados.efetivo trabalhar poucos uma campanha malfeitameios, obrigando a olhar­mos inclusive os que não na tv, um site confusosão explorados pela publi­ ou um atendimentocidade tradicional. Comoignorar o ponto-de-venda, ao consumidorpor exemplo, se sabemos mal treinado temque parte importante da de­ o mesmo efeitocisão de compra é tomadaneste momento. São raras as pesquisas sobre o assunto. A maior delas,organizada pelo Interactive Advertising Bureau norte-americano, levou mais de dois anos e contou com dozegrandes anunciantes, como Ford, Procter & Gamble eMcDonald’s. Os resultados das pesquisas mostram o ób­vio. Uma campanha em um meio influencia no resulta­do da campanha em outro meio. Uma campanha na TVinfluencia o resultado da campanha online e vice-versa.Afinal, o consumidor é o mesmo. 46 47. onipresente Anunciantes sempre souberam que uma política depreços ou distribuição com problemas podem atrapalharresultados. Mas qualquer relacionamento ruim que a pes­soa tenha com a marca tem o mesmo efeito. Uma campa­nha malfeita na TV, um site confuso ou um atendimentoao consumidor mal treinado. Para otimizar resultados, passa a ser interes­sante para os anunciantes trabalharem em todas asfrentes possíveis. Todos os ângulos, nos trezentos e ses­senta graus. Explicando o termo assim, ele fica realmentesem graça. Ações 360 Graus utilizam o mesmo conteúdo, compequenas adaptações, em vários meios e mídias diferentes.Por passar por vários meios, levam o nome de Crossmedia.Uma profusão de termos, não é de se estranhar que mui­tos profissionais não saibam explicar o significado damaioria deles. Ao pé da letra, o termo acaba causando um erro deinterpretação compreensível. Todas as frentes é apenasuma força de expressão. Não significa que serão obriga­toriamente trabalhadas, mas que todas serão analisadase boa parte delas poderá fazer parte dos esforços de co­municação. Quando as agências começam a trabalhar em váriasfrentes, acaba ficando difícil diferenciar as disciplinas.Para ilustrar, imagine qualquer uma destas promoções quecansamos de ver hoje em dia. Elas incluem ações na TV,cadastros na internet, têm resposta direta, trabalham aqui­sição, etc. Em resumo, misturam publicidade, marketingdireto, digital, promoção, etc. A linha entre ATL e BTL começa a desaparecer e algu­mas agências preferem utilizar o termo Through the Line(TTL, através da linha em inglês) para deixar claro que47 48. 4. o primeiro fator: fragmentaçãosuas estratégias ignoram a barreira da linha, trabalhandocom o que antes era considerado abaixo e acima dela. O profundo conhecimento de cada meio con­tinua importante. A imensa variedade de for­matos aumenta a necessidade de um grupomaior de pessoas com especializações distintas. Uma equi­pe de vários conhecimentos ou disciplinas. Uma equipemultidisciplinar. 48 49. 5. o segundo fator: internet 50. onipresente Um dos melhores representantes dos chamados meiostradicionais, o dominical Fantástico foi um dos respon­sáveis por divulgar, a centenas de milhões de brasileiros,a grande novidade. O programa de TV, que se intitula “asua revista eletrônica”, refere-se até hoje a internet como“a rede mundial de computadores”. Em 1995, a internet, que era de uso exclusivo da co­munidade acadêmica, foi aberta para os outros setoresda sociedade. No começo, ainda era encarada por anunciantes apenascomo uma responsabilidade da equipe de TI, ignorando ouso da web para comunicação. Esta falta de atenção abriuespaço para o surgimento das chamadas agências digitais. Em sua maioria, as agências tradicionais trabalharamno passivo, ou seja, criaram departamentos de internetapenas para suprir uma pequena e obrigatória demandaimposta por seus clientes. Usando a teoria de inovação disruptiva de Christen­sen – citada no capítulo Ondas – bastaria lembrar que navisão das agências, a internet era voltada para um nicho,era pouco lucrativa e cheia de limitações. Assim, apostarna web era menos lucrativo e mais trabalhoso. As digitais fizeram o trabalho oposto, tentando atodo custo mostrar o poder da web como plataforma decomunicação. Para provar sua importância e unicidade,duas expressões cunhadas décadas antes da internet nas­cer passaram a ser bastante usadas em apresentações deagências digitais. A frase de McLuhan1, “o meio é a mensagem”, foiusada para explicar as marcantes características do meio.Uma crítica direcionada aos que acreditavam ser suficientecolocar o comercial de 30 segundos na web, reclamandodepois dos resultados pífios. O pior não era nem o fato deexplorar pouco o poder da internet, mas de unir o pior dos50 51. 5. o segundo fator: internetdois meios. A falta de interatividade e rigidez do formatoda televisão com a baixa qualidade visual da web, graças àlimitação de velocidade de download. As empresas não sabiam como tirar proveito da redeainda, era um processo natural de aprendizado e amadu­recimento. Basta ver que estamosrepetindo este processo com a TVdigital. Veja os primeiros comerciais os primeirosda TV interativa, a maioria se asse­ comerciaismelha aos hotsites e jogos online de10 anos atrás. de tv interativa É possível ligar para uma rádio se assemelhamao vivo e interagir com o locu­tor, mas nada comparável ao que aos hotsites epode acontecer em um meio digi­ jogos onlinetal como a internet. Os hyperlinks de 10 anos atráspermitem atender diferentes de­mandas e profundidades. Um anunciante pode colocar todos os seus produtosno site, com todo tipo de informação sobre cada um deles.Cada pessoa escolhe o que e quanto aprofundar sua na­vegação. Enquanto um pode se interessar pelas cores doproduto, outra pessoa pode se chafurdar em seus detalhestécnicos. Por causa desta abundância de informações e comple­xidade de interação outra expressão passou a ser muitousada: “form follows function”2 . Apesar dos debates emrelação ao seu significado verdadeiro ou sua aderência aomeio digital, foi muito usada por agências digitais para ex­plicar a necessidade de se pensar em usabilidade. Comodiz Steve Jobs: “design não é somente como o produto separece. Design é como ele funciona”3. 51 52. 1. BOL (BBS em 1994, portal em 1995 e serviço de e-mail gratuito em 1999)2. Cadê? (1995, comprado em 2002, passou a se chamar Yahoo! Cadê?)3. Mandic (BBS em 1990, portal em 1996 e serviço de e-mail em 2002)4. UOL (1996)5. ZipMail (1998) 53. onipresenteum milhão de veículos de comunicação Conforme esperado, nos primeiros anos de exploração comercial no Brasil existiam poucos sites disponíveis em língua portuguesa. Mas os poucos viraram alguns. De al­ guns, rapidamente muitos e, de muitos, se tornaram tantos que a contagem virou um exercício lúdico. Somente um grande indexador de conteúdo como o Google poderia realizar uma boa estimativa, mas uma das teorias de cálculo – que utiliza o próprio Google – aponta para um montante entre 1,4% e 2% dos sites mundiais sendo em língua portuguesa. Algo entre 2 e 3 milhões de sites. Existem 1,3 milhão de domínios brasileiros. Muitos não devem se concretizar em conteúdo, mas a contribuição de outros países que falam a mesma língua e o fato de mui­ tos sites usarem domínios estrangeiros – como o gigante portal globo.com e o pequeno e divertido wishlist.nu4 – fazem o número 2 milhões parecer realista. Conte também aplicativos como mensageiros instan­ tâneos – como MSN Messenger ou Google Talk – e pense como quantificar serviços como o YouTube e Wordpress, com centenas de milhões de vídeos ou blogs pessoais. Cada pequeno pedaço da web, cada pequeno conteúdo gerado pelo consumidor tem seu valor. Costumo brincar que a avó da minha filha já usava MSN antes de ela nascer. É um jogo de palavras, mas é verdade. Não é só a realidade da minha filha que está sendo diferente, a maneira como seus avós (meus pais) consomem mídia também mudou muito. E mudou em um curto período de tempo. A Lei de Metcalfe pode explicar melhor um dos mo­ tivos desta mudança. Segundo a lei, o valor sistêmico da comunicação é proporcional ao quadrado do número de membros conectados5. 53 54. 5. o segundo fator: internet Traduzindo para o português: a utilidade da rede au­menta exponencialmente de acordo com o número de usu­ários. A lei pode ser questionada, mas é evidente que oaumento do número de usuários e de conteúdo disponívelna internet a tornou mais atraente e valiosa. Além de veras fotos da netinha, facilidades como achar o telefone dapizzaria do bairro e falar com amigos que moram longetornaram a rede bem mais interessante para meus pais. Além disso, quanto mais usuários, mais “professores”.De 2005 para 2007, um período de apenas dois anos, onúmero de crianças brasileiras de 6 a 11 anos de idade quenavegam na internet aumentou em 77%. E a quantidadede horas médias navegadas por mês passou de 14 para 19horas. Um aumento de 40%6. Pais e irmãos mais velhosconectados dão o exemplo e o incentivo para o cresci­mento se tornar exponencial. O que parece distante podeacontecer em poucos anos graças à rápida aceleração. Segundo o Ibope, em maio de 2008, o jovem adoles­cente consumiu 3,3 mil páginas de internet. Esta médiamensal é duas vezes maior que do ano anterior. Olhandopor outro ângulo, seria equivalente a dizer que estes ado­lescentes estão lendo uma revista por dia, na web7. E, mesmo com a presença dos grandes portais, deixa­mos de olhar para dezenas para analisar milhares de veícu­los. Em 2008, a agência digital norte-americana Razorfishcomprou para seus clientes espaço publicitário em mais demil sites diferentes8. Um, dois ou quatro milhões de sites? Não importa,o volume brutal destes valores mostra que não faz maissentido contar número de veículos de comunicação. Coma entrada da web, fragmentação passou a ter um novo sig­nificado. 54 55. 1. ZAZ (foi ao ar em 1996, foi comprado em 1999 e virou o portal Terra)2. Yahoo Brasil (1999)3. iG (2000)4. globo.com (2000)5. MSN Messenger Service (no Brasil em 2000) 56. onipresenteconsumidores ou pessoas? No começo olhávamos apenas para os meios de comu­ nicação. Com o poder de atingir a massa, era fácil atingir todo mundo, não precisando mirar um público específi­ co. A fragmentação tornou necessário selecionar melhor, verificando o perfil de quem consumia cada meio e cada veículo de comunicação. Mas, mesmo levantando o perfil demográfico, socioe­ conômico, cultural e psicográfico, o foco ainda era o meio. Depois de escolhido o meio, realiza-se um cruzamento por base de amostragem para escolher qual parte do meio priorizar. Por exemplo, antes escolhe-se o meio televisão, para depois definir os canais e por último os programas. Assim que a conversação se tornou viável e os meios infinitos, precisamos voltar o olhar para o consumidor. Rótulos podem ser levados em conta, mas, assim como a audiência, deixaram de ser um fator dominante na fór­ mula e não podem ser a única preocupação do profissio­ nal de mídia. No passado, isso fazia sentido quando o próprio con­ sumidor escolhia primeiro o meio. O tradicional “deixa eu ver o que está passando de interessante” ou “deixa eu ler uma revista” ou “escutar uma musiquinha”. Hoje, apesar desse comportamento ainda coexistir, com tanta oferta, o mais comum é o consumidor escolher o que quer ver, como e onde. Ele quer ver Heroes. Ele quer assistir novela. Sim, por enquanto a novela só é oferecida na televisão e em um determinado horário. Os veículos acham que estão no comando, mas estão apenas perdendo oportunidades. A resistência por parte de alguns profissionais contra a etiqueta “consumidor”, preferindo chamá-los apenas de “pessoa”, demonstra necessidade de parar de dividir 56 57. 5. o segundo fator: internetpessoas por classe social, sexo, faixa etária ou qualqueroutro rótulo. A tecnologia tornou o uso destes rótulos arriscado.Usando os jogos como exemplo. Décadas atrás, eles eramcoisa de adolescentes do sexo masculino, hoje atingem ho­mens e mulheres de todas as idades. Porque os adolescen­tes cresceram e porque os jogos evoluíram, em qualidadee variedade. Um senhor de 60 anos que não se interessariapor Pong ou Pac-Man pode se interessar por Brain Agepara exercitar o cérebro, se divertir jogando boliche noWii ou até passar o tempo jogando Paciência no celular.Muitos jogam durante horas a fio e nem se consideramjogadores, afinal, Brain Age e Paciência nem são conside­rados jogos por alguns. Outro exemplo pode ser visto na penetração de telefo­nia fixa. Antigamente, pagar uma assinatura mínima peloserviço dificultava a penetração do aparelho nas classesmenos favorecidas. Selecionar pessoas e entrevistá-las portelefone fixo não era problema, pois uma simples pondera­ção manteria a qualidade da amostra. Mas hoje é comum encontrar pessoas que aboliramo uso do fixo em prol do celular, independentemente daclasse social. Os mais abonados por facilidade, já que amaior parte de seus contatos estão na memória do celulare é mais prático para ligar, e por custo, pois a maioria dasligações são feitas para celulares de amigos, o que seriamais caro ligando de um fixo. Com celulares pré-pagos e usando mensageiros instan­tâneos na lan house, o custo-benefício do fixo tornou-semenos atraente para os menos abonados, mesmo que oserviço ainda seja visto como objeto de desejo. Por isso, realizar pesquisas usando o telefone fixo comofiltro, pode dar um grande desvio na amostra se o objetivoda pesquisa for justamente analisar o consumo de meios. 57 58. onipresente Na internet, pesquisas mostram que não existem dife­ renças significativas entre as classes sociais para o consu­ mo de conteúdo, entretenimento ou sites de comunidades. A participação e profundidade de uso que as pessoas fazem destas novas ferramentas sociais não costumam ter relação com idade ou classe social. É preciso tomar muito cuidado com os rótulos que criamos ao longo das últimas décadas.comunicação integrada Não é apenas a maneira como rotulamos os consumi­ dores que precisa ser revista. Medir o consumo de mídia da forma antiga também deixou de ser eficaz. O consumidor está em todo lugar e passa a acessar muitos meios e veículos, inclusive vários ao mesmo tempo. São muitas opções e não faz mais sentido focar em cada uma delas para entender como as pessoas estão consumin­ do mídia. Medir o aparelho, seja ele uma televisão, um computador ou um celular, passa a ser impreciso demais. É preciso medir o consumidor: a pessoa. Os principais institutos de pesquisa de audiência e comportamento desenvolvem sistemas com esta finalida­ de. Portable People Meter (PPM) da Arbitron, Mediawatch da Telecontrol e, no Brasil, o DIB 6 do Ibope. Os três sis­ temas funcionam de forma semelhante, reco­ hecendo as n mídias através do áudio de seu conteúdo, através de um microfone embutido no aparelho. 58 59. Mediawatch, da Telecontrol. Sempre com o consumidor. 60. onipresente O dinheiro é finito e os meios diversos e desiguais.Os parâmetros atuais de medir resultado não se aplicam atodos. Usar diferentes metodologias dificulta a compara­ção. A dúvida passa a ser “quanto investir em cada meio”,criando uma vasta e ineficiente discussão comparativa en­tre televisão e internet. O foco é na pessoa, não no meio. A ideia é anterior emais importante que a escolha da mídia. Na hora de tan­gibilizar o conceito, cada meio deve ser utilizado buscan­do explorar todas as suas possibilidades sem ignorar suaslimitações. Vai parecer masturbatório, mas para não mudar a com­preensão do que está escrito, é preciso lembrar que falo de“ideia” no sentido amplo da palavra. Não é referente à pia­dinha do comercial. É ideia no sentido de conceito. O queestá por trás, qual a mensagem e qual o seu propósito. Aliás, o recado também vale para a palavra “mensa­gem”. Não se refere ao discurso escrito e falado que éapresentado durante um comercial. É mensagem no sen­tido de “significado”, ou seja, que imagem será passadaao consumidor através de todas as ações da marca. Nãoimporta se a ação é um patrocínio de um desportista, oinvestimento na produção de determinado conteúdo ou aescolha das palavras que compõe um jingle. Até mesmo afalta de ação, ou omissão, contém uma mensagem. Um bom exemplo disso é a relação que algumas mar­cas tiveram com o trabalho escravo infantil. Ter ignoradoo problema e não tomado atitudes práticas quando ele veioà tona é uma mensagem bastante clara sobre a personali­dade destas empresas. A mensagem é a mesma, ela é formada através deações com diferentes formas, em diversos meios e comdiferentes conteúdos. A união da comunicação em cadaum deles integra-se para formar uma só. O nome adota­60 61. 5. o segundo fator: internetdo pelo mercado para definir esta necessidade é Comu­nicação Integrada. Escolher onde anunciar, seja meio ou veículo, é pos­terior. Posterior por serconsequência da ideia. escolher onde anunciar,Os escolhidos devem sera melhor maneira de im­ seja meio ou veículo,plementar a ideia e expor é posterior, por sera mensagem. consequência da ideia. A escolha deve serestabelecida em critérios os escolhidos devemtécnicos e sob a perspec­ ser a melhor maneirativa do consumidor. Sefor baseada no interesse de implementar a ideiafinanceiro ou esforço, ela e expor a mensagemnão será neutra. Para fomentar uma imagem de isenção na escolhada mídia, muitas agências passaram a empregar o termoMedia Neutral como parte de seus discursos. transmedia Um bom exemplo de como tirar o melhor proveito decada meio está na série Heroes, entendida como um marconeste tipo de raciocínio. A limitação de horário não permite que roteiristasaprofundem a história no programa de TV, mas eles fize­ram isso produzindo revistas, quadrinhos, jogos e criandosites de todo tipo. O blog do personagem, por exemplo,não é um derivado ou uma franquia do seriado principal,mas um complemento da história, usando o meio adequa­do para isso. Quem acompanha o seriado e gosta de histórias deamor, pode ler o livro que conta um dos romance do se­riado9, que não pode ser explorado com detalhes na tele­ 61 62. onipresentevisão. É hiperlink no sentido conceitual, ou seja, atenderdiferentes demandas e profundidades. Assim como uminternauta pode clicar nos links e decidir qual assunto seaprofundar no site de um produto qualquer, ele pode fazero mesmo com o seriado Heroes. Esta gama de possibilidades permite uma experiênciamais rica. Quem consumiu a série The Matrix em outrasfontes além dos longas-metragens, como os curtas anima­dos The Animatrix10, teve um melhor entendimento datrilogia. Isso porque parte da narrativa, que não aparecenos filmes principais, foi preenchida nas animações. Aspartes podem ser consumidas individualmente, mas emconjunto, se complementam. A interconexão do conteúdo torna a narrativa maiscomplexa. Em relação aos filmes tradicionais, esta com­plexidade seria equivalente a comparar o controle doPlayStation 3, com seus quinze botões, ao joystick doAtari, com seu único e solitário botão vermelho.62 63. Joystick do Atari. Foto de Bill Bradford. 64. onipresente A complexidade gera experiências únicas, e com isso,conversação das pessoas que buscam entender ou expli­car sua percepção sobre o tema. Esta movimentação é boapara manter e gerar mais interesse. Contar histórias desta forma ganha o nome de Trans­media11. A diferença entre os termos é tão sutil que, paramuitos, é apenas uma versão acadêmica do termo Comu­nicação Integrada. O entendimento do termo está diretamente relaciona­do ao ambiente e à época em que foi adotado. Tempos deinternet, redes sociais e jovens consumidores com acessofácil e quase irrestrito a tudo. Olhando neste contexto histórico, os primeirosbons cases de Transmedia parecem ser uma versão evo­luída de Comunicação Integrada. O conteúdo já nasceem várias camadas e intercala com sucesso entre açõesde massa e nicho. Lembrando que atingir a massa ou nicho não são ob­jetivos, mas consequências. O objetivo é criar diversosníveis de imersão para os fãs se aprofundarem de acordocom o desejado. Olhando por este ponto de vista, todas asações são voltadas para a massa, mesmo que acabem sendorelevantes para uma pequena parte dela. Ainda assim, atingindo apenas uma pequena partedo todo, chamar de nicho não seria de todo correto, jáque estas poucas pessoas poderiam envolver e influen­ciar outras. Se Comunicação Integrada tivesse sido bem entendi­da e explorada desde o seu princípio por comunicadores,talvez o termo Transmedia não tivesse vingado. Agora, éprovável que aconteça o movimento contrário e, Transme­dia passe a fazer parte do vocabulário publicitário.64 65. 5. o segundo fator: internet quem define o plano de mídia? Em um modelo de Comunicação Integrada ouTransmedia, quem é responsável pela definição do pla­no de mídia? Pelo modelo de negócios utilizado no mercado, o Bra­sil não aceitou a entrada dos bureaus de mídia. Hoje, issonos proporciona, ao menos em tese, uma enorme vanta­gem na hora de executar o trabalho de forma integrada, jáque o planejamento e criação das ações são realizados pelamesma empresa que planeja a mídia. Mas ter as duas equipes dentro do mesmo teto não ga­rante esta integração. Trata-se de humanas e exatas experi­mentando algo novo e, em um casamento forçado. Se estamos falando de absorver a mensagem, as esco­lhas realizadas pela equipe de mídia têm relação direta como histórico da marca, o tamanho do problema que precisaser resolvido, o grau de complexidade da mensagem e atémesmo o caminho que escolhemos para solucioná-lo. Por isso, não é somente na escolha dos meios que otrabalho de mídia se tornou mais integrado com as ou­tras equipes. O planejamento de mídia como um todoprecisa ser tratado em conjunto com a criação e com oplanejamento. No mercado de comunicação, a divisão em etapas oucategorias é similar à linearidade da produção em largaescala advinda da revolução industrial. Com o processo de trabalho ficando cada vez maisinterdependente e integrado, disciplinas, meios e áreaspassam por uma dificuldade de nomenclatura. Se todasas agências trabalham marca, fazem retenção e aquisição,como dividir o que é above ou below the line? Antigamente o processo era bastante linear. O anun­ciante passava o briefing para o atendimento, que passava 65 66. onipresente para o planejamento, que passava para a criação, que pas­ sava para a equipe de rádio e televisão, que passava para a produtora. Hoje todos deveriam atender o cliente, não somente o profissional de atendimento. Todo mundo precisa ser criativo, não só a criação. As funcionalidades que serão produzidas em um site também fazem parte do processo de planejamento de marca. E se tudo é mídia, então não deveria ser um assunto restri­ os prazos para to a um único departamento. se produzir uma criar, planejar marca atender, As funções de e mídia campanha eram devem ser executadas matri­relativamente bem cialmente por todos, o que não impede a existência de conhecidos. profissionais de comunicaçãoagora, a variedade com diferentes especialida­ des. e complexidade É uma discussão atual dependem e ao mesmo tempo antiga,do relacionamento masolhamos a assunto quan­ do cabe neste complexidade de vários tipos apontada pela fragmentação. de profissionais O planejador precisa sentar com a criação, a mídia com para garantir o planejamento. A verdade um cronograma é que todos precisam sentar juntos. realista Não é falta de processos, é um processo mais matricial. Até mesmo um simples orçamento pede mais integração. Antes, os prazos para se produzir uma campanha eram relativamente bem conhecidos. Agora, a variedade e com­ 66 67. 5. o segundo fator: internetplexidade dependem do relacionamento de vários tipos deprofissionais para garantir um cronograma realista. Nos meios tradicionais, os principais formatos co­merciais são do conhecimento de todos. A variedade deformas, aplicações, serviços e possibilidades de uso que ainternet e outros meios digitais oferecem parece infinita. O consumo dos meios digitais não é passivo. É pos­sível criar novos conteúdos e também novas formas deconsumo, tornando o conhecimento do meio fundamen­tal. Para definir uma das ações, como por exemplo umaaplicação para Orkut, é necessário saber da existência edas vantagens deste uso. E para detalhar tal aplicação, éessencial entender a mecânica e a lógica de como as pesso­as interagem com a comunidade. Uma tarefa ou conhecimento que poderia ser poste­riormente terceirizado para outra agência ou produtora érequerido desde o princípio. O que antes era linear, passaa ser matricial. Para tangibilizar ideias e conceitos, passaa ser difícil trabalhar forma e função em momentos dis­tintos. Um exemplo, a tecnologia define limites e possibilida­des para o trabalho da equipe de criação, assim como oque foi criado define o trabalho da equipe de tecnologia.Não adianta o criativo pensar em algo para depois a tec­nologia matar o projeto por ser muito custoso ou inviávelnaquele prazo. Todas as equipes precisam conversar paragarantir uma resposta consistente. Passamos da relação dedependência para a de interdependência. Existe maior envolvimento com tecnologia e produ­ção. Para controlar qualidade, prazo e custo de projetostão complexos, é preciso aplicar práticas de gestão de pro­jeto mais eficientes. Gerentes de projetos, que sempre fize­ram parte das agências digitais, passam a integrar o quadrodas agências tradicionais. 67 68. 6. o terceiro fator: o consumidor 69. onipresente Em 1995, o site GeoCities tornou simples a tarefa deconstruir e manter páginas na internet para pessoas semnenhum conhecimento técnico. O que o serviço começou tomou novas proporçõescom o advento de ferramentas como o Blogspot, Fotolog,YouTube, Flickr e câmeras fotográficas digitais. O serviçode publicação e hospedagem de blogs Blogger foi abertoem 1999 e, menos de dez anos depois, chegamos a 184milhões de blogs no mundo1. Mais do que aumentar o volume de sites, o conteúdogerado pelo consumidor2 tornou a web relevante. A aten­ção deixou de ser exclusiva dos grandes portais e veículos,sendo dedicada em maior parte às comunidades.69 70. 1. GeoCities (1994, comprado em 1999, passou a se cha- mar Yahoo! GeoCities)2. Blogger (2000)3. Wikipedia (2001, que usou por um tempo o logo do projeto Nupedia, que o antecedeu)4. Fotolog (2002)5. Skype (2003)6. Wordpress (2003) 71. onipresente Sucesso nas BBS3, foi somente poucos anos atrás que as comunidades ganharam força na web. O que co­ meçou como uma espécie de inconsciente coletivo entre blogueiros, tornou-se bem evidente nas redes sociais. O consumidor ganhou potência em sua voz. O Fantástico, que pautava os assuntos que seriam discutidos pelos bra­ sileiros durante a semana, agora é pautado pelo Orkut e suas histórias. Praticamente todo domingo, o programa apresenta alguma matéria relacionada à comunidade. nas redes sociais, Não se trata de con­ seguir conteúdo fácil e a força é do grupo, barato, mas de relevância. como em um Pode parecer absurdo para enxame de abelhas. alguns, mas se mais de vin­ te milhões de brasileirosuma picada pode doer, estão no Orkut, falar sobre mas o maior risco ele é tão importante quan­ to o trânsito, cuja frota de é da picada chamar carros é estimada em 28 a atenção milhões. A grande mudança não de outras abelhas está na comunicação de um para muitos – como acon­ tece em um spam –, mas de muitos para muitos, como no bom e velho boca-a-boca. As possibilidades para uma pessoa dar sua opinião au­ mentaram muito com o celular e a internet. Nem todo mundo visitava salas de chat ou páginas pessoais, mas o surgimento de sites que permitiam opi­ nar sobre produtos ou lojas mostrou que muito ainda es­ taria por vir. 71 72. 6. o terceiro fator: o consumidor Em duas décadas, passamos das conversas tête-à-tête edo telefone fixo para blogs, comunicadores instantâneos,SMS e comunidades online. Do restrito e filtrado contato com veículos tradicionais– a cartinha para o jornal ou ligação para a rádio local –para serviços que publicam na web o vídeo que alguémacabou de gravar através do seu celular, no meio da rua. Nas redes sociais, a força é do grupo, como em umenxame de abelhas. Uma picada pode doer, mas o maiorrisco é da picada chamar a atenção de outras abelhas. Umcomentário pode gerar uma reação em cadeia que repre­sente a mesma força de um grande veículo. E mais, podechamar também a atenção dos grandes veículos. Diferente da uniformidade do meio de massa, a vi­ralização na web é desordenada, mesmo sendo realizadapor pessoas. São divulgados por indivíduos com poderde fogo distinto, usando maneiras de se comunicar comtempos e impactos desiguais. Pode ser um e-mail, sala dechat, fórum, blog, comunicador instantâneo, microblog,comunidade, ou qualquer nova ferramenta e serviço quevenha a surgir. 72 73. 1. Flickr (2004)2. Orkut (2004)3. YouTube (2005)4. Twitter (2006) 74. onipresente O consumidor gerando, distribuindo e consumindo conteúdo de várias formas, inclusive de outros consumi­ dores. A melhor forma de evidenciar a extensão deste fe­ nômeno foi demonstrada pelo antropólogo Dr. Michael Wesch em seu vídeo: Uma Intro­ dução Antropológica ao YouTu­ a transmissão be4. Dr. Wesch apontou que ape­ de toda a história nas seis YouTube vídeos enviados para o meses de somavam mais das quatro maiores horas que toda a transmissão emissoras da Rede ABC, em sua história. Fazendo um paralelo brasileiro, brasileiras é se somarmos todos os anos detrês ou quatro vezes transmissão das quatro maiores emissoras brasileiras (TV Globo, menor que SBT, TV Record e TV Bandei­o montante de horas rantes), o número de horas trans­ enviado para mitidasque otrês ou quatro horas menor seria montante de vezes o youtube em enviado para o YouTube, em um um único ano único ano. O número é assustador, e não é ele que importa, mas sim o que ele representa. Pessoas normais criando conteúdo tomou uma proporção difícil de ser ignorada. A Amazon explora a fragmentação vendendo mui­ tos livros de pequena tiragem. O mesmo acontece com o consumo de outros tipos de conteúdos. Todos os dias, centenas de milhões de vídeos são assistidos no YouTube. Assim como os livros da Amazon, alguns vídeos recebem a atenção de apenas uma pessoa, enquanto outros atraem milhões delas. Em sua maioria, os vídeos do YouTube não são pro­ fissionais ou comerciais, mas amadores. As mesmas pes­ 74 75. 6. o terceiro fator: o consumidorsoas que se espantaram com o sucesso dos reality showsna televisão, se surpreendem novamente com o sucesso doYouTube. Pessoas também querem assistir a outras pes­soas, não somente produções profissionais. Os maioressucessos do YouTube são recheados por estes exemplos.Uma adolescente fala sobre seus problemas de um jei­to que nenhum escritor, jornalista ou redator publicitá­rio poderia imitar com tamanha precisão. O que antesera piada, agora é encarado com apreensão por parte dequem detinha o poder de produção, divulgação e distri­buição de conteúdo. Produtoras, agências, veículos e anunciantes agoracompartilham este poder com desconhecidos que nuncaproduziram nada na vida. Pessoas como Juliana, cujo slideshow animado de final de namoro teve relevância para 12milhões de pessoas. Seu vídeo não tem importância histó­rica e nem está mais online, mas estamos competindo pelaatenção, e foi a Juliana quem conquistou quatro minutos emeio de cada uma destas pessoas. Não se trata apenas de conteúdo. Conectados atravésde sites, ferramentas e comunidades online como MSNMessenger, YouTube e Orkut, a opinião do consumidorpode chegar a todos, mesmo àquelas pessoas que ele nãoconhece. A extensão desta ligação fica evidente no levan­tamento do Ibope, realizado para divulgar seu serviço vol­tado para pesquisa em redes sociais: “Caso os membros das comunidades relacionadasàs marcas de veí­ ulos decidissem fazer uma campanha ca favor ou contra o consumo de automóveis, atingiriam1.000.000.000 (1 bilhão) de pessoas duplicadas5.” O número é tão absurdo que sua precisão deixa de serimportante, afinal, não faria a menor diferença se fossem800 milhões ou 2 bilhões. Lembra das abelhas? No finaldas contas, apontar este número é o mesmo que dizer 75 76. onipresente“cuidado, você pode ser picado por quatrocentas e oitentae cinco mil seiscentas e noventa e duas abelhas”. Se depoisde 500 picadas um ser humano normal morre, qualquernúmero muito acima disso perde o sentido. O que vale não está na informação do Ibope, massubentendido nela. Usando a metáfora das abelhas, com­preender que uma única abelha pode provocar a pica­da de muitas outras, causando uma grande vantagem ouprejuízo à marca. Qualquer um pode baixar na internet uma lista commais de 40 milhões de e-mails brasileiros e enviar umspam. Disponibilizar a mensagem para mais pessoas não ésinônimo de resultado. Audiência é importante, mas ape­nas parte da fórmula de mídia. Sem relevância, a mensa­gem não tem efeito. A relevância é criada automaticamente pelo consumi­dor. Sem perceber, imaginando quem iria gostar de rece­ber cada informação. Indicamos o vídeo de carros parao amigo que acompanha corridas e as fotos do desfile demoda para a amiga que gosta do assunto. Agências e anunciantes aproveitam para realizar açõesde marketing viral, criando estratégias para transformarconsumidores em mensageiros da marca. Também pas­saram a utilizar o conteúdo amador como parte de suascampanhas, mas era possível aproveitar melhor a aberturaque o ambiente digital proporcionou. A participação deconsumidores através de pedidos para enviar fotos ou ví­deos é interessante, mas dentro de um tema ou formatopreviamente decidido pela marca, não ajuda a mostrar oque é relevante. Faltava escutar o consumidor no ambiente digital, sa­ber o que está falando, consumindo e produzindo sem ainfluência direta das ações promocionais. Um conheci­mento que pode contribuir, entre outras coisas, para me­76 77. 6. o terceiro fator: o consumidorlhorar a qualidade e o direcionamento do conteúdo geradoprofissionalmente. Com isso é possível, entre outras coisas, experimen­tar mais. Por exemplo, lançar um personagem nos qua­drinhos e só levar o mesmo para o canal principal, casoele faça sucesso. Recurso utilizado em açõesTransmedia como o seriadoHeroes. Hana Gitelman, persona­gem da série que apareceu inicial­ se a ideiamente nos quadrinhos, foi anfitriãde várias ações digitais, interagin­ é anterior à escolhado com os fãs através de SMS, dos meios,e-mails e blogs. Fez tanto sucesso o conhecimentoonline que ganhou espaço em al­guns episódios da série na TV. obtido através Se a ideia é anterior à escolha de um delesdos meios, o conhecimento obtidoatravés de um deles deveria servir deveria servircomo aprendizado para todos os como aprendizadooutros. O resultado e a aceitaçãode um conteúdo pode influenciar para todosou modificar o caminho da narra­ os outrostiva. Uma evolução natural, refle­xo do que aconteceu na web, coma ascensão das redes sociais. A importância do conteúdo e a necessidade de relevân­cia têm impacto direto sobre o mantra de planejamento demídia, baseado em alcance, frequência e impacto. O pesoe o entendimento sobre cada um destes pilares precisa serrevisto. É disso que trataremos a seguir. 77 Recommended Learning PowerPoint 2016 Online Course - LinkedIn Learning Teaching Future-Ready Students Online Course - LinkedIn Learning Common Core: Exploring K-12 Standards Online Course - LinkedIn Learning Onipresente Ericmessa 1.0 Roberto Sena Livro bakhtin-estetica-criacao-verbal ANA CLAUDIA DIAS RIBEIRO PRIMER ESTUDIO SOCIOLÓGICO DE BLOGS DE MODA Y BELLEZA ESPAÑA 2012 Roberto Sena Curso Redes Sociais Instituto Desenvolve T.I Curso: Aumentando o Faturamento com Mídias Sociais Instituto Desenvolve T.I TEOLOGIA NAZISTA Claudio José Ayrosa Rosière E-Book Para Entender as Mídias Sociais Instituto Desenvolve T.I English Español Português Français Deutsch About Dev & API Blog Terms Privacy Copyright Support LinkedIn Corporation © 2018 × Share Clipboard × Email Email sent successfully.. Facebook Twitter LinkedIn Link Public clipboards featuring this slide × No public clipboards found for this slide × Save the most important slides with Clipping Clipping is a handy way to collect and organize the most important slides from a presentation. You can keep your great finds in clipboards organized around topics. Start clipping No thanks. Continue to download. Select another clipboard × Looks like you’ve clipped this slide to already. Create a clipboard You just clipped your first slide! Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later. Now customize the name of a clipboard to store your clips. Name* Description Visibility Others can see my Clipboard Cancel Save



http://caioqueiroz.com
  Caio Queiroz | Designer Gráfico » Portfólio Contato Todos Impressos Marcas Mídia Social Websites Cartaz CEOInove Impressos Mídia Social Colégio Acadêmico Salvador Mídia Social Logo Pub Grill Marcas Logo Som n’Azeitona Marcas Website A7 Serviços Especializados Websites Cartão de Visita A7 Serviços Especializados Impressos Logo A7 Serviços Especializados Marcas CARTÃO DE VISITA GOMES ADVOCACIA E CONSULTORIA ... Caio Queiroz | Designer Gráfico » Portfólio Contato Todos Impressos Marcas Mídia Social Websites Cartaz CEOInove Impressos Mídia Social Colégio Acadêmico Salvador Mídia Social Logo Pub Grill Marcas ... Assis & Magalhães Impressos Logo Mesquita Advocacia Marcas Promocional HEAVY Impressos Mídia Social Hotmobile Mídia Social Mídia Social Hotmobile Mídia Social Mídia Social Colégio Acadêmico Salvador Mídia Social Mídia Social Deli Mais Mídia Social Logo Ciro Menezes Advocacia & Consultoria Marcas Mídia CACHE

Caio Queiroz | Designer Gráfico » Portfólio Contato Todos Impressos Marcas Mídia Social Websites Cartaz CEOInove Impressos Mídia Social Colégio Acadêmico Salvador Mídia Social Logo Pub Grill Marcas Logo Som n’Azeitona Marcas Website A7 Serviços Especializados Websites Cartão de Visita A7 Serviços Especializados Impressos Logo A7 Serviços Especializados Marcas CARTÃO DE VISITA GOMES ADVOCACIA E CONSULTORIA Impressos CARTÃO DE VISITA BY ESTRAVAGANZA Impressos LOGO GOMES ADVOCACIA E CONSULTORIA Marcas IDENTIDADE VISUAL FLAVIA FERREIRA GARCIA ADVOGADA Impressos Logo By Estravaganza Marcas Logo Flavia Ferreira Garcia Advogada Marcas Logo Finesse Semijoias e Folheados Marcas Cartão de Visita Assis & Magalhães Impressos Logo Mesquita Advocacia Marcas Promocional HEAVY Impressos Mídia Social Hotmobile Mídia Social Mídia Social Hotmobile Mídia Social Mídia Social Colégio Acadêmico Salvador Mídia Social Mídia Social Deli Mais Mídia Social Logo Ciro Menezes Advocacia & Consultoria Marcas Mídia Social Dzum Mídia Social Mídia Social DINNI Campanha Mídia Social Mídia Social DINNI Mídia Social Mídia Social Clínica Micherle Boldrin Mídia Social Mídia Social Clínica Micherle Boldrin Mídia Social Mídia Social Studio Pilates Lorena Rios Mídia Social Mídia Social Magic Shoes Campanha Mídia Social Mídia Social Magic Shoes Campanha S2 Mídia Social Mídia Social Oito Baby Mídia Social Mídia Social Depil Premium Mídia Social Mídia Social 4youpilates Mídia Social Midia Social Brasil Educar Mídia Social Mídia Social Farid Mídia Social Logo HEAVY Marcas Cardápio Dözen Restaurante e Delicatessen Impressos Cartão de Visita HK Impressos Outdoor Vitrine das Noivas Impressos Cartaz CEOINOVE Impressos Logo Victor Leal Advogado Marcas Cartaz Vitrine das Noivas Impressos MPU Planejados Websites Revista Arte Decor Impressos Cartão de Visita Mundo Imóveis Impressos Pedreira Advogados Marcas Cartão de Visita Flávia Góis Impressos Shield Tecnologia Marcas Cartão de Visita Gelson Lapa Impressos Web Imob Impressos Folder Coopross Impressos Outdoor Conversa Fiada Impressos Flávia Góis Marcas Outdoor Physioserv Impressos Campanha Physioserv Impressos VIP Taxi Logo Simone Fialho Marcas Outdoor Dözen Restaurante e Delicatessen Impressos Cavalete Dözen Restaurante e Delicatessen Impressos Flyer Deli Mais Impressos Cartão de Visita Dözen Restaurante e Delicatessen Impressos Cartão de Visita CAPE Consultoria e Projetos Ltda. Impressos Site Tarja Empreendimentos Websites Logo CAPE Consultoria e Projetos Ltda. Marcas Cartão de Visita Cícero Bahia Dantas Advocacia Impressos Site Turbotech Salvador Websites Panfleto ASGA Orgânicos Impressos Panfleto Fisiccus Impressos Logo Cícero Bahia Dantas Advocacia Marcas Cartão de Visita EMN Projetos e Construções Impressos Marca EMN Projetos e Construções Marcas Cartaz Physioserv Dia do Cliente Impressos Cardápio Cantina Total Impressos contato@caioqueiroz.com +55 71 99360 3299 Salvador, BA ENTRE EM CONTATO AQUI Email Facebook Instagram Copyright © 2017, Todos os Direitos Reservados. Back to Top



https://games.mercadolivre.com.br/playstation/teclado-midi-5_Frete_MercadoEnvios
  Teclado Midi 5 - PlayStation con Mercado Envios no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em PlayStation Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games PlayStation teclado midi 5 100 resultados Mercado Envios Organizar anúncios Mais relevantes Mais relevantes Menor preço Maior ... Jogos Mídia Fisica 7051 187 vendidos - São Paulo R$ 2.349 12x R$ 195 75 sem juros Ps4 Slim 1tb Com 2 Controles + 5 Jogos Em Mídia Física 7051 49 vendidos - São Paulo R$ 2.199 12x R$ 183 25 sem juros Ps4 Slim 1tb Com 2 Controles + Gta 5 + 3 Jogos Mídia Física 7051 12 vendidos - São Paulo R$ 2.129 12x R ... Paulo R$ 2.129 12x R$ 177 42 sem juros Ps4 Slim 500gb Bivolt Com 2 Controles + 5 Jogos Mídia Fisica ... Jogos Mídia Fisica 7051 5 vendidos - São Paulo R$ 1.889 12x R$ 157 42 sem juros Ps4 Slim 500gb Com CACHE

Teclado Midi 5 - PlayStation con Mercado Envios no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em PlayStation Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games PlayStation teclado midi 5 100 resultados Mercado Envios Organizar anúncios Mais relevantes Mais relevantes Menor preço Maior preço Categorias PlayStation 3 (58) PlayStation 4 (41) PS Vita (1) Pagamento Sem juros (65) Condição Novo (56) Usado (43) Localização São Paulo (44) Rio de Janeiro (22) Paraná (10) Minas Gerais (8) Bahia (5) Rio Grande do Sul (4) Mato Grosso (2) Santa Catarina (2) Mato Grosso do Sul (1) Ver todos Escolher Localização Bahia (5) Mato Grosso (2) Mato Grosso do Sul (1) Minas Gerais (8) Pará (1) Paraná (10) Pernambuco (1) Rio Grande do Sul (4) Rio de Janeiro (22) São Paulo (44) Santa Catarina (2) Preço Até R$55 (33) Mais de R$150 (38) R$55 a R$150 (29) Envio Frete grátis (45) Mais especificações Melhores vendedores (25) R$ 2.089 12x R$ 174 08 sem juros Ps4 Slim 500gb Com 2 Controles + 5 Jogos Mídia Fisica 7051 187 vendidos - São Paulo R$ 2.349 12x R$ 195 75 sem juros Ps4 Slim 1tb Com 2 Controles + 5 Jogos Em Mídia Física 7051 49 vendidos - São Paulo R$ 2.199 12x R$ 183 25 sem juros Ps4 Slim 1tb Com 2 Controles + Gta 5 + 3 Jogos Mídia Física 7051 12 vendidos - São Paulo R$ 2.129 12x R$ 177 42 sem juros Ps4 Slim 500gb Com 2 Controles + 02 Jogos Em Midia Fisica 7051 19 vendidos - São Paulo R$ 2.129 12x R$ 177 42 sem juros Ps4 Slim 500gb Bivolt Com 2 Controles + 5 Jogos Mídia Fisica 7051 237 vendidos - São Paulo R$ 2.209 12x R$ 184 08 sem juros Ps4 Slim 1tb Bivolt Com 2 Controles + 5 Jogos Mídia Fisica 7051 5 vendidos - São Paulo R$ 1.889 12x R$ 157 42 sem juros Ps4 Slim 500gb Com Gta 5 + Pes 2018 Midia Fisica 7051 18 vendidos - São Paulo R$ 2.759 12x R$ 229 92 sem juros Ps4 Pro 4k 1tb Bivolt Com 2 Controles + 5 Jogos Midia Fisíca 1744 1 vendido - São Paulo R$ 1.999 12x R$ 166 58 sem juros Ps4 Slim 1tb Com Fifa 18 + Gta 5 Jogos Em Midia Fisica 7051 1 vendido - São Paulo R$ 1.799 12x R$ 149 92 sem juros Ps4 Slim 1tb Bivolt Sony + Gta 5 Midia Fisica 7051 1 vendido - São Paulo R$ 29 90 Resident Evil 4 5 6 Combo Ps3 Mídia Digital Psn Br 55 vendidos - Rio de Janeiro R$ 2.449 12x R$ 204 08 sem juros Ps4 Slim 500gb Bivolt Com 2 Controles + 5 Jogos Midia Fisica 7051 9 vendidos - São Paulo R$ 99 12x R$ 8 25 sem juros Bateria 3 In 1 Desktop Drum Midi Japan Seminovo Ps2 Ps3 Wii Usado - Minas Gerais R$ 2.049 12x R$ 170 75 sem juros Ps4 Slim 500gb Sony Bivolt + 5 Jogos Midia Fisica 7051 São Paulo R$ 2.389 12x R$ 199 08 sem juros Ps4 Slim 1tb Com 2 Controles + 5 Jogos Em Mídia Física 7051 São Paulo R$ 1.699 12x R$ 141 58 sem juros Ps4 Slim 500gb Bivolt Sony + Gta 5 Midia Fisica 7051 São Paulo R$ 1.689 12x R$ 140 75 sem juros Ps4 Slim 1tb Bivolt Sony Com 1 Controle + Gta 5 Midia Fisica 7051 São Paulo R$ 1.697 12x R$ 141 42 sem juros Ps4 Slim 1 Tb + 2 Controles + Gta 5 Mídia Física 7051 5 vendidos - Paraná R$ 1.529 49 12x R$ 127 46 sem juros Ps4 500gb Slim Playstation 4 Bivolt + Gta 5 Mídia Física 7051 São Paulo R$ 1.499 98 12x R$ 125 sem juros Ps4 500gb Slim Playstation 4 Hdr Bivolt + Gta 5 Mídia Física 7051 São Paulo R$ 29 50 Gta V 5 Ps3 #grand Theft Auto V Mídia Digital ( Cod. Psn ) 18 vendidos - Minas Gerais R$ 1.849 99 12x R$ 154 17 sem juros Playstation 4 Slim 500gb + 5 Jogos Mídia Física 7051 Paraná R$ 180 12x R$ 17 10 Gta 5 Grand Theft Auto V Ps4 Mídia Cd Pronta Entrega 2 vendidos - São Paulo R$ 2.000 12x R$ 166 67 sem juros Playstation 4 + 5 Jogos Mídia Física 615 Usado - São Paulo R$ 120 12x R$ 10 sem juros Jogo Wrc 5 Playstation 3 Ps3 Mídia Física Lacrado Nf 1 vendido - Paraná R$ 54 90 Metal Gear Solid 5 Ground Zeroes Ps3 Mídia Física Lacrado 1 vendido - Rio de Janeiro R$ 49 90 6x R$ 8 32 sem juros Jogo Dead Or Alive 5 Ultimate Ps3 Mídia Física Nota Fiscal Paraná R$ 195 97 12x R$ 16 33 sem juros Disgaea 5 Para Ps4 Mídia Física Lacrado *pronta Entrega* São Paulo R$ 1.000 12x R$ 83 33 sem juros Playstation 3 C/ 1 Controle E 5 Jogos (mídias Físicas) 133 Usado - São Paulo R$ 1.849 12x R$ 175 64 Ps4 Slim 500 Gb Com 2 Jogos Em Midia Fisica Gta 5 + Cod Ww 2 7051 São Paulo R$ 320 12x R$ 26 67 sem juros Kit 5 Jogos De Ps3 Originais Mídia Física Pronta Entrega Usado - Rio de Janeiro R$ 320 12x R$ 26 67 sem juros Lote 5 Jogos De Playstation 3 Mídia Física Muito Barato Usado - Rio de Janeiro R$ 169 90 12x R$ 14 16 sem juros Jogo Grand Theft Auto V (gta 5) Mídia Física - Ps4 - Frete G 1 vendido - Paraná R$ 120 12x R$ 10 sem juros Jogo Wrc 5 Ps4 Legendado Portugues Portugal Mídia Física Nfe Paraná R$ 154 90 12x R$ 14 71 Tony Hawk's Pro Skater 5 Ps4 Mídia Física Novo 1 vendido - Santa Catarina R$ 135 12x R$ 11 25 sem juros 5 Jogos Para Ps3 (mídia Física) Infantis,dança,fit Ou Outros Usado - Rio de Janeiro R$ 36 99 Game Ps3 Resident Evil 5 Mídia Física - Jogo Usado - São Paulo R$ 19 90 Jogo Gran Turismo 5 Ps3 Playstation 3 Midia Fisica Original Usado - São Paulo R$ 24 90 Game Ps3 Gran Turismo 5 Mídia Física - Jogo Usado - São Paulo R$ 34 99 6x R$ 5 83 sem juros Tropico 5 Ps4 Midia Fisica Lacrado Rio de Janeiro R$ 35 6x R$ 5 83 sem juros Gran Turismo 5 Xl Edition Ps3/mídia Física Usado - São Paulo R$ 99 90 12x R$ 8 33 sem juros Jogo Wrc 5 Ps4 Legendado Portugues Portugal Mídia Física Nf Paraná R$ 34 99 Metal Gear Solid 5 Ps3 Midia Fisica Impecavel Usado - São Paulo R$ 200 12x R$ 19 5 Jogos De Ps4 - Midias Fisicas Com Caixa Usado - Mato Grosso do Sul R$ 21 90 Lego Harry Potter Years 5-7 Ps3 - Mídia Digital - Riosgames 9 vendidos - Bahia R$ 49 99 6x R$ 8 33 sem juros Wrc 5 Fia World Rally Ps3 Midia Digital I Codigo Psn I 1 vendido - Minas Gerais R$ 19 3x R$ 6 33 sem juros Fifa 18 Gta 5 Playstation 3 Psn Midia Digital Leia Anuncio 7 vendidos - Rio Grande do Sul R$ 1.499 49 12x R$ 142 44 Ps4 1tb Slim Playstation 4 Sony Bivolt + Gta 5 Mídia Física 7051 São Paulo 1 2 3 Mais informações Sobre o Mercado Livre Investor relations Mapa do site Tendências Outros sites Desenvolvedores Mercado Pago Mercado Envios Mercado Shops Mercado Livre Publicidade Vale-Presente Mercado Livre Contato Comprar Vender Solução de problemas Segurança Redes sociais Twitter Facebook Instagram YouTube Minha conta Entre Vender Copyright © 1999-2018 Ebazar.com.br LTDA. Trabalhe conosco Termos e condições Políticas de privacidade Contato CNPJ n.º 03.007.331/0001-41 / Av. das Nações Unidas, nº 3.003, Bonfim, Osasco/SP - CEP 06233-903 - empresa do grupo Mercado Livre. Baixe grátis o App do Mercado Livr



https://pt.wikipedia.org/wiki/ABS-CBN
  ABS-CBN – Wikipédia, a enciclopédia livre ABS-CBN Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes , mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde julho de 2017) . Por favor, insira mais referências no texto . Material sem fontes poderá ser removido . — Encontre fontes: Google ( notícias ... na radiodifusão, sendo um conglomerado de mídia com sucesso, um campeão consistente da audiência, o ... presidente Ferdinand Marcos quando ele declarou a Lei Marcial, como resultado de fazer parte da mídia que ... montagem de equipamentos e transmissão de rádio. Naquela época, a maior empresa de mídia do país era ... a primeira rede de mídia a ser pública, listando suas ações na bolsa de valores em julho desse ano. Este ... City. Ele foi saudado como um dos maiores eventos de mídia do ano. A rede liderada pela Lopez CACHE

ABS-CBN – Wikipédia, a enciclopédia livre ABS-CBN Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes , mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde julho de 2017) . Por favor, insira mais referências no texto . Material sem fontes poderá ser removido . — Encontre fontes: Google ( notícias , livros e acadêmico ) ABS-CBN ABS-CBN Corporation ABS-CBN TV-2 Manila Logotipo usado desde 2014. Tipo Rede de televisão aberta País Filipinas Fundação 23 de outubro de 1953 (64 anos) por James Lindenberg, Antonio Quirino, Eugenio Lopez Sr. e Fernando Lopez Pertence a ABS-CBN Corporation Proprietário Lopez Group of Companies Presidente Carlo Katigbak (Presidente e executivo-chefe) Maria Socorro Vidanes (Diretor de operações) Cidade de origem Cidade Quezon Sede Cidade Quezon Sgt. Esguerra Avenue corner Mother Ignacia Street, Diliman Estúdios Cidade Quezon Sgt. Esguerra Avenue corner Mother Ignacia Street, Diliman Slogan In the Service of the Filipino Worldwide (No serviço do filipino em todo o mundo) Isang Pamilya Tayo (Somos e uma familia) Formato de vídeo 480i ( SDTV ) 1080i ( HDTV ) Cobertura 100% do território nacional Cobertura internacional The Filipino Channel Nome(s) anteriore(s) Bolinao Electronics Corporation (1946-1952, 1957-1967) Alto Broadcasting System (1952-1957) Chronicle Broadcasting Network (1956-1957) Página oficial abs-cbn .com Disponibilidade aberta e gratuita Analógico 02 VHF ( Manila ) Digital 01 Disponibilidade por satélite Sky Direct 02 (HD) Disponibilidade por cabo SkyCable / Destiny Cable ( Grande Manila ) 08 (SD) / 167 (HD) ABS-CBN é uma rede de televisão filipina , fundada em 1953 e sediada em Cidade Quezon . [ 1 ] [ 2 ] A rede é muito famosa por ser a primeira rede de TV, nas Filipinas, e entre os primeiros no Sudeste da Ásia, suas inovações na radiodifusão, sendo um conglomerado de mídia com sucesso, um campeão consistente da audiência, o seu compromisso com o serviço público, e sendo a maior rede de TV no país (com 80 estações de TV em todo o Filipinas). Primeiro estabelecido pelo judeu-americano James Lindenberg, como a Bolinao Electronics Corporation, uma empresa de equipamentos de rádio, em 1946, começou a transmitir como DZBC em 1946. Sete anos depois, abriu a primeira estação de TV do país, DZAQ-TV Channel 3, mas não antes de renomear-se como Alto Broadcasting System em 1952, depois que o juiz Antonio Quirino adquiriu participação maioritária na empresa. Logo foi adquirido pelos irmãos Don Eugenio e Fernando López, e fundou-o com a sua própria Chronicle Broadcasting Network, que abriu a primeira estação de FM no país, DZYL-FM, para formar a ABS-CBN Broadcasting Corporation. Na década de 1960, com os Canais 3 (DZAQ-TV, Canal 2 posterior) e 9 (DZXL-TV, mais tarde Canal 4), o ABS-CBN reinava como o líder do público incontestável com sua audiência e cobrança maior que todos os seus concorrentes combinados. Na mesma década, sob a gestão de Eugenio Lopez Jr., a rede trouxe a televisão para áreas regionais, a televisão em cores e a abertura do ABS-CBN Broadcast Center, sua sede atual. Em 1972, foi encerrado pelo presidente Ferdinand Marcos quando ele declarou a Lei Marcial, como resultado de fazer parte da mídia que se opunha ao seu governo. A rede reabriu em 1986, logo após a People Power Revolution que depôs Marcos, e apesar de recuperar apenas o Canal 2 e lidar com recursos limitados, tornou-se o líder do público novamente em 1988, uma posição que manteve desde então. Nos anos seguintes, a rede iniciou as transmissões por satélite, expandindo a presença regional, iniciando operações internacionais, mudando para TV digital e de alta definição, expandindo-se para empreendimentos como cinema, música, publicação, TV a cabo e UHF e merchandising para criar um império de conteúdo multimídia, como bem um período de intensa competição com a principal rival, a GMA Network. Seus ativos incluem duas redes nacionais de televisão (ABS-CBN e ABS-CBN Sports + Action), duas redes de rádio (Radyo Patrol, My Only Radio e Filipino Radyo Network) cinco redes de televisão internacionais premium (Bro, Cinema One, a versão local da ABS-CBN Sports + Action Global, e The Filipino Channel), uma rede de televisão a cabo americana (Myx TV), juntamente com subsidiárias que tratam de publicação impressa (ABS-CBN Publishing), produção de televisão por cabo e distribuição (Creative Programs, Inc.), telecomunicações (Sky Cable Corporation e ABS-CBNmobile) de produção de cinema e televisão e distribuição (Star Cinema), pós-produção e efeitos especiais visuais (RoadRunner), produção de música e distribuição (Star Records e Star Songs), os novos media (ABS-CBN Interactive), desenvolvimento de talentos e gestão (Star Magic), home shopping (O Shopping) e outras empresas relacionadas. A ABS-CBN Broadcast Center em Cidade Quezon . Índice 1 Historia da ABS-CBN 1.1 1946-1956: Origens 1.2 1956-1972: A fusão e a primeira idade de ouro 1.3 1972: Desligamento sob a lei marcial 1.4 1986-1990: A volta e a ressurgimento 1.5 1990-2002: Construindo uma potência de conteúdo multimídia global 1.6 2003: 50 anos de ABS-CBN 1.7 2004-2010: Enfrentar novos desafios 1.8 2010-2015: Consolidando a liderança 1.9 2015-presente: entrando na era de TV digital 2 Logotipo e Slogan 2.1 Logotipo 2.2 Vinhetas 2.3 Slogans 2.3.1 Corporativa e anual 2.3.2 Verão 2.3.3 Natal 3 Audiência 4 Programas 4.1 Segunda a Sexta 4.2 Sábado e Domingo 5 Canais da ABS-CBN 5.1 Terrestre 5.1.1 Analógico 5.1.2 Digital 5.2 Cabo 5.3 Internacional 5.4 Extinto 6 Estações de rádio da ABS-CBN 6.1 Terrestre 6.1.1 Analógico 6.2 Internacional 7 Internet 8 Subsidiárias 9 Divisões 10 Referências 11 Ligações externas Historia da ABS-CBN [ editar | editar código-fonte ] 1946-1956: Origens [ editar | editar código-fonte ] O núcleo de ABS-CBN começou em 1946, com Bolinao Electronics Corporation (BEC). BEC foi estabelecida por James Lindenberg, agora apelidado como o pai da televisão filipina, um engenheiro eletrônico norte-americano especializado em rádio montagem de equipamentos e transmissão de rádio. Naquela época, a maior empresa de mídia do país era a Manila Broadcasting, com DZRH como a estação de rádio líder. Em 1949, James Lindenberg deslocou Bolinao de radiodifusão com DZBC e planejou a introdução da televisão para o país em 1953. Em 1951, Lindenberg parceria com Antonio Quirino, irmão do então presidente das Filipinas, Elpidio Quirino, a fim de tentar a sua sorte na televisão. Em 1952, BEC foi rebatizado como Alto Broadcasting System ou ABS (com Alto Sales Corporation como o próprio nome da empresa). 'Alto' era uma contração de Quirino de e primeiros nomes de sua esposa, Tony e Aleli. Embora eles tinham pouco dinheiro e recursos, ABS foi capaz de colocar-se sua torre de TV, até Julho de 1953 e importar 300 aparelhos de televisão. As transmissões iniciais de teste começou em setembro do mesmo ano. A primeira transmissão, no entanto, foi em 23 de outubro de 1953, de uma festa na casa de Tony Quirino. A estação de televisão era conhecido como DZAQ-TV. 1956-1972: A fusão e a primeira idade de ouro [ editar | editar código-fonte ] Por sua vez, em 24 de setembro de 1956, a Chronicle Broadcasting Network (CBN) foi organizada. A rede era de propriedade de Dom Eugenio Lopez, Sr. e o então vice-presidente das Filipinas, Fernando Lopez, e mais tarde lançou a sua própria estação de TV, DZXL-TV 9. No ano seguinte, Dom Eugenio adquirido ABS de Quirino e Lindenberg. No entanto, foi somente em 01 de fevereiro de 1967 que o nome da empresa foi alterado para ABS-CBN Broadcasting Corporation para refletir a fusão (antes era chamado ABS-CBN Broadcasting Corporation, o nome foi revertido para o precursor da rede, Bolinao Electronics Corporation ou BEC, mas a marca ABS-CBN foi usado pela primeira vez em 1961). Em 1958, a nova sede da rede em Roxas Boulevard foi inaugurado, e todas as operações de rádio e televisão foram consolidadas em seus dois prédios, as estações de rádio no prédio Chronicle na Aduana Street, Intramuros, Manila, e as operações de TV no novíssimo Roxas Boulevard edifício em Pasay City. No final dos anos 1950, o filho de Dom Eugenio, Geny Lopez viu o potencial da TV para chegar e ligar filipinos em todo o arquipélago. Em meados da década de 1960, a rede ABS era líder da indústria do rádio, com estações como DZXL e DZAQ Radyo Patrol na área de Manila, que contou com jornalistas como Ernie Baron, Bong Lapira, Orly Mercado, Joe Taruc, Mario Garcia, Bobby Guanzon, e Rey Langit, e várias outras estações em todo o país. ABS também fez avanços no setor de TV por alcançar transmissão do país primeira TV a cores, alimentação primeiro satélite, e primeiro uso de fita de vídeo, entre outros. Ele apresentava melhores shows de então, tal como a sua noite com Pilita e Tawag ng Tanghalan, primeiro show de comédia do país Buhay Artista, primeiro gameshow Philippine, o que é minha Vida e o primeiro show do meio-dia Student Canteen, entre outros. Em 14 de junho de 1961, Eugenio Lopez, Jr. construiu a primeira estação de TV provincial em Cebu arejar 4 horas com a torre mais alta (nesse tempo), em Cebu medindo 216 pés. Cor transmissões começaram em novembro de 1966, o primeiro nas Filipinas e sudeste da Ásia como a rede foi marcado como o primeiro de televisão a cores, com transmissão da cor completa com início em 1971 em todas as estações de televisão nacional. Em 18 de dezembro de 1968, ABS-CBN inaugurou seu novo Centro de Transmissão em Bohol Avenue, Quezon City, onde permanece até hoje. Na época, foi a instalação de mais avançado de seu tipo na Ásia. A estação de novo feito avanços usando as primeiras transmissões de satélite ao vivo a partir do estrangeiro, acima de tudo, dos quais foi o primeiro pouso na Lua em 1969 e nos Jogos Olímpicos de Verão de 1968 no México no ano anterior. A rede teve uma grande parte das notas e ganhou vários prêmios e reconhecimentos de diferentes organizações. Em 1969, a ABS-CBN mudou suas atribuições de canais de Manila Canais 3 e 9 para o Canal 2 e 4, em resposta ao estabelecimento de DZKB-TV Channel 9 de Kanlaon Broadcasting System ou KBS. Em 1970, a ABS-CBN Canal 2 e 4 agarrou 80% quota de audiência - a maior quota de audiência já alcançada por uma estação de TV Filipino. Em 1972, de propriedade da rede ABS-CBN e operado duas estações de televisão e 7 estações de rádio em Manila, 14 estações de rádio e três canais de televisão nas províncias. 1972: Desligamento sob a lei marcial [ editar | editar código-fonte ] A estação sofreu um revés após a declaração da lei marcial. Na meia-noite de 22 de Setembro de 1972, um dia após a declaração da lei marcial, ABS-CBN e suas estações afiliadas foram apreendidos. Geny Lopez, o presidente da empresa, foi preso e detido sem julgamento por cinco anos até que ele e seu companheiro de cela Sergio Osmeña III lançou uma ousada fuga de presos em 1977 e pediu asilo nos Estados Unidos. A própria rede foi tomado por Roberto Benedicto, um compadrio presidencial, que usou o Centro de Difusão em Bohol Avenue, depois renomeado como 'Broadcast Plaza', como a casa do MBS-4. Canal 2 seria mais tarde relançado como a BBC-2, com um completamente novo logotipo, slogan e uma música-tema de Jose Mari Chan intitulado 'Big Beautiful Country' (Grande e Lindo País) e cantada por vários artistas. BBC-2 mais tarde mudou-se para nova sede em Broadcast City (também em Diliman, Quezon City) em 1978. No auge da revolução popular, reformistas militares, acreditando que a televisão seria uma ferramenta poderosa para ajudar a revolução, atacou e assumiu a ABS-CBN Broadcasting Center. Em 24 de fevereiro de 1986, ex-talentos ABS-CBN colocar a estação de volta no ar e na televisão o drama da revolta desdobramento, contribuindo assim para a força da revolta. BBC-2, por outro lado, encerrou suas operações após reformistas desligar seu transmissor, no dia seguinte, como o Canal 2 frequência foi entregue aos Lopezes em 16 de Julho de 1986. 1986-1990: A volta e a ressurgimento [ editar | editar código-fonte ] Em 28 de fevereiro de 1986, após a queda da ditadura de Ferdinand Marcos, Geny Lopez retornou ao país após o auto-exílio nos Estados Unidos e começou a reconstruir a partir do que restou da estação. A recuperação foi difícil e os recursos eram baixos, daí, ex-funcionário da ABS-CBN Freddie M. García foi trazido para refazer a programação da emissora. Assim, o canal começou a retransmitir para os telespectadores mais uma vez partir de 14 de setembro do mesmo ano. Em 1 de março de 1987, o Canal 2 foi relançado com o especial musical ao vivo, The Star Network: Ang Pagbabalík Ng Bituin (O Retorno do Estrela) que observou para o 2 logo-then-novo canal tri-fita branca numérica com um branco rhombidal estrela (1988-1992 as fitas foram de cor tri em vermelho, verde e azul) como uma peça central da revitalização da rede. Em um ano, ABS-CBN também reforçaram a seus programas de notícias com TV Patrol, ancorado por uma equipe de locutores composta por agora ex-Vice-Presidente Noli de Castro, Mel Tiangco, Frankie Evangelista, e Angelique Lazo, com o falecido Ernie Baron dizendo a previsão de tempo diária. Outros programas de notícias respeitáveis ​​seguiram, como Magandang Gabi, Bayan e Hoy Gising!. Os programas de entretenimento da ABS-CBN foram também renovou com a série que já foi ao ar na RPN-9 e IBC-13: (Eat Bulaga!, Okey Ka Fairy Ko!, The Sharon Cuneta Show, Coney Reyes on Camera), enquanto a produção de conteúdo original (The Maricel Soriano Drama Special, Palibhasa Lalake, Home Along Da Riles). Outra característica do seu retorno ao topo da classificação é a introdução dos formatos sentai live-action e tokusatsu mostrar (com Bioman e Shaider) para Philippine televisão em tempo integral (depois de uma breve aparição no RPN). Programas de anime filipinos-dublados, outra rede e televisão filipina em primeiro lugar, só começaria na transição para a década de 1990, e 1989, de Hikari Sentai Maskman, foi ao ar pela rede, foi o primeiro programa de tokusatsu já apelidado no idioma filipino. O lançamento foi um sucesso: graças aos novos programas, ABS-CBN tinha pulou alguns pontos, e antes de 1987 terminou, ABS-CBN tinha sido elevado do último lugar para o segundo lugar, logo atrás do líder da rede, a GMA Network. Em Agosto de 1988, a ABS-CBN recuperou a sua liderança nos índices de audiência de TV. No final do ano 1988, a quota de audiência da ABS-CBN em Mega Manila atingiu 28% em relação ao 24% do GMA-7. Em 1989, a ABS-CBN deslocado para transmissão via satélite, permitindo que todo o país para assistir aos mesmos programas simultaneamente. Este também foi o mesmo ano em que a rede começou as transmissões internacionais para Guam e Saipan, Marianas do Norte, também via satélite, mais um primeiro lugar para Philippine e televisão asiática. Lentamente, a estação avançou o seu caminho para a recuperação financeira, que alcançou em 1990, conquistando regularmente em torno de 70% do mercado. 1990-2002: Construindo uma potência de conteúdo multimídia global [ editar | editar código-fonte ] Entre os sucessos do ABS-CBN entre 1990 e 1991 foram Sa Linggo N'APO Sila, The Inside Story, Abangan ang Susunod na Kabanata e a antologia de drama mais longa na televisão filipina, Maalaala Mo Kaya. Em 1992, a ABS-CBN também expandiu suas operações em todo o mundo. Do mismo año, a quota de audiência da ABS-CBN em Mega Manila expandiu doze vezes para 62%.O ABS-CBN também se tornou a primeira rede de mídia a ser pública, listando suas ações na bolsa de valores em julho desse ano. Este foi o mesmo ano que o ABS-CBN lançou mais cinco sucessos: a sitcom Home Along da Riles, o drama da tarde Mara Clara, o programa orientado para jovens Ang TV, o drama legal Ipaglaban Mo e o programa de serviço público Hoy! Gising! As estações de rádio da rede, DZMM (notícias e serviço público) em AM e DWRR (música e entretenimento) em FM, também duplicaram o sucesso do Channel 2 com fortes índices de audiência. ABS-CBN ainda manteve a sua posição dominante, mesmo quando a TV Philippine estava ficando lotado, com uma concorrência feroz, marcada pelo ressurgimento da RPN, IBC e PTV, a trajetória do foguete ABC, o surgimento de emissoras de TV UHF, ea tendência crescente de cabo TV e Internet. 1993 (o 40º aniversário da rede) viu o lançamento da sitcom Oki Doki Doc e da antologia do drama Star Drama Presents e o retorno do Sarimanok, que ele usou durante suas primeiras transmissões de cores em 1966, como logotipo corporativo com uma vinheta de um minuto que ganhou uma medalha de ouro nos Festivais de Nova York. 1993 também marcou o início da transição da rede para uma empresa de multimídia diversificada com o lançamento do seu empresa de produção cinematográfica, a Star Cinema. O ano seguinte, 1994, viu o lançamento de Sineskwela, um dos programas educacionais mais bem-sucedidos da rede, e a cobertura de Miss Universe 1994, a segunda vez que o evento foi realizado nas Filipinas. Em 24 de setembro de 1994, a ABS-CBN por meio de sua subsidiária recentemente criada, ABS-CBN International, assinou um acordo histórico com o PanAmSat para trazer o primeiro serviço de programação asiática trans-Pacífico para cerca de dois milhões de filipinos Imigrantes nos Estados Unidos usando o então recém-lançado satélite PAS 2. Isso se tornaria The Filipino Channel ou TFC, que armaria os programas do ABS-CBN na América do Norte, Europa, Ásia-Pacífico, Oriente Médio e Austrália. Apesar da saída de Eat Bulaga para a GMA, 1995 foi outro ótimo ano para o ABS-CBN, com o lançamento do mais antigo show de variedades de domingo, o que ainda é transmitido até hoje. Também lançado em 1995, foi o gravador Star Records (agora Star Music). 1996 viu a transferência inesperada, mas bem sucedida, de Mara Clara, da tarde ao horário nobre, no auge da popularidade de Marimar, que foi exibida na RPN, e levou ao longo período de transição do horário nobre de um bloco de programação diversificado para um dominado por novelas. O ano também viu a TV Patrol mudar para um formato de âncora única e correr por 30 minutos com Noli de Castro como âncora solo e The World Tonight, simulcasting no novo canal de notícias da rede, a Sarimanok News Network (SNN), que foi lançado junto com o canal UHF Studio 23 e a empresa de pós-produção, o RoadRunner. No mesmo ano, ABS-CBN tornou-se a primeira rede de TV Philippine para entrar no ciberespaço Internet ao lançar ABS-CBN.com. Gimik, Today com Kris Aquino, Alas Singko Y Medya e Balitang K foram outros quatro sucessos lançados em 1996. 1997 foi o ano da estréia de dois dos dramas mais bem sucedidos da televisão filipina, Esperanza e Mula sa Puso, a comédia Kaya ni Mister, Kaya ni Misis, o horror Oka Tokat e o drama temático de fantasia Wansapanataym. Os marcos da rede em 1998 (o 45º aniversário da rede e o centenário da independência filipina) incluíram o lançamento do show de variedades do meio-dia Magandang Tanghali Bayan, os finais bem-sucedidos de Palibhasa Lalake e Coney Reyes on Camera, a abertura de uma nova sede para a sua estação em Cebu e a temporada de estreia da Metropolitan Basketball Association (MBA), da qual o ABS-CBN tem uma participação de 25%. ABS-CBN afirma a sua responsabilidade social através do trabalho de ABS-CBN Lingkod Kapamilya Foundation, Inc. Com a ajuda do Departamento de Educação, a Fundação entregou materiais educativos para centenas de escolas públicas do país. É também a organização guarda-chuva de Knowldege Channel (KCH) Foundation, Bantay Bata (Assista infantil), Bantay Kalikasan (Environment Watch) e ABS-CBN Bayan Foundation (anteriormente, ABS-CBN Bayan MicroFinance). Em 30 de março de 1999, ABS-CBN Holdings Corporation foi incorporada como Worldtech Holdings Corporation com o propósito principal de emissão de recibo Philippine Depository (PDR) e na aquisição e detenção de acções de ABS-CBN Corporation. A rede assegurou-se de terminar o século 20 em 1999 com um estrondo com os finais bem sucedidos de Esperanza e Mula sa Puso, os sucessos de Marinella, Saan Ka Man Naroroon e Labs ko si Babe e o lançamento de programas mais bem-sucedidos como Pwedeng Pwede , The Buzz, G-Mik, Tabing Ilog e Ang Munting Paraiso. No mesmo ano, viu o ABS-CBN International através da TFC se expandiu para a Austrália, o lançamento do site de notícias abs-cbnnews.com, o Star Cinema atingiu a marca de P100 milhões com Isusumbong Kita sa Tatay Ko, o Studio 23 emergindo como a terceira maior rede em termos de alcance, o Star Records produz vários discos de ouro e platina, o reformatado da Sarimanok News Network para se tornar o ABS-CBN News Channel (ANC) e sua torre transmissora em Manila, o Millennium Transmitter, aumentando sua potência de transmissão para 120 quilowatts. Enquanto isso, o DZMM manteve sua supremacia na banda de rádio AM, enquanto o WRR 101.9, que reformatou o ano anterior, viu um enorme salto em seus índices de público e emergiu como a estação FM número um em novembro. Tudo isso aconteceu no mesmo ano em que Eugenio Lopez Jr. morreu de câncer em 28 de junho desse ano. Ele criou uma grande contagem do milênio em três pontos principais em todo o país e vários feeds ao vivo em todo o mundo e sinergizou todas as suas plataformas de notícias e entretenimento. Uma versão renovada do logotipo da rede também apareceu pela primeira vez nesse evento. ABS-CBN também lançou novos sucessos como Game KNB? e Pangako Sa 'Yo, permitindo reinado de posição dominante da ABS-CBN para chegar a seu 15º ano em 2002. Outros sucessos no início dos anos 2000 incluíram Whattamen, Sa Dulo Ng Walang Hanggan, Kay Tagal Nang Hinintay e Sa Puso Ko'y Iingatan Ka. A rede também viu algumas mudanças em seus programas de notícias. Em 1999, o noticiário da noite da rede The World Tonight tornou-se um noticiário transmitido exclusivamente no seu canal de notícias, o ANC e o intervalo de tempo que deixou foi preenchido por Pulso: Aksyon Balita, ancorado por Korina Sanchez e Ted Failon e depois por Ces Drilon e Dong Puno, e logo depois foi substituído em 2000 por ABS-CBN Headlines, que foi ancorado por Tony Velasquez e Karen Davila ao longo de sua corrida. Enquanto isso, Alas Singko Y Medya tornou-se Magandang Umaga Bayan em 2002, em seguida, para Magandang Umaga Pilipinas em 2005, antes de ser substituído por Umagang Kay Ganda em 2007. A TV Patrol, por outro lado, também viu mudanças após a âncora, Noli de Castro, deixou a bancada em 2001 para concorrer ao senador e foi substituído pela correspondente chefe Korina Sanchez (que levou ao cancelamento de sua revista eletrônica Balitang K), Henry Omaga Diaz, correspondente sênior da ABS-CBN e Aljo Bendijo, que, antes de ancorar a edição nacional Da TV Patrol, era a âncora da TV Patrol Southern Mindanao em Davao. No mesmo ano, Connie Sison também se tornou o novo apresentador principal do Hoy! Gising! depois que Ted Failon deixou de concorrer ao congressista, mas foi cancelado mais tarde. 2003: 50 anos de ABS-CBN [ editar | editar código-fonte ] Em 2003, durante o 50º aniversário da televisão filipina, ABS-CBN lançou o seu nome atual da marca, 'Kapamilya' (literalmente significa 'um membro da família'). Sua unidade internacional ABS-CBN global Ltd. pretende realizar uma oferta pública inicial (IPO) no ano seguinte e pode listar na Bolsa de Valores de Cingapura para ajudar a financiar seus planos de expansão. A rede comemorou seu aniversário de ouro em 2003. A rede realizou o seu regresso a casa Kapamilya, que reuniu mais de 4.000 ex-funcionários e talentos para uma grande reunião no composto de ABS-CBN em Bohol Avenue, Quezon City. A rede também lançou uma promo chamado 'Caça ao Tesouro', onde as pessoas foram convidadas a trazer o seu mais antigo de televisão, aparelhos de rádio, microfones, e cartazes. A rede também comemorou seu 16º ano como líder da audiência, com 13 dos seus shows incluídos no Top 15 programas diários na TV. A empresa também fez uma caravana por todo o país, mostrando os talentos da rede. Em outubro de 2003, a rede realizou uma celebração da ABS-CBN e 50º ano da Philippine TV que durou um mês. A estação produziu dois documentários comemorativas sobre a contribuição da estação em notícias e entretenimento. Sa Mata ng Balita encapsulado alguns dos monumentos mais inesquecíveis, mais notáveis ​​e mais célebres dos últimos 50 anos, como capturado pelo telejornal. 50 Taong Ligawan: The Pinoy TV History, por outro lado, foi o primeiro grande documentário televisivo feito sobre a história da Philippine Television e da evolução do entretenimento filipino. Para finale da celebração, o gigante de radiodifusão tampado o seu 50º aniversário com um espetáculo espetacular apelidado como Kapamilya: ABS-CBN a 50 [23], realizado no Centro de Convenções Internacional das Filipinas (PICC) em Pasay City. Ele foi saudado como um dos maiores eventos de mídia do ano. A rede liderada pela Lopez desenrolou o tapete vermelho para receber seus convidados de alto perfil dos setores de negócios, publicidade e mídia, política, membros da comunidade diplomática, com muitos dos luminares e celebridades da sociedade. Amigos e simpatizantes da rede ao longo dos cinco décadas de Valor também participaram do grande evento. 50 Anos oficial estação da rede ID ganhou um Prêmio de Excelência em Golden Quill Festival de 2004. A rede também fez grandes mudanças em seus noticiários novamente em 2003. A principal âncora de Alas Singko Y Medya, Julius Babao, se juntou a Korina Sanchez na TV Patrol, enquanto a ABS-CBN Headlines foi substituída pelo ABS-CBN Insider, ancorado por Cito Beldran e Karen Davila. Os programas mais vistos do ano incluíram o Meteor Garden, Sana'y Wala Nang Wakas, Basta't Kasama Kita e It Might Be You. 2004-2010: Enfrentar novos desafios [ editar | editar código-fonte ] Em setembro de 2004, ABS-CBN perdeu a liderança em Mega Manila, o maior mercado de audiência de TV do país, para GMA-7, com 39% de audiência em comparação com os 41% de quota de audiência da GMA-7. No entanto, em 2006, ABS-CBN foi confirmada pela AGB Nielsen ter mantido a liderança TV em todo o Filipinas, com 43% de quota de audiência em todo o país. Em março de 2007, a quota de audiência em todo o país de ABS-CBN aumentou para 47%, com GMA arrastando a rede líder com 35% de quota de audiência nacional. 2004 viu o ABS-CBN lançar o primeiro drama de temática de fantasia, ou fantaserye, chamado Marina. Em 2005, o ABS-CBN lançou o reality show Pinoy Big Brother, que se tornou um enorme sucesso, bem como Goin 'Bulilit e Wowowee. Os sucessos da rede nos anos seguintes incluíram a Bituing Walang Ningning, Super Inggo, Maging Sino Ka Man, Sana Maulit Muli, Lobo, Dyosa, Banana Split (agora Banana Sundae), Showtime (que se tornou It's Showtime em 2012 e se tornou o novo show no meio dia da rede), May Bukas Pa e muito mais. Korina Sanchez também voltou a hospedar uma revista eletrônica, Rated K, que é transmitida aos domingos e a TV Patrol lançou sua edição de fim de semana, hospedada pela primeira vez por Ces Orena Drilon e Henry Omaga Diaz. A TV Patrol, entretanto, reformatou como TV Patrol World em novembero de 2004 para dar peso aos relatórios das comunidades filipinas globais e para reforçar sua posição à luz da crescente concorrência dos 24 Oras da GMA. Korina Sanchez deixou o noticiário como resultado e também saudou Ted Failon (que retornou ao jornalismo depois de três anos como congressista) e a ex-ancora do ABS-CBN Insider, Karen Davila, juntando-se a Julius Babao, que foi mantido como base do noticiário. Em 2005, a ABS-CBN International assinou um acordo de afiliação com a DirecTV, um dos principais fornecedores de DTH nos Estados Unidos. Sob o acordo, a DirecTV tem o direito exclusivo de distribuir o pacote TFC em sua plataforma DTH. Em contrapartida, a DirecTV pagará taxas de licença para ABS-CBN e ABS-CBN International. Em 2006, a Insider foi substituída por Bandila, ancorada por tres antigas âncoras de TV Patrol, Ces Drilon, Henry Omaga Diaz e Korina Sanchez. Em 2008, a ABS-CBN comemorou o ano 55 da televisão filipina. Um novo vinheta intitulado 'Beyond Television' foi lançado. o novo vinheta retrata o crescimento de ABS-CBN a partir de uma rede de televisão pequena que começou em 1953 em um conglomerado de mídia que tem negócios além da televisão. É também neste ano que o The Wall Street Journal Asia classificou ABS-CBN como a 7ª empresa mais admirada das Filipinas. sendo a única empresa de mídia incluídos na lista, a empresa também recebeu o Prêmio de Inovação por sua inovação em TV internet com o seu TFC Now! serviço. Tambem em 2008, a ABS-CBN International, a sua maior subsidiária internacional inaugurou sua fábrica de estúdio state-of-the-art em Redwood City, Califórnia. No mesmo ano, San Francisco International Gateway (ABS-CBN Telecom North America), uma empresa de teleporte que foi incorporada em Richmond, Califórnia começou a operar. SFIG fornece serviços de teletransporte através de sua unidade de 2,5 hectares, constituída de 19 antenas parabólicas e 9 edifícios de equipamentos modulares. SFIG é membro da Associação Mundial de Teleport. Após uma controvérsia envolvendo o seu fornecedor de classificações anterior AGB Nielsen em 2007, a ABS-CBN mudou em 2009 para a Kantar Media para pesquisas de medição de audiência. Em 26 de abril de 2009, ABS-CBN é a única empresa de mídia a ser citada como uma das 15 principais empresas listadas do país em governança corporativa, como mostrado por uma pesquisa anual do Institute of Corporate Directors (ICD). foi a única empresa de mídia para angariar uma pontuação de 90 por cento ou mais na Governança Corporativa Scorecard 2008, um levantamento de práticas de governança corporativa, entre 172 empresas de capital aberto no país. Durante a histórica eleição 2010 presidencial filipino, em resposta à primeira automação das eleições no país, ABS-CBN utilizou uma tecnologia da Orad Hi Tech Systems Ltd., que utiliza os princípios de realidade aumentada. A tecnologia usa real sistema de processamento de imagem tempo para transmissões ao vivo de imagens geradas por computador em 3D contra um conjunto real ou fundo. ABS-CBN também utilizou o que é provavelmente o maior ecrã táctil para ser usado em um programa de televisão filipina. Um novo conjunto apelidado como a 'guerra' (Audiência resposta Wireless) quarto foi projetado especificamente para a cobertura das eleições, disse. A cobertura da ABS-CBN tornou-se o terceiro top trending topic mundial no site de rede social Twitter. A emissora também começou a usar a tecnologia de realidade aumentada para seus noticiários a partir desse ano. 2010-2015: Consolidando a liderança [ editar | editar código-fonte ] Em 27 de maio de 2010, o conglomerado caiu a palavra 'Broadcasting' de seu nome empresarial. Em junho de 2010, a TV Patrol World reverteu seu nome para a TV Patrol e renovou o seu conjunto de gráficos e estúdio, mas manteve suas âncoras até novembro, em que reintegrou Korina Sanchez e Noli de Castro (que retornou após sua entrada como vice-presidente) como âncoras e mantidas Ted Failon. Karen Davila e Julius Babao, entretanto, tornaram-se âncoras de Bandila, juntando-se a Ces Drilon e substituindo Henry Omaga Diaz, que decidiu se concentrar em relatórios de campo. Cinco anos depois, Korina Sanchez deixaria o noticiário novamente, e foi substituída por Bernadette Sembrano. As duas edições de fim de semana da TV Patrol, a TV Patrol Sabado e a TV Patrol Linggo, se fundiram em um, TV Patrol Weekend, em 2010. Ainda estava ancorado por Alex Santos e Bernadette Sembrano até 2011, quando foram substituídos por Alvin Elchico e Pinky Webb. Em 2015, a Pinky Webb deixou o noticiário para se juntar à CNN Filipinas e seria substituído no ano seguinte por Zen Hernandez. Em 17 de junho de 2011, o conglomerado anunciou a construção de uma instalação de palco state-of-the-art de som para um custo de 6 bilhões de pesos. Um lote de 15 hectares em San Jose del Monte, Bulacan foi adquirida no final daquele ano para 75 milhões de pesos. A instalação será composta por seis etapas de som e um backlot. Entre os shows de sucesso ABS-CBN lançados de 2010 a 2012 foi Imortal (a sequela de Lobo), o remake de Mara Clara, 100 Days to Heaven, Pilipinas Got Talent, Kung Ako'y Iiwan Mo, Ina Kapatid Anak, My Binondo Girl, Gandang Gabi Vice, Reputsasyon, Walang Hanggan, Princess and I, Budoy, Aryana, and Be Careful With My Heart.. Estes foram alguns dos shows que cimentaram a liderança do ABS-CBN em meio à crescente concorrência da GMA e da TV5. Em 1 de janeiro de 2013, Charo Santos-Concio foi nomeado como o novo diretor executivo da empresa assumir Gabby Lopez. Lopez continua a ser o presidente da empresa. Em 2013, ABS-CBN virou 60 anos. A rede comemorou a ocasião com o lançamento de uma nova campanha chamada 'Kwento Natín Ito!', E defendeu a sua liderança com vários novos programas: entre eles estão o fenomenal Juan dela Cruz, tem que acreditar, Muling Buksan Ang Puso, Annaliza, e Honesto, bem como o retorno de The Singing Bee, que estreou com grandes expectativas, e um novo visual e definido para TV Patrol e Bandila. ABS-CBN também comemorou o seu 60º aniversário através do seu 'Kwento ng Kasiyahan: The ABS-CBN Grand Kapamilya Weekend' no Quezon Memorial Circle em Quezon City, que teve eventos de entretenimento e de serviço público enrolado para a celebração. Em 28 de maio de 2013, ABS-CBN Corporation, através de sua subsidiária ABS-CBN Convergência, Inc. (anteriormente conhecido como Multi-Media Telephony, Inc.), assinaram um acordo de compartilhamento de rede com Globe Telecom para um novo serviço de telefonia móvel no país. O acordo inclui a partilha de bens, incluindo switches, torres, servidores e freqüências. ABS-CBN é esperado para passar entre 2 a 3 mil pesos para os próximos dois anos para construir seu negócio de telecomunicações. O plano ainda terá de ser aprovado pela Comissão Nacional de Telecomunicações do Filipinas. Em julho de 2013, ABS-CBN iniciou o desenvolvimento de um 1 bilhão peso centro de entretenimento familiar Kidzania no lote metro quadrado 6.000 em Bonifacio Global City em Taguig. A franquia Philippine para Kidzania foi adquirida pela Innovations Play, Inc., uma subsidiária da ABS-CBN Corporation. Kidzania Manila está configurado para abrir em novembro de 2014. Em 30 de maio de 2014, ABS-CBN e seu atual presidente & CEO Charo Santos-Concio recebeu os Stevie Awards ouro para as categorias de Serviços da Empresa do Ano - Filipinas e Mulher do Ano no Prêmio da Ásia-Pacífico Stevie realizada em Lotte Hotel , Seoul, Coreia do Sul [36] ABS-CBN também receberá o cobiçado ouro Stevie Awards para a categoria Empresa do Ano -. Mídia e Entretenimento na 11ª anuais International Business Awards (IBA), que será realizada em Paris, França, em 10 de outubro Como resultado da vitória, ABS-CBN também irá representar as Filipinas nos baseada em voto Peoples Choice Stevie Awards para empresas favoritas no categoria Mídia é Entrenimento. Mais programas de sucesso foram lançados em 2014, como The Legal Wife, The Voice Kids, Home Sweetie Home, Forevermore, Two Wives e Ikaw Lamang, acompanhado pelo retorno de Pinoy Big Brother com a sua quinta temporada, 'All In', e a segunda temporada de The Voice das Filipinas. 2015-presente: entrando na era de TV digital [ editar | editar código-fonte ] Em 19 de março de 2015, a Finanças Ásia classificou o ABS-CBN como a terceira melhor empresa de capital médio nas Filipinas. ABS-CBN é a única empresa de mídia filipina incluída na lista de empresas da Ásia de 2015, a melhor das Finanças Ásia. [34] Também neste ano, o ABS-CBN foi incluído no relatório 2015 Top Companies da JobStreet.com, que classifica os principais empregadores do país. O ABS-CBN ocupa o 7º lugar na lista. Os sucessos da emissora em 2015 foram liderados pelo remake de Pangako Sa 'Yo, a série da tarde Doble Kara e a adaptação de TV altamente bem-sucedida do filme de 1997, Ang Probinsyano, que se tornou a série de drama mais longa desde Sa Puso Ko'y Iingatan Ka em 2003. No meio-dia, no entanto, o ABS-CBN sofreu uma concorrência significativa com a It's Showtime, perdendo sua liderança para Eat Bulaga como resultado de seu segmento KalyeSerye que formou o emparelhamento do AlDub. O ano de 2015 também foi marcado pelo enorme sucesso da The Voice Kids, cuja segunda temporada obteve um índice de audiência médio de 43 pontos, o maior desse ano. Outro marco em 2015 foi o lançamento da caixa de TV digital da rede, o ABS-CBN TVplus, que ofereceu sinais mais claros dos canais 2 e 23 e quatro canais mais, Yey !, CineMo !, Knowledge Channel e DZMM TeleRadyo. O produto desde então impulsionou a liderança do ABS-CBN no público nacional e melhorou seus índices de audiência em Mega Manila e outras partes de Luzon. Em 1 de janeiro de 2016, Carlo L. Katigbak foi nomeado novo presidente e diretor executivo da empresa que assumiu o cargo de Charo Santos-Concio, que conseguiu sua idade de aposentadoria obrigatória de 60 anos. Concio ainda será o principal responsável pelo conteúdo da rede, presidente Da recém-criada Universidade ABS-CBN e consultora executiva do presidente da empresa. Um mês depois, a rede também anunciou a nomeação de Head for Free TV Maria Socorro Vidanes como COO para transmissão de ABS-CBN a partir de 1º de fevereiro de 2016. Em 2016, a ABS-CBN Corporation é a única empresa de mídia incluída no top ten 2016 Top Companies of JobStreet.com no ranking das Filipinas no número dez. Essas empresas são escolhidas por JobStreet.com como os 'empregadores mais desejados' do país. No mesmo ano, a ABS-CBN iniciou a construção de seu complexo de sonorização em San Jose del Monte, Bulacan. O ABS-CBN também anunciou que abrirá a primeira loja de experiências no TriNoma em Quezon City em 2017. 2016 provou ser mais um ano bem sucedido para a emissora. O bloco no horario nobre, intitulado 'Primetime Bida', encabeçado no ano passado por Ang Probinsyano e Dolce Amore, conseguiu afastar a concorrência do bloco da GMA, a 'Telebabad', que viu uma reviravolta surpreendente em suas performances fracas com Encantadia e Alyas Robin Hood. Também recuperou a liderança ao meio-dia com o retorno do antigo programa 'Tawag ng Tanghalan' como um segmento em It's Showtime e o declínio na popularidade de Aldub e reforçou a liderança da tarde com o sucesso de Doble Kara, Tubig at Langis e The Greatest Love. A rede também lançou uma nova franquia, Pinoy Boyband Superstar, enquanto as novas temporadas de sua realidade emblemática mostram The Voice Kids e Pinoy Big Brother continuaram o sucesso das temporadas anteriores. No quarto trimestre, no entanto, a audiência em horário nobre foi ameaçada pela primeira vez em alguns anos, com o sucesso da Encantadia e da Alyas Robin Hood da GMA, bem como das quedas nos índices de audiência às 20h30 e das 21h15, com as fracas desempenhos de outros dois dramas, Magpahanggang Wakas e Till I Met You. Os sucessos da rede em 2017 incluiu a lançou Your Face Sounds Familiar Kids e The Voice Teens, que foram tanto sucessos em massa, trouxe de volta Bet on Your Baby depois de dois anos e lançou Tawag ng Tanghalan Kids e a segunda temporada de Tawag ng Tanghalan em It's Showtime. ABS-CBN também teve os sucessos na tarde, Pusong Ligaw e The Better Half, e para suas ofertas de drama coreano, sua lista incluiu grandes sucessos como Goblin, Legend of the Blue Sea e Love in the Moonlight. No terceiro trimestre, o ABS-CBN lançou outra franquia, Little Big Shots. No horário nobre, enquanto isso, os índices de audiência da rede às 21h15 do horário de verão melhoraram com A Love to Last. Quanto ao horário de 20h30, a recuperação foi mais lenta, embora tenha conseguido melhorar com o bom desempenho de My Dear Heart. Mas realmente se recuperou significativamente em junho de 2017, o mês que viu o lançamento do extremamente bem sucedido La Luna Sangre. Outro sucesso foi WildFlower, que foi exibido antes da TV Patrol. Ang Probinsyano, enquanto isso, continuou sua liderança, defendendo a concorrência de Encantadia e seus sucessores Mulawin vs Ravena e a segunda temporada de Alyas Robin Hood, que também não fizeram em termos de índices de audiência como Encantadia. A liderança contínua do ABS-CBN no horário nobre tornou-se um fardo para as telenovelas anteriores da GMA Super Ma'am, My Korean Jagiya e o remake filipino de My Love From the Star. No final de setembro, The Good Son estreou, que se tornou outro forte sucesso no horário nobre. No entanto, no terceiro trimestre, o bloqueio da tarde do ABS-CBN voltou a perder, não só devido ao sucesso do Ika-6 na Utos de GMA, mas também devido à melhoria das performances de Impostora e Haplos, que até mesmo derrotaram Pusong Ligaw e The Better Half em vários casos. A queda do bloco da tarde continuou com as fracas performances da The Promise of Forever, que se tornou o drama da tarde do pior desempenho de ABS-CBN desde 2015, embora tenha ganho contra Haplos em certos casos. Apesar disso, o ABS-CBN ainda conseguiu derrotar o GMA no mercado de Mega Manila em compartimentos e índices de audiência em outubro desse ano. Em novembro, o ABS-CBN venceu o GMA pelo segundo mês consecutivo em Mega Manila, com maior participação de audiência de 37% frente a 34% da GMA. O ABS-CBN também abriu um centro de eventos chamado ABS-CBN Vertis Tent em Quezon City naquele ano. Logotipo e Slogan [ editar | editar código-fonte ] Logotipo [ editar | editar código-fonte ] O logotipo da ABS-CBN possui três elementos principais, a linha vertical enraizada em uma origem horizontal, os três círculos que se estendem, eo texto ABS-CBN. A linha vertical ou barra representa uma torre (torre de transmissão), com os círculos simbolizando seus sinais que representam as cores vermelho, verde e azul ou RGB, o que torna-se um pixel mostrado na televisão. As três divisões das Filipinas, Luzon, Visayas e Mindanao, também são indicados pelos três círculos. É também referido pelo seu nome de marca, 'Kapamilya', o que significa um membro da família, utilizado desde 1999. 1952 : Um retângulo fechando uma torre transmissor com um círculo que representa os seus sinais, e o nome legal de ABS girando em torno dele, juntamente com o nome Alto e o nome legal de ABS. 1956 : Três blocos com o texto CBN. 1961 : ABS-CBN torna-se a marca para a rede de TV após ABS é comprado pela família Lopez, os proprietários de CBN. O primeiro logotipo da marca da rede recém-formada consistia em uma caixa preta com o ABS e nomes CBN sobre ele, e uma grande carta B que liga os nomes ABS e CBN. O logotipo é colocada entre dois números, 3 e 9, que, em seguida, representados canais de propriedade da rede em Metro Manila, durante este período, com ambos os números de ter seu próprio 'canal' nome colocado no topo, representando, assim, os nomes 'Canal 3' e 'canal 9 '. 1963 : Versão redesenhada do símbolo 1952: o nome ABS-CBN aparece sob a forma de cartas malaios, teve quatro anéis em vez de um (indicando a rede com maior alcance do que tinha em 1953), o transmissor aparecendo na forma simplificada de um triângulo , e o rectângulo sendo substituída por uma moldura quadrada aparece com bordas arredondadas. 1967 : O início do logotipo conceito actual utilizado para este dia. O logotipo naquela época tinha três anéis que representavam Luzon, Visayas e Mindanao, conectados por uma linha que simboliza uma torre de transmissor e uma caixa que significa as Filipinas, juntamente com o nome do ABS em cima do símbolo e CBN abaixo. 1986 : Os tres círculos está em RGB. Vermelho para Luzon, verde para Visayas e azul para Mindanao, enquanto o quadro praça tornou-se uma caixa colorida em preto. A rede primeiro usou esse logotipo em 1971, quando começou as transmissões em cores e tornou-se o logotipo corporativo em 1986. 2000 : Na maior mudança do logotipo da rede desde 1967, os anéis e a linha foram mantidos, um quadrado cinzento substituiu a caixa preta esboçada e os nomes ABS e CBN foram ambos modernizados e fundidos em um nome, ABS-CBN, situado abaixo do símbolo. 2014 : O logotipo permaneceu na sua concepção 2000, mas os anéis e linha são mostradas para ser mais espessa, e o texto utilizado um novo simplificado remove os ganchos serif, e uma versão completamente diferente da C, com a letra S, sendo o único inalterado. A praça mudou sua cor para branco, e se no caso de o logotipo deve ser colocada em um fundo branco, a praça não é mais usado. Vinhetas [ editar | editar código-fonte ] Quando o ABS-CBN foi relançado como 'Star Network' em 1987, a rede usou pacotes gráficos desenvolvidos pelo sistema analógico de animação por computador (sintetizador de vídeo) Scanimate, desenvolvido pela Computer Image Corporation, com sede no Colorado. Em 1988, quando o ABS-CBN passou em completa transmissão nacional via satélite, utilizou uma vinheta com o texto 'Satellite Broadcasting System' acima do logotipo do ABS-CBN, e por trás disso era um mapa mundial em azul e preto. No mesmo ano, o ABS-CBN tinha outra vinheta com um mapa das Filipinas, bem como três círculos e uma caixa com uma torre transmissora formando o logotipo ABS-CBN com os nomes ABS e CBN, seguido por três fitas e uma estrela formando O logotipo do canal 2 então usado. Em 1989, foi lançada uma versão alternativa da vinheta de 1988, em que a parte com a formação do logótipo do canal 2 foi substituída por uma nova, que tinha o slogan da rede 'In the Service of the Filipino', pairando abaixo do logotipo. Duas outras vinhetas tinham os logotipos de ABS-CBN e Channel 2 em cima de uma plataforma, colorida em ouro, e com holofotes, que se assemelhavam ao famoso logotipo do 20th Century Fox. Em 1993, o 40º aniversário da rede, e quando lançou o Sarimanok (um logotipo de conceito usado uma vez quando o ABS-CBN iniciou transmissões de cores em 1966) como logotipo corporativo, o ABS-CBN lançou uma nova vinheta que fez o galo colorido se transformar em um Imagem formada na câmera, sendo transmitida via satélite e transmitida para todo o país, antes de se transformar no logotipo ABS-CBN. A vinheta de Sarimanok, uma vinheta 100% filipina, ganhou a Medalha de Ouro nos Festivais de Nova York em 1994. De 1993 a 1997, o ABS-CBN usou, juntamente com a viñeta Sarimanok principal, uma série de vinhetas que tinha seu famoso logotipo formado por diferentes elementos, como estrelas e planetas, papéis, pássaros, nuvens, luzes da cidade e desenhos, ou em outros casos, aparecendo em um caleidoscópio, chamas, um twister, ou sob a forma de uma grinalda de Natal. A referida série de idents também teve mensagens de serviço público ou lembretes para espectadores de eventos importantes que acontecem hoje ou no dia seguinte. De 1998 a 1999, o ABS-CBN usou um único vinheta. 1998 tinha o logotipo do ABS-CBN e o slogan 'In the Service of the Filipino' em ouro, e com a bandeira filipina atrás dele, em comemoração ao centenário da independência das Filipinas com a Espanha. 1999, por outro lado, teve um atraso na sede da ABS-CBN em Quezon City e o logotipo e o slogan em branco, e outro tinha dois elementos, desta vez com o logotipo em sua forma normal de cor RGB, com manchas brancas. A vinheta do 45º aniversário da rede teve uma evolução dos logotipos do ABS-CBN em diferentes telas de TV (cuja aparência se baseou no momento em que o logotipo foi lançado), antes que a câmera se desligue para revelar o logotipo do 45º aniversário da rede. Em 2000, quando o ABS-CBN deu a maior atualização ao seu logotipo em 33 anos, o primeiro vinheta com o logotipo renovado, chamado 'Millennium Overture', exibiu telas com os logotipos passados do ABS-CBN que pairam em um fundo RGB, antes de mostrar logotipo da ABS-CBN de 1996 por última vez. Em breve, os nomes dos ABS e CBN se transformam em suas versões de 2000 e o logotipo de 2000 formando-se junto com o slogan 'In the Service of the Filipino'. Sua vinheta de 2001 tinha os três anéis RGB do logotipo (em três conjuntos) pairando no céu antes de um conjunto se juntar com um quadrado de cristal e o texto ABS-CBN para formar o logotipo ABS-CBN. O ident, exibido na proporção 4: 3, tinha o ident entre caixas de pilar branco (manhã e apenas no início da tarde, estes eram coloridos em azul escuro quando exibidos nas tardes e horário nobre) e tinham tickers com o nome do ABS-CBN rolando no topo E na direção da esquerda e o slogan 'A serviço do filipino' que se desliza abaixo e na direção certa. O fundo do céu também mudou dependendo do tempo - o céu apareceu com céus azuis e nuvens brancas na versão da manhã e início da tarde e com céus e nuvens de laranja e amarelo no final da tarde e versão em horário nobre. Sua vinheta em 2002 tinha o logotipo do ABS-CBN em um outdoor. O logotipo do 50º aniversário tinha uma versão dourada do logotipo horizontal do ABS-CBN dentro de um aparelho de TV dourado, com o texto 'Televisão' embaixo (ou às vezes 'Televisão filipina') e acima tinha a tela que mostrava '50 Anos'. Abaixo do conjunto, havia um texto que dizia 'Desde 1953', mostrando o ano em que a rede foi estabelecida. Para o 50º aniversário da rede, teve duas vinhetas. Um, que funcionou por dois minutos, mostrou os 50 anos de história da rede de 1953 a 2003, que tem sido composto de vários centenas de recortes de fotos promovidos de acordo com o Adobe After Effects com elementos 3D gerados no LightWave, seguido da formação do 50º aniversário logotipo da rede. O outro, um de 30 segundos, tinha os três anéis RGB da rede (que tinham partes da vinheta de 2 minutos gravadas sobre eles) e o transmissor da rede se transformando em ouro (o transmissor se tornando a linha no logotipo do ABS-CBN) e formando o logotipo do 50º aniversário da rede que aparece em um fundo azul. Três feixes coloridos em vermelho, verde e azul (as três cores da rede) também apareceram no final da vinheta. A vinheta de 30 segundos ganhou uma Medalha de Bronze nos Festivais de Nova York 2003 e um prêmio Finalista na Promax em 2004. A partir de meados da década de 2000 ao início de 2010s, ABS-CBN minimizou o uso de vinhetas em favor de vídeos de música lançado durante o Verão e Natal. A primeira vinheta para o seu 55º aniversário teve a panorâmica da câmera em várias direções em direção ao logotipo do ABS-CBN e ao logotipo do 55º aniversário, que tinha dois números 5 coloridos em vermelho e verde e um globo azul. Em outubro (mês de aniversário da rede), o ABS-CBN lançou uma vinheta de 2 minutos, o segundo para o seu 55º aniversário. Com o título 'Beyond Television', isso retrata a transformação do ABS-CBN da maior rede de TV do país para se tornar uma empresa de mídia totalmente diversificada além da televisão. Sua vinheta para 2012 tinha pessoas comuns formando vários objetos, como uma casa, o sol na bandeira filipina, o planeta Terra e mais, antes de formar o logotipo ABS-CBN. Para o seu 60º aniversário, o ABS-CBN tinha uma vinheta que tinha vários círculos coloridos nas três cores da rede (vermelho, verde e azul) formando o logotipo do 60º aniversário da rede. Em fevereiro de 2014, a ABS-CBN lançou sua primeira vignette animada CGI desde 2004, a tempo de lançar o logotipo atual do ABS-CBN. A vinheta de 30 segundos tinha incontáveis cubos vermelhos, verdes e azuis e barras de metal formando o logotipo do ABS-CBN. A vinheta ocorreu em um fundo escuro (levando a parecer que foi configurado no espaço) e também tinha o novo gráfico 'sunrise' da rede. Slogans [ editar | editar código-fonte ] Corporativa e anual [ editar | editar código-fonte ] 23 de outubro de 1953: From where it happens, we see it happen. (De onde isso acontece, vemos isso acontecer.) Década de 1960: The Philippines' Premier Channel , One Strike Takes All Three (O premier canal do Filipinas, Uma greve leva todos os três) Década de 1960: The Viewing Is Fine On Channel 9 (A visualização é sempre muito bem no Channel 9) 1966-1972: ABS-CBN: First in COLOR Television (Primeiro na televisão a cores) 1967-1972 é 1986-1990: The Philippines' Largest Network (A maior rede do Filipinas) 1969: Channel 2: The Family Channel (Canal 2: o canal de família) 1969: GO 4 (Ir 4) 14 de julho-dezembro de 1986: ABS-CBN. Watch Us......Do It Again! (ABS-CBN. Nos assistir .... fazê-lo novamente!) Dezembro de 1986-28 de fevereiro de 1987: Sharing a New Life with You (Compartilhando uma nova vida com você.) 1 de março de 1987-1992: ABS-CBN: The Star Network (ABS-CBN: a rede dos estrelas) 1988-1993: ABS-CBN Satellite Broadcast System (ABS-CBN: sistema de transmissão via satélite) 1988: ABS-CBN: Celebrating 35 Years of the Philippines' Largest Network (ABS-CBN: comemorando 35 anos da maior rede das Filipinas) 1989-2004, 2017-agora: In the Service of the Filipino (No serviço do Filipino) 1992-agora: In The Service Of The Filipino Worldwide (No serviço do filipino em todo o mundo) 1992: The Most Admired Broadcasting Network in Asia (A rede de transmissão mais admirada da Ásia) 1992: Through 50,000 watts of pure solid-state entertainment power! (Através de 50.000 watts de puro poder de entretenimento de estado sólido!) 1993: Bringing 21st Century Television to the Filipino (trazendo televisão do 21° século para o filipino) 1993: Sariwain ang nasyonalismo, ipagbunyi ang lahing Pilipino (Renove o nacionalismo, celebrar os filipinos) 1993: 40 Years: ABS-CBN and Philippine Television (40 anos: ABS-CBN e na televisão nas Filipinas) 1995-1997: All the Best Shows Come from the Brightest Network (Todos os melhores programas provêm da rede mais brilhante) 1996: 50 Years of Committed Communications (50 anos de comunicações cometidos) 1997: The Total Entertainment and Information Network (A rede total de entretenimento e informação) 1998: Itaguyod ang piso, tangkilikin ang produktong Pilipino (Promover o peso, desfrutar de produtos Filipinas) 1998: 45 Years of Philippine Television (45 anos de televisão nas Filipinas) 1999: Ang Puso't Diwa ng Telebisyong Pilipino (O coração e a alma da televisão filipina) 2000: Out of the Box....Into the New Millennium (Fora da caixa ... No novo milênio) 2002: Sa ABS-CBN, Ikaw ang No. 1 ( No ABS-CBN, você é o no. 1) 2002: It has never been this BIG (Nunca foi tão grande) 2003: ABS-CBN: 50 Years of Philippine Television (ABS-CBN: 50 anos de televisão nas Filipinas) 2004: Sabay Tayo, Kapamilya! (Vamos juntos, Kapamilya!) 2005: Bawat Pinoy, Kapamilya (Todo filipino é parte de nossa família) 2005: Iba Magmahal ang Kapamilya (O amor de um familiar é único) 2006: Angat Ang Pinoy (Os filipinos são ótimos) 2007: One Country, One Station, One Family (Um país, uma estação, uma família) 2008: Team Kapamilya Tayo (Nós e equipa família) 2008: 55 Years: One World, One Network, One Family (55 anos: um mundo, uma rede, uma família) 2008: ABS-CBN: Beyond Television (ABS-CBN: além da televisão) 2009: Kayang-Kaya Natin, Kapamilya (Nós podemos fazer isso, Kapamilya) 2010: Bilib sa Pinoy (Acredite em Filipino) 2011: BidaBest (Seja o melhor) 2012: Da Best ng Pilipino (O melhor dos Filipinos) 2013: 60 Years of Philippine Television: Kwento Natin Ito! (60 anos de televisão filipina: esta é a nossa história!) 2014: Masayang Muli ang Kwento Natin (Nossa história está feliz mais uma vez) 2015: Kapamilya, Thank You 2x (Kapamilya, obrigado 2x) 2015: Shine, Pilipinas! (Brilho, Filipinas!) 2015: Kapamilya, Thank You! (Kapamilya, obrigado!) 2016-agora: Isang Pamilya Tayo (Somos é uma família) Verão [ editar | editar código-fonte ] 2001: Sama-Summer Together (Juntos, temos neste verão) 2002: Saya ng Summer sa ABS-CBN (O verão é divertido no ABS-CBN) 2003: Fifty-iesta Na! (É uma festa de cinquenta anos!) 2004: Sabay Summer Tayo, Kapamilya (Vamos juntos neste verão, Kapamilya) 2005: Iba Ka-Summer ang Kapamilya (A companhia de um membro da família no verão é única) 2006: Kapamilya, Summer Na, Sama Ka! (Kapamilya, o verão chegou, participe!) 2007: Araw Natin 'To! (Este é o nosso dia!) 2008: One Team, One Summer (Uma equipe, um verão) 2009: Galaw-Galaw sa Tag-Araw! (Mova-se neste verão!) 2010: Summer ang Simula (O verão é o começo) 2011: Bida Best sa Tag-Araw (Seja o melhor neste verão) 2012: Pinoy Summer, Da Best Forever (O verão filipino é o melhor para sempre) 2013: Kwento ng Summer Natin (A história do nosso verão) 2014: Masayang Muli ang Kwento ng Summer (A história do verão está feliz mais uma vez) 2015: Shine, Pilipinas! (Brilho, Filipinas!) 2016: Ipanalo ang Pamilyang Pilipino (Fazer uma vitória da família filipina) 2017: Ikaw ang Sunshine Ko, Isang Pamilya Tayo (Você é minha luz do sol, somos uma família) Natal [ editar | editar código-fonte ] 1986-1997: Maligayang Pasko at Manigong Bagong Taon Mula sa ABS-CBN! (Um feliz natal e um feliz ano novo do ABS-CBN!) 1998: Maligayang Pasko Po sa Taon ng Sentenaryo (Feliz natal no ano centenário) 1998: Paskong Punong-Puno ng Puso (Uma natal cheio de coração) 1999: Maligayang Pasko Po sa Darating na Milenyo (Feliz natal no próximo milênio) 2000: Sama-Sama Tayo Ngayong Pasko! (Juntos, temos agora natal!) 2002: Isang Pamilya, Isang Puso Ngayong Pasko (Um familia, um coração neste natal) 2003-2004: Maligayang Pasko, Kapamilya (Feliz natal, Kapamilya) 2005: Magpasaya ng Kapamilya (Espalhar a alegria ao membro da família) 2006: Angat ang Ligaya ng Pasko (levantar a alegria do Natal) 2007: One Country, One Family, One Christmas: Walang Mag-Iisa Ngayong Pasko (Um país, uma família, uma Natal: sem sozinho de Natal) 2008: May Katuparan ang Hiling sa Kapamilyang Kapiling (Há desejos concedidos com uma família de enfrentamento) 2009: Bro, Ikaw ang Star ng Pasko (Bro, você é a estrela do Natal) 2010: Ngayong Pasko, Magniningning ang Pilipino (Este Natal, o filipino vai brilhar) 2011: Da Best ang Pasko ng Pilipino (O Natal dos filipinos é o melhor) 2012: Lumiliwanag ang Mundo sa Kwento ng Pasko (O mundo brilha na história do Natal) 2013: Magkasama Tayo sa Kwento ng Pasko (Estamos juntos na história do Natal) 2014: Thank You, ang Babait Ninyo (Obrigado por toda a sua gentileza) 2015: Thank You for the Love! (Obrigado pelo amor!) 2016: Isang Pamilya Tayo Ngayong Pasko (Somos uma família neste Natal) 2017: #JustLOVE (Só ame) Audiência [ editar | editar código-fonte ] Desde o início da TV, nas Filipinas, ABS-CBN estabeleceu-se a ser a rede líder mais assistido (com exceção de 1972-1988), nas Filipinas. Em 1970, a ABS-CBN reservado 80% quota de audiência - a maior quota de audiência postado por uma rede de televisão filipina. Desde o encerramento em 1972, ABS-CBN perdeu a maior parte de sua glória para emissoras de TV em sua maioria compadrio de propriedade como RPN, IBC, BBC, e GTV, e da GMA Network, de propriedade privada. Em 1986, a ABS-CBN não conseguiu recuperar seus dias de glória e havia pousado em quinto lugar, muito atrás das redes de notação superior. No entanto, após o relançamento 'Star Network', seu audiência da ABS-CBN começou a crescer rapidamente pelos meses, saltando de 5º lugar para o 2º lugar por Setembro de 1987 (seis meses após o relançamento), atrás de GMA. Em Agosto de 1988, ABS-CBN estava de volta em primeiro lugar em Mega Manila e em todo o país - que seria esta posição em Mega Manila para a próxima 16 anos. No final do ano 1988, a participação da ABS-CBN foi de 28%, superior da 24% do GMA. Por volta de 1990, os programas de ABS-CBN atraiu altas classificações, resultando em ABS-CBN capturar 40-50% de quota de audiência em Mega Manila e 70% quota de audiência em todo o país. Por causa de programas de grande sucesso, ABS-CBN conseguiu manter a liderança na audiência nacional dos Filipinas por 28 anos reta, a partir de 1988 até hoje. Na década de 1990, apesar da crescente concorrência, os ratings da ABS-CBN pico graças a maioria dos shows mais bem cotados. Em 1996, a sua quota de audiência em todo o país atingiu 77%, com 41% de audiência em Mega Manila e 81% quota de audiência nas províncias e regiões. Graças a este domínio contínuo, ABS-CBN foi capaz de crescer a partir de um gigante de radiodifusão para uma companhia de mídia integrada - a primeira rede no país de sempre a fazê-lo, bem como a expansão de 99% dos domicílios no país e se tornar um rede verdadeiramente nacional. No meio da década, no entanto, viu o surgimento de séries de drama (ou novelas) no horário nobre, tanto local quanto importado do México, após o sucesso de Marimar, que foi exibido na RPN em 1996, e levou a sucessos como Esperanza e Mula sa Puso. Antes de 1996, as séries de drama foram reestruturadas às tardes. Apesar disso, duas formas dominantes de programação em horário nobre antes de 1996, comédias semanais e blocos de filmes permaneceram parte do horário nobre do meio-dia até meados dos anos 2000. A outra programação dominante no horário nobre, o telejornal de 6:00, liderado por sua TV Patrol, continua a ser parte do bloco de horário nobre até hoje. Na década de 2000, o aumento da concorrência e a turbulência financeira forçaram o ABS-CBN a reformular sua programação, que viu a adição de dramas com temas de fantasia chamados de 'fantaseryes', reality shows e a remoção de sitcoms e shows de mordaça no horário nobre da semana. Apesar do aumento da concorrência, a rede conseguiu manter seu domínio nacional com sucessos como Pangako Sa 'Yo, Game KNB ?, Marina, Pinoy Big Brother, Bituing Walang Ningning e muito mais. Em 2007, a ABS-CBN reservado 47% quota de audiência em todo o país, superior da 35% do GMA. Na verdade, enquanto a GMA continuava a liderar o mercado em Mega Manila, o maior mercado de TV no país, a partir de 2004 a 2017, o ABS-CBN continuava sendo o principal canal em outras áreas em Luzon e em Visayas e Mindanao devido à maior recepção de sinal do que a GMA nessas áreas. Na mesma década, o ABS-CBN adicionou a sua série de drama de linha da Coréia do Sul, seguindo o sucesso do drama chinês Meteor Garden, que foi exibido no canal em 2003 (o 50º aniversário da emissora). Em junho de 2012, a participação da ABS-CBN atingiu 42%, dez pontos a mais do que os 32% registrados pelo GMA. Originalmente, ABS-CBN subscrito AGB Nielsen para as classificações de pesquisa. De 2000 a 2006, AGB Nielsen originalmente coberta mega Manila. Em 2006, eles lançaram o painel de ratings NUTAM que abrange todos os painéis urbanos, nas Filipinas, confirmando ABS-CBN como líder nacional em TV filipino. Em 2009, dois anos após uma polêmica envolvendo o provedor de medição de audiência AGB Nielsen, ABS-CBN deslocado para Kantar Media. Apesar AGB Nielsen ser um provedor ratings confiável, ele foi atingido com inúmeras controvérsias. Além disso, AGB Nielsen teria coberto apenas todos os painéis urbanos em todo o país, cobrindo 100% das áreas urbanas do país, mas apenas 57% de todas as áreas, e com um tamanho painel de 2.000 domicílios urbanos. Kantar Media, por sua vez, abrange tanto os painéis urbanos e rurais e cobre 100% de todas as áreas das Filipinas, e com um maior tamanho do painel de 2.610 famílias urbanas e rurais. Nos últimos anos, devido ao sucesso da sua caixa de configuração de TV digital, o ABS-CBN TVplus, ABS-CBN tem uma liderança de audiência mais ampla em comparação com seus resultados antes do lançamento da TVplus. A share da ABS-CBN cresceu de 42% no primeiro trimestre de 2015 (que viu o lançamento da TVplus em fevereiro desse ano) para 45% no terceiro trimestre de 2017, enquanto a share da GMA caiu de 35% para 34% no mesmo período. A share da ABS-CBN na Mega Manila tambem cresceu, de 31% para 35%, enquanto a share da GMA caiu de 40% para 36%, e em Metro Manila, a share da ABS-CBN saltou de 33% para 40% enquanto a share da GMA caiu de 35% a 29%. Em outubro de 2017, o ABS-CBN, que tinha 46% da participação da audiência na audiência nacional vs 33% da GMA, derrotou a GMA em Mega Manila com 36% de participação audiência frente aos 34% da GMA, continuando a liderar os índices do público em Metro Manila, Luzon , Visayas e Mindanao. O forte desempenho da rede em Mega Manila empurrou sua participação auditiva durante o segundo semestre de 2017 para 36% contra os 35% da GMA. Em 2017, ABS-CBN manteve o domínio nacional na audiência da TV para o 30º ano consecutivo, registrando 46% quota de audiência em todo o país contra do 34% do GMA. Ele derrotou o GMA no público da manhã (39% contra 32%) e do meio dia (45% vs 36%) pelo segundo ano consecutivo, e mantendo sua liderança na tarde (44% vs 37%) e primetime (50% vs 32%) . A participação de 46% na audiência foi maior do que a participação de 45% publicada em 2016 e também a maior desde que a Kantar Media apresentou seu painel ampliado de medição de audiência urbana e rural em junho de 2012. Programas [ editar | editar código-fonte ] Segunda a Sexta [ editar | editar código-fonte ] País Título do programa Gênero Hora Umagang Kay Ganda Telejornalismo 05:00 Kris TV Talk show 07:30 Naruto Shippuden (sétima temporada) Anime 09:00 WansapanaSummer Série 09:15 Summer Kapamilya Blockbusters Cinema 10:00 Oh My G! Telenovela 11:30 It's Showtime Programa de variedades 12:15 Flor de Liza Telenovela 14:30 Nasaan Ka Nang Kailangan Kita Telenovela 15:15 Let's Get Married Série 16:00 Mission Possible (Segunda) Programa jornalístico 16:30 3-in-1 (Terça) RealiTV (Quarta) Sports U (Quinta) Tapatan ni Tunying (Sexta) Kapamilya, Deal or No Deal Game show 17:00 Inday Bote Telenovela 18:00 TV Patrol Telejornalismo 18:30 Nathaniel Telenovela 19:40 Forevermore Telenovela 20:45 Bridges of Love Telenovela 21:10 Aquino & Abunda Tonight Talk show 21:50 My Lovely Girl Série 22:05 Bandila Telejornalismo 22:50 Mukha (Segunda) Programa jornalístico 23:45 Banana Nite (Terça a Sexta) Sitcom O Shopping Infomercial 00:00 Sábado e Domingo [ editar | editar código-fonte ] País Título do programa Gênero Hora Salamat Dok Programa jornalístico 06:00 (Sábado) 07:30 (Domingo) Kabuhayang Swak na Swak Programa jornalístico 07:00 Angel Wings (Sábado) Série 07:30 Sineskwela (Sábado) Educacional 08:00 Kung Fu Panda: Legends of Awesomeness (Sábado) Desenho animado 08:30 SpongeBob SquarePants (Sábado) Desenho animado 09:00 NBA (Sábado) Desporte 10:00 It's Showtime (Sábado) Programa de variedades 12:00 Ipaglaban Mo! (Sábado) Série 15:00 Failon Ngayon (Sábado) Programa jornalístico 16:00 S.O.C.O. (Scene of the Crime Operatives) (Sábado) Programa jornalístico 16:45 TV Patrol Weekend Telejornalismo 16:00 (Sábado) 15:30 (Domingo) Mga Kwento ni Marc Logan (Sábado) Humor 16:00 Home Sweetie Home (Sábado) Sitcom 16:30 MMK (Sábado) Série 19:15 Your Face Sounds Familiar Reality show 20:45 (Sábado) 20:30 (Domingo) Banana Split Extra Scoop (Sábado) Sitcom 21:45 The Bottomline with Boy Abunda Extra Scoop (Sábado) Talk show 23:30 O Shopping (após o dia seguinte) Infomercial 00:30 (Sábado) 00:45 (Domingo) The Healing Eucharist (Domingo) Religioso 06:00 Max Steel (Domingo) Desenho animado 08:30 Superbook (Domingo) Desenho animado 09:00 Matanglawin (Domingo) Informativo 10:00 Kapamilya Kiddie Blockbusters (Domingo) Cinema 10:45 ASAP (Domingo) Programa de variedades 12:15 Kapamilya Mega Blockbusters (Domingo) Cinema 10:45 Luv U (Domingo) Sitcom 17:00 Goin' Bulilit (Domingo) Sitcom 18:00 Wansapanataym (Domingo) Série 18:45 Rated K (Domingo) Revista 19:30 Gandang Gabi, Vice! (Domingo) Talk show 21:45 Sunday's Best Especiais de televisão 22:45 Canais da ABS-CBN [ editar | editar código-fonte ] Terrestre [ editar | editar código-fonte ] Analógico [ editar | editar código-fonte ] ABS-CBN Canal 2 ABS-CBN Sports and Action Digital [ editar | editar código-fonte ] Cine Mo! Yey! Cabo [ editar | editar código-fonte ] ANC (notícia) Cinema One (filme) DYAB TeleRadyo Cebu ( Cebu ) DXAB TeleRadyo Davao ( Davao ) DZMM TeleRadyo (notícias informativo) Hero (série animada dublado em tagalo) Jeepney TV (programas clássicos) Knowledge Channel (educacional) Lifestyle Network (estilo de vida) MYX (música) O Shopping (em parceria com CJ Group ) Internacional [ editar | editar código-fonte ] ABS-CBN Sports+Action International (disponível nos Estados Unidos ) Bro (disponível nos Estados Unidos ) Cinema One Global MYX TV (disponível nos Estados Unidos ) The Filipino Channel Extinto [ editar | editar código-fonte ] ANC Global (2002-2017) Balls/Balls HD (2008-2015) CgeTV (2010-2012) Maxxx (2008-2010) Studio 23 (1996-2014) Velvet (2008-2014) Estações de rádio da ABS-CBN [ editar | editar código-fonte ] Terrestre [ editar | editar código-fonte ] Analógico [ editar | editar código-fonte ] My Only Radio For Life! MOR 101.9 Manila DZMM Radyo Patrol 630 Internacional [ editar | editar código-fonte ] Filipino Radyo Network Internet [ editar | editar código-fonte ] Filipino On Demand iWanTV MOR TV Subsidiárias [ editar | editar código-fonte ] ABS-CBN Lingkod Kapamilya Foundation, Inc. ABS-CBN Global Ltd. ABS-CBN International ABS-CBN Interactive ABS-CBNmobile ABS-CBN Publishing, Inc. Creative Programs, Inc. Roadrunner Network, Inc. Sarimanok News Network, Inc. Sky Cable Corporation Star Cinema Star Magic Star Records Divisões [ editar | editar código-fonte ] ABS-CBN Film Archive ABS-CBN Licensing ABS-CBN News and Current Affairs ABS-CBN Sports Cable Channels and Print Media Group Creative Communications Management Group Manila Radio Division Regional Network Group Star Entertainment Group Referências ↑ 'The History of Philippine Television' ↑ Philippine Television: That's Entertainment Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês , cujo título é « ABS-CBN ». Ligações externas [ editar | editar código-fonte ] Site oficial v • e ABS-CBN Principais pessoas Charo Santos-Concio • Eugenio Lopez III Subsidiárias ABS-CBN Interactive • ABS-CBN Lingkod Kapamilya Foundation, Inc. • ABS-CBNmobile • ABS-CBN Publishing • ABS-CBN Cable Channels • Sarimanok News Network, Inc. • Sky Cable Corporation ( SkyCable • Destiny Cable ) • Star Cinema • Star Music Divisões ABS-CBN News and Current Affairs • ABS-CBN Sports Canais de televisão ABS-CBN • ABS-CBN Sports+Action • ABS-CBN News Channel • Balls • Cinema One • DZMM TeleRadyo • Hero • Jeepney TV • Knowledge Channel • Lifestyle Network • MYX • O Shopping Canais internacionais ABS-CBN Sports+Action International • Bro • Cinema One Global • Myx TV • The Filipino Channel Estações de rádio DZMM • MOR 101.9 • My Only Radio For Life! Estações internacionais Filipino Radyo Network Serviços de internet Filipino On Demand • iWanTV! Canais extintos ANC Global • CgeTV • Maxxx • Studio 23 • Velvet Artigos relacionados Lista de telenovelas • ABS-CBN Philharmonic Orchestra • ABS-CBN TV Plus • Bayan Productions • Himig Handog • Lopez Group of Companies • Myx Music Awards v d e Canais de televisão aberta de Manila e Região Metropolitana VHF analógico 02 - ABS-CBN • 04 - PTV • 05 - TV5 • 07 - GMA Network • 09 - RPN ( CNN Philippines ) • 11 - GMA News TV • 13 - IBC UHF analógico 21 - SBN ( ETC ) • 23 - ABS-CBN Sports+Action • 25 - Net 25 • 29 - RJTV ( 2nd Avenue ) • 31 - BEAM TV • 33 - ZOE TV ( Light TV 33 ) • 37 - UNTV • 39 - SMNI • 41 - NBC ( AksyonTV ) • 45 - 3ABN • 49 - INC TV Extintas 9 - Solar News Channel / 9TV • 23 - Studio 23 • 31 - Jack City v • e Emissoras de televisão das Filipinas Televisão aberta ABS-CBN Corporation : ABS-CBN • ABS-CBN Sports+Action GMA Network, Inc. : GMA Network • GMA News TV MediaQuest Holdings, Inc. ( TV5 Network, Inc. ) : TV5 • AksyonTV Nine Media Corporation / Turner Broadcasting System : RPN ( CNN Philippines ) Estatal : PTV • IBC Solar Entertainment Corporation : RJTV ( 2nd Avenue ) • SBN ( ETC ) Eagle Broadcasting Corporation : Net 25 Progressive Broadcasting Corporation : UNTV Outros : 3ABN • CCTN • INC TV • SMNI • ZOE TV (Light Network) Televisão por assinatura Creative Programs, Inc. ( ABS-CBN ) : ANC • Balls • Cinema One • DZMM Teleradyo • Hero • Jeepney TV • Knowledge Channel • Lifestyle Network • MYX • O Shopping Solar Entertainment Corporation : Basketball TV • CT • Jack TV • My Movie Channel • Shop TV • Solar All Access • Solar Sports MediaQuest Holdings ( TV5 ) : Colours • Hyper Viva Entertainment : MTV Pinoy • Pinoy Box Office • Tagalized Movie Channel • Viva TV STAR TV / Fox International Channels : Channel V Philippines • National Geographic Channel • STAR World • STAR Movies • Fox • Fox Filipino • Fox Sports • Fox Family Movies Sony Pictures Entertainment : AXN • Animax • Sony Channel Universal Networks International ( NBCUniversal ) : Universal Channel • Diva Universal • E! G Sat : Global News Network • Global Pinoy Cinema Catholic Media Network : CMN Radio • TV Maria Turner Broadcasting System : Cartoon Network • Camp Teletoon TV • Toonami Viacom : Nickelodeon • MTV Southeast Asia The Walt Disney Company / Disney-ABC Television Group : Disney Channel Asia • Disney Junior Asia Discovery Networks Asia : Discovery Channel Asia • TLC Asia • Animal Planet Asia Outros : Countryside Associated Television • Living Asia Channel • Pinoy Extreme • RHTV • RPN USA • TeleAsia • Telenovela Channel • TOP Channel • UniversiTV Portal da televisão Portal das Filipinas O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre ABS-CBN Obtida de ' https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=ABS-CBN&oldid=50961634 ' Categorias : ABS-CBN Canais de televisão das Filipinas Canais de televisão fundados em 1953 Empresas fundadas em 1946 Empresas de mídia das Filipinas Redes de televisão das Filipinas Categoria oculta: !Artigos que carecem de notas de rodapé desde julho de 2017 Menu de navegação Ferramentas pessoais Não autenticado Discussão Contribuições Criar uma conta Entrar Domínios Artigo Discussão Variantes Vistas Ler Editar Editar código-fonte Ver histórico Mais Busca Navegação Página principal Conteúdo destacado Eventos atuais Esplanada Página aleatória Portais Informar um erro Loja da Wikipédia Colaboração Boas-vindas Ajuda Página de testes Portal comunitário Mudanças recentes Manutenção Criar página Páginas novas Contato Donativos Imprimir/exportar Criar um livro Descarregar como PDF Versão para impressão Noutros projetos Wikimedia Commons Ferramentas Páginas afluentes Alterações relacionadas Carregar ficheiro Páginas especiais Hiperligação permanente Informações da página Elemento Wikidata Citar esta página Noutros idiomas Bikol Central Deutsch English Español فارسی Suomi Français Bahasa Indonesia Ilokano Italiano 日本語 한국어 Bahasa Melayu Nederlands Pangasinan Română Srpskohrvatski / српскохрватски Simple English Svenska Tagalog Türkçe Tiếng Việt 中文 Editar hiperligações Esta página foi editada pela última vez à(s) 09h50min de 8 de janeiro de 2018. Este texto é disponibilizado nos termos da licença Creative Commons - Atribuição - Compartilha Igual 3.0 Não Adaptada (CC BY-SA 3.0) . pode estar sujeito a condições adicionais. Para mais detalhes, consulte as condições de uso . Política de privacidade Sobre a Wikipédia Avisos gerais Programadores Declaração sobre cookies Versão móvel



http://frentebrasilpopular.org.br/fotos/acampamento-nacional-pela-democracia-4cb9/
  Acampamento Nacional pela Democracia - Frente Brasil Popular Quem Somos Compromissos da Militância Contato Logomarca Oficial Frente Brasil Popular Manifesto ao Povo Brasileiro Organizações participantes PPE Notícias Artigos Destaques Internacional Notícias Logo Publicações Atos, protestos e Mobilizações Cartilhas Faixas Jornal Frente Brasil Popular Logomarca Oficial Frente Brasil Popular Multimídia ... destruir as conquistas e o avanço do nosso país em questãos sociais e políticas. Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original CACHE

Acampamento Nacional pela Democracia - Frente Brasil Popular Quem Somos Compromissos da Militância Contato Logomarca Oficial Frente Brasil Popular Manifesto ao Povo Brasileiro Organizações participantes PPE Notícias Artigos Destaques Internacional Notícias Logo Publicações Atos, protestos e Mobilizações Cartilhas Faixas Jornal Frente Brasil Popular Logomarca Oficial Frente Brasil Popular Multimídia Galerias de Áudio Galerias de Foto Galerias de Vídeo FRENTE BRASIL POPULAR > Galerias > Fotos > Acampamento Nacional pela Democracia Acampamento Nacional pela Democracia Publicado em: 17/04/2016 Todas as tribos, cores, raças, gêneros e etnias do Brasil estão acampadas em frente ao ginásio Nilson Nelson, na capital federal, com o objetivo de impedir o Golpe contra a Democracia brasileira. O povo está reunido e unido para mostrar que #NãoVaiTerGolpe desses deputados que querem destruir as conquistas e o avanço do nosso país em questãos sociais e políticas. Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Brasília/DF Crédito: Mídia Ninja Download da imagem original Incorporar Galeria: Compartilhe Informativo Cadastre-se e receba periodicamente nossos boletins informativos. Informativos Cadastrar Quem Somos Compromissos da Militância Contato Logomarca Oficial Frente Brasil Popular Manifesto ao Povo Brasileiro Organizações participantes PPE Notícias Artigos Destaques Internacional Notícias Logo Publicações Atos, protestos e Mobilizações Cartilhas Faixas Jornal Frente Brasil Popular Logomarca Oficial Frente Brasil Popular Multimídia Galerias de Áudio Galerias de Foto Galerias de Vídeo



https://www.microsoft.com/software-download/windows10
 Baixar o Windows 10 Experimente o Microsoft Edge um navegador rápido e seguro que é projetado para o Windows 10 Não, obrigado Introdução Ir para conteúdo principal Microsoft Download do software Office Windows Xbox Suporte Mais Software Aplicações Windows OneDrive Outlook Skype OneNote PCs e dispositivos PCs & tablets Acessórios para PC Entretenimento Xbox e jogos Jogos Jogos Windows Filmes e programas ... de criação de mídia. Para mais informações sobre como usar a ferramenta, consulte as instruções ... Windows Vista ou se precisar criar mídia de instalação para instalar o Windows 10 em um computador diferente, consulte Como usar a ferramenta para criar mídia de instalação (pen drive, DVD ou arquivo ISO ... computador. Como usar a ferramenta para criar mídia de instalação (pen drive, DVD ou arquivo ISO) para ... estas etapas para criar a mídia de instalação (pen drive ou DVD) a ser usada para instalar uma nova CACHE

Baixar o Windows 10 Experimente o Microsoft Edge um navegador rápido e seguro que é projetado para o Windows 10 Não, obrigado Introdução Ir para conteúdo principal Microsoft Download do software Office Windows Xbox Suporte Mais Software Aplicações Windows OneDrive Outlook Skype OneNote PCs e dispositivos PCs & tablets Acessórios para PC Entretenimento Xbox e jogos Jogos Jogos Windows Filmes e programas de TV Empresas Microsoft Azure Microsoft Dynamics 365 Microsoft 365 Plataforma de nuvem Soluções empresariais Plataforma de dados Developer & IT .NET Visual Studio Desenvolva aplicativos para o Windows Documentos Outros Microsoft Store Segurança e downloads gratuitos Educação Guia de Presentes Ver todos Nenhum resultado Entrar Download do software Office Office 2010 Office 2007 Office for Mac 2011 Windows Windows 10 Windows 8.1 Windows 7 Desktop App Converter Windows 10 IoT Core Media Feature Pack Windows Insider Preview Windows 10 Insider Preview Windows 10 Insider Preview Advanced Windows 10 Insider Preview Desktop App Converter Windows 10 IoT Core Insider Preview Windows Server Insider Preview SDK Insider Preview ADK Insider Preview WDK Insider Preview HLK Insider Preview FAQ Baixar o Windows 10 Atualizar agora Observamos que você está executando o Windows 10. Se você está pensando em atualizar para a versão mais recente, clique em Atualizar agora . Atualizar agora Privacidade Você está pensando em instalar o Windows 10 em seu computador? Para começar, primeiro você precisa ter uma licença para instalar o Windows 10. Você pode então fazer download e executar a ferramenta de criação de mídia. Para mais informações sobre como usar a ferramenta, consulte as instruções abaixo. Baixar a ferramenta agora Privacidade Como usar a ferramenta para atualizar este computador para o Windows 10 (clique para exibir mais ou menos informações) Veja quando usar estas instruções: Você tem uma licença para instalar o Windows 10 e está atualizando este PC do Windows 7 ou Windows 8.1. Você precisa reinstalar o Windows 10 em um computador em que você já ativou com êxito o Windows 10. Se você estiver instalando o Windows 10 em um computador que esteja executando o Windows XP ou Windows Vista ou se precisar criar mídia de instalação para instalar o Windows 10 em um computador diferente, consulte Como usar a ferramenta para criar mídia de instalação (pen drive, DVD ou arquivo ISO) para instalar o Windows 10 em um PC diferente na seção abaixo. Observação : antes de você instalar o Windows 10, verifique se o seu computador atende aos requisitos do sistema do Windows 10. Recomendamos também que você visite o site do fabricante do seu computador para obter mais informações sobre atualização de drivers e compatibilidade de hardware. Selecione Baixar ferramenta e selecione Executar . Você precisa ser administrador para executar esta ferramenta. Na página Termos de licença , se você aceita os termos de licença, selecione Aceitar . Na página O que você deseja fazer? , selecione Atualizar este computador agora e, em seguida, clique em Avançar . A ferramenta começará o download e a instalação do Windows 10. A ferramenta orientará você durante a instalação do Windows 10 em seu computador. Durante a configuração, talvez seja preciso inserir a chave do produto. Se você não tiver uma licença para instalar o Windows 10 e não tiver atualizado anteriormente para o Windows 10, você pode adquirir uma cópia do Windows 10, consulte https://www.microsoft.com/pt-br/windows/get-windows-10. Se você tiver atualizado anteriormente para o Windows 10 neste PC e o estiver instalando, não precisa inserir uma chave de produto. Sua cópia do Windows 10 será ativada automaticamente mais tarde usando sua licença digital. Quando o Windows 10 estiver pronto para a instalação, você verá uma recapitulação do que escolheu e do que será mantido durante a atualização. Selecione Alterar o que manter para definir se você deseja Manter arquivos e aplicativos pessoais ou Manter apenas arquivos pessoais ou Nada durante a atualização. Salve e feche quaisquer aplicativos e arquivos abertos que possam estar em execução e, quando estiver pronto, selecione Instalar . Pode levar alguns minutos para instalar o Windows 10, e o seu computador será reiniciado algumas vezes. Não desligue o seu computador. Como usar a ferramenta para criar mídia de instalação (pen drive, DVD ou arquivo ISO) para instalar o Windows 10 em um computador diferente (clique para exibir mais ou menos informações) Siga estas etapas para criar a mídia de instalação (pen drive ou DVD) a ser usada para instalar uma nova cópia do Windows 10, executar uma instalação limpa ou reinstalar o Windows 10. Antes de baixar a ferramenta, certifique-se de que você tenha: Conexão com a Internet (podem ser aplicadas taxas do provedor de serviço de Internet) Espaço de armazenamento de dados suficiente em um computador, USB ou unidade externa para o download. Uma unidade flash USB em branco com pelo menos 8GB de espaço ou um DVD em branco (e um gravador de DVD), se você quiser criar mídia. Recomendamos usar uma unidade USB ou um DVD em branco, pois qualquer conteúdo nele será excluído. Ao gravar um DVD por meio de um arquivo ISO, se for informado que o arquivo de imagem de disco é muito grande, você precisará usar mídia de DVD de camada dupla (DL). Faça algumas verificações no computador em que você deseja instalar o Windows 10: Processador (CPU) de 64 ou 32 bits. Você vai criar uma versão de 64 bits ou de 32 bits do Windows 10. Para verificar isso no seu computador, vá até Informações do PC em Configurações do PC ou Sistema no Painel de Controle e procure Tipo de sistema . Requisitos do sistema. Verifique se o seu computador atende aos requisitos do sistema do Windows 10. Recomendamos também que você visite o site do fabricante do seu computador para obter mais informações sobre atualização de drivers e compatibilidade de hardware. Idioma no Windows. Você precisará escolher o mesmo idioma quando instalar o Windows 10. Para conferir o idioma que você está usando no momento, acesse Hora e idioma em Configurações do PC ou em Região no Painel de Controle. Edição do Windows. Você deve escolher a mesma edição do Windows. Para verificar a edição que você está executando atualmente, acesse Informações do PC em Configurações do PC ou em Sistema no Painel de Controle e procure Edição do Windows . O Windows 10 Enterprise não está disponível na ferramenta de criação de mídia. Para obter mais informações, consulte o Centro de Serviços de Licenciamento por Volume . Produtos do Microsoft Office. Se você acabou de adquirir um novo dispositivo que inclui o Office 365, recomendamos que resgate (instale) o Office antes de atualizar para o Windows 10. Para resgatar sua cópia do Office, consulte Baixar e instalar o Office 365 Home , Personal ou University em seu computador. Para obter mais informações, consulte Como atualizar para o Windows 10 em novos dispositivos que incluem o Office 365 . Caso você tenha o Office 2010 ou uma versão anterior e opte por executar uma instalação limpa do Windows 10, você precisará localizar a chave de produto do Office. Para obter dicas sobre como localizar a chave do produto (Product Key), verifique Encontre sua chave do produto para o Office 2010 ou Encontre a sua chave do produto (Product Key) para o Office 2007 . Como usar a ferramenta para criar mídia de instalação: Selecione Baixar ferramenta agora e selecione Executar . Você precisa ser administrador para executar esta ferramenta. Se você concordar com os termos de licença, selecione Aceitar . Na página O que você deseja fazer? selecione Criar mídia de instalação para um outro computador e selecione Avançar . Selecione o idioma, a edição e a arquitetura (64 bits ou 32 bits) do Windows 10. Esta tabela ajudará você a decidir qual edição do Windows 10 escolher: Sua edição atual do Windows Edição do Windows 10 Windows 7 Starter Windows 7 Home Basic Windows 7 Home Premium Windows 7 Professional Windows 7 Ultimate Windows 8/8.1 Windows 8.1 with Bing Windows 8 Pro Windows 8.1 Pro Windows 8/8.1 Professional with Media Center Windows 8/8.1 Single Language Windows 8 Single Language with Bing Windows 10 Home Windows 10 Pro Windows 10 Windows 8/8.1 Chinese Language Edition Windows 8 Chinese Language Edition with Bing Windows 10 Home China​ Selecione a mídia que você deseja usar: Pen drive. Conecte um pen drive vazio com, pelo menos, 8GB de espaço. Todo conteúdo do pen drive será excluído. Arquivo ISO. Salve um arquivo ISO em seu computador, que pode ser usado para criar um DVD. Depois que o arquivo é baixado, você pode ir até o local em que o arquivo foi salvo ou selecionar Abrir gravador de DVD e seguir as instruções para gravar o arquivo em um DVD. Para mais informações sobre o uso de um arquivo ISO, consulte Métodos adicionais para usar o arquivo ISO para instalar o Windows 10 na seção abaixo. Depois que a mídia de instalação estiver criada, siga as etapas abaixo para usá-las. Como usar a mídia de instalação que você criou (clique para exibir mais ou menos informações) Antes de instalar o Windows 10, é recomendável salvar qualquer trabalho ou fazer backup do seu computador antes de começar. Se você usou a ferramenta de criação de mídia para baixar um arquivo ISO para o Windows 10, você precisará gravá-lo em um DVD antes de seguir estas etapas. Insira o pen drive ou o DVD no computador em que você deseja instalar o Windows 10. Reinicie o computador e pressione qualquer tecla para inicializar a partir do pen drive ou do DVD. Quando você reinicia o computador e sua versão atual do Windows é iniciada, você pode ter de abrir um menu de inicialização ou alterar a ordem de inicialização nas configurações do BIOS ou UEFI do seu computador para que ele seja iniciado a partir da mídia. Para abrir um menu de inicialização ou alterar a ordem de inicialização, você normalmente precisa pressionar uma combinação de teclas (como F2, F12, Excluir ou Esc) imediatamente depois de ligar o computador. Para obter instruções sobre como mudar a ordem de inicialização do seu computador, verifique a documentação que acompanha o seu computador ou acesse o site do fabricante. Se a mudança do menu ou da ordem de inicialização não funcionar, tente novamente entrando no Windows, desligando e iniciando o seu computador. Na página Instalar o Windows , selecione o seu idioma, hora e preferências de teclado e, em seguida, selecione Avançar . Selecione Instalar o Windows . Métodos adicionais para usar o arquivo ISO para instalar o Windows 10 (clique para exibir mais ou menos informações) Se você baixou um arquivo ISO para o Windows 10, o arquivo é salvo no local que você selecionou. Caso você tenha um programa de gravação de DVD de terceiros instalado em seu computador que você prefira usar para criar o DVD de instalação, esse programa deve ser aberto indo até o local em que o arquivo está salvo e clicando duas vezes no arquivo ISO. Outra opção é clicar com o botão direito no arquivo ISO, selecionar Abrir com e escolher o software de gravação de DVD preferido. Se você deseja usar o Gravador de Imagem de Disco do Windows para criar um DVD de instalação, vá até o local em que o arquivo ISO está salvo. Clique com o botão direito no arquivo ISO e selecione Propriedades . Na guia Geral, clique em Alterar e selecione o Windows Explorer para o programa que você gostaria de usar para abrir os arquivos ISO e selecione Aplicar . Clique duas vezes no arquivo ISO e selecione Gravar imagem de disco . Se você deseja instalar o Windows 10 diretamente do arquivo ISO sem usar um DVD ou pen drive, você pode fazer isso montando o arquivo ISO. Isso executará uma atualização do seu sistema operacional atual para o Windows 10. Para montar o arquivo ISO: Vá até o local em que o arquivo ISO está salvo, clique com o botão direito sobre o arquivo ISO e selecione Propriedades . Na guia Geral, clique em Alterar... e selecione o Windows Explorer para o programa que você gostaria de usar para abrir os arquivos ISO e selecione Aplicar . Clique com o botão direito sobre o arquivo ISO e selecione Montar . Clique duas vezes no arquivo ISO para visualizar os arquivos dentro dele. Clique duas vezes em setup.exe para iniciar a instalação do Windows 10. Mais opções para download Entre no Centro de Serviços de Licenciamento por Volume para baixar as edições Enterprise. Entre com a sua assinatura no Portal do MSDN para obter downloads do MSDN. Visite o site do Programa Windows Insider para baixar versões prévias do Insider Preview. Visite a página Baixar os produtos acadêmicos para obter as edições Education (chave de produto necessária). Enviar comentários Selecione uma opção. Estas informações foram úteis? Sim Não Um pouco Selecione uma opção. Quanto esforço você aplicou pessoalmente para usar este site? Muito baixo Baixo Moderado Alto Muito alto Diga-nos o que podemos fazer para melhorar este site Agradecemos os seus comentários relevantes. Enviar *O uso das ferramentas de criação de mídia neste site é regido pelos Termos de Uso da Microsoft para este site. Novidades Xbox One X Aplicativos do Windows 10 Aplicativos do Office Store e Suporte Perfil da conta Centro de Download Vendas e suporte Devoluções Acompanhamento de pedidos Suporte Educação Microsoft na educação Office para estudantes Office 365 para escolas Ofertas para estudantes e educadores Microsoft Azure na Educação Corporativo Microsoft Azure Corporativo Plataforma de dados Recursos para parceiros da Microsoft Produção e Recursos Serviços Financeiros Desenvolvedor Microsoft Visual Studio Centro de Desenvolvimento do Windows Rede de Desenvolvedores TechNet Microsoft Virtual Academy Programa de desenvolvedores da Microsoft Channel 9 Centro de Desenvolvimento do Office Empresa Carreiras Sobre a Microsoft Notícias da empresa Privacidade na Microsoft Investidores Diversidade e inclusão Segurança Português (Brasil) Fale Conosco Política de Privacidade Nota Legal Marcas Sobre os nossos anúncios © Microsoft 2018



http://conectas.org/pt/acoes/midia/noticia
  Conectas Direitos Humanos Busca Avançada Por Eng Doe Agora Quem Somos Missão Programas Transparência Equipe Conselho Apoio e parceiros Oportunidades FAQ Ações Política Externa Justiça Empresas e DHS STF em Foco Colóquio Revista SUR Contato Fale Conosco Mídia Boletim Inicial Ações Mídia Boletim Notícias 18/10/2017 Mídia A perpetuação da violência policial pelo sistema de Justiça Artigo de Rafael Custódio ... STF em Foco Colóquio Revista SUR Contato Fale Conosco Mídia Boletim Inicial Ações Mídia Boletim Notícias 18/10/2017 Mídia A perpetuação da violência policial pelo sistema de Justiça Artigo de Rafael Custódio e Henrique Apolinário publicado no boletim do Ibccrim Leia Mais 18/10/2017 Mídia Estadão :: Entidades recorrem à ONU contra decreto sobre trabalho escravo Conectas na Mídia Leia Mais 17/10/2017 Mídia Agência Brasil :: MPF e MPT recomendam revogação de portaria que muda regras do trabalho CACHE

Conectas Direitos Humanos Busca Avançada Por Eng Doe Agora Quem Somos Missão Programas Transparência Equipe Conselho Apoio e parceiros Oportunidades FAQ Ações Política Externa Justiça Empresas e DHS STF em Foco Colóquio Revista SUR Contato Fale Conosco Mídia Boletim Inicial Ações Mídia Boletim Notícias 18/10/2017 Mídia A perpetuação da violência policial pelo sistema de Justiça Artigo de Rafael Custódio e Henrique Apolinário publicado no boletim do Ibccrim Leia Mais 18/10/2017 Mídia Estadão :: Entidades recorrem à ONU contra decreto sobre trabalho escravo Conectas na Mídia Leia Mais 17/10/2017 Mídia Agência Brasil :: MPF e MPT recomendam revogação de portaria que muda regras do trabalho escravo Conectas na Mídia Leia Mais 16/10/2017 Mídia UOL :: Temer sancionou lei: Justiça Militar vai julgar crimes de membros das Forças Armadas Conectas na Mídia Leia Mais 10/10/2017 Mídia Lista de vencedores Confira os premiados do 39° Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos Leia Mais 05/10/2017 Mídia Via Quatro :: Passeio cultural na Linha 4-Amarela Conectas na Mídia Leia Mais 05/10/2017 Mídia Rede Brasil Atual :: ONU lança guia sobre como agir diante de violações em protestos Conectas na Mídia Leia Mais 02/10/2017 Mídia UOL :: Julgamento de militares não deve ser diferenciado, dizem analistas Conectas na Mídia Leia Mais 21/09/2017 Mídia Sputnik News :: O mundo está de olho: tortura nas prisões brasileiras é recorrente e generalizada Conectas na Mídia Leia Mais 20/09/2017 Mídia Folha de S. Paulo :: Em NY, ministro diz que Mariana foi 'fatalidade' e defende fim da Renca Conectas na Mídia Leia Mais 18/09/2017 Mídia Estadão :: MPF e entidades brasileiras cobram governo Alckmin na ONU por não combater tortura Conectas na Mídia Leia Mais 11/09/2017 Mídia Folha de S. Paulo :: Brasil atrasa ratificação de tratado que regula comércio de armas Conectas na Mídia Leia Mais 11/09/2017 Mídia Estadão :: Na ONU, governo rejeita definição de matrimônio proposta pelo Vaticano Conectas na Mídia Leia Mais 04/09/2017 Mídia 4º Curso Jornalismo e Direitos Humanos Confira a lista dos 20 estudantes selecionados para quarta edição do módulo do Repórter do Futuro Leia Mais 31/08/2017 Mídia Folha de S. Paulo :: CNJ resgatou minha honra e deu recado à Justiça, diz juíza censurada Conectas na Mídia Leia Mais 31/08/2017 Mídia Globo News :: SP tem só cinco aparelhos de scanner para revistas em 168 presídios Conectas na Mídia Leia Mais 28/08/2017 Mídia Sputnik News :: 'Venezuelanos procuram o Brasil para sobreviver' Conectas na Mídia Leia Mais 24/08/2017 Mídia Folha de S. Paulo :: Romero Jucá propõe que Brasil negue refúgio a venezuelanos Conectas na Mídia Leia Mais 21/08/2017 Mídia Jovem Pan :: Sistema prisional passa por problema de encarceramento em massa Conectas na Mídia Leia Mais 19/08/2017 Mídia Agência Brasil :: Rompimento de contrato deixa São Paulo sem tornozeleiras eletrônicas Conectas na Mídia Leia Mais Primeira 1 2 3 Última Contato para jornalistas Leonardo de Medeiros Coordenador | Coordinator leonardo.medeiros@conectas.org Tel. 55 11 3884 7440 Cel. 55 11 99323 7516 João Paulo Brito Assessor | Officer joao.brito@conectas.org Tel. 55 11 3884 7440 Cel. 55 11 99191 8433 Luiza Bodenmüller Assessora | Officer luiza.bodenmuller@conectas.org Tel. 55 11 3884 7440 Cel. Sara Baptista Estagiária | Intern sara.baptista@conectas.org Tel. 55 11 3884 7440 Cel. PDF Imagens Podcasts Videos Conectas Direitos Humanos Conectas Direitos Humanos é uma organização não governamental internacional, sem fins lucrativos, fundada em setembro de 2001 em São Paulo – Brasil. Sua missão é promover a efetivação dos direitos humanos e do Estado Democrático de Direito, no Sul Global - África, América Latina e Ásia. Assine nossa Newsletter Acompanhe o RSS da Conectas Ouça nossos Podcasts © 2017 - Conectas Direitos Humanos - São Paulo - SP - Brasil - Tel/Fax +55 11 3884-7440 - Caixa Postal nº 781 CEP: 01032-970 - São Paulo - SP Política de Privacidade



https://pt.wikipedia.org/wiki/Invas%C3%A3o_do_Iraque_em_2003
  Invasão do Iraque em 2003 – Wikipédia, a enciclopédia livre Invasão do Iraque em 2003 Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Invasão do Iraque Parte da Guerra do Iraque Dois tanques de guerra americanos M1 Abrams das forças de ocupação da Coalizão em frente ao monumento das 'Mãos da Vitória', no centro de Bagdá, em 2003. Data 20 de março – 1 de maio de 2003 Local Iraque ... 2003) 4 Análise 5 Perdas 5.1 Mortes 5.2 Alegações de crimes de guerras 6 Cobertura da mídia 6.1 Nos Estados Unidos 6.2 Mídia independente 6.3 Cobertura internacional 7 Referências 8 Ver também 9 ... Iraque. Naquele momento, graças a mídia (que era em sua maioria favorável a invasão), a maioria dos ... posteriormente executados por milicianos iraquianos. [ 116 ] Cobertura da mídia [ editar | editar código ... a mídia era praticamente toda em favor da guerra e a maioria da população que acompanhava a guerra pela CACHE

Invasão do Iraque em 2003 – Wikipédia, a enciclopédia livre Invasão do Iraque em 2003 Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Invasão do Iraque Parte da Guerra do Iraque Dois tanques de guerra americanos M1 Abrams das forças de ocupação da Coalizão em frente ao monumento das 'Mãos da Vitória', no centro de Bagdá, em 2003. Data 20 de março – 1 de maio de 2003 Local Iraque Desfecho Vitória da Coalizão O regime baathista de Saddam Hussein é derrubado do poder. Ocupação do Iraque e estabelecimento de um novo governo. [ 1 ] Tensões religiosas e sectárias levam ao surgimento de movimentos insurgentes que mergulham o país em uma guerra civil. Combatentes Forças da Coalizão : Estados Unidos Reino Unido Austrália Polônia Apoio militar: Congresso Nacional Iraquiano [ 2 ] [ 3 ] Peshmerga PDC UPC Iraque Voluntários árabes estrangeiros [ 4 ] [ 5 ] Ansar al-Islam Principais líderes George W. Bush Tommy Franks Tony Blair Brian Burridge John Howard Aleksander Kwaśniewski Leszek Miller Massoud Barzani Babakir Zebari Jalal Talabani Kosrat Rasul Ali Ahmad Chalabi Saddam Hussein Qusay Hussein Uday Hussein Abid Hamid Mahmud Ali Hassan al-Majid Barzan Ibrahim Izzat Ibrahim al-Douri Ra'ad al-Hamdani Abu Musab al-Zarqawi Forças 380 000 combatentes: [ 6 ] 192 000 soldados [ 7 ] 45 000 soldados 2 000 soldados 194 soldados [ 8 ] 70 000 combatentes [ 9 ] Forças Armadas Iraquianas : 375 000 soldados Guarda Republicana : 70 000 – 90 000 soldados Fedayeen Saddam : 30 000 combatentes Ansar al-Islam : 600 - 800 combatentes Vítimas Coalizão: 172 soldados mortos (139 americanos, 33 britânicos) [ 10 ] 551 feridos (americanos) [ 11 ] Peshmerga : + 24 mortos [ 12 ] Militares : 30 000 combatentes mortos (segundo os americanos) 7 600 – 11 000 combatentes mortos (segundo um estudo alternativo) [ 13 ] [ 14 ] 13 500 – 45 000 combatentes mortos (outra estimativa) [ 15 ] Perdas civis : 7 269 iraquianos mortos [ 16 ] 3 200 - 4 300 (segundo um estudo alternativo) [ 13 ] A Invasão do Iraque em 2003 , que começou a 20 de março de 2003 e terminou em 1 de maio do mesmo ano, foi a primeira etapa do que se tornaria um longo conflito, a Guerra do Iraque . Foi lançada com o nome de 'Operação Liberdade do Iraque' pelos Estados Unidos e aconteceu no contexto da Guerra Global contra o Terrorismo . A invasão durou apenas 21 dias e foi bem sucedida. Os americanos receberam apoio militar do Reino Unido , da Austrália e da Polônia . O objetivo era derrubar o regime baathista de Saddam Hussein . A fase da invasão do conflito foi curta e consistiu em combate convencional e na ocupação de boa parte do Iraque , resultando na destituição do governo que estava no poder. A ditadura de Saddam entrou em colapso logo após a queda de Bagdá . Apenas quatro países enviaram tropas na fase de invasão, que foi de 19 de março a 1 de maio de 2003. Os Estados Unidos contribuiu com a maior força (148 000 soldados) que formavam a vanguarda da Coalizão. O Reino Unido enviou 45 000 militares a frente de batalha, a Austrália 2 000 e a Polônia apenas 194 soldados (a maioria forças especiais). Outras 36 nações contribuíram com tropas e observadores após a invasão ter sido concluída. O Kuwait e a Arábia Saudita ofereceram seus territórios para apoiar as forças aliadas. [ 17 ] No norte do Iraque, a milícia curda conhecida como Peshmerga também apoiou a invasão incondicionalmente. De acordo com o presidente dos Estados Unidos , George W. Bush , e com o primeiro-ministro do Reino Unido , Tony Blair , a missão da coalizão era 'desarmar o regime iraquiano, encerrar o apoio de Saddam Hussein a organizações terroristas e libertar o povo iraquiano'. [ 18 ] Os motivos citados para a guerra, contudo, foram controversos. O general americano Wesley Clark , um ex comandante da OTAN e diretor do Gabinete de Estratégia e Política, descreveu no seu livro Winning Modern Wars ('Vencendo Guerras Modernas', lançado em 2003), conversas com oficiais de alta patente do Pentágono após os atentados terroristas de 11 de setembro , sobre o planejamento de invadir sete países do Oriente Médio em um período de cinco anos. Ele falou: 'enquanto eu caminhava pelo Pentágono em novembro de 2001, um dos oficiais graduados das forças armadas tinha um tempo para conversar. 'Sim, nós ainda estamos seguindo com os planos para o Iraque', ele me disse. Mas ele foi além. Isso tudo era parte de uma campanha de cinco anos, ele falou, e havia planos para atacar sete países, começando pelo Iraque, então a Síria, o Líbano, a Líbia, o Irã, a Somália e o Sudão'. [ 19 ] Nada disso foi confirmado, mas a liderança militar americana realmente lançou uma agenda de campanhas militares após o 11 de setembro, com o intuito de combater o terrorismo . [ 20 ] [ 21 ] De acordo com os britânicos, o que impulsionou o conflito foi o fracasso do Iraque em se dispor a se desarmar de todo o seu arsenal nuclear, químico e biológico, que os americanos e seus aliados ingleses acreditavam ser uma ameaça a paz global. [ 22 ] Em 2005, um relatório divulgado pela Central Intelligence Agency (CIA) reportou que, desde 1991, o Iraque não tinha nenhum programa ativo para construção de armas de destruição em massa . [ 23 ] Além dos supostos programas de armas de destruição em massa, outra acusação feita contra o Iraque era de que o regime de Saddam apoiava e financiava grupos terroristas, como a al Qaeda . Apesar da ausência de provas que realmente comprovassem tal ligação , em uma pesquisa de opinião feita em janeiro de 2003 pela rede CBS afirmava que 64% dos americanos apoiavam uma ação militar contra o regime iraquiano . Contudo, 63% dos entrevistados afirmavam que preferiram que Bush tivesse buscado uma saída diplomática e pelo menos 62% acreditavam que esta guerra aumentaria a ameaça do terrorismo contra o país. [ 24 ] A invasão do Iraque foi fortemente criticada por velhos aliados dos Estados Unidos, como a França, a Alemanha e a Nova Zelândia, e muitos países da OTAN se recusaram a enviar tropas em apoio aos americanos. [ 25 ] Os líderes dessas nações argumentaram que não havia provas que comprovassem que as acusações feitas pelos americanos eram reais e que um ataque ao país seria uma violação da lei internacional . Nos meses anteriores ao conflito houve grandes protestos por várias cidades do mundo. Estas acabaram sendo as maiores manifestações antiguerra da história até então. [ 26 ] Mesmo com todas as controvérsias, a invasão começou em março de 2003 com enormes bombardeios aéreos contra Bagdá (mirando especialmente os ostentosos palácios presidências de Saddam), além de outros alvos de importância militar pelo país. Após apenas um dia de ataques aéreos, a Coalizão lançou uma incursão terrestre em larga escala pelo sul, avançando principalmente pela província de Baçorá , através da fronteira kuwaitiana. Os campos petrolíferos do sul foram uma das prioridades iniciais, com tropas especiais sendo enviadas para toma-los. A força de ataque principal, formado primordialmente pelo exército dos Estados Unidos e do Reino Unido , ocupou o sul e partiu para a região central do Iraque, onde a capital do país ficava. Várias batalhas de pequena, média e até grande intensidade foram travadas no caminho. Um dos maiores confrontos aconteceram em Nassíria , onde houve pesadas baixas em ambos os lados. Porém, na maioria das batalhas, a resistência foi menor que a esperada, especialmente devido a superioridade tecnológica dos países ocidentais. Os ataques aéreos foram muito bem sucedidos, destruindo a infraestrutura militar iraquiana e assim desarticulando as forças do regime. No norte, mais unidades de elite americanas atuaram em missões especiais, apoiados por milícias curdas , e tomaram importantes cidades da região, como Quircuque e Ticrite . A principal coluna dos exércitos aliados focaram na região central do Iraque e partiram em direção a capital, Bagdá . A resistência foi abaixo da esperada. A maioria das unidades militares iraquianas foram rapidamente sobrepujadas e a capital caiu a 9 de abril de 2003. Outras operações aconteceram no norte e no oeste iraquianos e foram igualmente bem sucedidas. Com o colapso do regime, Saddam Hussein, seus dois filhos ( Uday e Qusay ) e as principais cabeças do seu governo fugiram e se esconderam para evitar a captura pelas forças de ocupação da Coalizão. Em 1 de maio, o presidente Bush declarou encerradas as principais operações militares no Iraque. Contudo, a guerra não se encerraria, com o país sendo engolido em um mar de violência sectária e religiosa que ceifaria centenas de milhares de vidas. [ 27 ] Em dezembro de 2011, os Estados Unidos retiraram suas tropas do território iraquiano depois de oito anos de ocupação. A invasão de 2003 do Iraque foi uma das maiores guerras entre exércitos convencionais da história recente, onde pelo menos 1 000 soldados foram mortos em batalhas. [ 28 ] Índice 1 Prelúdio 1.1 Preparações para a guerra 2 Aspectos militares 2.1 Apoio multilateral 2.2 Força de invasão 2.3 Preparações finais 2.4 Força oposta 3 A invasão 3.1 As primeiras bombas 3.2 Ataque inicial 3.2.1 Batalha de Nassíria 3.2.2 Batalha de Najafe 3.2.3 Batalha de Baçorá 3.3 Batalha de Carbala 3.4 Operações especiais 3.5 A queda de Bagdá (Abril de 2003) 3.6 Combates em outras regiões 3.7 Declarado o fim do conflito (Maio de 2003) 4 Análise 5 Perdas 5.1 Mortes 5.2 Alegações de crimes de guerras 6 Cobertura da mídia 6.1 Nos Estados Unidos 6.2 Mídia independente 6.3 Cobertura internacional 7 Referências 8 Ver também 9 Ligações externas Prelúdio [ editar | editar código-fonte ] O general Anthony C. Zinni durante uma coletiva de imprensa no Pentágono falando sobre a Operação Desert Fox , em 21 de dezembro de 1998 A primeira Guerra do Golfo terminou em 28 de fevereiro de 1991, com um cessar-fogo negociado entre a Coalizão da ONU e o Iraque. [ 29 ] Os Estados Unidos e seus aliados queriam manter as forças militares de Saddam sob pressão e debilitadas através das operações Southern Watch e Northern Watch , que foi conduzido por uma força tarefa com aviões americanos, britânicos, sauditas e franceses. Para enfraquecer ainda mais o regime, foram impostas severas sanções econômicas ao país. O Iraque conduzia, desde os anos 80, um programa de armas biológicas . De início, os Estados Unidos e a Europa apoiaram Saddam em suas pesquisas. Detalhes sobre os programas de armas de destruição em massa do Iraque foram revelados após a guerra do Golfo (1990–91) após uma investigação feita pela Comissão Especial das Nações Unidas (UNSCOM) que também foi responsável por tentar forçar o desarmamento de Hussein. Investigações feitas pela UNSCOM afirmaram que o Iraque abandonou seu programa de armas químicas e biológicas nos anos 90. Os Estados Unidos e seus aliados então mantiveram uma política de ' contenção ' contra o Iraque. Foi adotada uma política de sanções econômicas , aprovadas pelo Conselho de Segurança da ONU . aeronaves ocidentais e árabes impuseram zonas de exclusão aéreas no norte e sul para evitar massacres étnicos contra curdos e xiitas. Várias tentativas de inspeções de instalações militares e de pesquisa foram feitas. Aviões e helicópteros militares iraquianos ocasionalmente desafiavam a zona de exclusão, e algumas destas aeronaves acabaram sendo abatidas. Esporadicamente, os americanos e britânicos bombardeavam alvos pelo Iraque, durante toda a década de 1990 . [ 30 ] [ 31 ] Inspetores da ONU no Iraque, em 2002 Em outubro de 1998, os Estados Unidos fizeram de remover Hussein do poder uma de suas prioridades de política externa , através do Iraq Liberation Act ('Ato de Libertação do Iraque'). Aprovado após a expulsão dos inspetores de armas da ONU (que os iraquianos acusaram de espionagem), o ato autorizou um programa de ajuda, na forma de US$ 97 milhões de dólares a 'organizações de oposição democrática' no Iraque a fim de estabelecer um programa de apoio para uma 'transição para democracia'. Esta legislação não era apoiada pela Resolução 687 da ONU, que focava apenas em desarmar o regime e não mencionava mudanças no governo daquele país. [ 32 ] Um mês após a aprovação da 'lei de libertação do Iraque', os Estados Unidos lançaram uma enorme campanha de bombardeios contra o centro do Iraque, na chamada Operação Desert Fox . A campanha focava em debilitar o governo de Saddam Hussein e seus programas de criação de armas destruição em massa. [ 33 ] Caças F-15C durante a Operação Southern Watch , em 2000 Com a eleição de George W. Bush para o cargo de presidente em 2000 , os Estados Unidos mudaram sua política para o Iraque, se tornando mais agressivos. Durante a campanha, o Partido Republicano prometeu uma postura mais dura com Saddam e que colocariam em movimento planos para derruba-lo em definitivo do poder. [ 34 ] Após deixar a administração Bush , o então secretário do tesouro, Paul O'Neill, disse que já havia planos de derrubar o governo de Hussein do poder desde antes de Bush tomar posse e que já na primeira reunião do Conselho de Segurança Nacional já havia discussões sobre invadir o Iraque. O'Neill depois meio que voltou atrás, afirmando que essas discussões faziam parte de um contínuo processo da política externa americana, iniciada durante a administração Clinton . [ 35 ] Apesar do claro desejo da administração Bush de invadir o Iraque, o país não foi a prioridade inicial do governo americano nos primeiros meses de 2001. Contudo, tudo mudou após os atentados terroristas de 11 de setembro . De acordo com Richard A. Clarke , ex conselheiro de segurança nacional, o governo Bush estava determinado a provar uma relação entre a organização terrorista al-Qaeda (que havia perpetrado os ataques de 11 de setembro) e o regime de Saddam Hussein. Clarke e outros analistas e especialistas em contra-terrorismo afirmaram que, com quase toda a certeza, não havia envolvimento iraquiano nos atentados. [ 36 ] O Secretário de defesa americano, Donald Rumsfeld , não acatou os dados disponibilizados pela Agência de Segurança Nacional (NSA) de que a al-Qaeda era a única responsável pelos a tentados e ordenou que o Pentágono começasse a preparar planos de invasão do Iraque. [ 37 ] De acordo com funcionários do Comando Central Militar, Rumsfeld apenas perguntava: 'melhor informação, rápido. Pense se é boa o bastante para atingir Saddam Hussein ao mesmo tempo. Não apenas Osama bin Laden '. [ 38 ] Um memorando escrito pelo secretário de defesa Rumsfeld, em novembro de 2001, já considerava um ataque ao Iraque como parte da Guerra ao Terror . [ 39 ] A racionalização de invadir o Iraque como uma resposta aos atentados de 11 de setembro foi altamente criticada, especialmente devido a ausência de provas concretas que ligassem Saddam Hussein a al-Qaeda . [ 40 ] Logo após os atentados de 11 de setembro de 2001 (precisamente nove dias depois), o presidente Bush fez um discurso perante o Congresso dos Estados Unidos (transmitido pela televisão) em que ele anunciou o lançamento da ' Guerra Global ao Terrorismo '. No discurso, ele afirmou que não hesitaria em ordenar 'ataques preventivos' contra organizações inimigas ao ocidente e que não faria distinção entre os terroristas e as nações que os apoiavam. Isso ficou mais tarde conhecido como a ' Doutrina Bush '. Alegações de que Saddam Hussein e a al-Qaeda seriam aliados foram feitas por membros do governo americano , que afirmavam que havia informações suficientes que provavam que a Mukhabarat (o serviço secreto iraquiano) tinha mantido contato com terroristas islâmicos entre 1992 e 2003. Alguns conselheiros da administração Bush haviam defendido uma imediata invasão do Iraque como reposta ao 11 de setembro, enquanto outros defendiam a criação de uma coalizão internacional para ajudar os Estados Unidos e que eles só deveriam agir com a autorização da ONU. Bush preferiu ir devagar e colaborar com as Nações Unidas, enquanto não descartava a possibilidade de invadir sem consentimento da comunidade internacional. [ 41 ] Preparações para a guerra [ editar | editar código-fonte ] O então presidente americano George W. Bush falando no plenário da Assembleia Geral das Nações Unidas em 12 de setembro de 2002. No discurso ele falava sobre as queixas dos americanos sobre as atitudes do governo iraquiano Apesar de conversas sobre ações contra o Iraque, a administração Bush esperou até setembro de 2002 para começar a argumentar por uma invasão ao território iraquiano. O Chefe de Gabinete da Casa Branca , Andrew Card afirmou que 'de um ponto de vista de marketing, você não introduz novos produtos em agosto'. Em um discurso no Conselho de Segurança das Nações Unidas , o presidente Bush começou formalmente a defender perante a Comunidade Internacional diversas ações energéticas contra o Iraque. [ 42 ] Os chefes de Estado das principais potências do G8 durante uma reunião na França. Da esquerda para a direita: o presidente francês Jacques Chirac , o americano George W. Bush e os primeiros ministros Tony Blair , do Reino Unido, e Silvio Berlusconi , da Itália. Deste, apenas Chirac não apoiou a invasão Aliados chave dos Estados Unidos dentro da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), como o Reino Unido , concordaram com os planos americanos, enquanto a França e a Alemanha se posicionaram contra uma eventual invasão ao Iraque, argumentando que as inspeções e a diplomacia deveriam ter prioridade. Após muito debate, o Conselho de Segurança da ONU aprovou uma resolução (de número 1441), que autorizava o retorno dos inspetores ao país e prometeu 'sérias consequências' caso o regime não aceitasse. A França e a Rússia haviam deixado claro que eles não consideravam que uma ação militar direta para derrubar Saddam do poder como uma dessas consequências. [ 43 ] Tanto o embaixador americano na ONU, John Negroponte , e o do Reino Unido, Jeremy Greenstock , acreditavam que a Resolução 1441 não aprovava diretamente uma invasão, sem outra resolução em separado. [ 44 ] A Resolução 1441 dava ao Iraque uma 'oportunidade final para cumprir sua obrigação de desarmamento' e estabeleceu o retorno das inspeções feitas pela Comissão das Nações Unidas de Vigilância, Verificação e Inspeção (UNMOVIC) e pela Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA). Hussein aceitou a resolução a 13 de novembro e os inspetores retornaram ao Iraque, sob coordenação do chefe da UNMOVIC, Hans Blix , e do diretor geral da AIEA, Mohamed ElBaradei . Em fevereiro de 2003, a AIEA afirmou que não havia encontrado qualquer evidência de que os iraquianos tinham um programa nuclear em andamento. Eles ainda completaram dizendo que itens que poderiam ser usados para fabricação de bombas atômicas, como tubos de alumínio, estavam sendo usados para outros fins. [ 45 ] Já a UNMOVIC disse que igualmente não havia provas de que o Iraque havia recomeçado seu programa de armas de destruição em massa. A UNMOVIC havia supervisionado, na década de 1990, a destruição dos últimos arsenais de armamento químico e biológico de Saddam. [ 46 ] [ 47 ] [ 48 ] Em outubro de 2002, o Congresso dos Estados Unidos passou a 'Resolução Conjunta para Autorizar a utilização das Forças Armadas dos Estados Unidos contra o Iraque'. Esta resolução autorizava o presidente a 'usar todos os meios necessários' contra o Iraque. Naquele momento, graças a mídia (que era em sua maioria favorável a invasão), a maioria dos americanos acreditavam que uma invasão do Iraque era no melhor interesse do país. Em fevereiro de 2003 (um mês antes da guerra começar), cerca de 64% dos americanos apoiavam uma ação militar para derrubar Hussein do poder. [ 24 ] Manifestantes antiguerra em Londres, 2002 No Discurso sobre o Estado da União de 2003, o presidente Bush afirmou: 'nós sabemos que o Iraque, no fim da década de 1990, tinha vários laboratórios móveis de armas biológicas'. [ 49 ] A 5 de fevereiro de 2003, o Secretário de Estado Colin Powell falou a Assembléia Geral da ONU , continuando o esforço americano de conseguir apoio da comunidade internacional para apoiar uma invasão. Na apresentação ele mostrou imagens digitais de caminhões que seriam os laboratórios móveis, dados de que Saddam havia tentado comprar equipamentos no exterior para construção de material nuclear e outras provas. Já na época, a conclusividade dessas evidências foi muito questionada. Posteriormente, muitos dos dados apresentados seriam até completamente desacreditados. Nesse meio tempo, protestos antiguerra aconteceram em dezenas de países no mundo. Em fevereiro de 2003, ocorreu em São Francisco , Califórnia , um dos maiores protestos antiguerra nos Estados Unidos . Entre 60 000 e 200 000 pessoas se manifestaram contra o conflito Na ONU, Powell também falou sobre a relação entre o Iraque e a al-Qaeda e apresentou provas para sustentar sua argumentação. Após o discurso de Powell, os Estados Unidos, a Polônia, a Itália, a Austrália, a Dinamarca, o Japão e a Espanha propuseram uma nova resolução nas Nações Unidas, que dessa vez autorizasse o uso da força contra o Iraque. Contudo, alguns membros da OTAN, como o Canadá, a França e a Alemanha fortemente se opuseram. A Rússia, outra superpotência e com um assento permanente no Conselho de Segurança, afirmou que vetaria qualquer resolução que aprovasse a guerra. Esses países pediram que a diplomacia fosse a prioridade. Frente a tão forte oposição, os países da Coalizão, liderada pelos americanos, desistiram de tentar outra resolução. O presidente Bush então afirmou que poderia agir, com ou sem o consentimento da comunidade internacional. [ 50 ] [ 51 ] A oposição a guerra não só aconteceu no campo diplomático. Milhares de pessoas foram as ruas entre fevereiro e março de 2003 para protestar contra o conflito. No dia 15 de fevereiro, entre 6 e 10 milhões de pessoas saíram para protestar em mais de 800 cidades pelo mundo, fazendo deste o maior protesto em escala global da história até então. [ 26 ] Em março de 2003, os Estados Unidos, o Reino Unido, a Polônia, a Austrália, a Espanha, a Dinamarca e a Itália começaram a se preparar para a guerra, tanto no campo diplomático quanto no militar. A 17 de março de 2003, falando em rede nacional de televisão, o presidente Bush exigiu que Saddam Hussein e seus dois filhos, Uday e Qusay , deixassem o Iraque em 48 horas ou enfrentariam uma ação militar direta. [ 52 ] Contudo, os Estados Unidos e seus aliados começariam a bombardear o Iraque um dia antes do fim desta data limite, precisamente a 18 de março. Diferente da primeira Guerra do Golfo, a ONU não deu nenhum tipo de parecer ou resolução autorizando a guerra. No Reino Unido, a Câmara dos Comuns debateu incessantemente se aprovaria ou não a participação britânica na guerra. Finalmente, a 18 de março de 2003 a moção foi aprovada por 412 votos a favor e 149 contra. [ 53 ] Esta votação foi um dos momentos decisivos no governo do primeiro-ministro Tony Blair , onde ele apostou um enorme capital político na causa, arriscando o seu governo também, já que alguns parlamentares do seu próprio partido votaram contra e ainda havia uma enorme rejeição dentre a população britânica sobre o conflito no Iraque. Três ministros de Estado de Blair renunciaram em protesto contra a guerra: John Denham, Philip Hunt e o líder da Câmara dos Comuns Robin Cook . Aspectos militares [ editar | editar código-fonte ] A missão dos Estados Unidos foi feita, inicialmente, sob o codinome Operation Iraqi Liberation ('Operação Libertação do Iraque). [ 54 ] O nome foi depois mudado para Operation Iraqi Freedom ('Operação Liberdade do Iraque'), devido a similaridade do acrônimo do primeiro nome (OIL) com a palavra 'petróleo' em inglês ('oil'). O Reino Unido chamou sua parte no conflito de Operação Telic . [ 55 ] Apoio multilateral [ editar | editar código-fonte ] Em novembro de 2002, o presidente George W. Bush, durante uma reunião da OTAN , afirmou que se Saddam Hussein escolhesse não se desarmar, os Estados Unidos iriam liderar a chamada ' coalizão dos dispostos ' para desarma-lo a força. [ 56 ] O primeiro-ministro britânico Tony Blair (esquerda) e o presidente americano George W. Bush se reunindo em Camp David , em março de 2003. O Reino Unido foi o principal aliado dos Estados Unidos durante a invasão e no conflito posterior Nos meses seguintes, a administração Bush usou o termo 'coalizão dos dispostos' (' Coalition of the Willing ') para se referir aos países que apoiariam a invasão, militar ou verbalmente. A lista completa com o nome das nações aliadas foi apresentada ao público em março de 2003 e tinha 49 membros. [ 57 ] Destes, somente 6 (além dos Estados Unidos) enviaram tropas na fase de invasão da Guerra do Iraque (foram eles: Reino Unido, Austrália, Polônia, Espanha, Portugal e Dinamarca ). Os outros 33 enviaram soldados ou observadores apenas durante a fase de ocupação. Destes países da Coalizão, seis não tinham um exército formal. Força de invasão [ editar | editar código-fonte ] Os Estados Unidos mobilizaram cerca de 148 000 soldados para a invasão. O Reino Unido disponibilizou 45 000 combatentes, os australianos 2 000 e os espanhóis mais 1 300, além de 194 militares poloneses das forças especiais ( GROM ). [ 8 ] A invasão foi apoiada por milícias curdas iraquianas no norte, que tinham cerca de 70 000 paramilitares em suas fileiras. [ 9 ] Alguns grupos dissidentes armados no sul do Iraque também deram apoio aos Aliados. O Comando Central das Forças Armadas dos Estados Unidos afirmou, a 30 de abril de 2003, que o país havia, no total, mobilizado 466 985 militares para a Operação Liberdade do Iraque. Neste número incluía 54 955 da força aérea (mais 2 084 da reserva), 7 207 da guarda aérea nacional , 74 405 fuzileiros navais , 9 501 da força de reserva dos fuzileiros, cerca de 61 296 da marinha de guerra (incluindo 681 da guarda costeira ), 2 056 da reserva da marinha, além de 233 342 do exército , 10 683 reservistas e 8 866 homens da guarda nacional . [ 58 ] Planos para abrir uma segunda frente de batalha com infantaria pesada acabaram sendo canceladas após o governo da Turquia negar aos Estados Unidos o uso do seu território para atacar o Iraque. Os americanos tiveram então que lançar centenas de paraquedistas no norte do Iraque que, apoiados por uma divisão de infantaria, chegou a ter 15 000 homens no combate. [ 59 ] Preparações finais [ editar | editar código-fonte ] Modernos helicópteros UH-60 do exército dos Estados Unidos durante a invasão A Divisão de Operações Especiais da CIA já estavam no Iraque desde julho de 2002, meses antes da invasão. Sua missão era 'pavimentar o caminho' (através de várias atividades) para as forças armadas americanas. Os esforços dos agentes da CIA eram apoiados por membros das Forças Especiais americanas. Uma das principais missões era prepara e organizar as tropas curdas chamadas de Peshmerga . Além do regime, os curdos foram alistados para ajudar os aliados a lutar contra o grupo Ansar al-Islam , organização filiada a Al Qaeda , na região noroeste iraquiana. [ 60 ] [ 61 ] Os membros das equipes especiais aliadas realizaram missões de reconhecimento atrás das linhas inimigas para identificar alvos e oficiais valiosos. Os primeiros ataques aéreos miraram principalmente na liderança iraquiana, especialmente Saddam Hussein e seus generais. Apesar dos primeiros bombardeios não terem conseguido pegar Hussein ou seus comandantes, eles conseguiram atingir seus postos de controle e comando. Alguns generais, contudo, foram de fato mortos e isso atrapalhou a capacidade do exército iraquiano de reagir e manobrar contra as forças invasoras. [ 61 ] Uma das missões das forças especiais de infiltração era convencer (através de ameaças ou subornos) oficiais e comandantes do exército de Saddam a se render e dispersar suas unidades. Muitos aceitaram simplesmente ignorar a força invasora e não acatar ordens vindas do QG em Bagdá. [ 60 ] A Turquia , apesar de membro da OTAN, se recusou a aceitar que seu território fosse usado para a invasão. Por causa disso, as unidades especiais do exército e os paraquedistas americanos tiveram de usar o território curdo como base de operações, apoiados pela milícia Peshmerga , a fim de ter por onde atacar as tropas de Hussein no norte. Isso acabou tendo exito, já que o 5º Corpo da infantaria do exército iraquiano decidiu permanecer perto da região curda, ao invés de partir para o sul para ajudar a defender a capital. De acordo com o general Tommy Franks , um espião americano em Bagdá trabalhando como diplomata, ao ser abordado pela inteligência iraquiana, forneceu dados falsos ao regime. O espião (codinome April Fool ) disse aos oficiais do governo que ele tinha informações sigilosas e aceitou dinheiro para revela-las. A informação era, na verdade, um engodo e os iraquianos acabaram, baseado nos dados falsos, enviando tropas para o norte e para o oeste, ao invés do sul (de onde a invasão de fato veio). Isso acabou reduzindo muito a capacidade do Iraque de responder e facilitou o avanço das forças aliadas, via Kuwait . Força oposta [ editar | editar código-fonte ] Um tanque de guerra T-72 ( Asad Babil , ou 'Leão de Bagdá) do exército iraquiano O número total de militares servindo nas Forças Armadas do Iraque antes da guerra era incerto, mas acreditava-se que eram muito mal armados. [ 62 ] [ 63 ] [ 64 ] O Instituto Internacional para Estudos Estratégicos estimou que as forças de Saddam contavam com pelo menos 538 000 combatentes (375 000 no exército , 2 000 na marinha , 20 000 na força aérea e 17 000 na defesa antiaérea). Eram apoiados por forças paramilitares como os Fedayeen Saddam (com 44 000 combatentes) e a Guarda Republicana (80 000 soldados). [ 65 ] Outras estimativas afirmavam que o exército tinham entre 280 000 e 350 000 e a guarda republicana tinha entre 50 000 e 75 000, [ 66 ] enquanto as forças paramilitares tinham entre 20 000 e 40 000 combatentes. [ 67 ] Havia pelo menos treze divisões de infantaria, dez mecanizadas e blindadas, além de algumas forças especiais. A força aérea e a marinha iraquiana tiveram um papel pífio no conflito. Durante a invasão, combatentes estrangeiros foram ao Iraque, muitos através da Síria , para combater do lado dos Fedayeens. Não se sabe ao certo quantos guerrilheiros estrangeiros foram lutar em solo iraquiano em 2003, mas acreditava-se que metade dos combatentes no centro do Iraque não seriam originários do país. [ 68 ] [ 69 ] Além disso, militantes islâmicos curdos, como o grupo Ansar al-Islam controlavam algumas pequenas regiões no norte do Iraque, em áreas fora do controle de Saddam. A Ansar al-Islam havia lutado contra forças seculares do Curdistão desde 2001. Na época da invasão eles possuíam entre 600 e 800 combatentes. [ 70 ] O líder dos insurgentes islamitas era Abu Musab al-Zarqawi , que mais tarde se tornaria um dos grandes líderes da insurgência iraquiana . A invasão [ editar | editar código-fonte ] Os movimentos e avanços das forças aliadas durante a invasão Desde o fim da Guerra do Golfo em 1991, os Estados Unidos e o Reino Unido lançavam esporádicos pequenos ataques mirando as defesas antiaéreas de Saddam para impor as zonas de exclusão aéreas . [ 30 ] [ 31 ] Estas zonas, e os bombardeios aéreos feitos para implementa-la, foram descritas pelo ex secretário geral da ONU, Boutros Boutros-Ghali , e pelo então ministro de relações exteriores da França, Hubert Vedrine , como ilegais. Outros países, como a Rússia e a China, também condenaram as zonas como uma violação da soberania do Iraque. [ 71 ] [ 72 ] [ 73 ] Em meados de 2002, os americanos começaram a bombardear de forma mais seletiva o sul, mirando alvos importantes na estrutura de comando do exército iraquiano. A quantidade de bombas e mísseis jogados no Iraque pela Coalizão entre 2001 e 2002 foi menor que no período entre 1999 e 2000 (os dois últimos anos da administração Clinton). [ 74 ] Essa informação foi usado por apoiadores do governo Bush para contradizer os que dizem que o seu governo pretendia invadir o Iraque antes mesmo deles tomarem posse. Contudo, informações sugerem que aviões britânicos lançaram o dobro de bombas sobre o Iraque na segunda metade de 2002 do que eles tinham feito durante todo o ano de 2001. O governo dos dois países negaram que bombardeios feitos antes da invasão tinham como objetivo 'pavimentar o caminho' para a ofensiva. O porta-aviões USS Enterprise (CVN-65) , acompanhado pelos navios de guerra USS Philippine Sea (CG-58) e USS Gettysburg (CG-64) , em operação no Golfo Pérsico A 5 de setembro de 2002, ataques feitos por mais de 100 aviões atingiram um dos principais postos de defesa do Iraque, no oeste do país. O bombardeio, segundo a revista New Statesman , teria como objetivo limpar o caminho para as unidades Aliadas que viriam pela Jordânia e não proteger a população xiita da região (que deveria ser o propósito da zona de exclusão aérea). [ 75 ] O general Tommy Franks , que comandou a invasão do Iraque, admitiu que os bombardeios feitos dois anos antes da guerra tinham o objetivo de enfraquecer as defesas iraquianas. Essas 'atividades acentuadas', nas palavras do secretário de defesa britânico Geoff Hoon , eram feitas para 'colocar pressão em cima do regime iraquiano' ou, como o The Times reportou, tentar 'provocar Saddam Hussein a retaliar e provocar uma guerra'. [ 76 ] [ 77 ] Uma outra tentativa de provocar uma resposta iraquiana que pudesse levar a guerra foi revelada em um memorando que relata uma conversa entre George W. Bush e Tony Blair em 31 de janeiro de 2003, onde Bush supostamente teria dito ao premier britânico que os Estados Unidos estava pensando em pintar um dos seus aviões U2 com as cores da ONU. Se Saddam disparasse contra a aeronave, isso daria uma justificativa para o conflito. [ 78 ] A 17 de março de 2003, o presidente americano, George W. Bush , foi ao ar na televisão e deu um ultimato a Saddam, exigindo que ele e seus dois filhos (Uday e Qusay) partissem do Iraque nas próximas 48 horas seguintes ou haveria guerra. As primeiras bombas [ editar | editar código-fonte ] Nas primeiras horas do dia 19 de março de 2003, os americanos receberam informações de que Saddam Hussein estaria visitando seus dois filhos, Uday e Qusay , nas fazendas Dora, nas cercanias de Bagdá. [ 79 ] Precisamente as 05:30 UTC , duas aeronaves F-117 Nighthawk da força aérea dos Estados Unidos [ 80 ] lançaram quatro bombas GBU-27 de 900 kg no complexo. Para complementar o bombardeio na área, foram disparados 40 mísseis BGM-109 Tomahawk de pelo menos quatro navios, incluindo o USS Cowpens (CG-63) (um cruzador da classe Ticonderoga ), que foi creditado com o primeiro ataque, [ 81 ] o contratorpedeiro USS Donald Cook (DDG-75) (da classe Arleigh Burke ) e dois submarinos também se uniram ao primeiro dia de ataques. Os mísseis foram disparados a partir do Mar Vermelho e do Golfo Pérsico . [ 82 ] Das quatro bombas lançadas pelos F-117, uma errou o complexo completamente e as outras três também não atingiram seus alvos, caindo do outro lado dos muros do palácio. [ 83 ] Logo depois, foi descoberto que Saddam Hussein não estava presente no local, assim como nenhuma outra cabeça do regime. [ 79 ] [ 84 ] O ataque causou a morte de um civil e feriou outros quatorze, incluindo nove mulheres e uma criança. [ 85 ] [ 86 ] Investigações posteriores descobririam que Saddam não visitava aquele complexo desde 1995. [ 82 ] Ataque inicial [ editar | editar código-fonte ] Em 20 de março de 2003, precisamente as 02:30 UTC ou cerca de 90 minutos perto do fim do prazo de 48 horas que Bush deu para que Saddam deixasse o Iraque, as primeiras explosões eram ouvidas em Bagdá. Membros das forças especiais americanas e da CIA já estavam em solo iraquiano. Um dos seus objetivos era direcionar alguns dos ataques aéreos. Os bombardeios atingiram principalmente os palácios de Hussein e os centros de comando e controle. As 03:15 UTC, o presidente George W. Bush autorizou que as aeronaves da Coalizão atacassem 'alvos de oportunidade' no Iraque, bombardeando alvos de importância militar nos principais centros urbanos do país. [ 87 ] Um caça F-15E americano sendo reabastecido por um KC-10 durante a Operação Liberdade do Iraque Antes da invasão terrestre começar, imaginava-se que a campanha aérea tomaria tempo, assim como havia acontecido na primeira guerra do golfo de 1991 e na invasão do Afeganistão em 2001 . Porém foram pouquíssimos dias de bombardeio aéreo sozinho, com a infantaria anglo-americana avançando rápido, com o objetivo de sobrepujar o inimigo rapidamente, querendo derrubar Saddam e encerrar a guerra o mais rápido possível. A tática de surpreender o inimigo com maciço poderio aéreo e imponente força terrestre ficou conhecido como Shock and Awe ('Choque e Pavor'). As unidades militares americanas e britânicas focaram-se em regiões estratégicas e cidades chave, não perdendo tempo em lutar contra tropas iraquianas alocadas em áreas sem importância. Com a superioridade de mobilidade e coordenação das forças aliadas, esperava-se que a vitória viesse o mais rápido possível com o mínimo de baixas civis e danos a infraestrutura do país. Também era esperado que, se a liderança política em Bagdá fosse eliminada, as forças armadas iraquianas e o governo iriam entrar em colapso. Outro fator antecipado era de que a maioria da população iraquiana saudaria os invasores como libertadores, uma vez que vissem que o regime estava enfraquecido. Ocupação de cidades e ataques a unidades militares nas periferias do país era visto como desnecessário. A decisão da Turquia de não permitir que seu território fosse usado como base para uma incursão no norte acabou forçando a Coalizão a mudar parte dos seus planos, que incluía atacar o Iraque pelas duas pontas simultaneamente. [ 88 ] Membros das forças especiais da CIA e do exército americano tiveram de usar os territórios controlados pela milícia curda Peshmerga como base para atacar pelo norte. Os curdos iraquianos , que sofreram com a repressão do regime, apoiaram incondicionalmente a Coalizão e até lutaram ao seu lado. No sul, o principal apoio veio do Kuwait e de outras nações do Golfo Pérsico, como a Arábia Saudita. Imagem de Bagdá feita pelo satélite Landsat 7 , da NASA . Na fotografia pode se ver as enormes colunas de fumaça se erguendo da cidade. A foto foi tirada a 2 de abril de 2003, durante um dos mais pesados bombardeios aéreos da guerra A invasão terrestre foi rápida, levando ao colapso do governo e das forças armadas iraquianas em apenas três semanas. Uma das prioridades era tomar as principais refinarias de petróleo do Iraque e garantir que elas sofressem poucos danos. Durante a guerra do golfo, enquanto recuavam do Kuwait, o exército iraquiano incendiou vários poços petrolíferos da região, como retaliação e para distrair as forças aliadas. Antes da guerra de 2003, os militares iraquianos minaram mais de 400 campos de petróleo ao redor de Baçorá e colocou explosivos nos campos da península de Al-Faw . A Coalizão foi cuidadosa ao realizar surtidas aéreas e lançar unidades anfíbias em Al-Faw durante as primeiras horas de 19 de março, para garantir que os campos petrolíferos da região não fossem danificados. Navios de guerra americanos, britânicos , poloneses e australianos apoiaram a operação. Soldados de brigadas especiais dos fuzileiros navais britânicos e americanos , apoiados pela unidade de elite polonesa (a JW GROM ), atacaram os importantes portos de Umm Qasr . A batalha foi feroz, com as tropas iraquianas oferecendo forte resistência. Cerca de 14 militares da Coalizão e pelo menos 30 a 40 soldados iraquianos foram mortos. Outros 450 combatentes iraquianos foram feitos prisioneiros. Já a 16ª Brigada aerotransportada do exército britânico partiu para os campos petrolíferos do sul, especialmente perto de Rumaila, apoiado por outras tropas aliadas, para garantir a integridade dos poços de petróleo da região e dos portos também. Apesar do rápido avanço das forças terrestres da Coalizão, pelo menos 44 refinarias foram destruídas ou parcialmente incendiadas pelos iraquianos. Contudo, os focos de incêndio foram rapidamente controlados e vários poços foram salvos. Mantendo o plano de avançar de forma rápida e avassaladora, a 3ª Divisão de Infantaria americana moveu-se para a região norte e para o oeste do deserto iraquiano, próximo a Bagdá, enquanto a 1ª Grupo Expedicionário do Corpo de Fuzileiros avançava pela Autoestrada 1, no centro do país. Nesse meio tempo, a 1ª Divisão Blindada inglesa avançava pelo leste. Durante a primeira semana de invasão, as forças iraquianas dispararam alguns Scuds contra os Aliados, sendo que um desses mísseis tentou acertar a base americana no Campo Doha, Kuwait. O míssil, contudo, foi interceptado por uma bateria de mísseis MIM-104 Patriot que protegia o complexo. Subsequentemente, duas aeronaves A-10 Warthogs bombardearam as bases de lançamento dos Scuds, removendo esta ameaça. Batalha de Nassíria [ editar | editar código-fonte ] Ver artigo principal: Batalha de Nassíria Inicialmente, a 1ª Divisão de Fuzileiros americanos avançou pelos campos petrolíferos de Rumaila e partiu para a região de Nassíria . Esta cidade, de maioria xiita, tinha grande importância estratégica devido as estradas que cruzam o município e ficava perto da base aérea de Talil. Também estava situado perto de algumas pontes estratégicas sobre o rio Eufrates . A cidade era defendida por unidades militares regulares do Iraque e por milícias sunitas baathistas (os Fedayeens). A 3ª Divisão de Infantaria do exército dos Estados Unidos derrotou as tropas do regime entrincheiradas ao redor de Nassíria e no aeroporto local, ignorando o oeste da cidade. Um blindado americano danificado durante a batalha pela cidade de Nassíria A 23 de março, um comboio da 3ª Divisão de Infantaria americana, incluindo duas soldados mulheres ( Jessica Lynch e Lori Piestewa ), foi emboscado quando eles pegaram o caminho errado. Cerca de 11 soldados americanos foram mortos e sete outros, incluindo Lynch e Piestewa, foram capturados. [ 89 ] Piestewa acabou morrendo devido a ferimentos sofridos durante a batalha, enquanto os outros prisioneiros foram mais tarde libertos em uma missão de resgate. [ 90 ] No mesmo dia, fuzileiros americanos reentraram em Nassíria e enfrentaram forte resistência de milicianos locais e se moveram rápido para capturar duas importantes pontes da cidade. Alguns combatentes americanos foram mortos em combate com os Fedayeens na luta urbana. No chamado Canal Saddam, pelo menos 18 fuzileiros foram mortos em combate com soldados iraquianos. Um caça A-10 se envolveu em caso de fogo amigo que resultou na morte de mais seis marines quando o seu veículo acabou sendo atingido. Ainda perto de Nassíria, tiros de bazucas e armas pequenas infligiram mais baixas entre as tropas da coalizão. [ 91 ] Em um caso específico, um fuzileiro foi morto por fogo inimigo enquanto outros dois morriam afogados no Canal Saddam. Depois de muita luta, as pontes foram tomadas e a 2ª Divisão de Fuzileiros firmaram suas posições no perímetro. No anoitecer do dia 24 de março, um batalhão do 1ª Regimento de Fuzileiros americanos continuou avançando por áreas hostis de Nassíria, para estabelecer suas posições no norte da cidade. Os iraquianos enviaram reforços na madrugada seguinte e lançaram vários contra-ataques. Os marines conseguiram repelir tais ataques, com apoio de artilharia e helicópteros de combate (como o AH-64 Apache ). No anoitecer do dia seguinte, as forças de Saddam já estavam em retirada. Foi estimado que entre 200 e 300 iraquianos foram mortos nesses contra-ataques, sem que os Estados Unidos tivessem uma única perda. Por fim, Nassíria foi declarada segura, mas os Fedayeens continuaram atacando. Estes embates eram lançados sem coordenação, terminando em intensos tiroteios mas com pouco resultado, enquanto vários milicianos morriam. Devido a importância estratégia da cidade, os americanos moveram-se rápido para garantir que os arredores de Nassíria também fossem tomados. Houve muita luta na região, mas os aliados se saíram vitoriosos, infligindo grandes perdas ao inimigo. Um soldado americano perto de um campo de petróleo pegando fogo, em Rumaila, a 2 de abril de 2003 Com a cidade de Nassíria tomada e o aeroporto de Talil também conquistado, as forças da Coalizão ganharam um importante centro logístico no sul do Iraque. Tropas adicionais e suprimentos passaram por lá enquanto avançavam rumo ao norte. A 101ª Divisão Aerotransportada americana foi uma das primeiras a lançar ataques em larga escala em direção a Bagdá, apoiados pela 3ª Divisão de Infantaria e pelos fuzileiros. A 28 de março, uma tempestade de areia atrasou o avanço das forças da Coalizão e a 3ª Divisão de Infantaria do exército americano teve que parar seu avanço para o norte, se estacionando entre as cidades de Najafe e Carbala. Chuva forte após essa tempestade acabou por dificultar o transito nas estradas e atrasou ainda mais o avanço das tropas aliadas rumo ao norte. Por três dias, helicópteros de ataque tiveram de pausar suas missões. Nesse meio tempo, houve pesados combates na cidade de Kufl e demorou um pouco para a Coalizão controlar essa região. Batalha de Najafe [ editar | editar código-fonte ] Outra grande batalha da guerra aconteceu em Najafe , onde paraquedistas e blindados americanos, apoiado por unidades aéreas britânicas, travaram uma intensa luta contra forças regulares e paramilitares iraquianos, além da própria Guarda Republicana (a elite do exército de Saddam). A batalha começou quando um helicóptero AH-64 Apache partiu para atacar blindados iraquianos perto dessa cidade. Houve muito fogo de armas antiaéreas, fuzis e RPGs , danificando várias aeronaves e abatendo pelo menos uma. Os ataques aéreos foram mais bem sucedidos em 26 de março, com os helicópteros e caças F/A-18 Hornet recebendo apoio da artilharia de longa distância. Não houve perdas dessa vez para a Coalizão. [ 92 ] A infantaria americana então avançou e, após violentos combates, eles conseguiram expulsar os soldados iraquianos e os milicianos fedayeen dos arredores de uma ponte vital em Najafe. As forças de Saddam contra-atacaram com ímpeto no dia seguinte, mas não conseguiram reaver suas posições. Depois de 36 horas de luta quase que contínua, a ponte foi finalmente declarada segura e as tropas iraquianas debandaram, isolando assim Najafe do norte. [ 93 ] Um tanque T-72 iraquiano destruído em combate contra as forças da Coalizão No dia 29 de março, a 101ª Divisão Aerotransportada americana, apoiadas por uma divisão de blindados, atacaram as forças iraquianas no sul de Najafe, perto da Mesquita de Imam Ali , capturando também o aeroporto da cidade. Quatro americanos morreram ali perto na explosão de um homem-bomba . A 31 de março, 101ª Divisão enviou patrulhas a áreas ainda hostis de Najafe. Então o 70º Regimento de blindados atacou a região central do município e, após pesados combates, tomaram a cidade por completo em 4 de abril. As forças iraquianas remanescente ou se renderam ou fugiram. [ 94 ] [ 94 ] Batalha de Baçorá [ editar | editar código-fonte ] Ver artigo principal: Batalha de Baçorá (2003) A cidade portuária iraquiana de Umm Qasr foi o primeiro grande obstáculo para os britânicos. Uma força anglo-americana, apoiada pelos poloneses, avançaram para lá mas enfrentaram feroz resistência no caminho e levou vários dias para chegarem no perímetro. Mais ao norte, a 7ª Brigada de Blindados inglesa ('Os Ratos do Deserto'), prosseguiam um implacável avanço em direção a cidade de Baçorá (o ponto estratégico mais importante do sul do Iraque). A 6 de abril, os britânicos travaram ferozes lutas contra soldados e milicianos leais a Saddam avançando em direção ao centro da cidade em áreas urbanas de difícil acesso. A luta por Baçorá durou quase três semanas e teve o maior combate entre blindados na história do Reino Unido desde a Segunda Guerra mundial. Só no dia 27 de março, quatorze tanques de guerra iraquianos foram destruídos pelos veículos britânicos. Então, elementos da 1ª Divisão Blindada britânica avançaram rumo ao norte para apoiar os americanos em Al Amarah a 9 de abril. Enquanto as forças iraquianas recuavam e abandonavam suas posições, as cidades evacuadas ficavam desprotegidas e casas, lojas e outros estabelecimentos foram saqueados por cidadãos locais. Falta de mantimentos e luz elétrica também era comum. As forças aliadas tentaram então suprir as demandas de segurança, mas não foram tão bem sucedidas no longo prazo. Com a tomada de Umm Qasr , que aconteceu no fim de março, garantiu uma rota de suprimentos vitais para as tropas aliadas que combatiam no norte. Os portos desta cidade também permitiu a chegada de ajuda humanitária. Pelo menos onze militares britânicos foram mortos nestes combates. Entre 395 e 515 soldados e milicianos iraquianos foram mortos também. Após os avanços iniciais rápidos, as forças da Coalizão se depararam com a importante e bem defendida cidade de Carbala . Lá, os americanos enfrentaram feroz resistência de soldados e paramilitares de Saddam, que defendiam esta vital região próxima as margens do Eufrates . Esta cidade era importante, não só pela sua localização, mas também pelas estradas que a cortavam, que faziam com que suprimentos pudessem escoar para o norte com mais facilidade. Eventualmente, três divisões do exército dos Estados Unidos tiveram que partir para tentar tomar Carbala e Najafe (que caiu antes), para evitar que os iraquianos usassem a região para contra-atacar e tentar interromper o avanço aliado em direção a Bagdá . Batalha de Carbala [ editar | editar código-fonte ] Ver artigo principal: Batalha de Carbala (2003) Um blindado Type 69 do Iraque destruído pela aviação militar americana A cidade de Carbala fica a leste do Eufrates e a oeste do lago Razaza. Os iraquianos sabiam que esta região era muito importante taticamente, pois continha as principais rotas em direção a Bagdá . Então, para proteger a área, foram enviadas algumas das melhores unidades da Guarda Republicana Iraquiana (a tropa de elite de Saddam). Duas de suas divisões estavam na principal abertura de Carbala. [ 95 ] Quando as forças da Coalizão chegaram eles lutaram bravamente mas sofreram pesadas baixas, sem infligir muitos danos aos aliados. [ 96 ] A Coalizão havia conduzido operações no norte do Iraque tentando confundir as forças de Saddam. As tropas do regime engoliram o engodo e pensaram que o ataque principal a capital iraquiana viria pelo norte, na fronteira com a Turquia. Seguindo ordens expressas do presidente iraquiano, Qusay Hussein (herdeiro de Saddam e comandante da Guarda Republicana) realocou várias unidades militares que estavam no sul para ir lutar no norte, achando que o avanço aliado ao sul era apenas uma distração. O comandante das tropas iraquianas na região central, o tenente-general Raad al-Hamdani , protestou contra essa ordem, afirmando que defender Carbala era vital para proteger Bagdá e pediu por reforços para que ele tentasse segurar a linha. Ele argumentou que, se Carbala caísse, os americanos chegariam na capital em menos de 48 horas. O Quartel-general de Saddam, contudo, se recusou a ouvir e negou seu pedido de ajuda. As tropas dos Estados Unidos avançaram pela brecha nas linhas iraquianas e chegaram as margens do rio eufrates, esmagando qualquer resistência no caminho e logo em seguida tomando a cidade de Moçaibe . Lá, os estadunidenses cruzaram o eufrates em vários barcos e tomaram a importante ponte de Alcaida, expulsando as unidades inimigas da região. [ 97 ] Uma brigada mecanizada da Divisão Medina e outra da Divisão Nebuchadnezzar, duas das unidades de elite do exército do Iraque, apoiado por artilharia, lançaram uma grande contra-ofensiva noturna em Moçaibe, no começo de abril, para tentar quebrar as linhas da Coalizão e reaver Carbala no processo. O ataque foi repelido pelos tanques americanos, com apoio da artilharia e de foguetes, com as tropas iraquianas sofrendo pesadas baixas. Na manhã seguinte, aviões e helicópteros aliados abriram fogo pesado contra as unidades remanescentes da Guarda Republicana iraquiana, destroçando o que sobrou de suas forças na região. A infraestrutura e as linhas de comunicação do exército iraquiano no local também foram estraçalhadas. Sem condições de enfrentar o poder de fogo avassalador da Coalizão, o que sobrou das tropas de Saddam debandou em desordem. Com a conquista de Carbala e das áreas vizinhas, o caminho para Bagdá estava completamente aberto. Operações especiais [ editar | editar código-fonte ] Militares britânicos no Iraque As forças especiais aliadas cumpriram um papel fundamental em diversos aspectos da invasão. O 2º batalhão das forças especiais do Exército americano, compostos pelos famosos ' Boinas Verdes ' ( Green Berets ) conduziram missões de reconhecimento em Baçorá , Carbala e em várias outras regiões, especialmente no norte e no oeste. No norte, o 10º Grupo de Operações Especiais e paramilitares da CIA (membros da ' Divisão Especial ') receberam a missão de ajudar as forças curdas, como a União Patriótica do Curdistão e o Partido Democrático do Curdistão , que eram os de facto governantes do Curdistão Iraquiano desde 1991, e auxiliaram a Coalizão na luta pelas cidades nortenhas, como Quircuque e Moçul . Como a Turquia havia proibido o uso de seu território pelas forças Aliadas, os grupos especiais americanos tiveram de usar rotas alternativas ou, primordialmente, jogaram-se de paraquedas em pontos estratégicos. Um dos primeiros objetivos dos batalhões de operações especiais americanos era eliminar a base do grupo terrorista Ansar al-Islam do território curdo, acreditando que estes tinham uma conexão com a al-Qaeda. Posteriormente, posições do exército iraquiana também foram atacadas, com o propósito de impedir que elas fossem combater no sul, onde o grosso da ofensiva estava acontecendo. Fuzileiros americanos durante uma missão de combate no Iraque, em março de 2003 A 26 de março de 2003, a 173ª Brigada Paraquedista americana reforçou as tropas da Coalizão no norte do Iraque, lançando-se perto do campo aéreo de Baxur, que era controlado pelas forças especiais estadunidenses e pelas tropas curdas da Peshmerga . Em 10 de abril, Quircuque caiu em mãos aliadas, cortando assim as linhas de comunicação e transporte iraquianas, isolando o norte do sul. O sucesso da ocupação de Quircuque aconteceu após duas semanas de batalha, onde os curdos e americanos derrotaram as forças de Saddam na região. Logo em seguida, a Coalizão derrotou os iraquianos na batalha de Kani Domlan. A 173ª Brigada eventualmente assumiu a responsabilidade de defender Quircuque e seguiu lutando contra a insurgência até o fim do ano, quando foi realocada para outro lugar. Outras batalhas foram travadas no norte pelas forças especiais do exército e do corpo de fuzileiros americanos. Uma das bases de operações da Coalizão na região era a cidade curda de Erbil . Outra base foi montada após os marines conquistarem Moçul. Após conquistar a cidade de Sargat, as forças especiais do exército americano e da CIA, apoiado por guerrilheiros curdos, avançaram em direção a Ticrite , importante município perto de Bagdá e terra natal de Saddam. Um batalhão de infantaria iraquiano protegia a área mas foram derrotados facilmente. Ticrite caiu logo em seguida, assim como outras cidades vizinhas. A Guerra do Iraque foi onde as forças especiais americanas viram mais ação desde o conflito no Vietnã , nas décadas de 60 e 70. A queda de Bagdá (Abril de 2003) [ editar | editar código-fonte ] Ver artigo principal: Batalha de Bagdá (2003) Um tanque T-72 Asad Babil iraquiano abandonado em uma estrada perto de Bagdá Com quase três semanas de invasão, as forças da Coalizão avançaram sobre Bagdá , a capital do Iraque. Os iraquianos dispunham de várias unidades do batalhão de forças especiais, milicianos (os Fedayeen Saddam ) e soldados regulares do exército, além de vários grupamentos da Guarda Republicana . Havia também voluntários de outras nações árabes. A Coalizão inicialmente planejava cercar a cidade e eventualmente ir tomando bairro por bairro, forçando as unidades iraquianas a se agrupar no centro, onde não teriam como fugir dos ataques aéreos e da artilharia. Este plano acabou se tornando desnecessário, já que no lado sul da capital, várias unidades blindadas da Guarda Republicana travaram combate com soldados americanos, que destruíram incontáveis tanques iraquianos. O que sobrou das forças mecanizadas não tinha mais condições de lutar. A periferia da capital acabou se tornando um estacionamento para veículos e outros equipamentos militares iraquianos abandonados pelos defensores em fuga. A 5 de abril, tropas de infantaria americana, apoiado por blindados leves, avançaram sobre o Aeroporto Internacional de Bagdá , um ponto central da cidade. Eles encontraram feroz resistência, mas acabaram conseguindo sobrepujar os defensores e conquistar o aeroporto. Um blindado americano M1 Abrams destruído nas cercanias da capital iraquiana A 6 de abril, uma outra divisão de infantaria dos Estados Unidos atacou o centro de Bagdá e ocupou um dos palácios de Saddam Hussein . Enquanto isso, os combates na região se tornaram mais intensos. Fuzileiros navais americanos também enfrentaram resistência e foram recebidos a tiros de artilharia enquanto tentavam cruzar uma ponte no centro. Eles acabaram sendo bem sucedidos. Através de posições defensivas altas, os iraquianos ainda conseguiram infligir algumas baixas nas tropas da Coalizão que ocupavam o aeroporto, mas quando o apoio aéreo aliado foi chamado eles acabaram sendo destroçados. Com o aeroporto e um dos principais palácios de Saddam ocupados, os americanos lançaram um ultimato as forças do regime, exigindo a rendição da cidade, ou sofreriam as consequências de um ataque em larga escala por todos os lados. A luta por Bagdá então caiu de intensidade e boa parte dos oficiais de alta patente do exército, além de cabeças do regime, fugiram. Muitos soldados optaram por se render. A 9 de abril de 2003, a capital iraquiana foi declarada oficialmente segura e nas mãos das tropas da Coalizão. Contudo, combates em pequena escala prosseguiam. A violência se tornou evidente especialmente na periferia. Enquanto os palácios presidenciais de Saddam eram vasculhados um a um, o ditador acabou não sendo encontrado. Seus filhos e parentes próximos, que praticamente governavam o país com ele, também desapareceram. Militares dos Estados Unidos lutando em Bagdá, em abril de 2003 Em 10 de abril, houve um rumor de que Saddam Hussein e alguns ajudantes estariam escondidos no complexo de uma mesquita, no distrito de Al Az'Amiyah, em Bagdá. Três companhias de fuzileiros navais americanos foram enviados para a área imediatamente e no momento que chegaram foram recebidos com disparos de armas pequenas, fuzis, morteiros e bazucas. Um soldado foi morto e outros 20 ficaram feridos, mas nem Saddam e nem qualquer outra pessoa ligada ao seu regime foi capturada. As forças americanas, apoiadas por disparos de artilharia e por aeronaves de combate, lutaram contra os últimos guerrilheiros e milicianos leais a Hussein que ainda estavam entrincheirados na capital. Um avião aliado teria sido derrubado por fogo antiaéreo. A 12 de abril, o barulho dos tiros cessou. Cerca de 34 soldados americanos morreram na luta pela capital. Pelo menos 2 320 iraquianos também perderam a vida. Em uma das imagens mais icônicas do conflito, uma enorme estátua do ditador iraquiano Saddam Hussein é derrubada na praça Firdos, no centro de Bagdá. A estátua foi posta a baixo por civis que habitavam a região, com apoio de militares americanos Houve muita comemoração entre a população iraquiana após a conquista de Bagdá pela Coalizão e o efetivo colapso do regime. A excitação foi maior entre a população xiita, que fora marginalizada durante as duas décadas do seu governo. Estátuas e retratos do ditador espalhados pela capital foram vandalizados. Em um dos eventos mais icônicos da guerra, uma grande estátua em honra a Saddam Hussein, no centro da cidade (na praça Firdos), foi derrubada. Tal evento foi transmitido ao vivo para o mundo. Em uma de suas colunas, o jornal britânico Daily Mirror : 'Para um povo oprimido, este ato final no cair do dia, a derrubada deste símbolo do regime, é o momento ' Muro de Berlim '.' [ 98 ] O sargento americano Brian Plesich reportou em On Point: The United States Army in Operation Iraqi Freedom : 'Um coronel do corpo de fuzileiros (americano) viu a grande estátua de Saddam como um alvo de oportunidade [para destruir] e decidiu derruba-la. Como nós já estávamos lá, subimos nela com alto falantes e conclamamos o povo iraquiano a vir e ver o que estávamos fazendo... Enquanto isso, alguém teve a ideia de pegar um bando de crianças iraquianas para pisar encima dos destroços da estátua que estávamos para derrubar. Quando a estátua finalmente veio abaixo, eles pularam encima dela'. [ 99 ] Reproduzir conteúdo Vídeo de americanos sendo saudados por populares na capital iraquiana, em abril de 2003 A queda de Bagdá e o eventual colapso do regime não trouxe uma paz imediata, como era de se esperar. Violência sectária rapidamente se alastrou pelo país. Primeiro pelas partes mais pobres das cidades e depois até os centros urbanos. Tribos e pequenos grupos começaram a se digladiar por controle e por velhas desavenças. As cidades de Al-Kut e Nassíria lançaram ataques uma contra a outra, logo após a queda de Bagdá. Grupos sectários e religiosos começaram a lutar por poder em suas respectivas regiões. As forças da Coalizão, liderada pelos Estados Unidos, viu-se no meio de uma potencial guerra civil . As tropas aliadas, agora no controle de boa parte do país, começaram a tentar por um fim nas hostilidades regionais, evitando a fragmentação do país. Calma foi pedida para a população em geral. Nassíria respondeu favoravelmente ao pedido americano e começou a maneirar na belicosidade, mas o povo do município de Al-Kut colocou atiradores e barricadas nas ruas da cidade com objetivo de lutar contra qualquer invasor. Após vários pequenos confrontos, os milicianos recuaram, mas a tensão nas províncias e cidades de todo o Iraque continuaram. Antigas desavenças tribais, religiosas e étnicas voltaram a tona com força, algo que os americanos não tinham previsto. O general americano Tommy Franks assumiu o de facto controle do Iraque como o comandante supremo das forças de ocupação da Coalizão. Logo após a queda de Bagdá, rumores circularam pelo país de que comandantes e oficiais do velho regime e das forças armadas estariam recebendo incentivos financeiros para que se entregassem. Em maio de 2003, quando o general Franks se aposentou, ele confirmou a informação e falou que vários proeminentes membros do exército baathista receberam dinheiro para se render. Fuzileiros navais americanos transportando prisioneiros iraquianos, em março de 2003 Enquanto assumiam a difícil tarefa de administrar o Iraque, as forças de ocupação começaram uma busca implacável pelas principais lideranças do regime de Saddam. Um baralho de cartas com o rosto das principais figuras do governo baathista foi distribuído entre os soldados da Coalizão. Mais tarde, durante a ocupação militar subsequente a invasão, precisamente a 22 de julho de 2003, membros da 101ª Divisão Paraquedista atacaram uma pequena casa no centro de Moçul e após um tiroteio de quatro horas, foi constatado que quem estava na residência era de fato os filhos de Saddam, Uday e Qusay , e seu neto. Todos os três foram mortos, junto com um segurança da família. Saddam Hussein, que fugira para Ticrite (que fica 170 km ao norte de Bagdá), só foi capturado a 13 de dezembro de 2003, em uma pequena casinha em uma remota fazenda nas cercanias da cidade. Soldados americanos da 4ª Divisão de infantaria do exército foram os responsáveis por sua captura, durante a chamada Operação Red Dawn . Saddam seria então levado a julgamento por crimes contra a humanidade cometidos durante as duas décadas que durou o seu regime. Ele foi então sentenciado a morte e eventualmente enforcado, a 30 de dezembro de 2006. Mesmo com sua execução, a violência no Iraque não deu trégua. A esperança americana de ver o país estável e seguro demoraria tempos para acontecer, enquanto a nação mergulhava em uma violenta guerra civil. Combates em outras regiões [ editar | editar código-fonte ] No norte do Iraque, forças curdas que se opunham a Saddam começaram a ocupar áreas e posições controladas pelo regime. Eles receberam apoio das tropas especiais americanas. Os Estados Unidos também lançaram ataques aéreos na região, enfraquecendo as forças do governo central na área. Os aliados rapidamente se moveram em direção a Quircuque , que caiu rapidamente a 10 de abril. Esta cidade e suas regiões vizinhas, ricas em petróleo, eram consideradas muito importante estrategicamente. Soldados das forças especiais dos Estados Unidos também se envolveram em lutas no sul e no oeste do Iraque, ocupando várias estradas que davam acesso a Síria . Bases aéreas e quartéis militares abandonados também foram tomados. A 15 de abril, tropas americanas assumiram o controle de Ticrite , importante cidade na região central do Iraque, localizada ao norte de Bagdá. Declarado o fim do conflito (Maio de 2003) [ editar | editar código-fonte ] O porta-aviões USS Abraham Lincoln retornando para os Estados Unidos após executar sua missão no Iraque. Nota-se que ele ainda carregava o banner com a frase ' Mission Accomplished ' ('Missão Cumprida'). Mais tarde, a administração Bush foi duramente criticada por 'cantar vitória' cedo demais, já que os grandes combates do conflito estavam apenas começando A 1 de maio de 2003, o presidente George Bush visitou o super porta-aviões USS Abraham Lincoln , que estava voltando para os Estados Unidos depois de cumprir um turno no Golfo Pérsico . Bush pousou no deck do porta-aviões em um caça Lockheed S-3 Viking . Logo depois ele fez um discurso para a tripulação do navio, para o povo americano e para o mundo, onde ele anunciou que 'as principais operações de combate no Iraque terminaram' e ele completou dizendo que 'os Estados Unidos e seus aliados haviam prevalecido'. O presidente acabou sendo duramente criticado por oponentes políticos que disseram que sua passagem pelo USS Abraham Lincoln era nada mais que uma cara peça publicitária teatral. Enquanto ele discursava, notava-se, atrás dele, um enorme banner escrito ' Mission Accomplished ' (em português 'Missão Cumprida'). O banner fora feito pelo pessoal da Casa Branca e colocado lá pelos marinheiros do navio. [ 100 ] O cartaz foi, mais tarde, duramente criticado e foi considerado prematuro. Membros do governo americano falaram que a visita de Bush fazia referência a vitória da invasão apenas e eles constaram que tudo foi feito de forma teatral. Uma parte do discurso dizia: 'Nós ainda temos uma dura missão pela frente. Nós estamos trazendo ordem para regiões do país que continua perigosas'. [ 101 ] Os anos seguintes a invasão seriam particularmente sangrentos. O Iraque viveu períodos violentos, enquanto o país afundava numa violenta guerra civil de caráter religioso e sectário. [ 102 ] Análise [ editar | editar código-fonte ] Aeronaves americanas, britânicas e australianas sobrevoando o Golfo Pérsico durante o conflito. Na imagem, aeronaves KC-135 Stratotanker , F-15E Strike Eagle , F-117 Nighthawk , F-16CJ Falcon , GR-4 Tornado e F/A-18 Hornet A invasão aliada do Iraque durou apenas 21 dias (de combate ) e terminou com duas décadas de governo baathista. Apesar da Coalizão ter mobilizado o maior exército já reunido desde a Guerra do Golfo de 1991, não foram todas as unidades que viram combate e muitas foram quase que imediatamente mandadas para casa após o fim das hostilidades. Isso se provaria um grave erro pois, questão de dias após a declaração do fim do conflito, violentos combates irromperam por todo o país (alguns mais intensos do que os travados durante a invasão), inciando uma nova fase da guerra . O general Eric Shinseki , chefe do Estado-Maior das forças armadas americanas, recomendou logo após a invasão que uma enorme força de combate ficasse para trás, a fim de manter a ordem no país. contudo o secretário de defesa Donald Rumsfeld e seu vice Paul Wolfowitz se opuseram fortemente a essa ideia. Mais tarde, o general John Abizaid afirmou que o plano de Shinseki era correto. [ 103 ] O exército iraquiano de Saddam estava armado na época com equipamentos soviéticos ultrapassados, era mal preparado e equipado se comparado com as forças anglo - americanas . A milícia conhecida como 'Saddam Fedayeen' lutou ferozmente em algumas batalhas, mas em outras acabou sendo ineficiente. A artilharia também se mostrou muito pouco eficiente, assim como as defesas antiaéreas do Iraque. Os tanques T-72 do regime eram os melhores em seu arsenal, mas careciam de peças de reposição e estavam ficando velhos. Muitos blindados iraquianos acabaram sendo destruídos pelo poder aéreo da Coalizão ou em combate direto contra os tanques de guerra anglo-americanos. Vários carros de combate foram também abandonados sem nem mesmo terem disparado um tiro. A força aérea dos Estados Unidos e do Reino Unido agiram com impunidade e seus aviões voavam várias missões por dia, enfrentando pequena resistência. Os tanques dos Aliados também eram vastamente superiores tecnologicamente falando, como o americano M1 Abrams e o britânico Challenger 2 , e avançaram rapidamente pelo interior do país, massacrando qualquer oposição que encontravam. Apesar das forças paramilitares iraquianas terem disparados incontáveis foguetes RPG poucos blindados da Coalizão foram perdidos e nenhum tripulante de tanque aliado foi morto por fogo inimigo. Os soldados iraquianos também sofriam com a moral baixo, mesmo entre a Guarda Republicana (considerada a elite das forças de Saddam). Várias unidades debandaram e desertaram frente ao avanço das tropas invasoras, sendo que vários batalhões optaram por se render. Oficiais de patentes medianas e altas foram subornados pela CIA ou coagidos a se render. A liderança das forças armadas também era incompetente. Foi reportado que Qusay Hussein , encarregado com a defesa de Bagdá, drasticamente mudava a posição de suas tropas na região, confundindo seus soldados e oficiais. No geral, as unidades militares americanas e britânicas evitaram combates desnecessários, preferindo focar seus esforços em seus objetivos de conquistar as principais cidades do país e capturar sua liderança. Com isso, várias unidades militares iraquianas acabaram saindo do conflito relativamente intactas, especialmente aquelas que estavam alocadas no sul. Na época, foi assumido que essas unidades simplesmente debandaram como as outras. De acordo com documentos do Pentágono , um dos principais fatores que contribuíram para a rápida derrota iraquiana foi a 'constante interferência de Saddam Hussein nas questões militares'. Além da inabilidade do ditador em comandar e da incompetência de alguns de seus generais, havia ainda o sentimento por parte do governo do Iraque de que a ameaça de invasão poderia ser na verdade um blefe. De acordo com uma matéria da BBC , documentos relatavam que Saddam estava 'com a cabeça fora da realidade, mais preocupado com a possibilidade de uma insurreição interna ou com um ataque do Irã'. [ 104 ] Após a ocupação, a paz e a estabilidade não reinou sobre o Iraque, como a Coalizão esperava. Saques e ondas de crimes se tornaram comuns nos dias após o colapso do regime. [ 105 ] Nos anos seguintes, a violência sectária e religiosa se intensificou e o país acabou mergulhando em uma brutal guerra civil que acabaria ceifando a vida de mais de 500 mil iraquianos. As forças de ocupação, em sua maioria do exército dos Estados Unidos , viu-se preso naquele país por mais tempo do que haviam antecipado, pagando um alto preço em vidas e dinheiro devido a uma série de erros de cálculo. O conflito como um todo viria a ficar conhecido como a Guerra do Iraque . [ 106 ] Perdas [ editar | editar código-fonte ] Mortes [ editar | editar código-fonte ] Um civil iraquiano sendo tratado após ter sido ferido em Umm Qasr, no Iraque, em março de 2003 As estimativas do número de mortes na guerra varia de fonte para fonte. De acordo com o site Iraq Body Count , aproximadamente 7 500 civis foram mortos no conflito. Outras referências estimam que entre 3 200 e 4 300 civis perderam a vida durante a invasão. [ 107 ] Pelo menos 180 militares da Coalizão perderam a vida em combate. Já entre forças armadas iraquianas, estima-se que em torno de 30 000 combatentes foram mortos ou feridos. [ 10 ] Alegações de crimes de guerras [ editar | editar código-fonte ] A milícia Saddam Fedayeen, a Guarda Republicana e outras forças de segurança do Iraque foram acusadas de cometerem diversos crimes, entre eles estava a execução de soldados iraquianos que não queriam lutar ou que pretendiam se render. Eles também ameaçavam a família dos combatentes que não queriam ir para a linha de frente. [ 108 ] [ 109 ] Também foi reportado o uso de civis pelos Fedayeens como escudos humanos durante os combates. [ 110 ] Estas acusações também se estenderam a Guarda Republicana. Alguns relatórios afirmaram que os Fedayeen usaram ambulâncias para enviar mensagens e transportar combatentes para as linhas de frente. Em um caso, milicianos leais a Saddam usaram um carro com o símbolo da Cruz Vermelha em uma emboscada na cidade de Nassíria, que terminou com três soldados americanos feridos. [ 111 ] Durante a batalha por Baçorá , forças britânicas reportaram, a 28 de março, que combatentes Fedayeen estavam disparando a contra grupos de civis que tentavam deixar a cidade. [ 112 ] [ 113 ] Após a batalha de Nassíria , em 23 de março, corpos de soldados americanos mortos foram exibidos na tv estatal iraquiana. Isto por si só já caracteriza crimes de guerra, mas as imagens também evidenciavam que alguns desses soldados tinham visivelmente marcas de tiro na cabeça, o que leva a acreditar que eles foram executados. Além disso, cinco prisioneiros americanos também apareceram sendo interrogados na televisão, sendo outra violação das Convenções de Genebra . [ 114 ] [ 115 ] Em um caso similar ao que aconteceu em Nassíria, ao fim de março, uma unidade de engenheiros militares britânicos pegou a rota errada e entraram na cidade de Az Zubayr , que ainda estava sob controle de forças leais a Hussein. O grupo foi emboscado e o engenheiro Luke Allsopp e o sargento Simon Cullingworth acabaram sendo capturados e posteriormente executados por milicianos iraquianos. [ 116 ] Cobertura da mídia [ editar | editar código-fonte ] Nos Estados Unidos [ editar | editar código-fonte ] Estudos e pesquisas feitas antes e durante a operação mostravam que a maioria da população apoiava a invasão. Com o passar do tempo, com a guerra indo mal, a opinião pública acabou se voltando contra a guerra A invasão do Iraque foi possivelmente a guerra mais noticiada e coberta midiaticamente na história. [ 117 ] Nos Estados Unidos a mídia era praticamente toda em favor da guerra e a maioria da população que acompanhava a guerra pela televisão afirmava ser igualmente em favor do conflito. [ 118 ] O jornal The New York Times fez vários artigos falando sobre como Saddam Hussein estaria de fato tentando construir uma arma nuclear. Em 8 de setembro de 2002, eles fizeram uma matéria chamada ' U.S. Says Hussein Intensifies Quest for A-Bomb Parts ' ('Estados Unidos dizem que Hussein intensifica a busca por partes para Bombas Atômicas') que mais tarde seria amplamente desacreditada e o The New York Times foi forçado a fazer uma declaração pública admitindo o erro e afirmando que não foi rigorosa em checar os fatos. [ 119 ] Quando a guerra começou, em março de 2003, pelo menos 775 repórteres e fotógrafos foram para a região. [ 120 ] Esses jornalistas assinaram contratos com os militares, limitando o que eles poderiam reportar. [ 121 ] Quando perguntaram o motivo de tanto controle, o tenente-coronel Rick Long, do corpo de fuzileiros, disse: 'Francamente, nossa tarefa é vencer a guerra. Parte disso é a guerra de informações. Então nós vamos tentar dominar o ambiente das informações'. [ 122 ] Em 2003, um estudo feito pela Fairness and Accuracy in Reporting afirmou que a mídia em geral focou apenas em fontes favoráveis ao conflito e deixou de lado o movimento antiguerra. De acordo com um estudo, 64% das fontes pesquisadas no começo da Guerra do Iraque eram favoráveis ao conflito, com apenas 10% da mídia usando fontes antiguerra. O estudo observou apenas seis canais de mídia americanas . Foi também observado que os telespectadores tinham maior tendência a também usarem fontes pró-guerra. [ 123 ] Em setembro de 2003, uma pesquisa de opinião revelou que 70% dos americanos acreditavam que havia uma ligação entre Saddam Hussein e os atentados terroristas de 2001 em Nova Iorque. [ 124 ] Já entre os telespectadores da rede de televisão Fox News (um canal conservador e pró- partido republicano ) mais de 80% compartilhava esta crença, bem abaixo dos 23% da rede PBS (canal considerado de linha progressista). [ 125 ] Ted Turner , fundador do canal de notícias CNN , acusou o magnata Rupert Murdoch de usar a Fox News para apoiar e defender a invasão. [ 126 ] Críticos afirmaram que tais visões favoráveis ao conflito eram fruto da parcialidade da mídia nos Estados Unidos. Fora da América do Norte, o apoio ao conflito era muito menor. [ 127 ] Em uma pesquisa de opinião feita em junho de 2014, onze anos após a invasão, mostrava que a maioria da população americana afirmava que a decisão do país de ir a guerra no Iraque foi um 'grande erro'. [ 128 ] Mídia independente [ editar | editar código-fonte ] A mídia independente também cobriu intensamente o conflito. A rede Indymedia , junto com vários outros meios de comunicação independentes, fizeram várias matérias sobre a Guerra do Iraque. Nos Estados Unidos, o grupo Democracy Now! , cuja âncora era Amy Goodman , foram especialmente críticos sobre os motivos que levaram os americanos a invadirem o Iraque em 2003 e também investigaram denúncias de crimes de guerra feitos pelos estadunidenses. Por outro lado, entre os elementos na mídia que não se opunham a invasão, o The Economist afirmou em um artigo que 'a política de sansões, persuasão, pressão e as resoluções da ONU foram tentadas, mas falharam'. Eles completaram dizendo que 'se o Sr. Hussein se recusa a se desarmar, seria certo ir a guerra'. [ 129 ] A internet acabou também proporcionando uma nova forma de se cobrir um conflito, mostrando ao grande público, burlando a censura, a realidade na frente de batalha. Blogs e sites alternativos mostravam a guerra sem ressalvas. A mídia eletrônica estava dividida, com alguns apoiando a guerra e outros sendo contra. Muitos tentaram ser imparciais, focando na história dos soldados que de fato estavam lutando. [ 130 ] Cobertura internacional [ editar | editar código-fonte ] A cobertura da mídia internacional foi muito diferente da que aconteceu nos Estados Unidos, onde prevaleceu, pelo menos no começo, visões majoritariamente favoráveis a guerra. Pelo mundo, os programas jornalísticos eram mais críticos a respeito da invasão. A rede de televisão árabe Al Jazeera e o canal de satélite alemão Deutsche Welle focaram principalmente nos aspectos políticos que motivaram a decisão de invadir o Iraque. A Al Jazeera também mostrava com frequência imagens de civis mortos e feridos na guerra, algo que a mídia nos Estados Unidos tentava evitar. A Casa Branca também havia emitido um blackout dos meios de comunicação impedindo que eles cobrissem e mostrassem imagens de corpos e caixões de soldados americanos mortos no Iraque. [ 131 ] Referências ↑ «Security Council endorses formation of sovereign interim government in Iraq. welcomes end of occupation by 30 June, democratic elections by January 2005» . United Nations. 8 de junho de 2004 ↑ Graham, Bradley (7 de abril de 2003). «U.S. Airlifts Iraqi Exile Force For Duties Near Nasiriyah» . Washington Post . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ John Pike (14 de março de 2003). «Free Iraqi Forces Committed to Democracy, Rule of Law – DefenseLink» . Globalsecurity.org . Consultado em 13 de setembro de 2009 . Cópia arquivada em 10 de setembro de 2009 ↑ Kim Ghattas (14 de abril de 2003). «Syrians join Iraq 'jihad ' » . BBC News . Consultado em 14 de outubro de 2014 ↑ «Arab volunteers to Iraq: 'token' act or the makings of another Afghan jihad?» . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ Katzman, Kenneth (5 de fevereiro de 2009). «Iraq: Post-Saddam Governance and Security» (PDF) . fpc.state.gov/ . Congressional Research Service . Consultado em 23 de setembro de 2014 ↑ «A Timeline of Iraq War, Troop Levels» . Huffington Post . Assocaited Press. 15 de abril de 2008 . Consultado em 23 de fevereiro de 2014 ↑ a b Australian Department of Defence (2004). The War in Iraq. ADF Operations in the Middle East in 2003 . ↑ a b «Surrogate Warfare: The Role of U.S. Army Special Forces – MAJ Isaac J. Peltier, US Army – p. 2» (PDF) . Consultado em 21 de fevereiro de 2013 ↑ a b 'Iraq Coalition Casualties: Fatalities by Year and Month' iCasualties.org. Página acessada em 15 de outubro de 2014. ↑ Iraq Coalition Casualties: U.S. Wounded Totals ↑ Willing to face Death: A History of Kurdish Military Forces – the Peshmerga – from the Ottoman Empire to Present-Day Iraq (página 67) , Michael G. Lortz ↑ a b «The Wages of War: Iraqi Combatant and Noncombatant Fatalities in the 2003 Conflict | Commonwealth Institute of Cambridge» . Comw.org . Consultado em 13 de setembro de 2009 . Cópia arquivada em 2 de setembro de 2009 ↑ «Wages of War – Appendix 1. Survey of reported Iraqi combatant fatalities in the 2003 war | Commonwealth Institute of Cambridge» . Comw.org . Consultado em 13 de setembro de 2009 . Cópia arquivada em 2 de setembro de 2009 ↑ 'Body counts' . By Jonathan Steele. The Guardian . 28 de maio de 2003. ↑ Iraq Body Count project . Source of IBC quote on undercounting by media is Press Release 15 :: Iraq Body Count . Archived at WebCite ↑ «U.S. has 100,000 troops in Kuwait» . CNN . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «President Discusses Beginning of Operation Iraqi Freedom» . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ Wesley Clark, Winning Modern Wars (New York: Public Affairs, 2003) ↑ «US Hardliners search for a Saddam connection» . Gulf States Newsletter's Middle East Insider (9). Setembro de 2001 ↑ Oz Hassan (2012) 'Constructing Americas freedom agenda for the Middle East' . Página acessada em 15 de outubro de 2014. ↑ «President Bush Meets with Prime Minister Blair» . Georgewbush-whitehouse.archives.gov. 31 de janeiro de 2003 . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ «CIA's final report: No WMD found in Iraq – Conflict in Iraq» . Msnbc.msn.com. 25 de abril de 2005 . Consultado em 1 de setembro de 2008 . Cópia arquivada em 23 de julho de 2008 ↑ a b 'Poll: Talk First, Fight Later' . CBS.com , 24 de janeiro de 2003. Página acessada em 15 de outubro de 2014. ↑ Beltrame, Julian. «Canada to Stay out of Iraq War» . Maclean's . Consultado em 19 de janeiro de 2009 ↑ a b «Guinness World Records, Largest Anti-War Rally» . Guinness World Records . Consultado em 11 de janeiro de 2007 . Cópia arquivada em 4 de setembro de 2004 ↑ 'Seven Years in Iraq: An Iraq War Timeline' . Página acessada em 15 de outubro de 2014. ↑ Goldstein, Joshua S.. Pinker, Steven (18 de novembro de 2011). «War Really Is Going Out of Style» . The New York Times . p. SR4 . Consultado em 19 de dezembro de 2011 ↑ «Gulf War Timeline» . CNN. 2001 . Consultado em 22 de dezembro de 2008 . Cópia arquivada em 28 de abril de 2005 ↑ a b «Iraq tests no-fly zone» . CNN . Consultado em 25 de maio de 2006 ↑ a b «Coalition planes hit Iraq sites in no-fly zone» . CNN . Consultado em 25 de maio de 2006 ↑ «RESOLUTION 687 (1991)» . 8 de abril de 1991 . Consultado em 25 de maio de 2006 . Cópia arquivada em 12 de outubro de 2014 ↑ William, Arkin (17 de janeiro de 1999). «The Difference Was in the Details» . The Washington Post . p. B1 . Consultado em 23 de abril de 2007 . Arquivado do original em 9 de setembro de 2006 ↑ «REPUBLICAN PLATFORM 2000» . CNN . Consultado em 25 de maio de 2006 . Cópia arquivada em 21 de abril de 2006 ↑ «O'Neill: 'Frenzy' distorted war plans account» . CNN. 14 de janeiro de 2004 . Consultado em 26 de maio de 2006 ↑ 'Bush's attack on Richard Clarke' . Página acessada em 12 de outubro de 2014. ↑ Richard Aldrich, 'An extra copy for Mr Philby,' no Times Literary Supplement , 19 de fevereiro de 2010 pp.7–8, p.7 ↑ «Plans For Iraq Attack Began On 9/11» . CBS News. 4 de setembro de 2002 . Consultado em 26 de maio de 2006 . Cópia arquivada em 25 de maio de 2006 ↑ Michael Isikoff. « ' Building momentum for regime change': Rumsfeld's secret memos» . MSNBC . Consultado em 31 de março de 2013 ↑ Smith, Jeffrey R. 'Hussein's Prewar Ties To Al-Qaeda Discounted' . The Washington Post, Friday, 6 de abril de 2007. ↑ 'Chronology of the Bush Doctrine' . Página acessada em 23 de abril de 2007. ↑ George W. Bush, 'President's Remarks at the United Nations General Assembly: Remarks by the President in Address to the United Nations General Assembly, New York, New York', The White House , 12 de setembro de 2002. ↑ 'France threatens rival UN Iraq draft' . BBC News , 26 de outubro de 2002. ↑ «U.S. Wants Peaceful Disarmament of Iraq, Says Negroponte» . Embassy of the United States in Manila. 8 de novembro de 2002 . Consultado em 26 de maio de 2006 . Cópia arquivada em 3 de janeiro de 2006 ↑ «Statements of the Director General» . IAEA . Consultado em 7 de setembro de 2006 . Cópia arquivada em 3 de setembro de 2006 ↑ Blix, Hans (13 de maio de 2003), Thirteenth quarterly report of the Executive Chairman of the United Nations Monitoring, Verification and Inspection Commission in accordance with paragraph 12 of Security council resolution 1284 (1999) , UNMOVIC ↑ «Selected Security Council Briefings» . UNMOVIC . Consultado em 7 de setembro de 2002 . Cópia arquivada em 28 de setembro de 2002 ↑ 'Hans Blix's briefing to the security council' . Acessado em 30 de janeiro de 2008. ↑ George W. Bush. «Third State of the Union Address» . Arquivado do original em 10 de dezembro de 2008 ↑ «US, Britain and Spain Abandon Resolution» . Associated Press. 17 de março de 2003 . Consultado em 6 de agosto de 2006 ↑ «Bush: Iraq is playing 'willful charade ' » . CNN . Consultado em 6 de agosto de 2006 ↑ «President Says Saddam Hussein Must Leave Iraq Within 48 Hours» (Nota de imprensa). White House Office of the Press Secretary. 17 de março de 2003 . Consultado em 28 de julho de 2010 ↑ «Division No. 117 (Iraq)» . Parlamento do Reino Unido . Hansard . 401 (365). 18 de março de 2003 . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «Press Briefing by Ari Fleischer» . The White House press release . Consultado em 21 de julho de 2006 ↑ 'UK combat operations end in Iraq' . Acessado em 25 de março de 2011. ↑ «Bush: Join 'coalition of willing ' » . CNN . 20 de novembro de 2002. Cópia arquivada em 10 de julho de 2007 ↑ «Coalition Members» . The White House . 27 de março de 2003. Cópia arquivada em 20 de setembro de 2010 ↑ Carter, Linwood B. (28 de novembro de 2005). «Iraq: Summary of U.S. Forces» (PDF) . Consultado em 11 de outubro de 2014 . Cópia arquivada em 22 de julho de 2009 ↑ Ford, Peter. A weak northern front could lengthen Iraq War . Christian Science Monitor. Acessado em 7 de maio de 2003. ↑ a b Tucker, Mike. Charles Faddis (2008). Operation Hotel California: The Clandestine War inside Iraq . [S.l.]: The Lyons Press. ISBN 978-1-59921-366-8 ↑ a b «Charles Faddis 'Operation Hotel California' (Lyons Press)» . The Diane Rehm Show . Consultado em 12 de outubro de 2014 ↑ «Saddam's Last Line of Defense» . CBS. 26 de março de 2003 . Consultado em 6 de agosto de 2006 ↑ «Saddam counts on Republican Guard as last chance for defending Baghdad» . Associated Press . Consultado em 6 de agosto de 2006 . Cópia arquivada em 21 de julho de 2006 ↑ Burgess, Mark. «CDI Primer: Iraqi Military Effectiveness» . Center for Defense Information . Consultado em 6 de agosto de 2006 ↑ Windle, David (29 de janeiro de 2003). «Military muscle» . New Scientist . Consultado em 6 de agosto de 2006 ↑ «Iraqi Ground Forces Organization» . GlobalSecurity.org . Consultado em 6 de agosto de 2006 . Cópia arquivada em 19 de julho de 2006 ↑ «Most loyal soldiers in Iraq belong to Fedayeen Saddam» . Seattle Times. 27 de março de 2003 . Consultado em 6 de agosto de 2006 ↑ Evan Wright , Generation Kill , página 249. Berkley Publishing Group, 2004. ISBN 978-0-399-15193-4 ↑ David Zucchino, Thunder Run , página 189. Grove Press, 2004. ISBN 978-0-8021-4179-8 ↑ Peterson, Scott (16 de outubro de 2003). «The rise and fall of Ansar al-Islam» . The Christian Science Monitor . Consultado em 12 de outubro de 2014 ↑ «A People Betrayed, John Pilger» . Zmag.org. 23 de fevereiro de 2003 . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ «Labour claims its actions are lawful while it bombs Iraq, starves its people and sells arms to corrupt states, John Pilger» . Johnpilger.com . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ «No-fly zones: The legal position» . BBC News. 19 de fevereiro de 2001 . Consultado em 13 de setembro de 2009 . Cópia arquivada em 29 de setembro de 2009 ↑ Department of the Official Report (Hansard), House of Commons, Westminster. «UK Parliamentary transcript» . Parliament.the-stationery-office.co.uk . Consultado em 13 de setembro de 2009 !CS1 manut: Nomes múltiplos: lista de autores ( link ) ↑ Smith, Michael (30 de maio de 2005). «The war before the war» . New Statesman . UK . Consultado em 13 de outubro de 2014 . Cópia arquivada em 13 de agosto de 2006 ↑ Smith, Michael (29 de maio de 2005). «RAF bombing raids tried to goad Saddam into war – Times Online» . The Times . Londres . Consultado em 1 de setembro de 2008 . Cópia arquivada em 27 de julho de 2008 ↑ Smith, Michael (19 de junho de 2005). «British bombing raids were illegal, says Foreign Office – Times Online» . The Times . London . Consultado em 1 de setembro de 2008 ↑ Mcsmith, Andy (3 de fevereiro de 2006). «Bush 'plotted to lure Saddam into war with fake UN plane' – Americas, World – Independent.co.uk» . The Independent . London . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ a b «A chronology of the six-week invasion of Iraq» . PBS . 26 de fevereiro de 2004 . Consultado em 19 de março de 2008 . Cópia arquivada em 31 de março de 2008 ↑ «The First Shot» . Airman Magazine . Consultado em 18 de junho de 2008 . Cópia arquivada em 17 de maio de 2008 ↑ «USS Cowpens» . National Park Service . United States Department of Interior. 23 de abril de 2013 . Consultado em 13 de outubro de 2014 ↑ a b Gordon, Michael R. & Trainor, Bernard E. (12 de março de 2006). «Iraqi Leader, in Frantic Flight, Eluded U.S. Strikes» . New York Times . Consultado em 19 de março de 2008 !CS1 manut: Nomes múltiplos: lista de autores ( link ) ↑ «At Saddam's Bombed Palace: New Details About The First Strike On Saddam» . CBS Evening News . 28 de maio de 2003 . Consultado em 19 de março de 2008 ↑ «Transcript: The Invasion of Iraq» . Consultado em 5 de junho de 2011 ↑ Wilkinson, Marian (23 de março de 2003). «Decapitation attempt was worth a try, George» . Sydney Morning Herald . Consultado em 9 de junho de 2008 ↑ Cockburn, Alexander (24 de março de 2007). «Where are the Laptop Bombardiers Now?» . CounterPunch . Consultado em 21 de março de 2008 . Cópia arquivada em 16 de abril de 2008 ↑ «President Bush Addresses the Nation» (Nota de imprensa). Office of the White House Press Secretary . 19 de março de 2003 . Consultado em 29 de outubro de2011 Verifique data em: |acessodata= ( ajuda ) ↑ Operation Hotel California: The Clandestine War inside Iraq , Mike Tucker, Charles Faddis, 2008, The Lyons Press. ↑ «Attack on the 507th Maintenance Company» . The United States Army. 17 de julho de 2003 . Consultado em 13 de outubro de 2014 . Cópia arquivada em 22 de julho de 2009 ↑ Billy House, Mark Shaffer. Arizona Republic (10 de abril de 2003). «Mom, Hopi, hero: Piestewa an icon» . azcentral.com ↑ Lowe, Christian (8 de setembro de 2003). «Stopping Blue-on-Blue» . The Daily Standard . Consultado em 7 de agosto de 2006 ↑ John Pike (24 de março de 2003). «Loss of Apache in Iraq Is Evidence of Vulnerability of Copters to» . Globalsecurity.org . Consultado em 7 de setembro de 2010 ↑ John Pike. «On Point – The United States Army in Operation Iraqi Freedom» . Globalsecurity.org . Consultado em 7 de setembro de 2010 ↑ a b John Pike. «On Point – The United States Army in Operation Iraqi Freedom» . Globalsecurity.org . Consultado em 7 de setembro de 2010 ↑ «Battle through, around Karbala Gap likely to be `hell of a fight ' » . Stars and Stripes . 1 de abril de 2003 . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ 'U.S. Forces Battle Republican Guard Near Karbala' . Página acessada em 14 de outubro de 2014. ↑ «The Euphrates | Michael Kelly» . Jewishworldreview.com. 3 de abril de 2003 . Consultado em 15 de janeiro de 2011 ↑ Anton Antonowicz, ‘ Toppling Saddam's Statue Is The Final Triumph For These Oppressed People ’ no The Mirror, 10 de abril de 2003. ↑ Staff Sergeant Brian Plesich, team leader, Tactical Psychological Operations Team 1153, 305th Psychological Operations Company, 31 de maio de 2003, Col. Gregory Fontenot, Lt. Col. E.J. Degen, and Lt. Col. David Tohn: ‘ On Point: The United States Army in Operation Iraqi Freedom ’, capítulo 6 ‘Regime Collapse’ ↑ Bash, Dana (29 de outubro de 2003). «White House pressed on 'mission accomplished' sign» . CNN . Consultado em 21 de julho de 2006 . Cópia arquivada em 15 de julho de 2006 ↑ «Text of Bush Speech» . CBS News . Associated Press . Consultado em 21 de julho de 2006 . Cópia arquivada em 17 de abril de 2008 ↑ «Operation Iraqi Freedom Maps» . GlobalSecurity.org . Consultado em 21 de julho de 2006 . Cópia arquivada em 20 de julho de 2006 ↑ Knowlton, Brian (15 de novembro de 2006). «Top U.S. general resists calls for pullout from Iraq» . International Herald Tribune . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «Russia denies Iraq secrets claim» . BBC News . Consultado em 7 de agosto de 2006 ↑ Johnson, I.M. ' The impact on libraries and archives in Iraq of war and looting in 2003 – a preliminary assessment of the damage and subsequent reconstruction efforts '. International Information and Library Review, 37 (3), 2005, 209–271. ↑ 'Iraq Death Toll Reaches 500,000 Since Start Of U.S.-Led Invasion, New Study Says' . Página acessada em 14 de outubro de 2014. ↑ «Iraq Body Count: A Dossier of Civilian Casualties in Iraq, 2003–2005.» . Consultado em 2 de maio de 2007 . Cópia arquivada em 9 de novembro de 2009 ↑ Lacey, Jim. Bennett, Brian. Ware, Michael. Perry, Alex. Robinson, Simon. Gupta, Sanjay, M.D. (7 de abril de 2003). «We Are Slaughtering Them» . Time . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «CNN.com – Transcripts» . Transcripts.cnn.com . Consultado em 1 de setembro de 2008 ↑ «Human Rights Watch – Iraqi use of human shields» . Hrw.org . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ «Human Rights Watch – Iraqi abuse of Red Cross and Red Crescent emblems» . Hrw.org . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ Oliver, Mark (28 de março de 2003). «Iraqi militia 'fired on fleeing civilians ' » . The Guardian . Londres . Consultado em 13 de setembro de 2009 . Cópia arquivada em 26 de agosto de 2009 ↑ «Civilians fired on in Basra: UK – ABC News.au» . Austrália: ABC . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ «Iraqi TV shows US dead and POWs» . Sydney Morning Herald . 24 de março de 2003 . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ «Humane Treatment of Prisoners of War» . Geneva Conventions . Consultado em 13 de setembro de 2009 . Cópia arquivada em 1 de fevereiro de 2010 ↑ Payne, Stewart. «Soldier killed in convoy ambush 'was alive for four hours surrounded by mob ' » . Londres: The Telegraph . Consultado em 13 de setembro de 2009 ↑ «Reporters, commentators conduct an in-depth postmortem of Iraq war's media coverage» . Cópia arquivada em 24 de julho de 2007 ↑ «Amplifying Officials, Squelching Dissent» . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «The Times and Iraq» . The New York Times . Consultado em 29 de março de 2010 ↑ «Reporters, commentators visit Berkeley to conduct in-depth postmortem of Iraq war coverage» . Cópia arquivada em 24 de julho de 2007 ↑ «Pros and Cons of Embedded Journalism» . Cópia arquivada em 24 de julho de 2007 ↑ «Postmortem: Iraq war media coverage dazzled but it also obscured» . Cópia arquivada em 24 de julho de 2007 ↑ Steve Rendall and Tara Broughel (2003). «Amplifying Officials, Squelching Dissent» . Fairness and Accuracy in Reporting. Extra! . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «Poll: 70% believe Saddam, 9-11 link» . USA Today . 6 de setembro de 2003. Cópia arquivada em 24 de junho de 2007 ↑ «Misperceptions, the Media and the Iraq War» . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «Murdoch helped start war on Iraq, says Turner» . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «Bush and Iraq: Mass Media, Mass Ignorance» . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ 'Not Worth It: Huge Majority Regret Iraq War, Exclusive Poll Shows' . Página acessada em 10 de outubro de 2014. ↑ «Dealing with Saddam Hussein – Why war would be justified» . The Economist . Consultado em 29 de outubro de 2011 ↑ «The Secret Letter From Iraq» . Time . Consultado em 11 de outubro de 2014 . Cópia arquivada em 7 de setembro de 2008 ↑ 'White House bans news coverage of coffins returning from Iraq' . Página acessada em 11 de outubro de 2014. Ver também [ editar | editar código-fonte ] Guerra do Iraque Juba , franco-atirador da resistência iraquiana. Incursão da Turquia no norte do Iraque Ligações externas [ editar | editar código-fonte ] O Commons possui imagens e outras mídias sobre Invasão do Iraque em 2003 O Wikiquote possui citações de ou sobre: Ocupação do Iraque 'Invasão do Iraque - 10 anos: As derrotas de uma guerra vitoriosa' (em português ) 'The Gulf in 2003' (em inglês ) PBS Frontline: 'Operation Iraqi Freedom – The Invasion of Iraq' (em inglês ) v • e Conflitos no Oriente Médio Conflito árabe-israelense Conflito israelo-palestino - Conflito Israel-Líbano - Guerra árabe-israelense de 1948 – Guerra do Sinai – Guerra dos Seis Dias – Guerra de Desgaste – Guerra de Yom Kipur – Operação Litani – Guerra do Líbano de 1982 – Conflito no sul do Líbano (1982–2000) – Primeira Intifada – Segunda Intifada – Guerra do Líbano de 2006 - Operação Chumbo Fundido – Operação Pilar Defensivo – Operação Margem Protetora Conflitos no Iraque Guerra Irã-Iraque - Guerra do Golfo - Invasão do Kuwait - Revoltas no Iraque de 1991 - Invasão do Iraque - Guerra do Iraque (guerras civis iraquianas: 2003-2011 - 2011-presente ) Conflitos no Afeganistão Invasão soviética do Afeganistão - Guerra Civil Afegã - Invasão norte-americana do Afeganistão - Insurgência talibã Conflitos na Síria Guerra franco-síria - Grande Revolta Síria - Guerra Civil Síria - Conflito no Curdistão Sírio Conflitos no Líbano Conflito Israel-Líbano - Guerra Civil do Líbano - Operação Litani – Guerra do Líbano de 1982 – Conflito no sul do Líbano (1982–2000) – Guerra do Líbano de 2006 Outros Guerra Civil do Iêmen do Norte - Rebelião Dhofar - Guerra Líbia-Egito - Guerra Civil do Iêmen de 1994 - Insurgência islâmica na Arábia Saudita - Conflito de Sa'dah - Insurgência no sul do Iêmen de 2009 Primavera Árabe · Commons · Wikiquotes v • e Guerra ao Terrorismo Linha do Tempo · Vítimas · Lugares · Críticas · FIAS Participantes Operacional FIAS · Participantes na Operação Enduring Freedom · Força Multinacional no Iraque · Afeganistão · Aliança do Norte · Iraque ( Exército do Iraque ) · OTAN · Paquistão · Reino Unido · Estados Unidos · Filipinas · Etiópia Objetivos Al-Qaeda · Osama bin Laden · Abu Sayyaf · Insurgência iraquiana · Hamas · Jihad Islâmica · Conselho Supremo das Cortes Islâmicas · Jemaah Islamiyah · Talibã · Jaish-e-Mohammed · Harkat-ul-Jihad-al-Islami · Hizbul Mujahideen · Hizbollah · Movimento Islâmico do Uzbequistão · Lashkar-e-Taiba · Ajnad Misr Conflitos Operação Enduring Freedom Guerra do Afeganistão · Guerra Civil Síria · Operação Liberdade do Iraque ( Invasão em 2003 . Guerra Civil Iraquiana (2011–presente) ) · OEF - Filipinas · Programa de Equipamento e Treinamento da Geórgia · OEF - Chifre da África · OEF - Trans Saara Outros Insurgência islâmica no Magreb · Insurgência islâmica na Arábia Saudita · Guerra no Noroeste do Paquistão · Conflito no sul da Tailândia · Guerra do Líbano · Guerra na Somália · Conflito Líbano-Fatah al-Islam · Guerra contra o Estado Islâmico · Insurgência islâmica na Nigéria Ataques fundamentalistas 2001–2002 Ataques de 11 de setembro · Ataque à Igreja de Bahawalpur · Ataque ao Parlamento Indiano · Voo 63 da American Airlines · Ataque terrorista à sinagoga de Ghriba · Atentado em Carachi · Acidente de trem de Jaunpur · Ataque ao Templo Akshardham · Atentados de Bali · Ataques de Zamboanga · Acidente de trem de Kurnool 2003–2004 Atantado de Riad · Atentados de Casablanca · Ataques de 2003 em Mumbai · Atentados ao Marriott Hotel de Jacarta · Atentados de Istambul · Atentados do SuperFerry 14 · Atentados de Madrid · Massacre de Khobar · Crise de reféns da escola de Beslan · Atentado de à Embaixada Australiana em Jacarta 2005–2006 Atentado em Londres · 2.º atentando em Londres · Atentado de Sharm el-Sheij · 2.º atentado em Bali · Atentado em Nova Deli · Atentado de Amã · Atentado de 2006 em Varanasi · Atentado de 2006 em Bombaim · Projeto de ataques em companhias aéreas transatlânticas em 2006 · Caso de terrorismo de Toronto em 2006 2007–2008 Atentados de 11 de abril de 2007 · Atentado de Ancara · Atentado em Londres em 2007 · Ataque ao Aeroporto Internacional de Glasgow · Ataque de 2007 a turistas no Iêmen · Ataque de Hyderabad · Atentado de Qahtaniya · Atentado de Carachi · Atentado de Baghlan · Atentado ao Congresso Filipino · Atentado em Argel · Assassinato de Benazir Bhutto · Atentado de Jaipur · Atentado à embaixada dinamarquesa · Atentada à embaixada indiana · Atentado ao consulado dos Estados Unidos · Atentado à embaixada dos Estados Unidos no Iêmen · Atentado de Islamabad · Atentados em Bombaim em 2008 2009-2013 Ataque à equipe de críquete do Sri Lanka · Ataque de 2009 a turistas no Iêmen · Atentado de Lahore · Atentado ao Hotel Pearl Continental · Atentado de Jacarta 2014-atualmente Crise de reféns em Sydney · Massacre do Charlie Hebdo · Massacre de Baga de 2015 · Ataques de Copenhague · Crise de reféns em Túnis em 2015 · Atentado em Ancara em 2015 · Atentado de Suruç · Ataques de novembro de 2015 em Paris · Atentados de Beirute em 2015 · Ataque ao Hotel Radisson em Bamako · Atentados em Bruxelas em março de 2016 · Atentado em Istambul em 2016 · Atentado de julho de 2016 em Nice · Atentados em Jacarta em 2016 · Atentado em Istambul em dezembro de 2016 · Atentado de Berlim em 2016 Veja também Prisão de Abu Ghraib · Eixo do mal · Doutrina Bush · Prisões secretas da CIA · Rendição extraordinária · Prisão de Guantánamo · Lei de comissões militares de 2006 · Combatente ilegal · USA PATRIOT Act · Terrorismo islâmico · Morte de Osama bin Laden Terrorismo · Guerra Obtida de ' https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Invasão_do_Iraque_em_2003&oldid=50894959 ' Categorias : Guerras envolvendo os Estados Unidos Guerras envolvendo o Reino Unido Guerras envolvendo o Iraque Guerra do Iraque 2003 no Iraque Invasões Conflitos em 2003 Categorias ocultas: !CS1 manut: Nomes múltiplos: lista de autores !Páginas com erros CS1: datas !Páginas que usam links mágicos ISBN Menu de navegação Ferramentas pessoais Não autenticado Discussão Contribuições Criar uma conta Entrar Domínios Artigo Discussão Variantes Vistas Ler Editar Editar código-fonte Ver histórico Mais Busca Navegação Página principal Conteúdo destacado Eventos atuais Esplanada Página aleatória Portais Informar um erro Loja da Wikipédia Colaboração Boas-vindas Ajuda Página de testes Portal comunitário Mudanças recentes Manutenção Criar página Páginas novas Contato Donativos Imprimir/exportar Criar um livro Descarregar como PDF Versão para impressão Noutros projetos Wikimedia Commons Ferramentas Páginas afluentes Alterações relacionadas Carregar ficheiro Páginas especiais Hiperligação permanente Informações da página Elemento Wikidata Citar esta página Noutros idiomas العربية Bosanski Català Dansk Zazaki English Esperanto Español فارسی Suomi Français Bahasa Indonesia 한국어 Македонски മലയാളം Bahasa Melayu Mirandés Norsk Polski Română Русский Srpskohrvatski / српскохрватски Simple English Српски / srpski தமிழ் తెలుగు ไทย Українська Tiếng Việt ייִדיש Editar ligações Esta página foi editada pela última vez à(s) 19h52min de 31 de dezembro de 2017. Este texto é disponibilizado nos termos da licença Creative Commons - Atribuição - Compartilha Igual 3.0 Não Adaptada (CC BY-SA 3.0) . pode estar sujeito a condições adicionais. Para mais detalhes, consulte as condições de uso . Política de privacidade Sobre a Wikipédia Avisos gerais Programadores Declaração sobre cookies Versão móvel



http://intervozes.org.br/tag/controle-social-da-midia/
  Controle Social da Mídia | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos Articulações Biblioteca Campanhas Contribua Mobilize Campanhas Ações Judiciais Últimas Notícias Twitter Agenda Controle Social da Mídia 0 Pesquisa sobre proprietários de mídia é lançada em Brasília Por Intervozes em 25 de janeiro de 2018 O lançamento do estudo Quem Controla a Mídia no Brasil acontece em ... Controle Social da Mídia | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos ... Twitter Agenda Controle Social da Mídia 0 Pesquisa sobre proprietários de mídia é lançada em Brasília Por Intervozes em 25 de janeiro de 2018 O lançamento do estudo Quem Controla a Mídia no Brasil acontece ... Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Democracia , Democratização da Comunicação , Marco Regulatório , Políticas de Comunicação , Rádio , Regulação da Mídia , TV 0 Intervozes participa CACHE

Controle Social da Mídia | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos Articulações Biblioteca Campanhas Contribua Mobilize Campanhas Ações Judiciais Últimas Notícias Twitter Agenda Controle Social da Mídia 0 Pesquisa sobre proprietários de mídia é lançada em Brasília Por Intervozes em 25 de janeiro de 2018 O lançamento do estudo Quem Controla a Mídia no Brasil acontece em Brasília no próximo dia 2 de fevereiro às… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Democracia , Democratização da Comunicação , Marco Regulatório , Políticas de Comunicação , Rádio , Regulação da Mídia , TV 0 Intervozes participa de discussão sobre os altos e baixos do maior conglomerado de mídia do Brasil Por Intervozes em 19 de janeiro de 2018 No dia 27 de janeiro, a primeira Conversa Pública do ano colocará a Globo em pauta na Casa Pública. Beth… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Democracia , Democratização da Comunicação , Liberdade de Expressão , Regulação da Mídia , TV 2 Quem controla a mídia no Brasil? Levantamento dos 50 maiores veículos está disponível online Por Intervozes em 6 de outubro de 2017 Hoje dia 31/10, às 18h, foi lançado, em São Paulo, levantamento que revela quem são os proprietários de mídia no Brasil. A pesquisa,… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Internet , Rádios Comunitárias , Regulação da Mídia , Transparência , TV 0 NOTA DE REPÚDIO O AquiPE precisa se retratar para poder se autointitular de jornal Por Intervozes em 5 de setembro de 2017 NOTA DE REPÚDIO O AquiPE precisa se retratar para poder se autointitular de jornal Um dos principais perigos do jornalismo… Continue lendo » Categorias: Nota Pública Tags: Controle Social da Mídia , Direito à Comunicação , Direitos Humanos , Mulheres 0 Conheça as propostas do FNDC para a 1a Conferência Livre de Comunicação em Saúde, que acontece de 18 a 20/04, em Brasília Por Intervozes em 19 de abril de 2017 A 1ª Conferência Nacional Livre de Comunicação em Saúde acontece de 18 a 20 de abril, em Brasília, com a… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Banda Larga , Cidadania , Comunicação Pública , Controle Social da Mídia , Democratização da Comunicação , Direito à Comunicação , Políticas de Comunicação , Regulação da Mídia 0 Intervozes participa de etapas preparatórias no RJ e em SP para I Conferência Nacional Livre de Comunicação em Saúde Por Intervozes em 7 de abril de 2017 De 18 a 20 de abril acontece, em Brasília, a I Conferência Nacional Livre de Comunicação em Saúde. O objetivo… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Controle Social da Mídia , Democratização da Comunicação , Direito à Comunicação , Direitos Humanos , Marco Regulatório , Participação Popular , Políticas de Comunicação , Políticas Públicas 0 Observatório lança série “Debates Fundamentais” Por Intervozes em 22 de dezembro de 2009 Portal lança série especial que vai jogar luz sobre temas como “Convergência Digital” e “Sistema Público”. Quatro documentos, que serão… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: Comunicação Pública , Controle Social da Mídia , Convergência Digital , Direito à Comunicação 0 Intervozes defende controle social em resposta ao Estadão Por Intervozes em 3 de setembro de 2009 Texto enviado ao jornal paulista rebate críticas feitas ao conceito em editorial sobre a I Conferência Nacional de Comunicação e… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: Controle Social da Mídia 0 CMS irá às ruas por concessões públicas com controle social Por Intervozes em 2 de setembro de 2007 Seminário em São Paulo aponta para mobilizações em torno de critérios e transparência para as concessões públicas de rádio e… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia Entre em contato! Endereços Rua Rego Freitas, 454 Cj 92 - 9º andar República • 01220-010 São Paulo • SP Brasil +55 11 3877 0824 Copyleft Intervozes - Coletivo Brasil de Comunicação Social Desenvolvido por com



http://cbblogers.com
  CBBlogers - Comunidade para Blogueiros Sobre o Site Nossos Serviços Banners do CBBlogers Facebook Twitter YouTube Pinterest Instagram CBBlogers Início News Fashion Entrevista Música Tech News Colaboradores Mundo do Blog Começando Segredos de Sucesso Ganhando Dinheiro Redes Sociais Dicas Tech Plataformas Apps Gadget SEO Fotografia Imagens Layout Eventos Comunidade Temas & Discussões Saúde Culinária ... Registro Oportunidades Publicidade em Video Serviços Registro Contato O que devo colocar no Mídia Kit ... colocar no Mídia Kit? por Flavia Martines em Colaboradores , Mundo do Blog , Uncategorized janeiro 9, 2018 4 Olááá!!! Que tal começar o ano com um Mídia Kit? Excelente né?! Mas Flávia o que necessariamente ... Autor do post Flavia Martines Compartilhe Facebook Twitter Pinterest Tags como fazer media kit mídia kit modelo o que colocar Posts relacionados O que devo colocar no Mídia Kit? Tendências no MKT Digital CACHE

CBBlogers - Comunidade para Blogueiros Sobre o Site Nossos Serviços Banners do CBBlogers Facebook Twitter YouTube Pinterest Instagram CBBlogers Início News Fashion Entrevista Música Tech News Colaboradores Mundo do Blog Começando Segredos de Sucesso Ganhando Dinheiro Redes Sociais Dicas Tech Plataformas Apps Gadget SEO Fotografia Imagens Layout Eventos Comunidade Temas & Discussões Saúde Culinária Livros e Poesias Membros Atividades Blog da Semana Os Blogs da Semana Banners do CBBlogers Registro Oportunidades Publicidade em Video Serviços Registro Contato O que devo colocar no Mídia Kit? Tendências no MKT Digital para 2018 Como criar um plano de negócios para o seu Blog Segredos do sucesso Monetização Dicas Tech CBB Responde Colaboradores , Mundo do Blog , Uncategorized O que devo colocar no Mídia Kit? por Flavia Martines em Colaboradores , Mundo do Blog , Uncategorized janeiro 9, 2018 4 Olááá!!! Que tal começar o ano com um Mídia Kit? Excelente né?! Mas Flávia o que necessariamente é o MK? Nada mais é que um documento de apresentação do seu trabalho. Quando somos iniciantes temos muitas dúvidas e principalmente do que colocar ou não nesse documento. Hoje vou falar sobre o que devemos colocar e dar dicas de como fazer isso. Antes de começar a dar as dicas acho importante salientar que nesse primeiro momento para fazer o MK vai requerer um certo esforço, porém após ele feito e estruturado só precisaremos atualiza-lo. Então não se assuste com a quantidade [...] leia mais Autor do post Flavia Martines Compartilhe Facebook Twitter Pinterest Tags como fazer media kit mídia kit modelo o que colocar Posts relacionados O que devo colocar no Mídia Kit? Tendências no MKT Digital para 2018 Como criar um plano de negócios para o seu Blog Colaboradores , Dicas Tech Tendências no MKT Digital para 2018 por Kauany Santos em Colaboradores , Dicas Tech janeiro 8, 2018 1 Você sabia que os INFLUENCIADORES DIGITAIS estão entre as 5 tendências do marketing digital para 2018? Que as empresas já estão investindo nisso não é novidade. Que eles já entenderam a importância dos influenciadores digital no processo de divulgação e geração de vendas também não! Hoje, grandes empresas como Oi, Tim e Nestlé já se renderam a essa estrategia de marketing. O por quê? Elas viram que a conversão do que buscam acontece e o resultado é visível, além de se tornarem mais próxima do publico final. E você, já sabe quais tendências combinam com a sua [...] leia mais Autor do post Kauany Santos Compartilhe Facebook Twitter Pinterest Tags criadores de conteudo digital influenciadores marketing tendências Posts relacionados O que devo colocar no Mídia Kit? Tendências no MKT Digital para 2018 Como criar um plano de negócios para o seu Blog Colaboradores , Mundo do Blog Como criar um plano de negócios para o seu Blog por Flavia Martines em Colaboradores , Mundo do Blog janeiro 2, 2018 2 Oláá!!!! E nada melhor que começar o ano falando de que? De que? METAS!! Se você deseja mais do que nunca colocar o Blog como prioridade, e com ele trabalhar em tempo integral, salve esse post porque hoje vamos falar de como criar um plano de negócios rumo ao sucesso!! Fazer um planejamento requer um pouco de trabalho, mas eu te garanto uma coisa: Quando você terminar vai sentir um sentimento tão bom de dever cumprido que vai valer a pena. Então vamos parar de Blá Blá Blá e vamos às dicas: COMO CRIAR UM PLANO DE NEGÓCIOS O primeiro passo é escrever um resumo, um Sumário [...] leia mais Autor do post Flavia Martines Compartilhe Facebook Twitter Pinterest Tags Metas negocios plano Posts relacionados O que devo colocar no Mídia Kit? Tendências no MKT Digital para 2018 Como criar um plano de negócios para o seu Blog Colaboradores 5 Motivos para Ter Metas para o próximo ano por Juliana Piazzarollo em Colaboradores dezembro 28, 2017 0 Chegamos nós aqui juntinhos no nosso último post do ano. Antes de mais nada quero dizer que é um prazer estar aqui nesse contato com vocês, sempre conversando através de textos com uma linguagem clara, objetiva e simples, para que vocês me entendam como se eu estivesse explicando as coisas para amigos. Espero que nosso objetivo de ajudar você a crescer cada vez mais como profissional. E claro, como pessoa, tenha sido atingido com sucesso. Que 2018 venha com centenas de posts legais, criativos e esclarecedores, e que nossa família Cbblogers possa crescer cada dia mais. Já que 2017 [...] leia mais Autor do post Juliana Piazzarollo Compartilhe Facebook Twitter Pinterest Tags 2018 como montar Metas Posts relacionados O que devo colocar no Mídia Kit? Tendências no MKT Digital para 2018 Como criar um plano de negócios para o seu Blog Colaboradores , Mundo do Blog O que mudou depois da Assessoria? por Flavia Martines em Colaboradores , Mundo do Blog dezembro 27, 2017 0 Oláá!!Último post falando sobre Assessoria do anooo!! E ai? Gostaram? E hoje resolvemos falar um pouco o que fazer parte do Time CBBDigital mudou em nossas vidas e em nossos trabalhos. Será um post participativo onde todas as meninas que colaboram para esse portal ficar sempre atualizado, vão nos dar um pouco da sua história e da sua experiência. O QUE MUDOU PARA VOCÊ? Palavras da Flávia Simplesmente TUDO relacionado ao trabalho que desempenho hoje! Eu trabalhava na Área do Petróleo e tinha o Canal e o Blog como passa tempo. Em novembro de 2016 participei do primeiro Workshop que [...] leia mais Autor do post Flavia Martines Compartilhe Facebook Twitter Pinterest Tags Posts relacionados O que devo colocar no Mídia Kit? Tendências no MKT Digital para 2018 Como criar um plano de negócios para o seu Blog 1 2 3 … 332 » Pesquisar Facebook Twitter YouTube Instagram Linkedin CBBlogers Assinar Blog por Email Endereço de e-mail Tópicos Tópicos Selecionar categoria Análise Analytics Apps Banner Destaque Beleza Blog do Mês Blogs da Semana CBB Responde Colaboradores Começando Como Fazer o seu Blog Crescer Comportamento Culinária Dicas Especiais Dicas Semanais Dicas Tech Entrevista Eventos Fashion Fotografia Gadget Ganhando Dinheiro Imagens Layout Look do Dia Mundo do Blog Mundo dos Negócios Música News Os Blogs da Semana Plataformas Profissão Blogueiro Redes Sociais Saúde Segredos de Sucesso SEO Smart Phones Tech News turismo Uncategorized Vídeo Arquivo Arquivo Selecionar o mês janeiro 2018 dezembro 2017 novembro 2017 outubro 2017 setembro 2017 agosto 2017 julho 2017 junho 2017 maio 2017 abril 2017 março 2017 fevereiro 2017 janeiro 2017 dezembro 2016 novembro 2016 outubro 2016 setembro 2016 agosto 2016 julho 2016 junho 2016 maio 2016 abril 2016 março 2016 fevereiro 2016 janeiro 2016 dezembro 2015 novembro 2015 outubro 2015 setembro 2015 agosto 2015 julho 2015 junho 2015 maio 2015 abril 2015 março 2015 fevereiro 2015 janeiro 2015 dezembro 2014 novembro 2014 outubro 2014 setembro 2014 agosto 2014 julho 2014 junho 2014 maio 2014 abril 2014 março 2014 fevereiro 2014 janeiro 2014 dezembro 2013 novembro 2013 outubro 2013 setembro 2013 agosto 2013 julho 2013 junho 2013 maio 2013 abril 2013 março 2013 fevereiro 2013 janeiro 2013 dezembro 2012 novembro 2012 #CNB #CNB2014 #CNB2015 #CNB2016 apps Beauty blog Blog da Semana blogger Cbblogers CNB2017 colaboradores Começando conteúdo Decor decoração dicas dicas tech Diy Eventos Fashion Fashion Friday fotografia Ganhando Dinheiro Google imagens inspirações Instagram Layout Look do Dia Mundo do Blog mundo dos negócios música Natal news plataformas profissão blogueiro redes sociais segredos de sucesso SEO top blogs Trend Alert Trends verão Vídeo Siga-nos no Facebook Também no Instagram CBB no PFW - ULTIMO DIA! Compartilhe CBB no PFW - ULTIMO DIA! CBB no Paris Fashion Week | Day 2! CBB no Paris Fashion Week | Primeiro dia! Como transformar o seu blog em uma empresa - CBBlogers #CNB2017 - VIDEO OFICIAL DICAS incríveis para o seu STORIES! 5 Melhores dicas da Glamour para crescer seu Instagram TUDO O QUE ROLOU NO MFW | Muita bagunça e diversão! Teaser: #CNB2017 TAG: Uma só palavra! Membros Ativos Recentemente Posts Recentes IDEIAS E TRUQUES DE ORGANIZAÇÃO E DECORAÇÃO PARA COZINHA Mídia Kit Por R$ 30 BLOG DA SEMANA – DO DIA 5 AO DIA 11 DE JANEIRO BLOG DA SEMANA – DO DIA 22 AO DIA 28 DE DEZEMBRO BLOG DA SEMANA – DO DIA 15 AO DIA 21 DE DEZEMBRO BLOG DA SEMANA – DO DIA 8 AO DIA 14 DE DEZEMBRO BLOG DA SEMANA – DO DIA 8 AO DIA 14 DE DEZEMBRO BLOG DA SEMANA – DO DIA 1 AO DIA 7 DE DEZEMBRO Comentários Recentes Pat Figueiredo dentro Nossos Serviços Blog da Sil dentro O que devo colocar no Mídia Kit? jhennifervasconcellos dentro O que devo colocar no Mídia Kit? jhennifervasconcellos dentro Blog da Semana Josi Maia dentro O que devo colocar no Mídia Kit? Fique Ligado Facebook Twitter YouTube Pinterest Instagram NEWSLETTER Assine e receba todas as nossas novidades por email! Endereço de email Copyright © 2012 - 2018 - CBBlogers - Todos os direitos reservados - Qualquer cópia ou reprodução de textos, imagens ou conteúdo, sem autorização prévia, poderá sofrer processo judicial. Pular para a barra de ferramentas Sobre o WordPress WordPress.org Documentação Fóruns de suporte Feedback Login Registrar-se Pesquisar



http://undhorizontenews2.blogspot.com/
  Um Novo Despertar 2 9 de janeiro de 2018 �� URGENTE!!! CONFRONTO TERRÍVEL ENTRE ISRAEL E IRà ESTÁ A CAMINHO. Postado por Um novo Despertar às 18:53 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest UND Amigos leitores volto as postagens normais nessa página dia 22 de Janeiro próximo. Nesse período tem dias que vou ficar sem ... , seu todo família e sua Casa Branca como sendo todos idiotas - e que o estabelecimento de mídia de ... estabelecimento de mídia tradicional de esquerda da elite até permitiu que um mentiroso tão provado como ... revelação de que mais de 90% de sua cobertura do Trump foi negativa. Com a mídia dominante de esquerda ... de polícia e as bases militares A indignação artificial foi então metodicamente fabricada pela mídia ... ecológico no Golfo do México. Desinformação de mídia A opinião pública, influenciada pelo exagero da CACHE

Um Novo Despertar 2 9 de janeiro de 2018 �� URGENTE!!! CONFRONTO TERRÍVEL ENTRE ISRAEL E IRà ESTÁ A CAMINHO. Postado por Um novo Despertar às 18:53 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest UND Amigos leitores volto as postagens normais nessa página dia 22 de Janeiro próximo. Nesse período tem dias que vou ficar sem postar e curtindo férias de blogar E depois retomarei normalmente as postagens Grato pela atenção Postado por Um novo Despertar às 14:48 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest 8 de janeiro de 2018 Guerra cyber modo férias A guerra cibernética ao Irã em mais de 48 milhões de usuários de smartphones foi provocada por demonstrações de protesto O desligamento da Internet de Teerã, sua arma do dia do juízo final para quebrar os protestos anti-governo do ano novo, foi encaminhado com uma velocidade surpreendente. A campanha cibercética bem-sucedida, travada contra o Irã por certas agências de inteligência ocidentais e árabes lideradas pelos EUA, durante as manifestações de protesto de uma semana em todo o Irã, está gradualmente a surgir. Dois novos comentários lançaram luz sobre este concurso e a direção futura do movimento de protesto do Irã depois que ele se esgotou na quinta-feira passada. O diretor da Agência Central de Inteligência, Mike Pompeo, corrigiu o entrevistador do Fox Sunday, Chris Wallace, em 7 de janeiro, que observou que a onda de manifestações acabou. Pompeo colocou com firmeza: 'Eles não estão atrás de nós' - o que significa que, de acordo com suas informações, mais estão a caminho. E em Teerã, as novas leis iranianas reduziram as aulas de inglês para fora do currículo da escola primária depois que o líder supremo, o aiatolá Ali Khamenei, declarou que aprender inglês em uma idade adiantada prepara o caminho para a 'invasão cultural' do Ocidente. A teocracia xiita está claramente envolvida em outra tentativa desesperada de segregar a população de influências externas. Khamenei espera conseguir isso privando a próxima geração da chave essencial para acessar a web mundial - a língua inglesa. Mas quando cada segundo iraniano possui um smartphone completo com aplicativos no bolso, fechar completamente as comunicações das redes sociais mostrou-se além dos poderes dos ciber especialistas do regime na semana passada. Eles tentaram e não conseguiram bloquear o aplicativo Telegram mais popular do Irã, que tem 40 milhões de usuários, para interromper as comunicações entre os comícios de protesto. Antes da erupção desta agitação, as agências de inteligência ocidentais classificaram o Irã como o sexto cyber power do mundo depois dos EUA, Grã-Bretanha, China, Rússia e Israel. Mas quando as agências ocidentais e árabes que operam por trás do movimento anti-governo agiram para reverter o encerramento do governo e restaurar as redes, eles ficaram maravilhados com o quão fácil era. O Departamento de Estado dos EUA desempenhou o seu papel incentivando redes privadas virtuais a ajudar os usuários a ter acesso a sites bloqueados. Em pouco tempo, a arma cibernética havia escorregado do regime dos ayatollahs. As fontes de inteligência do DEBKAfile não ficaram surpresas ao saber que Teerã estava enviando sensores para Moscou e Pequim apelando para assistência especializada para combater os incursões ocidentais em suas redes de comunicações. Isso colocou Vladimir Putin e Xi Jinping em uma posição embaraçosa. Nem está inclinado neste momento a correr contra o presidente Donald Trump no Irã, certamente não no campo da guerra cibernética. Para a Rússia, que já está enredada no lado das posições militares do Irã na Síria, a questão cibernética é um assunto ultra-sensível para suas relações abertas e secretas com Washington. O presidente chinês está no mesmo barco que Putin. https://www.debka.com Postado por Um novo Despertar às 13:05 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest Marcadores: Guerra cyber 7 de janeiro de 2018 Os últimos dias da URSS Postado por Um novo Despertar às 13:11 Um comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest 'Respeitem o meu pacto ou uma nova e mais terrível Guerra Fria começará!... Postado por Um novo Despertar às 12:50 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest 6 de janeiro de 2018 A luta entre Trump e o EP modo férias 6 de janeiro de 2018 O Pânico toma as Elites com a temida 'Armadilha de Trump' que prepara-se para a primavera e CDC avisa de guerra nuclear Um novo e surpreendente novo relatório do Conselho de Segurança (SC) que circula no Kremlin hoje afirma com uma admiração rancorosa que o presidente Donald Trump tornou-se um dos maiores 'mestres maquiavélicos' dos tempos políticos modernos e quem, ao mesmo tempo, seus inimigos esquerdistas de elite está incessantemente torcendo um livro de 'notícia falsa', afirmando que ele perdeu a cabeça - reuniu-se por ele mesmo neste fim de semana, todo o seu principal Partido Republicano e a liderança da agência de inteligência em seu intransponível composto de Camp David - mas isso, o mais importante, não inclui seu procurador-geral Jeff Sessions - que, em vez disso, está se preparando para criar uma das 'armadilhas' mais audaciosas sobre os inimigos de Trump que os Estados Unidos já viram - mas cujo sucesso não está garantido, e é por isso que os Centros de Controle e Prevenção de Doenças de Trump (CDC) anunciou incrivelmente que começará a preparar o povo americano para a guerra nuclear. [Nota: algumas palavras e / ou frases que aparecem em citações neste relatório são aproximações em inglês de palavras / frases russas sem contrapartida exata.] De acordo com este relatório, atuando no modo de um verdadeiro 'Maçavileiro Mestre' - que emprega astúcia e duplicidade em estado civil - o Presidente Trump, durante a totalidade de 2017, sofreu um dos assaltos mais viciosos e sustentados em sua legitimidade já testemunhada nos EUA história - mas quem, sob este assalto implacável, conseguiu criar uma 'armadilha' para seus inimigos esquerdistas de elite - e que ele surgiu nelas há apenas algumas semanas sob a forma de uma nova lei tributária de uma vez em geração - que, em essência e fato, declarou a guerra a nação que os Estados azuis o opõem - e que essas elites de esquerda descreveram como 'um assalto ao fundamento cultural e econômico da América liberal'. Em retaliação rápida, no entanto, este relatório continua, os inimigos esquerdistas de Trump levaram as pressas um livro salgado de 'falsas notícias' intitulado 'Fogo e Fúria: Dentro da Casa Branca de Trump' - em que seu autor, Michael Wolff, retratou Trump, seu todo família e sua Casa Branca como sendo todos idiotas - e que o estabelecimento de mídia de elite de esquerda na América tem usado sem parar para surrar Trump - mas com nenhum deles fornecendo o povo americano com a verdade de quem este autor realmente é - e quem foi descrito como: Pelo antigo repórter de Slate e Politico Jack Shafer: 'Wolff explora a tendência humana de confundir franqueza e crueldade com a verdade. E lembrando repetidamente ao leitor de que é uma desonestidade e uma pequena merda, ele procura inflar sua credibilidade. Um verdadeiro mentiroso não lhe dirá que ele é um mentiroso como Wolff, não é? ' Por Michelle Cottle, editora Atlântic de longa data: 'Muito para o aborrecimento dos críticos de Wolff, as cenas em suas colunas não são recriadas tanto quanto criadas - surgindo da imaginação de Wolff e não do conhecimento real de eventos'. Quanto à forma como o estabelecimento de mídia tradicional de esquerda da elite até permitiu que um mentiroso tão provado como Michael Wolff seja tão proeminente, o relatório diz, fornece a única prova, é preciso ver que sua agenda não está mais reportando notícias e fatos verdadeiros para as pessoas que eles servem - mas, em vez disso, forneceram a prova de que eles se tornaram nada mais do que o braço de propaganda do 'Estado Profundo' que está tentando destruir o Presidente Trump - e é evidenciado pela impressionante revelação de que mais de 90% de sua cobertura do Trump foi negativa. Com a mídia dominante de esquerda de elite americana, portanto, consumindo-se com a tentativa de destruir o Presidente Trump com a exclusão de quase tudo o resto, este relatório continua, os analistas de inteligência do Conselho de Segurança notaram com espanto que apenas mencionam que, em 3 de janeiro, o Procurador-Geral Adjunto de Trump, Rod Rosenstein e o diretor do FBI, Chris Wray, fizeram uma visita sem aviso prévio para ver o poderoso presidente do Partido Republicano da Câmara dos Deputados, Paul Ryan - e cuja reunião também foi acompanhada pelo ex-oficial do Departamento de Justiça dos EUA durante o então presidente Ronald Reagan, , James Wootton. Importante saber sobre o quão crítico James Wootton é para a 'armadilha' que o presidente Trump deve colocar para que seus inimigos esquerdistas de elite se tornem próximos envolvidos, os detalhes deste relatório, é que, enquanto ele era um dos principais funcionários do Departamento de Justiça dos EUA na administração Reagan na década de 1980, ele também era o mentor do advogado dos EUA para o Distrito do Sul do Alabama - que agora é o Procurador-Geral das Tesouras de Trump Jeff Sessions - e que durante a década de 1980 os viu trabalhar juntos para criar vários programas nacionais, incluindo o Centro Nacional para crianças desaparecidas e exploradas. Centro Nacional do FBI para Análise de Crime Violento. Tribunal Nacional nomeado advogados especiais. Centro Nacional de Segurança Infantil. Parceria de Segurança Infantil. Parceria nacional para prevenir o abuso de drogas e álcool e o Programa de Ação Integral de Detenção Habitual Sério. O ex-oficial do Departamento de Justiça dos EUA, James Wootton, é agora um dos homens mais temidos da América E para entender completamente como James Wootton tornou-se o homem mais temido da América para os esquerdistas que lutam contra o presidente Trump, este relatório explica, é preciso voltar ao início de fevereiro de 2016, quando Trump se encontrou em Nova York com Charles Cooper - a fundação parceira do poderoso escritório de advocacia baseado em Washington DC, Cooper & Kirk - e que muitos defendiam se tornar procurador geral do Trump -, mas cujo principal resultado da reunião levou ao senador Jeff Sessions, o senador dos EUA, impressionou o mundo político ao anunciar que ele estava apoiando a proposta de Trump para a presidência. Charles Cooper, membro fundador da Cooper & Kirk, além de se tornar advogado pessoal do Procurador-Geral , e sendo um amigo pessoal próximo de Trump, este relatório continua, também supervisionou o litígio da Safe Streets Alliance - um Washington DC, altamente secreto organização de drogas antidrogas presidida por James Wootton - e que, em 2015, iniciou o ataque mais temido na história dos EUA sobre a chamada indústria legal de maconha - com o advogado de Cooper & Kirk, Brian Barnes, prometeu: 'Estamos dando uma recompensa ao chefes de alguém que faz negócios com a indústria da maconha '. A respeito de como James Wootton e Cooper & Kirk iriam 'colocar a recompensa nas cabeças de qualquer pessoa que faz negócios com a indústria da maconha', este relatório explica, foi direcionando-os a The Racketeer Influenced and Corrupt Organizations Act (RICO) - isto é um lei federal destinada a combater o crime organizado, permitindo ações judiciais e penalidades civis para atividades de agressão associadas a uma empresa criminal em curso e que a lei federal dos EUA é muito clara sobre: ​​'É uma violação da lei federal estar ajudando e incentivando o uso, transporte e venda de maconha '. No início do verão (2017), este relatório continua, James Wootton e Cooper & Kirk ganharam uma vitória impressionante no uso das leis de criminalidade organizada da RICO para direcionar a indústria legal de maconha quando o 10º Tribunal de Apelações do Circuito dos EUA no Colorado decidiu a seu favor - e cujos temores da elite esquerdista da revista Rolling Stone descreveram como: A noção completa de RICO de 'racketeering' cria uma tautologia útil, mas alarmante, dependendo do caso e do seu ponto de vista. Para acusar alguém de escárnio, ou para pedir danos sob agressão, é ir atrás deles pelo crime de cometer um crime. Porque a maconha permanece federalmente ilegal, literalmente todos os envolvidos em mercados de potássio estatais são vulneráveis ​​sob RICO. A quem são os mais vulneráveis ​​a serem alvo das leis de criminalidade organizada da RICO por qualquer coisa que tenha a ver com a maconha, este relatório explica, é quase todo o Estado azul esquerdista da elite, o qual os líderes tentam destruir o presidente Trump, mas quem também tem legalizado a maconha nos Estados Unidos para aumentar suas bases fiscais fracas que a 'armadilha' da lei tributária de Trump foi posta em perigo - e que há dois dias, em 4 de janeiro, viu o procurador-geral Jeff Sessions se juntar a James Wootton e a Cooper & Kirk contando aos EUA com Advogados em toda a América que suas mãos estavam agora desvinculadas quando se tratava de aplicar as leis federais de maconha dos EUA. O presidente Trump, através do Procurador-Geral Sessions, agora apoiando firmemente James Wootton e a Cooper & Kirk para atacar seus inimigos elites de Estado Azul esquerdista destruindo sua base de tributação de maconha, este relatório detalha, ele demonstrou ainda mais suas habilidades de 'Mestre Maquiavelo' na medida em que serão cidadãos particulares, não o seu governo, que destrói a indústria legal de maconha - permitindo assim a Trump declarar legitimamente que não tem nada a ver com o que está acontecendo. Este relatório conclui afirmando que é 'sem dúvida' o que o presidente Trump e seu partido republicano e aliados da inteligência estão atualmente discutindo neste fim de semana em Camp David - como essa nova 'armadilha' que ele colocou para esses elites esquerdistas do Estado Azul de seu é, também, o maior pedaço de barganha já possuído por um líder americano contra seus oponentes - e que o Trump poderia muito bem ganhar dinheiro, concordando em apoiar uma legalização federal da maconha em troca de tudo o que ele quiser (a proibição do santuário do Estado Azul cita / Healthcareoverhaul / Muralha da fronteira mexicana / etc.) - ou, se não houver pechinchas, assistir e não fazer nada, enquanto as Sessões do Procurador Geral desencadeiam suas forças para apoiar James Wootton e Cooper & Kirk enquanto derrubam esses Estados Azul de uma vez por todas, mas com todos, também, esperando que o 'Estado Profundo' não ataquem e derrubem uma cidade inteira por despeito. WhatDoesItMean.Com . Postado por Um novo Despertar às 22:02 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest Marcadores: Estado Profundo EUA sob Trump volta a reescalar contra o Irã modo férias Ato 2 de Trump a repressão ao Irã: reinstalar sanções levantadas sob acordo nuclear Debka Na sequência dos primeiros protestos para atacar o regime iraniano, Washington vai virar o parafuso negando os benefícios financeiros oferecidos pelo acordo nuclear. Para este fim, o presidente Donald Trump usará os prazos que ele enfrenta a partir da próxima semana para certificar o acordo nuclear iraniano e aprovar isenções de sanções. Esta intenção foi indicada pelo secretário de Estado Rex Tillerson em uma entrevista AP sexta-feira, 5 de janeiro. Uma vez que o presidente havia exigido que o acordo nuclear de 2015 com o Irã fosse 'consertado ou cancelado', Tillerson disse que a administração estava trabalhando com os legisladores sobre a legislação para torná-lo mais aceitável para o presidente. Em outubro passado, Trump renunciou, com relutância, a sanções por mais três meses. No entanto, uma vez que o alívio das sanções não foi incorporado no acordo nuclear, que o Irã assinou com seis nações do mundo há três anos, os EUA podem colocá-los de lado sem serem acusados ​​de incumprimento. Os EUA podem, portanto, certificar o quadro ao esvaziá-lo dos benefícios econômicos que a administração Obama concedeu, que funledled centenas de bilhões de dólares para o tesouro iraniano. Isto é o que Tillerson quis dizer 'corrigir' em vez de 'cancelar' o acordo nuclear. Ele é encarregado de reformular o acordo, mantendo a política de Trump para combater a agressão regional do Irã e o apoio contínuo a protestos anti-regime. Essas etapas são componentes da guerra de desgaste prolongada e encenada, a administração Trump começou a orquestrar contra o regime revolucionário xiita em Teerã para o ano de 2018. As seguintes etapas já estão no pipeline, os relatórios DEBKAfile: O presidente Trump pode abster-se desta vez de se inscrever nas isenções de sanção, mas pode re-certificar o cumprimento pelo Irã do acordo. O Departamento do Tesouro dos EUA entretanto anunciou novas sanções visando bancos, entidades financeiras e funcionários - envolvidos no programa de mísseis do Irã ou apoiando o Corpo da Guarda Revolucionária e suas ações para suprimir a dissidência popular. Washington também se atende a entidades do Oriente Médio e além disso, atendem a Teerã e recebem assistência financeira e armas iranianas. Exemplos são o Líbano, o Hezbollah, as milícias xiitas iraquianas sob o comando iraniano, o Hamas, a Jihad Islâmica Palestina e outros. Uma ampla estratégia dos EUA está agora em vigor para parar ou cortar os programas de ajuda americana para entidades e governos que se recusam a cooperar com os objetivos políticos da administração. O plano original de Donald Trump era trabalhar em estreita colaboração com os europeus em seu caminho contra o Irã. Uma vez que os governos europeus não só optaram por não cooperar, mas também se opõem categoricamente ao apoio dos EUA aos manifestantes iranianos, Washington está se esforçando sozinho, sem referência a qualquer capital européia. Trump, portanto, desmantelou um dos princípios básicos que deram origem ao acordo nuclear, uma estreita cooperação entre os EUA, a Rússia e as principais potências européias. A dissolução desta parceria transatlântica confronta o russo Vladimir Putin com um dilema. Alinhar com a Europa no Irã colocaria Moscou em um curso de colisão com a administração Trump. Que Moscou sabe exatamente o que está em jogo, ficou evidente nas observações feitas pelo vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov, em 4 de janeiro, em resposta ao apelo de Washington para que um Conselho de Segurança da ONU discuta a repressão no Irã: 'Avisamos os EUA contra tentativas de interferir nos assuntos internos da República Islâmica do Irã '. Ele também advertiu Washington contra' tentado a usar o momento para criar novas questões em relação ao JCPOA (o acordo nuclear de 2015) '. Postado por Um novo Despertar às 21:36 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest Marcadores: EUA x Irã 5 de janeiro de 2018 Conspiração anti-iraniana modo férias ANATOMIA DO TESTE DE GOLPE DIRIGIDO PELA CIA NO IRà Sexta-feira, 5 de janeiro de 2018 Os EUA, Reino Unido, Israel e Arábia Saudita lideram a conspiração criminal para derrubar o governo Rouhani A REVOLUÇÃO COLORIDA DA CIA NO IRà FOI DESTINADA A FALHAR, O REAL PROPÓSITO FOI JUSTIFICAR NOVAS SANÇÕES The Millennium Report A única maneira de olhar para os protestos descaradamente criados no Irã é considerar o longo jogo de seus inimigos - Israel, Arábia Saudita, Estados Unidos, Reino Unido, etc. Os EUA e Israel chegaram recentemente a um acordo secreto para reverter os ganhos iranianos ao longo do Levante, que se acumulou com a vitória da Guerra Síria. Ambas as nações concordaram em compartilhar inteligência com a Arábia Saudita depois de concordarem mutuamente em desestabilizar o Irã. EUA e Israel alcançam 'plano secreto' para combater o Irã À luz de apenas esses desenvolvimentos recentes, deveria ser óbvio para cada analista geopolítico de poltronas que o C.I.A., o Mossad e o GID sauditas conceberam e levaram a cabo os falsos protestos. Como sempre, é The Company (como o C.I.A. é bem conhecido em círculos de inteligência) que foi a verdadeira força motriz por trás dos protestos em palco. Com mais precisão, foram os poderes furtivos que foram quem ordenou essa maldita operação negra ainda psicopata altamente proposital. Irã Mudança de Regime 2.0: C.I.A. Tentando derrubar ainda outra administração em Teerã Também deve ser óbvio que o mesmo grupo de nações sabia antecipadamente que sua tentativa de golpe contra a administração Rouhane não falharia. E, que a dissidência fabricada foi paga pelo C.I.A. era todo o teatro que poderia ser usado no Conselho de Segurança da ONU para justificar outra rodada de sanções ilegais. Aflições econômicas iranianas Não há dúvida de que o iraniano médio sofreu por um longo período de dificuldades econômicas e financeiras. No entanto, esta situação nacional foi causada diretamente por uma série de sanções ilegais impostas pelos EUA. Sem o apoio zeloso da administração Trump dessas sanções, o resto do mundo as teria abandonado até agora. É de conhecimento geral que as sanções ilegais exigidas pelos Estados Unidos enfraqueceram muito a economia iraniana O ponto crítico aqui é que o próprio presidente Trump ele mesmo enganou que o povo iraniano é vítima de um regime corrupto que invadiu o tesouro. Parece que ele estava realmente falando sobre as últimas 14 administrações dos EUA. Além disso, o tweet altamente inflamatório de Trump realmente parece que veio da boca do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu. Veja: O tweet de Trump criticou falsamente o Irã descrito pelo PM Netanyahu de Israel? PONTO-CHAVE: A estratégia da CIA no Irã é a mesma coisa que o Iraque, a Síria, a Líbia, etc. Levar sanções econômicas contra o país-alvo até que esteja suficientemente enfraquecida para que as pessoas exijam uma mudança de liderança. A Comunidade de Inteligência dos EUA vem usando este esquema ilícito contra a Rússia e o Irã há anos. O que eles não conseguiram perceber é que 'o que não os' mata 'os fortalecerá'. De fato, ambos os países têm expandido suas economias de maneira a garantir sua força nacional no futuro previsível. A verdadeira insanidade dessa conspiração em desenvolvimento perpetrada pelos EUA, U.K., Israel e Arábia Saudita contra o Irã é que eles continuam a correr com o mesmo plano de jogo defeituoso. Com a Internet zumbindo 24 horas por dia, 7 dias por semana, é bastante fácil para qualquer pessoa ver através da decepção Zio-Anglo-americana em curso. O uso sistemático da ONU para o carimbo de borracha do terrorismo financeiro e sabotagem econômica contra uma nação inocente é talvez o ponto mais baixo para o qual um organismo internacional pode descer. Este é particularmente o caso quando o objetivo final é fazer uma guerra não provocada de agressão nua contra uma nação soberana que apenas pretende se defender e proteger seus interesses legítimos. Guerra financeira e econômica contra o Irã e a Rússia se aquece Por estes e muitos outros motivos (por exemplo, Iraque, Líbia, Síria, Afeganistão, Palestina, Líbano), os Estados Unidos perderam toda autoridade moral. Israel, é claro, nunca teve nenhuma autoridade moral sendo o pior fornecedor mundial de terrorismo patrocinado pelo Estado. Arábia Saudita - um reino tirânico governado por déspotas - também não está em posição de ditar ao Irã. Quanto ao imperialismo do Reino Unido, o que pode ser dito sobre um império ainda em colapso que continua a oprimir a comunidade mundial das nações por meio de uma propaganda de guerra e de uma manipulação monetária tão flagrante. No entanto, esses co-conspiradores do Estado-nação farão qualquer coisa para evitar que a BRICS Alliance retire o petrodólar como a moeda de reserva do mundo. A verdade é sobre o que esses protestos se trataram: conter a maré do rápido apoio à diminuição do dólar americano. À medida que o Irã, a Rússia, a China, a Turquia, a Venezuela e muitos outros países despejam o dólar, as nações que dependem imprudentemente (ou seja, o Eixo Zio-Anglo-Americano) só ficarão mais desesperadas para manter seu domínio do comércio mundial. TRUMP,Provocador em Chefe de Guerra À luz dessas sombrias realidades, está claro que o Presidente Trump desconsidera completamente suas promessas de campanha para defender a paz mundial. Não só ele repetidamente quebrou as promessas cruciais para a sua base, ele foi rápido e furiosamente na direção de um movimento belicista. Sua provocativa diplomacia de canhoneiros em direção à Coréia do Norte apenas inflamou uma situação que poderia ter sido facilmente aliviada com uma cabeça de nível. Onde isso diz respeito ao Irã, Trump jogou voluntariamente combustível no fogo do Oriente Médio como nenhum outro POTUS. Por exemplo, Trump's Tweet Promising US Sustentação para Sediciosos iranianos não é bom para qualquer pessoa envolvida. A colaboração do relógio entre a administração Trump e a Mainstream Media no apoio a um golpe de Estado no Irã é bastante suspeita. Enquanto os sionistas de Neocon vencem os tambores de guerra contra o governo iraniano por muitos anos, no presidente Trump aparentemente encontraram seu melhor campeão. E o Departamento de Estado de Trump apenas corroborou essa mudança equivocada na política externa. Essa captura de quadro de vídeo foi tomada por um indivíduo não empregado pela Associated Press e obtido pela AP fora do Irã de FreedomMessenger, que se descreve como uma 'agência de notícias iraniana independente que procura uma mudança completa do regime iraniano, informando sobre a situação dos direitos humanos no Irã ', pretende mostrar ataque à delegacia de polícia do Irã em Qahdarijan, no Irã, terça-feira, 2 de janeiro de 2018. Seis manifestantes foram mortos durante o ataque na delegacia de polícia, de acordo com a TV estatal iraniana. Ele relatou que choques foram provocados por bandidos que tentaram roubar armas da delegacia de polícia. (FreedomMessenger via AP) ANATOMIA DA TENTATIVA DE GOLPE O que o C.I.A. Realmente, no Irã, no final de dezembro, é isso. Primeiro, eles apostaram as cidades e cidades onde as dificuldades econômicas foram as mais intensas. Eles usaram sua rede local de fantasmas para plantar sementes de protesto nos corações e mentes das pessoas mais vulneráveis. Então eles criaram um dia em que todos eles poderiam aparecer com segurança na praça da cidade e protestar. (De que outra forma esses protestos surgiram no Irã no meio do inverno, exceto pela coordenação coerciva da CIA?) Ao agendar todos esses protestos simultaneamente, o C.I.A. garantiu que os manifestantes seriam protegidos pelo seu número e unidade ostensiva. PONTO-CHAVE: A CIA & Company não desperdiçou tempo implementando os vários pontos da sua estratégia de revolução de cores durante as férias, quando os americanos estão previsivelmente distraídos. Por exemplo, executar golpes através do Facebook e guerras civis via Twitter tornou-se C.I.A. procedimento operacional padrão no século XXI. Estes protestos seqüestrados pelo Irã não eram diferentes, é claro, à medida que a exposição seguinte está descoberta. Quem está colocando todos os falsos posts nas mídias sociais deturpando os protestos do Irã? Assim que a primeira rodada de protestos foi concluída, eles foram sumariamente seqüestrados pelos co-conspiradores da ZAAA e utilizados como meio para ameaçar Teerã. Inocentes cidadãos iranianos foram bastante deliberadamente mortos por agentes estrangeiros clandestinos. Havia também agentes estrangeiros que atacaram estações de polícia e bases militares que foram necessariamente mortas pelas autoridades iranianas. Coupado na CIA no Irã Obtém Violentos, Agentes Estrangeiros tentam assumir as estações de polícia e as bases militares A indignação artificial foi então metodicamente fabricada pela mídia ocidental. Em seguida, os EUA, o Reino Unido, Israel e a Arábia Saudita, como se estivessem atentos, pediram uma reunião imediata do Conselho de Segurança. O próximo passo cínico neste processo extremamente duvidoso da ONU será a elaboração de uma resolução injusta para sancionar ainda mais o Irã (apenas defendendo sua cidadania de interferências estrangeiras flagrantes). O Conselho de Segurança nunca aprovará tal abuso do poder da ONU como se houvesse nos últimos tempos. Os principais atores estatais do ZAAA (ver as notas abaixo) serão então forçados a estabelecer um regime de sanção independente que será executado pela administração do Irving. Quanto mais duras as sanções, mais os povos iranianos serão desgastados até serem adequadamente suavizados para serem manipulados em rebelião aberta. Esse dia nunca chegará enquanto Trump for presidente. Ele já provou ser um corretor altamente confiável do processo de paz do Oriente Médio e amigo rápido do Partido Likud conservador do arco em Israel. Qualquer presidente dos Estados Unidos que faça causa comum com o guerreiro endurecido Netanyahu é tão perigoso para a paz mundial quanto eles vieram. CONCLUSÃO Infelizmente, este cenário de desdobramento rápido não pode terminar bem para qualquer um. O enorme desespero exibido pelos principais atores do Eixo Zio-Anglo-Americano está ficando difícil de assistir. Se as trajetórias atuais desta 'estratégia de tensão' pré-planejada se mantenham, a probabilidade da fase quente da Primeira Guerra Mundial só aumentará dramaticamente. Zo-Anglo-Americanos aprovadores da Guerra contra o Irã disparará a fase quente da III Guerra Mundial Portanto, é imperativo que o povo americano exija que o presidente Trump siga suas promessas de fazer a paz e não a guerra. Este único pilar de sua famosa plataforma de campanha foi completamente derrubado, e ele nem completou um ano no cargo. O movimento Trump deve segurar os pés no fogo. Especialmente dada a fragilidade da ordem global e a volatilidade dos assuntos internacionais, a guerra deve ser evitada. O autêntico movimento da verdade entende inteiramente a grande importância desta análise muito pesada. É o movimento patriota que realmente precisa ver a sabedoria de reinar em um POTUS que está sendo mantido em cativeiro pela cabala sionista neoconista. Se Trump não compreender os perigos profundos associados à sua agenda de 'Israel primeiro' de transparência, ele não durará esse termo, nem será reeleito. PONTO-CHAVE: Como a iluminação verde americana do assassinato de um general iraniano pelo Israel MAGA? O Relatório do Milênio 5 de janeiro de 2018 Notas finais * Eixo Zio-anglo-americano: 'O Eixo Zio-Anglo-Americano é representado, em primeiro lugar, pelos principais países de língua inglesa do mundo: EUA, Reino Unido, Canadá, Austrália, Nova Zelândia e Israel. Os países membros europeus da OTAN, como Alemanha, França, Itália, Espanha, Portugal, Bélgica, Polônia, Luxemburgo, Grécia e Países Baixos também estão intimamente alinhados com o ZAAA, assim como todos os países escandinavos. Assim como as nações Ásia-Pacífico Rim do Japão, Coréia do Sul, Taiwan e Filipinas. A Arábia Saudita, a Turquia, o Egito, o Paquistão, o Kuwait, a Jordânia, o Bahrein, os Emirados Árabes Unidos e o Catar também devem (historicamente falando) sua fidelidade ao ZAAA, mas alguns deles mudaram recentemente (mostrado em vermelho). O World Shadow Government é uma organização ultra-secreta e supranacional que controla completamente o Eixo Zio-Anglo-Americano, bem como a União Européia, a OTAN, entre muitas outras entidades institucionais que constituem a Matriz de Controle Global '. (Fonte: Rússia de Vladimir Putin: Folha perfeita para o eixo anglo-americano e sua 'ordem' do novo mundo) ___ http://themillenniumreport.com — THE MILLENNIUM REPORT : Reporting the Most Important News in the World Today Postado por Um novo Despertar às 20:48 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest Marcadores: Irã A iminência do retorno do nazismo na Ucrânia modo férias Futuro líder nazi na Ucrânia ? Oriental Review 5 Jan , 2018 A Ucrânia de hoje é uma reminiscência dolorosa da Alemanha na década de 1920: uma governança pobre em uma guerra perdida, que - somada ao sentido de esperanças traídas e ao declínio acentuado dos rendimentos médios, juntamente com o aumento dos preços - está conduzindo uma massa crítica da População ucraniana em direção a um esmagador sentimento de desespero. Uma demanda do público por uma 'mão forte' - um novo governante autoritário - está se unindo rapidamente, devido à sua insatisfação com o presidente Poroshenko pró ocidental e com todos os outros curtinos que eles receberam desse pobre baralho de cartas políticas. E um homem como esse já existe neste país destituído e desintegrante. Andriy Biletsky, o comandante do Batalhão Azov, conhecido por seus camaradas de armas como o 'Führer Branco', está tornando cada vez maio r nome para si mesmo no parlamento ucraniano. Ele não faz nenhum segredo de seus pontos de vista - em sua declaração de programa de 2014 'O nacionalismo social racial ucraniano é o núcleo da ideologia da organização' Patriota da Ucrânia '. Ele se expressou sem rodeios:' A missão histórica da nossa nação neste momento crítico é liderar a Global White Race em sua cruzada final para sua sobrevivência. Uma cruzada contra o Untermenschen semita. Ele foi atraído pela ideologia nazista enquanto ainda era estudante universitário. No início dos anos 2000, enquanto estudava no departamento de história da Universidade Nacional de Kharkov, escreveu um artigo sobre as atividades do exército insurgente ucraniano colaboracionista durante a Segunda Guerra Mundial. Mais tarde, como afirmou este estudante de história e boxeador amador, 'a preferência foi dada à criação, em vez do estudo da história, e a luta nas ruas em vez de em anéis de boxe'. Nos anos 90 e 2000, quando ele se mudou para a formação de suas próprias organizações nacionalistas, como o Patriot of Ukraine (fundado em conjunto com o atual presidente do parlamento ucraniano, Andriy Parubiy) e mais tarde o Batalhão Azov, Biletsky conseguiu ter uma mão em quase todos os grupos de extrema direita na Ucrânia : o Stepan Bandera Tryzub, o Partido Social-Nacional da Ucrânia e o partido Svoboda (Liberdade). Agora, ele também lidera a Assembléia Social-Nacional, um grupo de guarda-chuva para várias organizações ucranianas racistas e neo-nazistas. Ele próprio afirmou ter tido um envolvimento de primeira mão no que se conhece como ações diretas, ou seja, operações militares e terroristas. Em 1999, junto com um grupo de 'fãs de esportes' nacionalistas de Kharkiv, Biletsky tentou viajar para o Kosovo para ajudar a combater os muçulmanos. Em 2001, ele participou dos tumultos em Kiev durante a campanha de protesto 'Ucrânia sem Kuchma'. Em 2008, ele esteve envolvido em confrontos com a polícia durante uma marcha para homenagear o Exército insurgente ucraniano. Entre 2008 e 2009, ativistas da organização Patriot of Ukraine que estavam sob sua direção atacaram repetidamente indivíduos de aparência não eslava. O jornalista anti-fascista ferido Sergey Kolesnik, um instantâneo do relatório da TV ucraniana sobre o incidente. O jornalista anti-fascista ferido Sergey Kolesnik, um instantâneo do relatório da TV ucraniana sobre o incidente. Em 2011, Biletsky, juntamente com outros dois membros do Patriot of Ukraine, foi preso e acusado de agressão armada: em 23 de agosto desse ano houve uma briga no escritório dessa organização com o jornalista Sergei Kolesnik, que estava fazendo uma história sobre suas atividades . Como resultado, o repórter terminou na sala de emergência com uma lesão na cabeça e lacerações em seu peito. A organização afirmou que as acusações foram inventadas e que os ativistas detidos foram vítimas de uma caçada às bruxas políticas. Eles foram lançados em fevereiro de 2014 após a vitória da Revolução da Dignidade, quando a Verkhovna Rada aprovou a resolução No. 4202, sobre a libertação de prisioneiros políticos. Havia 23 pessoas na lista de detidos para serem libertados, principalmente membros do Patriot of Ukraine. O autor do projeto de lei foi o chefe do Partido Radical, o deputado Oleh Lyashko, que mais tarde trabalhou em estreita colaboração com o Batalhão Azov. Imediatamente após a sua libertação, Biletsky foi encarregado das 'operações especiais' da organização neonazista Right Sector e procedeu a represálias contra 'indesejáveis' - os ucranianos que se opuseram à apreensão ilegal do poder em seu país. Em março de 2014, ele foi responsável por uma explosão que explodiu um monumento e, em seguida, alguns ataques contra residentes locais em Kharkov, resultando na morte de duas pessoas e ferimentos graves a um policial. Em maio de 2014, ele e alguns de seus subordinados estavam envolvidos na execução de policiais em Mariupol que se recusaram a usar suas armas contra civis. Naquela época, Biletsky criou o Batalhão Azoz, uma unidade armada, retaliadora de ativistas de organizações racistas e neonazistas. Sua ideologia é baseada no neonazismo, no militarismo agressivo e no racismo flagrante. O grupo emprega os símbolos Nazis Wolfsangel e Black Sun ('die Schwarze Sonne' - um tipo de suástica com múltiplos raios). No artigo 'Linguagem e raça: o primado da questão', encontrado na pág. 28 de seu livro The Words of the White Führer (em ucraniano), Biletsky insiste em requisitos para a pureza racial da 'nação ucraniana' e na impropriedade de 'aceitar uma pessoa de uma linhagem, mentalidade ou cultura diferente na família de alguém e a nação e permitindo que os próprios genes se misturem com os de uma raça diferente e inferior de pessoas '.' O social-nacionalismo ucraniano considera a nação ucraniana como uma sociedade baseada em uma linhagem e uma raça comuns. '' A raça é primordial para a gênese de uma nação ', afirma o líder da organização. 'As pessoas nascem naturalmente com diferentes habilidades e oportunidades e, portanto, a felicidade de uma pessoa vem de encontrar seu lugar na hierarquia nacional e de realizar conscientemente a tarefa que a vida lhe atribuiu'. “ Ucrânia, você é a luz da Europa! Nossa nação tem força suficiente para enfrentar a pressão dos estrangeiros, purificar a nossa terra e ventilar as chamas da purificação em toda a Europa! '(Biletsky, The Words of the White Führer, pág. 23) Pouco antes das eleições de 2014 Verkhovna Rada (parlamentares), quando perguntado se suas opiniões mudaram, Biletsky respondeu: 'Nós permanecemos fiel a nós mesmos. A própria alma de Azov consiste na ideologia de direita que recebeu como legado do patriota da Ucrânia '. Recusando ter seu nome listado no bilhete do partido da Frente do Povo (liderado por Arseniy 'Yats' Yatsenyuk) durante as eleições parlamentares de 2014, Biletsky reforçou sua posição como líder dos nazistas da Ucrânia e ganhou um assento no parlamento como um candidato independente de um dos distritos de um único assento de Kiev. Na Verkhovna Rada, é vice-chefe do Comitê de Segurança Nacional e Defesa e ironicamente é membro de um grupo sobre relações interparlamentares com a Geórgia, Grã-Bretanha, Israel, Estados Unidos, Polônia e Lituânia. Sua aliança com o novo governo em Kiev tornou possível ao Führer Branco 'legitimar' seus militantes e conseguir que o Estado pague sua manutenção. O Batalhão Azov foi incorporado à Guarda Nacional da Ucrânia, que está sob o controle do ministro dos Assuntos Internos e ex-governador da região de Kharkov, Arsen Avakov. Em novembro de 2014, Avakov postou o seguinte na página do Facebook: 'O trabalho começou a levar esse regimento aos padrões de combate das brigadas da Guarda Nacional. Isso também significa em termos de armas e tecnologia. Atualmente, dezenas de crianças do Batalhão Azov já estão sendo treinadas em uma escola de artilharia, conseguindo o vazio de novos veículos blindados nas gamas de prática e aprendendo a coordenar operações com o esquadrão de tanques atribuído ao seu regimento '. Andriy Biletsky (C) e Arsen Avakov (R na frente) anunciando a incorporação do batalhão Azov na Guarda Nacional da Ucrânia, outubro de 2014 Isso ocorreu aproximadamente na mesma hora em que Azov apresentou sua equipe de jovens - a Juventude Biletsky, às vezes chamada de Juventude da Grande Ucrânia. Desenha adolescentes de 14 a 18 anos. Os membros devem desenvolver-se fisicamente e mentalmente, estudar os fundamentos do social-nacionalismo e reconhecer Andriy Biletsky como Führer ... Apesar de, em junho de 2015, a Câmara dos Deputados dos Estados Unidos bloquear a transferência de mísseis antiaéreos com ombro, conhecidos como MANPADS, para a Ucrânia por medo de que eles caíssem nas mãos dos neonazistas de Azov, alguns políticos europeus certamente não parece considerá-lo como político 'intocável' - logo após a aprovação do projeto de lei dos EUA, o deputado checo Jaromír Štětina convidou Biletskiy para visitar o Parlamento Europeu e compartilhar seus pontos de vista (o convite, aparentemente, não foi aceito). Em outubro de 2016, Biletsky criou seu próprio partido político, o Corpo Nacional, e anunciou sua prontidão para assumir a responsabilidade pelo que estava acontecendo no país. Em 22 de fevereiro de 2017, este partido, juntamente com a Svoboda e o Setor Direito, realizou uma Marcha de Dignidade Nacional em Kiev, o que resultou em um ultimato a ser emitido ao governo, como parte dos quais, os nacionalistas anunciaram a coordenação dos esforços ' para resistir à entrega do país aos invasores armados do leste e sangradores financeiros do Ocidente '. Em 16 de março, essas forças, além do Congresso dos nacionalistas ucranianos, da Organização dos Nacionalistas ucranianos e do grupo neo-nazista C14, assinaram seu Manifesto Nacional. Uma vez que você tira as cláusulas da demagogia social-populista, essa afirmação se resume principalmente ao seguinte: - não olhando para o Ocidente nem para o Oriente, mas para a formação de uma espécie de 'nova aliança européia - uma União do Mar Báltico-Mar Negro - desencadear uma guerra econômica, de propaganda e de guerrilha contra a Crimeia russa - devolver a Ucrânia ao status de uma potência nuclear 'devido à violação do Memorando de Budapeste' - nacionalizar os recursos minerais e a indústria, uma proibição total da venda gratuita de terras agrícolas e uma proibição de tirar o capital do país para esconder o mar Desta forma, as forças de extrema-direita na Ucrânia agora se consolidaram e estão prontas para agir. Nos últimos três anos, a Biletsky evitou cuidadosamente fazer declarações racistas e esteve ocupada tentando esmagar uma imagem positiva de si mesmo para o público ucraniano e internacional. Ele e seus clientes esperam que a crescente crise de poder na Ucrânia e a iminente queda do regime de Poroshenko lhes ofereçam uma oportunidade única de aproveitar o poder. Seu ódio maníaco à Rússia e o desejo de escalar o conflito armado na parte oriental do país provavelmente o ganharão a 'neutralidade benevolente' das principais potências ocidentais, assim como Hitler desfrutou na véspera de seu ataque à URSS. E para qualquer observador imparcial, é claro que 'repúblicas de Weimar' sempre se transformam em Reichs. 'A nova Ucrânia não é uma república ou uma ditadura, mas uma república e uma ditadura. Não socialismo e nacionalismo, mas socialismo nacional. Não é um império e não democracia, mas um império e democracia. '(Biletsky, The Words of the White Führer, pág. 20) Postado por Um novo Despertar às 16:59 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest Marcadores: Crise na Ucrânia Elevação do petróleo modo férias Crise iraniana pode elevar petro a $100 RT 4 de janeiro de 2018 Os preços do petróleo começaram o ano com uma nova alta, já que algumas tensões geopolíticas afastaram as preocupações mais baixas. Tanto a WTI quanto o Brent abriram acima de US $ 60 por barril pela primeira vez em anos. Os protestos no Irã foram o principal motor do sentimento de alta no mercado de petróleo. Demonstrações anti-governamentais varreram o país nos últimos dias e, ao contrário dos protestos generalizados em 2009, os comícios atuais estão relacionados a problemas econômicos e também estão ocorrendo em mais cidades do que apenas Teerã. 'A crescente agitação no Irã preparou a mesa para um início de alta para 2018', disse o relatório Schork em uma nota aos clientes em 2 de janeiro. Pelo menos 14 pessoas foram mortas nos protestos e cerca de 450 foram presas. É o desafio mais sério para o governo iraniano em anos, e o líder supremo do Irã responsabiliza os agentes estrangeiros, presumivelmente os Estados Unidos. 'Nos últimos dias, os inimigos do Irã usaram diferentes ferramentas, incluindo dinheiro, armas, política e aparelhos de inteligência para criar problemas para a República Islâmica'. Disse Ayatollah Ali Khamenei. Enquanto isso, a tensão sobre a Coréia do Norte - embora não um novo desenvolvimento - poderia se espalhar para incluir uma cuspa entre os EUA e a Rússia, bem como os EUA e a China. A Reuters informou no final da semana passada que os petroleiros russos enviaram combustível para a Coréia do Norte em várias ocasiões nos últimos meses, transferindo cargas no mar. Se for verdade, as ações equivalem a uma violação das sanções da ONU. Fontes disseram à Reuters que não há evidências de que o Estado russo estivesse envolvido, mas a notícia aumentou o espectro da tensão russo-americana, pois Washington busca uma linha dura em Pyongyang. O cuspe sobre os embarques de petróleo para a Coréia do Norte também está centrado na China. A Coreia do Sul apreendeu dois navios que supostamente levavam petróleo para a Coréia do Norte. Os EUA tentaram que o Conselho de Segurança da ONU inclua uma lista negra de vários navios suspeitos de enviar petróleo para a Coréia do Norte, mas a China resistiu a tais esforços. O incidente levantou suspeitas em Washington de que a China está contornando as sanções da ONU e fornecendo uma linha de vida para a Coréia do Norte. Os dois pontos de destaque geopolíticos pareciam superar as preocupações mais baixas com o retorno do pipeline Forties de 450,000 bpd para a operação. O canal chave do Mar do Norte chegou on-line nos últimos dias, restaurando o mercado do petróleo do Mar do Norte. A Líbia também reparou um oleoduto que funde em bruto ao seu terminal de exportação Es Sider, aliviando as preocupações sobre o fornecimento interrompido. O retorno esperado do fornecimento de ambos os países tem sido citado pelos analistas como razões para esperar uma queda nos preços do petróleo no início do ano, mas até agora, as tensões no Irã e na Coréia do Norte levaram o dia. Com isso dito, as chances de uma interrupção tangível desses eventos geopolíticos são mínimas. 'Eu não acho que estamos a ver muito risco imediato desses protestos [do Irã] que estão ocorrendo em áreas urbanas, mas acho que é o pano de fundo - tanto político quanto no mercado de petróleo - isso significa que estão chamando a atenção', '. ? disse Richard Mallinson, analista da consultoria Energy Aspects, de acordo com o WSJ. 'A geopolítica vai estar muito mais focada agora que estamos em um mercado mais apertado'. Mas os campos de petróleo do Irã estão localizados longe de qualquer impacto sério das manifestações. 'Até o momento, não há preocupação profunda para uma interrupção da produção de petróleo bruto de 3.8 mb / d no Irã', Bjarne Schieldrop, analista chefe de commodities da SEB, disse em comunicado. 'No entanto, se isso acontecesse, teria um enorme impacto nos preços globais do petróleo bruto. Uma interrupção total de tal magnitude levaria imediatamente o preço do petróleo Brent acima da marca de $ 100 / bl. '?? Como as preocupações de uma interrupção do fornecimento do Irã começam a diminuir, como parece provável, o foco mudará para os fundamentos. A AIE, entre outros, prevê um retorno às construções de inventário no primeiro e possivelmente no segundo trimestre deste ano. Além disso, os investidores acumularam uma aposta extremamente desequilibrada em futuros cruéis, e esses níveis de alta tendem a preceder um selloff. Isso significa que, à medida que esses eventos geopolíticos perdem importância, o risco de curto prazo para os preços do petróleo é muito negativo. 'Não ter pelo menos uma correção sólida para a desvantagem em 2018 com uma alocação mega aloca para começar provavelmente seria a maior surpresa de todo este ano'. Schieldrop acrescentou. Postado por Um novo Despertar às 09:41 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest Marcadores: Irã 4 de janeiro de 2018 Artigo: Irã modo férias Guerra Global. Preparando-se para a III Guerra Mundial, visando o Irã Relatórios de notícias recentes apontam para um chamado 'plano secreto' para destruir e desestabilizar o Irã, cujo primeiro passo é uma revolução das cores. O fato é que esses planos não tão secretos para fazer guerra ao Irã estiveram no tabuleiro de desenho do Pentágono desde meados dos anos noventa, conforme descrito no artigo de Michel Chossudovsky de 2010 publicado abaixo (deslize para baixo): 'O objetivo estratégico de médio prazo é atacar o Irã e neutralizar os aliados do Irã, através da diplomacia da canhoneira. O objetivo militar a longo prazo é direcionar diretamente a China e a Rússia. Enquanto o Irã é o alvo imediato, a implantação militar não se limita, de modo algum, ao Oriente Médio e à Ásia Central. Uma agenda militar global foi formulada. A implantação de tropas de coalizão e sistemas avançados de armas pelos EUA, a OTAN e seus parceiros está ocorrendo simultaneamente em todas as principais regiões do mundo. As ações recentes dos militares dos EUA ao largo da costa da Coréia do Norte [2010], incluindo a realização de jogos de guerra, fazem parte de um projeto global '. (Michel Chossudovsky, 1 de agosto de 2010) *** Guerra Global. Preparando-se para a III Guerra Mundial, visando o Irã Por Michel Chossudovsky Global Research 1 de agosto de 2010 A humanidade está em uma encruzilhada perigosa. Os preparativos de guerra para atacar o Irã estão em 'um estado avançado de prontidão'. Os sistemas de armas de alta tecnologia, incluindo ogivas nucleares, são totalmente implantados. Esta aventura militar esteve no painel de desenho do Pentágono desde meados da década de 1990. Primeiro Iraque, depois o Irã de acordo com um documento de comando central desclassificado de 1995. Escalação faz parte da agenda militar. Enquanto o Irã em 2010], é o próximo alvo, juntamente com a Síria e o Líbano, essa implantação militar estratégica também ameaça a Coréia do Norte, a China e a Rússia. Desde 2005, os EUA e seus aliados, incluindo os parceiros da OTAN da América e Israel, estiveram envolvidos na ampla implantação e armazenamento de sistemas avançados de armas. Os sistemas de defesa aérea dos EUA, países membros da OTAN e Israel estão totalmente integrados. Este é um esforço coordenado do Pentágono, da OTAN, da Força de Defesa de Israel (IDF), com o envolvimento militar ativo de vários países parceiros não-OTAN, incluindo os estados árabes da linha de frente (membros do Diálogo Mediterrâneo da OTAN e Iniciativa de Cooperação de Istambul), Arábia Saudita , Japão, Coréia do Sul, Índia, Indonésia, Cingapura, Austrália, entre outros. (A OTAN é constituída por 28 países membros da OTAN. Outros 21 países são membros do Conselho de Parceria Euro-Atlântico (CPEA), do Diálogo Mediterrâneo e da Iniciativa de Cooperação de Istambul, incluindo dez países árabes e Israel.) Os papéis do Egito, dos estados do Golfo e da Arábia Saudita (dentro da aliança militar estendida) são de particular relevância. O Egito controla o trânsito de navios de guerra e petroleiros através do Canal de Suez. A Arábia Saudita e os Estados do Golfo ocupam as costas do sul do oeste do Golfo Pérsico, o Estreito de Ormuz e o Golfo de Omã. No início de junho [2010], 'o Egito teria permitido que um israelense e onze navios dos EUA passassem pelo Canal de Suez em ... .um sinal aparente para o Irã. ... Em 12 de junho, as lojas de imprensa regionais informaram que os sauditas concederam a Israel o direito de voar sobre o seu espaço aéreo ... '(Muriel Mirak Weissbach, Guerra Insana de Israel contra o Irã deve ser prevenida., Global Research, 31 de julho de 2010) Na doutrina militar pós 11 de setembro, este enorme desdobramento de hardware militar foi definido como parte da chamada 'Guerra Global contra o Terrorismo', visando organizações terroristas 'não-estatais', incluindo a Al Qaeda e os chamados 'patrocinadores estaduais de terrorismo',. incluindo o Irã, a Síria, o Líbano, o Sudão. A criação de novas bases militares dos EUA, o armazenamento de sistemas avançados de armas, incluindo armas nucleares táticas, etc., foram implementados como parte da doutrina militar defensiva preventiva sob o guarda-chuva da 'Guerra Global contra o Terrorismo'. Guerra e crise econômica As implicações mais amplas de um ataque israelense dos EUA-OTAN ao Irã são de grande alcance. A guerra e a crise econômica estão intimamente relacionadas. A economia de guerra é financiada por Wall Street, que é o credor da administração dos EUA. Os produtores de armas dos EUA são os destinatários dos contratos de aquisição de vários bilhões de dólares do Departamento de Defesa dos EUA para sistemas avançados de armas. Por sua vez, 'a batalha pelo petróleo' no Oriente Médio e na Ásia Central atende diretamente os interesses dos gigantes do petróleo anglo-americanos. Os EUA e seus aliados estão 'batendo os tambores da guerra' no auge de uma depressão econômica mundial, para não mencionar a mais grave catástrofe ambiental da história mundial. Em um giro amargo, um dos principais jogadores (BP) no Médio Oriente, o banco de xadrez geopolítico da Ásia Central, anteriormente conhecido como Anglo-Persian Oil Company, é o instigador do desastre ecológico no Golfo do México. Desinformação de mídia A opinião pública, influenciada pelo exagero da mídia, é tácitamente favorável, indiferente ou ignorante quanto aos impactos prováveis ​​do que é confirmado como uma operação 'punitiva' ad hoc dirigida contra as instalações nucleares do Irã, em vez de uma guerra total. Os preparativos para a guerra incluem a implantação de armas nucleares produzidas nos EUA e Israel. Neste contexto, as consequências devastadoras de uma guerra nuclear são banalizadas ou simplesmente não mencionadas. A 'crise real' que ameaça a humanidade, de acordo com a mídia e os governos, não é guerra, mas aquecimento global. A mídia produzirá uma crise onde não há crise: 'um susto global' - a pandemia global H1N1 -, mas ninguém parece ter medo de uma guerra nuclear patrocinada pelos EUA. A guerra contra o Irã é apresentada à opinião pública como uma questão entre outras. Não é visto como uma ameaça à 'Mãe Terra', como no caso do aquecimento global. Não é novidade na primeira página. O fato de que um ataque ao Irã pode levar à escalada e potencialmente liberar uma 'guerra global' não é motivo de preocupação. O Culto da Matança e Destruição A máquina de matar global também é sustentada por um culto imobilizado de matar e destruição que permeia os filmes de Hollywood, para não mencionar as séries de televisão de terror e crime em televisão de rede. Este culto de matar é endossado pela CIA e pelo Pentágono, que também apoia (financeiramente) as produções de Hollywood como instrumento de propaganda de guerra: 'O ex-agente da CIA, Bob Baer, disse-nos:' Há uma simbiose entre a CIA e Hollywood 'e revelou que o ex-diretor da CIA, George Tenet, está atualmente,' em Hollywood, conversando com estúdios '. (Matthew Alford e Robbie Graham, Lights, Camera ... Covert Action: The Deep Politics of Hollywood , Global Research, January 31, 2009). A máquina de matar é implantada em um nível global, dentro do quadro da estrutura de comando de combate unificada. As instituições de governo, as mídias empresariais e os mandarins e intelectuais da Nova Ordem Mundial, em instituições de pesquisa e institutos de pesquisa estratégica de Washington, são rotineiramente confirmados como um instrumento inquestionável de paz e prosperidade global. Uma cultura de matança e violência tornou-se inserida na consciência humana. A guerra é amplamente aceita como parte de um processo societal: a pátria precisa ser 'defendida' e protegida. A 'violência legitima' e os assassinatos extrajudiciais dirigidos contra 'terroristas' são mantidos nas democracias ocidentais, como instrumentos necessários da segurança nacional. Uma 'guerra humanitária' é confirmada pela chamada comunidade internacional. Não é condenado como um ato criminoso. Seus principais arquitetos são recompensados ​​por suas contribuições para a paz mundial. No que diz respeito ao Irã, o que está se desenrolando é a legitimação absoluta da guerra em nome de uma noção ilusória de segurança global. Um ataque aéreo 'preventivo' dirigido contra o Irã levaria à Escalada No presente [2010] existem três diferentes teatros de guerra do Oriente Médio da Ásia Central: Iraque, Af-Pak e Palestina. Se o Irã fosse objeto de um ataque aéreo 'preventivo' pelas forças aliadas, toda a região, do Mediterrâneo Oriental até a fronteira ocidental da China com o Afeganistão e o Paquistão, estender-se-ia, levando-nos potencialmente a um cenário da Segunda Guerra Mundial. A guerra também se estenderia ao Líbano e à Síria. É altamente improvável que os bombardeios, se eles fossem implementados, seriam circunscritos às instalações nucleares do Irã, como afirmam as declarações oficiais dos EUA-OTAN. O que é mais provável é um ataque aéreo total em infra-estrutura militar e civil, sistemas de transporte, fábricas, edifícios públicos. O Irã, com uma estimativa de dez por cento das reservas mundiais de petróleo e gás, ocupa o terceiro lugar depois da Arábia Saudita (25%) e do Iraque (11%) no tamanho de suas reservas. Em comparação, os EUA possuem menos de 2,8% das reservas mundiais de petróleo. As reservas de petróleo dos EUA são estimadas em menos de 20 bilhões de barris. A região mais ampla do Oriente Médio e Ásia Central tem reservas de petróleo que são mais de trinta vezes as dos EUA, representando mais de 60% das reservas totais do mundo. (Veja Eric Waddell, The Battle for Oil, Global Research, dezembro de 2004). Importante é a recente descoberta no Irã da segunda maior reserva conhecida de gás natural em Soumar e Halgan estimada em 12,4 trilhões de pés cúbicos. O objetivo do Irã consiste não só em recuperar o controle anglo-americano sobre a economia de petróleo e gás do Irã, incluindo rotas de gasodutos, e também desafiar a presença e a influência da China e da Rússia na região. O ataque planejado contra o Irã faz parte de um mapa rodoviário global coordenado. Faz parte da 'longa guerra' do Pentágono, uma guerra sem fronteiras impulsionada pelos lucros, um projeto de dominação mundial, uma seqüência de operações militares. Os planejadores militares dos EUA e da OTAN previram vários cenários de escalada militar. Eles também estão conscientes das implicações geopolíticas, a saber, que a guerra poderia se estender além da região do Oriente Médio da Ásia Central. Os impactos econômicos nos mercados de petróleo, etc. também foram analisados. Enquanto o Irã, a Síria e o Líbano são os alvos imediatos, a China, a Rússia, a Coréia do Norte, para não mencionar a Venezuela e Cuba também são objeto de ameaças dos EUA. Está em jogo a estrutura das alianças militares. As implementações militares dos EUA-OTAN-Israel, incluindo exercícios militares e exercícios realizados na Rússia e nas fronteiras imediatas da China, têm uma relação direta com a guerra proposta no Irã. Estas ameaças veladas, incluindo o seu tempo, constituem uma dica óbvia para os antigos poderes da era da Guerra Fria de não intervir de forma alguma que pudesse invadir um ataque liderado pelos EUA contra o Irã. Guerra global O objetivo estratégico de médio prazo é atacar o Irã e neutralizar os aliados do Irã, através da diplomacia da canhoneira. O objetivo militar a longo prazo é direcionar diretamente a China e a Rússia. Enquanto o Irã é o alvo imediato, a implantação militar não se limita, de modo algum, ao Oriente Médio e à Ásia Central. Uma agenda militar global foi formulada. A implantação de tropas de coalizão e sistemas avançados de armas pelos EUA, a OTAN e seus parceiros está ocorrendo simultaneamente em todas as principais regiões do mundo. As ações recentes dos militares dos EUA ao largo da costa da Coréia do Norte, incluindo a realização de jogos de guerra, são parte de um design global. Dirigido principalmente contra a Rússia e a China, EUA, OTAN e exercícios militares aliados, exercícios de guerra, implantações de armas, etc., estão sendo realizados simultaneamente em grandes pontos geopolíticos. - A Península da Coreia, o Mar do Japão, o Estreito de Taiwan, o Mar da China Meridional que ameaça a China. - A implantação de mísseis Patriot na Polônia, o centro de alerta precoce na República Checa ameaçando a Rússia. - Desdobramentos na Bulgária, Romênia no Mar Negro, ameaçando a Rússia. - Desdobramentos das tropas dos EUA e da OTAN na Geórgia. - Uma formidável implantação naval no Golfo Pérsico, incluindo os submarinos israelenses dirigidos contra o Irã. Ao mesmo tempo, o Mediterrâneo Oriental, o Mar Negro, o Caribe, a América Central e a região andina da América do Sul são áreas de militarização em andamento. Na América Latina e no Caribe, as ameaças são dirigidas contra a Venezuela e Cuba. US 'Military Aid' Por sua vez, as transferências de armas em larga escala foram realizadas sob a bandeira da 'ajuda militar' dos EUA para países selecionados, incluindo um acordo de armas de 5 bilhões de dólares com a Índia, que se destina a construir as capacidades da Índia dirigidas contra a China. (Huge EUA - Acordo de Armas da Índia para Conter a China, Global Times, 13 de julho de 2010). '[A] venda de armas melhorará os laços entre Washington e Nova Deli, e, intencionalmente ou não, terá o efeito de conter a influência da China na região', citado em Rick Rozoff, enfrentando a China e a Rússia: os EUA arriscam o choque militar com China Em Yellow Sea, Global Research, 16 de julho de 2010) Os EUA têm acordos de cooperação militar com vários países do Sudeste Asiático, incluindo Cingapura, Vietnã e Indonésia, envolvendo 'ajuda militar', bem como a participação em jogos de guerra liderados pelos EUA no Pacific Rim (julho-agosto de 2010). Esses acordos apoiam as implantações de armas dirigidas contra a República Popular da China. (Veja Rick Rozoff, Enfrentando a China e a Rússia: Riscos contra os militares do país com a China em Yellow Sea, Research Global, 16 de julho de 2010). De forma semelhante e mais diretamente relacionada ao ataque planejado contra o Irã, os EUA estão armando os Estados do Golfo (Bahrain, Kuwait, Catar e Emirados Árabes Unidos) com mísseis interceptores terrestres, Patriot Advanced Capability-3 e Terminal High Altitude Area Defense ( THAAD), bem como os interceptores Standard-Missile-3 baseados no mar instalados em navios de guerra da classe Aegis no Golfo Pérsico. (Veja Rick Rozoff, O papel da OTAN no cerco militar do Irã, Global Research, 10 de fevereiro de 2010). O calendário de estocagem e implantação militar O que é crucial em relação às transferências de armas dos EUA para países parceiros e aliados é o momento real de entrega e implantação. O lançamento de uma operação militar patrocinada pelos EUA normalmente ocorreria uma vez que estes sistemas de armas estejam implantados, efetivamente implantados com a implementação do treinamento de pessoal. (por exemplo, Índia). O que estamos lidando é um projeto militar global cuidadosamente coordenado, controlado pelo Pentágono, envolvendo as forças armadas combinadas de mais de quarenta países. Esta implantação militar multinacional global é, de longe, a maior exibição de sistemas avançados de armas na história mundial. Por sua vez, os EUA e seus aliados estabeleceram novas bases militares em diferentes partes do mundo. 'A superfície da Terra está estruturada como um campo de batalha amplo'. (Veja Jules Dufour, A Rede Mundial de Bases Militares dos EUA, Global Research, 1 de julho de 2007). A estrutura do Comando Unificado dividida em Comandos Combatentes geográficos baseia-se em uma estratégia de militarização a nível global. 'Os militares dos EUA têm bases em 63 países. Novas bases militares foram construídas desde 11 de setembro de 2001 em sete países. No total, existem 255.065 militares dos EUA implantados em todo o mundo '. (Ver Jules Dufour, The Worldwide Network of US Military Bases, Global Research, 1 de julho de 2007 Fonte: DefenseLINK-Unified Command Plan Cenário da Terceira Guerra Mundial 'As áreas de responsabilidade dos comandantes mundiais' (veja o Mapa acima) define o design militar global do Pentágono, que é um dos conquistas mundiais. Esta implantação militar está ocorrendo em várias regiões simultaneamente sob a coordenação dos Comandos regionais dos EUA, envolvendo o armazenamento de sistemas de armas fabricados nos EUA por forças dos EUA e países parceiros, alguns dos quais são antigos inimigos, incluindo o Vietnã e o Japão. O contexto atual é caracterizado por uma acumulação militar global controlada por uma superpotência mundial, que está usando seus numerosos aliados para desencadear guerras regionais. Em contraste, a Segunda Guerra Mundial era uma conjunção de teatros de guerra regionais separados. Dadas as tecnologias de comunicação e os sistemas de armas da década de 1940, não houve uma coordenação estratégica 'em tempo real' em ações militares entre regiões geográficas amplas A guerra global baseia-se na implantação coordenada de um único poder militar dominante, que supervisiona as ações de seus aliados e parceiros. Com a exceção de Hiroshima e Nagasaki, a Segunda Guerra Mundial caracterizou-se pelo uso de armas convencionais. O planejamento de uma guerra global depende da militarização do espaço exterior. Se uma guerra fosse dirigida contra Irã para ser lançada, não usaria apenas armas nucleares, seria utilizada toda a gama de novos sistemas de armas avançadas, incluindo armas eletrométricas e técnicas de modificação ambiental (ENMOD). O Conselho de Segurança das Nações Unidas O Conselho de Segurança da ONU adotou no início de junho uma quarta rodada de amplas sanções contra a República Islâmica do Irã, que incluiu um embargo ampliado de armas, bem como 'controles financeiros mais duros'. Com uma ironia amarga, esta resolução foi aprovada dentro de alguns dias da recusa absoluta do Conselho das Nações Unidas para a Secridade de adotar uma moção condenando Israel pelo ataque à Flotilha da Liberdade de Gaza nas águas internacionais. Tanto a China como a Rússia, pressionadas pelos EUA, aprovaram o regime de sanções do CSNU, em detrimento deles. A sua decisão dentro do UNSC contribui para enfraquecer sua própria aliança militar, a organização de Cooperação de Xangai (SCO), na qual o Irã tem status de observador. A resolução do Conselho de Segurança congela os acordos comerciais e de cooperação militar da China e da Rússia com o Irã. Tem graves repercussões no sistema de defesa aérea do Irã, que em parte depende da tecnologia e da experiência russas. A resolução do Conselho de Segurança concede uma 'luz verde' de fato para fazer uma guerra preventiva contra o Irã. A Inquisição Americana: Construindo um Consenso Político para a Guerra Em coro, a mídia ocidental marcou o Irã como uma ameaça à segurança global em vista do suposto (não existente) programa de armas nucleares. Fazendo eco de declarações oficiais, a mídia está agora a exigir a implementação de atentados punitivos dirigidos contra o Irã, a fim de salvaguardar a segurança de Israel. A mídia ocidental está batendo a bateria da guerra. O objetivo é incutir tacitamente, através de relatórios repetidos de mídia, ad nauseam, dentro da consciência interna das pessoas, a noção de que a ameaça iraniana é real e que a República Islâmica deve ser 'retirada'. Um processo de construção de consenso para fazer guerra é semelhante à inquisição espanhola. Exige e exige submissão à noção de que a guerra é um esforço humanitário. Conhecido e documentado, a ameaça real para a segurança global emana da aliança EUA-OTAN-Israel, mas as realidades em um ambiente inquisitorial são invertidas: os guerreiros estão comprometidos com a paz, as vítimas da guerra são apresentadas como protagonistas da guerra. Enquanto em 2006, quase dois terços dos americanos se opunham a uma ação militar contra o Irã, uma recente pesquisa de Reuter-Zogby em fevereiro de 2010 sugere que 56% dos americanos defendem uma ação militar norte-americana contra o Irã. Construir um consenso político que se baseia em uma mentira absoluta não pode, no entanto, depender unicamente da posição oficial daqueles que são a fonte da mentira. O movimento anti-guerra nos EUA, que em parte foi infiltrado e cooptado, assumiu uma posição fraca em relação ao Irã. O movimento anti-guerra é dividido. A ênfase tem sido em guerras que já ocorreram (Afeganistão, Iraque) ao invés de combater vigorosamente as guerras que estão sendo preparadas e que estão atualmente no quadro de desenho do Pentágono. Desde a inauguração da administração Obama, o movimento anti-guerra perdeu um pouco de seu ímpeto. Além disso, aqueles que se opõem ativamente às guerras no Afeganistão e no Iraque, não se opõem necessariamente à conduta de 'atentados punitivos' dirigidos ao Irã, nem categorizam esses atentados como um ato de guerra, o que poderia ser um prelúdio para a III Guerra Mundial. A escala de protesto anti-guerra em relação ao Irã tem sido mínima em comparação com as manifestações em massa que precederam o bombardeio de 2003 e a invasão do Iraque. A ameaça real para a segurança global emana da aliança EUA-OTAN-Israel. A operação do Irã não se opõe na arena diplomática pela China e pela Rússia. tem o apoio dos governos dos estados árabes da linha de frente que são integrados no diálogo mediterrâneo patrocinado pela OTAN. Também tem o apoio tácito da opinião pública ocidental. Convocamos as pessoas em toda a terra, na América, na Europa Ocidental, em Israel, na Turquia e em todo o mundo para se levantar contra este projeto militar, contra seus governos que apoiam a ação militar contra o Irã, contra a mídia que serve para camuflar o devastador implicações de uma guerra contra o Irã. A agenda militar apoia um sistema econômico global destrutivo impulsionado pelos lucros que empobrece grandes setores da população mundial. Essa guerra é pura loucura. A III Guerra Mundial é terminal. Albert Einstein compreendeu os perigos da guerra nuclear e a extinção da vida na Terra, que já começou com a contaminação radioativa resultante do urânio empobrecido. 'Eu não sei com quais armas a Guerra Mundial III será combatida, mas a Guerra Mundial IV será combatida com varas e pedras'. A mídia, os intelectuais, os cientistas e os políticos, em coro, obscurecem a verdade incalculável, a saber, que a guerra usando ogivas nucleares destrói a humanidade e que este complexo processo de destruição gradual já começou. Quando a mentira torna-se a verdade, não há volta para trás. Quando a guerra é defendida como um esforço humanitário, a Justiça e todo o sistema jurídico internacional são invertidos: o pacifismo e o movimento anti-guerra são criminalizados. Opondo-se a guerra se torna um ato criminoso. A Mentira deve estar exposta pelo que é e o que faz. Ele sanciona o assassinato indiscriminado de homens, mulheres e crianças. Destrói famílias e pessoas. Destrói o compromisso das pessoas com seus semelhantes. Isso evita que as pessoas expressem sua solidariedade para aqueles que sofrem. Defende a guerra e o estado policial como única avenida. Destrói o nacionalismo e o internacionalismo. Romper a mentira significa quebrar um projeto criminoso de destruição global, no qual a busca pelo lucro é a força primordial. Esta agenda militar impulsionada por lucros destrói os valores humanos e transforma as pessoas em zumbis inconscientes. Deixe-nos reverter a maré. Desafie os criminosos de guerra em altos cargos e os poderosos grupos de lobby corporativos que os apoiam. Quebre a inquisição americana. Acredite a cruzada militar EUA-NATO-Israel. Feche as fábricas de armas e as bases militares. Traga para casa as tropas. Membros das forças armadas devem desobedecer as ordens e se recusarem a participar de uma guerra criminal. Michel Chossudovsky é um autor premiado, Professor de Economia (Emérito) na Universidade de Ottawa e Diretor do Centro de Pesquisa em Globalização (CRG), Montreal. Ele é o autor da Globalização da Pobreza e da Nova Ordem Mundial (2003) e da 'Guerra contra o Terrorismo' (2005) da América. Ele também é colaborador da Encyclopaedia Britannica. Seus escritos foram publicados em mais de vinte idiomas. ele pode ser contactado no site globalresearch.ca PUBLICAÇÃO RECENTE PELA GLOBAL RESEARCH **NEW: Towards a World War III Scenario: The Dangers of Nuclear War click to order by Michel Chossudovsky ________________________________________________________________________________ Artigos relacionados “War without Borders”: Obama’s “Long War” – by Michel Chossudovsky – 2010-05-15 VIDEO: Will US-NATO Start World War III by Attacking Iran? – by Michel Chossudovsky – 2010-02-20 Any kind of military action directed against Iran would immediately lead to escalation Obama and the Nobel Prize: When War becomes Peace, When the Lie becomes the Truth – by Michel Chossudovsky – 2009-10-11 When fiction becomes truth and truth becomes fiction. When a global military agenda is heralded as a humanitarian endeavor. US-NATO Military Agenda: The Destabilization of Pakistan – by Michel Chossudovsky – 2009-04-17 9/11 and the “American Inquisition” – by Michel Chossudovsky – 2008-09-11 Anybody who opposes the American Inquisition is a heretic conspiracy theorist or an accomplice of the terrorists. The Eurasian Corridor: Pipeline Geopolitics and the New Cold War – by Michel Chossudovsky – 2008-08-22 The ongoing crisis in the Caucasus is intimately related to the strategic control over energy pipeline & transportation corridors. “Naval Blockade” or All Out War Against Iran? – by Michel Chossudovsky – 2008-08-13 AUDIO: “Iran: All Out War or Economic Conquest” Radio Interview – by Michel Chossudovsky – 2008-07-19 Planned US Israeli Attack on Iran: Will there be a War against Iran? – by Michel Chossudovsky – 2008-05-14 Since the mid-1990s, as part of strategic “sequencing” of “in war theater operations”, USCENTCOM had formulated plans to invade first Iraq and then Iran. The US-NATO Preemptive Nuclear Doctrine: Trigger a Middle East Nuclear Holocaust to Defend “The Western Way of Life” – by Michel Chossudovsky – 2008-02-11 For NATO and the Pentagon, the option of a nuclear first strike is indispensable. Bush’s World War Three – by Michel Chossudovsky – 2007-10-17 The specter of a nuclear holocaust, which haunted the world for half a century has been relegated to the status of “collateral damage”. VIDEO: America’s “Long War”. From the Truman Doctrine to the NeoCons The History of US War Crimes – by Prof. Michel Chossudovsky – 2007-07-05 It is a profit driven military agenda. The “Global War on Terrorism” is a Fabrication. “Islamic Terrorists” supported by Uncle Sam: Bush Administration “Black Ops” directed against Iran, Lebanon and Syria – by Prof Michel Chossudovsky – 2007-05-31 The CIA has received secret presidential approval to mount a “Black Op” to destabilize Iran The War on Iran. – by Michel Chossudovsky – 2007-04-01 The US war games were conducted at a time of diplomatic tension and confrontation. Both the US and Iran are on a war footing The Criminalization of US Foreign Policy From the Truman Doctrine to the Neo-Conservatives – by Michel Chossudovsky – 2007-02-05 The World is at the crossroads of the most serious crisis in modern history. The US has embarked on a military adventure, “a long war”, which threatens the future of humanity. Is the Bush Administration Planning a Nuclear Holocaust?. Detailed article published in February 2006 – by Michel Chossudovsky – 2007-01-07 The new nuclear doctrine turns concepts & realities upside down. It states that nuclear weapons are “safe” and their use will ensure “minimal collateral damage”. Nuclear War on Iran Detailed review first published in January 2006 – by Michel Chossudovsky – 2007-01-07 Planned US-Israeli Nuclear Attack on Iran – by Michel Chossudovsky – 2007-01-07 The “Demonization” of Muslims and the Battle for Oil – by Michel Chossudovsky – 2007-01-04 Muslim countries possess three quarters of the World’s oil reserves. In contrast, the United States of America has barely 2 percent of total oil reserves. Global Research Postado por Um novo Despertar às 22:19 Nenhum comentário: Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest Marcadores: EUA x Irã Postagens mais antigas Página inicial Assinar: Postagens (Atom) Seguidores Quem sou eu Um novo Despertar Blog de Daniel Lucas Since 11 de Setembro de 2010. Sejam bem vindos! Visualizar meu perfil completo Translate Total de visualizações de página Pesquisar este blog Arquivo do blog ▼ 2018 (33) ▼ Janeiro (33) �� URGENTE!!! CONFRONTO TERRÍVEL ENTRE ISRAEL E IR... UND Guerra cyber Os últimos dias da URSS 'Respeitem o meu pacto ou uma nova e mais terrível... A luta entre Trump e o EP EUA sob Trump volta a reescalar contra o Irã Conspiração anti-iraniana A iminência do retorno do nazismo na Ucrânia Elevação do petróleo Artigo: Irã Mais um pouco a C.do Norte se auto destrói kkkk China não quer saber dos protestos no Irã O corte de ajuda dos EUA aos palestinos e Hezbolla... EUA prontos para impor mais sanções contra o Irã Irã China pronta para a guerra Protestos no Irã A guerra de ego dos botões nucleares Tentativa de reaproximação intercoreana China desdobrando-se em antecipação a uma provável... Previsões geopolíticas Irã acusa alguns países por tentarem desestabiliza... Coréia do Norte e seus foguetes O Irã vive uma onda de protestos contra o governo Conspiração anti-iraniana Irã sob onda de protestos Irã sob tensão Tensão na Caxemira indiana Protestos no Irã A Guerra Mundial Mineral A mensagem de Kim Um Feliz 2018 ► 2017 (2795) ► Dezembro (239) ► Novembro (300) ► Outubro (271) ► Setembro (273) ► Agosto (251) ► Julho (210) ► Junho (159) ► Maio (189) ► Abril (343) ► Março (197) ► Fevereiro (178) ► Janeiro (185) ► 2016 (2539) ► Dezembro (147) ► Novembro (158) ► Outubro (240) ► Setembro (166) ► Agosto (250) ► Julho (160) ► Junho (258) ► Maio (241) ► Abril (218) ► Março (219) ► Fevereiro (275) ► Janeiro (207) ► 2015 (2349) ► Dezembro (94) ► Novembro (201) ► Outubro (243) ► Setembro (148) ► Agosto (126) ► Julho (164) ► Junho (213) ► Maio (180) ► Abril (191) ► Março (290) ► Fevereiro (249) ► Janeiro (250) ► 2014 (1795) ► Dezembro (75) ► Setembro (135) ► Agosto (307) ► Julho (284) ► Junho (266) ► Maio (289) ► Abril (384) ► Março (55) Minha lista de blogs UFOS ONLINE Ex-capitão do exército dos EUA: A Lua é uma prisão e há seres humanos escravizados!! RESUMO Fenômeno raro: Neva no deserto do Saara. Laura Botelho The “Blob” – a mancha morna no Oceano SONIA FURTADO URGENTE! FORTE TERREMOTO NO MÉXICO HÁ QUASE 02 HORAS..... Sou Mais Brasil O brasileiro e sua idiotização através da mídia Google+ Followers Tema Janela de imagem. Imagens de tema por Colonel . Tecnologia do Blogger .



https://pt.wikipedia.org/wiki/Concentra%C3%A7%C3%A3o_de_propriedade_da_m%C3%ADdia
  Concentração de propriedade da mídia – Wikipédia, a enciclopédia livre Concentração de propriedade da mídia Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Jornalismo Tópicos principais Artigo principal Jornais e revistas Mídias Jornal Jornal online Revista Rádio Televisão Cinema Agência de notícias Syndicate Podcast Grande mídia Mídia alternativa Mídia independente Linguagens ... Concentração de propriedade da mídia – Wikipédia, a enciclopédia livre Concentração de propriedade da mídia Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Jornalismo Tópicos ... Cinema Agência de notícias Syndicate Podcast Grande mídia Mídia alternativa Mídia independente ... Metajornalismo Conceitos Notícia Imprensa Mídia Comunicação Matéria Artigo Manchete Lide Furo Fonte ... invertida Censura Liberdade de imprensa Concentração de mídia Convergência tecnológica Democratização da CACHE

Concentração de propriedade da mídia – Wikipédia, a enciclopédia livre Concentração de propriedade da mídia Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação , pesquisa Jornalismo Tópicos principais Artigo principal Jornais e revistas Mídias Jornal Jornal online Revista Rádio Televisão Cinema Agência de notícias Syndicate Podcast Grande mídia Mídia alternativa Mídia independente Linguagens Fotojornalismo Radiojornalismo Telejornalismo Radialismo Webjornalismo Cinejornalismo Funções e processos Pauta Reportagem Apuração Redação Revisão Edição Diagramação Infografia Fotografia Câmera Videorreportagem Locução Âncora Correspondência ( de Guerra ) Crítica Editorial Ombudsman Assessoria de imprensa Freelance Colunista Comercial Impressão Distribuição Jornaleiro Especializações e estilos Internacional Política Economia Cidade Ciência Cultura Esportes Turismo Meio Ambiente Educação Comportamento Polícia Investigação Alternativo Jurídico Legislativo Institucional Empresarial Sindical Cívico Cidadão Comunitário Bairros Serviços New journalism Literário Gonzo Marrom Livro-reportagem Metajornalismo Conceitos Notícia Imprensa Mídia Comunicação Matéria Artigo Manchete Lide Furo Fonte Entrevista Coletiva Ética Fraude Sensacionalismo Paparazzo Faits divers Valor-notícia Pirâmide invertida Censura Liberdade de imprensa Concentração de mídia Convergência tecnológica Democratização da comunicação Fluxo de informação Imperialismo cultural Inclusão digital Sociedade da informação Pós-modernidade Formatos Berlinense • Standard • Tabloide • Compacto Outros tópicos Escola de jornalismo • Técnica de redação • Op-Ed • Plantão • Prêmio Pulitzer • Prêmio Esso • Prémios Gazeta • RSF • Newsroom v • e A concentração da propriedade da mídia ocorre quando poucos indivíduos ou organizações controlam grandes fatias dos meios de comunicação social . [ 1 ] Pesquisas recentes revelam que tem ocorrido aumento dessa concentração na medida em que muitas áreas do setor são controladas por um número reduzido de firmas, o que configura oligopólio . [ 2 ] [ 3 ] Alguns exemplos de grandes conglomerados nos meios de comunicação são: Viacom , CBS Corporation , Time Warner , News Corp , Bertelsmann AG , Sony , Comcast , Vivendi , Televisa , The Walt Disney Company , Hearst Corporation , Grupo Globo e Grupo Lagardère . [ 4 ] [ 5 ] [ 6 ] Por outro lado, em países geralmente descritos como autoritários - tais como China , Cuba e Rússia -, a propriedade da mídia é algo muito semelhante a um monopólio estatal . Índice 1 Oligopólio 2 Concentração de mídia por país 2.1 Austrália 2.2 Brasil 2.3 Estados Unidos 2.4 México 3 Referências 4 Ver também 5 Ligações externas Oligopólio [ editar | editar código-fonte ] Um oligopólio ocorre quando poucas firmas dominam o fornecimento de um serviço em um mercado específico. [ 7 ] Quando empresas maiores compram as menores, elas aumentam a concentração de mercado , o que eleva o poder que as mesmas têm sobre o setor. Com isso, a absorção ou expulsão de outras empresas (empresas pequenas possuem a desvantagem de ter menor economia de escala ) pode se tornar inevitável se não houver um esquema regulatório no setor. Durante esse processo de eliminação da concorrência , as empresas restantes passam a ter um controle desigual da mídia, por terem poder de oligopólio. [ 8 ] Concentração de mídia por país [ editar | editar código-fonte ] Austrália [ editar | editar código-fonte ] Os controles sobre a propriedade de mídia na Austrália estão previstos na Lei de Serviços de Radiodifusão [ 9 ] de 1992, administrada pela Australian Communications and Media Authority (ACMA). Mesmo com leis em vigor, a Austrália tem uma alta concentração de propriedade midiática. A propriedade do nacional e os jornais de cada capital são dominados por duas corporações: News Corporation , de Rupert Murdoch (fundado em Adelaide ) e Fairfax Media , de John Fairfax Holdings. Embora grande parte da imprensa tradicional diário é tirada do Australian Associated Press , todos os meios de comunicação de propriedade privada ainda competem entre si. O meio rural é dominado pela Rural Press Limited , que também é de propriedade de John Fairfax Holdings, com participações significativas em todos os estados e territórios. O truste Daily Mail and General Trust opera as redes de rádio comercial DMG Radio Australia em áreas metropolitanas e regionais da Austrália. Formado em 1996, desde então se tornou uma das maiores empresas de mídia de rádio no país. A empresa possui atualmente mais de 60 estações de rádio em toda a Nova Gales do Sul , Victoria , Austrália Meridional , Queensland e Austrália Ocidental . Existem regras que regem a propriedade estrangeira de mídia australiana e estas regras foram afrouxadas pelo antigo Governo Howard. Segundo a organização Repórteres Sem Fronteiras , em 2004, a Austrália está na 41ª posição em uma lista de países classificados por liberdade de imprensa . bem atrás de Nova Zelândia (9ª) e Reino Unido (28ª). Este ranking é principalmente devido à diversidade limitada na propriedade da mídia. Em 2013, a Austrália subiu para a 26ª posição no Índice de Liberdade de Imprensa . No final de 2011, o Inquérito Finkelstein sobre regulação da mídia foi lançada, e relatou suas conclusões de volta para o governo federal no início de 2012. [ 10 ] Brasil [ editar | editar código-fonte ] No Brasil , a concentração da propriedade da mídia se manifestou muito cedo. A este respeito, o Dr. Venício A. de Lima observou em 2003: 'Deve-se notar que no Brasil há um ambiente muito propício para a concentração. A legislação setorial tem sido historicamente tímida, por vontade expressa do legislador, ao não incluir disposições diretas que limitem ou controlem a concentração da propriedade, que, aliás, vai na direção oposta do que acontece em países como a França, Itália e Reino Unido, que estão preocupados com a pluralidade e a diversidade no novo cenário de convergência tecnológica (Lobato, Folha de S. Paulo , 2001/10/14)'. [ 11 ] Lima também aponta para outros fatores que tornam mais fácil a concentração midiática, em particular na radiodifusão : a falta de normas legais que limitam a participação de um mesmo grupo econômico em vários organismos de radiodifusão. um curto período (cinco anos) para as concessões de revenda de radiodifusão, facilitando a concentração pelos grandes grupos de mídia através da compra de estações independentes, e há restrições para a formação de redes nacionais de radiodifusão. Ele cita exemplos de concentrações horizontal, vertical, cruzado e 'em cruz' (peculiaridades da mídia brasileira). [ 11 ] Concentração horizontal : oligopólio ou monopólio produzido dentro de uma área ou indústria. a televisão (paga ou gratuita) é o modelo clássico brasileiro. Em 2002, as empresas Sky e NET dominavam 61% do mercado brasileiro de televisão por assinatura. No mesmo ano, 58,37% de todos os orçamentos de publicidade foram investidos na TV. Neste aspecto, a Rede Globo e suas afiliadas receberam 78% do valor. [ 12 ] Concentração vertical : integração das diferentes fases de produção e distribuição, eliminando o trabalho de produtores independentes. No Brasil, ao contrário dos Estados Unidos, é comum para uma rede de TV produzir, anunciar, comercializar e distribuir a maior parte de sua programação. Rede Globo é conhecida por suas telenovelas exportadas para dezenas de países. ele mantém sob contrato permanente os atores, autores e toda a equipa de produção. O produto final é transmitido por uma rede de jornais, revistas, emissoras de rádio e sites de propriedade do Grupo Globo . Propriedade cruzada : a propriedade de diferentes tipos de mídia (TV, jornais, revistas, etc.) por parte do mesmo grupo. Inicialmente, o fenômeno ocorreu em mídias de rádio, televisão e de impressão, com destaque para o grupo dos Diários Associados . Numa fase posterior surgiu o Grupo RBS (afiliada da Rede Globo ), com operações nos mercados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina . Além de ser o proprietário de emissoras de rádio e televisão, e dos principais jornais locais, tem dois portais de Internet. As opiniões dos seus comentaristas são assim replicadas por um sistema de multimídia que torna-se extremamente fácil espalhar o ponto de vista defendido pelo grupo. [ 13 ] [ 14 ] Monopólio 'em cruz' : a reprodução em nível local das particularidades da propriedade cruzada. Uma pesquisa realizada no início de 1990 detectou a presença desta singularidade em 18 dos 26 estados brasileiros. Manifesta-se pela presença de um canal de televisão com um grande público, muitas vezes ligada à Rede Globo e pela existência de dois jornais diários, em que aquele com a maior circulação está ligado ao principal canal de televisão e de uma rede de estações de rádio, que quase sempre se reproduz artigos e da linha editorial do jornal ' O Globo '. Em 2002, uma outra pesquisa (que não incluiu TV por assinatura), encontrou a presença do 'monopólio em cruz' em 13 grandes mercados no Brasil. [ 15 ] O Escritório da Unesco em Brasília manifestou a sua preocupação com a existência de um código ultrapassado de telecomunicações (1962), [ 16 ] que já não satisfaz as expectativas geradas pela Constituição Brasileira de 1988 nos campos político e social, bem como a incapacidade do governo brasileiro de criar uma agência reguladora independente para gerenciar a mídia. [ 17 ] As tentativas nesse sentido têm sido apontados pela mídia brasileira como supostos ataques à liberdade de expressão. [ 18 ] [ 19 ] [ 20 ] Estados Unidos [ editar | editar código-fonte ] Na televisão norte-americana, a grande maioria das redes de TV aberta e a cabo básico são controladas por oito empresas: News Corporation ( 20th Century Fox , 21st Century Fox , Fox News , FX , National Geographic , Fox Life , Fox Kids , editora Dow Jones & Company , etc.), The Walt Disney Company (que inclui as marcas ABC , ESPN , Disney Channel e A+E Networks ), National Amusements (que inclui CBS Corporation e Viacom ), Comcast (que inclui as marcas NBC ), Time Warner , Discovery Communications , Cablevision ou alguma combinação destes. México [ editar | editar código-fonte ] No México , há apenas duas emissoras de televisão nacionais, a Televisa e a TV Azteca . Essas duas emissoras juntas administram 434 de um total de 461 comerciais de televisão no país (94.14%). [ 21 ] Referências ↑ Steven, 2009: p. 19 ↑ Downing, John, ed. (2004). The SAGE Handbook of Media Studies . [S.l.]: SAGE. p. 296. ISBN 978-0-7619-2169-1 ↑ Lorimer, Rowland & Scannell, Paddy (1994). Mass communications: a comparative introduction . [S.l.]: Manchester University Press. pp. 86–87. ISBN 978-0-7190-3946-1 !CS1 manut: Usa parâmetro autores ( link ) ↑ «Global Media» . New Internationalist . Abril de 2001 ↑ «Ultra Concentrated Media - Facts» . New Internationalist . Abril de 2001 ↑ Katharine Ainger (abril de 2001). «Empires of the Senseless» . New Internationalist ↑ Straubhaar, Joseph, Robert LaRose, and Lucinda Davenport. Media Now: Understanding Media, Culture, and Technology. Wadsworth Pub Co, 2008. Print. ↑ Shah, Anup. “Media Conglomerates, Mergers, Concentration of Ownership.” Global Issues, Updated: 02 Jan. 2009. Accessed: 21 Mar. 2011. ↑ «Texto sobre o Ato» . Instituto Australiano de Informação Legal. 24 de outubro de 2009 ↑ «Inquérito sobre Mídia Independente» . Department of Broadband, Communications and the Digital Economy ↑ a b Venício A. de Lima. «Existe concentração na mídia brasileira? Sim.» . Observatório da Imprensa . Consultado em 8 de abril de 2014 ↑ Castro, Daniel. «TV fatura R$ 5,7 bi e cresce 6% em 2002» . Folha de S. Paulo , 10 de março de 2003 ↑ Laura Schenkel (12 de setembro de 2006). « ' Formação de monopólio da RBS em SC será questionada ' » . Observatório da Imprensa ↑ MICK, Jacques e LIMA, Samuel (30 de agosto de 2006). « ' RBS e AN: os riscos da monopolização ' » . Revi Bom Jesus !CS1 manut: Nomes múltiplos: lista de autores ( link ) ↑ Herz, Daniel. Görgen, James. Osório, Pedro Luiz (6 de março de 2002). [donosdamidia.com.br/media/documentos/DonosCarta.pdf « ' Quem são os donos ' »] Verifique valor |URL= ( ajuda ) (PDF) . Carta Capital !CS1 manut: Nomes múltiplos: lista de autores ( link ) ↑ Prof. Murilo César Ramos. « ' Communications regulatory framework in Brazil: media, telecommunications, internet ' » . University of Brasilia . Consultado em 16 de outubro de 2012 ↑ « ' Freedom of Expresson in Brazil ' » . Unesco . Consultado em 16 de outubro de 2012 ↑ MAGRO, Maira. « ' Brazil's New Communications Minister Defends New Regulation ' » . Center for International Media Assistance . Consultado em 16 de outubro de 2012 ↑ « ' Liberdade e Regulação ' » . O Estado de S. Paulo. 27 de março de 2012 . Consultado em 1 de janeiro de 2013 ↑ BRANT, João (17 de maio de 2012). « ' FHC defende a regulação dos meios de comunicação ' » . Carta Maior ↑ Permisos y concesiones de televisión en México Ver também [ editar | editar código-fonte ] Críticas à Rede Globo Críticas à revista Veja Campanha pela aprovação do projeto de Lei da Mídia Democrática Desregulamentação Grande mídia Liberdade de expressão Liberdade de imprensa Mídia alternativa Neutralidade da rede Partido da imprensa golpista (sobre a concentração de mídia no Brasil ) Regulamentação da mídia nos Estados Unidos Transparência Ligações externas [ editar | editar código-fonte ] Sete teses sobre mídia e política no Brasil . Por Venício A. de Lima. Revista USP , São Paulo, n°61, p. 48-57, março-maio de 2004. Obtida de ' https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Concentração_de_propriedade_da_mídia&oldid=51047391 ' Categorias : Informação Mídia Competição imperfeita Concentração de mídia Categorias ocultas: !CS1 manut: Usa parâmetro autores !CS1 manut: Nomes múltiplos: lista de autores !Páginas com erros URL Menu de navegação Ferramentas pessoais Não autenticado Discussão Contribuições Criar uma conta Entrar Domínios Artigo Discussão Variantes Vistas Ler Editar Editar código-fonte Ver histórico Mais Busca Navegação Página principal Conteúdo destacado Eventos atuais Esplanada Página aleatória Portais Informar um erro Loja da Wikipédia Colaboração Boas-vindas Ajuda Página de testes Portal comunitário Mudanças recentes Manutenção Criar página Páginas novas Contato Donativos Imprimir/exportar Criar um livro Descarregar como PDF Versão para impressão Ferramentas Páginas afluentes Alterações relacionadas Carregar ficheiro Páginas especiais Hiperligação permanente Informações da página Elemento Wikidata Citar esta página Noutros idiomas Deutsch English Français עברית Bahasa Indonesia Latviešu Nederlands Editar hiperligações Esta página foi editada pela última vez à(s) 22h50min de 17 de janeiro de 2018. Este texto é disponibilizado nos termos da licença Creative Commons - Atribuição - Compartilha Igual 3.0 Não Adaptada (CC BY-SA 3.0) . pode estar sujeito a condições adicionais. Para mais detalhes, consulte as condições de uso . Política de privacidade Sobre a Wikipédia Avisos gerais Programadores Declaração sobre cookies Versão móvel



http://www.jotacom.com/cinemagraphs
  Jotacom Comunicação | online - performance - advertising | Tel: 55 11 3035 4600 Blizzard Hearthstone Mídia on-line Goblins vs Gnomos Sulamérica Post Facebook saúde ativa Greygoose Campanha Site Retail Locaweb Mídia on-line detona preços Buscapé Mídia on-line dancinhas Blizzard hearthstone Mídia on-line Heroes of warcraft Buscapé Mídia on-line dancinhas Greygoose Campanha Site Retail Locaweb Mídia ... Hearthstone Mídia on-line Goblins vs Gnomos Sulamérica Post Facebook saúde ativa Greygoose Campanha Site Retail Locaweb Mídia on-line detona preços Buscapé Mídia on-line dancinhas Blizzard hearthstone Mídia on-line Heroes of warcraft Buscapé Mídia on-line dancinhas Greygoose Campanha Site Retail Locaweb Mídia on-line detona preços Buscapé Mídia on-line dancinhas Blizzard hearthstone Mídia on-line Heroes of warcraft Brandsclub Mídia on-line Rosa Chá Blizzard hearthstone Mídia on-line Heroes of warcraft CACHE

Jotacom Comunicação | online - performance - advertising | Tel: 55 11 3035 4600 Blizzard Hearthstone Mídia on-line Goblins vs Gnomos Sulamérica Post Facebook saúde ativa Greygoose Campanha Site Retail Locaweb Mídia on-line detona preços Buscapé Mídia on-line dancinhas Blizzard hearthstone Mídia on-line Heroes of warcraft Buscapé Mídia on-line dancinhas Greygoose Campanha Site Retail Locaweb Mídia on-line detona preços Buscapé Mídia on-line dancinhas Blizzard hearthstone Mídia on-line Heroes of warcraft Brandsclub Mídia on-line Rosa Chá Blizzard hearthstone Mídia on-line Heroes of warcraft Blizzard Heroes of the storm Post Facebook vikings perdidos Buscapé Mídia on-line dancinhas Buscapé Mídia on-line dancinhas Buscapé Mídia on-line dancinhas © 2015 Jotacom Comunicação - Rua. Rodésia, 213 - Vila Madalena - São Paulo - SP - Tel: 55 11 3035 4600



http://intervozes.org.br/tag/tv/
  TV | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos Articulações Biblioteca Campanhas Contribua Mobilize Campanhas Ações Judiciais Últimas Notícias Twitter Agenda TV 0 Retrospectiva 2017: confira os destaques na luta em defesa do direito à Comunicação Por Intervozes em 29 de janeiro de 2018 Ao longo de 2017, o Intervozes junto das redes, coletivos, articulações e frentes que ... de Expressão , Políticas de Comunicação , Regulação da Mídia , TV 0 Pesquisa sobre proprietários de mídia é lançada em Brasília Por Intervozes em 25 de janeiro de 2018 O lançamento do estudo Quem Controla a Mídia no Brasil acontece em Brasília no próximo dia 2 de fevereiro às… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Democracia , Democratização da Comunicação , Marco Regulatório , Políticas de Comunicação , Rádio , Regulação da Mídia CACHE

TV | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos Articulações Biblioteca Campanhas Contribua Mobilize Campanhas Ações Judiciais Últimas Notícias Twitter Agenda TV 0 Retrospectiva 2017: confira os destaques na luta em defesa do direito à Comunicação Por Intervozes em 29 de janeiro de 2018 Ao longo de 2017, o Intervozes junto das redes, coletivos, articulações e frentes que integra, esteve construindo diversas lutas e… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Banda Larga , Classificação Indicativa , Direito à Comunicação , Direitos Humanos , Liberdade de Expressão , Políticas de Comunicação , Regulação da Mídia , TV 0 Pesquisa sobre proprietários de mídia é lançada em Brasília Por Intervozes em 25 de janeiro de 2018 O lançamento do estudo Quem Controla a Mídia no Brasil acontece em Brasília no próximo dia 2 de fevereiro às… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Democracia , Democratização da Comunicação , Marco Regulatório , Políticas de Comunicação , Rádio , Regulação da Mídia , TV 0 Intervozes participa de discussão sobre os altos e baixos do maior conglomerado de mídia do Brasil Por Intervozes em 19 de janeiro de 2018 No dia 27 de janeiro, a primeira Conversa Pública do ano colocará a Globo em pauta na Casa Pública. Beth… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Democracia , Democratização da Comunicação , Liberdade de Expressão , Regulação da Mídia , TV 2 Quem controla a mídia no Brasil? Levantamento dos 50 maiores veículos está disponível online Por Intervozes em 6 de outubro de 2017 Hoje dia 31/10, às 18h, foi lançado, em São Paulo, levantamento que revela quem são os proprietários de mídia no Brasil. A pesquisa,… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concessões Públicas , Controle Social da Mídia , Internet , Rádios Comunitárias , Regulação da Mídia , Transparência , TV 0 Intervozes participa de 1º Seminário de Televisão e Rádio Educativas no sudoeste baiano Por Intervozes em 5 de setembro de 2017 Nos dias 13 e 14 de setembro, acontecerá o 1º Seminário de Televisão e Rádio Educativas da Uesb. O evento… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Cidadania , Comunicação Pública , Democracia , Democratização da Comunicação , Direito à Comunicação , Marco Regulatório , Rádio , Regulação da Mídia , TV 0 Pesquisa irá monitorar os proprietários da mídia no Brasil Por Intervozes em 5 de julho de 2017 Nos últimos dias 29 de junho e 04 de julho foi lançado, em São Paulo e no Rio de janeiro… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Comunicação Política , Democracia , Democratização da Comunicação , Direito à Comunicação , Direitos Humanos , Liberdade de Expressão , Marco Regulatório , Participação Popular , Políticas de Comunicação , Rádio , Regulação da Mídia , TV 1 Julio quer saber: regular a mídia é censura? Assista ao novo filme do Intervozes Por Intervozes em 4 de julho de 2017 A Argentina criou a Lei de Meios em um processo de intensa luta pela democratização da mídia. Se em boa… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Comunicação Pública , Concentração midiática , Concessões Públicas , Democracia , Democratização da Comunicação , Direito à Comunicação , Liberdade de Expressão , Marco Regulatório , Políticas de Comunicação , Rádio , Regulação da Mídia , TV , TV´s Públicas 0 Projeto voltado à transparência da mídia é lançado no Brasil Por Intervozes em 20 de junho de 2017 Parceria da ONG Repórteres sem Fronteiras e do Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social, Media Ownership Monitor (MOM) mapeia… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Concentração midiática , Concessões Públicas , Liberdade de Expressão , Políticas de Comunicação , Publicidade , Rádio , Regulação da Mídia , Transparência , TV 0 Campanha pela Regionalização da TV e do Rádio é lançada no Congresso Por Intervozes em 16 de agosto de 2013 Entidades criticam proposta aprovada em Comissão Especial do Congresso que ignora duas décadas de discussão e favorece concentração da produção… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: Rádio , Regionalização , TV 0 Intervozes defende nova Lei de TV por Assinatura no STF Por Intervozes em 18 de fevereiro de 2013 Supremo Tribunal Federal realiza nos dias 18 e 25 de fevereiro audiência pública para discutir as ações de inconstitucionalidades da… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: TV « Artigos anteriores Entre em contato! Endereços Rua Rego Freitas, 454 Cj 92 - 9º andar República • 01220-010 São Paulo • SP Brasil +55 11 3877 0824 Copyleft Intervozes - Coletivo Brasil de Comunicação Social Desenvolvido por com



http://midiasemmascara.org/quem-somos/
  Quem somos – Mídia Sem Máscara × Editorial Colunistas Diário Filosófico Arquivos Contato Quem somos POR Editoria MSM D esde agosto de 2002, o MÍDIA SEM MÁSCARA é um website destinado a publicar as idéias e notícias que são sistematicamente escondidas, desprezadas ou distorcidas em virtude do viés esquerdista da grande mídia brasileira. Embora sem recursos para promover uma fiscalização ampla, MÍDIA ... Quem somos – Mídia Sem Máscara × Editorial Colunistas Diário Filosófico Arquivos Contato Quem somos POR Editoria MSM D esde agosto de 2002, o MÍDIA SEM MÁSCARA é um website destinado a publicar ... esquerdista da grande mídia brasileira. Embora sem recursos para promover uma fiscalização ampla, MÍDIA SEM MÁSCARA colhe amostras, que por si só, bastam para dar uma idéia da magnitude e gravidade da manipulação esquerdista do noticiário na mídia nacional. O fenômeno do controle esquerdista já vem CACHE

Quem somos – Mídia Sem Máscara × Editorial Colunistas Diário Filosófico Arquivos Contato Quem somos POR Editoria MSM D esde agosto de 2002, o MÍDIA SEM MÁSCARA é um website destinado a publicar as idéias e notícias que são sistematicamente escondidas, desprezadas ou distorcidas em virtude do viés esquerdista da grande mídia brasileira. Embora sem recursos para promover uma fiscalização ampla, MÍDIA SEM MÁSCARA colhe amostras, que por si só, bastam para dar uma idéia da magnitude e gravidade da manipulação esquerdista do noticiário na mídia nacional. O fenômeno do controle esquerdista já vem durando tanto tempo, são tantos os fatos que foram sonegados do público ao longo de mais de vinte anos, que torna-se tão importante restaurar o passado quanto denunciar o presente. Estamos tão preocupados com os jornais velhos quanto com os jornais do dia. Afinal, a acumulação do que os jornais velhos disseram forma o fundo de crenças que constitui a base de julgamento das notícias do dia. Não adianta corrigir esta ou aquela notícia em particular, se os critérios consolidados por uma longa repetição de mentiras já embotaram a sensibilidade do público. Mas os exemplos são em quantidade ilimitada. Desde a década de 80 os brasileiros estão privados de informações, por exemplo, sobre tortura e mortes de prisioneiros em Cuba, sobre as contínuas fugas de funcionários importantes do regime cubano, sobre o envolvimento pessoal de Fidel Castro no tráfico de drogas etc. Estão privados de informações sobre os contínuos preparativos da China para uma guerra nuclear, sobre o apoio da Rússia e da China aos movimentos terroristas, sobre as novas e mais temíveis funções da KGB etc. Estão privados de informações até mesmo sobre a direita norte-americana, cujos atos e palavras só nos chegam na sua versão monstruosamente distorcida fabricada pelos Clintons et caterva. Estão privados de informações sobre praticamente tudo o que os historiadores descobriram, ao longo de mais de uma década, em pesquisas nos arquivos de Moscou. A simples enumeração desses temas ausentes na nossa imprensa já basta para provar: na grande mídia brasileira não existe jornalismo nenhum. Existe apenas manipulação a serviço da esquerda. Essa manipulação é geral e não está limitada aos militantes ou colaboradores de um partido. A corrente que nos domina hoje é constituída da totalidade da oposição esquerdista dos anos 70, que se diversificou em agremiações distintas para poder mais facilmente dominar o conjunto sem dar uma impressão demasiado flagrante de controle monolítico. Mas o controle monolítico existe. A uniformidade da censura seletiva nos vários jornais e canais de TV é evidente demais para que alguém possa negá-la com honestidade. Mais notável ainda é a unanimidade das reações da imprensa diante de qualquer ameaça comum ao esquerdismo dominante. Como a última campanha eleitoral para presidência demonstrou, as várias facções da esquerda estão separadas apenas por picuinhas, mas cada vez mais unidas no propósito de caluniar, criminalizar e excluir do processo político qualquer coisa que seja ou pareça direitista. O movimento comunista sempre teve, dentro de suas fileiras, uma divisão entre esquerda e direita. Isso faz parte até do vocabulário historicamente consagrado com que os líderes do Partidão rotulavam as dissidências internas: “desvio pequeno-burguês de esquerda”, “revisionismo de direita”, etc. A esquerda brasileira se prevalece da total ignorância popular sobre a história do movimento comunista para nos impingir, a título de “direita”, a sua própria ala direita, isto é, o tucanato. Tudo o que esteja portanto à direita do tucanato já não é uma direita legítima – é uma facção marginal, criminosa, que deve ser reprimida, calada e excluída da vida pública… em nome do pluralismo e da democracia. Toda a mídia nacional é instrumento dócil a serviço dessa manobra. O pior é que, ao mesmo tempo, os jornais que a isso se prestam são ainda rotulados de “conservadores” pela própria esquerda, que assim se serve gostosamente de instrumentos “acima de qualquer suspeita”. Em muitos outros países há também um controle esquerdista da mídia. Mas em parte alguma ele é completo e abrangente como no Brasil. Em toda parte há jornais, revistas, estações de rádio e TV, teses acadêmicas e sobretudo livros, muitos livros que denunciam o estado de coisas, lutam para mudá-lo e com freqüência o conseguem. A derrota da CNN, que baixou para menos da metade da audiência da conservadora FoxNews graças às denúncias do jornalista Brent Bozell, é um exemplo de como é possível cortar ao menos alguns braços do Leviatã. No Brasil, os poucos que tentam enfrentar essa situação são vítimas do ódio, da covardia e da mesquinhez dos expedientes a que homens poderosos têm recorrido para os calar. A má vontade surda e cega – quando não a ironia e a chacota – que os indiferentes e alienados opõem aos seus esforços, são indescritíveis. O que torna as coisas ainda mais difíceis é que nos últimos anos o estímulo geral à expressão de crenças esquerdistas encorajou todos os analfabetos do país a dar opiniões. Cada um deles, armado do sentimento de certeza que lhe infunde o fato de estar do lado da maioria falante, recorre com a maior sem-cerimônia ao argumentum ad ignorantiam (“isso nunca chegou ao meu conhecimento, portanto isso não existe”) e é reforçado nesse vício pela totalidade da mídia que lhe sonega, precisamente, os conhecimentos que ele não deseja ter. Será preciso mais do que esse hábito generalizado para explicar o descenso abissal das capacidades intelectuais no país, justamente na década em que as verbas de “educação” foram centuplicadas, a indústria livreira progrediu formidavelmente, o ensino universitário cresceu como nunca e já não há mais de dois ou três por cento de crianças fora da escola primária? Não, os brasileiros não estão emburrecendo por falta de livros, jornais ou escolas. Estão emburrecendo porque em vez de educação e informação receberam propaganda esquerdista e se acostumaram a identificá-la com a cultura e a inteligência. Contra tudo isso, quê podemos fazer? MÍDIA SEM MÁSCARA é composto de colaboradores que trabalham de graça, por generosidade, patriotismo e senso do dever. Os asssuntos abordados em MÍDIA SEM MÁSCARA versam desde política e economia até cultura geral e religião. Aqui você encontrará resenhas de livros, traduções de notícias e artigos inéditos no Brasil, análises econômicas e reproduções de alguns trechos da mídia nacional que passam despercebidos aos olhos do grande público. Pouco nos importa a desproporção de forças. Quando os grandes se acovardam, os pequenos têm de dar o exemplo. EDITORIA MSM Fundador e editor chefe: Olavo de Carvalho O fundador e editor chefe Olavo de Carvalho é filósofo, escritor e jornalista. É autor de vários livros, incluindo O Jardim das Aflições, O Imbecil Coletivo, O Futuro do Pensamento Brasileiro, entre outros. Além de ser fundador e editor-chefe do MídiaSemMáscara, possui o website www.olavodecarvalho.org e ministra seus cursos no Seminário de Filosofia – www.seminariodefilosofia.org . Também preside o The Inter-American Institute ( http://theinteramerican.org ) o qual integram intelectuais de alto calibre dos EUA e da América Latina. Expediente Fundador e Editor-Chefe Olavo de Carvalho Editor-Executivo Edson Camargo Conselho Editorial Olavo de Carvalho, Edson Camargo, Graça Salgueiro, Heitor De Paola, Percival Puggina, Nivaldo Cordeiro, Ipojuca Pontes e Carlos I. S. Azambuja. Agradecimentos Alex Pereira, Edson Camargo, Flávio Garcia e Marc Laurent. E-MAILS Fale com o Mídia Sem Máscara: camargo.edson@gmail.com Todos os direitos reservados © 2018 Termos de Uso Cópias de textos Comentários Submissão de artigos Contatos Leitores Colabore com o MSM Anúncios Colabore com o nosso projeto Anuncie no MSM Sobre Nós Quem somos Política de Privacidade Política de Cookies Termos de Uso Mídia Sem Máscara © 2018



https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-899170665-100-midia-dvd-r-virgem-marcas-top-clogo-16x-47-gb-promoco-_JM
  100 Mídia Dvd Virgem Marcas Top+100 Envelopes De Plástico - R$ 50,49 em Mercado Livre Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Você também pode se interessar: kit gamer - i5 - i7 7700k - i5 3470 - monitor pc Voltar à lista Informática Mídias Virgens DVDs DVD-R A partir ... 100 Mídia Dvd Virgem Marcas Top+100 Envelopes De Plástico - R$ 50,49 em Mercado Livre Mercado ... + + 100 Mídia Dvd Virgem Marcas Top+100 Envelopes De Plástico - R$ 50 49 - Box Capa Dvd 50 Capinhas Slim ... 100 MÍDIA DVD-R VIRGEM MARCAS TOP C/LOGO 16 X 4.7 GB 120 MIN DVD-R + 100 ENVELOPES DE PLÁSTICO COM ... marca especifica consultar antes pelo campo de perguntas para saber a disponibilidade. Tipo de Mídia ... , Resistente Nesses envelopes não cabe caixinha e nem capa impressa de DVD, somente uma única mídia com CACHE

100 Mídia Dvd Virgem Marcas Top+100 Envelopes De Plástico - R$ 50,49 em Mercado Livre Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Você também pode se interessar: kit gamer - i5 - i7 7700k - i5 3470 - monitor pc Voltar à lista Informática Mídias Virgens DVDs DVD-R A partir de 100 DVDs Compartilhar Compartilhar Vender um igual Leve-os juntos e economize o envio + + 100 Mídia Dvd Virgem Marcas Top+100 Envelopes De Plástico - R$ 50 49 - Box Capa Dvd 50 Capinhas Slim Estojo Transparente Promoção - R$ 64 49 - 50 Midia Cd-r Virgem Multilaser C/logo 52x 700mb 80min Cd-r - R$ 24 49 - Total: R$ 139 47 Envio Frete grátis! Caracteristicas Marca Marcas Top Modelo DVD-R 100 MÍDIA DVD-R VIRGEM MARCAS TOP C/LOGO 16 X 4.7 GB 120 MIN DVD-R + 100 ENVELOPES DE PLÁSTICO COM ABA SEM COLA 12,5 X 12,5 CM #INDICADO PARA Ideal para você que revende DVDs virgem ou precisa de DVDs de alta qualidade para gravação de diversos tipos de arquivos. # DESCRIÇÃO TÉCNICA Na compra de uma marca especifica consultar antes pelo campo de perguntas para saber a disponibilidade. Tipo de Mídia: DVD-R Formatos de Áudio: wav, mp3, wma, ogg, aac, flac, entre outros no mercado Formatos de Dados: doc, xls, ppt, access, xml, txt, jpg, png, flash, rar, entre outros no mercado Formatos de Vídeo: avi, mpeg, wmv, iso, entre outros no mercado Velocidade de Gravação: 16x Armazenamento de Dados: 4.7GB Armazenamento de Vídeo: 120 min Superfície: Com Logo Printable: (Imprimível) Não Full Hub: Não Vida Útil: Não informado pelo Fabricante Requisitos: Leitor de DVD ENVELOPES Material do produto: Plástico Cor: Totalmente Transparente Dimensão: 12,5x12,5 cm Detalhe: Envelopes com aba e sem cola, Resistente Nesses envelopes não cabe caixinha e nem capa impressa de DVD, somente uma única mídia com a capa impressa de CD. # PERGUNTAS FREQUENTES -Tem o produto a pronta entrega? R. Sim todos os produtos anunciados temos a pronta entrega. -Em quanto tempo vocês fazem a postagem do produto nos correios? R. Postamos os produtos nos correios no Máximo 24 horas úteis após a confirmação do pagamento. Obs. Só não será comprido esse prazo caso houver algum imprevisto, mas isso é muito raro. -Quanto tempo o pagamento feito via boleto demora a ser confirmado? R. 1 a 2 dias úteis para confirmação do Mercado Livre. -Tenho uma dúvida? Utilize o campo de perguntas no final do anúncio, estamos à disposição para tirar qualquer dúvida que você possa ter. # GARANTIA 30 dias de garantia para defeitos de fabricação. Obs. A garantia não cobre descuido ou mal uso do produto # POSTAGEM O envio será feito pelos correios, e a postagem é feita em até 24 horas após a confirmação do pagamento. Será usado o Mercado Envios (Sistema de envio do Mercado Livre) # PAGAMENTO Usamos o Mercado Pago, sistema de pagamento do Mercado Livre, você pode parcelar em até 12X e sua compra é 100% GARANTIDA (ou você recebe o que comprou ou seu dinheiro de volta) Opiniões sobre o produto 4.1 Média entre 7 opiniões Excelente Gostei muito da midia que comprei br smart, gostei tanto que vou comprar mais amanha, otima qualidade,. O usuário contratou o serviço em outubro de 2017 Muito bom Muito bom irmaos grato. Fiquei satisfeito com o produto. O usuário contratou o serviço em novembro de 2017 Excelente Excelente. Otimo para todos tipos de gravacao. O usuário contratou o serviço em novembro de 2017 Excelente Muito bom! atendeu minhas necessidades. O usuário contratou o serviço em novembro de 2017 Muito bom! Boa qualidade, bom custo benefício. O usuário contratou o serviço em outubro de 2017 Ver todas as opiniões Perguntas e respostas Qual informação você precisa? Custo e prazo de envio Meios de pagamento e promoções Garantia Tem dúvidas? Estes atalhos ajudarão você a encontrar o que busca. Ou pergunte ao vendedor Tempo aproximado de resposta 37 minutos Últimas perguntas qual marca vc tem de dvd, obrigado Faça uma denúncia Boa noite obrigado pelo contato, no momento temos a pronta entrega na marca maketech. 30/1/2018 18:30 Faça uma denúncia Amigo tem algun da RITEK? Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, no momento não temos 27/1/2018 11:55 Faça uma denúncia PRECISO DE 6 PCT. C/100 - PODE SER SÓ DA MULTILASER ? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, no momento estamos sem dvds multilaser em estoque, temos disponível: CIS PREMIUM, MAKETECH E DEKO. Att: Global Mídia. 26/1/2018 13:42 Faça uma denúncia QUERIA COMPRAR DVD MAS QUERIA SABER SE EU PAGASSE O FRETE TERIA COMO DESPACHAR HOJE AI CHEGARIA AQUI PRA MIM AMANHA, COMPRAVA DE UM OUTRO LUGAR AI EM BH E RECEBIA NO DIA SEGUINTE. MEU CEP 36 955 000. TEM ALGUM TEL DE CONTATO? Faça uma denúncia Podemos sim qual a quantidade você precisa de dvds? O Mercado livre não permite informar dados pessoais no campo de perguntas. 25/1/2018 13:49 Faça uma denúncia Eu comprando vc consegue me enviar 100 saquinhos de plastico para filmes ( aquele saquinho maior) junto? quanto fica tudo? Faça uma denúncia Boa noite obrigado pelo contato, temos um anuncio dessa forma que você deseja estamos te enviando o link https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-902040465-100-dvd-r-virgem-marcas-top100-envelopes-de-plastico-dvd-_JM 22/1/2018 19:56 Faça uma denúncia Eu comprando vc consegue me enviar 100 saquinhos de plastico para filmes ( aquele saquinho maior) junto? quanto fica tudo? Faça uma denúncia Boa noite obrigado pelo contato, temos um anuncio dessa forma que você deseja estamos te enviando o link https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-902040465-100-dvd-r-virgem-marcas-top100-envelopes-de-plastico-dvd-_JM 22/1/2018 19:56 Faça uma denúncia vc tem dvds elgin 200 unidades Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, no momento estamos sem dvds Elgin em estoque, temos disponivel: BR SMART, POWER DATA, MAKETECH, LIFE DATA e DEKO. Att: Global Mídia. 07/1/2018 07:01 Faça uma denúncia O plástico quais tamanho que vcs trabalhar Faça uma denúncia Boa noite obrigado pelo contato, Temos dois modelos: 14x19 cm para armazenar a capa impressa de dvd e a mídia, e outro 12,5x12,5 para armazenar a capa impressa de cd e a mídia. 06/1/2018 20:50 Faça uma denúncia FIZ UMA COMPRA COM VOCE AI AGORA TINHA CONSUTADO O LIMITE DO CARTAO ANTES, NAO SEI PORQUE DEU ERRADO TEM COMO CANCELAR E FAZER A COMPRA DE ACORDO COM MEU LIMITE, QUERIA FAZER SEM TE PREJUDICAR Faça uma denúncia Qual foi a forma de pagamento que você utilizou na compra boleto ou cartão de crédito? 05/1/2018 17:16 Faça uma denúncia COMPREI DE VOCES OUTRAS VEZES, GOSTARIA DE SABER 600 MIDIAS 400 DVDS + 200 CDS SE COMPRAR HOJE E PAGAR O FRETE FICA EM QUANTO O FRETE CEP 36955 000 MUTUM MG.ESTOU PERGUNTANDO PORQUE QUANDO COMPRO AI EM BH ELES DESPACHAM POR SEDEX E CHEGA NO DIA SEGUINTE SE COMPRAR PELO CARTAO VOCES DESPACHARIAM HOJE Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, 400 dvds=185,96 reais+200 cds=92,98 reais+18 reais para disponibilizar frete grátis sedex total= 296,94 reais Podemos criar o anuncio dessa forma? 05/1/2018 15:30 Faça uma denúncia acabei comprando já igual estava o anuncio, retirei foi os de plastico pq estou precisando muito, chegou as midias printable ? Faça uma denúncia ainda não chegou os dvds printable. 04/1/2018 16:46 Faça uma denúncia boa tarde estou tendo que tirar o envelope plastico pq estou tendo que pagar o frete de 19,90 e o custo dos envelopes é 20,00, tem como fazer um combo juntos com as midias que estou comprando incluindo o envelope plastico? Faça uma denúncia Podemos modificar o anuncio para 100 dvds+500 envelopes= 46,49+20=66,49 e vai tudo no mesmo frete, Podemos fazer assim? 04/1/2018 16:31 Faça uma denúncia Boa tarde, preciso de 100 Mídias DVD-R Virgem + 100 Envelopes de Plástico 12,5 x 12,5cm. Frete para CEP 35.700-007 Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, o frete fica em 14,90 estamos te enviando link do anuncio de 100 dvds+100 envelopes https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-902035546-100-midia-dvd-virgem-marcas-top100-envelopes-embalar-cddvd-_JM 04/1/2018 13:01 Faça uma denúncia Você tem mídia de DVD-R ridata com 100. Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, no momento estamos sem dvds ridata em estoque, temos disponivel: BR SMART, POWER DATA, MAKETECH E DEKO. Att: Global Mídia. 03/1/2018 08:50 Faça uma denúncia Bom dia! Gostaria de sabe se aconteceu algo de errado com minha compra, pq até hoje consta como pagamento pendente, sendo que realizei ele no mesmo dia que fiz o pedido. Obrigado. Boleto #3298459407 gerado em 29 de dezembro Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, como o produto aumentou 1 reais no preço pode ser que o valor foi devolvido pra você e esta disponível na sua conta do Mercado livre, verifica na sua conta ai e qualquer coisa entra em contato novamente com a gente. 03/1/2018 08:49 Faça uma denúncia boa tarde, é possivel fazer retirada no local? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, no momento estamos trabalhando somente pelos correios. Att: Global Mídia. 02/1/2018 17:03 Faça uma denúncia amigo, preciso de 1000 midias, qto faz me faz 1000 unidades ? já que não tem maxprint poderia ser br smart (desde q me de garantia de q é bom), pode criar um anúncio para mim ? Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, garantimos sim a qualidade dessa marca, estamos te enviando o link do anuncio https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-931104539-1000-midia-dvdr-virgem-marcas-top-clogo-16x-47-gb-promoco-_JM 02/1/2018 09:00 Faça uma denúncia Vocês tem ridata pronta entrega? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, no momento estamos sem dvds Ridata em estoque, temos disponivel: BR SMART, POWER DATA , MAKETECH E DEKO. Na opinião dos nossos clientes a BR SMART é a melhor marca de dvd que vendemos, se você autorizar posso estar te enviando os dvds BR SMART e te garantimos a qualidade dessa marca. Att: Global Mídia. 30/12/2017 17:25 Faça uma denúncia uma pena vc não ter dvd printable Faça uma denúncia no momento estamos sem dvds printable. 28/12/2017 11:07 Faça uma denúncia so este materia que vcs trabalham midias e envelopes tem mais algum produto ? Faça uma denúncia https://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_268253380 28/12/2017 10:14 Faça uma denúncia 12,5 vcs trabalham com mais o que ? Faça uma denúncia nessa dimensão 12,5 x 12,5 temos esse envelope de plástico e o de papel colorido com visor 28/12/2017 09:55 Faça uma denúncia envelope de plastico vc tem ? tentei colocar ele junto mais ai cobra o frete sem o de plastico não cobrou, que luta hein kkk Faça uma denúncia Temos sim, qual modelo você precisa temos o modelo de envelopes de plastico 12,5x12,5 cm que custa 4 reais 100 unidades e o modelo de envelopes de plastico 14x19 cm que custa 5 reais 100 unidades. 28/12/2017 09:50 Faça uma denúncia vc vai ter que colocar 0,01 a mais pq tem que ser acima de 60,00 Faça uma denúncia https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-901918022-50-dvdr50-cdr-virgem-marcas-top100-envelopes-papel-cvisor-_JM 28/12/2017 09:40 Faça uma denúncia Pode sim Faça uma denúncia https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-901918022-50-dvdr50-cdr-virgem-marcas-top100-envelopes-papel-cvisor-_JM 28/12/2017 08:49 Faça uma denúncia estou com credito para comprar mercadoria acima de 60,00 com vendedor com boa reputação , dai não pago frete, vou ter que comprar o produto um pouco mais caro tipo acima de 60,00 Faça uma denúncia Se você aceitar posso adicionar +0,51 centavos no preço do produto para ficar 60 reais e você ter o frete grátis. 27/12/2017 18:16 Faça uma denúncia esta dizendo que é o ultimo disponivel ia compar 3 Faça uma denúncia Acabamos de modificar pra você. 27/12/2017 16:17 Faça uma denúncia IA PEGAR 3 KITS VC CONSEGUI PREÇO MELHOR ? Faça uma denúncia esse é o menor valor que podemos vender esse produto. 27/12/2017 14:38 Faça uma denúncia vc tem algum mesclado de cd e dvd e mais envelopes Faça uma denúncia https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-901918022-50-dvdr50-cdr-virgem-marcas-top100-envelopes-papel-cvisor-_JM 27/12/2017 14:24 Faça uma denúncia me manda o link Faça uma denúncia https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-909062951-100-dvd-r-virgem-marcas-top100-envelopes-de-papel-cvisor-_JM 27/12/2017 10:55 Faça uma denúncia Envelope de papel vc tem ? Faça uma denúncia Temos sim estamos te enviando o link do anuncio https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-909062951-100-dvd-r-virgem-marcas-top100-envelopes-de-papel-cvisor-_JM 26/12/2017 19:52 Faça uma denúncia TEM ELGIN? 200 DVDS ELGIN? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, no momento estamos sem dvds elgin em estoque, temos disponível: BR SMART, POWER DATA, MAKETECH E DEKO. Att: Global Mídia. 22/12/2017 12:57 Faça uma denúncia Qual marca está tendo o pacote com 100 mídias? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, no momento temos disponive nas marcasl: BR SMART, POWER DATA, ECOPRINT, MAKETECH E DEKO. Na opinião dos nossos clientes a melhor marca de dvds que vendemos é a BR SMART, podemos te enviar 100 dvds BR SMART e te garantimos a qualidade dessa marca. Att: Global Mídia. 19/12/2017 12:35 Faça uma denúncia Bom dia , preciso retirar pessoalmente. att Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, no momento estamos trabalhando somente pelos correios. Att: Global Mídia. 19/12/2017 08:50 Faça uma denúncia 35501582 Faça uma denúncia Estamos te enviando o link do anuncio de 200 dvds, o prazo de entrega dos correios é de 21 a 26 de dezembro https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-931104539-200-midia-dvd-r-virgem-marcas-top-clogo-16x-47-gb-promoco-_JM 18/12/2017 22:40 Faça uma denúncia TDS essas marcas são msm preço? quanto fica pra manda 200 pra Divinópolis?e quanto tempo? Faça uma denúncia Boa noite obrigado pelo contato, sim no momento temos disponivel nas marcas: BR SMART, POWER DATA, ECOPRINT, MAKETECH E DEKO. Me informa seu cep que te passo a previsão de entrega dos correios. Att: Global Mídia. 18/12/2017 22:27 Faça uma denúncia 600 DVD ELGIN TERIA Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, temos disponível no momento: BR SMART, POWER DATA, ECOPRINT, MAKETECH E DEKO, na opinião dos nossos clientes a BR SMART é a melhor marca de dvd que vendemos, se você autorizar posso estar te enviando 600 dvds BR SMART e te garantimos a qualidade dessa marca. Att: Global Mídia 17/12/2017 07:36 Faça uma denúncia VC TERIA TBEM DVD 8.5 RIDATA Faça uma denúncia Bom dia obrigado pelo contato, no momento não temos dvds 8.5 gb Att: Global Mídia. 17/12/2017 07:34 Faça uma denúncia Envelope e box dvd vc vende tb Faça uma denúncia Vendemos sim estamos te enviando o link dos anuncios https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-904148985-1000-envelopes-de-plastico-liso-cddvd-com-aba-e-sem-cola-_JM https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-905730086-box-capa-dvd-100-capinhas-estojo-padro-grosso-transparente-_JM 16/12/2017 18:36 Faça uma denúncia teria um kit com 100 dvd=r + 100 envelopes/capa? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, temos sim estamos te enviando o link do anuncio https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-902035546-100-midia-dvd-virgem-marcas-top100-envelopes-embalar-cddvd-_JM 16/12/2017 17:15 Faça uma denúncia Vc tem mídia printable tb, vc é de MG ? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, no momento não temos dvd printable, sim somos de Minas Gerais. 16/12/2017 17:14 Faça uma denúncia Quais marcas vc está tendo?? Faça uma denúncia Boa tarde obrigado pelo contato, temos disponível no momento: BR SMART, POWER DATA, ECOPRINT, MAKETECH E DEKO, na opinião dos nossos clientes a BR SMART é a melhor marca de dvd que vendemos, se você autorizar posso estar te enviando os dvds BR SMART e te garantimos a qualidade dessa marca. Att: Global Mídia 15/12/2017 17:14 Faça uma denúncia Ver mais perguntas Novo - 163 vendidos 100 Mídia Dvd Virgem Marcas Top+100 Envelopes De Plástico 7 opiniões R$ 50 , 49 10 x R$ 5 70 sem juros Mais informações Envio para todo o país Saiba os prazos de entrega e as formas de envio. Calculador de frete Devolução grátis por 7 dias A partir da data que receber o produto Quantidade: Você superou o limite de estoque disponível. Adicionar aos favoritos Compra Garantida , receba o produto que está esperando ou devolvemos o dinheiro. Você ganha 25 Mercado Pontos. Informação sobre o vendedor Localização Belo Horizonte , Minas Gerais Vermelho Laranja Amarelo Verde claro Verde 578 vendas nos últimos 4 meses. Presta um bom atendimento Entrega os produtos dentro do prazo Ver mais dados deste vendedor Garantia Compra Garantida com o Mercado Pago Receba o produto que está esperando ou devolvemos o seu dinheiro Garantia do vendedor Garantia de troca do produto, somente por defeito de fabricação, ou seja, se não iniciar a gravação. Não trocamos cds e dvds, sujos, riscados e gravados. Saiba mais sobre garantia Meios de pagamento Cartões de crédito Pague em até 15x! Boleto bancário Conheça outros meios de pagamento Formas de entrega Frete com o Mercado Envios. É o serviço do Mercado Livre que permite que você receba os seus produtos de forma rápida e segura. Saiba mais sobre as formas de envio Publicidade Anúncio #899170665 Faça uma denúncia Mais informações Sobre o Mercado Livre Investor relations Mapa do site Tendências Outros sites Desenvolvedores Mercado Pago Mercado Envios Mercado Shops Mercado Livre Publicidade Vale-Presente Mercado Livre Contato Comprar Vender Solução de problemas Segurança Redes sociais Twitter Facebook Instagram YouTube Minha conta Entre Vender Copyright © 1999-2018 Ebazar.com.br LTDA. Trabalhe conosco Termos e condições Políticas de privacidade Contato CNPJ n.º 03.007.331/0001-41 / Av. das Nações Unidas, nº 3.003, Bonfim, Osasco/SP - CEP 06233-903 - empresa do grupo Mercado Livre. Baixe grátis o App do Mercado Livr



http://goo.gl/0QhdUZ
  Portfólio - FIRE Mídia | Sites, Identidade Visual, Publicidade e muito mais! contato@firemidia.com.br (13) 3285-6993 / (13) 3221-7007 Facebook Twitter FIRE Mídia Comunicação, Internet e Eventos Home A Agência Serviços Campanhas Promocionais Online Offline Imprensa Eventos Portfólio Clientes Entre em Contato Menu back Portfólio Administração de Redes Sociais Campanhas Publicitárias Criação de Logotipo ... Portfólio - FIRE Mídia | Sites, Identidade Visual, Publicidade e muito mais! contato@firemidia.com.br (13) 3285-6993 / (13) 3221-7007 Facebook Twitter FIRE Mídia Comunicação, Internet e Eventos Home ... Moda Gestante Bebê a Bordo – Roupas para Grávidas em São Paulo – FIRE MÍDIA Criação de Sites – Ponzetto Advogados Associados – FIRE Mídia Campanha Publicitária Lusacor – Suvinil – Show de Prêmios – FIRE Mídia Campanha Publicitária Toyo Joya – Suvinil – Compre e Ganhe – FIRE Mídia Campanha Publicitária CACHE

Portfólio - FIRE Mídia | Sites, Identidade Visual, Publicidade e muito mais! contato@firemidia.com.br (13) 3285-6993 / (13) 3221-7007 Facebook Twitter FIRE Mídia Comunicação, Internet e Eventos Home A Agência Serviços Campanhas Promocionais Online Offline Imprensa Eventos Portfólio Clientes Entre em Contato Menu back Portfólio Administração de Redes Sociais Campanhas Publicitárias Criação de Logotipo Criação de Loja Virtual Criação de Sites e Blogs Identidade Visual Gestão de Redes Sociais Moda Gestante Bebê a Bordo – Roupas para Grávidas em São Paulo – FIRE MÍDIA Criação de Sites – Ponzetto Advogados Associados – FIRE Mídia Campanha Publicitária Lusacor – Suvinil – Show de Prêmios – FIRE Mídia Campanha Publicitária Toyo Joya – Suvinil – Compre e Ganhe – FIRE Mídia Campanha Publicitária Varejão dos Primos – Suvinil – Pintou Carro 0Km – FIRE Mídia Campanha Publicitária São Geraldo Tintas – Suvinil – Moto Clube – FIRE Mídia Campanha Publicitária Escudero Tintas – Suvinil – Aniversário Premiado – FIRE Mídia Criação de Sites – Marcelle Tiossi Master Coach – FIRE Mídia Criação de Sites – Tiago Eventos – Tudo para seu Casamento, Formatura ou Shows – FIRE Mídia Criação de Sites – DOM Constantin Supermercado em Santos-SP Gonzaga – FIRE Mídia Cartão de Visita – Sílvia Sérvulo da Cunha Almeida Medina – FIRE MÍDIA Criação de Sites – Arikinet – Soluções Tecnológicas para sua Empresa – FIRE Mídia Criação de Sites – Virtual Ariki – Soluções em Dados, Voz, Data Center e Firewall – FIRE Mídia Criação de Sites – Mundo Off-Road – FIRE MÍDIA Cartão de Visita – Mariel Logística – FIRE MÍDIA Anúncios Jornais e Revistas – Dom Constantin – FIRE MÍDIA – OFFLINE Site – Blog – Midlands Trade – A map of business in Europe and Brazil – FIRE Mídia Criação de Site – Colégio Educar Santos – FIRE MÍDIA Anúncio Jornal da Orla Santos – DOM CONSTANTIN – FIRE Mídia Gestão de Redes Sociais WON Caps Oficial – FIRE Mídia Loading... Agência de Publicidade em Santos / SP R. José Caballero, 15 - Sala 15 Gonzaga - Santos / SP (13) 3285-6993 / 3221-7007 Faça um orçamento conosco Curta a Fire! Twtter [MONUMENTO FOLIA] Monumento Shopping Car & Motos tudo para seu carro, moto com qu... https://t.co/gmcgiEAWey https://t.co/Dhsd5wIQXp yesterday Descubra: https://t.co/LAfiEbnipx #APOIO #logistica #transporte #transportedecarga #armazenagem ... https://t.co/8e2QGk52P1 2 days ago



https://twitter.com/pink_nadeshiko
  ぴんくなでしこ (@pink_nadeshiko) | Twitter Pular conteúdo Página Inicial Página Inicial Página Inicial, página atual. Moments Moments Moments, página atual. Consulta de busca Buscar no Twitter Buscas salvas Remover Nesta conversa Conta verificada Tweets protegidos @ Usuários sugeridos Conta verificada Tweets protegidos @ Conta verificada Tweets protegidos @ Idioma: Português Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ... e respostas Mídia Cuidado: este perfil pode incluir conteúdo pontecialmente sensível Você está vendo ... /7F80eUG8FX Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu ... Incorporar Tweet ミニマムEカップ女子のおっぱい自撮り画像w http:// bit.ly/2EM7ZtG pic.twitter.com/3L1jb9nAGO Esta mídia pode ... がコレ http:// bit.ly/2sOgjaM pic.twitter.com/81Kj0ULeuH Esta mídia pode conter material sensível ... /2ohwWHm pic.twitter.com/Ry2kAR3IRl Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 CACHE

ぴんくなでしこ (@pink_nadeshiko) | Twitter Pular conteúdo Página Inicial Página Inicial Página Inicial, página atual. Moments Moments Moments, página atual. Consulta de busca Buscar no Twitter Buscas salvas Remover Nesta conversa Conta verificada Tweets protegidos @ Usuários sugeridos Conta verificada Tweets protegidos @ Conta verificada Tweets protegidos @ Idioma: Português Bahasa Indonesia Bahasa Melayu Català Čeština Dansk Deutsch English English UK Español Filipino Français Hrvatski Italiano Magyar Nederlands Norsk Polski Română Slovenčina Suomi Svenska Tiếng Việt Türkçe Ελληνικά Български език Русский Српски Українська мова עִבְרִית العربية فارسی मराठी हिन्दी বাংলা ગુજરાતી தமிழ் ಕನ್ನಡ ภาษาไทย 한국어 日本語 简体中文 繁體中文 Você possui uma conta? Entrar Você possui uma conta? Lembrar-me · Esqueceu sua senha? Novo no Twitter? Inscreva-se ぴんくなでしこ @ pink_nadeshiko Tweets Tweets, página atual. 2.858 Seguindo Seguindo 586 Seguidores Seguidores 401 Curtidas Curtidas 1 Mais Curtidas Desativar Silêncio de @ pink_nadeshiko Silenciar @ pink_nadeshiko Seguir Seguir @ pink_nadeshiko Seguindo Seguindo @ pink_nadeshiko Deixar de Seguir Deixar de seguir @ pink_nadeshiko Bloqueado Bloqueou @ pink_nadeshiko Desbloquear Desbloquear @ pink_nadeshiko Pendente Solicitação para seguir de @ pink_nadeshiko está pendente Cancelar Cancelar sua solicitação para seguir @ pink_nadeshiko ぴんくなでしこ @ pink_nadeshiko 3次元女性のアダルト画像サイトを運営しています。 b-pep.com Participa desde abril de 2014 Tweets Tweets Tweets, página atual. Tweets e respostas Mídia Cuidado: este perfil pode incluir conteúdo pontecialmente sensível Você está vendo este aviso porque o Tweet contém linguagem ou imagens possivelmente ofensivas. Ainda quer vê-lo? Sim, ver perfil Fechar ぴんくなでしこ seguiu ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 22 h 22 horas atrás Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet スポーツお姉さんはエロい!電マでイキまくり本性モロ出し挿入懇願 http:// bit.ly/2HExJu5 pic.twitter.com/7F80eUG8FX Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 23 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet ミニマムEカップ女子のおっぱい自撮り画像w http:// bit.ly/2EM7ZtG pic.twitter.com/3L1jb9nAGO Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 22 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 池袋でエロオーラを放っていた金髪爆乳美女の神舌技がコレ http:// bit.ly/2sOgjaM pic.twitter.com/81Kj0ULeuH Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 22 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet メガネ+巨乳の組み合わせが破壊力を増すエロ画像Vol.2 http:// bit.ly/2ohwWHm pic.twitter.com/Ry2kAR3IRl Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 21 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet セフレのおじさんに開発されまくったドM女子大生が絶頂ヒィーハー! http:// bit.ly/2on7GhW pic.twitter.com/ITOc79wBse Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 21 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet パイパンくぱぁのお姉さんペン立てになる事を決意w http:// bit.ly/2sIo2qN pic.twitter.com/RgyO5DgLWH Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 20 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 野菜を挿れちゃうガバマン奥さんたちのエロ画像 http:// bit.ly/2od1idX pic.twitter.com/ko1pLHq3kR Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 20 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet ハメ撮りはNGだけど挿入直前まではOKしてくれた彼女がメイクも整えてくれたw http:// bit.ly/2FeAocQ pic.twitter.com/lyMYLK83wJ Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 19 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 制服でくぱぁしているJKたちのご開帳エロ画像 http:// bit.ly/2ogXHut pic.twitter.com/IELiv1x290 Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 18 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet もち肌ポチャ系な彼女とのハメ撮りセッ●スがスゲー気持ちよさそうw http:// bit.ly/2ByTqLc pic.twitter.com/RuU028qGy1 Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 17 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 【流出】マジモンっぽい上から覗かれた女子トイレ盗撮画像 http:// bit.ly/2ENdjA9 pic.twitter.com/qVUMkelfKS Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 16 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 恋人代行「レンタル彼女」で生々しいセックス交渉のギリギリ感w http:// bit.ly/2o8JWhu pic.twitter.com/T93XUlGkeN Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 16 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 男受けするポーズの勉強に余念がない裏垢女子のエロ画像 http:// bit.ly/2sxL0RB pic.twitter.com/VcpFFOdobv Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 15 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 【GIF】予約がとれない「添い寝リフレ」の内情→裏オプ本番の神展開だった件w http:// bit.ly/2Hi7nxx pic.twitter.com/d4g2kINwFA Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 15 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 乳首が奇妙な形だけど美乳くびれボディさんの自撮りオナニー http:// bit.ly/2o74FCw pic.twitter.com/6dk7p4UiDf Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 14 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 北欧美少女ジェマちゃんのピンク乳首が神レベルの美しさw http:// bit.ly/2Gf2fc7 pic.twitter.com/sevOSk5p3K Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 14 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 乳首を絵文字で隠せばカワイイと思っている投稿エロオンナ http:// bit.ly/2Bt4Gss pic.twitter.com/qmSzOcIOKW Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 13 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet 既婚女教師の夜の個人授業 アナル舐めフェラ写メが流出w http:// bit.ly/2EoArSj pic.twitter.com/2NYwimOXrC Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 12 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet チンポの持ち主に流出させられた顔バレNG目線有りのワケあり画像Vol.3 http:// bit.ly/2EkbUxP pic.twitter.com/YWjTHuRxFT Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer ぴんくなでしこ ‏ @ pink_nadeshiko 10 de fev Mais Copiar link para o Tweet Incorporar Tweet そのラインの向こうにある陰部を妄想するなマンスジ画像Vol.2 http:// bit.ly/2EwFVh6 pic.twitter.com/UQTpB2OVlU Esta mídia pode conter material sensível. Saiba mais Ver 0 resposta 0 retweet 0 curtiu Responder Retweetar Retweetado Curtir Curtiu Obrigado. O Twitter irá usar isso para melhorar sua timeline. Desfazer Desfazer @pink_nadeshiko ainda não tweetou. Voltar ao topo da página ↑ O carregamento parece estar demorando. O Twitter deve estar sobrecarregado ou passando por algum problema momentâneo. Tente novamente ou acesse o Status do Twitter para obter mais informações. Novo no Twitter? Inscreva-se agora para obter sua própria timeline personalizada! Inscreva-se Você também pode gostar · Atualizar false © 2018 Twitter Sobre Central de Ajuda Termos Política de privacidade Cookies Informações de anúncios Fechar Escolha a localização dos assuntos do momento Rejeitar Fechar Anterior Próximo Fechar Ir para o perfil da pessoa Buscas salvas Remover Nesta conversa Conta verificada Tweets protegidos @ Usuários sugeridos Conta verificada Tweets protegidos @ Conta verificada Tweets protegidos @ Fechar Promover este Tweet Fechar Bloquear Cancelar Bloquear Tweetar com localização Você pode adicionar informações de localização aos Tweets, como sua cidade ou sua localização exata, a partir da Web e por meio de aplicativos de terceiros. Você pode excluir o histórico de localização dos seus Tweets a qualquer momento. Saiba mais Ativar Agora não Fechar Suas listas Fechar Criar nova lista Nome da lista Descrição Menos de 100 caracteres, opcional Privacidade Pública · Qualquer um pode seguir esta lista Privada · Somente você pode acessar esta lista Salvar lista Fechar Fechar Copiar link para o Tweet Aqui está o URL deste Tweet. Copie-o para compartilhá-lo facilmente com seus amigos. Fechar Incorporar este Tweet Embed this Video Copie o código abaixo para adicionar este Tweet ao seu site. Saiba mais Copie o código abaixo para adicionar este vídeo ao seu site. Saiba mais Hum, ocorreu um problema no servidor. Tentar novamente? Incluir Tweet principal Incluir mídia Ao incorporar conteúdo do Twitter em seu site ou aplicativo, você concorda com o Contrato de Desenvolvedor e a Política de Desenvolvedor . Visualização Fechar Por que você está vendo este anúncio? Fechar Entrar no Twitter Lembrar-me · Esqueceu sua senha? Não tem uma conta? Inscreva-se » Fechar Inscreva-se no Twitter Não está no Twitter? Inscreva-se, fique ligado nas coisas que você gosta e receba atualizações no momento em que elas acontecerem. Inscreva-se Você possui uma conta? Entrar » Fechar Nos dois sentidos (enviando e recebendo) códigos curtos. País Código Para os clientes de Estados Unidos 40404 (qualquer) Canadá 21212 (qualquer) Inglaterra 86444 Vodafone, Orange, 3, O2 Brasil 40404 Nextel, TIM Haiti 40404 Digicel, Voila Irlanda 51210 Vodafone, O2 Índia 53000 Bharti Airtel, Videocon, Reliance Indonésia 89887 AXIS, 3, Telkomsel, Indosat, XL Axiata Itália 4880804 Wind 3424486444 Vodafone » Ver códigos de SMS para outros países Fechar Confirmação Fechar Fechar Pular tudo Bem-vindo(a) à página inicial! Esta timeline é o local em que você passará o maior tempo, recebendo atualizações instantâneas sobre o que realmente interessa a você. Os Tweets não estão funcionando com você? Coloque o mouse sobre a foto do perfil e clique no botão Seguir para deixar de seguir uma conta. Diga muito com tão pouco Quando encontrar um Tweet que goste, toque no coração. Isso mostrará à pessoa que o escreveu que você gostou. Espalhe A maneira mais rápida de compartilhar o Tweet de alguém com seus seguidores é retweetá-lo. Toque no ícone para enviá-lo instantaneamente. Participe da Conversa Inclua sua opinião sobre um Tweet em sua resposta. Encontre um assunto que goste e mande ver. Saiba das últimas Saiba imediatamente o que as pessoas estão falando. Receba mais notícias dos assuntos que gosta Siga mais contas para receber atualizações instantâneas dos assuntos que são importantes para você. Descubra o que está acontecendo Veja as conversas mais recentes sobre qualquer assunto de forma instantânea. Não perca um Moment Fique por dentro das melhores histórias no exato momento que elas acontecem. Voltar Próximo Próximo Tweet do usuário



https://games.mercadolivre.com.br/playstation/teclado-midi-5_OrderId_PRICE
  Teclado Midi 5 - PlayStation no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em PlayStation Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games PlayStation teclado midi 5 100 resultados Organizar anúncios Menor preço Mais relevantes Menor preço Maior preço Preço Até R$35 (29) Mais de R$150 ... 5gb 1 vendido - São Paulo R$ 16 Lego Harry Potter Years 5-7 - Psn Ps3 Mídia Digital 10 vendidos ... -7 - Psn Ps3 Mídia Digital 1 vendido - Ceará R$ 19 3x R$ 6 33 sem juros 5 Jogos Ps3 Em Midia Digital ... Digital Cod.psn 5 Jogos Minas Gerais R$ 22 Lego Harry Potter Years 5-7 Ps3 - Mídia Digital - Riosgames 9 vendidos - Bahia R$ 22 Resident Evil® 5 Gold Edition Psn - Ps3 - Mídia Digital 2 vendidos - Ceará ... Janeiro R$ 25 Resident Evil 5 Gold Edition Psn - Ps3 - Mídia Digital 2 vendidos - Ceará R$ 25 Game Ps3 CACHE

Teclado Midi 5 - PlayStation no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em PlayStation Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games PlayStation teclado midi 5 100 resultados Organizar anúncios Menor preço Mais relevantes Menor preço Maior preço Preço Até R$35 (29) Mais de R$150 (38) R$35 a R$150 (33) Categorias PlayStation 3 (60) PlayStation 4 (39) PS Vita (1) Pagamento Sem juros (55) Condição Novo (74) Usado (26) Localização São Paulo (44) Rio de Janeiro (13) Paraná (10) Minas Gerais (8) Ceará (8) Bahia (5) Rio Grande do Sul (4) Mato Grosso (2) Santa Catarina (2) Ver todos Escolher Localização Alagoas (1) Bahia (5) Ceará (8) Distrito Federal (1) Mato Grosso (2) Minas Gerais (8) Pará (1) Paraná (10) Pernambuco (1) Rio Grande do Sul (4) Rio de Janeiro (13) São Paulo (44) Santa Catarina (2) Envio Frete grátis (43) Mercado Envios (78) Mais especificações Melhores vendedores (35) R$ 9 Tekken 5: Dark Resurrection -psn Ps3 - Midia Digital 28 vendidos - Ceará R$ 15 5 Jogos Ps3 Em Midia Digital Paraná R$ 16 Brothers In Arms: Hell's Highway Ps3 Midia Digital Psn 5gb 1 vendido - São Paulo R$ 16 Lego Harry Potter Years 5-7 - Psn Ps3 Mídia Digital 10 vendidos - Ceará R$ 18 Gran Turismo 5 Midia Fisica Ps3 - Original - Usado - Paraná R$ 19 Lego Harry Potter: Years 5-7 - Psn Ps3 Mídia Digital 1 vendido - Ceará R$ 19 3x R$ 6 33 sem juros 5 Jogos Ps3 Em Midia Digital Vol 2 Paraná R$ 19 3x R$ 6 33 sem juros 5 Jogos Ps3 Em Midia Digital Paraná R$ 19 3x R$ 6 33 sem juros Fifa 18 Gta 5 Playstation 3 Midia Digital Leia Anuncio 7 vendidos - Rio Grande do Sul R$ 20 Jogo Gran Turismo 5 Ps3 Playstation 3 Midia Fisica Original Usado - São Paulo R$ 20 Metal Gear Solid V 5 The Phantom Pain Ps3 Midia Digital 1 vendido - Alagoas R$ 22 Multiplayer Mayhem Bundle Ps3 Midia Digital Cod.psn 5 Jogos Minas Gerais R$ 22 Lego Harry Potter Years 5-7 Ps3 - Mídia Digital - Riosgames 9 vendidos - Bahia R$ 22 Resident Evil® 5 Gold Edition Psn - Ps3 - Mídia Digital 2 vendidos - Ceará R$ 22 Minecraft Story Mode Episódios 1 Ao 5 - Ps3 Midia Digital 9 vendidos - Rio de Janeiro R$ 24 4x R$ 5 98 sem juros Minecraft Story Mode Ep. 1 Ao Ep. 5 - Ps3 Midia Digital 9 vendidos - Rio de Janeiro R$ 25 Resident Evil 5 Gold Edition Psn - Ps3 - Mídia Digital 2 vendidos - Ceará R$ 25 Game Ps3 Gran Turismo 5 Mídia Física - Jogo Usado - São Paulo R$ 25 Tony Hawk's Pro Skater 5 Psn Ps3 Midia Digital 11 vendidos - Ceará R$ 25 Grand Theft Auto V | Gta 5 Ps3 - Mídia Digital Legendado Pt 1 102 vendidos - Ceará R$ 25 Gta V 5 Ps3 #grand Theft Auto V Mídia Digital ( Cod. Psn ) 18 vendidos - Minas Gerais R$ 25 5x R$ 5 sem juros Guitar Hero 5 Midia Fiscal Usado - Pará R$ 26 Tony Hawk's Pro Skater 5 Psn Ps3 Midia Digital 2 vendidos - Ceará R$ 27 Lego Harry Potter/ Years 5-7 Ps3 Jogos Midia Digital São Paulo R$ 30 Resident Evil 4 5 6 Combo Ps3 Mídia Digital Psn Br 55 vendidos - Rio de Janeiro R$ 30 Gran Turismo 5 Xl Edition Ps3 Portugues Mídia Fisica Usado - São Paulo R$ 32 6x R$ 5 35 sem juros Jogo Gran Turismo 5 Prologue Playstation 3, Mídia Fisica Usado - São Paulo R$ 35 6x R$ 5 82 sem juros Combo Resident Evil 4 5 6 Ps Mídia Digital Psn Br 9 vendidos - Rio de Janeiro R$ 35 Jogo Ps3 Gran Turismo 5 Xl Edition (somente Midia Fisica) Usado - Rio de Janeiro R$ 35 Grand Theft Auto 5 - Mídia Digital Ps3 5 vendidos - Santa Catarina R$ 35 Devil May Cry 5 - Ps3 - Midia Física 100% Usado - Minas Gerais R$ 35 6x R$ 5 83 sem juros Devil My Cry 5 Dmc - Game Playstation 3 Midia Fisica Usado - Rio Grande do Sul R$ 37 Game Ps3 Resident Evil 5 Mídia Física - Jogo Usado - São Paulo R$ 40 6x R$ 6 65 sem juros Wrc 5 Fia World Rally Championship Ps3 Midia Digital 1 22 vendidos - Rio de Janeiro R$ 40 6x R$ 6 67 sem juros Gta 5 + 4 Jogos Grand Theft Auto V Psn Ps3 Midia Digital 13 vendidos - Rio Grande do Sul R$ 45 Dead Or Alive 5 Ultimate Ps3 Midia Fisica Novo Lacrado 1 vendido - São Paulo R$ 50 6x R$ 8 32 sem juros Jogo Dead Or Alive 5 Ultimate Ps3 Mídia Física Nota Fiscal Paraná R$ 50 6x R$ 8 33 sem juros Wrc 5 Fia World Rally Ps3 Midia Digital I Codigo Psn I 1 vendido - Minas Gerais R$ 55 Metal Gear Solid 5 Ground Zeroes Ps3 Mídia Física Lacrado 1 vendido - Rio de Janeiro R$ 60 Gta 5 Ps3 Midia Digital Psn Usado - Distrito Federal R$ 60 Ps Vita Lego Harry Potter Years 5-7! Mídia Física! Usado - São Paulo R$ 60 12x R$ 5 70 Jogo Wrc 5 (mídia Física, Pt) - Ps4 (lacrado) + Barato Do Ml São Paulo R$ 60 12x R$ 5 sem juros Simulador Gran Turismo 5 Xl Editon Ps3 Mídia Física Usado - Rio de Janeiro R$ 60 12x R$ 5 sem juros Kit Resident Evil 5 Ps3 Mídia Física + Brinde Caneta Bic Usado - Rio de Janeiro R$ 70 12x R$ 6 65 5 Games Ps4 Mídia Física 70por Unidade Bahia R$ 70 12x R$ 5 83 sem juros Combo 5 Jogos Ps3 Mídia Física Codghosts/f1 2011/pes12/13/14 Usado - Paraná R$ 76 12x R$ 6 36 sem juros Persona 5 + Dlc's Ps3 Midia Digital Codigo Psn, Promoção 10 vendidos - Minas Gerais R$ 80 12x R$ 6 67 sem juros Street Fighter 5 Ps4 Midia Fisica Pernambuco 1 2 3 Mais informações Sobre o Mercado Livre Investor relations Mapa do site Tendências Outros sites Desenvolvedores Mercado Pago Mercado Envios Mercado Shops Mercado Livre Publicidade Vale-Presente Mercado Livre Contato Comprar Vender Solução de problemas Segurança Redes sociais Twitter Facebook Instagram YouTube Minha conta Entre Vender Copyright © 1999-2018 Ebazar.com.br LTDA. Trabalhe conosco Termos e condições Políticas de privacidade Contato CNPJ n.º 03.007.331/0001-41 / Av. das Nações Unidas, nº 3.003, Bonfim, Osasco/SP - CEP 06233-903 - empresa do grupo Mercado Livre. Baixe grátis o App do Mercado Liv



http://cidade-sao-paulo.iclaz.com.br/midia-publicidade_scat_100_v_G.html
  Lista de Empresas - Mídia - Publicidade em São Paulo em São Paulo no iClaz - Classificados Grátis Todo o site Carros, Motos e Barcos Compra - Venda Comunidade Cursos - Aulas Empregos Imóveis Lista de Empresas Serviços Publicar Anúncio Grátis Home > Lista de Empresas > Mídia - Publicidade Localização: Brasil > São Paulo > São Paulo Lista | Galeria de Imagens Resultados de 1 - 27 de 27 Ordenar ... Lista de Empresas - Mídia - Publicidade em São Paulo em São Paulo no iClaz - Classificados Grátis ... de Empresas Serviços Publicar Anúncio Grátis Home > Lista de Empresas > Mídia - Publicidade ... Ordenar por: Menor Preço | Maior Preço Filtrado por São Paulo Mídia - Publicidade Categoria Lista de Empresas (27) Sub-Categoria Mídia - Publicidade (27) Estado São Paulo (27) Cidade São Paulo (27 ... ) Website E Hospedagem Grátis. Multinacional Líder... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente Os CACHE

Lista de Empresas - Mídia - Publicidade em São Paulo em São Paulo no iClaz - Classificados Grátis Todo o site Carros, Motos e Barcos Compra - Venda Comunidade Cursos - Aulas Empregos Imóveis Lista de Empresas Serviços Publicar Anúncio Grátis Home > Lista de Empresas > Mídia - Publicidade Localização: Brasil > São Paulo > São Paulo Lista | Galeria de Imagens Resultados de 1 - 27 de 27 Ordenar por: Menor Preço | Maior Preço Filtrado por São Paulo Mídia - Publicidade Categoria Lista de Empresas (27) Sub-Categoria Mídia - Publicidade (27) Estado São Paulo (27) Cidade São Paulo (27) Faixa de Preço R$ até Condição Usado (27) Pagamento A Combinar (27) Tipo de Publicação Procura (27) Website E Hospedagem Grátis. Multinacional Líder... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente Os Seus Lucros Na Rede Publicitária Publi... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Conheça O Beruby! Novo Programa De Afiliados Lucr... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Tenha Renda Com Seus Sites No Host Gator! Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente As Suas Visitas Em Até 1 Milhão De Visit... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente As Suas Visitas E Os Seus Lucros No Jornal... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente Os Seus Lucros Divulgando No Livre Negóci... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Oportunidades Lucrativas E Serviços Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente Seus Lucros No Facebook! Conheça O Magnet... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Saiba Como Divulgar Anúncios Com O Curso Online M... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Conheça O Curso Online Magnet Social! Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Saiba Como Conseguir Contactos Grátis Através De... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Conheça Os Passos Básicos Do Marketing De Rede C... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Saiba Como Criar Um Blog Profissional Para Seus Ne... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Você Também Precisa De Ajuda Para Criar Um Blog?... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Páginas De Captura Magnet Squeeze! Aumente Os Seu... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Saiba Como Conseguir Seus Contatos Com O Curso Onl... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Conheça O Novo Sistema De Marketing De Atração ... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Saiba Como Recrutar Mais Distribuidores Para A Sua... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Gerencie Suas Campanhas Via E-mail Marketing E Pot... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Novo Sistema Lucrativo De Marketing De Rede! Conhe... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente Seus Lucros Diários No Idéia Vírus! O ... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Aumente As Visitas E Os Seus Lucros No Mega Rendas... Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Divulgue Seu Negócio Grátis Para Mais De 100 Cla... Mídia - Publicidade 2 fotos 0 vídeos Vendo Site De Publicidade Na Internet. Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Otaku Solitario Mídia - Publicidade 1 fotos 0 vídeos Produtos Personalizados Mídia - Publicidade 6 fotos 0 vídeos Pesquisas Populares Vende-se Videogames - Consoles Compro Outras Compras - Vendas Vender guitarras Comprar bike Publique notebooks Anuncios de Barcos - Lanchas Compra roupas Venda microfone Vendo caixa selada Encontre baixo Anuncie computadores Procure por Cidade São Paulo Mogi das Cruzes Campinas Guarulhos Santo André Itaquaquecetuba Jundiaí Atibaia São Bernardo do Campo Bragança Paulista São José do Rio Preto Limeira Ribeirão Preto Nazaré Paulista Cotia Barueri Mairiporã Piracaia Osasco Praia Grande Ver todas - São Paulo Procure por Estado Acre Alagoas Amapá Amazonas Bahia Ceará Distrito Federal Espírito Santo Goiás Maranhão Mato Grosso Mato Grosso do Sul Minas Gerais Pará Paraíba Paraná Pernambuco Piauí Rio de Janeiro Rio Grande do Norte Rio Grande do Sul Rondônia Roraima Santa Catarina São Paulo Sergipe Tocantins Sobre a Empresa Ajuda Termos e Condições Politica de Privacidade Contate-nos Anunciar no iClaz Procurar Cidades Copyright © 2009 - iClaz - Classificados Grátis de A a Z



http://grupodemidiasc.com/
  Grupo de Mídia HOME QUEM SOMOS NOTÍCIAS CURSOS EVENTOS FOTOS ASSOCIE-SE LINKS ÚTEIS ANUNCIE ARTIGOS CONTATO Vencedores Mídia Destaca 2017 No dia 06/07, no Espaço Floripa, aconteceu a cerimônia de premiação do Prêmio Mídia Destaca 2017. Conheça os vencedores de cada praça: PRAÇA: GRANDE FLORIANÓPOLIS Melhor Veículo de Comunicação - Mídia Eletrônica Televisão: RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: BAND FM ... Grupo de Mídia HOME QUEM SOMOS NOTÍCIAS CURSOS EVENTOS FOTOS ASSOCIE-SE LINKS ÚTEIS ANUNCIE ARTIGOS CONTATO Vencedores Mídia Destaca 2017 No dia 06/07, no Espaço Floripa, aconteceu a cerimônia de premiação do Prêmio Mídia Destaca 2017. Conheça os vencedores de cada praça: PRAÇA: GRANDE FLORIANÓPOLIS Melhor Veículo de Comunicação - Mídia Eletrônica Televisão: RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: BAND FM - Mídia Impressa: DIÁRIO CATARINENSE - Mídia Exterior: PUBLICAR - Mídia Online: PUBLYA Melhor CACHE

Grupo de Mídia HOME QUEM SOMOS NOTÍCIAS CURSOS EVENTOS FOTOS ASSOCIE-SE LINKS ÚTEIS ANUNCIE ARTIGOS CONTATO Vencedores Mídia Destaca 2017 No dia 06/07, no Espaço Floripa, aconteceu a cerimônia de premiação do Prêmio Mídia Destaca 2017. Conheça os vencedores de cada praça: PRAÇA: GRANDE FLORIANÓPOLIS Melhor Veículo de Comunicação - Mídia Eletrônica Televisão: RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: BAND FM - Mídia Impressa: DIÁRIO CATARINENSE - Mídia Exterior: PUBLICAR - Mídia Online: PUBLYA Melhor Atendimento Comercial - Mídia Eletrônica Televisão: ELIANA BEZERRA - RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: MÔNICA SCHILLING - CBN - Mídia Impressa: MARÍLIA LAZARE - DIÁRIO CATARI… ► ver todas as notícas Vencedores Mídia Destaca 2015 26/11/2015 O Grupo de Mídia comunica os… 23/11/2015 O Grupo de Mídia comunica qu… 18/11/2015 A 8º Edição do Prêmio Mí… 15/11/2015 O PRÊMIO MÍDIA DESTACA TEM … 09/11/2015 5 profissionais de mídia de … 04/10/2015 FACEBOOK TWITTER Desenvolvimento: Acompanhe-nos:



http://grupodemidiasc.com
  Grupo de Mídia HOME QUEM SOMOS NOTÍCIAS CURSOS EVENTOS FOTOS ASSOCIE-SE LINKS ÚTEIS ANUNCIE ARTIGOS CONTATO Vencedores Mídia Destaca 2017 No dia 06/07, no Espaço Floripa, aconteceu a cerimônia de premiação do Prêmio Mídia Destaca 2017. Conheça os vencedores de cada praça: PRAÇA: GRANDE FLORIANÓPOLIS Melhor Veículo de Comunicação - Mídia Eletrônica Televisão: RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: BAND FM ... Grupo de Mídia HOME QUEM SOMOS NOTÍCIAS CURSOS EVENTOS FOTOS ASSOCIE-SE LINKS ÚTEIS ANUNCIE ARTIGOS CONTATO Vencedores Mídia Destaca 2017 No dia 06/07, no Espaço Floripa, aconteceu a cerimônia de premiação do Prêmio Mídia Destaca 2017. Conheça os vencedores de cada praça: PRAÇA: GRANDE FLORIANÓPOLIS Melhor Veículo de Comunicação - Mídia Eletrônica Televisão: RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: BAND FM - Mídia Impressa: DIÁRIO CATARINENSE - Mídia Exterior: PUBLICAR - Mídia Online: PUBLYA Melhor CACHE

Grupo de Mídia HOME QUEM SOMOS NOTÍCIAS CURSOS EVENTOS FOTOS ASSOCIE-SE LINKS ÚTEIS ANUNCIE ARTIGOS CONTATO Vencedores Mídia Destaca 2017 No dia 06/07, no Espaço Floripa, aconteceu a cerimônia de premiação do Prêmio Mídia Destaca 2017. Conheça os vencedores de cada praça: PRAÇA: GRANDE FLORIANÓPOLIS Melhor Veículo de Comunicação - Mídia Eletrônica Televisão: RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: BAND FM - Mídia Impressa: DIÁRIO CATARINENSE - Mídia Exterior: PUBLICAR - Mídia Online: PUBLYA Melhor Atendimento Comercial - Mídia Eletrônica Televisão: ELIANA BEZERRA - RBS TV - Mídia Eletrônica Rádio: MÔNICA SCHILLING - CBN - Mídia Impressa: MARÍLIA LAZARE - DIÁRIO CATARI… ► ver todas as notícas Vencedores Mídia Destaca 2015 26/11/2015 O Grupo de Mídia comunica os… 23/11/2015 O Grupo de Mídia comunica qu… 18/11/2015 A 8º Edição do Prêmio Mí… 15/11/2015 O PRÊMIO MÍDIA DESTACA TEM … 09/11/2015 5 profissionais de mídia de … 04/10/2015 FACEBOOK TWITTER Desenvolvimento: Acompanhe-nos:



http://lavaeleva.com
  Lava e Leva Seja um franqueado Minha conta Contato Home Planos Unidades Nós Novidades Vídeos Peça agora Faça o pedido #1 Selecione seu PLANO #2 Selecione sua REGIÃO #3 Selecione a UNIDADE #4 CONCLUIR pedido Plano individual Plano mensal recomendado para 1 pessoa. Recomendado para: 1 pessoa Solicitar Família 2 Plano mensal recomendado para famílias de até 2 pessoas. Recomendado para: 2 pessoas Solicitar ... Mídia Nacional Ver mais São Paulo (Penha) - SP Fique por dentro! Ver mais Jornal Diário Comercial Mídia Nacional Ver mais Blog Patrício Nunes Mídia Nacional Ver mais Jornal Dia Dia Mídia Nacional Ver mais Bom dia Sergipe - Rede Globo Mídia Nacional Ver mais São João Do Ivaí - PR Fique por dentro! Ver mais Portal Norte Mídia Nacional Ver mais Vila Velha (Norte) - ES Fique por dentro! Ver mais Porto Alegre (Paternon) - RS Fique por dentro! Ver mais Jornal Franquia Mídia Nacional Ver mais TV local CACHE

Lava e Leva Seja um franqueado Minha conta Contato Home Planos Unidades Nós Novidades Vídeos Peça agora Faça o pedido #1 Selecione seu PLANO #2 Selecione sua REGIÃO #3 Selecione a UNIDADE #4 CONCLUIR pedido Plano individual Plano mensal recomendado para 1 pessoa. Recomendado para: 1 pessoa Solicitar Família 2 Plano mensal recomendado para famílias de até 2 pessoas. Recomendado para: 2 pessoas Solicitar Família 3 Plano mensal recomendado para famílias de até 3 pessoas. Recomendado para: 3 pessoas Solicitar Família 4 Plano mensal recomendado para famílias de até 4 pessoas. Recomendado para: 4 pessoas Solicitar #1 Selecione seu PLANO #2 Selecione sua REGIÃO #3 Selecione a UNIDADE #4 CONCLUIR pedido Plano: Estado AC ( 1 unidades ) AL ( 1 unidades ) AM ( 1 unidades ) AP ( 2 unidades ) BA ( 7 unidades ) CE ( 13 unidades ) DF ( 11 unidades ) ES ( 7 unidades ) GO ( 13 unidades ) MA ( 5 unidades ) MG ( 24 unidades ) MS ( 9 unidades ) MT ( 3 unidades ) PA ( 9 unidades ) PB ( 8 unidades ) PE ( 7 unidades ) PI ( 3 unidades ) PR ( 26 unidades ) RJ ( 19 unidades ) RN ( 1 unidades ) RO ( 5 unidades ) RR ( 1 unidades ) RS ( 13 unidades ) SC ( 8 unidades ) SE ( 2 unidades ) SP ( 148 unidades ) TO ( 2 unidades ) Cidade Solicitar #1 Selecione seu PLANO #2 Selecione sua REGIÃO #3 Selecione a UNIDADE #4 CONCLUIR pedido Plano: - Região: / #1 Selecione seu PLANO #2 Selecione sua REGIÃO #3 Selecione a UNIDADE #4 CONCLUIR pedido Plano: - Região: / - Unidade: # Enviar Quem somos? Somos uma lavanderia diferente das outras. Diferente porque não apenas lavamos, mas cuidamos das suas roupas pra você. Suas peças são tratadas com todo o cuidado desde o momento que são entregues e passam por todo um processo altamente exigente de higienização e limpeza. Passamos, dobramos e embalamos suas roupas pra que você tenha peças limpas, cheirosas e macias toda a semana. Tudo isso por uma taxa fixa por mês – você não paga por cada vez que vai a lavanderia. Temos planos para famílias com duas, três e quatro pessoas, sem esquecer também dos que moram sozinhos. É bem mais prático e muito mais barato do que um serviço comum de lavanderia. Por isso, somos diferentes. Continue navegando no nosso site e descubra mais sobre nossos serviços! Novidades Ji-Paraná - RO Fique por dentro! Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais São Paulo (Penha) - SP Fique por dentro! Ver mais Jornal Diário Comercial Mídia Nacional Ver mais Blog Patrício Nunes Mídia Nacional Ver mais Jornal Dia Dia Mídia Nacional Ver mais Bom dia Sergipe - Rede Globo Mídia Nacional Ver mais São João Do Ivaí - PR Fique por dentro! Ver mais Portal Norte Mídia Nacional Ver mais Vila Velha (Norte) - ES Fique por dentro! Ver mais Porto Alegre (Paternon) - RS Fique por dentro! Ver mais Jornal Franquia Mídia Nacional Ver mais TV local - Macapá/AP Mídia Nacional Ver mais Treinamento 01/2018 Treinamento de Franqueados! Ver mais Folha de São Paulo Mídia Nacional Ver mais Portal Surgiu Mídia Nacional Ver mais Folha de Dourados Fique por dentro! Ver mais Portal Novidade Mídia Nacional Ver mais Sorriso - MT Fique por dentro! Ver mais Portal Empreendedor Fique por dentro! Ver mais Blog Canal Executivo Mídia Nacional Ver mais Jornal Dia Dia Mídia Nacional Ver mais Portal Sua Franquia Mídia Nacional Ver mais ABF - Portal De Franchising Mídia Nacional Ver mais Portal Giro News Mídia Nacional Ver mais Portal Sua Franquia Mídia Nacional Ver mais Portal Campo Grande Notícias Mídia Nacional Ver mais Portal Creative Site Mídia Nacional Ver mais Portal Uol Economia Mídia Nacional Ver mais Portal Isto É Mídia Nacional Ver mais Portal Em Tempo Mídia Nacional Ver mais ABF - Portal De Franchising Mídia Nacional Ver mais Portal Catraca Livre Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Vespasiano - MG Fique por dentro! Ver mais Treinamento 11/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Revista Gestão e Negócios Mídia Nacional Ver mais Portal Bem Paraná Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Portal Sua Franquia Mídia Nacional Ver mais Folha de Dourados Mídia Nacional Ver mais Sobral - CE Fique por dentro! Ver mais VD Esportes Mídia Nacional Ver mais Portal IG Economia Mídia Nacional Ver mais Jornal Dia Dia Mídia Nacional Ver mais São Paulo (Vila Moraes) - SP Fique por dentro! Ver mais Campina Grande (Catolé) - PB Fique por dentro! Ver mais Teresina - PI (Sul) Fique por dentro! Ver mais Folha de Dourados Mídia Nacional Ver mais Portal Último Instante Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Paranavaí - PR Fique por dentro! Ver mais Belém (Marambaia) - PA Fique por dentro! Ver mais Itatiba - SP Fique por dentro! Ver mais Guarulhos ( Vila Augusta) - SP Fique por dentro! Ver mais Rede Massa - SBT Mídia Nacional Ver mais Prudentópolis - PR Fique por dentro! Ver mais Jornal O Globo Mídia Nacional Ver mais Osasco (Km 18) - SP Fique por dentro! Ver mais Betim (Novo Horizonte) - MG Fique por dentro! Ver mais Brasília (Taguatinga) Sul - DF Fique por dentro! Ver mais Uberlândia ( Santa Monica) - MG Fique por dentro! Ver mais Fortaleza (Vila Velha) - CE Fique por dentro! Ver mais Treinamento 09/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Maracanaú (Leste) - CE Fique por dentro! Ver mais Santo André (Norte) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Barra funda) - SP Fique por dentro! Ver mais Recife (Torre) - PE Fique por dentro! Ver mais Praia Grande - SP Fique por dentro! Ver mais Osasco ( Sul ) - SP Fique por dentro! Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Capão da Canoa/ Xangrila - RS Fique por dentro! Ver mais Jornal O Globo Mídia Nacional Ver mais Santos (Embaré) - SP Fique por dentro! Ver mais Balneário Piçarras - SC Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Pedra Branca) - SP Fique por dentro! Ver mais Brasília (Sobradinho) - DF Fique por dentro! Ver mais Clube de Vantagens - Mídia Urubu Mídia Nacional Ver mais Portal A Crítica Mídia Nacional Ver mais Mato Grosso Econômico Mídia Nacional Ver mais Portal da Abelhinha Mídia Nacional Ver mais Portal Camaçari Notícias Mídia Nacional Ver mais Treinamento 08/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais São Paulo (Morumbi) - SP Fique por dentro! Ver mais Rio de Janeiro (Copacabana/Leme) - RJ Fique por dentro! Ver mais Portal G1 - TV Rio Sul Mídia Nacional Ver mais São Paulo (Vila Romana) - SP Fique por dentro! Ver mais 28ª Franchising Fair Belo Horizonte Mídia Nacional Ver mais Revista Veja Mídia Nacional Ver mais Portal Centro-Oeste Popular Mídia Nacional Ver mais Curitiba (Santa Felicidade) - PR Fique por dentro! Ver mais Sportv Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Natal - RN (Tirol) Fique por dentro! Ver mais Vendo na Tv Mídia Nacional Ver mais 28ª Franchising Fair Belo Horizonte Mídia Nacional Ver mais Valinhos - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Consolação/Higienópolis) - SP Fique por dentro! Ver mais Catraca Livre Mídia Nacional Ver mais Portal G1 - Bom dia PR Mídia Nacional Ver mais Portal no Ar Mídia Nacional Ver mais Portal G1 - TV Rio Sul Mídia Nacional Ver mais Portal G1 - RPC Paraná Mídia Nacional Ver mais Portal IG Mídia Nacional Ver mais Jornal da Band Mídia Nacional Ver mais Jornal Campo Grande Notícias Mídia Nacional Ver mais Jornal Campo Grande Notícias Mídia Nacional Ver mais Blog Patricio Nunes Mídia Nacional Ver mais Jornal do SBT Brasil Mídia Nacional Ver mais Blog Canal Executivo Mídia Nacional Ver mais Portal Sua Franquia Mídia Nacional Ver mais Treinamento 07/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Revista Empreendedor Mídia Nacional Ver mais Jornal Dia Dia Mídia Nacional Ver mais São Paulo (Vila Santa Clara) - SP Fique por dentro! Ver mais Jundiaí (Norte) - SP Fique por dentro! Ver mais Belém (Marco/Pedreira) - PA Fique por dentro! Ver mais Araçatuba - SP Fique por dentro! Ver mais São João Del Rei - MG Fique por dentro! Ver mais Rio de Janeiro (Abolição) - RJ Fique por dentro! Ver mais Santo Antonio da Platina - PR Fique por dentro! Ver mais Muriaé - MG Fique por dentro! Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Portal Novidade Mídia Nacional Ver mais Portal Último Instante Mídia Nacional Ver mais Treinamento 06/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Jornal da Band Mídia Nacional Ver mais Fátima do Sul - MS Fique por dentro! Ver mais Rio de Janeiro (Barra da Tijuca) - RJ Fique por dentro! Ver mais Ribeirão Preto (Oeste) - SP Fique por dentro! Ver mais Taquarituba - SP Fique por dentro! Ver mais Portal Sua Franquia Mídia Nacional Ver mais Limoeiro do Norte - CE Fique por dentro! Ver mais Portal Montar um Negócio Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Porto Velho (Embratel) - SP Fique por dentro! Ver mais Treinamento 05/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Cascavel (Norte) - PR Fique por dentro! Ver mais Diadema (Vila Nogueira) - SP Fique por dentro! Ver mais Jornal Gazeta do Povo Mídia Nacional Ver mais Treinamento 04/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Macapá (Sul) - AP Fique por dentro! Ver mais Portal Sua Franquia Mídia Nacional Ver mais Portal Administradores Mídia Nacional Ver mais Portal Segs Mídia Nacional Ver mais São Miguel do Oeste - SC Fique por dentro! Ver mais Passo Fundo - RS Fique por dentro! Ver mais Curitiba (Pinheirinho) - PR Fique por dentro! Ver mais Colatina - ES Fique por dentro! Ver mais Treinamento 03/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Jornal Zero Hora Mídia Nacional Ver mais Ribeirão Preto - Sul Fique por dentro! Ver mais Nova Odessa - SP Fique por dentro! Ver mais Aracruz - ES Fique por dentro! Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Jornal Valor Econômico Mídia Nacional Ver mais Santana de Parnaíba - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Jabaquara) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Saúde) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo ( Berrini /Campo Belo) - SP Fique por dentro! Ver mais Campinas (Jardim Novo Flamboyant) - SP Fique por dentro! Ver mais Cornélio Procópio - PR Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Lapa) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Jaguaré) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Paraíso) - SP Fique por dentro! Ver mais Ourinhos - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Vila Guarani) - SP Fique por dentro! Ver mais Sumaré (Leste) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Jd Santa Teresinha/Nossa Senhora do Carmo) - SP Fique por dentro! Ver mais Balneário Camboriú - SC Fique por dentro! Ver mais Treinamento 01/2017 Treinamento de Franqueados! Ver mais Santos (Boqueirão) - SP Fique por dentro! Ver mais Aquiraz - CE Fique por dentro! Ver mais Porto Alegre (Independência) - RS Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Mandaqui) - SP Fique por dentro! Ver mais Hortolândia - SP Fique por dentro! Ver mais Portal Último Instante Mídia Nacional Ver mais Taquara - RS Fique por dentro! Ver mais Belo Horizonte (Centro) - MG Fique por dentro! Ver mais São Carlos - SP Fique por dentro! Ver mais Destaque no DCI Mídia Nacional Ver mais Curitiba (Cajuru) - PR Fique por dentro! Ver mais Grajaú - MA Fique por dentro! Ver mais Melhores Empresas da Cidade - Ecolista Mídia Nacional Ver mais Pouso Alegre - MG Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Vila Guilherme) - SP Fique por dentro! Ver mais Eusébio - CE Fique por dentro! Ver mais Pinhais - PR Fique por dentro! Ver mais Fortaleza (Fátima) - CE Fique por dentro! Ver mais Araguaína - TO Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Vila Romana) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Aclimação) - SP Fique por dentro! Ver mais Jardinópolis - SP Fique por dentro! Ver mais Arujá - SP Fique por dentro! Ver mais Treinamento 11/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Assis - SP Fique por dentro! Ver mais Poços de Caldas - MG Fique por dentro! Ver mais Curitiba (Mossunguê) - PR Fique por dentro! Ver mais São José dos Campos (Oeste) - SP Fique por dentro! Ver mais Franco da Rocha - SP Fique por dentro! Ver mais Treinamento 10/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais São Paulo (Vila Andrade) - SP Fique por dentro! Ver mais Parnaíba - PI Fique por dentro! Ver mais Belo Horizonte (Cidade Nova) - MG Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Pinheiros) - SP Fique por dentro! Ver mais Curitiba (Cabral) - PR Fique por dentro! Ver mais Sumaré (Leste) - SP Fique por dentro! Ver mais Santa Inês - MA Fique por dentro! Ver mais Lagoa da Prata - MG Fique por dentro! Ver mais Jornal Extra Novamente Mídia Nacional Ver mais Jornal Extra Globo Mídia Nacional Ver mais Governador Valadares (Leste) - MG Fique por dentro! Ver mais Fortaleza (Cocó) - CE Fique por dentro! Ver mais Araguari - MG Fique por dentro! Ver mais Avaré - SP Fique por dentro! Ver mais Fortaleza (Parquelandia) - CE Fique por dentro! Ver mais Rio de Janeiro (Anil) - RJ Fique por dentro! Ver mais Salvador (São Cristóvão) - BA Fique por dentro! Ver mais Senador Canedo - GO Fique por dentro! Ver mais Jornal da Globo Mídia Nacional Ver mais Formosa - GO Fique por dentro! Ver mais Serra (Norte) - ES Fique por dentro! Ver mais Manaus (Coroados) - AM Fique por dentro! Ver mais Treinamento 09/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Lava e Leva no Carta Campinas Mídia Nacional Ver mais Osasco (Presidente Altino) - SP Fique por dentro! Ver mais João Pessoa (Tambauzinho) - PB Fique por dentro! Ver mais Guia Franquias de Sucesso Mídia Nacional Ver mais Jornal do Brasil - Portal Terra Mídia Nacional Ver mais Caçapava - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Ipiranga) - SP Fique por dentro! Ver mais Novamente no Valor Econômico Mídia Nacional Ver mais A Magia no Mundo dos Negócios Mídia Nacional Ver mais Canoas (Leste) - RS Fique por dentro! Ver mais Treinamento 08/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Jaboticabal - SP Fique por dentro! Ver mais Belém (Umarizal) - PA Fique por dentro! Ver mais Sorocaba (Norte) - SP Fique por dentro! Ver mais Araraquara (Oeste) - SP Fique por dentro! Ver mais Curitiba (Xaxim) - PR Fique por dentro! Ver mais Atibaia - SP Fique por dentro! Ver mais Fortaleza (Salinas) - CE Fique por dentro! Ver mais Lava e Leva e a MGA PRESS Mídia Nacional Ver mais Campo Grande (Morenão) - MS Fique por dentro! Ver mais RJTV - Rede Globo Mídia Nacional Ver mais Dracena - SP Fique por dentro! Ver mais Guarapari - ES Fique por dentro! Ver mais Jaguariúna - SP Fique por dentro! Ver mais Olinda (Casa Caiada) - PE Fique por dentro! Ver mais Santo André (Leste) - SP Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Jurubatuba) - SP Fique por dentro! Ver mais Curitiba (Centro) - PR Fique por dentro! Ver mais São Paulo (Vila Alpina) - SP Fique por dentro! Ver mais Pindamonhangaba - SP Fique por dentro! Ver mais Brasília (Taguatinga) - DF Fique por dentro! Ver mais São José dos Pinhais (Afonso Pena) - PR Fique por dentro! Ver mais Brasília (Samambaia) - DF Fique por dentro! Ver mais Marília (Oeste) - SP Fique por dentro! Ver mais Mauá (Sul) - SP Fique por dentro! Ver mais Resende - RJ Fique por dentro! Ver mais Belo Horizonte (Buritis) - MG Fique por dentro! Ver mais Campo Grande (Afonso Pena) - MS Fique por dentro! Ver mais Macapa - AP Fique por dentro! Ver mais Artur Nogueira - SP Fique por dentro! Ver mais Batatais - SP Fique por dentro! Ver mais Diadema (Centro) - SP Fique por dentro! Ver mais Goiânia (Autódromo) - GO Fique por dentro! Ver mais São José dos Pinhais (Sul) - PR Fique por dentro! Ver mais Goiânia (Parque Amazônia) - GO Fique por dentro! Ver mais Montes Claros - MG Fique por dentro! Ver mais Cotia - SP Fique por dentro! Ver mais João Pessoa (Bancários) - PB Fique por dentro! Ver mais Treinamento 07/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Treinamento 06/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Treinamento 05/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Treinamento 04/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Treinamento 03/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Treinamento 02/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais 2º Treinamento 01/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Treinamento 01/2016 Treinamento de Franqueados! Ver mais Maurício Shogun e a Lava e Leva Mídia Nacional Ver mais Portal IG Mídia Nacional Ver mais Diário do Amazonas Mídia Nacional Ver mais Folha de S. Paulo Mídia Nacional Ver mais Jornal Estadão Mídia Nacional Ver mais Jornal Zero Hora Mídia Nacional Ver mais Jornal Correio Braziliense Mídia Nacional Ver mais Jornal Correio de Salvador, BA Mídia Nacional Ver mais Lava e Leva no SBT Mídia Nacional Ver mais TV Aparecida Mídia Nacional Ver mais Radio Sputnik News Mídia Nacional Ver mais Destaque no UOL Mídia Nacional Ver mais Empreendedorismo Fique por dentro! Ver mais Capa do Portal Terra Mídia Nacional Ver mais Ao vivo na Rede TVC Mídia Nacional Ver mais Vitória, ES, em destaque. Mídia Nacional Ver mais Estamos em Festa!!! Mídia Nacional Ver mais Outra vez Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Rede Globo Novamente Mídia Nacional Ver mais Portal UOL Mídia Nacional Ver mais Portal IG Mídia Nacional Ver mais SBT Brasil Mídia Nacional Ver mais Jornal DCI Mídia Nacional Ver mais PEGN - Rede Globo Mídia Nacional Ver mais Portal G1 - Globo.com Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Portal Sua Franquia Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Portal Exame Mídia Nacional Ver mais Jornal Estadão Mídia Nacional Ver mais Seja um franqueado! Conheça passo a passo Alguma dúvida? Entre em contato! Envie suas dúvidas, questões ou sugestões sobre qualquer tema. Responderemos via e-mail ou telefone Estado AC AL AM AP BA CE DF ES GO MA MG MS MT PA PB PE PI PR RJ RN RO RR RS SC SE SP TO Cidade Enviar Central de atendimento (44) 3046-2500 [email protected] Inscreva-se e receba nossas novidades Inscrição Siga-nos: / lavaeleva © Lava & Leva. Lavanderia que você paga por mês.



http://booplr.com.br
  Portfólio de Booplr Design Studio - Estúdio de Design e Comunicação Portfólio A Booplr O que fazemos Blog Fale com Siga-nos: Viva com Sabor – sem glúten Branding + Identidade Visual + Mídia Online + Azeite Do Porto Embalagem + Identidade Visual + Mídia Offline + Kamoká Alimentos Comunicação Visual + Embalagem + Fotografia + Impressos + Mídia Offline + Americana Seguros Branding + Comunicação Visual ... fazemos Blog Fale com Siga-nos: Viva com Sabor – sem glúten Branding + Identidade Visual + Mídia Online + Azeite Do Porto Embalagem + Identidade Visual + Mídia Offline + Kamoká Alimentos Comunicação Visual + Embalagem + Fotografia + Impressos + Mídia Offline + Americana Seguros Branding + Comunicação ... + Cadena Sistemas Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Impressos + Mídia Offline + Mídia Online + Rebrand + Navg Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Impressos + Mídia Offline + Mídia CACHE

Portfólio de Booplr Design Studio - Estúdio de Design e Comunicação Portfólio A Booplr O que fazemos Blog Fale com Siga-nos: Viva com Sabor – sem glúten Branding + Identidade Visual + Mídia Online + Azeite Do Porto Embalagem + Identidade Visual + Mídia Offline + Kamoká Alimentos Comunicação Visual + Embalagem + Fotografia + Impressos + Mídia Offline + Americana Seguros Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Identidade Visual + Impressos + Mídias Sociais + Planejamento + Rebrand + Cadena Sistemas Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Impressos + Mídia Offline + Mídia Online + Rebrand + Navg Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Impressos + Mídia Offline + Mídia Online + Mídias Sociais + Planejamento + Rebrand + Petra Consultoria Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Impressos + Mídia Offline + Mídia Online + Mídias Sociais + Planejamento + Rebrand + Soeng Engenharia Industrial Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Identidade Visual + Impressos + Mídia Offline + Rebrand + Konntech Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Identidade Visual + Impressos + Mídia Offline + Mídia Online + Mídias Sociais + Planejamento + Rebrand + Parafernália Hamburgueria Branding + Comunicação Visual + Endomarketing + Identidade Visual + Impressos + Mídia Offline + Mídia Online + Mídias Sociais + Planejamento + Rebrand + Acroyoga Americana Impressos + Mídia Offline + Mais Fit Academia Wellness Comunicação Visual + Identidade Visual + Impressos + Mídias Sociais + Pesquisa + Planejamento + Mamutt Burgers Impressos + Mídia Offline + Mídia Online + Mídias Sociais + Planejamento + Actio Sistemas Impressos + Mídia Offline + Ver mais Adicionar + Acrescentar + Agrupar + Unir + Somar. DESIGN QUE SOMA. 19 3648-6050 | 19 99148-8939 Rua Pérsia, 93 Jardim Miriam, CEP 13469-073 - Americana/SP © 2017 Booplr Design Studio. Todos os direitos reservados.



http://www.brasil247.com/
  Brasil 24/7 Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana. Contato Quem somos CUPONS DE DESCONTO Cupom Carrefour Cupom Época Cosméticos Cupom Gearbest Cupom Marisa Cupom Netshoes Cupom Oppa Cupom Pontofrio Atacado Cupom Sephora Cupom C&A Cupom Compra Certa Cupom Fut Fanatics Cupom Lojas Colombo Cupom Natura Cupom Off Premium Cupom Pontofrio Cupom Saraiva Cupom Bebê Store Cupom ... Plus 14.02.2018 Seções capa TV 247 Poder Brasil Mundo Economia Cultura Mídia Oásis APOIO Blog e Colunas ... + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Globo paga o preço da aliança com o golpe ... no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Boff critica servidão dos ... + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Saiba como participar da campanha de assinaturas solidárias do 247 ¶ Se você já aderiu, muito obrigado por apoiar a democratização da mídia e ajudar CACHE

Brasil 24/7 Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana. Contato Quem somos CUPONS DE DESCONTO Cupom Carrefour Cupom Época Cosméticos Cupom Gearbest Cupom Marisa Cupom Netshoes Cupom Oppa Cupom Pontofrio Atacado Cupom Sephora Cupom C&A Cupom Compra Certa Cupom Fut Fanatics Cupom Lojas Colombo Cupom Natura Cupom Off Premium Cupom Pontofrio Cupom Saraiva Cupom Bebê Store Cupom Centauro Cupom Loja iPlace Cupom Mobly Cupom O Boticário Cupom Polishop Cupom Renner Cupom Submarino Cupom Americanas Cupom Casas Bahia Cupom Extra Cupom Groupon Cupom Megamamute Cupom Nike Store Cupom Oqvestir Cupom Posthaus Cupom shop2gether Facebook Twitter Apple Store Google Play Google Plus 14.02.2018 Seções capa TV 247 Poder Brasil Mundo Economia Cultura Mídia Oásis APOIO Blog e Colunas Destinos 247 Seu Dinheiro Saúde 247 Esporte Revista Brasil 247 Últimas notícias Empreender mais+ Regionais: Alagoas 247 Bahia 247 Brasília 247 Ceará 247 Goiás 247 Maranhão 247 Minas 247 Paraná 247 Pernambuco 247 Piauí 247 Rio 247 Rio Grande do Sul 247 SP 247 Mais uma comunidade se levanta por Lula ¶ 'É cedo para saber mas talvez o Carnaval do desagravo democrático proporcionado pelo desfile da escola Paraíso do Tuiuti vá se tornar um divisor de águas. Talvez depois dele tudo volte ao normal mas é possível que esteja havendo um despertar, que o povo tenha se cansado de engolir sapos e safanões e vá começar a reagir', diz a colunista Tereza Cruvinel, que destaca a faixa de apoio ao ex-presidente Lula e contra a parcialidade do juiz Sergio Moro, que foi também levantada no Morro do Juramento Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google + ... Temer faz megapedalada e usa empréstimos para pagar gastos correntes ¶ O governo de Michel Temer está recorrendo a empréstimos para conseguir honrar as despesas do dia a dia, incluindo a folha de pagamento de servidores civis e militares, o que desrespeita a chamada 'regra de ouro' —mecanismo constitucional que proíbe o endividamento para pagar despesas de custeio. formalmente, norma não está sendo descumprida por conta de uma megapedalada de Temer e sua equipe econômica: desde 2016, o governo federal tem coberto a diferença entre a tomada de empréstimos e as despesas correntes com recursos recebidos do BNDES --foram R$ 100 bilhões em 2016, R$ 50 bilhões em 2017 e mais R$ 130 bilhões previstos para este ano Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google + ... Aldo Fornazieri apoia o 247: fundamental para o fortalecimento da democracia ¶ O cientista político e professor Aldo Fornazieri apoia a campanha de assinaturas solidárias do 247. 'Democracia e pluralidade são fundamentais para que se crie uma consciência crítica da sociedade, para que a sociedade saiba refletir não por comandos remotos e não por manipulação de ideia e de informação', diz ele. assista ao seu vídeo de apoio Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google + ... Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASIL Segovia é acusado de ferir código de ética da PF ao defender Temer ¶ Para o presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (APDF), Edvandir Felix de Paiva, as declarações do diretor da PF, Fernando Segovia, alertando para a falta de indícios que incriminem Michel Temer em inquérito aberto para investigar irregularidades no decreto dos portos, podem ter violado o código de ética da PF. em paralelo, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que faz oposição ao governo federal, avalia entrar com uma ação popular na Justiça Federal de Brasília para pedir o afastamento do delegado do cargo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PODER Piada do ano: Temer acha que pode se reeleger ¶ Ridicularizado no Carnaval, rejeitado por mais de 90% dos brasileiros e enrolado com a Polícia Federal, Michel Temer ainda tem esperanças de conseguir a reeleição em 2018. esperança sem noção é manchete do jornal Valor Econômico nesta quarta Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook CULTURA Carnavalesco da Tuiuti: Carnaval coloca para fora o que as pessoas querem gritar ¶ O carnavalesco Jack Vasconcelos, da Paraíso do Tuiuti, que levou para a avenida duras críticas ao governo Temer e suas reformas, defendeu o caráter politizado da festa. 'No Carnaval as pessoas liberam aquilo que guardam dentro delas durante o convívio social educado e civilizado no resto do ano. E o Carnaval sempre foi o espaço para esse tipo de ideia, para as pessoas colocarem para fora o que sentem, aquilo que elas querem gritar', disse Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BAHIA 247 Rui Costa: barrar Lula na eleição trará insatisfação com o Judiciário ¶ Rui Costa (PT), governador da Bahia, afirmou que condenação do ex-presidente Lula pelo TRF-4, em janeiro, representa perseguição política. 'Hoje vivemos uma absoluta instabilidade jurídica e institucional', diz. Para Costa, 'na medida em que se impeça o Lula, vai aumentar a insatisfação da população com esse sistema, que é seletivo, e com o Judiciário' Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ECONOMIA Só Joesley e Wesley foram presos por informação privilegiada no Brasil ¶ Presos preventivamente há mais de cinco meses, os irmãos Wesley e Joesley Batista, do grupo JBS, são os únicos a terem ido para a cadeia por insider trading (uso de informação privilegiada) no Brasil. previstos em lei há 17 anos, os crimes contra o mercado de capitais são desvios praticamente sem pena na Justiça brasileira, apesar do aumento de indícios encontrados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e de condenações no âmbito administrativo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook RIO 247 Denúncia eleitoral contra Cristiane está parada há 8 anos ¶ Filha de Roberto Jefferson é suspeita de coação de eleitores nas eleições de 2010. acusação contra Cristiane Brasil foi enviada ao Ministério Público eleitoral há oito anos e, desde então, não teve movimentação. Cristiane, que na época era vereadora licenciada e secretária municipal de Envelhecimento Saudável da capital, não se candidatou em 2010, mas naquele ano apoiou a candidatura do deputado estadual Marcus Vinicius (PTB) – então seu cunhado – à reeleição Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PARANÁ 247 Jantar com homenagem a Moro em NYC é fracasso de patrocínio ¶ As cotas de patrocinador principal do jantar em que o juiz federal Sergio Moro receberá o título de 'personalidade do ano' da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos estão encalhadas. até agora, apenas sete delas foram vendidas. no ano passado, as mesas principais atraíram 15 patrocinadores Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASIL TSE libera mais R$ 888 mi para campanhas eleitorais em 2018 ¶ O TSE autorizou o uso do Fundo Partidário para bancar as campanhas nestas eleições. com isso, para este ano, o valor aprovado pelo Congresso é de R$ 888,7 milhões, dos quais R$ 780,3 milhões oriundos de dotação da União. com a decisão do TSE, esse valor se somará ao do fundo público eleitoral de R$ 1,7 bilhão, aprovado pelo Congresso no ano passado Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Globo paga o preço da aliança com o golpe ¶ Marcado pelo 'Fora, Temer' e pelo 'volta, Lula', o carnaval de 2018 também entra para a história como o que mais constrangimento gerou para a Globo, que foi uma das peças centrais no golpe de 2016. além da desmoralização sofrida no desfile da Tuiuti, em que seus apresentadores se calaram diante dos 'manifestoches' e do 'Temer vampirão', vários repórteres da Globo foram zoados em transmissões ao vivo, como aconteceu com Leilane Neubarth, que teve que ouvir 'vai dar PT'. Globo tentou se redimir em matéria no JN com 24 horas de atraso, mas acabou passando recibo do arrastão moral que levou. é o que dá apoiar um golpe que derrubou uma presidente honesta e instalou uma quadrilha no poder Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Boff critica servidão dos jornalistas da Globo e diz ter pena de Leilane ¶ O teólogo e escritor Leonardo Boff questionou nesta terça-feira, 13, como os jornalistas das empresas da família Marinho têm suportado tanto constrangimento. 'Com é que os jornalistas homens e as jornalistas mulheres da Globo estão suportando tanto constrangimento do que se viu e ouviu no Carnaval? É duro ter que assumir a ideologia retrógrada do Grupo Globo. Tenho pena da @LeilaneNeubarth', escreveu Boff. ele se referiu ao vídeo em que a jornalista Leilane Neubarth, ao vivo, sai do sério quando um grupo de sambistas canta que 'vai dar PT' atrás dela. em resposta a Boff, Leilane diz que se sente 'realizada' Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook SP 247 Mercadante: Tuiuti é a vitória da escola pública ¶ O ex-ministro da Educação Alozio Mercadante repercutiu o desfile da escola Paraíso do Tuiuti, que trouxe para a Sapucaí um enredo repleto de críticas à escravidão, ao golpe de de 2016 e a retirada dos direitos dos trabalhadores. 'A Tuiuti denunciou a manipulação dos meios de comunicação e a Globo, com uma ousadia e coragem rara na cultura brasileira. Denunciou a manipulação golpista e a volta da exclusão', disse Mercadante ao 247. 'A luta contra a descriminação é também parte da luta contra a desigualdade', acrescentou Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ÂNGELO CAVALCANTE Paraíso now ¶ 'Quem vai ganhar o desfile de 2018? E isso tem alguma importância? Nós ganhamos! Nós, o povo, já ganhamos um dos melhores carnavais da história desse país. Os quase vinte milhões de desempregados podem soltar um sorriso, mesmo que de 'canto de boca'. os precarizados podem se abraçar. os aposentados e os que querem se aposentar tomem uma cervejinha bem gelada... Ganhamos essa!', escreve o colunista Ângelo Cavalcante, sobre o desfile da Paraíso do Tuiuti. 'E para os golpistas de plantão, aos que bateram panelas, que dançaram suas coreografias patéticas, que se vestiram de CBF vejam o inacreditável, se assustem, se espantem, tenham medo... Isso se chama POVO e para vossos pecados e arrependimentos, ele está mais vivo do que nunca!' Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PAULO MOREIRA LEITE Globo fez com Vandré em 68 o que faz hoje com Tuiti ¶ 'O boicote da Globo à Paraiso do Tuiti é uma medida tão escandalosa como o veto à música 'Caminhando' no Festival Internacional da Canção, organizado pela Globo, em 1968', escreve Paulo Moreira Leite, articulista do 247. 'Há 40 anos, conforme o executivo Walter Clark, a emissora cedeu à ditadura militar e impediu que a música de Geraldo Vandré ganhasse o primeiro lugar. Em 2018, depois de desempenhar um papel único e insubstituível na sabotagem da democracia, a emissora usa desfile de Carnaval para proteger um regime de exceção que ajudou a colocar de pé', diz PML Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ALDO FORNAZIERI Fux, Huck, FHC e os homens sem honra ¶ Para o cientista político e professor Aldo Fornazieri, o ministro Luiz Fux, autor da liminar que concede auxílio-moradia indiscriminadamente a todos os juízes do País, 'é um ficha-suja', 'deveria ser processado, condenado e preso pelo imenso prejuízo que está causando aos cofres públicos'. já o apresentador e o sociólogo, diz ele sobre FHC e Huck, 'voltaram a compor uma dupla de bailarinos para dançar em público a macabra dança dos escárnio político'. 'FHC e Huck carregam o estandarte da nova política. Se é verdade que a velha política faliu, também é verdade que a nova política não se constituiu. No mais das vezes, é um embrulho de fórmulas vazias, de democracia tecnológica, que nada tem de real porque não tem povo', escreve Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASÍLIA 247 Moro é retratado como diabo no bloco mais antigo de Brasília ¶ Mais antigo bloco de carnaval de Brasília (criado em 1978), o tradicional Pacotão saiu pelas ruas de Brasília pela segunda e última vez nesta terça-feira, 13. como já era de se esperar, Michel Temer é um dos alvos principais da turma, que preparou uma marchinha oficial intitulada 'O presidente despirocado' – obviamente, o peemedebista é o protagonista da peça. além das menções a Temer e seu homem da mala, Rodrigo Rocha Loures, teve defensor de Lula que comparou o juiz Sérgio Moro, responsável pela condenação do petista, ao diabo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ALEX SOLNIK Tuiuti e Cléo Pires contra a Globo e o vampiro Temer ¶ 'Ora, o carnaval é um desfile de caricaturas e de corpos, daí o 'carnevale'. Não pode ser espantoso que, num país democrático uma escola de samba critique o presidente da República, faz parte do jogo. Mas quando a Globo tenta esconder a crítica, transformando-a em algo proibido, faz uma censura por conta própria, como se vivêssemos numa ditadura, o que faz parte do seu DNA', escreve Alex Solnik Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook RIO GRANDE DO SUL 247 PT questionará decisão pró-milionários do TSE ¶ Resolução do TSE, presidido por Luiz Fux, que permite aos candidatos bancarem 100% de suas próprias campanhas, começa a enfrentar resistência. o líder do PT na Câmara, Paulo Pimenta (RS), afirmou que o PT vai questionar a decisão. 'Quem tem dinheiro pode tudo?', questionou o deputado. a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), classificou a resolução como 'um atentado contra a democracia popular'. 'Por mais que tentemos, as eleições ainda serão dominadas por quem tem dinheiro?!', indagou. o PSB também vai recorrer ao Supremo contra a nova regra Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASIL Boulos: ‘os privilégios do Judiciário, além de abusivos, não são tributados’ ¶ 'Os privilégios do Judiciário - como auxílio moradia e outros penduricalhos - além de abusivos, não são tributados. O resultado é uma perda de R$360 milhões por ano aos cofres públicos apenas em Imposto de Renda', escreveu no Twitter o coordenador do MTST, Guilherme Boulos Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MARANHÃO 247 Dino vira fã da Tuiuti e aproveita para mandar um Fora Temer ¶ O governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) saudou a escola Paraíso do Tuiuti com um cartaz e a foto viralizou nas redes sociais. no registro, Dino manda: “Obrigado Tuiuti! #ForaTemer”. o desfile da agremiação carioca ganhou notoriedade ao mostrar Michel Temer como um vampiro. com enredo sobre a história e as belezas do folclore e da cultura do Maranhão, a escola Unidos do Tatuapé foi a grande vencedora do carnaval de São Paulo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASÍLIA 247 Mamãe eu quero democracia, diz Erika Kokay ¶ A deputada federal Erica Kokay (PT-DF) pediu no Twitter democracia e que o ex-presidente Lula não seja preso. 'Mamãe eu quero democracia. Lula Livre! Não ao golpe dentro do golpe', protestou a parlamentar ao participar do bloco Pacotão, em Brasília. o ex-presidente foi condenado sem provas tanto em primeira instância, pelo juiz federal Sergio Moro, como na segunda, pelo TRF4 Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Saiba como participar da campanha de assinaturas solidárias do 247 ¶ Se você já aderiu, muito obrigado por apoiar a democratização da mídia e ajudar a financiar a expansão da TV 247. caso ainda tenha dúvidas, confira o vídeo da campanha e saiba como participar Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Deu no NY Times: Paraíso do Tuiuti trouxe “vampiro vestindo faixa presidencial” no Carnaval ¶ O jornal norte-americano New York Times publicou sobre o Carnaval do Rio de Janeiro, dando um destaque especial pra escola Paraíso do Tuiuti. 'A Paraíso do Tuiuti mostrou patos de plástico manipulados por marionetes, em uma referência a um pato de plástico gigante usado pelos brasileiros conservadores para se queixar dos altos impostos do país em manifestações que ganharam destaque há dois anos. O pedestal da escola também trouxe um vampiro vestindo a faixa presidencial com várias notas falsas de dólares', diz o jornal Revista Brasil 247 Notícias mais populares “Intelectual” do golpe, Frota chama Tuiuti de escola comunista ... Boff critica servidão dos jornalistas da Globo e diz ter pena de Leilane ... Caso Lula: Cármen tem medo do plenário do STF? ... Globo paga o preço da aliança com o golpe ... Tuiuti e Cléo Pires contra a Globo e o vampiro Temer ... Lindbergh: Globo manipula até cobertura de Carnaval ... Revista do dia Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Huck só prova o fracasso de FHC, diz Gaspari ¶ 'Indo buscar o 'novo' na telinha, FHC e os articuladores da candidatura de Huck atestam o fracasso de suas práticas políticas. Huck é um profissional bem-sucedido no seu ofício, nada mais que isso. (...) Huck é um bom candidato para quem tem medo de perder eleição, e só', escreve o colunista Elio Gaspari Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Tijolaço: Jack, da Tuiuti, diz a quem tem o dever de servir ¶ Carnavalesco Jack Vasconcelos, da Paraíso do Tuiuti, fez uma defesa enfática da educação pública, em entrevista ao jornal O Dia. 'Sou formado pelo ensino público, fui uma criança de escola pública, me formei em uma federal, em Belas Artes. Então, a população ajudou a me formar, foi dinheiro público que ajudou a pagar meus estudos e a manter as instituições em que me formei. Preciso de alguma forma retribuir para a população esse investimento. É a maneira que eu posso prestar o serviço a ela (à sociedade), através da minha arte', disse ele Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA DCM: por que Leilane acusou o golpe ao ser criticada por Leonardo Boff ¶ Jornalista Kiko Nogueira, editor do DCM, comentou a irritação da jornalista Leilane Neubarth, que foi alvo de uma 'pegadinha' de sambistas no carnaval e não suportou quando o teólogo Leonardo Boff disse ter pena dela. 'Leilane acaba apanhando por personificar a odiada emissora em que trabalha. Ela não é o Merval ou a Cristiana Lôbo. Não é o Waack. Ela é um Cid Moreira. Por isso a bofetada de Boff doeu-lhe. Leilane não estava perdida apenas naquela transmissão. Ela vive assim, surfando nessa nuvem de desinformação mascada, dando suas cacetadas', disse Nogueira Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA DW: Brasil faz um de seus carnavais mais politizados ¶ Agência alemã de notícias DW Brasil destacou as manifestações políticas no carnaval brasileiro deste ano. Segundo a DW Brasil, celebrações em todo o país ridicularizaram líderes políticos locais e mundiais, se voltaram contra violência, corrupção e intolerância - e desafiaram limites. 'A Paraíso do Tuiuti questionou se a escravidão realmente acabou no Brasil, satirizou o presidente Michel Temer e suas reformas neoliberais, especialmente a reforma trabalhista e sugestões de redefinição do trabalho escravo', destacou Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Lava Jato deve acelerar em março, diz Miriam Leitão ¶ 'A Lava-Jato vai entrar no final de fevereiro ou começo de março num ritmo mais forte. Quem diz é quem acompanha as investigações. Há vários motivos para isso, que vão da maneira como a Polícia Federal distribuiu o trabalho no fim do ano até o amadurecimento de investigações que vinham sendo feitas. As operações, que ficaram escassas nos últimos meses, devem ser retomadas neste pós-carnaval', escreve a colunista Miriam Leitão Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Simpatia de FHC por Huck desmacara mito de estadista, diz Marcelo Coelho ¶ O escritor Marcelo Coelho foi mais um a atacar a aproximação do expresidente Fernando Henrique Cardoso com o apresentador Luciano Huck. 'Como ex-presidente, FHC poderia se colocar num plano bem elevado, o de sábio estadista. Suas considerações sobre a oportunidade de uma candidatura Luciano Huck confirmam, infelizmente, a característica que ele sempre teve: a de ser um imenso falastrão, cuja única inocência é a de achar sinceramente que é um sábio estadista', escreve Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO Líder do SPD renuncia após acordo de coalizão com Merkel ¶ O líder do Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD), Martin Schulz, renunciou na terça-feira, esperando encerrar a instabilidade que tem abalado a legenda de centro-esquerda desde que chegou a um acordo de coalizão com os conservadores da chanceler alemã, Angela Merkel. vice de Schulz, Olaf Scholz, prefeito de Hamburgo que deve se tornar ministro de Finanças no novo governo, disse que vai assumir como líder provisório do SPD e o partido confirmou que recomendou Andrea Nahles como sucessora de Schulz no longo prazo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO Presidente do Peru desconvida Venezuela da Cúpula das Américas ¶ O presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, afirmou no Twitter que estava desconvidando a Venezuela da Cúpula das Américas, que acontecerá em abril em Lima, capital de seu país. PPK alega que há um 'ruptura democrática' no país caribenho Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Presidente do NYT diz que edição impressa deve durar mais dez anos ¶ “Acredito que temos pelo menos dez anos pela frente nos Estados Unidos para esse produto (a versão impressa do NYT)”, disse o presidente da The New York Times Co., Mark Thompson. “Depois disso, nós decidiremos, simplesmente em termos econômicos, se o jornal impresso continuará a fazer sentido', completou Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook RIO GRANDE DO SUL 247 Entidades espalham 100 outdoors denunciando deputados do RS favoráveis à reforma ¶ A CUT-RS, federações e sindicatos aproveitaram o feriado de Carnaval para espalhar 100 outdoors em Porto Alegre e no interior do Rio Grande do Sul denunciando nove deputados federais que já manifestaram favoravelmente à reforma da Previdência proposta pelo governo de Michel Temer (MDB). cada cartaz, que ficará exposto ao longo de duas semanas, exibe fotos de três parlamentares e traz as chamadas “Eles querem acabar com a sua aposentadoria” e “Não à reforma da Previdência” Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Wilson Ferreira: Tuiuti ensinou às esquerdas a força das bombas semióticas ¶ 'Os carnavalescos da escola Paraíso do Tuiuti deram para as esquerdas mais uma simples lição do que é lutar no mesmo campo das bombas semióticas', avalia o professor de Semiótica Wilson Ferreira. 'Lutar no mesmo campo semiótico das bombas simbólicas da grande mídia, não significa apenas fazer 'pegadinhas' ou 'trolar' uma transmissão ao vivo. Mas a importância do seu efeito de 'agendamento' posterior: virar pauta de discussões nas conversas interpessoais e nas diferentes mídias', diz Ferreira em seu blog Cinegnose Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO Polícia da África do Sul realiza operação em casa dos Gupta e aumenta pressão sobre Zuma ¶ Policiais sul-africanos fortemente armados realizaram uma operação na casa de luxo da família Gupta nesta quarta-feira, como parte de uma investigação sobre alegações de que os três irmãos tinham ligações corruptas com o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, que recebeu a ordem do partido governista ANC para renunciar ao cargo. operação marca uma escalada dramática na pressão exercida sobre Zuma e seu grupo político acusado de utilizar recursos estatais para fins particulares. entretanto, continua incerto se o presidente de 75 anos irá renunciar Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO França ameaça atacar a Síria ¶ O presidente da França, Emmanuel Macron, pretende atacar a Síria se ficar provado que o governo de Bashar al Assad utilizou armas químicas contra civis, diz reportagem da AFP Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Massacrada, Globo cita Tuiuti e vampirão, mas faz lobby pela Beija Flor ¶ Depois de levar um baile no Carnaval de 2018, a Globo foi obrigada a se render à realidade e, com 24 horas de atraso, dedicou uma reportagem ao grande destaque da Sapucaí: a Paraíso do Tuiuti, que criticou o golpe de 2016, a manipulação midiática e o 'vampirão Temer'. na edição de ontem, o JN havia escondido a Tuiuti, que soltou um grito preso na garganta de mais de 90% dos brasileiros, que rejeitam Temer e o seu golpe apoiado pela Globo. a emissora dos Marinho, no entanto, fez lobby pela Beija Flor, que comprou a narrativa da Lava Jato, em sua crítica social Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook RIO 247 PARAÍSO DO TUIUTI É A GRANDE VENCEDORA DO TAMBORIM DE OURO DE 2018 Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook CULTURA JORGE FURTADO: TUIUTI EXPLICOU O GOLPE A QUEM AINDA NÃO TINHA ENTENDIDO Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA DENÚNCIA: UOL ZEROU ENQUETE PARA IMPEDIR TUIUTI DE VENCER Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook SP 247 TATUAPÉ É BICAMPEÃ EM SÃO PAULO COM ENREDO SOBRE O MARANHÃO Blogs 247 Mais uma comunidade se levanta por Lula Tereza Cruvinel 14/02/18 Paraíso do Tuiuti, cultura e educação Aloizio Mercadante 14/02/18 PT cresce na adversidade Emir Sader 13/02/18 Como não ser atingida(o) pela Reforma da Previdência do Temer Gleisi Hoffmann 12/02/18 Globo fez com Vandré em 68 o que faz hoje com Tuiti Paulo Moreira Leite 13/02/18 Paraíso now Ângelo Cavalcante 13/02/18 Huck é candidato do Itaú? Alex Solnik 12/02/18 Revolução brasileira: por Lula, o morro vai descer Guilherme Coutinho 12/02/18 Fux, Huck, FHC e os homens sem honra Aldo Fornazieri 12/02/18 O Brasil dos Moros a correr atrás de sua própria cauda num mundo em veloz transformação Eugênio Aragão 11/02/18 Vídeos Recomendados Colunistas Balcão de negócios Jorge Solla 14/02/18 Pela primeira vez, o ministro da Saúde defende cortes e não o aumento de investimentos. Os 4,7% do PIB dedicados ao SUS, para Ricardo Barros, são muito, quando a média mundial é de 6% e, em países que possuem sistemas universais como o nosso, os investimentos são ainda maiores: Reino Unido (7,5%), França (8,9%) e Argentina (10%) Sem Lula, Temer aposta na própria “reeleição” Esmael Morais 14/02/18 aposta do “Vampiro Neoliberalista” é que haverá pulverização das candidaturas de centro-esquerda e de centro-direita, qual seja, com várias candidaturas ele venceria a eleição de outubro Desmascarando Bolsonaro no caso da Rocinha Eduardo Guimarães 14/02/18 A proposta de Bolsonaro para a Rocinha é mais um prego no caixão de suas pretensões político-eleitorais. E assim essa candidatura caminha para o seu lugar: a lata de lixo da história Márcio França vai engolir Doria no PSDB? Altamiro Borges 14/02/18 João Doria está sentindo o gosto da vingança maligna de Geraldo Alckmin, o 'picolé de chuchu' que governa São Paulo. Ele não esconde mais de ninguém que prefere ter como candidato ao posto o seu vice, o pragmático Márcio França – seja pelo PSB ou pelo próprio PSDB Para ler depois do Carnaval Valter Pomar 14/02/18 Se nós que somos militantes do PT não formos capazes de solucionar e superar as dificuldades atuais, será muito mais difícil para as futuras gerações O Carnaval avisa que a Globo está mexendo com fogo ao defender a prisão do Lula Renato Rovai 13/02/18 A Globo está apostando tudo na prisão de Lula e cega por essa obsessão talvez não tenha percebido os riscos que corre. Eles não são pequenos e o Carnaval está deixando isso claro O sacrifício do Brasil em prol do bem estar econômico dos EUA Miguel do Rosário 13/02/18 Um dia, alguém poderia explicar a Sérgio Moro, figura central na guerra híbrida que destruiu nossos sonhos de desenvolvimento, ao menos por alguns anos, a importância de uma indústria de base, dentre as quais se destacam refinarias de petróleo. Se Moro tivesse prestado atenção em suas aulas de história, e recebesse algumas noções extras de economia, não andaria por aí dando palestras contra a construção de refinarias Augusto Nunes na Cultura: fim da carreira? Altamiro Borges 13/02/18 A TV Cultura, que foi transformada em um palanque pelos tucanos e virou a TV do Alckmin, até que gostava dos comentários raivosos do apresentador. Ocorre que o “uso de exagerada parcialidade na condução dos trabalhos”, para não falar em abjeta partidarização e direitização, estava prejudicando a imagem do programa “Roda Viva” Casa Grande sem moral, Lula é presidente José Rainha Júnior 13/02/18 Lula pode até ser preso, pode até não ter seu registro de candidato à presidência da República liberado pelo TSE, mas pode ter certeza de uma coisa, os excluídos que vivem à margem da sociedade, nos morros nas favelas, os sem terras, índios, negros, sem teto, e todo conjunto dos lutadores do povo não vão aceitar tudo isso de braços cruzados A esquerda que critica a esquerda Gustavo Conde 13/02/18 A esquerda é tão democrática e tem tanto senso crítico que ela adora criticar a si mesma. Convenhamos: é até bonito ver a ‘esquerda’ criticar a esquerda. Mesmo porque, diferentemente da direita - homogênea e autolimitada -, existem várias esquerdas Grito contra a neo-escravidão neoliberal César Fonseca 13/02/18 É claro que a Globo não ia mesmo dar aquele espaço para a Tuiuti. A escravidão, expressa no negociado sobre o legislado, o trabalho intermitente, a degradação está de volta. Os antigos escravos estão na ordem do dia vestidos de nova legislação trabalhista, destituído dos seus direitos perante os novos senhores da escravidão Se o paraíso existe, ele fica no Tuiuti Nêggo Tom 13/02/18 Espero que a motivação provocada pelo samba da Tuiuti não se acabe na quarta-feira e que não viremos cinzas nas mãos dessa corja corrupta e escravocrata que tomou o poder. É hora da reação! Quando fui um ET no Carnaval do Rio Bia Willcox 13/02/18 Nas mesmas áreas em que eles riam e dançavam, eles também sofriam e choravam. Nas regiões de festa também havia violência, furto, maldade. Mas o que acontecia com muitos, não abalava a festa. Era como se ninguém percebesse ou se abalasse pelo outro Tuiuti constrange a Globo e os “midiotas” Altamiro Borges 12/02/18 A escola pode até não vencer o disputado carnaval carioca, mas já causou frisson e constrangimento. Como registrou o crítico de televisão Maurício Stycer, do UOL, a Tuiuti deixou na defensiva os apresentadores da Globo – a principal protagonista do golpe dos corruptos que depôs Dilma Rousseff e alçou ao poder a quadrilha de Michel Temer Bolsonaro cai em contradição ao “explicar” ao Globo declarações sobre a Rocinha Eduardo Guimarães 12/02/18 Em “atualização” de sua matéria publicada no domingo, Lauro Jardim reproduz nota enviada por Bolsonaro na qual o parlamentar NÃO desmente que tenha falado na comunidade da Rocinha e se limita a “explicar” suas declarações Carnaval 2018 é o mais politizado da História Esmael Morais 12/02/18 Teve o 'Temer Vampirão' e críticas ao prefeito do Rio Marcelo Crivella (PRP) que, em plena festa popular, viajou para a Europa. Teve ainda foliões gritando por Lula em BH, a foto de Doria com Zeca Pagodinho e o desfile histórico da Paraíso do Tuiuti Globo ignora crítica social e Temer retratado como vampiro em escola de samba do Rio Luciana Oliveira 12/02/18 Pela dura crítica social e política e por retratar o presidente ilegítimo Michel Temer como um vampiro, a Tuiuti virou o segundo assunto no mundo, mais comentando no Twitter no primeiro dia de desfile no Marques de Sapucaí. Mas, a Globo simplesmente fingiu não ver Democracia para a terra brasilis Pedro Maciel 12/02/18 O que estou propondo é a ampliação da chamada sociedade civil e o seu reconhecimento como espaço público não estatal legitimado ao debate livre e à propositura de caminhos, propositura de caráter vinculativo àqueles que executam programas, projetos e políticas públicas Qual a surpresa? Luiz Fernando Padulla 12/02/18 Disse o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, que a terceira denúncia contra o ilegítimo/golpista presidente Temer deveria ser arquivada. E qual a surpresa, se desde sempre alertamos que isso iria acontecer? O Judiciário é da Casa Grande Enio Verri 12/02/18 A população deve ter a coragem para enfrentar o Judiciário, pois é o único poder da República cuja caixa de Pandora não foi totalmente aberta. Não será fácil, mas a Senzala deve fazer a Casa Grande ouvir e entender que o Brasil já vive em uma República Federativa, sem mais escravidão oficial EUA estão prestes a invadir a Venezuela? Altamiro Borges 12/02/18 Diante de 'sinais', todos emitidos neste início de ano, Willian Izarra não descarta a hipótese de que os EUA preparam 'uma possível invasão a Venezuela por uma força multinacional'. O alerta está feito e exigirá uma imediata resposta dos amantes da paz e da soberania dos povos no sofrido continente latino-americano Estadão, desesperado pelas reformas, prepara o terreno para o autoritarismo Luiz Henrique Dias 12/02/18 Classificando como 'justa' a indignação contra a corrupção e as regalias 'dos servidores estatais' (não cita diretamente o Judiciário), o jornal alega não ser isso o mais importante para o país e chega a classificar esse discurso, 'que levou milhões de pessoas às ruas', como fachada para esconder o mais importante: as reformas Huck já gostava de mamar deitado em 2013 Esmael Morais 12/02/18 O dublê de apresentador e candidato da Globo Luciano Huck já gostava e “mamar deitado” em 2013, quando ele usou empréstimo de R$ 17,7 milhões do BNDES para comprar um jatinho Embraer Phenom. O dinheiro do banco público é destinado para fomentar atividades econômicas. Não foi o que aconteceu no caso do jatinho, que é um artigo de luxo Bolsonaro é reincidente em pregar assassinato em massa Eduardo Guimarães 11/02/18 A uma plateia de cerca de mil executivos do setor financeiro, em evento promovido pelo banco BTG Pactual, o pré-candidato a presidente Jair Bolsonaro foi aplaudido de pé ao propor que, se se eleger presidente e os traficantes da favela da Rocinha, no Rio, não saírem da favela e se entregarem à Polícia, ele mandará metralhar a comunidade Lula ou barbárie! Fernando Rosa 11/02/18 Não resta qualquer dúvida que enfrentamos uma guerra imperialista que aposta em transformar o Brasil em uma colônia, fornecedora de matérias primas, bases militares e mão de obra semi escrava. A partir da violenta ruptura da Constituição de 1988, a lei em vigor passou a ser o martelo da (in)Justiça imperial. Um jogo em que o espaço democrático estabelecido pelos donos do golpe e seus 'volantes' togados e civis capturados é oferecer o pescoço à corda OIT alerta aos golpistas que esta reforma trabalhista é ilegal Chico Vigilante 11/02/18 A reforma trabalhista feita pela quadrilha que tomou de assalto o Brasil é tão ruim para o trabalhador que a Organização Internacional do Trabalho recomendou sua revisão ao governo brasileiro. Vergonha internacional. Modernizar leis é normal mas mudar para piorar a vida do trabalhador e retroceder no tempo é inaceitável A direita continua matando na Colômbia Túlio Ribeiro 11/02/18 Em meio ao novo modo de enfrentamento, as FARC já teve 36 integrantes mortos desde que confiou no acordo de paz. Em janeiro deste ano dois candidatos foram assassinados, em fevereiro integrantes do Partido Comunista da Colômbia foram cercados e apedrejados. A violência contra políticos de esquerda é uma ação ordenada por setores conhecidos, com objetivo de sabotar a campanha Bolsonaro propõe genocídio em favela no Rio de Janeiro Eduardo Guimarães 11/02/18 A uma plateia de cerca de mil executivos do setor financeiro, em evento promovido pelo banco BTG Pactual, o pré-candidato a presidente Jair Bolsonaro foi aplaudido de pé ao propor que se os traficantes da favela da Rocinha, no Rio, não saírem da favela e se entregarem, ele mandará metralhar a comunidade e tudo que tem dentro dela Zeca Pagodinho é menos Doria e mais Lula Esmael Morais 11/02/18 Em 2002, Zeca Pagodinho ofereceu um churrasco ao então candidato Luiz Inácio Lula das Silva. Na época, o cantor fez a seguinte declaração que é continua atualíssima: “O País precisa de alguém do povo, que conhece o sofrimento dos mais humildes. Lula é único que conhece essa realidade” A loucura está viva Décio Lima 10/02/18 'Elogio da Loucura' é uma sátira à sociedade dos séculos XV e XVI, escrita por Desiderius Erasmus Roterodamus. O filósofo construiu um verdadeiro grito de alerta à insensibilidade dos detentores do poder, sobre a perda dos valores da vida. Temer, encarnando a Loucura, vocifera e age em favor da Reforma da Previdência, mentindo sem pudor capa TV 247 Poder Brasil Mundo Economia Cultura Mídia Oásis APOIO Blog e Colunas Destinos 247 Seu Dinheiro Saúde 247 Esporte Revista Brasil 247 Últimas notícias Empreender mais+ Regionais: Alagoas 247 Bahia 247 Brasília 247 Ceará 247 Goiás 247 Maranhão 247 Minas 247 Paraná 247 Pernambuco 247 Rio 247 Rio Grande do Sul 247 SP 247 Cupons de Desconto: Cupom de desconto Carrefour Cupom de desconto Época Cosméticos Cupom de desconto Gearbest Cupom de desconto Marisa Cupom de desconto Netshoes Cupom de desconto Oppa Cupom de desconto Pontofrio Atacado Cupom de desconto Sephora Cupom de desconto C&A Cupom de desconto Compra Certa Cupom de desconto Fut Fanatics Cupom de desconto Lojas Colombo Cupom de desconto Natura Cupom de desconto Off Premium Cupom de desconto Pontofrio Cupom de desconto Saraiva Cupom de desconto Bebê Store Cupom de desconto Centauro Cupom de desconto Loja iPlace Cupom de desconto Mobly Cupom de desconto O Boticário Cupom de desconto Polishop Cupom de desconto Renner Cupom de desconto Submarino Cupom de desconto Americanas Cupom de desconto Casas Bahia Cupom de desconto Extra Cupom de desconto Groupon Cupom de desconto Megamamute Cupom de desconto Nike Store Cupom de desconto Oqvestir Cupom de desconto Posthaus Cupom de desconto shop2gether 14 de Fevereiro de 2018 Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana Quem somos © Todos os direitos reservados - Brasil 247 Fechar



http://www.brasil247.com/
  Brasil 24/7 Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana. Contato Quem somos CUPONS DE DESCONTO Cupom Carrefour Cupom Época Cosméticos Cupom Gearbest Cupom Marisa Cupom Netshoes Cupom Oppa Cupom Pontofrio Atacado Cupom Sephora Cupom C&A Cupom Compra Certa Cupom Fut Fanatics Cupom Lojas Colombo Cupom Natura Cupom Off Premium Cupom Pontofrio Cupom Saraiva Cupom Bebê Store Cupom ... Plus 14.02.2018 Seções capa TV 247 Poder Brasil Mundo Economia Cultura Mídia Oásis APOIO Blog e Colunas ... escolhido Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Globo paga o ... uma quadrilha no poder Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA ... Compartilhe no Facebook MÍDIA Saiba como participar da campanha de assinaturas solidárias do 247 ¶ Se você já aderiu, muito obrigado por apoiar a democratização da mídia e ajudar a financiar a expansão da TV CACHE

Brasil 24/7 Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana. Contato Quem somos CUPONS DE DESCONTO Cupom Carrefour Cupom Época Cosméticos Cupom Gearbest Cupom Marisa Cupom Netshoes Cupom Oppa Cupom Pontofrio Atacado Cupom Sephora Cupom C&A Cupom Compra Certa Cupom Fut Fanatics Cupom Lojas Colombo Cupom Natura Cupom Off Premium Cupom Pontofrio Cupom Saraiva Cupom Bebê Store Cupom Centauro Cupom Loja iPlace Cupom Mobly Cupom O Boticário Cupom Polishop Cupom Renner Cupom Submarino Cupom Americanas Cupom Casas Bahia Cupom Extra Cupom Groupon Cupom Megamamute Cupom Nike Store Cupom Oqvestir Cupom Posthaus Cupom shop2gether Facebook Twitter Apple Store Google Play Google Plus 14.02.2018 Seções capa TV 247 Poder Brasil Mundo Economia Cultura Mídia Oásis APOIO Blog e Colunas Destinos 247 Seu Dinheiro Saúde 247 Esporte Revista Brasil 247 Últimas notícias Empreender mais+ Regionais: Alagoas 247 Bahia 247 Brasília 247 Ceará 247 Goiás 247 Maranhão 247 Minas 247 Paraná 247 Pernambuco 247 Piauí 247 Rio 247 Rio Grande do Sul 247 SP 247 Filho de pedreiro e costureira é o doutor mais jovem do Brasil ¶ O piauiense Guilherme Lopes, de 26 anos, se tornou na última sexta-feira (9) o mais jovem doutor do Brasil. ele teve sua tese de doutorado em biotecnologia aprovada na UFPI, em Parnaíba. filho de costureira e pedreiro, moradores de Piripiri (PI), Guilherme foi de escola pública, usou a nota do Enem no Prouni e passou um ano na Espanha, aperfeiçoando sua pesquisa no Departamento de Farmacologia da Universidad de Sevilla, por meio de um bolsa do programa Ciência sem Fronteiras, criado pela presidente Dilma Rousseff. sucesso de Guilherme Lopes reflete as mudanças feitas com investimentos públicos na Educação. caso foi destacado pelo ex-presidente Lula em sua página Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google + ... Mais uma comunidade se levanta por Lula ¶ 'É cedo para saber mas talvez o Carnaval do desagravo democrático proporcionado pelo desfile da escola Paraíso do Tuiuti vá se tornar um divisor de águas. Talvez depois dele tudo volte ao normal mas é possível que esteja havendo um despertar, que o povo tenha se cansado de engolir sapos e safanões e vá começar a reagir', diz a colunista Tereza Cruvinel, que destaca a faixa de apoio ao ex-presidente Lula e contra a parcialidade do juiz Sergio Moro, que foi também levantada no Morro do Juramento Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google + ... Aldo Fornazieri apoia o 247: fundamental para o fortalecimento da democracia ¶ O cientista político e professor Aldo Fornazieri apoia a campanha de assinaturas solidárias do 247. 'Democracia e pluralidade são fundamentais para que se crie uma consciência crítica da sociedade, para que a sociedade saiba refletir não por comandos remotos e não por manipulação de ideia e de informação', diz ele. assista ao seu vídeo de apoio Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google + ... Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ECONOMIA Temer faz megapedalada e usa empréstimos para pagar gastos correntes ¶ O governo de Michel Temer está recorrendo a empréstimos para conseguir honrar as despesas do dia a dia, incluindo a folha de pagamento de servidores civis e militares, o que desrespeita a chamada 'regra de ouro' —mecanismo constitucional que proíbe o endividamento para pagar despesas de custeio. formalmente, norma não está sendo descumprida por conta de uma megapedalada de Temer e sua equipe econômica: desde 2016, o governo federal tem coberto a diferença entre a tomada de empréstimos e as despesas correntes com recursos recebidos do BNDES --foram R$ 100 bilhões em 2016, R$ 50 bilhões em 2017 e mais R$ 130 bilhões previstos para este ano Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PODER Inquérito sobre propina nos portos poupa sigilo bancário de Temer ¶ O inquérito da Procuradoria-Geral da República e da Polícia Federal sobre o suposto pagamento de propina no decreto de Michel Temer sobre o setor portuário não pediu a quebra dos sigilos bancário, telefônico e fiscal de Michel Temer, de amigos e empresários citados no caso. pistas também deixaram de ser perseguidas. em junho passado, a PF apreendeu na Argeplan, empresa do coronel João Baptista Lima Filho, 'um projeto de reforma de imóvel com nome Maristela Temer', um recibo de pagamento em nome dela e um disco rígido com 'diversas informações sobre a reforma no apartamento'. nenhum dos documentos, porém, foi até o momento cruzado com o sigilo bancário de Maristela, que também não foi quebrado Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASIL Segovia é acusado de ferir código de ética da PF ao defender Temer ¶ Para o presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (APDF), Edvandir Felix de Paiva, as declarações do diretor da PF, Fernando Segovia, alertando para a falta de indícios que incriminem Michel Temer em inquérito aberto para investigar irregularidades no decreto dos portos, podem ter violado o código de ética da PF. em paralelo, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que faz oposição ao governo federal, avalia entrar com uma ação popular na Justiça Federal de Brasília para pedir o afastamento do delegado do cargo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PODER Piada do ano: Temer acha que pode se reeleger ¶ Ridicularizado no Carnaval, rejeitado por mais de 90% dos brasileiros e enrolado com a Polícia Federal, Michel Temer ainda tem esperanças de conseguir a reeleição em 2018. esperança sem noção é manchete do jornal Valor Econômico nesta quarta Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook SP 247 Paulo Teixeira: é preciso aperfeiçoar controle do Judiciário e MP ¶ O deputado Paulo Teixeira (PT-SP) defendeu nesta quarta-feira, 14, um aprimoramento sobre o poder Judiciário e o Ministério Público. 'Por diversas razões, parcelas do Judiciário e do Ministério Público assumiram um protagonismo que ameaça o princípio da harmonia entre os poderes, estimulado pela narrativa da antipolítica', diz ele em artigo. 'Seus membros são julgados apenas nas instâncias superiores. É preciso aperfeiçoar e democratizar estas instâncias de controle, de forma a superar o corporativismo que ainda marca nosso sistema judicial', diz ele Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASIL Kennedy: certos juízes gostam mesmo é de manifestoches ¶ O jornalista Kennedy Alencar voltou a criticar nesta quarta-feira, 14, a defesa de associações de juízes sobre penduricalhos como auxílio-moradia, mesmo para quem tem imóvel próprio. 'Quando a imprensa apoia a magistratura, ela não é moralista. Quando a critica, aí vira moralista. Ora, alguns juízes gostam mesmo é dos manifestoches mostrados pela Paraíso do Tuiuti no Carnaval', diz ele. 'Só querem opinião pública a favor. É feio invocar o combate à corrupção para justificar privilégios num país que enfrenta grave crise fiscal. É uma irresponsabilidade orçamentária, porque dinheiro não nasce em árvore', acrescenta Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook CULTURA Carnavalesco da Tuiuti: Carnaval coloca para fora o que as pessoas querem gritar ¶ O carnavalesco Jack Vasconcelos, da Paraíso do Tuiuti, que levou para a avenida duras críticas ao governo Temer e suas reformas, defendeu o caráter politizado da festa. 'No Carnaval as pessoas liberam aquilo que guardam dentro delas durante o convívio social educado e civilizado no resto do ano. E o Carnaval sempre foi o espaço para esse tipo de ideia, para as pessoas colocarem para fora o que sentem, aquilo que elas querem gritar', disse Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BAHIA 247 Rui Costa: barrar Lula na eleição trará insatisfação com o Judiciário ¶ Rui Costa (PT), governador da Bahia, afirmou que condenação do ex-presidente Lula pelo TRF-4, em janeiro, representa perseguição política. 'Hoje vivemos uma absoluta instabilidade jurídica e institucional', diz. Para Costa, 'na medida em que se impeça o Lula, vai aumentar a insatisfação da população com esse sistema, que é seletivo, e com o Judiciário' Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ECONOMIA Só Joesley e Wesley foram presos por informação privilegiada no Brasil ¶ Presos preventivamente há mais de cinco meses, os irmãos Wesley e Joesley Batista, do grupo JBS, são os únicos a terem ido para a cadeia por insider trading (uso de informação privilegiada) no Brasil. previstos em lei há 17 anos, os crimes contra o mercado de capitais são desvios praticamente sem pena na Justiça brasileira, apesar do aumento de indícios encontrados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e de condenações no âmbito administrativo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook RIO 247 Denúncia eleitoral contra Cristiane está parada há 8 anos ¶ Filha de Roberto Jefferson é suspeita de coação de eleitores nas eleições de 2010. acusação contra Cristiane Brasil foi enviada ao Ministério Público eleitoral há oito anos e, desde então, não teve movimentação. Cristiane, que na época era vereadora licenciada e secretária municipal de Envelhecimento Saudável da capital, não se candidatou em 2010, mas naquele ano apoiou a candidatura do deputado estadual Marcus Vinicius (PTB) – então seu cunhado – à reeleição Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PARANÁ 247 Jantar com homenagem a Moro em NYC é fracasso de patrocínio ¶ As cotas de patrocinador principal do jantar em que o juiz federal Sergio Moro receberá o título de 'personalidade do ano' da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos estão encalhadas. até agora, apenas sete delas foram vendidas. no ano passado, as mesas principais atraíram 15 patrocinadores Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASIL TSE libera mais R$ 888 mi para campanhas eleitorais em 2018 ¶ O TSE autorizou o uso do Fundo Partidário para bancar as campanhas nestas eleições. com isso, para este ano, o valor aprovado pelo Congresso é de R$ 888,7 milhões, dos quais R$ 780,3 milhões oriundos de dotação da União. com a decisão do TSE, esse valor se somará ao do fundo público eleitoral de R$ 1,7 bilhão, aprovado pelo Congresso no ano passado Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PODER Perto de caducar, MP que altera reforma trabalhista não começou a tramitar ¶ A poucos dias de perder a validade – no dia 22 de fevereiro –, a medida provisória que altera pontos da reforma trabalhista (MP 808/2017) nem sequer teve os membros da comissão especial mista designados, para a primeira etapa de tramitação da matéria. presidente deverá ser o senador Bendito de Lira (PP-AL). já o relator será um deputado, ainda não escolhido Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Globo paga o preço da aliança com o golpe ¶ Marcado pelo 'Fora, Temer' e pelo 'volta, Lula', o carnaval de 2018 também entra para a história como o que mais constrangimento gerou para a Globo, que foi uma das peças centrais no golpe de 2016. além da desmoralização sofrida no desfile da Tuiuti, em que seus apresentadores se calaram diante dos 'manifestoches' e do 'Temer vampirão', vários repórteres da Globo foram zoados em transmissões ao vivo, como aconteceu com Leilane Neubarth, que teve que ouvir 'vai dar PT'. Globo tentou se redimir em matéria no JN com 24 horas de atraso, mas acabou passando recibo do arrastão moral que levou. é o que dá apoiar um golpe que derrubou uma presidente honesta e instalou uma quadrilha no poder Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Boff critica servidão dos jornalistas da Globo e diz ter pena de Leilane ¶ O teólogo e escritor Leonardo Boff questionou nesta terça-feira, 13, como os jornalistas das empresas da família Marinho têm suportado tanto constrangimento. 'Com é que os jornalistas homens e as jornalistas mulheres da Globo estão suportando tanto constrangimento do que se viu e ouviu no Carnaval? É duro ter que assumir a ideologia retrógrada do Grupo Globo. Tenho pena da @LeilaneNeubarth', escreveu Boff. ele se referiu ao vídeo em que a jornalista Leilane Neubarth, ao vivo, sai do sério quando um grupo de sambistas canta que 'vai dar PT' atrás dela. em resposta a Boff, Leilane diz que se sente 'realizada' Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook SP 247 Mercadante: Tuiuti é a vitória da escola pública ¶ O ex-ministro da Educação Alozio Mercadante repercutiu o desfile da escola Paraíso do Tuiuti, que trouxe para a Sapucaí um enredo repleto de críticas à escravidão, ao golpe de de 2016 e a retirada dos direitos dos trabalhadores. 'A Tuiuti denunciou a manipulação dos meios de comunicação e a Globo, com uma ousadia e coragem rara na cultura brasileira. Denunciou a manipulação golpista e a volta da exclusão', disse Mercadante ao 247. 'A luta contra a descriminação é também parte da luta contra a desigualdade', acrescentou Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ÂNGELO CAVALCANTE Paraíso now ¶ 'Quem vai ganhar o desfile de 2018? E isso tem alguma importância? Nós ganhamos! Nós, o povo, já ganhamos um dos melhores carnavais da história desse país. Os quase vinte milhões de desempregados podem soltar um sorriso, mesmo que de 'canto de boca'. os precarizados podem se abraçar. os aposentados e os que querem se aposentar tomem uma cervejinha bem gelada... Ganhamos essa!', escreve o colunista Ângelo Cavalcante, sobre o desfile da Paraíso do Tuiuti. 'E para os golpistas de plantão, aos que bateram panelas, que dançaram suas coreografias patéticas, que se vestiram de CBF vejam o inacreditável, se assustem, se espantem, tenham medo... Isso se chama POVO e para vossos pecados e arrependimentos, ele está mais vivo do que nunca!' Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook PAULO MOREIRA LEITE Globo fez com Vandré em 68 o que faz hoje com Tuiti ¶ 'O boicote da Globo à Paraiso do Tuiti é uma medida tão escandalosa como o veto à música 'Caminhando' no Festival Internacional da Canção, organizado pela Globo, em 1968', escreve Paulo Moreira Leite, articulista do 247. 'Há 40 anos, conforme o executivo Walter Clark, a emissora cedeu à ditadura militar e impediu que a música de Geraldo Vandré ganhasse o primeiro lugar. Em 2018, depois de desempenhar um papel único e insubstituível na sabotagem da democracia, a emissora usa desfile de Carnaval para proteger um regime de exceção que ajudou a colocar de pé', diz PML Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook ALDO FORNAZIERI Fux, Huck, FHC e os homens sem honra ¶ Para o cientista político e professor Aldo Fornazieri, o ministro Luiz Fux, autor da liminar que concede auxílio-moradia indiscriminadamente a todos os juízes do País, 'é um ficha-suja', 'deveria ser processado, condenado e preso pelo imenso prejuízo que está causando aos cofres públicos'. já o apresentador e o sociólogo, diz ele sobre FHC e Huck, 'voltaram a compor uma dupla de bailarinos para dançar em público a macabra dança dos escárnio político'. 'FHC e Huck carregam o estandarte da nova política. Se é verdade que a velha política faliu, também é verdade que a nova política não se constituiu. No mais das vezes, é um embrulho de fórmulas vazias, de democracia tecnológica, que nada tem de real porque não tem povo', escreve Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook BRASÍLIA 247 Moro é retratado como diabo no bloco mais antigo de Brasília ¶ Mais antigo bloco de carnaval de Brasília (criado em 1978), o tradicional Pacotão saiu pelas ruas de Brasília pela segunda e última vez nesta terça-feira, 13. como já era de se esperar, Michel Temer é um dos alvos principais da turma, que preparou uma marchinha oficial intitulada 'O presidente despirocado' – obviamente, o peemedebista é o protagonista da peça. além das menções a Temer e seu homem da mala, Rodrigo Rocha Loures, teve defensor de Lula que comparou o juiz Sérgio Moro, responsável pela condenação do petista, ao diabo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Saiba como participar da campanha de assinaturas solidárias do 247 ¶ Se você já aderiu, muito obrigado por apoiar a democratização da mídia e ajudar a financiar a expansão da TV 247. caso ainda tenha dúvidas, confira o vídeo da campanha e saiba como participar Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Deu no NY Times: Paraíso do Tuiuti trouxe “vampiro vestindo faixa presidencial” no Carnaval ¶ O jornal norte-americano New York Times publicou sobre o Carnaval do Rio de Janeiro, dando um destaque especial pra escola Paraíso do Tuiuti. 'A Paraíso do Tuiuti mostrou patos de plástico manipulados por marionetes, em uma referência a um pato de plástico gigante usado pelos brasileiros conservadores para se queixar dos altos impostos do país em manifestações que ganharam destaque há dois anos. O pedestal da escola também trouxe um vampiro vestindo a faixa presidencial com várias notas falsas de dólares', diz o jornal Revista Brasil 247 Notícias mais populares “Intelectual” do golpe, Frota chama Tuiuti de escola comunista ... Boff critica servidão dos jornalistas da Globo e diz ter pena de Leilane ... Caso Lula: Cármen tem medo do plenário do STF? ... Globo paga o preço da aliança com o golpe ... Tuiuti e Cléo Pires contra a Globo e o vampiro Temer ... Lindbergh: Globo manipula até cobertura de Carnaval ... Revista do dia Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Huck só prova o fracasso de FHC, diz Gaspari ¶ 'Indo buscar o 'novo' na telinha, FHC e os articuladores da candidatura de Huck atestam o fracasso de suas práticas políticas. Huck é um profissional bem-sucedido no seu ofício, nada mais que isso. (...) Huck é um bom candidato para quem tem medo de perder eleição, e só', escreve o colunista Elio Gaspari Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Tijolaço: Jack, da Tuiuti, diz a quem tem o dever de servir ¶ Carnavalesco Jack Vasconcelos, da Paraíso do Tuiuti, fez uma defesa enfática da educação pública, em entrevista ao jornal O Dia. 'Sou formado pelo ensino público, fui uma criança de escola pública, me formei em uma federal, em Belas Artes. Então, a população ajudou a me formar, foi dinheiro público que ajudou a pagar meus estudos e a manter as instituições em que me formei. Preciso de alguma forma retribuir para a população esse investimento. É a maneira que eu posso prestar o serviço a ela (à sociedade), através da minha arte', disse ele Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA DCM: por que Leilane acusou o golpe ao ser criticada por Leonardo Boff ¶ Jornalista Kiko Nogueira, editor do DCM, comentou a irritação da jornalista Leilane Neubarth, que foi alvo de uma 'pegadinha' de sambistas no carnaval e não suportou quando o teólogo Leonardo Boff disse ter pena dela. 'Leilane acaba apanhando por personificar a odiada emissora em que trabalha. Ela não é o Merval ou a Cristiana Lôbo. Não é o Waack. Ela é um Cid Moreira. Por isso a bofetada de Boff doeu-lhe. Leilane não estava perdida apenas naquela transmissão. Ela vive assim, surfando nessa nuvem de desinformação mascada, dando suas cacetadas', disse Nogueira Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA DW: Brasil faz um de seus carnavais mais politizados ¶ Agência alemã de notícias DW Brasil destacou as manifestações políticas no carnaval brasileiro deste ano. Segundo a DW Brasil, celebrações em todo o país ridicularizaram líderes políticos locais e mundiais, se voltaram contra violência, corrupção e intolerância - e desafiaram limites. 'A Paraíso do Tuiuti questionou se a escravidão realmente acabou no Brasil, satirizou o presidente Michel Temer e suas reformas neoliberais, especialmente a reforma trabalhista e sugestões de redefinição do trabalho escravo', destacou Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook CULTURA Claudia Raia: “Tomara que Luciano Huck não se eleja” ¶ Em entrevista antes do desfile da Unidos da Tijuca, que iria homenagear o amigo Miguel Falabella, a atriz Cláudia Raia disse torcer para que o apresentador Luciano Huck não seja eleito. a atriz se disse 'completamente perdida' e sem saber em quem votar Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Lava Jato deve acelerar em março, diz Miriam Leitão ¶ 'A Lava-Jato vai entrar no final de fevereiro ou começo de março num ritmo mais forte. Quem diz é quem acompanha as investigações. Há vários motivos para isso, que vão da maneira como a Polícia Federal distribuiu o trabalho no fim do ano até o amadurecimento de investigações que vinham sendo feitas. As operações, que ficaram escassas nos últimos meses, devem ser retomadas neste pós-carnaval', escreve a colunista Miriam Leitão Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Simpatia de FHC por Huck desmacara mito de estadista, diz Marcelo Coelho ¶ O escritor Marcelo Coelho foi mais um a atacar a aproximação do expresidente Fernando Henrique Cardoso com o apresentador Luciano Huck. 'Como ex-presidente, FHC poderia se colocar num plano bem elevado, o de sábio estadista. Suas considerações sobre a oportunidade de uma candidatura Luciano Huck confirmam, infelizmente, a característica que ele sempre teve: a de ser um imenso falastrão, cuja única inocência é a de achar sinceramente que é um sábio estadista', escreve Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO Líder do SPD renuncia após acordo de coalizão com Merkel ¶ O líder do Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD), Martin Schulz, renunciou na terça-feira, esperando encerrar a instabilidade que tem abalado a legenda de centro-esquerda desde que chegou a um acordo de coalizão com os conservadores da chanceler alemã, Angela Merkel. vice de Schulz, Olaf Scholz, prefeito de Hamburgo que deve se tornar ministro de Finanças no novo governo, disse que vai assumir como líder provisório do SPD e o partido confirmou que recomendou Andrea Nahles como sucessora de Schulz no longo prazo Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO Presidente do Peru desconvida Venezuela da Cúpula das Américas ¶ O presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, afirmou no Twitter que estava desconvidando a Venezuela da Cúpula das Américas, que acontecerá em abril em Lima, capital de seu país. PPK alega que há um 'ruptura democrática' no país caribenho Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Presidente do NYT diz que edição impressa deve durar mais dez anos ¶ “Acredito que temos pelo menos dez anos pela frente nos Estados Unidos para esse produto (a versão impressa do NYT)”, disse o presidente da The New York Times Co., Mark Thompson. “Depois disso, nós decidiremos, simplesmente em termos econômicos, se o jornal impresso continuará a fazer sentido', completou Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook RIO GRANDE DO SUL 247 Entidades espalham 100 outdoors denunciando deputados do RS favoráveis à reforma ¶ A CUT-RS, federações e sindicatos aproveitaram o feriado de Carnaval para espalhar 100 outdoors em Porto Alegre e no interior do Rio Grande do Sul denunciando nove deputados federais que já manifestaram favoravelmente à reforma da Previdência proposta pelo governo de Michel Temer (MDB). cada cartaz, que ficará exposto ao longo de duas semanas, exibe fotos de três parlamentares e traz as chamadas “Eles querem acabar com a sua aposentadoria” e “Não à reforma da Previdência” Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA Wilson Ferreira: Tuiuti ensinou às esquerdas a força das bombas semióticas ¶ 'Os carnavalescos da escola Paraíso do Tuiuti deram para as esquerdas mais uma simples lição do que é lutar no mesmo campo das bombas semióticas', avalia o professor de Semiótica Wilson Ferreira. 'Lutar no mesmo campo semiótico das bombas simbólicas da grande mídia, não significa apenas fazer 'pegadinhas' ou 'trolar' uma transmissão ao vivo. Mas a importância do seu efeito de 'agendamento' posterior: virar pauta de discussões nas conversas interpessoais e nas diferentes mídias', diz Ferreira em seu blog Cinegnose Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO Polícia da África do Sul realiza operação em casa dos Gupta e aumenta pressão sobre Zuma ¶ Policiais sul-africanos fortemente armados realizaram uma operação na casa de luxo da família Gupta nesta quarta-feira, como parte de uma investigação sobre alegações de que os três irmãos tinham ligações corruptas com o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, que recebeu a ordem do partido governista ANC para renunciar ao cargo. operação marca uma escalada dramática na pressão exercida sobre Zuma e seu grupo político acusado de utilizar recursos estatais para fins particulares. entretanto, continua incerto se o presidente de 75 anos irá renunciar Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MUNDO França ameaça atacar a Síria ¶ O presidente da França, Emmanuel Macron, pretende atacar a Síria se ficar provado que o governo de Bashar al Assad utilizou armas químicas contra civis, diz reportagem da AFP Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA MASSACRADA, GLOBO CITA TUIUTI E VAMPIRÃO, MAS FAZ LOBBY PELA BEIJA FLOR Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook RIO 247 PARAÍSO DO TUIUTI É A GRANDE VENCEDORA DO TAMBORIM DE OURO DE 2018 Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook CULTURA JORGE FURTADO: TUIUTI EXPLICOU O GOLPE A QUEM AINDA NÃO TINHA ENTENDIDO Compartilhe no Google + Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook MÍDIA DENÚNCIA: UOL ZEROU ENQUETE PARA IMPEDIR TUIUTI DE VENCER Blogs 247 Mais uma comunidade se levanta por Lula Tereza Cruvinel 14/02/18 Paraíso do Tuiuti, cultura e educação Aloizio Mercadante 14/02/18 PT cresce na adversidade Emir Sader 13/02/18 Como não ser atingida(o) pela Reforma da Previdência do Temer Gleisi Hoffmann 12/02/18 Globo fez com Vandré em 68 o que faz hoje com Tuiti Paulo Moreira Leite 13/02/18 Paraíso now Ângelo Cavalcante 13/02/18 Huck é candidato do Itaú? Alex Solnik 12/02/18 Revolução brasileira: por Lula, o morro vai descer Guilherme Coutinho 12/02/18 Fux, Huck, FHC e os homens sem honra Aldo Fornazieri 12/02/18 O Brasil dos Moros a correr atrás de sua própria cauda num mundo em veloz transformação Eugênio Aragão 11/02/18 Vídeos Recomendados Colunistas Espírito do carnaval manda recado ao Congresso: não à reforma da Previdência César Fonseca 14/02/18 O grito de rebeldia política dos carnavalescos, em 2018, ano eleitoral, transformou-se no novo fator político que não poderá ser desdenhado pelos golpistas, carentes de candidatos sintonizados com as massas, para, se eleitos nas urnas, tocar o programa neoliberal que elas repudiaram nos quatro dias de Momo Balcão de negócios Jorge Solla 14/02/18 Pela primeira vez, o ministro da Saúde defende cortes e não o aumento de investimentos. Os 4,7% do PIB dedicados ao SUS, para Ricardo Barros, são muito, quando a média mundial é de 6% e, em países que possuem sistemas universais como o nosso, os investimentos são ainda maiores: Reino Unido (7,5%), França (8,9%) e Argentina (10%) Sem Lula, Temer aposta na própria “reeleição” Esmael Morais 14/02/18 aposta do “Vampiro Neoliberalista” é que haverá pulverização das candidaturas de centro-esquerda e de centro-direita, qual seja, com várias candidaturas ele venceria a eleição de outubro Desmascarando Bolsonaro no caso da Rocinha Eduardo Guimarães 14/02/18 A proposta de Bolsonaro para a Rocinha é mais um prego no caixão de suas pretensões político-eleitorais. E assim essa candidatura caminha para o seu lugar: a lata de lixo da história Márcio França vai engolir Doria no PSDB? Altamiro Borges 14/02/18 João Doria está sentindo o gosto da vingança maligna de Geraldo Alckmin, o 'picolé de chuchu' que governa São Paulo. Ele não esconde mais de ninguém que prefere ter como candidato ao posto o seu vice, o pragmático Márcio França – seja pelo PSB ou pelo próprio PSDB Para ler depois do Carnaval Valter Pomar 14/02/18 Se nós que somos militantes do PT não formos capazes de solucionar e superar as dificuldades atuais, será muito mais difícil para as futuras gerações O Carnaval avisa que a Globo está mexendo com fogo ao defender a prisão do Lula Renato Rovai 13/02/18 A Globo está apostando tudo na prisão de Lula e cega por essa obsessão talvez não tenha percebido os riscos que corre. Eles não são pequenos e o Carnaval está deixando isso claro O sacrifício do Brasil em prol do bem estar econômico dos EUA Miguel do Rosário 13/02/18 Um dia, alguém poderia explicar a Sérgio Moro, figura central na guerra híbrida que destruiu nossos sonhos de desenvolvimento, ao menos por alguns anos, a importância de uma indústria de base, dentre as quais se destacam refinarias de petróleo. Se Moro tivesse prestado atenção em suas aulas de história, e recebesse algumas noções extras de economia, não andaria por aí dando palestras contra a construção de refinarias Augusto Nunes na Cultura: fim da carreira? Altamiro Borges 13/02/18 A TV Cultura, que foi transformada em um palanque pelos tucanos e virou a TV do Alckmin, até que gostava dos comentários raivosos do apresentador. Ocorre que o “uso de exagerada parcialidade na condução dos trabalhos”, para não falar em abjeta partidarização e direitização, estava prejudicando a imagem do programa “Roda Viva” Casa Grande sem moral, Lula é presidente José Rainha Júnior 13/02/18 Lula pode até ser preso, pode até não ter seu registro de candidato à presidência da República liberado pelo TSE, mas pode ter certeza de uma coisa, os excluídos que vivem à margem da sociedade, nos morros nas favelas, os sem terras, índios, negros, sem teto, e todo conjunto dos lutadores do povo não vão aceitar tudo isso de braços cruzados A esquerda que critica a esquerda Gustavo Conde 13/02/18 A esquerda é tão democrática e tem tanto senso crítico que ela adora criticar a si mesma. Convenhamos: é até bonito ver a ‘esquerda’ criticar a esquerda. Mesmo porque, diferentemente da direita - homogênea e autolimitada -, existem várias esquerdas Grito contra a neo-escravidão neoliberal César Fonseca 13/02/18 É claro que a Globo não ia mesmo dar aquele espaço para a Tuiuti. A escravidão, expressa no negociado sobre o legislado, o trabalho intermitente, a degradação está de volta. Os antigos escravos estão na ordem do dia vestidos de nova legislação trabalhista, destituído dos seus direitos perante os novos senhores da escravidão Se o paraíso existe, ele fica no Tuiuti Nêggo Tom 13/02/18 Espero que a motivação provocada pelo samba da Tuiuti não se acabe na quarta-feira e que não viremos cinzas nas mãos dessa corja corrupta e escravocrata que tomou o poder. É hora da reação! Quando fui um ET no Carnaval do Rio Bia Willcox 13/02/18 Nas mesmas áreas em que eles riam e dançavam, eles também sofriam e choravam. Nas regiões de festa também havia violência, furto, maldade. Mas o que acontecia com muitos, não abalava a festa. Era como se ninguém percebesse ou se abalasse pelo outro Tuiuti constrange a Globo e os “midiotas” Altamiro Borges 12/02/18 A escola pode até não vencer o disputado carnaval carioca, mas já causou frisson e constrangimento. Como registrou o crítico de televisão Maurício Stycer, do UOL, a Tuiuti deixou na defensiva os apresentadores da Globo – a principal protagonista do golpe dos corruptos que depôs Dilma Rousseff e alçou ao poder a quadrilha de Michel Temer Bolsonaro cai em contradição ao “explicar” ao Globo declarações sobre a Rocinha Eduardo Guimarães 12/02/18 Em “atualização” de sua matéria publicada no domingo, Lauro Jardim reproduz nota enviada por Bolsonaro na qual o parlamentar NÃO desmente que tenha falado na comunidade da Rocinha e se limita a “explicar” suas declarações Carnaval 2018 é o mais politizado da História Esmael Morais 12/02/18 Teve o 'Temer Vampirão' e críticas ao prefeito do Rio Marcelo Crivella (PRP) que, em plena festa popular, viajou para a Europa. Teve ainda foliões gritando por Lula em BH, a foto de Doria com Zeca Pagodinho e o desfile histórico da Paraíso do Tuiuti Globo ignora crítica social e Temer retratado como vampiro em escola de samba do Rio Luciana Oliveira 12/02/18 Pela dura crítica social e política e por retratar o presidente ilegítimo Michel Temer como um vampiro, a Tuiuti virou o segundo assunto no mundo, mais comentando no Twitter no primeiro dia de desfile no Marques de Sapucaí. Mas, a Globo simplesmente fingiu não ver Democracia para a terra brasilis Pedro Maciel 12/02/18 O que estou propondo é a ampliação da chamada sociedade civil e o seu reconhecimento como espaço público não estatal legitimado ao debate livre e à propositura de caminhos, propositura de caráter vinculativo àqueles que executam programas, projetos e políticas públicas Qual a surpresa? Luiz Fernando Padulla 12/02/18 Disse o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, que a terceira denúncia contra o ilegítimo/golpista presidente Temer deveria ser arquivada. E qual a surpresa, se desde sempre alertamos que isso iria acontecer? O Judiciário é da Casa Grande Enio Verri 12/02/18 A população deve ter a coragem para enfrentar o Judiciário, pois é o único poder da República cuja caixa de Pandora não foi totalmente aberta. Não será fácil, mas a Senzala deve fazer a Casa Grande ouvir e entender que o Brasil já vive em uma República Federativa, sem mais escravidão oficial EUA estão prestes a invadir a Venezuela? Altamiro Borges 12/02/18 Diante de 'sinais', todos emitidos neste início de ano, Willian Izarra não descarta a hipótese de que os EUA preparam 'uma possível invasão a Venezuela por uma força multinacional'. O alerta está feito e exigirá uma imediata resposta dos amantes da paz e da soberania dos povos no sofrido continente latino-americano Estadão, desesperado pelas reformas, prepara o terreno para o autoritarismo Luiz Henrique Dias 12/02/18 Classificando como 'justa' a indignação contra a corrupção e as regalias 'dos servidores estatais' (não cita diretamente o Judiciário), o jornal alega não ser isso o mais importante para o país e chega a classificar esse discurso, 'que levou milhões de pessoas às ruas', como fachada para esconder o mais importante: as reformas Huck já gostava de mamar deitado em 2013 Esmael Morais 12/02/18 O dublê de apresentador e candidato da Globo Luciano Huck já gostava e “mamar deitado” em 2013, quando ele usou empréstimo de R$ 17,7 milhões do BNDES para comprar um jatinho Embraer Phenom. O dinheiro do banco público é destinado para fomentar atividades econômicas. Não foi o que aconteceu no caso do jatinho, que é um artigo de luxo Bolsonaro é reincidente em pregar assassinato em massa Eduardo Guimarães 11/02/18 A uma plateia de cerca de mil executivos do setor financeiro, em evento promovido pelo banco BTG Pactual, o pré-candidato a presidente Jair Bolsonaro foi aplaudido de pé ao propor que, se se eleger presidente e os traficantes da favela da Rocinha, no Rio, não saírem da favela e se entregarem à Polícia, ele mandará metralhar a comunidade Lula ou barbárie! Fernando Rosa 11/02/18 Não resta qualquer dúvida que enfrentamos uma guerra imperialista que aposta em transformar o Brasil em uma colônia, fornecedora de matérias primas, bases militares e mão de obra semi escrava. A partir da violenta ruptura da Constituição de 1988, a lei em vigor passou a ser o martelo da (in)Justiça imperial. Um jogo em que o espaço democrático estabelecido pelos donos do golpe e seus 'volantes' togados e civis capturados é oferecer o pescoço à corda OIT alerta aos golpistas que esta reforma trabalhista é ilegal Chico Vigilante 11/02/18 A reforma trabalhista feita pela quadrilha que tomou de assalto o Brasil é tão ruim para o trabalhador que a Organização Internacional do Trabalho recomendou sua revisão ao governo brasileiro. Vergonha internacional. Modernizar leis é normal mas mudar para piorar a vida do trabalhador e retroceder no tempo é inaceitável A direita continua matando na Colômbia Túlio Ribeiro 11/02/18 Em meio ao novo modo de enfrentamento, as FARC já teve 36 integrantes mortos desde que confiou no acordo de paz. Em janeiro deste ano dois candidatos foram assassinados, em fevereiro integrantes do Partido Comunista da Colômbia foram cercados e apedrejados. A violência contra políticos de esquerda é uma ação ordenada por setores conhecidos, com objetivo de sabotar a campanha Bolsonaro propõe genocídio em favela no Rio de Janeiro Eduardo Guimarães 11/02/18 A uma plateia de cerca de mil executivos do setor financeiro, em evento promovido pelo banco BTG Pactual, o pré-candidato a presidente Jair Bolsonaro foi aplaudido de pé ao propor que se os traficantes da favela da Rocinha, no Rio, não saírem da favela e se entregarem, ele mandará metralhar a comunidade e tudo que tem dentro dela Zeca Pagodinho é menos Doria e mais Lula Esmael Morais 11/02/18 Em 2002, Zeca Pagodinho ofereceu um churrasco ao então candidato Luiz Inácio Lula das Silva. Na época, o cantor fez a seguinte declaração que é continua atualíssima: “O País precisa de alguém do povo, que conhece o sofrimento dos mais humildes. Lula é único que conhece essa realidade” capa TV 247 Poder Brasil Mundo Economia Cultura Mídia Oásis APOIO Blog e Colunas Destinos 247 Seu Dinheiro Saúde 247 Esporte Revista Brasil 247 Últimas notícias Empreender mais+ Regionais: Alagoas 247 Bahia 247 Brasília 247 Ceará 247 Goiás 247 Maranhão 247 Minas 247 Paraná 247 Pernambuco 247 Rio 247 Rio Grande do Sul 247 SP 247 Cupons de Desconto: Cupom de desconto Carrefour Cupom de desconto Época Cosméticos Cupom de desconto Gearbest Cupom de desconto Marisa Cupom de desconto Netshoes Cupom de desconto Oppa Cupom de desconto Pontofrio Atacado Cupom de desconto Sephora Cupom de desconto C&A Cupom de desconto Compra Certa Cupom de desconto Fut Fanatics Cupom de desconto Lojas Colombo Cupom de desconto Natura Cupom de desconto Off Premium Cupom de desconto Pontofrio Cupom de desconto Saraiva Cupom de desconto Bebê Store Cupom de desconto Centauro Cupom de desconto Loja iPlace Cupom de desconto Mobly Cupom de desconto O Boticário Cupom de desconto Polishop Cupom de desconto Renner Cupom de desconto Submarino Cupom de desconto Americanas Cupom de desconto Casas Bahia Cupom de desconto Extra Cupom de desconto Groupon Cupom de desconto Megamamute Cupom de desconto Nike Store Cupom de desconto Oqvestir Cupom de desconto Posthaus Cupom de desconto shop2gether 14 de Fevereiro de 2018 Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana Quem somos © Todos os direitos reservados - Brasil 247 Fechar



http://www.vermelho.org.br/noticias.php?id_secao=6&lista=sintese
 .:: Mídia - Portal Vermelho A Esquerda Bem Informada ::. Buscar Quem somos Contato Todas as notícias Inicial Estados Acre Alagoas Amapá Amazonas Bahia Ceará Distrito Federal Espírito Santo Goiás Maranhão Mato Grosso Mato Grosso do Sul Minas Gerais Pará Paraíba Paraná Pernambuco Piauí Rio de Janeiro Rio Grande do Norte Rio Grande do Sul Rondônia Roraima Santa Catarina São Paulo Sergipe Tocantins Brasil ... .:: Mídia - Portal Vermelho A Esquerda Bem Informada ::. Buscar Quem somos Contato Todas ... Brasil Mídia Mundo América Latina Cultura Geral Movimentos Economia TV Rádio Mídia 23/02/2018 11h34 Curso abordará 'A Comunicação para Enfrentar os Retrocessos' O Centro de Estudos da Mídia Alternativa ... caráter nacional e ocorrerá no final de março, em São Paulo. Mídia 21/02/2018 18h00 A família Marinho ... número 1. Por Renata Mielli* Mídia 21/02/2018 13h28 Fenafar: Globo assume ofensiva contra CACHE

.:: Mídia - Portal Vermelho A Esquerda Bem Informada ::. Buscar Quem somos Contato Todas as notícias Inicial Estados Acre Alagoas Amapá Amazonas Bahia Ceará Distrito Federal Espírito Santo Goiás Maranhão Mato Grosso Mato Grosso do Sul Minas Gerais Pará Paraíba Paraná Pernambuco Piauí Rio de Janeiro Rio Grande do Norte Rio Grande do Sul Rondônia Roraima Santa Catarina São Paulo Sergipe Tocantins Brasil Mídia Mundo América Latina Cultura Geral Movimentos Economia TV Rádio Mídia 23/02/2018 11h34 Curso abordará 'A Comunicação para Enfrentar os Retrocessos' O Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé promove o curso A comunicação para enfrentar os retrocessos. A atividade tem caráter nacional e ocorrerá no final de março, em São Paulo. Mídia 21/02/2018 18h00 A família Marinho, seu apreço aos militares e à intervenção no Rio Um ditado popular bem conhecido por aqui é “nunca cuspa no prato que você comeu”. Digamos que ele é uma maneira bem tosca de dizer que é preciso sempre manter a gratidão para os que te ajudaram. Nos dez mandamentos da Família Marinho, este talvez seja o número 1. Por Renata Mielli* Mídia 21/02/2018 13h28 Fenafar: Globo assume ofensiva contra organização sindical Nesta terça-feira (20) o Jornal da Globo veiculou matéria em que afirma ser ilegal a convocação de assembleias pelos sindicatos para debater a contribuição sindical. Na opinião da Federação Nacional dos Farmacêuticos (Fenafar) a reportagem é um desserviço à população porque não abre espaço esquilibrado para visões amplas sobre o tema. 'Ao contrário, o Jornal induz a opinião e, mais uma vez, presta um desserviço à sociedade', diz nota da entidade. Mídia 20/02/2018 9h43 Capas de três revistas têm propaganda do governo sobre Previdência A última edição de três das quatro principais revistas semanais brasileiras, Veja, Época e IstoÉ, exibem uma interessante coincidência nas capas, tomadas por uma propaganda do governo federal em defesa da reforma da Previdência. A econômica Istoé Dinheiro também foi às bancas com a capa publicitária. Mídia 19/02/2018 12h19 Intervenção militar no Rio é apenas um show para a televisão O governo federal declarou intervenção militar na segurança do estado do Rio de Janeiro até o final do ano. Diz o decreto, apresentado na úlitma sexta-feira (16): “O objetivo da intervenção é pôr termo a grave comprometimento da ordem pública no Estado do Rio de Janeiro.” Trocando em miúdos: combater o que a imprensa vem chamando de “guerra” e “onda de violência” no Rio. Por Cecília Olliveira*, no The Intercept Mídia 14/02/2018 18h43 Furar o bloqueio da mídia e lutar pela sua regulação e democratização Ao silenciar sobre o contraditório, os meios sonegam informações que poderiam dar uma visão mais ampla dos acontecimentos. Por Laurindo Lalo Leal Filho, para a RBA Mídia 14/02/2018 18h24 Entre o céu de Watergate e o inferno de Jayson Blair O grau de confiabilidade da população quanto ao jornalismo norte-americano vem caindo. Existe uma relação disso com os grandes momentos midiáticos vividos pelo país - e o contexto em que o jornalismo é produto de uma sociedade liberal-burguesa Por Dennis de Oliveira* Mídia 14/02/2018 13h25 Malásia: imprensa promove caça a LGBTs A estratégia de pulso firme contra a comunidade LGTBI se intensifica na Malásia e agora chega aos meios de comunicação, alarmando os ativistas e defensores dos direitos humanos Mídia 10/02/2018 16h39 As novas lutas pelo Direito à Intimidade Megaempresas agem para capturar seus dados pessoais, comercializá-los, manipulá-los e convertê-los em mais riqueza concentrada. Há como enfrentá-las? Por Antonio Casilli e Paola Tubaro* Mídia 09/02/2018 14h37 A Folha saiu do Facebook. E agora? Decisão do jornal é uma tentativa de se reposicionar na disputa por audiência e credibilidade, e escancara os graves problemas do Facebook no controle, sem transparência, da distribuição de conteúdos. Por Renata Mielli* 1 2 3 4 5 próxima última EDITORIAL Derrotado na Previdência, Temer quer impor pacote neoliberal Arquibancada Futbol Club S/A MAIS COLUNISTAS Antônio Augusto de Queiroz Contribuição para a melhora da representação política João Guilherme Vargas Netto W. O. Urariano Mota O partido mandou me chamar José Reinaldo Carvalho Notícia alvissareira: esquerda dá um passo rumo à unidade Luciano Siqueira Dois lances e um desafio Zillah Branco Utopias tecnológicas do capitalismo Jaime Sautchuk Democracia em risco Manlio Dinucci Eleição na Itália: A Otan já votou antes de nós TEXTOS COLUNISTAS Cadernos Estaduais Estados AC AL AM AP BA CE DF ES GO MA MG MS MT PA PB PE PI PR RJ RN RO RR RS SC SE SP TO Bahia 10 anos da Lei que combate intolerância religiosa no Brasil Pernambuco MP investiga municípios avessos a debater gênero Rio Grande do Sul Manuela: Desde 2013 vivemos a repressão aos movimentos sociais Pernambuco Lúcio Monteiro, presente! Publicidade Portal Vermelho Blogs Walter Sorrentino . Publicidade Biblioteca Marxista | Galeria de Imagens | Linha do Tempo | Hip-Hop a Lápis | Logotipo | Manual da Redação | Manifesto Vermelho Todos os especiais | Quem somos | Contatos | Comunismo Portal Vermelho: Rua Rego Freitas, 192 - 4º andar. Centro - São Paulo - SP - CEP 01220-010 - Tel.: (11) 3054-1837



http://pt-br.wikia.com/wiki/Termos_de_Uso
  Termos de Uso | Wikia Brasil | FANDOM powered by Wikia FANDOM Central da Comunidade Minha Conta Iniciar sessão Você não tem uma conta? Registre-se Começar uma wiki Anúncio em: Termos de Uso , Políticas Termos de Uso Português do Brasil Español English 中文 ‪中文(台灣)‬ 日本語 Comentários Compartilhar Políticas do Fandom Termos de Uso Política de Privacidade Licenciamento Política de Criação de Comunidades ... mesmos ou por qualquer conteúdo de tais websites. Conteúdo de mídia O serviço inclui acesso a conteúdo ... licenciado para o uso e exibição por terceiros ('conteúdo de mídia'). Tal conteúdo de mídia pode ser ... conteúdo de mídia ou em conexão com qualquer Media Player. usar qualquer conteúdo de mídia ou Media Player para fins diferentes do consumo não-comercial, pessoal e exibir tal conteúdo de mídia. tentar burlar ... mídia. tentar modificar, melhorar, editar, traduzir, adaptar, alterar, fazer engenharia reversa CACHE

Termos de Uso | Wikia Brasil | FANDOM powered by Wikia FANDOM Central da Comunidade Minha Conta Iniciar sessão Você não tem uma conta? Registre-se Começar uma wiki Anúncio em: Termos de Uso , Políticas Termos de Uso Português do Brasil Español English 中文 ‪中文(台灣)‬ 日本語 Comentários Compartilhar Políticas do Fandom Termos de Uso Política de Privacidade Licenciamento Política de Criação de Comunidades Participe! Crie a sua própria wiki e encontre uma comunidade de pessoas que amam o que você ama. Crie uma comunidade Data da última revisão: outubro de 2016 Bem-vindo à Wikia e ao Fandom Powered by Wikia (o 'Serviço' ou 'Site'), operado pela Wikia, Inc. (a 'Empresa'). Ao acessar ou utilizar o serviço, você ('Usuário') indica que leu, entendeu e concorda estar vinculado por estes Termos de uso ('Termos de uso' ou 'Acordo'), sem levar em conta se você é um membro registrado na Wikia. Reservamo-nos o direito, a nosso critério exclusivo, de alterar, modificar, adicionar, ou excluir partes do presente Acordo a qualquer momento e sem aviso prévio. É sua responsabilidade verificar regularmente esta página para determinar se houve alterações a estes Termos de uso e analisar tais mudanças. POR FAVOR LEIA CUIDADOSAMENTE ESTES TERMOS DE USO, POIS ELES CONTÊM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE SEUS DIREITOS LEGAIS, RECURSOS E OBRIGAÇÕES, INCLUINDO MAS NÃO LIMITADOS A LIMITAÇÕES E EXCLUSÕES E A UMA CLÁUSULA DE RESOLUÇÃO DE DISPUTA QUE GOVERNA COMO DISPUTAS SERÃO RESOLVIDAS. Estes Termos de uso aplicam-se igualmente aos membros e não membros. Para utilizar o Serviço, você deve aceitar estes Termos de uso. Você poderá fazer isso (a) registrando para a adesão com o Serviço e/ou Empresa, ou (b) realmente usando o Serviço. Você confirma ter idade legal para formar um contrato com a Empresa, ou ser um menor emancipado, ou ter o consentimento dos pais ou guardião legal e ser totalmente capaz e competente para estabelecer e cumprir com estes Termos de uso. Em qualquer caso, você confirma ter mais de 13 anos e reconhece que o Serviço não se destina para crianças menores de 13 anos de idade. Você não pode usar o Serviço e não pode aceitar os Termos de uso se estiver impedido por lei de usar o Serviço ou aceitar os Termos de uso. Adesão Para utilizar certas partes deste Serviço, você precisará primeiro registrar-se para aderir ao Serviço. Você está proibido de registrar-se para a adesão ao Serviço onde proibido por lei. Além disso, o Serviço é destinado exclusivamente para os usuários maiores de treze (13) anos de idade. Qualquer registro por menores de 13 anos não é autorizado ou licenciado e está em violação do presente Acordo. Ao registrar-se para o Site do Serviço, você declara e garante ser maior de 13 anos e que concorda em cumprir todos os termos e condições deste Acordo. Se você optar registrar-se para a adesão, considerando o seu uso do Site, você concorda em manter a segurança de sua senha e identificação e ser totalmente responsável por todo uso de sua conta e por quaisquer ações realizadas através da sua conta. A Empresa pode encerrar sua conta, excluir seu perfil e qualquer conteúdo ou informação que você postou utilizando o Serviço e/ou proibi-lo de usar ou acessar o Serviço por qualquer ou nenhum motivo, a qualquer momento e a seu exclusivo critério, com ou sem aviso prévio. Propriedade intelectual da Wikia As palavras WIKIA e WIKICITIES são marcas registradas da Companhia nos Estados Unidos. e/ou em outros países. As marcas da empresa não podem ser utilizadas, seja como parte de marcas registradas e/ou como parte de nomes de domínio, em conexão com qualquer produto ou serviço de forma que possa causar confusão. Também não podem ser copiadas, imitadas ou usadas, no todo ou em parte, sem a permissão prévia por escrito da Empresa. Conduta do usuário Você concorda que não usará o serviço de qualquer forma que seja contrária às diretrizes comunitárias da Wikia , que podem ser atualizadas periodicamente. Sem limitar o disposto acima, você também concorda em não usar o Serviço para: Abusar, assediar, ameaçar ou intimidar outros usuários da Wikia. Postar ou transmitir qualquer conteúdo que seja obsceno, pornográfico, abusivo, ofensivo, profano, ou que de outra forma viole qualquer lei ou direito de terceiros. ou conteúdo contendo insultos étnicos, homofobia, intolerância religiosa, ou que incentive conduta criminosa. Tentar representar outro usuário ou pessoa. Postar qualquer conteúdo ilegal ou não autorizado ou utilização para quaisquer fins ilegais ou não autorizados. Postar ou transmitir qualquer comunicação ou solicitação destinada a obter informações de conta ou senha e informações privadas de qualquer usuário da Wikia. Postar, carregar, transmitir, compartilhar ou armazenar publicidade não solicitada ou não autorizada, solicitações, 'spam' ou qualquer outro tipo de solicitação não autorizada. Solicitar informações pessoais de qualquer usuário menor de 18 anos. Violar qualquer lei em sua jurisdição (incluindo mas não limitado a leis de direitos autorais e leis em matéria de conduta online e conteúdo aceitável). ou Postar anúncios ou solicitações de negócios. Você também concorda em: Apenas utilizar os serviços em conformidade com estes Termos de uso e em conformidade com as leis e regulamentos. Manter a confidencialidade de qualquer senha(s) associadas ao uso do Serviço. Notificar a empresa imediatamente em caso de qualquer uso não autorizado de sua conta. Não bloquear, remover, ou obstruir intencionalmente o bom funcionamento e exibição de anúncios, e/ou a interface e funcionalidade do usuário, incluindo mas não limitado a alterar ou adicionar alterações javascript ou CSS ao Serviço que impeçam a exibição adequada da função dos anúncios e/ou da interface e funcionalidade do usuário. Não carregar, postar, transmitir por email ou disponibilizar qualquer material que contenha vírus de software ou qualquer outro código de computador, arquivos ou programas projetados para interromper, destruir, limitar a funcionalidade de ou permitir o acesso não autorizado a qualquer software ou hardware ou a equipamentos de telecomunicações. Não fazer upload, postar, transmitir ou disponibilizar qualquer conteúdo que infrinja qualquer patente, marca, segredo comercial, direitos autorais ou outros direitos proprietários de qualquer parte. Com exceção ao acesso a RSS e a nossa API, em conformidade com as condições do Serviço aplicáveis a tal acesso, você não usará qualquer robô, spider, raspador ou outros meios automatizados para acessar o Site para qualquer finalidade sem a nossa autorização prévia por escrito. Não forjar cabeçalhos, ou manipular identificadores de origem ou tentar disfarçar a origem de qualquer conteúdo disponibilizado através do Serviço. Você não irá: (i) tomar qualquer ação que imponha, ou possa impor a nosso critério, uma carga não razoável ou desproporcionalmente grande sobre a nossa infra-estrutura. (ii) interferir ou tentar interferir com o bom funcionamento do Site ou de quaisquer atividades realizadas no mesmo. ou (iii) ignorar quaisquer medidas que possamos utilizar para evitar ou restringir o acesso ao Site, incluindo robôs para a exclusão de cabeçalhos. ou Não acessar, não coletar ou armazenar dados pessoais de outros usuários em relação à condutas proibidas e atividades descritas nesta seção de 'Conduta de usuário'. Envio de conteúdo para o Site e direitos autorais Você concorda que não usará o Serviço de nenhuma forma contrária às políticas de criação da comunidade Wikia, atualmente encontradas em http://www.wikia.com/Community_Creation_Policy , que podem ser atualizadas periodicamente. [Para maior clareza, regras de licenças diferentes se aplicam ao conteúdo original da Empresa (conforme definido adiante e definido abaixo) do que as se aplicam às comunidades como definido adiante em http://www.wikia.com/licensing .] Você é unicamente responsável pelo conteúdo, incluindo mas não limitado a fotos, informações de perfis, mensagens, comentários, edições de resultados de pesquisa e outros conteúdos que você enviar, publicar ou exibir (doravante, 'submeter') ao ou através do Serviço, ou transmitir ou compartilhar com outros usuários. Você não pode enviar conteúdo que não foi criado por você ou que não tenha permissão para enviar ao Serviço. Você não pode enviar conteúdo incompatível com a licença usada no projeto particular do Serviço ao qual você está enviando o conteúdo. Você entende e concorda que os outros podem, mas não estão obrigados a editar, excluir ou remover (sem aviso prévio) qualquer conteúdo do Serviço, por qualquer ou nenhum motivo. Você também declara e garante possuir as licenças necessárias, direitos, lançamentos, consentimentos e permissões para (a) permitir a Empresa copiar, armazenar, publicar, exibir e distribuir o seu conteúdo através do Serviço e (b) licenciar todos os textos enviados por você nas comunidades Wikia em conformidade com os termos de licenciamento aplicáveis (para mais informações, veja http://www.wikia.com/Licensing ). O site não é e não deve funcionar como um arquivo. Nós não temos nenhuma responsabilidade perante você ou qualquer outra pessoa por perda, dano ou destruição do seu conteúdo. Você é unicamente responsável pelos custos e despesas para criar cópias de backup e por substituir qualquer conteúdo que você publicar, armazenar ou fornecer ao serviço. Quando você publica conteúdo no Site, você autoriza e dirige-nos para fazer cópias da forma que julgarmos necessárias para facilitar a publicação e o armazenamento do conteúdo no Site. Conteúdo original da empresa Artigos e conteúdos que aparecem em fandom.wikia.com ou subdomínios do Fandom ('Site de Conteúdo Original'), que são criados pela Empresa ou por seus colaboradores são de propriedade exclusiva da Empresa e de seus licenciadores ('Conteúdo original da empresa'). Exceto conforme explicitamente previsto neste documento, nada no presente Acordo será considerado para criar uma licença de conteúdo original da Empresa, e você concorda em não vender, licenciar, alugar, modificar, distribuir, copiar, reproduzir, transmitir, publicamente exibir ou executar, publicar, adaptar, editar ou criar trabalhos derivados do conteúdo original da Empresa. Sujeito aos termos e condições deste Acordo, a Empresa oferece-lhe uma licença para usar o conteúdo original da Empresa apenas para seu uso pessoal. A Empresa pode encerrar esta licença a qualquer momento por qualquer ou nenhum motivo. O uso do conteúdo original da Empresa é proibido para qualquer finalidade não expressamente permitida por este Acordo. Podemos oferecer oportunidades para terceiros (incluindo membros da comunidade) apresentarem uma solicitação para oferecer conteúdo original, que a Empresa pode aprovar ou negar a seu critério exclusivo. Se tal conteúdo original for aceito pela Empresa, ele aparecerá no Site de conteúdo original e estará sujeito as regras do conteúdo original da Empresa acima definidas e podem ser convencionadas por um colaborador como parte do processo de aplicação. A Empresa pode também fornecer links para artigos em websites de terceiros a partir do Site de conteúdo original, como descrito abaixo, sob isenções e limitações de responsabilidade. A Empresa não tem controle sobre tais sites e não é responsável pela disponibilidade dos mesmos ou por qualquer conteúdo de tais websites. Conteúdo de mídia O serviço inclui acesso a conteúdo de áudio e/ou vídeo (incluindo vídeos, fotografias, música, gráficos, logotipos, etc.), que foi licenciado para o uso e exibição por terceiros ('conteúdo de mídia'). Tal conteúdo de mídia pode ser acessado através de um player incorporado no Site, que conecta e reproduz o conteúdo hospedado em outros sites ou serviços ('Media Player'). Sem limitar a aplicação de quaisquer outros termos deste acordo, você concorda também que não fará ou tentará fazer qualquer das seguintes ações: tentar baixar, redistribuir, alterar, excluir ou inserir materiais publicitários ou promocionais em qualquer conteúdo de mídia ou em conexão com qualquer Media Player. usar qualquer conteúdo de mídia ou Media Player para fins diferentes do consumo não-comercial, pessoal e exibir tal conteúdo de mídia. tentar burlar, desativar ou interferir com recursos relacionadas à segurança do Serviço ou de qualquer Media Player, incluindo todos os recursos que impedem ou restringem o uso ou a cópia de qualquer conteúdo de mídia. tentar modificar, melhorar, editar, traduzir, adaptar, alterar, fazer engenharia reversa, descompilar, desmontar ou criar trabalhos derivados baseados em qualquer Media Player ou o conteúdo de mídia. tentar licenciar, transferir, transmitir ou atribuir a terceiros qualquer direito de uso ou exibição de conteúdos Media Player ou de mídia, incluindo a comercialização, promoção, exibição, distribuição ou retransmissão dos mesmos. reformatar, otimizar ou personalizar qualquer conteúdo Media Player ou de mídia para exibição, distribuição ou transmissão via quaisquer plataformas, protocolos ou mecanismos de entrega, exceto se expressamente permitido pelo Serviço. Reivindicações de violação de direitos autorais Para reclamações de violação de direitos autorais, entre em contato com o nosso agente designado sob o Digital Millennium Copyright Act: À atenção de: Agente de Direitos Autorais Wikia, Inc. 360 Third Street Suite 750 San Francisco, CA 94107 Consulte http://community.wikia.com/wiki/Special:DMCARequest para obter um modelo do formulário que lhe permitirá preencher os elementos necessários para uma notificação DMCA para a remoção. Você também pode enviar e-mail ao agente designado através de copyright@wikia.com. Por favor, inclua 'Reivindicação de violação de direitos autorais' no assunto do seu e-mail. Para maior clareza, apenas notificações DMCA devem ser encaminhadas ao agente de direitos autorais. Isenções e limitação de responsabilidade Apesar de fornecermos políticas e diretrizes para submissões e conduta do usuário, a Empresa não controla e não se responsabiliza de qualquer forma por qualquer conteúdo de usuário enviado para o serviço. A Empresa não é responsável pelo conteúdo ou conduta, seja online ou offline, de qualquer usuário do Serviço ou qualquer conteúdo de mídia ou outro site ou serviços que possam ser referenciados ou ligados ao Serviço. Por não ter controle sobre tais sites e serviços, você reconhece e concorda que a Empresa não é responsável pela disponibilidade desses sites e serviços externos, não endossa e não é responsável por qualquer conteúdo, propaganda, produtos ou outros materiais presentes ou disponíveis nesses sites ou serviços. Além disso, você reconhece e concorda que a Empresa não será responsabilizada, direta ou indiretamente, por quaisquer danos ou perdas causadas ou alegadamente causadas por ou em conexão com o uso ou confiança em tais conteúdos, produtos ou serviços disponíveis no ou através de tais sites ou serviço. Você entende que estes Termos de uso e nossa Política de privacidade não se aplicam ao uso de tais sites e serviços. Nós encorajamos você a ler os termos e condições e a Política de privacidade de qualquer site de terceiros ou serviço que você visitar quando você deixar o Serviço. Além disso, você entende e reconhece que ao utilizar os Serviços você pode ser exposto a conteúdo que possa considerar ofensivo, indecente ou censurável e que, a este respeito, utiliza os Serviços por sua conta e risco. O serviço é fornecido 'tal qual' e 'SEGUNDO DISPONIBILIDADE'. A Empresa isenta-se de qualquer e todas as representações e garantias, expressas ou implícitas. A Empresa não faz e não pode garantir qualquer resultado específico derivado da utilização do Serviço. VOCÊ RECONHECE QUE USA ESTE SERVIÇO POR SUA CONTA E RISCO. Você concorda em indenizar a Empresa, seus diretores, empregados, proprietários, agentes e usuários de qualquer responsabilidade resultante do uso deste Serviço, de seu conteúdo ou outros materiais nele contidos. Em nenhuma hipótese a Empresa, seus diretores, empregados, proprietários, agentes, ou usuários serão responsáveis perante você ou perante qualquer terceiro por quaisquer danos indiretos, incidentais, consequenciais, especiais ou punitivos, incluindo a perda de lucros, boa fé, ou outras perdas, sejam tangíveis ou intangíveis, decorrentes da sua utilização deste Serviço ou qualquer conteúdo ou outros materiais nele contidos, mesmo que a Empresa tenha sido avisada ou estava ciente da possibilidade de tais danos. Não obstante, para qualquer coisa contrária contida neste documento, a responsabilidade da Empresa por qualquer que seja a causa, e independentemente da forma da ação, será sempre limitada ao montante efetivamente pago por você para usar o serviço, e não deve exceder mil dólares americanos. Você ainda reconhece que, se não existem taxas a serem pagas à Empresa pelo uso do Serviço, você está limitado à medida cautelar apenas e não tem direito à indenização da Empresa independentemente da sua causa de ação. ALÉM DISSO, A EMPRESA NÃO REPRESENTA OU GARANTE QUE (A) O USO DO SERVIÇO ATENDERÁ ÀS SUAS NECESSIDADES, SEJAM ELAS EXPRESSAS OU IMPLÍCITAS. (B) QUALQUER INFORMAÇÃO OBTIDA POR VOCÊ COMO RESULTADO DO USO DOS SERVIÇOS SERÁ LIVRE DE ERRO, EXATO OU CONFIÁVEL. (C) QUE OS ERROS NA FUNCIONALIDADE OU OPERAÇÃO DOS SERVIÇOS SERÃO CORRIGIDOS. Legislação aplicável, local e jurisdição Ao utilizar o Serviço, você concorda e reconhece que o Serviço é hospedado nos Estados Unidos. Se você está tentando acessar o Serviço de um local físico dentro da União Europeia, Ásia, ou qualquer outra região com leis ou regulamentos que regem o uso, divulgação e coleta de dados pessoais que diferem das leis dos Estados Unidos, informamos que através do seu uso continuado do Serviço, você está transferindo informações pessoais para os Estados Unidos e concorda com (a) tal transferência, (b) a aplicação da legislação do estado da Califórnia, sem levar em conta princípios de conflitos de leis que regem estes termos de uso e qualquer disputa de qualquer tipo que possa surgir entre você e a Empresa ou qualquer de nossas afiliadas. Você concorda em não iniciar ou processar qualquer ação em relação ao seu uso destes Serviços, exceto no estado e tribunais federais da Califórnia, e você por este meio consente e renuncia a todas as defesas de falta de jurisdição pessoal e forum non conveniens em relação ao foro competente e jurisdição do estado e dos tribunais federais da Califórnia. Outros termos e condições Estes Termos de uso, juntamente com a Política de privacidade, termos de licenciamento, política de criação e diretrizes de comunidade Wikia, como referenciado no presente documento, constituem o acordo inteiro entre você e a Empresa em relação ao uso do Serviço e substituem completamente quaisquer acordos prévios entre você e a Empresa relativas a utilização do Serviço. Se a tradução destes Termos de uso diferir da versão em língua inglesa, a versão em língua inglesa prevalece. Se a Empresa não exercer ou executar qualquer direito, recurso ou provisão destes Termos de uso, isto não constituirá uma renúncia de tal direito ou disposição nessa ou qualquer outra instância. Se qualquer disposição deste Acordo for considerada inválida, o restante deste contrato continuará a ser válido e exeqüível em pleno vigor e efeito. Se qualquer disposição destes Termos de uso for considerada ilegal, nula ou por qualquer razão inaplicável, por qualquer magistrado de jurisdição competente, a provisão será então considerada separável destes Termos de uso e não prejudica a validade e exequibilidade de quaisquer disposições restantes. de:Nutzungsbedingungen Disponível em ' http://pt-br.wikia.com/wiki/Termos_de_Uso?oldid=153 ' Interferência de bloqueador de anúncios detectada! A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado. Categorias : Termos de Uso Políticas Idiomas: English Español 中文 ‪中文(台灣)‬ 日本語 Explorar Wikis Siga-nos Visão geral Sobre Carreiras Imprensa Contato Wikia.org Termos de uso Política de privacidade Mapa do site global Mapa do site local Comunidade Central da Comunidade Suporte Pontuação WAM Ajuda Não consegue encontrar uma comunidade que você ama? Crie a sua própria e comece algo épico. Começar uma wiki Apps da comunidade Leve seus fandoms favoritos com você e fique por dentro de tudo Anuncie Kit de Imprensa Wikia Brasil é uma comunidade Fandom Livros. O conteúdo está disponível sob CC-BY-SA . Sci-Fi Women Fantasy Food Last Jedi Cake



https://plone.ufrgs.br/alcar/encontros-nacionais-1/encontros-regionais/sul/5o-encontro-2014
  5º Encontro - 2014 — Página Inicial Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação Seções Página Inicial Sobre a Alcar História Memória Datas e Eventos Textos Galeria de fotos Sites da Alcar Diretoria Filiação Grupos Temáticos Convênios Convênio AHC Anais Encontros Nacionais 1º Encontro - 2003 2º Encontro - 2004 3º Encontro - 2005 4º Encontro - 2006 5º Encontro - 2007 6º Encontro - 2008 7º Encontro - 2009 ... Jornalismo GT – História da Publicidade e da Comunicação Institucional GT – História da Mídia Digital GT – História da Mídia Impressa GT História da Mídia Sonora GT História das Mídias Audiovisuais GT- História da Mídia Visual GT – História da Mídia Alternativa GT Historiografia da Mídia Encontros ... Alcar 2018 Contato Info 5º Encontro - 2014 O 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar ... Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos CACHE

5º Encontro - 2014 — Página Inicial Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação Seções Página Inicial Sobre a Alcar História Memória Datas e Eventos Textos Galeria de fotos Sites da Alcar Diretoria Filiação Grupos Temáticos Convênios Convênio AHC Anais Encontros Nacionais 1º Encontro - 2003 2º Encontro - 2004 3º Encontro - 2005 4º Encontro - 2006 5º Encontro - 2007 6º Encontro - 2008 7º Encontro - 2009 8º Encontro - 2011 9º Encontro - 2013 10º Encontro - 2015 11º Encontro - 2017 GT – História do Jornalismo GT – História da Publicidade e da Comunicação Institucional GT – História da Mídia Digital GT – História da Mídia Impressa GT História da Mídia Sonora GT História das Mídias Audiovisuais GT- História da Mídia Visual GT – História da Mídia Alternativa GT Historiografia da Mídia Encontros Regionais Centro-Oeste 1º Encontro - 2012 3º Encontro - 2016 Nordeste 2º Encontro - 2012 3º Encontro - 2014 4º Encontro - 2016 Norte 1º Encontro - 2010 2º Encontro - 2012 3º Encontro - 2014 4º Encontro - 2016 Sudeste 1º Encontro - 2010 2º Encontro - 2012 3º Encontro - 2014 1º Encontro / RJ 4º Encontro - 2016 Sul 1º Encontro - 2007 2º Encontro - 2008 3º Encontro - 2010 5º Encontro - 2014 6º Encontro - 2016 Publicações Jornal Alcar Revista Livros Núcleos Regionais Norte Nordeste Centro-Oeste Sudeste Sul Prêmio Prêmio JMM 2011 Regulamento Geral Premiados Prêmio JMM 2013 Regulamento Geral Premiados Prêmio JMM 2015 Regulamento Geral Premiados Prêmio JMM 2017 Regulamento Geral Premiados Regionais Alcar 2018 Contato Info 5º Encontro - 2014 O 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul aconteceu na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. GT 1 – História do Jornalismo Lista de artigos apresentados no GT 1 – História do Jornalismo no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… GT 2 - História da Publicidade e da Comunicação Institucional Lista de artigos apresentados no GT 2 - História da Publicidade e da Comunicação Institucional no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… GT 3 – História da Mídia Impressa Lista de artigos apresentados no GT 3 – História da Mídia Impressa no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… GT 4 – História da Mídia Sonora Lista de artigos apresentados no GT 4 – História da Mídia Sonora no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… GT 5 – História da Mídia Audiovisual e Visual Lista de artigos apresentados no GT 5 – História da Mídia Audiovisual e Visual no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… GT 6 – História da Mídia Digital Lista de artigos apresentados noGT 6 – História da Mídia Digital no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… GT 7 – História da Mídia Alternativa Lista de artigos apresentados GT 7 – História da Mídia Alternativa no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… GT 8 - Historiografia da Mídia Lista de artigos apresentados no GT 8 – Historiografia da Mídia no 5º Encontro Regional Sul de História da Mídia – Alcar Sul, realizado na UFSC em Florianópolis, Santa Catarina, nos dias 27 e 28 de março de 2014. Leia mais… Ações do documento Send this Buscar Busca Avançada… ALCAR - Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia E-mail: alcar@ufrgs.br Mapa do Site Acessibilidade Criação



http://br.motorsport.com/info/contact/
  Contato | Informações corporativas | Motorsport.com Brasil Edição: Brasil Edition: Global Edición: Latinoamérica Версия: Россия Édition: France Edition: USA En Es Edition: India Edition: Australia Edizione: Italia Edition: Canada النسخة: الشرق الأوسط 版本: 中文 Ausgabe: Deutschland Ausgabe: Schweiz De Fr It Editie: Nederlands Edición: España Edition: 日本 EDİSYON: Türkİye Версія: Україна Kiadás: Magyarország ... Paulo - SP Brazil Telefone +55 119 834 615 84 Informações gerais br.info@motorsport.com Mídia e ... br.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Sede Global Endereço 5972 ... Mídia e perguntas da imprensa press@motorsport.com Inquéritos de publicidade adsales@motorsport.com Web site www.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social França Endereço ... @motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa fr.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade fr.adsales CACHE

Contato | Informações corporativas | Motorsport.com Brasil Edição: Brasil Edition: Global Edición: Latinoamérica Версия: Россия Édition: France Edition: USA En Es Edition: India Edition: Australia Edizione: Italia Edition: Canada النسخة: الشرق الأوسط 版本: 中文 Ausgabe: Deutschland Ausgabe: Schweiz De Fr It Editie: Nederlands Edición: España Edition: 日本 EDİSYON: Türkİye Версія: Україна Kiadás: Magyarország Edisi: Indonesia Sobre Nós Equipe Imprensa Publicidade Junte-se à equipe Legal Conditions d'utilisation Membership agreement Copyright Politique de confidentialité Política de Cookies Contato Feedback Apps Mais Observe que nosso udou. Ao continuar neste site, você reconhece ter lido e concordado com os termos do tualizado. Aceitar Cadastre-se Registre-se Cadastre-se Facebook Connect   Edição: Brasil Selecione a língua Sobre Nós Motorsport Network Motorspotr.com TV Motor1.com Motorstore.com Motorstore.com Motorsport.com Sobre Nós Equipe Imprensa Publicidade Junte-se à equipe Legal Conditions d'utilisation Membership agreement Copyright Politique de confidentialité Política de Cookies Contato Feedback Apps Mais All Series All Series Notícias Fotos Vídeos Calendário Resultados Classificação Pilotos Equipes Motorsport TV FÓRMULA 1 Fórmula 1 Notícias Fotos Vídeos Calendário Resultados Classificação Pilotos Equipes Motorsport TV INDYCAR IndyCar Notícias Fotos Vídeos Calendário Resultados Classificação Pilotos Equipes Motorsport TV STOCK CAR Stock Car Brasil Brasileiro de Turismo Brasileiro de Marcas FÓRMULA E Fórmula E Notícias Fotos Vídeos Calendário Resultados Classificação Pilotos Equipes Motorsport TV MOTOS MotoGP Notícias Fotos Vídeos Calendário Resultados Classificação Pilotos Equipes Motorsport TV FÓRMULAS FIA F2 F3 Europe Fórmula V8 3.5 Fórmula 3 Brasil ENDURANCE WEC Le Mans IMSA MAIS WRC DTM NASCAR Cup Porsche Fórmula Truck Listar todas as categorias Mais Escritórios Motorsport.com ao redor do mundo Brasil Endereço Av. Paulista, suite 807 - Bela Vista São Paulo - SP Brazil Telefone +55 119 834 615 84 Informações gerais br.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa br.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade br.adsales@motorsport.com Web site br.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Sede Global Endereço 5972 NE 4th Avenue Miami, FL 33137 USA Telefone +1 305 507 87 99 Informações gerais info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa press@motorsport.com Inquéritos de publicidade adsales@motorsport.com Web site www.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social França Endereço 68 Rue Chanzy 72000 Le Mans France Telefone +33 0243 18 92 63 Informações gerais fr.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa fr.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade fr.adsales@motorsport.com Web site fr.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Rússia Endereço Bagrationovskiy Proezd, 7, housing 20V, 4 floor, office 408 Moscow Telefone +7 495 653 82 72 Informações gerais ru.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa ru.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade ru.ad@motorsport.com Web site ru.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social América Latina Endereço Av Eugenia 831, suite 404 Del Valle Centro, Benito Juárez 03100 Cd de México, D.F. Mexico Telefone +52 155 435 979 67 Informações gerais lat.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa lat.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade lat.adsales@motorsport.com Web site lat.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Itália Endereço Viale della Piramide Cestia, 1/C 00153 Roma Italy Telefone +39 069 799 37 00 Informações gerais it.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa it.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade it.adsales@motorsport.com Web site it.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Reino Unido Endereço 1 Eton Street, Richmond Surrey TW9 1EF Telefone +44 (0) 203 405 81 00 Informações gerais uk.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa uk.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade uk.adsales@motorsport.com Índia Endereço 15th Floor, Dev Corpora, Pokhran Road No.1, Eastern Express Highway, Thane - 400601, Maharashtra Telefone +91 226 700 49 43 Informações gerais in.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa in.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade in.adsales@motorsport.com Web site in.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Austrália Endereço 11 Queens Road, Level 5 Melbourne, VIC 3004 Australia Telefone +61 38 530 70 49 Informações gerais au.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa au.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade au.adsales@motorsport.com Web site au.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Oriente Médio Endereço Jounié, Haret Sakher highway, Richa blg, 2nd floor Lebanon Telefone +961 761 205 46 Informações gerais me.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa me.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade me.adsales@motorsport.com Web site me.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social China Endereço 1701-03 Reignwood Centre No. 8 Yongandongli Beijing, China Telefone +86 108 528 86 88 Informações gerais cn.info@motorsport.cn Mídia e perguntas da imprensa cn.press@motorsport.cn Inquéritos de publicidade cn.adsales@motorsport.cn Web site cn.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Alemanha Endereço 3 Shortlands suite 304B London W6 8DA Great Britain Telefone +44 203 609 88 06 Informações gerais de.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa de.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade de.adsales@motorsport.com Web site de.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Holanda Endereço 3 Shortlands, suite 328 London W6 8DA United Kingdom Telefone +44 203 609 88 06 Informações gerais nl.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa nl.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade nl.adsales@motorsport.com Web site nl.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Estados Unidos Endereço 5972 NE 4th Avenue Miami, FL 33137 USA Telefone +1 305 507 87 99 Informações gerais us.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa us.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade us.adsales@motorsport.com Web site www.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Canadá Endereço 5972 NE 4th Avenue Miami, FL 33137 USA Telefone +1 305 507 87 99 Informações gerais ca.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa ca.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade ca.adsales@motorsport.com Web site www.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Espanha Endereço Campus Tribeca Ctra. Fuencarral, 44 Edificio 3, Loft 18 28108 Alcobendas (Madrid) España Informações gerais es.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa es.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade es.adsales@motorsport.com Web site es.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Japão Endereço 1-24-1 Hongo Bunkyo-ku Tokyo 113-8524 Japan Telefone +81 (0)3 5805 0175 Informações gerais jp.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa jp.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade jp.adsales@motorsport.com Web site jp.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Turquia Endereço Barbaros Hayrettin Paşa Mh. 1992 Sk. No: 14/70 E 5 üzeri Cumhuriyet Mahallesi Metrobüs Durağı Yanı Esenyurt, İSTANBUL – TÜRKİYE 34517 Telefone +90 212 853 88 89 Informações gerais tr.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa tr.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade tr.adsales@motorsport.com Web site tr.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Hungria Endereço 6728 Szeged, Bajai út 2/a Telefone +36-62-310-399 Informações gerais hu.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa hu.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade hu.adsales@motorsport.com Web site hu.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Ucrânia Endereço Vokzalnaya square, 2N Dnipro, 49000 Ukraine Informações gerais ua.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa ua.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade ua.adsales@motorsport.com Web site ua.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Indonésia Endereço The Vida Tower, 7th floor Jl. Raya Perjuangan No. 8 Kebon Jeruk, Jakarta Barat 11530 Indonesia Telefone +1 305 507 87 99 Informações gerais id.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa id.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade id.adsales@motorsport.com Web site id.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Hispanic Endereço Av Eugenia 831, suite 404 Del Valle Centro, Benito Juárez 03100 Cd de México, D.F. Mexico Telefone +52 155 435 979 67 Informações gerais espanol.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa espanol.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade espanol.adsales@motorsport.com Web site espanol.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Suíça Endereço WTC World Trade Center Lugano LuganoStraße 16 6982 Agno Schweiz Telefone +41 91 604 52 09 Informações gerais ch.info@motorsport.com Mídia e perguntas da imprensa ch.press@motorsport.com Inquéritos de publicidade ch.adsales@motorsport.com Web site ch.motorsport.com ch-fr.motorsport.com ch-it.motorsport.com Deixar classificação Formulário de feedback Mídia social Polônia III trimestre 2017 Volte ao topo © 2017 Motorsport Network. Todos os direitos reservados



http://intervozes.org.br/tag/midia-livre/
  Mídia Livre | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos Articulações Biblioteca Campanhas Contribua Mobilize Campanhas Ações Judiciais Últimas Notícias Twitter Agenda Mídia Livre 0 Entidades denunciam cancelamento de audiência pública sobre violência contra comunicadores Por Intervozes em 31 de outubro de 2017 Nesta sexta-feira (27), oito entidades que compõem a Comissão ... Mídia Livre | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos Articulações ... Mídia Livre 0 Entidades denunciam cancelamento de audiência pública sobre violência contra ... , Direito à Comunicação , Liberdade de Expressão , Mídia Livre 0 Encontro no Rio discute Comunicação ... acontece, na PUC Rio, o Encontro Mídia Livre. O evento, organizado por estudantes de… Continue lendo ... , Liberdade de Expressão , Mídia Livre , Participação Popular , Políticas de Comunicação , Regulação da CACHE

Mídia Livre | Intervozes Intervozes rss Twitter Facebook Flickr Quem Somos Projetos Articulações Biblioteca Campanhas Contribua Mobilize Campanhas Ações Judiciais Últimas Notícias Twitter Agenda Mídia Livre 0 Entidades denunciam cancelamento de audiência pública sobre violência contra comunicadores Por Intervozes em 31 de outubro de 2017 Nesta sexta-feira (27), oito entidades que compõem a Comissão Permanente de Direito à Comunicação e Liberdade de Expressão, vinculada ao… Continue lendo » Categorias: Destaques , Nota Pública , Notícias Tags: Cidadania , Comunicação Popular , Democracia , Direito à Comunicação , Liberdade de Expressão , Mídia Livre 0 Encontro no Rio discute Comunicação, direitos humanos e novas tecnologias Por Intervozes em 5 de setembro de 2017 De 12 a 14 de setembro acontece, na PUC Rio, o Encontro Mídia Livre. O evento, organizado por estudantes de… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Democracia , Direito à Comunicação , Direitos Humanos , Liberdade de Expressão , Mídia Livre , Participação Popular , Políticas de Comunicação , Regulação da Mídia 1 Intervozes participa de encontro de midiativistas da América Latina Por Intervozes em 2 de junho de 2017 Comunicadores do Chile, Argentina, Uruguai e Brasil estão reunidos em Buenos Aires por três dias para discutir comunicação e realizar… Continue lendo » Categorias: Destaques , Notícias Tags: Comunicação Popular , Comunicação Pública , Democracia , Democratização da Comunicação , Direito à Comunicação , Mídia Livre 0 O Rio vai reunir a mídia livre, por uma outra comunicação. Participe! Por Intervozes em 13 de junho de 2012 Durante a Cúpula dos Povos, evento paralelo à Rio+20, ativistas e entidades da sociedade civil se reunirão para discutir o… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: Direito à Comunicação , Mídia Livre , Políticas Públicas 0 Fórum de Mídia Livre pauta a comunicação independente Por Intervozes em 23 de janeiro de 2012 Nos dias 27 e 28 de janeiro, durante o Fórum Social Temático de Porto Alegre, ocorrerá a terceira edição do… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: Internet , Mídia Livre 0 Observatório do Direito à Comunicação recebe prêmio do MinC Por Intervozes em 19 de maio de 2009 Iniciativa ficou em quinto lugar na premiação que busca valorizar iniciativas de mídia livre no Brasil. Intervozes e equipe do… Continue lendo » Categorias: Notícias Tags: Direito à Comunicação , Mídia Livre Entre em contato! Endereços Rua Rego Freitas, 454 Cj 92 - 9º andar República • 01220-010 São Paulo • SP Brasil +55 11 3877 0824 Copyleft Intervozes - Coletivo Brasil de Comunicação Social Desenvolvido por com



http://tvcultura.com.br/videos/26831_vitrine-musica-no-metro.html
  Vitrine - Música no Metrô Fundação Padre Anchieta Fundação Padre Anchieta Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura. uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum. e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM. CENTRO ... Vitrine - Inglês com música Vitrine - Online com Ricardo Gandour Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - MediaOn Vitrine - Publicidade com Estrelas Vitrine - Kinect Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Bancas de Jornal Vitrine - Solidão e Fé Vitrine - Revistas de Livraria ... Vitrine - Parar de Fumar dá Trabalho Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Laurie Anderson Vitrine - Alexandre Hohagen Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Exposição Akira Kurosawa Vitrine - Tá CACHE

Vitrine - Música no Metrô Fundação Padre Anchieta Fundação Padre Anchieta Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura. uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum. e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM. CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 11.544 CEP 05036-900 São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000 Comercial Trabalhe Conosco Cobertura Central de Relacionamento Editais SIC Televisão TV Cultura TV Rá-Tim-Bum MultiCultura Univesp TV Rádio Cultura FM Cultura Brasil X Menu Busca TV Cultura X Buscar menu X Programas Grade Acontece Ao Vivo Vitrine - Thiago Lacerda Vitrine - Inglês com música Vitrine - Online com Ricardo Gandour Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - MediaOn Vitrine - Publicidade com Estrelas Vitrine - Kinect Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Bancas de Jornal Vitrine - Solidão e Fé Vitrine - Revistas de Livraria Vitrine - Encontro de Blogueiros Vitrine - Ivete Sangalo na Publicidade Vitrine - Pixel Show Vitrine - Parar de Fumar dá Trabalho Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Laurie Anderson Vitrine - Alexandre Hohagen Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Exposição Akira Kurosawa Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Britto Jr. Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Ciência e TV Vitrine - Música no Metrô Entre uma estação e outra do Metrô, o público pôde conferir música ao vivo da melhor qualidade. O Vitrine é um programa da Tv Cultura. Mais informações em: http://www.tvcultura.com.br/vitrine Compartilhe   Fundação Padre Anchieta Comercial Trabalhe Conosco Cobertura Central de Relacionamento Editais SIC Televisão TV Cultura TV Rá-Tim-Bum MultiCultura Univesp TV Rádio Cultura FM Cultura Brasil ©1996 - 2016 Fundação Padre Anchieta



http://tvcultura.com.br/videos/27595_vitrine-sao-paulo-na-musica.html
  Vitrine - São Paulo na Música Fundação Padre Anchieta Fundação Padre Anchieta Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura. uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum. e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM. ... - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - MediaOn Vitrine - Publicidade com Estrelas Vitrine - Kinect Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Bancas de Jornal Vitrine - Solidão e Fé ... Publicidade Vitrine - Pixel Show Vitrine - Parar de Fumar dá Trabalho Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Laurie Anderson Vitrine - Alexandre Hohagen Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Exposição Akira Kurosawa Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na CACHE

Vitrine - São Paulo na Música Fundação Padre Anchieta Fundação Padre Anchieta Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura. uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum. e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM. CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 11.544 CEP 05036-900 São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000 Comercial Trabalhe Conosco Cobertura Central de Relacionamento Editais SIC Televisão TV Cultura TV Rá-Tim-Bum MultiCultura Univesp TV Rádio Cultura FM Cultura Brasil X Menu Busca TV Cultura X Buscar menu X Programas Grade Acontece Ao Vivo Vitrine - Thiago Lacerda Vitrine - Inglês com música Vitrine - Online com Ricardo Gandour Vitrine - Música no Metrô Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - MediaOn Vitrine - Publicidade com Estrelas Vitrine - Kinect Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Bancas de Jornal Vitrine - Solidão e Fé Vitrine - Revistas de Livraria Vitrine - Encontro de Blogueiros Vitrine - Ivete Sangalo na Publicidade Vitrine - Pixel Show Vitrine - Parar de Fumar dá Trabalho Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Laurie Anderson Vitrine - Alexandre Hohagen Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Exposição Akira Kurosawa Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - Britto Jr. Vitrine - Tá na Mídia Vitrine - São Paulo na Música As músicas que cantam a cidade de São Paulo na pesquisa do jornalista Assis Ângelo. O Vitrine é um programa da Tv Cultura. Mais informações em: http://www.tvcultura.com.br/vitrine Compartilhe   Fundação Padre Anchieta Comercial Trabalhe Conosco Cobertura Central de Relacionamento Editais SIC Televisão TV Cultura TV Rá-Tim-Bum MultiCultura Univesp TV Rádio Cultura FM Cultura Brasil ©1996 - 2016 Fundação Padre Anchieta



http://grupodemidiarj.com.br/anuncie/
  Anuncie | Grupo de Mídia »login do mídia Menu Home Grupo Notícias Cursos, Concursos e Eventos Banco de Mídias Fotos Vídeos Anuncie Cadastro Contato Anuncie Aqui você vai conhecer os principais produtos e plataformas do Grupo de Mídia e ver como pode estar presente no dia a dia dos mídias junto com a gente. Se você quer falar com esse mercado, chegou ao lugar certo. Faça o download da apresentação ... Anuncie | Grupo de Mídia »login do mídia Menu Home Grupo Notícias Cursos, Concursos e Eventos ... produtos e plataformas do Grupo de Mídia e ver como pode estar presente no dia a dia dos mídias junto com ... comerciais, são: Concurso Universitário Mix de Mídia Fórum Internacional de Mídia Festa do Dia do Mídia GMRJ in Cannes 2013 Social do Mídia Curso de Excel Avançado com Foco em Mídia Site do Grupo Mailing ... Mídia do Rio de Janeiro celebra os 45 anos... Próximo Mix de Mídia será... A plataforma de mídia em CACHE

Anuncie | Grupo de Mídia »login do mídia Menu Home Grupo Notícias Cursos, Concursos e Eventos Banco de Mídias Fotos Vídeos Anuncie Cadastro Contato Anuncie Aqui você vai conhecer os principais produtos e plataformas do Grupo de Mídia e ver como pode estar presente no dia a dia dos mídias junto com a gente. Se você quer falar com esse mercado, chegou ao lugar certo. Faça o download da apresentação dos pacotes comerciais e entre em contato com a gente. As propriedades apresentadas, com cotas comerciais, são: Concurso Universitário Mix de Mídia Fórum Internacional de Mídia Festa do Dia do Mídia GMRJ in Cannes 2013 Social do Mídia Curso de Excel Avançado com Foco em Mídia Site do Grupo Mailing GMRJ Apoio ••• Notícias ••• Mais MARCO ZERO DISCUTE O FUTURO... Evento promovido pelo Grupo de Mídia do Rio de Janeiro celebra os 45 anos... Próximo Mix de Mídia será... A plataforma de mídia em mobiliário urbano, Otima, será a patrocinadora... Próximo Mix de Mídia terá... Prepare-se para uma profunda reflexão sobre o espaço da mulher na atual... Curso sinapse –... Expanda seus conhecimentos com o Curso sinapse - conceitos de Mídia On e... Mix de Mídia – It´s... Nielsen Consumer Neuroscience participará do próximo Mix de Mídia, no... Mix de Mídia – In Loco... In Loco Media participa do Mix de Mídia, no Rio de Janeiro Companhia... Mais Fotos ••• Zoom in Zoom in Zoom in Zoom in Zoom in Zoom in Publicidade ••• Newsletter ••• Cadastre-se (obrigatório) Sobrenome (obrigatório) Outros Outros Anunciante Veículos Mercado Estudante Midia Email (email válido obrigatório) cforms contact form by delicious:days Nome e-mail Sobrenome segmento Receber e-mail? receber não receber Tweets by @grupodemidia Grupo Notícias Cursos, Concursos e Eventos Banco de Mídias Fotos Vídeos Anuncie Cadastro Contato Copyright 2018 Grupo de Mídia do RJ - Tel 21 3392.1478 - contato@grupodemidiarj.com.br



https://games.mercadolivre.com.br/games/sky
  Sky - Games no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em Games Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games sky 641 resultados Organizar anúncios Mais relevantes Mais relevantes Menor preço Maior preço Categorias Video Games (502) PlayStation (77) Nintendo (23) Fliperama (8) ... vendidos - São Paulo R$ 66 12x R$ 6 27 No Mans Sky Em Português Mídia Física Lacrado Ps4 3 26 ... $ 70 12x R$ 5 83 sem juros Jogo No Man's Sky - Playstation 4 - Ps4 - Mídia Física 2 12 vendidos - Rio ... R$ 8 33 sem juros Jogo Mídia Física Ficção Cientifica No Mans Sky Play Ps4 5 29 vendidos - Minas ... juros Jogo No Man S Sky - Playstation 4 - Mídia Física por Iniciativa Vertical 5 vendidos - Espírito Santo R$ 73 12x R$ 6 93 Mídia Física Exist Archive The Other Side Of The Sky Ps4 8 vendidos - Rio de CACHE

Sky - Games no Mercado Livre Brasil Mercado Livre Brasil - Onde comprar e vender de Tudo Cadastre-se Entre Contato Vender null Somente em Games Buscar Categorias Ofertas da semana Lojas oficiais Seu histórico Suas compras Vender Games sky 641 resultados Organizar anúncios Mais relevantes Mais relevantes Menor preço Maior preço Categorias Video Games (502) PlayStation (77) Nintendo (23) Fliperama (8) Xbox (7) Outros Consoles (24) Pagamento Sem juros (221) Condição Novo (372) Usado (259) Localização São Paulo (282) Rio de Janeiro (110) Minas Gerais (59) Paraná (59) Rio Grande do Sul (28) Distrito Federal (18) Ceará (13) Espírito Santo (12) Santa Catarina (12) Ver todos Escolher Localização a Amazonas (1) b Bahia (8) c Ceará (13) d Distrito Federal (18) e Espírito Santo (12) g Goiás (11) m Maranhão (3) Mato Grosso (1) Mato Grosso do Sul (3) Minas Gerais (59) p Paraná (59) Paraíba (1) Pará (2) Pernambuco (2) r Rio Grande do Norte (2) Rio Grande do Sul (28) Rio de Janeiro (110) s Santa Catarina (12) Sergipe (4) São Paulo (282) Não encontramos localização que coincidam com a sua busca. Preço Até R$40 (213) Mais de R$90 (218) R$40 a R$90 (210) Lojas oficiais Envio Frete grátis (140) Mercado Envios (503) Descontos Mais de 20% off (2) Mais de 40% off (1) Mais especificações Melhores vendedores (118) Anunciados hoje (4) Publicidade Anuncie aqui R$ 1 Sky War Premium Point 2462 vendidos - Santa Catarina R$ 335 12x R$ 31 82 Sky 3ds Plus, 3ds Xl , 2ds Original Novo - Pronta Entrega 6 56 vendidos - São Paulo R$ 66 12x R$ 6 27 No Mans Sky Em Português Mídia Física Lacrado Ps4 3 26 vendidos - São Paulo R$ 10 My Sims Sky Heroes Ps3 Lacrado Pronta Entrega 1 25 vendidos - Rio de Janeiro R$ 10 2x R$ 5 sem juros Hack Summoners War Sky Arena V3.7.8 Promoção 22 vendidos - Santa Catarina R$ 70 12x R$ 5 83 sem juros Jogo No Man's Sky - Playstation 4 - Ps4 - Mídia Física 2 12 vendidos - Rio de Janeiro R$ 60 12x R$ 5 sem juros No Man´s Sky Ps4 Midia Física Novo 100% Em Português 9 vendidos - Minas Gerais R$ 8 Sky Force Anniversary Psn Ps3 - Midia Digital 12 vendidos - Ceará R$ 25.000 12x R$ 2.083 sem juros Pro Evolution Soccer 2012 Melhor Da Série E Do Pc São Paulo Publicidade R$ 100 12x R$ 8 33 sem juros Jogo Mídia Física Ficção Cientifica No Mans Sky Play Ps4 5 29 vendidos - Minas Gerais R$ 99 12x R$ 8 25 sem juros No Man's Sky - Ps4 por Saraiva 15 vendidos - São Paulo R$ 35 6x R$ 5 83 sem juros Wow Montaria - Golem Celeste / Sky Golem 27 vendidos - Minas Gerais R$ 65 12x R$ 5 41 sem juros No Man's Sky Ps4 100% Português Lacrado No Mans Sky 8 vendidos - Minas Gerais R$ 298 12x R$ 28 31 Sky 3ds Plus Original - Pronta Entrega Usado - São Paulo R$ 11 Cabo Hdmi X Hdmi Ps3 Xbox 360 Tv Led Lcd 3d 1080 Sky Neet 3 74 vendidos - Rio de Janeiro R$ 80 R$ 149 46% OFF 12x R$ 6 66 sem juros Jogo No Man S Sky - Playstation 4 - Mídia Física por Iniciativa Vertical 5 vendidos - Espírito Santo R$ 73 12x R$ 6 93 Mídia Física Exist Archive The Other Side Of The Sky Ps4 8 vendidos - Rio de Janeiro R$ 34 Atelier Escha Logy Alchemists Of The Dusk Sky Ps3 Envio Já 6 vendidos - São Paulo R$ 20 Promoção! Atelier Escha & Logy: Alchemist Of Dusk Sky Ps3!! 53 vendidos - São Paulo R$ 25 4x R$ 6 25 sem juros Jogo Ps3 My Sims Sky Heroes Original Mídia Física 2 vendidos - São Paulo R$ 84 12x R$ 6 99 sem juros No Mans Sky Ps4 Mídia Física Em Português + Brinde 4 51 vendidos - Paraná R$ 78 12x R$ 7 40 Playerunknown's Battlegrounds (pugb) Mídia Digital Xbox One 5 vendidos - Minas Gerais Publicidade R$ 188 12x R$ 17 86 Skylanders Superchargers Racing Sky Pack Astroblast 9 vendidos - Paraná R$ 71 12x R$ 5 92 sem juros No Man's Sky - Ps4 - Disco Fisico 3 vendidos - São Paulo R$ 117 R$ 129 9% OFF 12x R$ 9 74 sem juros No Mans Sky Ps4 Mídia Física Nova Lacrada 4 27 vendidos - São Paulo R$ 8 Revista Fullgames: Stalker Clear Sky Para Pc 1 19 vendidos - Rio de Janeiro R$ 3 S.t.a.l.k.e.r.: Clear Sky Gog Cd-key Global 3 vendidos - São Paulo R$ 18 Game Jogo Nintendo Ds B-17 Fortress In The Sky Original Novo 4 vendidos - Minas Gerais R$ 100 12x R$ 9 50 No Man´s Sky Ps4 Mídia Física 2 vendidos - Espírito Santo R$ 7 No Man's Sky Ps4 Psn 10 Dias Secundário 7 vendidos - Minas Gerais R$ 70 12x R$ 5 83 sem juros No Man's Sky Ps4 { ** Midia / Digital ** } 5 vendidos - Espírito Santo R$ 70 12x R$ 6 65 Jogo No Man's Sky - Playstation 4 - Ps4 1 vendido - Rio de Janeiro R$ 24 Sky Force Anniversary Xbox One Código 25 Dígitos 2 vendidos - Espírito Santo R$ 30 5x R$ 6 sem juros Hifi Active Sky 2016 Para P3dv3e P3dv4 3 vendidos - Minas Gerais R$ 15 3x R$ 5 sem juros Star Wars Battlefront 2 - Xbox One - Midia Digital 1 vendido - Pará Publicidade R$ 8 Sky Force Anniversary - Psn Ps3 - Hometeky Games 13 vendidos - Sergipe R$ 12 2x R$ 6 25 sem juros Cabo De Audio E Video Para Sky/net S14 Dim/rca 9 vendidos - Rio de Janeiro R$ 90 12x R$ 7 50 sem juros Rodea The Sky Soldier - Wii U- Mídia Física - Novo - Lacrado 1 vendido - São Paulo R$ 65 12x R$ 5 42 sem juros No Mans Sky Ps4 Mídia Física Lacrado 2 vendidos - São Paulo R$ 130 12x R$ 12 35 Exist Archive The Other Side Of The Sky Ps Vita Frete Grátis 2 vendidos - Rio de Janeiro R$ 199 12x R$ 18 90 Exist Archive The Other Side Of The Sky - Ps4 - Novo Lacrado 3 vendidos - São Paulo R$ 60 Jogo Mídia Física Ficção Cientifica No Mans Sky Play Ps4 1 vendido - Bahia R$ 55 No Man's Sky Playstation 4 - Midia Fisica Semi Novo Usado - São Paulo R$ 39 No Man's Sky Pc Dublado ( Mídia Física / Dvd ) Aventura Game Usado - São Paulo R$ 197 12x R$ 18 71 Skylanders Superchargers - Sky Racing Action Pack - Light 1 vendido - Rio Grande do Norte R$ 8 Sky Force Anniversary | Psn P/ps3 Mídia Digital 2 vendidos - Ceará R$ 85 12x R$ 8 07 No Man's Sky - Ps4 - Mídia Física - Novo 1 vendido - Minas Gerais R$ 49 No Man´s Sky (mídia Física 100% Pt-br) - Ps4 (usado) Usado - São Paulo R$ 40 Active Sky Para Microsoft Flight Simulator X E Fs9 1 vendido - Minas Gerais R$ 339 12x R$ 28 25 sem juros Mini Game & Watch 3d Sky Duel Da Tandy Game Raro Decada 80 Usado - São Paulo R$ 80 12x R$ 6 66 sem juros No Man's Sky - Ps4 - Mídia Física Lacrado 1 vendido - São Paulo 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Mais informações Sobre o Mercado Livre Investor relations Mapa do site Tendências Outros sites Desenvolvedores Mercado Pago Mercado Envios Mercado Shops Mercado Livre Publicidade Vale-Presente Mercado Livre Contato Comprar Vender Solução de problemas Segurança Redes sociais Twitter Facebook Instagram YouTube Minha conta Entre Vender Copyright © 1999-2018 Ebazar.com.br LTDA. Trabalhe conosco Termos e condições Políticas de privacidade Contato CNPJ n.º 03.007.331/0001-41 / Av. das Nações Unidas, nº 3.003, Bonfim, Osasco/SP - CEP 06233-903 - empresa do grupo Mercado Livre. Baixe grátis o App do Mercado L



http://ecologia-clima-aquecimento.blogspot.com/
  Verde: a cor nova do comunismo skip to main | skip to sidebar INICIO Mitos e exageros Videos esclarecedores Prof. Ricardo Felício Prof. Molion “A grande farsa” AMÉRICA LATINA BRASIL Continente da Esperança Denunciando o PNDH-3 Miséria socialista VIDEOS PESADELO CHINÊS Impossível coexistência com o comunismo Resistência à Ostpolitik vaticana VIDEOS 360º FLAGELO RUSSO Descontentamento no mundo ex-comunista ... acachapante na mídia no que se refere ao aquecimento global. Nos últimos dois anos, esse viés cresceu ... espalhada pela mídia e que faz acreditar que só uma franja de cientistas não acredita no aquecimento global ... do “aquecimento global” a mídia e os ativistas alarmistas menosprezavam-no aduzindo ser invenção de ... patrocinadores político-ideológicos. Não espanta então que a grande mídia voltasse a silenciar as novas ... influenciados pela mídia”. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 CACHE

Verde: a cor nova do comunismo skip to main | skip to sidebar INICIO Mitos e exageros Videos esclarecedores Prof. Ricardo Felício Prof. Molion “A grande farsa” AMÉRICA LATINA BRASIL Continente da Esperança Denunciando o PNDH-3 Miséria socialista VIDEOS PESADELO CHINÊS Impossível coexistência com o comunismo Resistência à Ostpolitik vaticana VIDEOS 360º FLAGELO RUSSO Descontentamento no mundo ex-comunista Fátima em russo Livro negro do comunismo -2 VIDEOS Рэвалюцыя і контррэвалюцыя Revoluţie şi Contrarevoluţie Valores INEGOCIÁVEIS VIDEOS VIDA Luzes de ESPERANÇA MUSICA PIEDADE VIDEOS VIDA 360º Luz e Trevas CIENTISTAS E VOZES REALISTAS RECUSAM ALARMISMO Cacique Alvaro Tukano: índio quer progresso, Funai quer miséria Anastasios Tsonis, prof. da Univ. Wisconsin: estamos em fase de esfriamento “Nós já entramos na via do esfriamento, que eu acredito continuará durante os próximos 15 anos, pelo menos. Não há dúvida alguma que o aquecimento dos anos ‘80 e ‘90 parou. “O IPCC defende que segundo seus modelos podemos esperar uma pausa de 15 anos. Mas isso significa que dentro de poucos anos, eles estarão admitindo que erraram”. Fonte James Lovelock se arrepende ? 2006 : “ antes do fim do século bilhões de pessoas morrerão e os poucos casais sobreviventes ficarão no Ártico onde o clima fique tolerável”. ( The Independent ). 2012 : “O problema é que nós não sabemos o que o clima está fazendo . Há 20 anos nós achávamos que sabíamos. Isso nos levou a alguns livros alarmistas – o meu incluído – porque parecia muito claro, mas não aconteceu” (MSNBC, 23.04. 2012). Prof. Claude Allègre. ex-ministro de Educação, Pesquisa e Tecnologia da França: “as proclamações dos fanáticos dos gases estufa consistem em denunciar a parte do homem no clima sem fazer nada, salvo organizar conferências e preparar protocolos que viram letra morta”. Dr. Philip Lloyd, físico nuclear sul-africano, co-coordinador do IPCC: “O volume de CO2 que nós produzimos é insignificante em termos de circulação natural entre ar, água e solo… Estou preparando um circunstanciado estudo sobre os relatórios do IPCC e dos Sumários para Responsáveis Políticos, identificando o modo pelo qual esses Sumários distorceram a ciência.” Geólogo Friedrich-Karl Ewert, Convenção da ONU sobre mudança climática, 07.09.10, Bonn: “O serviço de climatologia alemão possui medições que remontam até 1701. Neles lêem-se quase as mesmas tendências para o arrefecimento ou para o aquecimento. Do ponto de vista da temperatura global a mudança é tão pequena que pode melhor ser descrita como estabilidade das temperaturas. “Contrariamente aos cenários dos modelos computacionais o CO2 antropogénico é vazio de significados porque sua influência não é reconhecível.” John Zyrkowski, presidente de Lean Techniques, LLC: Zyrkowski escreveu o livro “É o sol e não seu 4x4. O CO2 não vai destruir a terra” , defendendo que os relatórios do IPCC estão irremediavelmente distorcidos. Roger Pielke Jr, prof. de Meio Ambiente, Univ de Colorado-Boulder, sobre climas extremos de 2010: “nas questões relativas aos eventos climáticos extremos e a mudança climática, a ciência do IPCC tem um nível similar às interpretações de Nostradamus e dos calendários Maias” . Dr. Denis Rancourt, ex-professor da Universidade de Ottawa, abandona alarmismo climático: O movimento da mudança climática antropogênica não é mais do que um “fenômeno social corrupto ... Mais bem é um fenômeno psicológico social e nada mais do que isso”. veja vídeo ). Prof Andrei Kapitsa, Universidade de Moscou, pioneiro na descoberta do lago sub-glacial Vostok: “Os teorizadores de Kyoto puseram a charrete diante dos cavalos. É o aquecimento global que eleva os níveis de CO2 na atmosfera, e não o contrário... Grande número de documentos críticos submetidos à Conferência da ONU de 1995 em Madri sumiu sem deixar rastro. Resultado: só ficou um lado, a discussão sofreu um pesado viés e a ONU declarou que o aquecimento global era um fato científico”. Prof. John Christy, Departamento de Ciências Atmosféricas da Universidade de Alabama: “Ouço dizer freqüentemente que há um consenso de milhares de cientistas sobre o problema do aquecimento global e que o homem está em vias de provocar uma mudança catastrófica no sistema climático. Eu, eu sou um cientista e penso como muitos outros que isso absolutamente não é verdadeiro”. Prof. Patrick Michaels, Departamento de Ciências Ambientais da Universidade de Virginia: “Quem diz que o CO2 é o responsável da maior parte do aquecimento do século XX, não viu as cifras as mais elementares”. Atualizações em seu email RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM SEU E-MAIL Digite seu email: Jairam Ramesh, ministro do Meio Ambiente da Índia: “Não há evidencia cientifica conclusiva para relacionar o aquecimento global com o que está acontecendo nos glaciares do Himalaia” . O ministro acrescentou que alguns glaciares estão diminuindo num nível “historicamente não alarmante” e contradisse o relatório do IPCC de 2007 segundo o qual eles “poderiam desaparecer completamente pelo ano 2035 se não antes” . “The Guardian”, 9.11.09. Carta aberta de 100 cientistas ao secretário-geral da ONU, 14/12/2007: “É impossível deter as alterações climáticas... O IPCC tem publicado conclusões cada vez mais alarmistas sobre a influência climática do CO2 de origem humana, um gás não poluente que é essencial à fotossíntese (...) as conclusões do IPCC são absolutamente injustificadas... Tentar impedir o clima de se alterar é fútil” William Gray, meteorologista pioneiro em furacões: “Eu já lhe disse cem vezes: o aquecimento global é uma farsa! Esse pânico vai fazer seu percurso. Dentro de 15-20 anos, nós vamos olhar para trás e ver que era uma farsa.” (Ken Kayes Storm Center, 02/04/09) Harry Flaherty, chefe do Nunavut Wildlife Management Board, Canadá: 'Nós não estamos vendo efeitos negativos sobre a população de ursos polares provocados pela chamada “mudança climática” ou pela contração do gelo. Os ursos polares são muito espertos... se adaptaram às mudanças climáticas durante muitos milhares de anos. Quando ouvimos falar que os ursos polares estão em vias de extinção, nós sorrimos para nós mesmos.” Senador James M. Inhofe, discursando no Senado dos EUA: “Com toda a histeria, todo o medo, toda a ciência trapaceira, poderia ser o aquecimento global o maior embuste jamais perpetrado nos cidadãos americanos? Seguramente, parece isso.” (28/07/03) Kelvin Kemm, físico nuclear sul-africano e diretor de Stratek Business: “A conferência do clima de Copenhague continuará a suprimir a verdade científica, e tentando travar o desenvolvimento econômico africano?” Lord Monckton: “Climategate: ‘Verdes’ pegos com a mão na botija” “Verdes pegos com a mão na botija”, escrito de Lord Monckton of Brenchley. Veja o texto integral em PDF. Receba gratis em seu email RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM SEU E-MAIL Digite seu email: Dr. Will Happer, Prof. de Física na Universidade de Princeton: “Estou convencido de que o alarme corrente pelo CO² está errado… Os temores de um aquecimento global antrópico estão desprovidos de garantias e não estão baseados em boa ciência.” Prof. Nir Shaviv, Instituto de Física Racah da Universidade Hebréia de Jerusalém: “Não há evidências diretas que liguem o aquecimento global no século XX com gases estufa antropogénicos”. Colunista Gerald Warner, azedamento do “Climagate” e perigos em Copenhague: “A este ritmo, Copenhague vai se transformar numa convenção de comédia com o mundo real rindo desses mentirosos . Agora é a hora de montar a resistência maciça ao tiranetes e atingi-los onde dói: no bolso. Aprofundando o caso, pode haver em muitos países processos criminais das pessoas que falsificaram dados para obter financiamentos e impor restrições fiscais potencialmente desastrosas para o mundo, em decorrência de uma fraude maciça. Há um mundo novo lá fora, Al [Gore], e, como você deve ter notado, o clima é muito frio mesmo.” The Telegraph, 26.11.2009 Prof. Robert M. Carter, geólogo da Universidade James Cook, Queensland, Austrália: “Há um problema com o aquecimento global: parou em 1998! “Desde o início dos ’90, jornais e revistas do mundo trazem rios de cartas e artigos alarmistas sobre uma hipotética mudança climática causada pelo homem. Esses artigos estão trufados de termos como “se”, “poderia”, “pode”, “provavelmente”, “tal vez”, “previsto”, “projetado”, “modelado”— e outros que pressupõem uma fantasia profunda, ou uma ignorância de fatos e princípios científicos vizinha do absurdo. “O problema não é a mudança climática, mas o sofisticado “lavado de cérebro” que está sendo feito sobre o público, burocratas e políticos”. Prof. Henrik Svensmark, Universidade Técnica de Copenhague, Dinamarca: “Na verdade o aquecimento global parou e está começando um arrefecimento. Nenhum modelo de clima previu esse arrefecimento da Terra ‒ muito pelo contrário. Isto significa que as projeções de clima futuro não são dignas de confiança”. Don J. Easterbrook, geólogo na Universidade de Washington Ocidental, Bellingham, EUA: “Uma analise das tendências de aquecimento e arrefecimento ao longo dos últimos 400 anos mostra uma ‘correlação quase exata’ entre todas as alterações climáticas conhecidas do período e a transmissão de energia solar à Terra e, ao mesmo tempo, que não tiveram nenhuma relação com o CO2. (...) É praticamente um fato estrepitoso que estamos diante da perspectiva de 30 anos de esfriamento global”. Prof. Vaclav Klaus, presidente da República Checa: Pergunta: “O Sr. não acredita que nós estamos arruinando nosso planeta?” Resposta: “Tal vez só o Sr. Al Gore possa dizer algo a respeito disso. Porque uma pessoa sã não consegue.” Geólogo Anderson C.R. Soares: 'A política dos chamados ambientalistas , desconhecedoras da Geologia é, na verdade, uma política de suicídio coletivo . Geologicamente falando, as emissões de CO2 não constituem problema, mas uma solução para uma vida melhor aqui na Terra'. 'Aquecimento Global - Realidade e Fantasia' Download PDF PORTUGUÊS -- INGLÊS Gilberto Câmara, diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe): “Esse número de 20% [das emissões de CO2 do planeta por conta do desmatamento] divulgado pelo G8 é um número 'chutado' que está rodando pelo mundo. E a ciência brasileira até agora não se deu ao trabalho de checar esse dado . (...) o G8 deve estar equivocado e ter se baseado em dados fracos.” R.Austin e W.Happer, professores de Física em Princeton. L.Gould, em Hartford. R.Lindzen (MIT) etc: “O céu não está caindo, a Terra vem se esfriado há dez anos. O presente esfriamento NÃO foi predito pelos modelos de computador alarmistas. Os melhores meteorologistas do mundo não podem predizer o clima com duas semanas de antecipação, e nem ousam predizer o resto do século. Pode Al Gore? Pode John Holdren? Estamos sendo inundados de afirmações de que as provas são claras, de que o debate está encerrado e de que devemos agir imediatamente, mas de fato NÃO EXISTEM ESSAS PROVAS, NÃO EXISTEM.” Prof David S Gee, professor emérito de Ciências da Terra, Universidade de Uppsala, Suécia: “Durante mais quantos anos o planeta deverá ainda esfriar para que comecemos a ouvir que o planeta não está aquecendo? Durante mais quantos anos deverá continuar o atual esfriamento?” Prof Ivar Giaever, Premio Nobel de Fisica 1973: 'Eu não acredito no aquecimento global... ele transformou-se numa nova religião'. Ian Plimer, professor de Geologia da Universidade de Adelaide, Austrália: “O aquecimento global antrópico [ligado ao homem] é o maior, mais perigoso e mais ruinosamente caro golpe trapaceiro da história. É a nova religião para a população urbana que perdeu a fé no Cristianismo. O relatório do IPCC é sua Bíblia. Al Gore e Lord Stern são seus profetas.' Prof. Frederick Singer, ex-diretor do serviço meteorológico satelital dos EUA e revisor do IPCC: “O CO2 é claramente um gás industrial ligado ao crescimento econômico, ao transporte, ao carro, àquilo que nos chamamos de civilização. E há forças no movimento ecologista que são pura e simplesmente contra o crescimento econômico que eles consideram intrinsecamente mau.” Atualizações em seu email RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM SEU E-MAIL Digite seu email: Prof. Philip Stott, do Departamento de Biogeografia da Universidade de Londres: “O aquecimento global foi manipulado para legitimar uma série de mitos que existiam previamente: anti-carro, anti-crescimento e por cima de tudo, anti o grande Satã que é os Estados Unidos”. Lord Lawson of Blaby, ex- Ministro de Economia e ex-secretário de energia da Grã-Bretanha: “A esquerda ficou fortemente desorientada pelo fracasso manifesto do socialismo e, mais ainda, do comunismo como ele foi implantado. Em conseqüência eles tiveram que encontrar outra via para canalizar seu anti-capitalismo” . Patrick Moore, Co-fundador da Greenpeace. ' A outra razão pela qual o extremismo ambiental surgiu foi o fracasso do comunismo mundial. O muro caiu, e um monte de pacifistas e ativistas políticos migraram para o movimento ambientalista trazendo seu neo-marxismo consigo. Aprenderam a usar a 'lingua verde' de um jeito muito inteligente para disfarçar programas que na verdade tinham mais a ver com anticapitalismo e antiglobalização que com ecologia ou ciência'. Dr. Habibullo Abdussamatov, chefe de pesquisas espaciais do Observatório Pulkovo de São Petersburgo “Os alarmistas do aquecimento global confundiram causa e efeito. Na medida que a radiação solar aquece a Terra, CO2 é liberado na atmosfera pelos oceanos do mundo.” Prof. David Deming, geofísico e professor assistente de Artes e Ciências da Universidade de Oklahom “Hoje há uma distorção acachapante na mídia no que se refere ao aquecimento global. Nos últimos dois anos, esse viés cresceu ao ponto de atingir a histeria irracional. Cada desastre natural que acontece agora é ligado ao aquecimento global sem se importar quão tênue ou impossível é essa conexão. O resultado disso é que o publico está largamente desinformado sobre esta e outras questões ambientais.” (O Prof. Deming foi punido por autoridades universitárias comprometidas com o alarmismo por causa desta e outras declarações semelhantes) Dr. Patrick Frank, químico, autor de mais de 50 artigos: “Não há base científica garantida alguma para asseverar que o aquecimento é causado por gases estufa produzidos pelo homem porque a teoria física atual é extremamente inadequada para definir qualquer causa que seja”. Dr. João Corte-Real, catedrático em meteorologia da Universidade de Évora: “Não vai haver qualquer catástrofe , e se estivermos, de facto, a viver uma alteração climática à escala planetária (...) saberemos encontrar soluções para enfrentar essa situação. Falar em catástrofe não é científico, não é humano, é uma forma primitiva de apresentar as questões” . Prof. Philip Stott, do Departamento de Biogeografia da Universidade de Londres: “A visão atual nos apresenta o aquecimento trazendo conseqüências apocalípticas. Porém, cada vez que a gente analisa o aquecimento climático medieval, ele nos aparece associado à riqueza. Por toda parte na cidade de Londres, há pequenos vestígios das vinhas que cresciam durante o período quente medieval. Foi uma era maravilhosamente rica, de grande prosperidade.” Yuri A. Izrael, vice-presidente do IPCC: “Não há prova de uma relação entre a atividade humana e o aquecimento global”. Nigel Calder, ex-diretor de “New Scientist”: “Os princípios os mais elementares do jornalismo parecem ter sido abandonados. “Nós temos uma nova geração de repórteres: os jornalistas ambientais. Se o trabalho deles é jogado na lixeira perdem o emprego! “Então as reportagens têm que ser cada vez mais histéricas porque existem ainda, infelizmente, diretores desabusados que pedem: ‘você sabe, aquilo que você disse há 5 anos, bem, agora é muito pior! Os mares podem crescer tal vez 2m50 na próxima terça-feira’ e coisas do gênero. “Então o jornalista fica constrangido a ser mais, mais e cada vez mais alarmista.” Prof. José Joaquim Delgado Domingos do Instituto Superior Técnico, Lisboa: “Tornar prioritário o combate às emissões de CO2 , invocando catástrofes climáticas sem fundamento científico convincente, é esquecer o contexto mais global. Uma das mais graves consequências deste reducionismo é a promoção de soluções altamente centralizadoras e perversas, (...) Actualmente, nenhuma das bases de dados de referência mostra aumento global da temperatura terrestre desde 1998, ou da camada superior dos oceanos”. Prof. Tom Victor Segalstad, chefe do Museu de Geologia do Museu de Ciências Naturais da Universidad “É a procura de um mítico naufrágio em CO2 para explicar um incomensurável tempo de existência do CO2 para caber num hipotético modelo de computador do CO2 que leva a mostrar que a queima de uma quantidade impossível de combustível fóssil está esquentando a atmosfera”. Receba gratis em seu email RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM SEU E-MAIL Digite seu email: Dr. Kiminori Itoh, físico-químico ambientalista, membro do IPCC: “Os temores espalhados sobre o aquecimento global constituem o pior escândalo científico da história... Quando o público perceba a verdade, vai se sentir decepcionado com a ciência e com os cientistas”. Prof. Paul Reiter, Instituto Pasteur, Paris: 'Nós achamos que vivemos numa era de razão, e o alarme pelo aquecimento global parece ciência. mas não é ciência, é propaganda.' Dr. Harrison ‘Jack’ Schmitt, geólogo e ex-astronauta: “É ridículo falar de ‘consenso’ em torno da idéia de que os humanos estão causando um ‘aquecimento global’ quando a experiência, os dados geológicos, a história e o atual esfriamento apontam no sentido oposto. ‘Consenso’ apenas quer dizer que não há um conhecimento definitivo. O susto com o aquecimento global está sendo usado como instrumento para o controle governamental da vida, da renda e da tomada de decisões dos cidadãos americanos”. Walter Cunningham, físico e ex-astronauta: “A NASA deveria estar na linha de frente colhendo provas científicas e desmontando a atual histeria do “aquecimento global antropogênico”. Infelizmente, está virando mais uma agência que caiu na política do aquecimento global ou, pior ainda, da ciência politizada.” Dr Evaristo Eduardo de Miranda, chefe-geral da unidade de monitoramento por satélite da EMBRAPA: “O ambientalismo não entendeu o conceito de desenvolvimento sustentável . (...) outra tendência perigosa é tratar o assunto de maneira apocalíptica. Só se prevêem coisas ruins com as mudanças climáticas. É preciso trazer outros pontos de vista. Por exemplo, o desaparecimento da calota polar vai gerar uma economia de combustível inacreditável, porque vai encurtar caminhos na navegação. É preciso lançar um pouco de racionalidade à questão, sobretudo quando se trata de hipótese inverificável. É curioso como os cientistas, senhores da razão e ateus, adotam nessa hora uma linguagem totalmente religiosa. Eles falam de toda a teologia do fim dos tempos, das catástrofes, do homem vitimado e castigado com o dilúvio, como Noé”. Dr. Vaclav Klaus, Presidente da República Checa “Como uma pessoa que viveu sob o comunismo na maior parte de sua vida eu me sinto obrigado a dizer que a maior ameaça à liberdade, à democracia, à economia de mercado e à prosperidade hoje em dia é o ambientalismo, não o comunismo. A ideologia ecologista quer substituir o livre e espontâneo desenvolvimento da humanidade com uma espécie de planificação central que agora é chamada de global”. Henrik Svensmark, diretor do Centro para Pesquisas do Clima Solar, Centro Espacial de Dinamarca: “Aqueles que acham absolutamente certo que o aumento da temperatura deve-se exclusivamente ao CO2 não tem justificação científica. É pura conjetura.” Freeman Dyson, da US National Academy of Sciences e professor emérito de Física de Princeton: “O mundo real é turvo, complicado e cheio de coisas que nós não entendemos ainda. É muito mais fácil para um cientista se sentar num prédio com aquecimento e fazer rodar modelos de computador do que se vestir com roupas de inverno e sair a medir o que realmente está acontecendo do lado de fora nos pântanos e nas nuvens. É por isto que os expertos em modelos climáticos acabam acreditando nos seus próprios modelos...” Prof. Nils Axel Mörner, ex-presidente da Comissão Internacional para as Mudanças do Nível do Mar: “O mar não está crescendo e não cresceu nada nos últimos 50 anos” Martin Keeley, Prof. de Geologia do Petróleo no University College de Londres: “O aquecimento global é, além do mais, uma fraude perpetrada por cientistas com interesses dissimulados, mas que têm necessidade urgente de fazerem cursos de geologia, lógica e filosofia da ciência.” Prof. David Bellamy, naturalista: “O aquecimento global — pelo menos na última visão de pesadelo moderno — é um mito. Estou certo disso e também pensa assim um crescente número de cientistas. Mas o que é verdadeiramente preocupante é que os políticos e responsáveis pelas decisões políticas não pensam assim.” Harrison “Jack” Schmitt, ex-astronauta e geólogo da NASA: “O ‘medo do aquecimento global’ está sendo usado como um instrumento político para aumentar o controle do governo sobre a vida dos americanos, suas rendas e tomadas de decisões”. Robert Essenhigh, PhD, Professor de Engenharia Mecânica da Ohio State University: “Certamente podemos tentar o controle e freio da produção do dióxido de carbono, mas isto parece ter um custo entre altíssimo e catastrófico. E com qual finalidade, se ela não é problema? Eu não estou só nesta posição. Mas muitos que estão no poder não querem ouvir. Então, isto é ciência ou apenas política?” Richard Keen, climatologista do Department of Atmospheric and Oceanic Sciences, Colorado Univ “A Terra vem se esfriando desde 1998, em desafio às predições do IPCC da ONU... A temperatura global em 2007 foi a mais fria numa década e a mais fria do milênio... tal vez seja por isso que o “aquecimento global” está sendo chamado de “mudança climática”. Prof. Ian Clark, Departamento das Ciências da Terra, Universidade de Otawa: 'Não podemos dizer que o CO2 vá dirigir as mudanças climáticas, certamente nunca o fez no passado.' Dr. Takeda Kunihiko , vice-reitor do Instituto de Ciências e Tecnologia, Univ de Chubu, Japão: “As emissões de CO 2 não causam absolutamente qualquer problema … Qualquer cientista sabe isso, mas não lhe pagam para dizê-lo … [A alguns pagam para dizer o contrário!] O aquecimento global, como veículo político, mantém os europeus sentados no carro e os países em desenvolvimento a andarem descalços” Dr. Miklós Zágoni, especialista em aquecimento global abandonou a defesa do protocolo de Kyoto: “O instrumento regulador da natureza é o vapor de água: mais CO2 diminui a umidade no ar, mantendo a proporção geral dos ‘gases estufa’ nas condições de equilíbrio necessárias”. Timothy Ball, ex-professor de climatologia da Universidade de Winnipeg, Canadá: “O CO2 não é um gás poluente. Ele tem conseqüências positivas , na verdade. Quanto maior sua concentração na atmosfera, maior o crescimento das plantas. A atividade do Sol é o principal fator que afeta o clima no planeta, mas quase não é mencionada. (... ) Eles [os especialistas] têm medo de falar, são acusados de receber dinheiro da indústria do petróleo. Eu mesmo já fui alvo de ataques pessoais”. Dr. Pal Brekke, físico solar, do Norwegian Space Centre em Ohio: “Quem pretende que o debate está encerrado e que as conclusões são definitivas faz uma abordagem fundamentalmente anti-científica numa das questões mais nevrálgicas da nossa época”. James Peden, físico da atmosfera, trabalhou no Space Research and Coordination Center de Pittsburgh “Os modelos climáticos não pertencem à ciência, trata-se de brinquedos de montar computadorizados com os quais a gente pode construir o que bem entende”. Dr. John Theon, ex-chefe do Programa de Pesquisas Climáticas da NASA: “Não se justifica racionalmente utilizar os modelos de previsão climática na hora de definir as políticas públicas.” Hajo Smit , meteorologista holandês, ex-membro do Comitê Holandês junto do IPCC: “Gore incitou-me a [realizar] uma investigação científica profunda que me levou rápida e solidamente para o campo dos céticos … Os modelos climáticos, na melhor das hipóteses, podem servir para explicar as alterações climáticas depois delas terem sucedido” Dr. Guy LeBlanc Smith, ex-chefe de pesquisas da CSIRO, Austrália: “Eu ainda estou para ver uma prova crível de que o dióxido de carbono (CO2) está provocando a mudança climática, ou que só o CO2 feito pelo homem a está provocando. Faltam dados atmosféricos e os dados do cerne do gelo recusam essa hipótese. Quando é que nós acordaremos coletivamente de essa ilusão enganosa?” Eduardo Tonni, chefe do Departamento de Paleontologia da Universidade de La Plata, Argentina: “O alarmismo (do aquecimento global) tem a sua justificação no fato de que é algo que gera fundos [para investigação]. (...) Se alguém dizer que a mudança global é provocado por efeitos naturais, ficará sentado a ver navios. (...) lamentavelmente, trata-se de mais um produto de mercado” Geoffrey G. Duffy, Prof. da Universidade de Auckland, Nova Zelândia: “Ainda que o nível do gás carbônico (CO²) dobrasse ou triplicasse, isso virtualmente teria pouco impacto, posto que o vapor de água e a água condensada em partículas nas nuvens dominam a cena em todo o mundo e assim será sempre.” Dr. Jarl R. Ahlbeck, engenheiro químico na Universidade Abo Akademi da Finlândia: “Até agora, as medições do mundo real não dão base para se preocupar com um aquecimento catastrófico futuro.” Dra. Joanne Simpson , cientista da [Física da] Atmosfera: “Desde que deixei de fazer parte de qualquer organização e de receber algum financiamento [para investigação], falo com toda a franqueza: como cientista continuo cética” Dr Arthur Douglas, ex-presidente do Atmospheric Sciences Department da Universidade de Creighton: “Qualquer que seja o clima, não está sendo causado pelo aquecimento global. Se está acontecendo alguma coisa é que tal vez esteja começando um período de arrefecimento.” Bob Carter, professor de geologia na Universidade James Cook, Austrália “Ao longo dos últimos anos vem sendo registrados sinais climáticos mais frios do habitual em todo o mundo, levando muitos cientistas a questionar a moda, já muito desatualizada, do alarmismo com o aquecimento global”. Luiz Carlos Baldicero Molion, Prof. de Meteorologia da Universidade Federal de Alagoas: “Quando eu digo que muito provavelmente estamos num processo de resfriamento, eu faço por meio de dados. (...) eu já vi esse filme antes, na época do discurso da destruição da camada de ozônio pelos CFCs, os compostos de clorofluorcarbonos. (...) inventaram a história de que esses compostos estavam destruindo a camada de ozônio. Começou exatamente com a mesma fórmula de agora. (...) um terrorismo climático como é esse aquecimento global ” Victor M. Velasco Herrera, pesquisador do Instituto de Geofísica da Universidade Autônoma do México “Os modelos e previsões do IPCC da ONU não são corretos porque eles só se baseiam em modelos matemáticos e apresentam resultados e cenários que não incluem, por exemplo, a atividade solar.” Philip K. Chapman, geofísico, engenheiro astronáutico, ex-astronauta, físico do M.I.T. “Todos esses que exigem inverter a curva do aquecimento global com urgência precisam desligar o pisca-pisca e apresentar algum pensamento sobre o que nós deveríamos fazer se, em lugar do aquecimento global, nós estivéssemos enfrentando um esfriamento global”. Stanley B. Goldenberg, especialista em furacões da National Oceanic and Atmospheric Administration: “Há uma mentira ovante que está sendo espalhada pela mídia e que faz acreditar que só uma franja de cientistas não acredita no aquecimento global provocado pelo homem”. Para atualizações gratis via email: DIGITE SEU EMAIL: quarta-feira, 20 de dezembro de 2017 Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Postado por Luis Dufaur às 20:47 6 comentários Share | Marcadores: Natal domingo, 17 de dezembro de 2017 Terra entrou em mini-era glacial, mas IPCC ainda discute o furado Acordo de Paris Fonte congelada pela atual onda polar, Bryant Park, Nova Iorque Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs A Terra ingressou numa mini-era de gelo que poderá durar entre 60 e 80 anos e diminuirá a temperatura global em 0,2º C segundo relatório do Instituto de Geofísica da Universidade Nacional Autônoma de México (UNAM). O investigador Víctor Manuel Velasco explicou que o fenômeno é causado pela diminuição da atividade solar que vem sendo registrada há anos. Velasco estudou os períodos glaciares e interglaciares da Terra e a variabilidade solar. Os resultados apoiam uma teoria que poderá quantificar a diminuição da atividade solar e seu impacto na Terra. “Hipótese alguma sobre mudança climática consegue explicar por que que acontecem esses períodos”, esclareceu ele. Para o cientista, a diminuição da temperatura global é devida a “um ciclo natural da natureza” já verificado em outros séculos com lapsos de 120 anos e que depende exclusivamente do sol. Já em 2010 partes do planeta entraram nessa “mini” era de gelo e “as ondas de neve históricas que estão acontecendo no mundo são mostra disso”, acrescentou. Por exemplo, no século VI houve um mínimo de atividade solar conhecida como “mínimo medieval”. Posteriormente veio o “período quente medieval”, seguido de mais uma “mini” era de gelo no Ancien Régime e um novo período quente que se prolongou até o fim do século XX. O fenômeno, aliás, é bem conhecido pelos cientistas sérios. Porém, como fere o mito do “aquecimento global” a mídia e os ativistas alarmistas menosprezavam-no aduzindo ser invenção de “céticos” pagos pelas multinacionais. Victor Manuel Velasco Herrera A última conferência mundial do IPCC, COP-23, foi realizada em Bonn em novembro de 2017, para a aplicação do acordo de Paris atingido de morte pela saída dos EUA. O fiasco dessa reunião tornou mais fácil que informações importantes como as fornecidas, aliás há tempos, pela UNAM cheguem ao grande público. A onda polar na passagem de ano 2017-2018 qualificada de “ciclone bomba” ou “furacão de inverno” é apenas uma amostra dessa tendência natural. Mas tem inspirado incontáveis comentários sarcásticos dos americanos sobre o “aquecimento global” ou sobre a manipulação abusiva da expressão “mudanças climáticas”, aliás genérica e até inexpressiva demais de tão banal e corriqueira que é. Postado por Luis Dufaur às 05:30 1 comentários Share | domingo, 10 de dezembro de 2017 Festa de “energias renováveis” depaupera espanhóis Parece conto da carochinha, mas don Quixote virou a casaca. Na Espanha, as energias renováveis ficaram quixotescas. Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs A grande crise que abalou a economia mundial no início do século foi pretexto para o governo socialista espanhol de Zapatero empurrar as energias alternativas. Sempre haverá possíveis novas fontes de energia e é desejável que sempre apareçam novas. O planeta as possui ou recebe – como é do caso do sol – em volumes que superam todo cálculo. O problema é ter a tecnologia para aproveitá-las. E não desativar aquelas que de momento se apresentam viáveis em troca de um pulo no vazio. Quando atingirmos um conhecimento técnico que justifique a mudança, essa acontecerá naturalmente. Mas a enigmática e anárquica turma ambientalista quer que o mundo pule no precipício do ignoto. Ou, pior, que se jogue no abismo do que se sabe que agora não é rentável nem viável. Assim precipitam os homens num pauperismo energético que se avizinha lentamente a uma quase morte. Tudo em nome de uma utopia miserabilista e anti-humana!! O primeiro ministro socialista Zapatero instalou centenas de moinhos de vento – não como os de don Quixote, mas modernas eólicas – e incontáveis painéis solares nas montanhas e planícies da Espanha célebres pelo seu tórrido sol. As inversões – de fabuloso volume com um dinheiro que teoricamente não havia – duplicaram a capacidade instalada de energia renovável de 15.000 a 30.000 megawatts. O líder socialista se gabou nos foros internacionais de que a Espanha liderava o ranking mundial de países verdes. Discutível, mas político não pensa muito na verdade. Para a festa vieram inversores de todos os cantos do planeta. Mas não durou muito. Já em 2009 o governo que convidou os comensais os deixou na sua fome. A festa impaga acabou numa “guerra” de processos de todos contra todos nos tribunais nacionais e internacionais, segundo o jornal “El Mundo” de Madri. Erros de planificação ligados a tecnologias ainda não dominadas provocaram uma escalada vertical da conta que pagam os lares: 32% mais cara que em 2007 malgrado as promessas sedutoras – em verdade mentirosas – das “energias alternativas”. Acresce enorme déficit – perto de 30 bilhões de euros – a ser pago, é claro, não pelo governo responsável mas pelos consumidores. Na prática, 40% da conta que hoje pagam os lares para ter energia vão para tampar esse buraco. Cartaz convoca a manifestação para fechar a central nuclear de Santa Maria de Garoña. A perspectiva de tirar petróleo em território espanhol usando o fracking foi abortada pela pressão dos incansáveis verdes que arruinavam o país com imensos ventiladores e tetos solares ainda contra-produtivos. Várias centrais de carvão foram fechadas com mais pressões anarco-ecologistas. Resultado: essas fontes diminuíram em 16% a potência instalada da produção nacional, as regiões produtoras de carvão pararam e os operários acabaram na rua, na greve ou na aposentadoria antecipada obrigatória. Mais um estrago do ativismo ambientalista: a central nuclear de Santa María de Garoña, foi fechada na província de Burgos. Greves políticas, discussões intérminas alimentadas por comunistas e ambientalistas fizeram dela um símbolo da frustração. Para completar, o governo da União Europeia bem instalado em Bruxelas e bem trufado de radicais ecologistas, empurra Espanha a se jogar mais rápido e com mais entusiasmo no mesmo precipício. O Ministério de Energia tenta relançar as renováveis e por em funcionamento as instalações sabotadas pelos verde-vermelhos. É mais do mesmo, mas serve para estender a mão chorando para receber subsídios da tirânica UE. O grande desafio é abaratar as contas das famílias e das empresas, vítimas deste pesadelo “alternativo”. Sete de cada 10 espanhóis não entende o que está pagando em contras de luz complicadas e astronômicas. A reputação do setor elétrico tal vez só nas guerras esteve tão baixa. Motivo único: os preços básicos sempre mais caros em nome de mirabolantes teorias. Após empobrecer todo o mundo os fanáticos verde-vermelhos anunciam pomposamente que chegou o momento de definir o modelo energético do país. E enquanto falam utopias, pedem fechar mais duas usinas de carvão “para reduzir suas emissões de CO2”. Esse fechamento, segundo o novo ministro de energia Álvaro Nadal, elevará mais 15% o preço da luz neste inverno que está começando. O objetivo é só um: abaixar o nível de vida dos homens. No fim, o índio na choça será o modelo de baixo consumo energético. Postado por Luis Dufaur às 05:30 0 comentários Share | Marcadores: energias alternativas , miserabilismo domingo, 3 de dezembro de 2017 Desenvolvimento sustentável: uma bobagem sem sentido, disse “pai da hipotese Gaia” Lovelock: “desenvolvimento sustentável é bobagem sem sentido” Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs O britânico James Lovelock é uma espécie de patriarca ainda vivo do ambientalismo mais radical. Ele cunhou a 'hipotese Gaia', o mito que atribui à Terra o caráter de um ser vivo. A ideia é antiquíssima, muitos índios sulamericanos lha explicariam melhor, como a superstição da Pachamama andina. Mas Loveloch a revestiu de roupagens pseudo-científicas e o ambientalismo mundial a acolheu como a última palavra em matéria de profecia. E assim continua sendo. Esse guru do ambientalismo impactou o mundo reconhecendo corajosamente que tinha errado adotando o catastrofismo climático. E ele repetiu declarações que convém sempre lembrar e q ajudam a por em seu lugar os mitos ambientalistas. Lovelock não está sozinho nesta evolução de fanáticos do ambientalismo que forçados pela realidade corrigem pelo menos algum ponto de vista. O patriarca Lovelock disse coisas que desgostaram a seus adeptos e, sobre tudo, a seus patrocinadores político-ideológicos. Não espanta então que a grande mídia voltasse a silenciar as novas declarações de Lovelock, sobre tudo no Brasil que sedeou a Rio+20. A própria Rio+20 prestigiada especialmente pelos governos de esquerda do mundo – com a ausência dos governantes mais prudentes – fingiu não tomar conhecimento. “Nós nos jogamos pelas energias renováveis sem nenhum tipo de reflexão”, disse Lovelock. Foto: energia solar no desero de Neguev, Israel. Lovelock foi entrevistado por Leo Hickman, colunista para o meio ambiente do jornal de tendência socialista “The Guardian”, de Londres, no dia 6 de junho 2012. Há cinco anos portanto. Mas os fanáticos ambientalistas não se deram por aludidos. Hickman publicou a transcrição completa da entrevista no dia 15 em seu “The environment blog, The Guardian, The world’s leading journalist on climate, energy and wildlife” . Para Lovelock “o chamado ‘desenvolvimento sustentável’, é uma bobagem sem sentido”. Ele defendeu que é menos absurdo do que esse talismã de que chegou a falar a Rio+20 pensar “no futuro cultivar dentro da cidade os alimentos necessários. É uma via a percorrer muito melhor que o chamado ‘desenvolvimento sustentável’, que é uma bobagem sem sentido ”. Na entrevista, defendeu o “fracking” tecnologia para tirar gás e petróleo fraturando camadas inferiores da terra e gerar a pressão que puxará para fora esses combustíveis de origem fóssil. Uma blasfêmia horrorosa para os ambientalistas que cultuam Gaia! Ele defendeu que é um método barato e rápido para se obter energia na quantidade necessária para manter o atual nível de vida. Para maior ultrajem do fanatismo verde Lovelock reconheceu que a fonte de energia “boa” é a nuclear. E tentou justificar seu passado dizendo: “ Nós nos jogamos pelas energias renováveis sem nenhum tipo de reflexão. “E elas se mostraram de modo desesperançador ineficientes e desagradáveis. “Eu, pessoalmente, não suporto as eólicas a qualquer preço. “As energias tiradas da biomassa, solar, etc, todas elas trazem uma grande promessa, mas não estão disponíveis para amanhã, nem mesmo para daqui a 10 anos ”. “Energias como a eólica não estão disponíveis nem mesmo para daqui a 10 anos” Lovelock há tempos vem sendo pressionado seus discípulos mais anti-capitalistas que exigem deles posições mais radicais. “Os ideólogos – explicou – vieram nos dizer de parar de queimar qualquer material com carbono já. Foi como no caso todo dos CFCs. Eu fiquei muito abalado e percebi o problema ao vivo. “Eles começaram a me chamar de negacionista porque eu disse que não se poderia parar de fazer CFCs de modo imediato. Ficaríamos sem geladeiras no mundo todo e poderiam acontecer intoxicações alimentares em massa. “Eu disse que era necessário dar tempo ao setor industrial para encontrar alternativas seguras. Esse teria sido o modo correto de agir. E o mesmo se pode dizer sobre o clima”. Falando ainda sobre o serviço meteorológico inglês – o Met Office – explicou: “Eu mantenho contato com o Centro Hadley. Eles são um dos melhores centros de clima no mundo. Algo para se orgulhar. ... “ Eles estão sob enorme pressão do governo e não estão autorizados a dizer o que realmente pensam”. Climatólogos ingleses “não estão autorizados a dizer o que realmente pensam” A nova governança ecológica mundial que quer se instalar a partir da Rio+20 obviamente não gosta de cientistas que falem objetivamente em nome da ciência. Porque dizem coisas que prejudicam os rumos arbitrários do super-governo planetário verde que pretende se instalar sob disfarce de ciência! Que verde é esse? Que quer essa supergovernança? O que é que é a “economia verde” apregoada? Diante dessas interrogações ficam ainda mais preocupantes as afirmações do guru inglês sobre a “religião verde”. Carnaval caótico esquerdista e ôco distrai as atenções de uma aventura totalitária “ A religião verde – disse Lovelock – agora está passando por cima da religião cristã . Isso mostra como os verdes são religiosos”. Não é que Lovelock tenha mudado muito suas posições. É que ele percebe que a agressividade da ofensiva verde está tornando a opinião pública avessa à meta visada pelo ambientalismo. Explicou isso reafirmando: “ eu acho que as pessoas ainda não notaram que a religião verde usa todo tipo de conceitos próprios das religiões . “Os verdes acostumam apontar culpados. Mas você não pode ganhar a adesão das pessoas que te rodeiam dizendo que eles são culpados por colocar CO2 no ar”. Esses religiosos de uma religião sem ciência, sem escrúpulos e sem Deus querem assumir o controle do mundo. Mas, essa não foi a estrada das aventuras totalitárias que flagelaram a humanidade nos momentos mais negros da História? Postado por Luis Dufaur às 05:30 0 comentários Share | Marcadores: alarmismo , aquecimento global , CO2 , energias alternativas , fracking , Gaia , Lovelock , nuclear , Rio+20 domingo, 26 de novembro de 2017 A proliferação dos ursos polares e a ideologia ambientalista anti-humana Avanço dos ursos preocupa e crianças não podem ir tranquilas à escola Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Turistas no Ártico russo não podiam acreditar. E a distância acharam que se tratava de blocos de gelo na praia. Mas eram 200 ursos polares, “em perigo de extinção” segundo o mito ambientalista, se banqueteando com uma baleia. “Nós todos ficamos atônitos”, contou Alexandre Gruzdev, diretor da reserva natural da ilha Wrangel, no Extremo Oriente russo, citado por “Clarín” de Buenos Aires. Os ursos polares fizeram a festa ao borde da água com uma baleia que foi empurrada pelas ondas. E o grupo ursino era muito familiar, incluindo duas mães ursas cada uma com quatro crias. Essa quantidade de filhotes é pouco comum explicou Gruzdev, mas indica boa saúde. Com o degelo cíclico do Ártico em andamento há menos superfície gelada e os ursos polares passam obviamente mais tempo em terra firme. Caçam mais, comem mais, engordam mais e se multiplicam mais, como já tivemos ocasião de comentar neste blog. Confira: Problema dos ursos polares ‘em extinção’: estão gordos e numerosos demais Mas essa multiplicação empurra os predadores para perto das cidades vizinhas, que se tornam cada vez mais perigosas para os humanos. Parece gado, mas o 'rebanho' é de perigosos ursos polares 'em extinção' Os ursos polares descansam entre agosto e novembro na ilha de Wrangel, no nordeste siberiano antes de recomeçar a caçar focas. As fotos da devoração, tão natural e satisfatória para os ursos, contradizem as imagens divulgadas pela propaganda ambientalista fazendo crer que os fofinhos – em verdade ferozes – ursos estão em 'perigo de extinção'. Mas na ilha russa de Wrangel estão aparecendo mais e mais numerosos, explicou Eric Regehr, especialista da Universidade de Washington. Foram contabilizados 589, um número “anormalmente alto” e mais do dobro das estimativas precedentes, alertou Regehr, quem acresceu que estão “com boa saúde”. “O problema agora é saber quando a população humana começará a sentir os efeitos negativos”, pois “esse umbral vai se alcançar”, disse o especialista. “São animais engenhosos e capazes de se adaptar” e isso gera um conflito inevitável com os homens. A partir da metade de outubro, eles passaram a se aproximar perigosamente da aldeia de Ryrkaipi, a 200 km da ilha de Wrangel. Um deles “quebrou a janela de uma casa”, contou Viktor Nikiforov, especialista e coordenador do centro russo de mamíferos marinos. A cidadinha tem 600 habitantes e está alarmada: as crianças estão proibidas de irem a pé até a escola pois os ursos não são os bichinhos bonzinhos que se faz crer. O crescimento é constante. Em 2015, cientistas russos ficaram cercados e pediram a intervenção armada do governo. Ficaram cancelados os atos públicos e guindastes estão tirando esqueletos de morsas trazidos pelo mar. Agora são os habitantes de Ryrkaipi que poderiam ser declarados em “perigo de extinção”. Mas isso não serve para a propaganda ecologista e as eventuais vítimas não interessam ao militantismo ecologista. “A concentração de seres humanos e animais na mesma zona aumenta e há conflitos”, denuncia Nikiforov. “Temos que nos preocupar com as transformações que acontecem na natureza”, acrescentou. Por certo, sim, sobre tudo diante de animais tão perigosos. Até a pouco a propaganda nos dizia que o “aquecimento global” estava ameaçando a espécie. E agora que a espécie está quase superdimensionada, o que diz a demagogia? Pois que a culpa toda é do “aquecimento global” provocado pelo homem! Não é piada. É ideologia anti-humana repetida pelos realejos da macromídia. Postado por Luis Dufaur às 19:53 2 comentários Share | Marcadores: anti-humanismo , Ártico , espécies protegidas domingo, 19 de novembro de 2017 Professor alemão: discurso 'verde' sobre o fim da vida na Terra é mentiroso Ulrich A Glasmacher, da Universidade de Heidelberg, Alemanha Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Há 350 milhões de anos o planeta Terra enfrentava mudanças climáticas semelhantes às vividas atualmente, explicou o pesquisador alemão Ulrich A. Glasmacher, da Universidade de Heidelberg. Porém, isso não causou catástrofe alguma . Cá estamos nós. O cientista disse que as mudanças climáticas “não são fenômenos novos na história. “Há 350 milhões de anos tivemos os mesmos problemas de hoje. Estamos no mesmo ponto daquela época”, explicou ele durante a 65ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) , segundo reportagem de Heloisa Cristaldo para a Agência Brasil . De acordo com Glasmacher, a temperatura do planeta não está aumentando, mas apenas oscilando: “As temperaturas estão flutuando – sobem e descem. Mas estamos muito influenciados pela mídia”. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 0 comentários Share | Marcadores: arrefecimento global , catastrofismo , CO2 , Groenlândia domingo, 12 de novembro de 2017 Vaticano acolhe maiores inimigos da vida com pretextos ambientalistas radicais Steven Mosher, presidente do Population Research Institute, denunciou que o Catholic Relief Services da Conferência Episcopal dos EUA promove abortivos e a contraceptivos no Quênia Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs O cientista social e escritor Steven Mosher, presidente do Population Research Institute, qualificou o sofisma do “aquecimento global” de inimigo da santidade das vidas humanas inocentes. Ele falou durante o simpósio internacional “Ambientalismo e mudança climática: uma avenida para a limitação da população” , sobre a natureza anticristã do controle da população mundial. Divulgada pelo “Life Site News” , sua palestra teve o seguinte título: “Como os inimigos radicais da vida estão tocando sua agenda global para acabar com a pobreza eliminando os pobres”, Especialista em política interior da China, Mosher começou lembrando que a temperatura da Terra sempre está oscilando, por vezes de modo dramático. “Fiz um estudo histórico das mudanças climáticas na China, o qual mostra que há 2.000 anos a temperatura média do país era vários graus mais quente do que hoje. E precisou passar muito tempo para que ocorresse a alguém falar em mudança climática e aquecimento global”. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 2 comentários Share | Marcadores: aborto , aquecimento global , controle da natalidade , Paul Ehrlich , Vaticano domingo, 5 de novembro de 2017 Vegetação consome quase 20 vezes o CO2 produzido pelos combustíveis fósseis Soja na Argentina Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs As plantas retiram dióxido de carbono (CO2) da atmosfera para a fotossíntese em proporções que desanimam a demagogia catastrofista. Christian Beer, do Instituto Max Planck (Alemanha), e colegas afirmam que as plantas consomem cerca de 123 bilhões de toneladas de CO2 da atmosfera por ano. O estudo foi publicado online pela revista Science . Para se ter uma ideia, segundo os cientistas a quantidade total de carbono injetada na atmosfera pela queima de combustíveis fósseis é de cerca de 7 bilhões de toneladas por ano. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 6 comentários Share | Marcadores: CO2 , exageros domingo, 29 de outubro de 2017 Oráculo do pinguim: o gelo da Antártica cresceu demais. Parem a demagogia! Pinguim de Adélia emitiu seu oráculo em Hope Bay: gelo aumenta e morrem de fome. Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Dogma aquecimentista incontestável: a Terra esquenta! Uma das provas mais aterrorizadoras é que a superfície gelada da Antártida está diminuindo! Esta é a posição da ONU, das ONGs, dos cientistas no vento premiados com altos cargos nos governos, nas instituições oficiais, reconhecidos como oráculos pela ‘Laudato Si’ e pela mídia. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 21:40 1 comentários Share | Marcadores: alarmismo , Antártica , aquecimento global , derretimento , polos domingo, 22 de outubro de 2017 “Igreja pan-amazônica”: “a última loucura” para desfazer o Brasil? “Igreja pan-amazônica” seria “a última loucura” para desfazer o Brasil? + Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Criar um santuário ecológico desmembrando oito nações sul-americanas? Forjar uma nova realidade místico-tribal no território amazônico apagando fronteiras e passado das nações? Parece absurdo, mas essa é a ideia que explica o fundo do chamado Corredor Tríplice A ou Caminho da Anaconda . O projeto engoliria de início 200 milhões de hectares desde os Andes até o Atlântico, ou uma terça parte da superfície amazônica. O projeto é tido por seus promotores como a “última loucura” em matéria ambientalista. O principal promotor é a Fundação Gaia Amazonas , presidida por Martin von Hildebrand, que há três anos vem arregimentando ONGs internacionais, ministérios, academias de ciência, reservas indígenas e o próprio Vaticano. Uma grande reportagem sobre o ameaçador projeto foi publicada pelo jornal colombiano “El Espectador” . Ela foi divulgada em português pelo Instituto Humanitas Unisinos – ADITAL A reportagem sublinha, bem no espírito da manobra, que “a ideia é tão maluca que, por isso mesmo, é possível”. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 23:19 2 comentários Share | Marcadores: Amazônia , Francisco I , Sínodo Pan-Amazônico domingo, 15 de outubro de 2017 Furacões passam, mas a fábrica de pânicos verdes fica Furacão Harvey atinge o Texas Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs O último período estival no Golfo do México foi, como todos os anos, marcado pelos furacões. O fenômeno é cíclico e muito bem conhecido pela população e, a fortiori , pelos cientistas. Há até um método alfabético especial para ir lhes atribuindo um nome em série. Neste ano houve alguns furacões poderosos. Também foi cíclica a demagogia ecologista. No dia 28 de agosto em Politico , o climatólogo Eric Holthaus se erguia como profeta do Apocalipse com argumentos assaz repetidos: “O Harvey é o rosto da mudança climática, chegou a hora de abrir os olhos e nos preparar para o mundo que está vindo”, dramatizou. Se for a julgar pelos furacões, o “mundo que está vindo” será igual àquele em que vivemos desde que o homem existe: nos próximos verões teremos furacões semelhantes aos dos anos passados. Alan Reynolds, do Cato Institute e ex-diretor de pesquisa econômica no Hudson Institute, sublinhou o bafo de ignorância que infecciona o alarmismo, em artigo reproduzido por Newsweek . Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 20:02 0 comentários Share | Marcadores: alarmismo , Cuba , EUA , furacões , tempestades tropicais domingo, 8 de outubro de 2017 Ditador turco confessa venalidade no Acordo de Paris Erdogan explica em Hamburgo: o clima do planeta era secundário, essencial era - e segue sendo - tirar dinheiro dos EUA e dos 'ricos'. Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs O presidente-ditador da Turquia, Recep Erdogan, admitiu que sua única razão para assinar o Acordo de Paris era tirar dinheiro dos EUA e de outras nações ricas, escreveu o site The Conservative Tree House. Os EUA comunicaram oficialmente à ONU em 4 de agosto sua saída do Acordo, noticiou “The New York Times ”. Porém, aguardam-se mais algumas tratativas. Como com a saída dos EUA do tratado o ditador turco não vê possibilidade de auferir benefícios financeiros, ele afirmou que não parece provável que seus submissos deputados aprovem o Acordo. Segundo a agência Reuters , Erdogan confessou a oferta venal durante conferência de imprensa na reunião do G20 em Hamburgo. Erdogan acrescentou que a França – que exercia a presidência da assembleia da COP21 por acontecer em Paris – prometeu ao líder fundamentalista que seu país seria incluído na lista dos que ganhariam uma compensação financeira. “Então nós dissemos que se isso acontecesse o acordo passaria no Parlamento turco. Mas se não, não passaria”, explicou cinicamente Erdogan. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 0 comentários Share | Marcadores: acordo de Paris , COP21 , François Hollande domingo, 24 de setembro de 2017 Problema dos ursos polares ‘em extinção’: estão gordos e numerosos demais The Washington Times : a extinção dos ursos polares foi um dos espantalhos de Al Gore em 'Uma Verdade Inconveniente' Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs A especialista em ursos polares, Dra. Susan Crockford, expôs em sua página Polar Bear Science o perigo que está acossando os ursos brancos. Até agora o alarmismo ambientalista explorava uma possível extinção dos ursos polares como um dos mais propagandísticos ícones das apocalípticas “mudanças climáticas”. Mas o ícone está sumindo das manchetes alarmistas. O que houve? Neste ano, os ursos polares da Baía de Hudson , perto de Churchill, Manitoba, apareceram em muito boa forma, apesar de um inverno muito frio. Churchill é um bom indicador e é considerada a “capital mundial do urso polar”. Não apenas puderam ser flagrados muito gordos , como também apareceram em grande número . E não só na Baía de Hudson, mas também em outros locais onde eles se fazem ver durante o derretimento sazonal do gelo do Ártico. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 1 comentários Share | Marcadores: Ártico , espécies protegidas domingo, 17 de setembro de 2017 “Condenem-me a morte, mas o clima não está esquentando!” John Coleman: “Condenem-me a morte, o clima não está esquentando!” Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs John Coleman desempenhou-se durante décadas como anunciador da meteorologia na TV, com grande sucesso de público. Apoiado na sua reputação, ele acabou fundando o renomado Weather Channel . Com uma longa experiência no acompanhamento das questões climáticas, Coleman percebeu as matreirices subjacentes às alegações demagógicas feitas em nome da “mudança climática”. Agora, em uma entrevista para MyNewsLA.com , ele mandou um “ultimato” a Al Gore e a outros ambientalistas radicais que menosprezam aqueles que não pensam como eles, e que qualificam de “negacionistas” e de “o que existe de pior da humanidade”. Se for assim, disse Coleman, que não esconde sua recusa aos demagogos climáticos, “condenem-me à morte”. “Sou apenas um velho idiota cético – um negacionista, como eles me chamam – que deveria ser encarcerado ou morto”, arguiu. “Eu entendo como eles se sentem. Mas você sabe de uma coisa? Eu sei que estou certo. Então eu não me incomodo”. Para Coleman, os cientistas “algorianos” manipulam os dados e extraem bilhões de dólares em créditos para pesquisas e seu próprio bolso. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 0 comentários Share | Marcadores: alarmismo , aquecimento global , John Coleman domingo, 10 de setembro de 2017 Grandes furacões diminuíram 70% desde 1926 Dr. Roger Pielke Jr.: “o mundo está passando por um período de desastres climáticos inusualmente baixos” Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs A grande imprensa, escrita ou eletrônica, focou com ênfase os efeitos devastadores do furacão Harvey que a partir de 25 de agosto atingiu severamente cidades do Texas, notadamente Houston, chegando até a Luisiana. Tratou-se de um dos mais intensos dos últimos anos, chegando a ser considerado em certo momento ‘categoria 4+’, pouco abaixo do máximo, da categoria 5. O anterior desse nível remonta a 2004. Enquanto escrevemos a lista dos mortos, ela chega aos 30, e os danos estavam sendo estimados em volta de 45 - 75 bilhões de dólares. Certa grande mídia – aliás, majoritária – atribuiu mais uma vez as causas às “mudanças climáticas”, ao “aquecimento global” e outras ficções. A utopia anticivilização do ambientalismo radical não se incomoda com as vítimas, e se chora seus males é para manipulá-los no sentido de seus projetos comuno-tribais. Porém, o professor Roger Pielke Jr., da Universidade de Colorado Boulder, uma das grandes autoridades mundiais em fenômenos climáticos extremos, pôs os pingos nos is no que se refere às causas verdadeiras do Harvey. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 2 comentários Share | Marcadores: alarmismo , desmentidos científicos , EUA domingo, 3 de setembro de 2017 Não houve em 2.000 anos mudanças anormais no clima John Abbot e Jennifer Marohasy: nos últimos 2.000 anos não houve mudanças climáticas anormais Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Para estudar o “aquecimento global” os cientistas australianos John Abbot e Jennifer Marohasy publicaram em GeoResJ o resultado da análise de seis séries de dados de 2.000 anos em diferentes regiões geográficas: “The application of machine learning for evaluating anthropogenic versus natural climate change” Eles estudaram as marcas deixadas pelo clima nos anéis de crescimento das árvores, no pólen, nos sedimentos lacustres, nos estalagmites, etc. e assim verificaram as tendências da temperatura global antes da aparição dos termômetros. Todas as provas recolhidas sugerem que o planeta estava por volta de um grau mais quente durante o Período Quente Medieval. Os autores concluíram que portanto não há nada de antinatural ou sem precedentes na tão falada “mudança climática” do fim do século XX e no início do XXI. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 09:26 1 comentários Share | Marcadores: aquecimento global , Climategate , Pequena Idade de Gelo , Período Quente Medieval domingo, 27 de agosto de 2017 “Igreja da Eutanásia”: no fundo inconfessável do ambientalismo radical Exibicionista, inumana, blasfema a 'Igreja da Eutanásia' não vai obter o que quer. Mas agita uma bandeira para a qual tendem os 'moderados' do ambientalismo Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Andando pelas ruas, é frequente bater os olhos em novas igrejas das mais inesperadas denominações, em sua maioria de inspiração evangélica ou de cultos e práticas orientais, Mas nos arraiais ambientalistas radicais surge de vez em quando alguma seita ainda mais inesperada. É o caso da Igreja da Eutanásia , fundada no ano de 1992 em Boston, EUA, por Chris Korda. Antinatalista, transgênero e vegana, Chris, nascida em 1962, é sobrinha-neta do magnata húngaro Sir Alexander Korda, muito conhecido na indústria cinematográfica britânica, e filha única do renomado escritor e romancista Michael Korda, antigo editor-chefe da rede de livrarias Simon & Schuster. O dogma fundamental de sua igreja é único, muito simples e de acordo com as crenças verdes radicais: “Salva o planeta, suicida-te”! Essa igreja verde se autodefine como “associação sem fins lucrativos cujos esforços se encaminham para restabelecer o equilíbrio entre os seres humanos e as demais espécies da Terra”, noticiou o jornal “El Mundo”, de Madri. Dito equilíbrio planetário só seria possível com uma redução voluntária e massiva da população humana. Parece uma singularidade de alguns exaltados, mas temos recolhido neste blog abundantes testemunhos de arautos do antinatalismo verde que ocupam altas posições no establishment político-midiático, possuem fortunas enormes e são recebidos com sorrisos nos ambientes vaticanos impregnados pela encíclica Laudato Si’ . Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 0 comentários Share | Marcadores: aborto , anti-humanismo , controle da natalidade , eutanásia domingo, 20 de agosto de 2017 Agricultura lidera preservação no Brasil mas é hostilizada pelo ambientalismo Chefe geral da EMBRAPA Monitoramento por Satélite demonstra que o Brasil é potência em preservação ambiental Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs O Dr. em Ecologia Evaristo de Miranda, chefe geral da EMBRAPA Monitoramento por Satélite demonstrou, mais uma vez que o Brasil grande produtor de alimentos, energia e fibras, é uma potência em preservação ambiental, em artigo para “O Estado de S.Paulo”. Mais de 66% do território nacional é recoberto por vegetação nativa. E esse número sobe para quase 75% quando agregadas as áreas de pastagem nativa do Pantanal, do Pampa, da Caatinga e dos Cerrados. Toda a produção de grãos (milho, arroz, soja, feijão...), fibras (algodão, celulose...) e agroenergia (cana-de-açúcar, florestas energéticas...) ocupa 9% do País. Os agricultores preservam mais vegetação nativa no interior de seus imóveis (20,5% do Brasil) do que todas as unidades de conservação juntas (13%)! Mais de 4,1 milhões de imóveis rurais, somando uma área superior a 410 milhões hectares, estavam cadastrados no Serviço Florestal Brasileiro até maio de 2017. Os agricultores informaram detalhadamente, num mapa com base em imagens de satélite e em diversas fichas, todo o uso e ocupação de suas terras, em conformidade com o Código Florestal. É como se ao declarar o Imposto de Renda o contribuinte informasse a planta da casa, a disposição de cada móvel, o uso de cada cômodo e ainda, na Amazônia, por exemplo, deixasse claro que não utiliza 80% de seu apartamento a título de reserva legal. E que cuida de tudo e paga impostos, mesmo sobre o que lhe é vedado usar. Os dados finalizados pela Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) demonstram o papel único da agropecuária na preservação ambiental. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 2 comentários Share | Marcadores: agronegócio , Brasil , desmatamento , reserva ecológica domingo, 13 de agosto de 2017 “Mínimo solar” pode trazer surpresas para a atividade humana A desaparição das manchas na superfície solar é sinal típico do 'Mínimo Solar' Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs A NASA publicou relatório ilustrado com um vídeo avisando que a sociedade deve estar atenta para eventuais desarranjos dos equipamentos magnéticos e eletrônicos. A causa não é o “aquecimento global”, mas algo que parece o inverso: a entrada do sol em seu mínimo de atividade. O ‘mínimo solar’ é cíclico – cada 11 anos – e em geral não provoca catástrofes, mas excepcionalmente pode gerar transtornos ao homem. O problema é a fragilidade dos instrumentos digitais em que repousa a organização humana. Com muito pouca influência magnética perturbadora os chips podem se desarranjar e acarretar graves contratempos. O relatório da NASA intitula-se “O mínimo solar está chegando”. Ele sublinha que a cada 11 anos o sol oscila ciclicamente entre seu “mínimo” e seu “máximo” de atividade. Hoje o sol está entrando no “mínimo”, explicou Dean Pesnell, do Goddard Space Flight Center da NASA, em Greenbelt, Maryland. “É um momento periódico do ciclo solar” em que a atividade do astro-rei é relativamente baixa. Porém a atividade é a mais fraca desde 1906. O mínimo de manchas solares prolongadas é conhecido como Mínimo de Maunder. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 0 comentários Share | Marcadores: alarmismo , aquecimento global , astrofísica , mínimo solar domingo, 6 de agosto de 2017 Religiosos e indígenas querem decidir na Noruega sobre as florestas brasileiras Iniciativa 'interreligiosa' reuniu agitadores tribalistas e ONGs esquerdistas patrocinada pelo governo da Noruega e se imiscuindo na vida do Brasil Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Uma Iniciativa Inter-religiosa da Floresta Tropical, promovida pelo Ministério do Clima e Ambiente da Noruega, reuniu em Oslo líderes de diversas crenças e povos, como os pigmeus africanos e etnias indígenas sul-americanas. O inédito encontro se inseriu numa longa serie de ingerências de governos e ONGs internacionais no Brasil e em outros países. O governo norueguês vai cortar em 2017 pelo menos 50% de suas doações ao Fundo Amazônia, gerido pelo BNDES, aduzindo o aumento no desmatamento nos últimos dois anos. O ministro norueguês do Meio Ambiente, Vidar Helgesen, agradeceu o apoio que essas ingerências encontram em líderes religiosos locais. “Em lugares onde o Estado não tem presença ou controle, sempre há comunidades de fé. Sempre há u ma igreja ou outro lugar de adoração. Essa infraestrutura é um recurso que pode ser mobilizado em favor das florestas de uma forma mais consistente”, disse. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 2 comentários Share | Marcadores: Amazônia , Brasil , desmatamento , indigenismo , ONGs domingo, 30 de julho de 2017 Suprimir filhos para impedir a mudança climática?! O anti-humanismo verde fala A propaganda ambientalista contra os filhos atinge patamares inimagináveis e com o pretexto de combater a mudança climática!!! Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs Seth Wynes, da Universidade da Colúmbia Britânica, no Canadá, e Kimberly A. Nicholas, da Universidade Lund, na Suécia, com ar de ciência publicaram na revista “Environmental Research Letters” um estudo com conclusões que até há pouco só se ouviam em grupos niilistas extremamente “anti-humanos”. Em poucas palavras, resumiu Agenda Europe , os autores defendem: “Salve o clima, não tenha filhos. Ou, ainda melhor, erradique a humanidade”. O pretexto é muito batido e bem fajuto: combater as mudanças climáticas e reduzir a emissão de CO2. Para isso, eles propõem a introdução em nível planetário de quatro costumes fundamentais: alimentação vegana, parar de viajar de avião, deixar de usar carro e limitar a família. Leia mais... veja artigo e fotos completas Postado por Luis Dufaur às 05:30 1 comentários Share | Marcadores: anti-humanismo , controle da natalidade Postagens mais antigas Página inicial Assinar: Postagens (Atom) ARAUTOS E PROFECIAS DO AMBIENTALISMO NEO-COMUNISTA Naomi Klein, ideóloga pro anarco-comunismo: isto não é contra o CO2, é contra o capitalismo “Nosso modelo econômico está em guerra contra a Terra. Nós não podemos mudar as leis da natureza. Mas nós podemos mudar nossa economia. A mudança climática é nossa melhor chance...” Heartland Google CEO Eric Schmidt: questionar o alarmismo climático é criminoso: “Tem gente que no meu ponto de vista duvida criminalmente da ciência.” “Concordo ‒ acrescentou James Cameron ‒ criminalmente. Gente, nós temos que evoluir mentalmente e filosoficamente para algo que nunca existiu antes. Nós precisamos nos transformar num povo tecno-indígena da Terra toda, não de um Estado, mas de um planeta” (Sillicon Valley, oct 2010) Anos '60: quando o pânico na moda era a fome e a superpopulação do Planeta Sec. executiva da UNFCCC: contra o “aquecimento global” o comunismo chinês é melhor que democracia o maoísmo “está fazendo o certo” para combater o “aquecimento global”. A democracia é “muito danosa” para a aprovação de legislação contra o “aquecimento global” . A Assembleia do Povo chinesa aprova massivamente as decisões do Comité Central do Partido Comunista e outras dependências do governo. . Leia mais . Jilmar Tatto, Secretário de Transportes de São Paulo “No futuro, a pessoa que andar de carro numa grande cidade será tratada como um fumante”. (“O Globo” 27/08/2013) Jacques Yves Cousteau: “Para estabilizar a população mundial nós devemos eliminar 350.000 pessoas por dia. É horrível dizê-lo, mas é igualmente horrível não dizê-lo”. (Courrier de l'Unesco) Marina Silva ex-ministra do Meio Ambiente “Não podemos mais perder tempo com “bolhas” de prosperidade ilusória que custam os recursos de mil anos e se desfazem em menos de uma década”. (OESP, 28.4.2012) James Hansen diretor da NASA, “Natural Science”, 01.08.03: “A insistência nos cenários extremos foi útil, sem dúvida, quando o público ignorava o que está em jogo com o aquecimento global e as fontes de energia” . Na Columbia University, julho de 2006: “Todos os brados dos cientistas céticos não serão abafados enquanto eles não estiverem mortos”. Christopher Manes, líder do “Earth First”: “É possível que a extinção da espécie humana não seja inevitável, e [será] até uma boa coisa”. Judi Bari, ativista da “Earth First”: “Eu acredito que se nós não derrubarmos o capitalismo, não teremos chance alguma de salvar o mundo do ponto de vista ecológico” . Paul Watson, co-fundador de Greenpeace e fundador da Sea Shepherd Conservation Society: “Qual seja a verdade não tem importância . Só interessa o que as pessoas acham que é a verdade” ( Magazine Forbes , nov. 1991) Mayer Hillman, do Policy Studies Institute, think-tank ambientalista: “ a democracia é um objetivo menos importante que a proteção do planeta contra o fim da vida. … as restrições às emissões de carbono devem ser impostas ao povo, goste ele ou não ”. Maurice Strong, ex-secretário geral da ECO 92 e ex-conselheiro de Kofi Annan, sec. geral da ONU: “É possível que nós cheguemos a um ponto em que, para salvar o mundo, a solução seja o afundamento da civilização industrial… procurar a pobreza… reduzir o consumo dos recursos… instalar normas para a mortalidade ”. Stephen Schneider do National Center for Atmospheric Research, Boulder, Colorado: “Nós devemos apresentar cenários terríficos, proferir afirmações simplistas e catastróficas sem nos importarmos das dúvidas que possamos ter . Cada um de nós tem de escolher entre a eficácia e a honestidade”. (Discover Magazine 1989) Ottmar Edenhofer, co-diretor do Grupo de Trabalho III do IPCC: “Temos que dizer claramente que nós de fato redistribuímos as riquezas do mundo por meio da política do clima. … temos que nos liberar da ilusão de que a política internacional pelo clima é uma política ambientalista. Ela não tem quase nada que ver com uma política para o meio ambiente com problemas do tipo desmatamento ou buraco de ozono”. Paul Ehrlich, prof. da Universidade Stanford. em 2000 Inglaterra será uma ilha povoada de famintos “ até o ano de 2000, o Reino Unido será simplesmente um pequeno grupo de ilhas empobrecidas, habitadas por cerca de 70 milhões de famintos. ” (“O Globo”, 11.5.2012) Frei Betto “Matar e desmatar”: mortes ocorrerão com novo Código Florestal: “ mortes por assassinato ocorrerão se a presidente Dilma não tomar providências enérgicas para qualificar os assentamentos rurais, impedir o desmatamento e puni-lo com rigor, cobrar as multas aplicadas, federalizar os crimes contra os direitos humanos e, sobretudo, vetar o Código Florestal e promover a reforma agrária ”. Antonio Delfim Neto ex-ministro, embaixador e deputado: planeta não suporta população “Conflitos serão inevitáveis. Não há como o planeta sustentar nove bilhões de pessoas com renda de US$ 20 mil cada”. (“O Globo”, 11.5.2012) Gilberto Carvalho, chefe da Secretaria da Presidência: bloquear ao povo padrões de consumo da elite “o mundo se acabaria rapidamente se fosse universalizado o padrão de consumo das elites”. (“O Globo”, 11.5.2012) John Holdren, assessor de Obama para Ciência: usar outro “termo talismã” para a mesma coisa: O termo “aquecimento global” é facilmente ridicularizável. “Cada vez que saímos com nossos carros (perguntam-nos) cadê do aquecimento global? Mas, se falarmos de “perturbação climática global” ( global climate disruption ) é um termo genérico que pode se aplicar a todas as condições climáticas”. Charles Manson, em 1987: “Eu estou trabalhando para salvar o meu ar, minha água, minhas árvores e os meus animais selvagens, e eu estou tentando acabar com a sociedade. ... as calotas polares estão derretendo porque vocês estão produzindo tanto calor com essa máquina .... Talvez eu deveria ter matado quatro ou cinco centenas de pessoas, então eu teria teria me sentido como se eu tivesse realmente oferecer algo a sociedade .... a verdade é que o planeta Terra está morrendo”. 'Today Show', MSNBC Frente de Libertação da Terra, SP, junho 2010: “Da mesma maneira que esses carros queimaram, outros carros, casas, caminhões e estabelecimentos que/de quem danificam e exploram a terra e os animais, também queimarão.” (após atentado que queimou loja da Land Rover, SP) Evo Morales, presidente da Bolívia: Se as nações ricas desistirem de Kyoto “seremos responsáveis por um ecocídio e um genocídio. Ou morre o capitalismo ou morre a mãe-Terra ”. (COP16, Cancún, dez 2010) Cineasta James Cameron, diretor de “Avatar”: “Se isto continua, nós teremos extinguido 70% das espécies do planeta pelo fim do século.” (Silicon Valley, oct 2010) “Acampamento Terra Livre 2011 pela Mãe Terra” repudia Código Florestal: “Não admitiremos que a Mãe Terra [...] seja arrancada mais uma vez das nossas mãos ou destruída irracionalmente, como foi há 511 anos pelos colonizadores europeus”. Hugo Chávez, presidente da Venezuela: Os países capitalistas são “os maiores assassinos do clima” . (COP16, Cancún, dez 2010) Bin Laden, chefe terrorista e ambientalista islâmico: “O número de vítimas causadas pelas mudanças climáticas é muito grande [...] maior do que as vítimas de guerra... O aquecimento está destruindo a capacidade do povo muçulmano de se alimentar com seus próprios produtos agrícolas. Esta é uma questão de vida ou morte”. Outra proposta de pânico em Bremen: “a acidificação dos oceanos” No Instituto Alfred Wegener para Pesquisa Polar e Marítima (AWI), em Bremerhaven, patrocinados pela Comissão Européia, 200 cientistas debateram como novo pânico “a acidificação dos oceanos”. “Os oceanos acidificam-se muito mais rápido do que nunca na história da Terra ... O gás estufa CO2 não somente causa o aquecimento global mas, também, está acidificando cada vez mais os oceanos”. Geógrafo Carlos Walter Porto-Gonçalves a “Jornal Sem Terra” (do MST): “A Reforma Agrária é fundamental para a questão ecológica, ... Os males que nós estamos vivendo derivam todos do capitalismo. Então buscar uma sociedade para além do capitalismo é fundamental.” Guy R. McPherson, prof. de Biologia Evolutiva na Universidade de Arizona: “A mudança climática global ameaça extinguir nossas espécies lá pela metade do século se nós não liquidamos já com a economia industrial” . O prof. McPherson ganhou notoriedade anunciando “o fim do mundo” ( veja vídeo ). Em 2009, ele abandonou a carreira para se preparar para o “colapso” e vive do leite e ovos de pequenos animais numa comunidade rural. Senadora e ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva: “Chico (Mendes) talvez nem soubesse o que queria dizer ecologia e muito menos holocausto ecológico quando começou sua romaria pela floresta para organizar a peãzada dos seringueiros ‒ primeiro, no sindicato dos trabalhadores rurais e, mais tarde, para criar o PT. (...) ele acabou juntando numa bandeira só a luta ecológica, a luta sindical e a luta partidária , porque sabia que elas são indissociáveis...” John Holdren, assessor de Obama para Ciência: “As informações sobre mudanças climáticas podem (e devem) ser utilizadas para incentivar manifestações públicas para mudar as barreiras estruturais e comportamentais da sociedade”. Jornalista Jeremy Hsu: “As extinções massivas serviram como grandes teclas para dar um reset que mudaram drasticamente a diversidade das espécies no mundo, (...) Alguns cientistas especulam que os efeitos causados pelos humanos ‒ desde a caça até a mudança climática ‒ estão impulsionando outra grande extinção de massa” . David Foreman, porta-voz da Ong 'Earth First!': “O homem não é mais importante que qualquer outra espécie... Bem poderia ser que nossa extinção conserte as coisas”. citado por John Fayhee na revista 'Backpacker', setembro 1988, p. 22 IPCC e a “desertificação” da Amazônia: “o IPCC (...) conclui, com 80% de certeza, que mais da metade da floresta amazônica pode se transformar em savana (...) A mudança climática tende à desertificação e salinização de áreas próprias para a agricultura. O semi-árido poderá passar para zona árida levando à extinção de várias espécies da flora e fauna.” (Agência Brasil, 6/04/07) Prefeitura de São Paulo: boicote à carne para “salvar o planeta” “A campanha “Segunda Sem Carne” terá o apoio da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente de São Paulo. “A justificativa, segundo a secretaria, é que a dieta carnívora em ampla escala “é comprovadamente insustentável”, além de não trazer benefícios à saúde.” (Folha de S. Paulo, 20/9/2009) Rajendra Pachauri, presidente do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas ‒ IPCC: “O estilo de vida ocidental é insustentável. Eu não entendo por que não pode haver um medidor em cada quarto de hotel para registrar quanto V. consome com o ar condicionado ou aquecimento e depois V. pagar. Com mudanças deste tipo, poder-se-ia obter que o pessoal comece a medir seus atos consumistas. O uso de carros deve ser reprimido. Acho que podemos manipular os preços para regular o uso de veículos particulares. Os restaurantes oferecerem água gelada aos clientes é um esbanjamento enorme . Acho que (...) os adultos foram corrompidos por causa dos caminhos que percorremos há anos.” “The Observer”, 29.11.2009. Presidente Barack Hussein Obama, então senador, 03/04/06: “Hoje estamos vendo que a mudança climática consiste em uma cadeia de catástrofes naturais e os padrões climáticos devastadores que o aquecimento global está começando a detonar em todo o mundo.” Dr. David Viner, Universidade de East Anglia, CRU, março 2000: “em poucos anos a nevasca será “um evento muito raro e emocionante” e as “crianças apenas saberão o que é que é a neve” ( 'The Mail' ). “Climate justice now!” “Para nós, as lutas pela justiça climática e pela justiça social são uma mesma coisa. É a luta por territórios, terras, florestas e água, para a reforma agrária e urbana, soberania alimentar e energética, para as mulheres e os direitos do trabalhador. É a luta pela igualdade e a justiça para os povos indígenas , para os povos do Sul global, para a redistribuição da riqueza e para o reconhecimento da dívida histórica ecológica devida pelo Norte ”. “Via Campesina Internacional”: “As atuais formas globais de produção, consumo e mercado causaram uma destruição massiva do meio ambiente, incluindo o aquecimento global, as espécies animais e vegetais estão desaparecendo num ritmo sem precedentes. Exigimos urgentemente: “1) O desmantelamento completo das companhias de agrocombustíveis . 2) A substituição da agricultura industrializada pela agricultura sustentável apoiada por verdadeiros programas de reforma agrária .” Paul Singer, apologista da “economia solidária”: “o padrão de consumo no mundo vai ter que mudar. Teremos que fazer um só automóvel levar mais gente, criar bolsões de bicicleta e ciclovias, entre outras coisas. O aquecimento global deve ser contido o mais depressa possível. Teremos que voltar a uma dieta de cereais. Seremos condenados à fome se não mudarmos nossa forma de alimentação. ” Carlos Vicente, da “Ação Internacional pelos Recursos Genéticos”: “precisamos substituir o transporte de carros individuais, que consomem muita gasolina e álcool, pelo transporte coletivo, (...) as conseqüências perversas do aquecimento do planeta, das mudanças climáticas, podem levar para pressionar os governos a que realizem tais mudanças.” (revista Biodiversidad, 4-6-2007) Suprema Mestra Ching Hai, 'vinda do Himalaia': “Precisamos salvar este planeta primeiro, para que possamos ficar. Pois se todo o gelo derreter, e se o mar ficar quente, então o gás poderia ser liberado do oceano, e poderíamos ser envenenados. Do modo como vai, se eles [os políticos] não consertarem, será o fim em 4 ou 5 anos. (...) Eles precisam ser vegetarianos (...) proibindo a carne, citando todo o mal que a carne causa aos seres humanos e ao planeta (...) o vegetarianismo serve para diminuir a má distribuição da energia (carma) e comover a misericórdia do Céu”. Ross Gelbsan, ativista ambiental: “Não somente os jornalistas não estão obrigados a informar o que dizem os cientistas céticos sobre o aquecimento global. Eles estão obrigados a não noticiar o que esses cientistas dizem. ” Ex-frade e teólogo da libertação Leonardo Boff: “A roda do aquecimento global não pode mais ser parada , (...) a Terra como conjunto de ecossistemas já se tornou insustentável porque o consumo humano, especialmente dos ricos que esbanjam, já passou em 40% de sua capacidade de reposição. Esta conjuntura pode levar a uma tragédia ecológico-humanitária de proporções inimagináveis e, até pelo final do século, ao desaparecimento da espécie humana . “Uma Silva sucessora de um Silva?”, agência Adital. Evo Morales, presidente da Bolívia: “Se quisermos salvar a Terra e a humanidade, não temos outra alternativa a não ser acabar com o sistema capitalista” . (entrevista coletiva na COP-15, Copenhague). George Monbiot, ambientalista do “The Guardian”, Londres: “Eu poucas vezes me senti tão sozinho . Diante da crise [Climategate], eu sei que a maioria dos ambientalistas adotaram o negacionismo. (...) Não há modo de salvá-lo. Phil Jones [chefe da Climatic Research Unit, ver post sobre Climategate] tem que cair fora, quanto mais demorar, pior vai ser para ele” . George Monbiot (II), ambientalista do “The Guardian”, Londres: “Não há como negá-lo: estamos perdendo. A negação da mudança climática está se espalhando como uma doença contagiosa. (...) Pesquisa no mês passado do Pew Research Centre sugere que a proporção de americanos que acreditam haver provas sólidas do aquecimento caiu de 71% para 57% em apenas 18 meses . Pesquisa da Rasmussen Reports sugere que os eleitores americanos que acham que o aquecimento global tem causas naturais (44%) superam os que acreditam que é resultado da ação humana (41%) .” Jonathon Porrit, decano dos 'gurus verdes' no Reino Unido: “[precisamos de uma catástrofe para fazer mudar qualquer coisa] falei em sentido literal. A única maneira de sacudir essa negação é um choque tão profundo e tão doloroso no sistema que não teremos outra escolha senão fazer essas mudanças.” “Expresso”, Portugal, 6.12.2009. Hans Joachim Schellnhuber, conselheiro chefe do governo alemão para proteção climática: “Cada pessoa na terra só poderia produzir 110 toneladas de CO2 entre 2010 e 2050 (…) Alemanha, EUA e outros países industrializados já esgotaram sua cota (…) cada pessoa nesses países deveria pagar €100 por ano (…) As cifras parecem gigantescas (…) se os alemães não mudam seus hábitos o próximo governo deverá adotar um novo e drástico plano climático”. “Der Spiegel”, 09/04/2009. Paul Ehrlich, no livro “The Population Bomb”, Ballantine Books 1968: “Um câncer é uma multiplicação descontrolada de células. a explosão populacional é uma multiplicação descontrolada de pessoas ... Nossos esforços devem passar do tratamento dos sintomas para a extirpação do câncer… Nós devemos ter um controle populacional … compulsivo se os métodos voluntários fracassam”. Clube de Roma, profetizou que o petróleo acabaria em 1980: “Procurando um novo inimigo que nos unisse nós chegamos à idéia de que a poluição, a ameaça do aquecimento global, a falta de água, a fome e coisas do gênero fariam o serviço... Todos esses perigos são provocados pela intervenção humana... então, o inimigo real é a humanidade ela própria... um adversário comum para realizar o governo mundial. Não importa se este inimigo comum é real ou … se a gente o inventa para servir no caso.” David Foreman, porta-voz da ONG 'Earth First!': “Eu não vejo outra solução para evitar a ruína da Terra salvo uma drástica redução da população humana”. citado por Gregg Easterbrook em “The New Republic”, 30-4-1990, p. 18 João Pedro Stédile, líder do MST: “a sociedade tem que tomar uma decisão: ou muda ou vai para o brejo. (...) Cientistas advertem que, se o aquecimento global aumentar mais, vai trazer um desequilíbrio na vida do planeta que pode levar inclusive a uma catástrofe do ser humano. .” Jacques Attali, ex-conselheiro presidencial socialista francês: “A História nos ensina que a humanidade só evolui significativamente quando ela sente medo verdadeiramente ... [Para nos preservarmos das pandemias] “é preciso montar uma polícia mundial, criar reservas mundiais de alimentos e aplicar um sistema de impostos mundial. Assim conseguiremos criar as bases de um verdadeiro governo mundial mais rápido do que impelidos por simples razões econômicas”. Blog “Conversation avec Jacques Attali”. Timothy E. Wirth, ex-senador e ex-assessor de Al Gore, presidente da ‘United Nations Foundation’: “ Ainda que a teoria do aquecimento global esteja errada, nós estaremos fazendo a coisa certa em termos de política econômica e ambientalista”. Jeffery Sachs, diretor do The Earth Institute: “Obama está inaugurando um novo rumo histórico reorientando a economia do consumo privado para o investimento publico. A ideologia do livre mercado é um anacronismo na era da mudança climática”. David Attenborough, diretor de 'The Optimum Population Trust': “Eu já vi a vida selvagem ameaçada pela crescente pressão humana em todo o mundo, e não é por causa da economia ou da tecnologia. É que por trás de cada ameaça está a estarrecedora explosão dos números da população humana. “Qualquer ambientalista sério sabe perfeitamente bem que o crescimento da população é o cerne de todos os problemas ambientais”. (The Telegraph, 14.4.2009) MAIS Paul W. Taylor, professor de ética na City University, New York, no livro “Respect for Nature”: “Se se der o total, absoluto e definitivo desaparecimento do Homo Sapiens , não somente a comunidade da vida na Terra continuará a existir… mas o fim da época humana sobre a Terra será comemorada com um caloroso 'Feliz libertação'!” (Princeton Univ Press, 1989) pg. 115 Maurice Strong, secretário geral da Conferência da ONU para Meio Ambiente e Desenvolvimento ECO-92: “Não é que a única esperança para o planeta consiste no colapso das civilizações industriais? Não é nossa responsabilidade torná-lo realidade?” Stewart Brand, em 'The Whole Earth Catalog': “Nós fazíamos votos… por um desastre ou por uma mudança social vindoura que nos catapultasse de volta para a idade de pedra”. Brand abdicou de muitas idéias extremistas partilhadas com ambientalistas. Faye Dunaway, porta-voz de “Mother Earth/Gaia” na série 'Voice of the Planet': “Você acha que Hiroshima foi ruim, mas eu quero te dizer: Hiroshima não foi suficientemente ruim!” Osama bin Laden: “ A vida da humanidade toda está em perigo por causa do aquecimento global provocado, em grande medida, pelas emissões das fábricas das grandes corporações. (...) as estatísticas falam da morte e da migração de milhões de seres humanos por causa desse aquecimento , especialmente na África.” Premiê socialista espanhol na ONU “luta contra a mudança climática': “O mais singular da intervenção de Zapatero foi a ênfase na luta contra a mudança climática. Embora a Espanha seja o país mais atingido pela recessão econômica, com um desemprego pero de 20%, ele garantiu que o aquecimento global terá efeitos “muito mais devastadores para as gerações vindouras” e que “a saída da crise passa pelo crescimento sustentável”. (El País, Madri, 25/09/2009) Premiê socialista britânico Gordon Brown: “Não podemos nos permitir o fracasso [em Copenhague 2009]. Se hesitamos, a Terra estará em perigo. Para o planeta não há Plano B. Não podemos ceder diante da catástrofe de uma mudança climática não controlada”. (Foro das principais economias sobre Energia e Clima). Rajendra K. Pachauri, presidente do IPCC: “há necessidade de mudar os estilos de consumo. Reduzir o tamanho da industria pecuarista por meio da redução do consumo é a via mais efetiva para cortar as emissões de gases estufa. (…) Uma mudança nos níveis de consumo será necessário para ter um CO2 baixo e uma sociedade sustentável.” Ted Turner, bilhonário fundador da CNN: “O aquecimento global matará a maioria de nós, e fará do resto uns canibais.” Christine S. Stewart, ex-ministra do Meio Ambiente do Canadá: “Não tem importância se nossa ciência toda é falsa, há benefícios ambientais colaterais... a mudança climática fornece a maior chance para impor a justiça e a igualdade no mundo.” David Suzuki, líder contra os políticos que no aderem ao alarmismo climático: “Eu gostaria desafiar vocês a fazerem um bom esforço para ver se há uma via legal para meter no cárcere nossos assim chamados líderes, porque o que eles estão fazendo é um ato criminal”. Barbara Stocking, executiva chefe de Oxfam na Gra-Bretanha: “Transferir fundos dos países ricos para ajudar os pobres e vulneráveis a se adaptarem â mudança climática não é sequer o 1% do necessário. Esta injustiça flagrante deve ser tratada na Conferência de Copenhague em dezembro [2009].” Emma Brindal, coordinadora da ‘Campanha pela Justiça Climática’ de Friends of the Earth: “A resposta à mudança climática deve trazer no seu cerne a redistribuição dos recursos e da riqueza.” Frei Betto: frade dominicano teólogo da libertação: “ A bandeira da ecologia também é revolucionária . A questão ecológica atinge indistintamente a todos. (...) Nós tínhamos uma idéia de classe, muito permeada pelo econômico. Às vezes, deixávamos de ampliar o leque de aliados por não perceber que há demandas que dizem respeito à vida das classes dominantes, tanto quanto à nossa vida, como é a questão do meio ambiente.” “Desafios da Educação Popular”. Filme “A era da estupidez” reedita falsos de Al Gore: “Com estreia nos EUA e no Canadá na véspera da reunião extraordinária da ONU sobre o clima, e no resto do mundo (inclusive no Brasil), o filme é um libelo político . “O roteiro tem a tarefa difícil de emocionar um público já saturado de mensagens catastrofistas sobre o clima e exposto nos últimos anos a filmes como o documentário “Uma Verdade Inconveniente”. (Folha de S.Paulo, 21/09/2009) Barack Hussein Obama, presidente dos EUA: “Os EUA – e o mundo ‒ enfrentam poucos desafios mais urgentes do que combater a mudança climática (...). A ciência já deixou atrás a discussão e os fatos são claros. Os nível dos mares está subindo. As praias estão encolhendo. Vemos secas recorde, crescentes fomes, tempestades mais fortes cada vez que vem a estação dos furacões .” Discurso para governadores e mais de 600 ambientalistas de todo o mundo, novembro 2008. Thomas E. Lovejoy, conselheiro do Banco Mundial: “O planeta esta no ponto de ser tomado pela febre, se é que já não o fez, e nós humanos somos a doença. Nós deveríamos estar em guerra contra nós mesmos e contra nossos estilos de vida”. John Theodore Houghton, primeiro presidente do IPCC, co-premiado com o Nobel da Paz: “Se nós não anunciarmos desastres, ninguém nos ouvirá”. Robert F. Kennedy, Jr.: “Os criadores de porcos em grande escala são uma ameaça maior para os EUA e para a democracia americana que Osama bin Laden e sua rede terrorista”. John Holdren, assessor para Ciência do presidente Obama: “Um envolvente Regime Planetário controlaria o desenvolvimento, administração, conservação e distribuição de todos os recursos naturais , renováveis e não-renováveis. Ele teria o poder de controlar a poluição não só da atmosfera e dos oceanos, mas também da água doce de rios e lagos. Regularia todo o comércio incluindo todos os alimentos. Ele determinaria a população ótima para o mundo. Ele deveria ter poder para impor limites populacionais aos países. E se Vs. querem saber quem faria o aborto e a esterilização de massa forçados, eu respondo: ‘pois o Regime Planetário com certeza! ’ Livro: “Ecoscience: Population, Resources, Environment”. Noel Brown, ex-diretor do Programa de Meio Ambiente da ONU: “Se a tendência atual não é invertida, pelo ano 2000 (sic!) nações inteiras serão apagadas da face da terra pelo crescida dos mares devido ao aquecimento global. As enchentes costeiras e o quebra das safras provocarão êxodos de “eco-refugiados” que ameaçarão pôr em caos a política”. David Graber, do U.S. National Park Services: “Nós viramos uma praga para nós mesmos e para a Terra. É cosmicamente improvável que o mundo desenvolvido opte acabar com a orgia de consumo de energia fóssil, e que o Terceiro Mundo abandone seu consumo suicida da natureza. Enquanto o Homo Sapiens não voltar ao estado de natureza, para alguns de nós só fica aguardar o vírus certo para ficarmos sozinhos.” Paul Ralph Ehrlich, professor da Universidade Stanford: “Fornecer energia abundante e barata à sociedade equivaleria a dar uma metralhadora a uma criança idiota.” Carlos Walter Porto-Gonçalves “ a questão ecológica é fundamental no debate sobre Reforma Agrária (...) O aquecimento global acaba criando uma oportunidade fantástica (...) O campesinato, assim como as populações indígenas passam a adquirir um papel central no debate sobre o futuro da humanidade. Os males que nós estamos vivendo derivam todos do capitalismo. ” Al Gore, Prêmio Nobel pela pregação ambientalista “Muitos cientistas estão alertando agora que nós estamos nos aproximando de vários ‘pontos de virada’ que poderiam — num período brevíssimo de 10 anos — tornar impossível impedirmos danos irreversíveis na habitabilidade do planeta para a civilização humana.” Discurso na New York University Law School (18/09/06) Ted Turner, bilionário fundador da CNN: “O ideal seria que a população mundial fosse de 250-300 milhões de pessoas, quer dizer uma diminuição de 95% dos níveis atuais.” Stephen H. Schneider, professor de Biologia Ambiental e Mudança Global na Universidade Stanford: “Isso, naturalmente, implica a obtenção de muita cobertura da mídia. Portanto, temos que oferecer cenários assustadores, fazer simplificações, declarações dramáticas, e fazer pouca menção de quaisquer dúvidas que possamos ter” . David Foreman, co-fundador de Earth First!: “Nós devemos transformar isto num lugar inseguro e inóspito para os capitalistas e seus projetos. Devemos contestar as estradas e a extensão das terras cultivadas, parar a construção de barragens, denunciar os danos das barragens existentes, libertar os rios represados e devolver à vida selvagem milhões de acres de terra atualmente explorados.” James Hansen, diretor do Instituto Goddard, da NASA: 'Os executivos chefes de grandes companhias de petróleo deveriam ser processados por graves crimes contra a humanidade e contra a natureza”. Hansen acusava-os de espalhar ativamente a dúvida sobre o aquecimento global da mesma maneira que as empresas de tabaco confundem as relações entre fumo e câncer. Monika Kopacz, pesquisadora e ativista: “Só o exagero sensacional cria o caso que vai atrair a atenção dos políticos e dos leitores . Então, sim, os climatólogos podem exagerar, mas no mundo de hoje essa é a única forma de garantir qualquer ação política e, mais ainda, mais verbas federais”. Louis Proyect da Universidade Columbia: “A resposta ao aquecimento global é a abolição da propriedade privada (…) Um mundo socialista daria uma prioridade enorme as fontes de energia alternativas. Isto é o que os socialistas voltados para a ecologia estão agora explorando detidamente.” Michael Oppenheimer, professor de Geociências e Relações internacionais, Universidade de Princeton: “Não podemos permitir que outros países tenham o mesmo número de carros, o mesmo patamar de industrialização que nós temos nos EUA. Nós temos que parar esses países do Terceiro Mundo exatamente onde estão”. José Bové: ativista “verde” altermundialista e anticapitalista: “A ecologia não é compatível com o capitalismo . Todas as ideologias produtivistas fracassaram (...) com o aquecimento climático que se acelera. (...) Nós temos necessidade de virar as costas para o modelo produtivista agrícola que eliminou milhões de camponeses, destruiu a qualidade dos alimentos e depredou o meio ambiente .” Le Monde, 23.6.09 Jacques Attali, ex-presidente Banco Europeu para a Reconstrução: “a transformação do clima, piorada ou não pela atividade humana, poderia ter em curto prazo c onseqüências mortais para a espécie humana : liberando bactérias contidas na tundra siberiana ou poços de metano que se estenderiam sobre o planeta como uma nuvem asfixiante. Alguns cientistas até predizem a data da catástrofe: 2012. ” Blog “Conversation avec Jacques Attali”. O “Pravda” de Moscou encheu 3 páginas web com matéria tirada sem licença de nosso blog ( 1 , 2 , 3 ). Poderes como o Kremlin esquadrinham o debate ecológico no Brasil, cientes que dele dependem o mundo e a religião do III milênio Pesquisar este blog Mais lidos da semana Terra entrou em mini-era glacial, mas IPCC ainda discute o furado Acordo de Paris Fonte congelada pela atual onda polar, Bryant Park, Nova Iorque Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política inter... Vegetação consome quase 20 vezes o CO2 produzido pelos combustíveis fósseis Soja na Argentina Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diver... Verdes sem argumentos: o Brasil está alimentando mais de um bilhão de pessoas! A produção de grãos do Brasil é superior a uma tonelada por habitante. Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de polític... Aquecimento global: pseudociência baseada em fraudes Conferência do Prof Ricardo Felício promovida pelo IPCO. Foto: Paulo Roberto Campos / ABIM. Luis Dufaur Em 25 de junho último... Agricultura lidera preservação no Brasil mas é hostilizada pelo ambientalismo Chefe geral da EMBRAPA Monitoramento por Satélite demonstra que o Brasil é potência em preservação ambiental Luis Dufaur Escrito... Festa de “energias renováveis” depaupera espanhóis Parece conto da carochinha, mas don Quixote virou a casaca. Na Espanha, as energias renováveis ficaram quixotescas. Luis Dufaur ... Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, sócio do IPCO, webmaster de diversos blogs ... Desenvolvimento sustentável: uma bobagem sem sentido, disse “pai da hipotese Gaia” Lovelock: “desenvolvimento sustentável é bobagem sem sentido” Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política interna... Achar que o CO2 decide o clima é como crer em magia, diz professor do MIT Conferência do prof. Richard S Lindzen: acreditar que o CO2 controla o clima está muito perto de acreditar em magia Luis Dufaur Es... Problema dos ursos polares ‘em extinção’: estão gordos e numerosos demais The Washington Times : a extinção dos ursos polares foi um dos espantalhos de Al Gore em 'Uma Verdade Inconveniente' Luis Du... Slideshow das fotos do blog Posts mais lidos em todos os tempos Quando um cacique fala toda a verdade, brilha a falácia da “revolução ambientalista” O índio Silvestre Leocádio da Silva viu injustiças verde-vermelhas contra os índios e a natureza Luis Dufaur Escritor, jornalista, ... Biomas preocupam a CNBB, mas não as dezenas de milhões de católicos que abandonaram a Fé Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, São Cristóvão. Abandonada como muitas outras, mas o que importa é o bioma! Luis Dufaur Escritor... 240 trabalhos científicos em seis meses derrubam “consenso” sobre catastrofismo climático A fotomontagem é cômica. A realidade é trágica. Quase um milheiro de trabalhos científicos sérios prova que não há consenso mas ambienta... O que é o CO2 (dióxido de carbono)? É tão ruim como dizem? É bom? Sem ele morreremos todos? Pinheiros: com maiores doses de CO2 cresceram mais Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional, só... Líder de Greenpeace abandonou a ONG por causa da infiltração marxista e explica como Dr. Patrick Moore deixou Greenpeace que ajudou a fundar Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internacional... Aquecimento global: pai da “hipótese Gaia” se retratou de seu alarmismo James Lovelock, pai da “hipótese Gaia”, se retratou de seu alarmismo em matéria de “mudança climática” Luis Dufaur Escritor, jorna... O Sol anuncia: vem aí uma mini era de gelo Explosões solares nas últimos três ciclos (1985-2015 em diante) estão diminuindo. Foto cortesia Dr. David Hathaway, NASA-MSFC. Luis ... Achar que o CO2 decide o clima é como crer em magia, diz professor do MIT Conferência do prof. Richard S Lindzen: acreditar que o CO2 controla o clima está muito perto de acreditar em magia Luis Dufaur Es... “Igreja pan-amazônica”: “a última loucura” para desfazer o Brasil? “Igreja pan-amazônica” seria “a última loucura” para desfazer o Brasil? + Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de polí... Reunião da ONU em Paris pode atentar contra soberania na Amazônia O general Villas Bôas falando na audiência pública no Senado. Luis Dufaur Escritor, jornalista, conferencista de política internac... Seguidores Páginas Início Arquivo do blog ▼ 2017 (46) ▼ Dezembro (4) Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Terra entrou em mini-era glacial, mas IPCC ainda d... Festa de “energias renováveis” depaupera espanhóis... Desenvolvimento sustentável: uma bobagem sem senti... ► Novembro (4) ► Outubro (4) ► Setembro (4) ► Agosto (4) ► Julho (5) ► Junho (5) ► Maio (4) ► Abril (4) ► Março (3) ► Fevereiro (3) ► Janeiro (2) ► 2016 (49) ► Dezembro (2) ► Novembro (4) ► Outubro (5) ► Setembro (4) ► Agosto (4) ► Julho (3) ► Junho (4) ► Maio (6) ► Abril (7) ► Março (3) ► Fevereiro (3) ► Janeiro (4) ► 2015 (61) ► Dezembro (4) ► Novembro (11) ► Outubro (4) ► Setembro (4) ► Agosto (7) ► Julho (7) ► Junho (4) ► Maio (5) ► Abril (5) ► Março (5) ► Fevereiro (3) ► Janeiro (2) ► 2014 (49) ► Dezembro (2) ► Novembro (5) ► Outubro (4) ► Setembro (4) ► Agosto (5) ► Julho (4) ► Junho (5) ► Maio (4) ► Abril (4) ► Março (4) ► Fevereiro (4) ► Janeiro (4) ► 2013 (59) ► Dezembro (3) ► Novembro (5) ► Outubro (4) ► Setembro (5) ► Agosto (4) ► Julho (3) ► Junho (7) ► Maio (7) ► Abril (6) ► Março (7) ► Fevereiro (3) ► Janeiro (5) ► 2012 (73) ► Dezembro (3) ► Novembro (7) ► Outubro (7) ► Setembro (5) ► Agosto (5) ► Julho (7) ► Junho (17) ► Maio (6) ► Abril (4) ► Março (6) ► Fevereiro (3) ► Janeiro (3) ► 2011 (42) ► Dezembro (3) ► Novembro (1) ► Outubro (3) ► Setembro (3) ► Agosto (3) ► Julho (6) ► Junho (3) ► Maio (4) ► Abril (3) ► Março (3) ► Fevereiro (5) ► Janeiro (5) ► 2010 (58) ► Dezembro (2) ► Novembro (7) ► Outubro (5) ► Setembro (3) ► Agosto (3) ► Julho (4) ► Junho (4) ► Maio (2) ► Abril (4) ► Março (6) ► Fevereiro (9) ► Janeiro (9) ► 2009 (62) ► Dezembro (18) ► Novembro (9) ► Outubro (5) ► Setembro (9) ► Agosto (5) ► Julho (4) ► Junho (2) ► Maio (2) ► Abril (2) ► Março (2) ► Fevereiro (3) ► Janeiro (1) ► 2008 (14) ► Dezembro (1) ► Outubro (1) ► Setembro (4) ► Agosto (4) ► Julho (2) ► Abril (2) ► 2007 (25) ► Setembro (4) ► Agosto (7) ► Julho (14) Marcadores 'filho único' (2) aborto (3) acidificação (4) acordo de Paris (26) África (4) agricultura (11) agronegócio (30) água doce (8) Al Gore (21) alarmismo (89) Alaska (1) Alemanha (5) alimentação (4) alimentos alternativos (10) Allegre (1) Alter do Chão (1) Amazônia (28) ambientalismo (36) ambientalistas (17) Amerexit (1) anarquismo (1) Antártica (18) anti-humanismo (4) antroposofia (2) apocalipse (16) aquecimento global (171) aquífero (5) Arábia Saudita (1) Argentina (3) arrefecimento global (5) arroz dourado (1) Ártico (12) assentamento (1) astrofísica (3) ateismo (1) ateísmo (1) ativistas (3) Austrália (5) autoridade política mundial (2) Ban Ki Moon (1) Bangladesh (1) barragens (1) Belo Monte (5) Betto (1) Bíblia (1) Big Brother (1) biodiesel (1) biodiversidade (6) bioma (1) Bjorn Lomborg (3) Blairo Maggi (1) Bob Carter (1) Bob Watson (1) Boff (5) Bolívia (1) Brasil (69) buraco de ozônio (6) Campanha da Fraternidade (7) Canadá (1) Canal do Boi (2) Cancún (4) capitalismo (5) capivara (1) Cáritas Internacioinal (3) Carlos Cerri (1) carvão (2) Casey (1) catastrofismo (22) celibato (1) CFCs (1) Chile (1) China (18) Christiana Figueres (3) ciência (8) CIMI (12) civilizações perdidas (2) clima (12) Climagate (24) Climategate (30) Clube de Roma (2) CNBB (10) CO2 (60) Código Florestal (17) Colômbia (1) comunismo (11) Conservation International (1) consumismo (3) consumo (1) contrafação (1) controle da natalidade (16) COP-16 (3) COP21 (22) COP22 (2) Copenhague (28) Courtillot (1) CPI (3) CPI do CIMI (3) CPT (1) créditos de carbono (1) Criação (1) criacionismo (1) Cuba (2) Cúpula dos Povos (1) D. Claudio Hummes (1) D.Odilio (1) Darwin (1) Denis Lerrer Rosenfield (2) derretimento (1) desenvolvimento sustentável (6) deserto (5) desmatamento (14) desmentidos científicos (13) Dia da Terra (1) dia da ultrapassagem (1) Dieselgate (1) Dilma Rousseff (7) direitos da terra (1) direitos das plantas (1) direitos dos animais (16) direitos humanos (4) dirigismo (1) Dom Bertrand (8) Earth Liberation Front (2) ECO-92 (7) eco-terrorismo (4) ecologia (1) ecologismo (3) economia verde (4) ecosofia (1) ecossistema (4) efeito estufa (2) energias alternativas (17) Eoceno (3) eólica (3) Ernst Haeckel (2) esoterismo (2) espaço (1) Espanha (1) espécies protegidas (13) EUA (24) Europa (3) eutanásia (1) Evaristo de Miranda (8) Evo Morales (2) evolucionismo (3) exageros (29) fake news (1) família (1) fanatismo (5) FAO (4) Fiat Lux (1) Fidel Castro (3) Filipinas (1) floresta tropical (1) florestas (1) fome (5) Fome Zero (1) fracking (15) França (8) Francisco I (16) François Hollande (2) fraturamento (9) fraudes (9) Frente de Libertação Animal (4) Friends of Earth (6) Fukushima (1) Funai (3) Fundo Climático Verde (3) furacões (1) Gaia (8) Galam (1) gás de xisto (17) gás metano (3) gases do efeito estufa (3) glaciares (4) Global Overshoot Day (1) governança mundial (3) Grã-Bretanha (2) Greenpeace (17) Groenlândia (5) Guaraní (1) Gustavo Baptista (3) Hansen (2) Himalaia (3) história da ecologia (11) HIV (1) Holanda (1) Ian Plimer (3) Ibama (1) Ibase (1) idade do gelo (3) Igreja Católica (6) Incra (1) Índia (3) indigenismo (1) índio (7) Inhofe (1) inquisição anti-científica (3) insalubridade (1) Instituo Socioambiental (1) intelligent design (1) intoxicação alimentar (2) IPCC (40) IPCO (10) ivanpah (1) Ivar Giaever (1) Japão (1) javali (2) John Coleman (1) John Kerry (1) José Carlos Almeida de Azevedo (7) José Graziano (2) justiça climática (2) Kyoto (6) lâmpada fluorescente (1) Laudato Si' (21) Lenine (2) Lew Rockwell (4) libertação animal (8) licença ambiental (1) lobo (2) Lord Monckton (4) Lovelock (7) Lula (6) M (1) Maldivas (1) malthusianismo (4) mares (9) Mata Atlântica (1) Mato Grosso do Sul (3) meio ambiente (4) Met Office (5) metamorfose do comunismo (5) Michaels (1) mídia (3) mínimo solar (1) miserabilismo (4) MIT (3) mitos (21) modelos computacionais (2) Molion (18) MST (8) mudança climática (27) NASA (4) Natal (1) nazismo (1) neo-marxismo (13) neo-religião (6) nevascas (1) Nils-Axel Mörner (1) NOAA (1) Notre-Dame-des-Landes (1) nova-URSS (2) nuclear (4) Obama (13) oceanos (4) OGM (4) ONG (8) ONGs (5) ONU (16) OPEP (1) Oxfam (1) panteísmo (5) Parente (2) Patagônia (1) Patrick Moore (2) Paul Ehrlich (4) Paz no Campo (1) pecuária (4) Pequena Idade de Gelo (1) Período Quente Medieval (1) PETA (2) petróleo (3) Phil Jones (4) Piers Corbyn (1) PNDH-3 (1) Pnuma (1) pobreza (5) Polônia (2) polos (1) poluição (14) população (4) Portugal (1) primitivismo (1) progesso (2) Psicose ambientalista (6) PT (2) Putin (3) queimadas (1) quilombolas (1) Rajendra Pachauri (9) Raposa/Serra do Sol (5) realismo (3) reforma agrária (12) Reich (1) religião (13) REPAM (1) República Tcheca (1) república universal (1) reserva ecológica (3) reserva indígena (7) resfriamento global (10) Ricardo Felício (4) Richard S. Lindzen (4) Rio+20 (23) Roraima (3) Royal Society (2) Rudolf Steiner (4) Rússia (3) Sánchez Sorondo (1) saúde (2) seca (3) Semana sem carne (1) Sínodo Pan-Amazônico (2) soberania (5) socialismo (8) Stephen Hawking (1) superstição (2) sustentabilidade (5) tecnologia (1) Teilhard de Chardin (1) tempestades tropicais (1) Teologia da Libertação (8) Teosofia (4) totalitarismo verde (4) transgênicos (3) tribalismo (8) Trump (5) tubarão (1) Tuvalu (1) Ucrânia (1) UE (1) União Europeia (12) União Soviética (1) unidades de conservação (1) Václav Klaus (1) Vaticano (6) veganismo (1) vegetarianismo (4) Voice of the Family (1) vulcão (1) Worldwatch (1) WWF (9) Xico Graziano (2) Yvo de Boer (1) Zimbábue (1) Minha lista de blogs Nobility and Analogous Traditional Elites January 9 – Blessed Tommaso Reggio Há 4 minutos GPS do Agronegócio E ainda há gente culpando os produtores rurais! Há 11 horas Contos e lendas da Era Medieval A Ponte do Diabo de Thueyts Há 23 horas Catedrais Medievais O ódio ao gótico é ódio à Igreja Católica Há 4 dias Ciência confirma a Igreja Os nomes do Zodíaco: indício da união inicial dos homens e de sua posterior dispersão? Há 6 dias Orações e milagres medievais O que falavam a mula e o boi há dois mil anos – Conto de Natal Há uma semana Blog da Família A multiforme inspiração do Espírito Santo nos panetones e bolos de Natal Há uma semana Heróis medievais Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas As Cruzadas Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Pesadelo chinês Feliz Natal e bom Ano Novo 2018! Há 2 semanas Jóias e símbolos medievais Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Idade Média Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas O que está acontecendo na América Latina? Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas A cidade medieval Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Idade Média * Glória da Idade Média Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Valores inegociáveis Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Luz de Cristo x trevas da irracionalidade Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Flagelo russo Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas A Aparição de La Salette e suas Profecias Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Luzes de Esperança Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Lourdes e suas aparições Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Castelos medievais Santo Natal e Feliz Ano Novo 2018! Há 2 semanas Radar da mídia “Pray for Barcelona!” Há 4 meses Sou conservador sim, e daí? Ideologia de Gênero na prática: saia para homens Há 2 anos Frases e pesamentos de Plinio Corrêa de Oliveira, O Cruzado do Século XX Caridade, combatividade e argúcia Há 2 anos



http://blog.avanzzo.com.br/category/clipping/
  Clipping – AVANZZO Skip to content Home Moda Beleza Gastronomia Lifestyle open menu Viagem Decoração Clipping Voltar para o Site open menu AVANZZO Moda & Estilo Categoria: Clipping Avanzzo na Mídia Matéria no site Lilian Lemos Matéria no site Lilian Lemos Published 31 de agosto de 2017 Na última segunda-feira, dia 28, as peças da nova coleção “Ritmos de Verão” foram os temas da matéria recheada de ... Decoração Clipping Voltar para o Site open menu AVANZZO Moda & Estilo Categoria: Clipping Avanzzo na Mídia ... a Avanzzo se faz presente na mídia, agora na edição de agosto de 2017 da Revista Manequim, que traz como capa a… Continue Reading Matéria na Revista Manequim Comments closed AVANZZO NA MÍDIA | Publicação na Revista Quem AVANZZO NA MÍDIA | Publicação na Revista Quem Published 28 de julho de 2017 A Avanzzo ... modelo Agatha… Continue Reading AVANZZO NA MÍDIA | Publicação na Revista Quem Comments closed Avanzzo CACHE

Clipping – AVANZZO Skip to content Home Moda Beleza Gastronomia Lifestyle open menu Viagem Decoração Clipping Voltar para o Site open menu AVANZZO Moda & Estilo Categoria: Clipping Avanzzo na Mídia Matéria no site Lilian Lemos Matéria no site Lilian Lemos Published 31 de agosto de 2017 Na última segunda-feira, dia 28, as peças da nova coleção “Ritmos de Verão” foram os temas da matéria recheada de dicas e inspirações no site… Continue Reading Matéria no site Lilian Lemos Comments closed Matéria na Revista Manequim Matéria na Revista Manequim Published 25 de agosto de 2017 Mais uma vez a Avanzzo se faz presente na mídia, agora na edição de agosto de 2017 da Revista Manequim, que traz como capa a… Continue Reading Matéria na Revista Manequim Comments closed AVANZZO NA MÍDIA | Publicação na Revista Quem AVANZZO NA MÍDIA | Publicação na Revista Quem Published 28 de julho de 2017 A Avanzzo está presente na edição do dia 21 de julho de 2017 da revista Quem, que traz como capa a atriz e modelo Agatha… Continue Reading AVANZZO NA MÍDIA | Publicação na Revista Quem Comments closed Avanzzo na Mídia Avanzzo na Mídia Published 18 de novembro de 2016 Publicações Avanzzo nas revistas Estilo e Manequim. A Avanzzo está presente na edição do mês de Novembro da revista Estilo que traz como capa, a blogueira Thassia Naves. A revista… Continue Reading Avanzzo na Mídia Comments closed AVANZZO NA MÍDIA | Matéria na Revista Cosmopolitan AVANZZO NA MÍDIA | Matéria na Revista Cosmopolitan Published 11 de outubro de 2016 Na edição do mês de Outubro, a Revista Cosmopolitan traz como capa a atriz Fernanda Souza, divertida, ousada e muito feminina, assim como a é… Continue Reading AVANZZO NA MÍDIA | Matéria na Revista Cosmopolitan Comments closed AVANZZO NA MÍDIA | Matéria no site Amanda Miller AVANZZO NA MÍDIA | Matéria no site Amanda Miller Published 10 de junho de 2016 A publicitária e cool hunter brasiliense Amanda Miller participou recentemente do terceiro workshop que estamos trazendo para Brasília, em parceria com o Instituto Rio Moda, e compartilhou um… Continue Reading AVANZZO NA MÍDIA | Matéria no site Amanda Miller Comments closed AVANZZO NA MÍDIA | Matéria no site da Abit · Têxtil e confecções. AVANZZO NA MÍDIA | Matéria no site da Abit · Têxtil e confecções. Published 3 de junho de 2016 Estamos muito felizes pela nota sobre a Avanzzo no site da ABIT, Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção. Disponibilizamos a matéria na íntegra… Continue Reading AVANZZO NA MÍDIA | Matéria no site da Abit · Têxtil e confecções. Comments closed Avanzzo na Mídia Avanzzo na Mídia Published 30 de dezembro de 2015 Mais uma vez a Avanzzo na mídia, na revista Cosmopolitan de Dezembro, que traz na capa a belíssima Giovanna Antonelli, que está fazendo o maior… Continue Reading Avanzzo na Mídia Comments closed Avanzzo na Mídia Avanzzo na Mídia Published 4 de novembro de 2015 Mais da Avanzzo na mídia, dessa vez em editoriais e produções lindas na edição de outubro da revista Máxima. A revista traz em sua… Continue Reading Avanzzo na Mídia Comments closed Navegação por posts 1 2 Next Chosen WordPress Theme by Compete Themes.



http://www.worktimizer.net
  10 mídia | Agência O QUE FAZEMOS SOBRE NÓS CONTATO COMECE AQUI Bem-vindo a 10 mídia Aproximamos marcas e consumidores Procuramos maior engajamento e resultados eficientes Trabalhamos no mundo on-line e no mundo off-line Somos agência do maior anunciante em mídia digital no Brasil Com foco no gerenciamento e otimização de campanhas O QUE FAZEMOS Somos uma agência full-service que oferece serviços de ... 10 mídia | Agência O QUE FAZEMOS SOBRE NÓS CONTATO COMECE AQUI Bem-vindo a 10 mídia Aproximamos ... on-line e no mundo off-line Somos agência do maior anunciante em mídia digital no Brasil Com foco ... de atendimento, planejamento, pesquisa, mídia, criação e produção no Brasil. ATENDIMENTO ... nossa agência. more PESQUISA Pesquisar é muito mais do que perguntar. more MÍDIA Administrar com ... a nossa prioridade. more CRIAÇÃO Na 10 mídia cada cliente é único e cada job um desafio. more PRODUÇÃO CACHE

10 mídia | Agência O QUE FAZEMOS SOBRE NÓS CONTATO COMECE AQUI Bem-vindo a 10 mídia Aproximamos marcas e consumidores Procuramos maior engajamento e resultados eficientes Trabalhamos no mundo on-line e no mundo off-line Somos agência do maior anunciante em mídia digital no Brasil Com foco no gerenciamento e otimização de campanhas O QUE FAZEMOS Somos uma agência full-service que oferece serviços de atendimento, planejamento, pesquisa, mídia, criação e produção no Brasil. ATENDIMENTO Trabalhamos com direções claras, processos eficientes e decisões oportunas. more PLANEJAMENTO É o cérebro da nossa agência. more PESQUISA Pesquisar é muito mais do que perguntar. more MÍDIA Administrar com eficiência os orçamentos de cada cliente e buscar os melhores meios e veículos de comunicação são a nossa prioridade. more CRIAÇÃO Na 10 mídia cada cliente é único e cada job um desafio. more PRODUÇÃO Fazemos acontecer. Isso. more SOBRE NÓS 10 MÍDIA A 10 mídia é uma agência que oferece serviços de atendimento, planejamento, criação, produção e mídia no Brasil. Somos uma agência centrada em oferecer o melhor serviço possível aos nossos clientes. Entendemos que a única forma de gerar uma relação a longo prazo, é construir uma parceria baseada nos seus objetivos e trabalhar em conjunto para alcança-los. Por isso, a 10 mídia foca em valorizar o business de cada cliente: nossas propostas estratégicas são totalmente orientadas a geração de valor, ao posicionamento, criando conceitos através da produção de peças publicitárias e implementando campanhas de sucesso. Nossos serviços de mídia de multicanal abrangem da mídia digital à mídia exterior e incluem uma rede própria de anúncios, divisões de mídia móvel e social e a melhor integração com plataforma de terceiros. Esses serviços de mídia são complementados por nossos serviços empresariais, que trazem nossa visão e conhecimento de mercado para ajudar a superar os desafios operacionais exclusivos da região. #01 Nossos serviços de mídia são multiplataforma e multicanal. #02 Trabalhamos com a mesma desenvoltura em serviços digitais on-line, off-line e de mídia exterior. #03 Planejamos experiências de marca especiais e impulsionamos o marketing de desempenho. #04 Nossas equipes dedicadas a mídias sociais e mídias móveis foram criadas para atender às necessidades específicas do Brasil e da América Latina nessas áreas. #05 Gerenciamos tanto a compra quanto a representação de mídia, mas mantemos as duas coisas extremamente independentes uma da outra – uma divisão investe e implementa verba em diferentes tipos de mídia, enquanto a outra trabalha com comercialização e monetização de produtos específicos de publicidade. #06 Conforme a mídia evolui, continuamos na vanguarda fazendo parcerias com as principais plataformas de terceiros para integrar a compra programática, os dados cada vez mais aprimorados de segmentação d